4

Estrofes
VÉSPERAS I
Hino
_
¸
A
V
,
¸
RÃO
,
¸
- per
,

¸
fei
,
¸
- toes
,
¸
- co - lhi
,
¸
,
- do
,
- Pa
,
¸
raes
,
¸
- po
,

¸
- so
,
¸
- vir
,
¸
gi - nal
,
¸
,
-
_
¸
De
, ¸
,
Ma
,
,
ri
,

¸
- a
,
¸
- con
,

¸
ce
,
¸
- bi - da
,

, ,
- Sem
,
¸
pe
,
¸
ca
,

¸
- doo
,
¸
- ri
,

¸
- gi - nal.
,
¸
,
-
Refrão
_
¸
A P TRO
,
¸
,
,
,
- NO
,
,
,
,
- da
,
¸
,
¸
,
,
San
,
¸
,
,
taI - gre
,
¸
,

,
,
,
- ja,
,
,
,
,
- Pro te
,
¸
,
,
,
,
- ge_a -
,
¸
,
,
_
¸
con
,
¸
,
,
traos
,
¸
,
,
- pe
¸
ri
,
¸
,
,
,
,
- gos,
,
,
- Co moou
,
¸
,
,
,
- tro
¸
,
,
,
,
- ra
,
¸
,
¸
,
,
- de
,
¸
,
,
fen -
,
¸
,
,
-
_
¸
des
,

,
te
,
, ¸
,
,
- Je sus
,
¸
,
,
,
- de
,
,
,
,
seus
,
¸
,
¸
,
,
i
,
¸
,
,
ni
¸
- mi
,
¸
,
,
,
,
- gos,
,,
- Co
,
¸
,
,
-
_
¸
moou
,
,
tro - ra
,
¸
,
¸
,
,
,
,
- de
,
¸
,
,
fen - des
,
¸
,

,
,
- te
,
,
,
,
,
- - Je
,
¸
,
,
-
_
¸
sus
,
,
de seus
,
¸
,
¸
,
,
,
,
i
Mereceste ter nos braços
Quem criou a terra e os céus;
Chamavas filho a quem era
O próprio Filho de Deus.
,
¸
,
,
ni - mi
,
¸
,
,
,
- gos.
,

,
,
,
,
-
,
,
5
São José, Esposo da Virgem Santa Maria
Salmodia
ANT. 1
_
,
,
A
J
-COB
,
¸
,
ge rou
Aquele que dá alimento
Às avezinhas do céu
Por ti foi alimentado
Do teu trabalho viveu.
A nós, a quem o pecado
Oculta a luz da verdade,
Ensina o caminho certo
Que nos leva à santidade.
E humildes, castos e fortes,
Como tu, servindo a Deus,
Cheguemos no fim da vida
À glória eterna dos Céus.
,
¸
,
¸
- a
,
¸
Jo sé,
,
¸
,
- 'Spo so
,
,
,
,
- de Ma
,
,
,
¸
ri
,
- a,
,
- da
,
,
_
,
,
qual nas
,
,
,
¸
ceu - Je
,
,
,
¸
sus.
,
-

,

-
(T.P. A le
,
¸
,
,
- lu
,
,
, ,
,
,
-
,
ia.
,
¸
,
,
- )
Salmo 112
_
,
,
Louvai,ser
¸
vos
,
¸
- do
,
¸
Se nhor,
,
¸
,
-
_
,
,
louvaiono
¸
Bendito seja o nome do Senhor, *
agora e para sempre.
Desde o nascer ao pôr do sol, *
seja louvado o nome do Senhor.
me
,
¸
- do
,
¸
Se nhor.
,
¸
,
-
6
Vésperas I
_
,
,
O
O Senhor domina sobre todos os povos, *
a sua glória está acima dos céus.
Quem se compara ao Senhor nosso Deus, *
que tem o seu trono nas alturas
e Se inclina lá do alto *
a olhar o céu e a terra?
Levanta do pó o indigente *
e tira o pobre da miséria,
para o fazer sentar com os grandes, *
com os grandes do seu povo,
e, no lar, transforma a estéril *
em ditosa mãe de família.
,
¸
AN
,
¸
JO
,
¸
- Ga
,
¸
bri - el
,
¸
,
- foi
,
¸
en
,
¸
vi
,
,
3
- a
,
,
- do
,
,
- por
,
¸
3
ANT. 2
_
,
,
Deus
,
à
,
¸
ci da
,
¸
,
- de
,
¸
- de
,
¸
Na
,
¸
za
,
¸
- ré,
,
¸
- na
,
¸
Ga
,
¸
li - lei
,
¸
,
- a,
,
-
_
,
,
,
¸
a
,
¸
u
,
¸
ma
,
¸
- Vir
,
¸
gem
,
¸
- des
,
¸
po - sa
,
¸
,
- da
,
- com
,
¸
um
,
,
_
,
,
ho
,
mem
,
¸
- cha ma
,
,
,
- do
,
¸
- Jo sé.
,
¸
,
-

