Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more ➡
Download
Standard view
Full view
of .
Add note
Save to My Library
Sync to mobile
Look up keyword or section
Like this
4Activity
×
P. 1
Diagnóstico social de Manso

Diagnóstico social de Manso

Ratings: (0)|Views: 1,134|Likes:
Published by Ibase Na Rede

More info:

Published by: Ibase Na Rede on Jul 10, 2012
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See More
See less

02/01/2014

pdf

text

original

 
Diagnóstico Social Aproveitamento Múltiplo de Manso
 — outubro de 2007
1
 
DIAGNÓSTICO SOCIAL
Aproveitamento Múltiplo de
MANSO - APM
Instituto Brasileiro de Análises Sociais e Econômicas
Avenida Rio Branco, 124, 8º andar, CentroCEP: 20040-916 Rio de Janeiro / RJTel.: (21) 2509 0660 Fax: (21) 3852 3517E.mail: ibase@ibase.brRealização:
Instituto Brasileiro de Análises Sociais e Econômicas / IBASE,FURNAS Centrais Elétricas SA e COEP (Comitê de Entidades noCombate à Fome e pela Vida)
Coordenação:
Itamar Silva
Equipe Técnica:
Nahyda Franca, Rita Brandão
Redação:
Equipe Técnica
Trabalho de Campo / Entrevistas:
Laureni Luciano
Colaboradores:
Jane Aparecida Coutinho (Araçatiba) e Wallace da Conceição(Retiro)
Edição e Revisão:
Nahyda Franca
Projeto gráfico, diagramação e Capa:
Beto Tameirão
Apoio:
FURNAS Centrais Elétricas SA
 
Diagnóstico Social Aproveitamento Múltiplo de Manso
 — outubro de 2007
2
APRESENTAÇÃOI - IntroduçãoII - Contextualização do Território
 
A Chapada dos Guimarães e a Baixada Cuiabana
LocalizaçãoAspectos históricosO Parque NacionalEconomia da RegiãoAspectos DemográficosA Ocupação do TerritórioExpectativas da População da ChapadaRetrospectiva dos Principais Acontecimentos na Área do APM-MANSO
III - AS TRÊS COMUNIDADES OBJETO DO TRABALHO
João CarroMamede RoderPA QuilomboAspectos comuns às três comunidadesde Familias e sistema de produçãoa regularização fundiáriaas moradiasa infra-estrutura e os serviçosenergia elétricatransporte escolareducaçãosaúdeorganização comunitáriaigrejasa geração de trabalho e renda
IV– OBSERVAÇÕES DIAGNÓSTICAS PRELIMINARES
A perda das referênciasA perda da unidade de manejo e as condições da unidade produtivaO exercício dos sonhosPotencialidades do território
V –CONSIDERAÇÕES FINAIS
Próximos passosPrioridades identificadas na primeira etapa
VI– FONTES CONSULTADASVII – ANEXOS
Calendário do Histórico do APM-MansoQuadro Síntese das Críticas / Problemas / SugestõesInstituições citadas na Dinâmica do Diagrama de BolasDescrição das técnicas utilizadas nas três localidades
 
SUMÁRIO:
 
Diagnóstico Social Aproveitamento Múltiplo de Manso
 — outubro de 2007
3
 
APRESENTAÇÃO
A construção de um Diagnóstico Social Participativo na região doAPM-Manso insere-se a partir da proposta de FURNAS, Instituto Bra-sileiro de Análises Sociais e Econômicas – IBASE e o Comitê de Enti-dades no Combate à Fome e pela Vida – COEP, de criar um
Núcleo de Integração Comunitária 
na região, com o objetivo de promover odesenvolvimento das comunidades situadas no entorno do APMManso, tendo como princípio básico a integração e dinamizaçãodas relações entre indivíduos, grupos comunitários, poderes públi-cos e agentes locais.A consolidação deste
Núcleo 
prevê a construção conjunta de umPlano de Ação para as três comunidades selecionadas – João Carro,Mamede Roder e PA Quilombo - com previsão de implantação deum Projeto de Referência. Assim, torna-se possível a instalação deum processo transformador que agregue conhecimento, qualidadee autonomia ao desenvolvimento comunitário. A metodologia ado-tada baseia-se na constituição de fóruns de integração como instân-cias da sociedade civil capazes de planejar e definir as etapas doprocesso de desenvolvimento local.Como primeiro passo para a construção de um documento preli-minar a equipe do IBASE procedeu ao exame dos documentosdisponibilizados por FURNAS e pela
Empresa Estadual de Assistência Técnica e Extensão Rural  /  /  /  / EMPAER/MT,
para melhor conhecer a ques-tão e fatos ocorridos após a construção do APM Manso com o obje-tivo de propor estratégias para a realização de encontros com apopulação moradora que já concorressem para a construção doDiagnóstico Social Participativo.As reuniões com a área de responsabilidade social da empresa ea primeira visita à região do APM-Manso (01 a 04/05/2007), inclu-sive com conversas junto às lideranças do
Movimento de Atingidos por Barragem / MAB/MT 
e técnicos de FURNAS, subsidiaram a equi-pe do IBASE com informações complementares relevantes. Estes pro-cedimentos iniciais permitiram definir os objetivos do trabalho nestaprimeira etapa e escolher algumas técnicas da metodologia do DRP- Diagnóstico Rápido Participativo - uma prática social muito utiliza-da em áreas rurais no Brasil e ao nível internacional, para apoiar otrabalho junto às comunidades.Decidiu-se aplicar nos encontros com a população moradora dascomunidades as seguintes dinâmicas
1
:- mapa falado- linha do tempo/calendário- diagrama de bolas (ou diagrama de Venn), para conhecer asinstituições locais e a percepção dos assentados em relação aelas;- oficina de futuro (críticas, utopias e realidade).A ida a campo para cumprir esta primeira etapa deu-se em doismomentos. No período entre 25 e 29/06/2007, quando foram rea-lizadas três reuniões setoriais, uma por localidade, em João Carro,Mamede Roder e PA Quilombo e uma reunião conjunta também em
1- A descrição de como aplicar as técnicas encontra-se na parte dos anexos 

Activity (4)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 thousand reads
1 hundred reads
bugdi liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->