Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more ➡
Download
Standard view
Full view
of .
Add note
Save to My Library
Sync to mobile
Look up keyword
Like this
5Activity
×
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Artigo Dívida Pública

Artigo Dívida Pública

Ratings: (0)|Views: 1,525|Likes:

More info:

Published by: Orlando Penicela Júnior on Jul 11, 2012
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See More
See less

10/04/2013

pdf

text

original

 
 
Por Orlando José Penicela Júnior.EVOLUÇÃO E SUSTENTABILIDADE DA DÍVIDA PÚBLICA MOÇAMBICANA 
Maputo, Fevereiro de 2012
 
I.
 
INTRODUÇÃO
 O exercício pelo Estado das suas três tradicionais funções fiscais de
afectação,redistribuição
e
estabilização
(Musgrave & Musgrave, 1989), pressupõem que esse Estadodisponha de recursos na quantidade e tempo desejados para o efeito. Daí que, o Estadorecorre a diversas formas de financiamento, dentre as quais, podemos destacar asreceitas fiscais, os donativos e a Dívida pública.Em Moçambique, não obstante o significativo volume de capitais externos em donativos(Apoio directo ao Orçamento), a incipiente base fiscal da economia tem contribuído deforma inevitável para o registo de recorrentes déficits orçamentais nas contas públicas.Este cenário, obriga o Estado a recorrer a formas alternativas de financiamento,destacando-se entre elas a dívida pública.Neste artigo, pretende-se abordar a evolução da Dívida pública moçambicana,analisando os desafios e as reais possibilidades de sustentabilidade dessa viafinanciamento do Estado a médio e longo prazos. O objectivo é fundamentalmente decompreender as implicações do recurso a dívida como via de financiamento da despesapública.Aliás, a manutenção de níveis de dívida pública sustentáveis, constitui um dos grandesobjectivos da política nacional de endividamento (MF, 2008), facto que justifica apertinência do presente estudo.
II.
 
Problema
As pressões de um contexto internacional de crise e incerteza, vêm nos últimos anosatiçando o debate em torno da questão do financiamento de um Estado játradicionalmente deficitário como Moçambique. Se considerarmos a hipótese de osdoadores ora em crise, reverem o seu volume ajuda ao país, a fiabilidade do jáquestionado mecanismo de financiamento externo (Apoio Directo ao Orçamento), podeser posto a prova.Curiosamente, o sombrio cenário de crise internacional, aparece num momento em queMoçambique depara-se com uma sede de financiamento sem precedentes, com vista a
 
3
responder as necessidades de investimento decorrentes da exploração do seu potencialmineral-energético.Afinal de contas, o Estado está pressionado a investir massivamente sobretudo eminfra-estruturas por forma a gerar um efeito
crowding-in
sobre o crescente investimentoprivado.Para a dimensão dos investimentos que se exigem ao Estado moçambicano, com um baixo nível de receitas fiscais e de poupanças internas (Osman, 2010), poucasalternativas de financiamento se impõem como tão óbvias tanto quanto a dívidapública.Entretanto, a mobilização de recursos pelo Estado através do endividamento públicoapresenta duas “faces”. O financiamento do Estado com recurso à dívida poderapidamente resultar em crise fiscal, ou pode ser um complemento útil dofinanciamento público, dependendo da magnitude relativa da dívida, do seu peso nototal da despesa pública, das suas condições comerciais (período de pagamento e taxasde juro), da relativa estabilidade dos mercados de capitais e da estratégia e prática deutilização da dívida (Castel-Branco, 2011). Portanto, todas estas variáveis afectamdirectamente a sustentabilidade da dívida pública do Estado.Ora, face a este quadro todo, a pergunta de fundo que emerge é:
em que medida orecurso a dívida pública pode ser uma alternativa viável e racional de financiamentoda despesa pública moçambicana?III.
 
ENQUADRAMENTO CONCEPTUAL
De acordo com o GMD (2004), dívida é uma promessa de pagamento futuro dedeterminada quantia emprestada, acrescida de respectivos juros.A dívida pública é a dívida de um determinado Estado. Como qualquer dívida, é um(conjunto de) compromisso(s) financeiro(s), vencível(is) em dado(s) prazo(s).

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->