,

- (T.P.A le
,
¸
,
,
- lu
,
,
,

,
,
-
,
,
,
ia.
,
¸
,
,
-
)
Salmo 145
_
,
,
Louva,minhaalma,
¸
o
,
¸
Se nhor,
,
¸
,
-
,
_
,
,
louvareioSenhortodaaminhavida,V
cantareiaomeuDeusenquan
¸
Não ponhais a confiança nos poderosos, *
no homem que nem a si se pode salvar.
Vai-se-lhe o espírito e volta ao pó da terra *
e assim ficam desfeitos os seus planos.
  to
,
¸
vi ver.
,
¸
,
-
,
7
São José, Esposo da Virgem Santa Maria
_
¸
A M
O Senhor dá liberdade aos cativos, *
o Senhor dá vista aos cegos.
O Senhor levanta os abatidos, *
o Senhor ama os justos.
O Senhor protege os peregrinos, *
ampara o órfão e a viúva, V
e entrava o caminho aos pecadores.
O Senhor reina eternamente, *
Sião, o teu Deus é rei por todas as gerações.
Feliz o que tem por auxílio o Deus de Jacob, *
o que põe sua confiança no Senhor seu Deus,
que fez o céu e a terra, *
o mar e quanto neles existe.
Eternamente fiel à sua palavra, *
faz justiça aos oprimidos V
e dá pão aos que têm fome.
,
RI
,
- A,
,
- Mãe
,
de
,
¸
Je sus,
,
¸
,
- es
,
¸
-
ANT. 3
_
¸
ta
,
¸
va
,
¸
- des
,
¸
po
,
¸
- sa
,
¸
- da
,
¸
- com
,
¸
Jo sé
,
¸
,
- e
,
¸
_
¸
an
,
¸
tes
,
¸
- de
,
¸
3
te
,
¸
rem
,
¸
- vi
,
¸
3
vi
,
¸
- doem
,
¸
- co mum,
,
¸
,
- e
,
¸
la
,
¸
-
3
_
¸
ti
,
,
nha
,
,
- con
,
¸
ce - bi
,
¸
,
- do
,
- por
,
¸
vir
,
¸
tu
,
,
- de
,
¸
- doEs
,
¸
3

