Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Look up keyword
Like this
1Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Poemas de Agostinho Neto

Poemas de Agostinho Neto

Ratings: (0)|Views: 12|Likes:
Published by Orlando Brandão

More info:

Published by: Orlando Brandão on Jun 25, 2012
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOCX, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

12/03/2014

pdf

text

original

 
 Quitandeira
 Agostinho Neto
 A quitanda.Muito sole a quitandeira à sombrada mulemba.- Laranja, minha senhora,laranjinha boa! A luz brinca na cidadeo seu quente jogode claros e escurosase a vida brincaem corações aflitoso jogo da cabra-cega.
 
  A quitandeiraque vende fruta vende-se.- Minha senhoralaranja, laranjinha boa!Compra laranja docescompra-me também o amargodesta torturada vida sem vida.Compra-me a infância do espíritoeste botão de rosaque não abriuprincípio impelido ainda para um início.Laranja, minha senhora!Esgotaram-se os sorrisoscom que choravaeu já não choro.E aí vão as minhas esperançascomo foi o sangue dos meus filhosamassado no pó das estradasenterrado nas roçase o meu suorembebido nos fios de algodãoque me cobrem.
 
 Como o esforço foi oferecidoà segurança das máquinasà beleza das ruas asfaltadasde prédios de vários andaresà comodidade de senhores ricosà alegria dispersa por cidadese eume fui confundindocom os próprios problemas da existência. Aí vão as laranjascomo eu me ofereci ao álcoolpara me anestesiare me entreguei às religiõespara me insensibilizare me atordoei para viver. Tudo tenho dado. Até mesmo a minha dore a poesia dos meus seios nusentreguei-as aos poetas. Agora vendo-me eu própria.- Compra laranjasminha senhora!Leva-me para as quitandas da Vidao meu preço é único:- sangue.

You're Reading a Free Preview

Download
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->