Welcome to Scribd. Sign in or start your free trial to enjoy unlimited e-books, audiobooks & documents.Find out more
Download
Standard view
Full view
of .
Look up keyword
Like this
1Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
ZZ_Resenha CoraçãoCabeça e Estomago

ZZ_Resenha CoraçãoCabeça e Estomago

Ratings: (0)|Views: 6|Likes:
Published by Nicholas Sana
Resenha de Coração, Cabeça e Estomago de Camilo Castelo Branco
Resenha de Coração, Cabeça e Estomago de Camilo Castelo Branco

More info:

Categories:Types, Reviews, Book
Published by: Nicholas Sana on Jul 06, 2012
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

10/09/2013

pdf

text

original

 
*Bolsista do projeto de extensão
Cine Campus
, ligado ao departamento de literatura da UNESP e aluno regularmentematriculado no curso de Graduação em Letras da mesma instituição - Araraquara
 –
SP. nicholas.sana@uol.com.br
O CORAÇÃO DE CAMILO
Nicholas H. SANA*CASTELO BRANCO, Camilo;
Coração, cabeça e estômago.
2 ed. Lisboa. 1862. Domínio publico. 63 p.
“Quando a vida se torna a obra, a obra se torna a vida.”
 Michel FoucaultO Romance como expressão artística nasce da vontade do artista em querer retratar o mundo, demonstraratravés de palavras tudo o que pode expressar de uma sociedade, de uma personalidade, de um lugar e entre tudoisso ainda, de uma vida - que pode ser a sua ou não. De fato, a vida como tópico no processo de criação pode aindacarregar em gênero/numero/caso todas as características de que possa imaginar o artista para realizar o seu intentoe fazer sua arte. A subjetividade é latente, e manifesta-se na obra literária tanto quanto nas plásticas ou visuais e dediversas formas, mas sempre carregando uma parte da essência do artista, do momento que ele concebe a ideia daobra, está já é uma parte da obra pronta, acabada.Para Foucault, deveríamos criar a nossa vida como obra de arte e então não poderíamos segui-la com a ideiade que enquanto pessoa, somos ou estamos formados, e sim que precisamos nos criar
 –
pensar o que não estávisível - Camilo Castelo Branco, de vida difícil no sentido que remete as suas paixões, viveu rente a uma realidade(romântica) e que exprimiu em suas obras, a forma passional/impulsiva e que aqui não se refere somente ao desejara todo custo o bem amado, mas também ao que disso resulta, o sofrimento, a tragédia, é transportado por elecomo matéria para dentro de seus textos. É um artista da mais alta estirpe, que consegue permear não somente ascaracterísticas do período, como também através da satiriza, demonstrar as nuances da vida, que leva o leitor
“através de
peripécias melodramáticas
” (
PAVANELO, 2009 p. 106) a refletir sobre a própria vida.
Coração, cabeça e estômago
, um romance que de romântico não podemos esperar se não acontextualização da obra com o período, e que é apresentado inicialmente como sendo uma autobiografia, dealguém que morreu e deixa seus manuscritos, que serão recebidos como herança por um amigo e que se torna
editor
da obra, publicando o texto, fazendo assim um culto a memoria do falecido, sem pretensão de lucro, masque espera do amigo morto, que venha agradecer pelo que tem feito a ele. Esse artífice de atribuir uma veracidadeao que se propõem, além de atrair a atenção do publico, o liberta de qualquer pudor para desenvolver a história, jáque a o que se conta teria sido escrito por outrem, Camilo aproveita para desenvolver o raciocínio através de suaspróprias experiências, o que de fato, acaba dando verossimilhança à história narrada.Romance satírico este, que nasce depois de um sucesso em seu trabalho anterior,
 Amor de perdição
e quediferente do que fizera neste - um romance passional
 –
 
faz uma “
desconstrução
usando de modelo semelhantequanto forma, contudo monta sua história como uma sátira sutil e que não fica crassa ao leitor que gosta doromance típico, está mais para uma critica aos romances românticos, que seria o lugar onde encontraríamos apersonificação da essência humana, além neste caso, a do próprio escritor.O titulo da obra
 –
composto por 3 palavras
 –
representa também a divisão temática no texto, na primeira
 –
 Coração
 –
estão expressas as paixões do seu autor através das mazelas por ele sofrida quando tentava buscar a(s)amada(s), fluindo por eventos com 7 mulheres diferentes, além daquelas que seriam a mulher mais desprezada e amais respeitada. O numeral aparece com um signo cabalístico refletindo inclusive em momentos de reflexão doprotagonista e voltando a aparecer em vários momentos da obra. Tem-se expressa nessa parte uma essência dohomem romântico e que através disso vive repleto de duvidas, que permeiam até mesmo a sua aparência física:

You're Reading a Free Preview

Download
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->