,
¸
- ri
,
¸
- to -
,
¸
3
_
¸
San
,
to.
,
-

,

- (T.P.A le
,
¸
,
,
,
- lu
,
,
,
- ia.
,
,
,,
- )
8
Cântico Ef 1, 3-10
Vésperas I
_
¸
Bendito
¸
se
,
¸
ja - Deus,
,
¸
, ,
_
¸
PaideNossoSenhor
¸
Je
,
¸
sus - Cris
,
¸
,
to,
,
-
_
¸
quedoaltodoCéunos
¸
a
,
,
ben
,
¸
- ço - ou,
,
¸
,
-
,
LEITURA BREVE Col 3, 23-24
_
¸
comtodasasbênçãosespiri
Q
ualquer que seja o vosso trabalho, fazei-o de boa vontade, como
quem serve ao Senhor e não aos homens, certos de que recebereis
como recompensa a herança do Senhor. Servi a Cristo que é o
Senhor.
segundo o beneplácito que n' Ele de antemão estabelecera, *
para se realizar na plenitude dos tempos:
instaurar todas as coisas em Cristo, *
tudo o que há nos céus e na terra.
Ele nos escolheu antes da criação do mundo, *
para sermos santos e irrepreensíveis, V
em caridade, na sua presença.
Ele nos predestinou, de sua livre vontade, *
para sermos seus filhos adoptivos, por Jesus Cristo,
para que fosse enaltecida a glória da sua graça, *
com a qual nos favoreceu em seu amado Filho;
n' Ele temos a redenção, pelo seu Sangue, *
a remissão dos nossos pecados;
segundo a riqueza da sua graça, *
que Ele nos concedeu em abundância,
com plena sabedoria e inteligência, *
deu-nos a conhecer o mistério da sua vontade:
¸
tu
,
¸
- ais
,
¸
- em Cris
,
¸
,
to.
,
-
9
Vésperas I
Todos de pé.
À enunciação do Magnificat todos se benzem. (Cf. Cap. V nº 266 b) - IGLH)
Cântico Evangélico
RESPONSÓRIO BREVE
O justo crescerá como o lírio. (T. P.: Aleluia, Aleluia.)
O justo crescerá como o lírio. (T. P.: Aleluia, Aleluia.)
E florescerá para sempre na presença do Senhor.
(T. P.: Aleluia, Aleluia.)
Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo.
_
¸
S E
,
¸
,
,
TEé
,
,
- o
,
¸
,
¸
,
,
ho
,
¸
,
,
mem
,
¸
,
,
- fi
,
¸
,
,
3
3
el
,
¸
,
,
- e
,
¸
,
,
pru den
,
¸
,
,
,
,

- te
,
-
,
,
3
3
ANT.
_
¸
,
,
queo
,
¸
,
,
Se nhor
¸
,
¸
,
,
,
- pôs
,
¸
,
,
,
,
à
¸,
,
fren
,
¸
,
te
,
¸
,
,
,
,
- da
,
¸
,
,
su
,
¸
,
,
a -
,
¸
,
,
_
¸
ca
,
sa.
,
-

,
,
,
,
,
- (T.P. A le
,
¸
,
,
,
- lu
,
,
,
- ia.
,
-
,
,
,
- )
Lc 1, 46-55
_
¸
+ A
,
¸
mi nhaalmaglorifica
,
¸
¸
- o
,
¸
Se
,
¸
nhor, -
,

¸
,
_
¸
eomeuespíritosealegraemDeus,meu
Porque pôs os olhos na humildade da sua serva: *
de hoje em diante me chamarão bem-aventurada todas as gerações.
O Todo-Poderoso fez em mim maravilhas: *
Santo é o seu nome.
A sua misericórdia se estende de geração em geração *
sobre aqueles que O temem.
Manifestou o poder do seu braço *
e dispersou os soberbos.
¸
Sal
,
¸
va - dor.
,
¸
,
-
10
Pai santo, que revelastes ao justo José o mistério de Cristo,
oculto desde toda a eternidade,
– fazei-nos conhecer melhor o vosso Filho, Deus e homem.
Pai celeste, que alimentais as aves do céu e vestis a erva dos campos,
– dai a todos os homens o pão do corpo e da alma.
Criador de todas as coisas, que nos confiastes a obra das vossas mãos,
– fazei que os trabalhadores gozem dignamente o fruto do seu trabalho.
Deus de toda a justiça, que amais os homens justos,
– concedei-nos, por intercessão de São José, a graça de Vos
agradarmos em todas as coisas.
Concedei propício a vossa misericórdia aos moribundos e aos defuntos,
– por meio de vosso Filho, com Maria sua Mãe e São José.
Pai nosso
PRECES
S. José, Esposo da Virgem Santa Maria
ORAÇÃO
_
Painossoquees
D
EUS todo-poderoso, que na aurora dos novos tempos confiastes a
São José a guarda dos mistérios da salvação dos homens, concedei
à vossa Igreja, por sua intercessão, a graça de os conservar fielmente e
de os realizar plenamente. Por Nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho,
que é Deus convosco na unidade do Espírito Santo.
Invoquemos humildemente a Deus, fonte de toda a
paternidade nos céus e na terra, dizendo:
¸
Acolheu a Israel, seu servo, *
lembrado da sua misericórdia,
como tinha prometido a nossos pais, *
a Abraão e à sua descendência para sempre.
Derrubou os poderosos de seus tronos *
e exaltou os humildes.
Aos famintos encheu de bens *
e aos ricos despediu de mãos vazias.
taisnos
¸
- céus,
,
ou vi
,
,
,
- nos.
,
-
11
12
Ofício de Leitura
Estrofes (com leveza)
Hino
_
¸
S
E
,
¸
TEé
,
¸
- o
,
¸
ho
,
¸
mem - jus
,
¸
,
to,
,
¸
- Es
,
¸
con
,
¸
- di
,
¸
- doe
,
¸
- pru den
,
¸
,
-
te,
,
-
_
¸
,
¸
Ser
,
¸
vo
,
¸
- fi
,
¸
el
,
,
- de Deus,
, ¸
,
,
,
¸
Che
,
¸
fe
,
¸
- da
,
¸
su
,
¸
a - ca
,
¸
,
sa,
,
¸
- Ser
‹
,
¸
-
_
¸
vo
Diante do Senhor,
Junto à água corrente,
Cresceu como a palmeira,
Humilde e glorioso.
,
¸
fi
,
¸
el
,
¸
- de Deus,
Louvemos as virtudes,
Sigamos o exemplo
Do esposo de Maria,
Mãe do Filho de Deus.
,
¸
, ,
¸
Che fe
,
¸
,
¸
- da
Na vida de família,
No rigor do trabalho,
Soube encontrar a Deus
E manter-Se a seu lado.
,
¸
su
,
¸
a - ca
,
¸
,
sa.
,
-
,
¸
Salmodia
_
¸
O
,
¸
AN
,
¸
JO
,
¸
- do
,
¸
Se
,
¸
nhor
,
¸
- a
,
¸
pa
,
¸
- re - ceu
,
¸
,
- a
,
¸
Jo
,
¸
sé,
,
¸
- di
,
¸
zen - do:
,
,
,
-
ANT. 1
_
¸
¡
Jo
,
sé,
,
- Fi
,
¸
lho
,
¸
- de
,
¸
Da vid,
,
¸
,
- não
,
¸
te
,
,
mas
,
,
- re
,
¸
ce
,
¸
- ber
,
¸
- Ma
,
¸
-
_
¸
ri
,
a,
,
- tu
,
¸
aes - po
,
¸
,
- sa;
,
- E
,
la
,
¸
- da
,
¸

,
¸
- à
,
¸
luz
,
¸
um fi
,
¸
,
lho,
,
-
_
¸
,
¸
a
,
¸
quem
,
¸
po rás
,
¸
,
- o
,
no
,
¸
me
,
¸
- de
,
¸
Je sus.
,
¸
,
-
,
- (T.P. A
,
¸
,
,
le
,
,
- lu
,
¸
,
,
-
,
ia.
,
,
- )
13
São José, Esposo da Virgem Santa Maria
Salmo 20, 2-8.14
_
¸
Senhor,oreialegra_secomovos
¸
so
,
¸
- po der
,
¸
,
-
,
_
¸
eexultadecontentecomo
¸
vos
,
¸
soau - xí
,
¸
,
- lio.
,
-
_
¸
Satisfizestesosanseiosdoseu
¸
co
,
,
ra - ção,
,
¸
,
-
,
_
¸
nãorejeitastesopedido
¸
Graças à vossa protecção, é grande a sua glória: *
Vós o revestistes de esplendor e majestade.
Para sempre o abençoastes *
e enchestes de alegria na vossa presença.
O rei tem confiança no Senhor *
e, pela bondade do Altíssimo, não há-de vacilar.
Levantai-Vos, Senhor, com o vosso poder: *
nós cantaremos e exaltaremos a vossa força.
Vós o cumulastes de bênçãos preciosas, *
cingistes sua fronte com uma coroa de ouro fino.
Pediu-Vos a vida e Vós lha concedestes: *
uma vida longa, para muitos anos.
de
,
¸
seus lá
,
¸
,
bios.
,
-
_
¸
ES D
,
PER
,
- TAN
,
- DO
,
¸
- do so
,
¸
,
no,
,
-
,
Jo
,

,
- fez
,
co
,
¸
mo
,
¸
- lheor
,
¸
de -
,
,
ANT. 2
_
¸
na
,
rao
,
- An
,
¸
jo
,
¸
- do
,
¸
Se nhor
,
¸
,
- e
,
¸
re
,
¸
ce
,
¸
- beu
,
¸
- Ma
,
¸
-
_
¸
ri
,
a,
,
- su
,
¸
aes - po
,
¸
,
- sa.
,
-
,
¸
,
¸
(T.P. A
,
¸
le
,
,
,
- lu
,
,
,
-
,
,
,
ia.
,
¸
,
,
- )
14
Salmo 91
I
Ofício de Leitura
_
¸
Ébomlouvar
¸
ao
,
¸
Se nhor
,
¸
,
-
,
_
¸
ecantarsalmosaovossono
¸
Vós me alegrastes, Senhor, com as vossas maravilhas, *
exulto com a obra das vossas mãos.
Como são grandes, Senhor, as vossas obras *
e insondáveis os vossos desígnios!
O homem insensato não entende estas coisas *
e o ignorante não as compreende.
Ainda que os ímpios cresçam como a erva *
e floresçam todos os malfeitores, V
estão destinados à perdição eterna.
Vós, porém, Senhor, *
sois o Altíssimo por todo o sempre.
proclamar pela manhã a vossa bondade, *
e durante a noite a vossa fidelidade,
ao som da harpa e da lira, *
e com as melodias da cítara.
meó
,
¸
- Al tíssi
,
¸
,
- mo,
,
-
_
¸
O J
,
¸

,
¸
- su
,
¸
biu
,
¸
- de
,
¸
Na
,
¸
za - ré
,
¸
,
- à
,
¸
ci
,
,
-
ANT. 3
_
¸
da
,
,
de
,
,
- de
,
¸
Da
,
¸
vid
,
¸
- cha ma
,
¸
,
- da
,
¸
- Be lém,
,
¸
,
-
,
a
,
fim
,
de
,
¸
_
¸
se
,
¸
re
,
¸
cen
,
¸
- se - ar
,
¸
,
- com
,
¸
Ma ri
,
¸
,
- a.
,
- (T.P.
,
¸
,
¸
A
,
¸
le
,
,
- lu
,
,
,
,
,
- ia.
, ,
,
,
,
,
- )
15
São José, Esposo da Virgem Santa Maria
II
_
¸
Vossosinimigos,Senhor,V
vossosinimigoshão
¸
 
de
,
¸
pe
,
¸
re - cer,
,
¸
,
-
_
¸
serãodispersostodososqueprati
¸
Exaltastes a minha força como a do búfalo; *
ungistes-me com óleo puríssimo.
Os meus olhos fitam com desdém os meus inimigos, *
e os meus ouvidos ouvem falar
dos que se insurgem contra mim.
O justo florescerá como a palmeira, *
crescerá como o cedro do Líbano;
plantado na casa do Senhor, *
florescerá nos átrios do nosso Deus.
Mesmo na velhice dará o seu fruto, *
cheio de seiva e de vigor,
para proclamar que o Senhor é justo:
n'Ele, que é o meu refúgio, não há iniquidade.
cam
,
¸
- o mal.
,
¸
,
Versículo
_
Ojustogermina
¸

,
¸
- - co
,
¸
moum - lí
,
,
,
rio.
,
-
_
Efloresceráparasemprenapresen
¸
ça
,
¸
- do
,
¸
Se nhor.
,
¸
,
-
16
Ofício de Leitura
17
São José, Esposo da Virgem Santa Maria
18
f
Ofício de Leitura
Para os que não celebram o Ofício de Vigília,
HINO e :
Pp.: 24 a 27
TE DEUM ORAÇÃO CONCLUSIVA
19
São José, Esposo da Virgem Santa Maria
Ofício de Vigília
_
¸
¸
¸
O
,
HO
,
,
,
,
MEM
,
¸
,
,
- fi el
,
¸
,

,
,
,
-
,
é
,
¸
dig
,
¸
,
,
no
,
¸
,
,
- de
,
¸
,
,
lou vor;
,
¸
,
,
,
,
-
,
,
,
o
,,
ANT.
_
¸
¸
¸
guar
,
da
,
¸
,
,
,
,
- do
,
¸
seu
,
¸
,
,
,
,
Se nhor
,
¸
,

,
,
,
-
,
se
,
¸

,
¸
,
,
- glo
,
¸
,
,
ri
,
¸
,
,
- fi - ca
,
,
,
,
¸
,
- do.
,
,
,
,
-
,
,
Cântico I
Jer 17, 7-8
_
¸
¸
¸
Felizdequemconfia
¸
no
,
¸
Se nhor
,
,
,
-
,
_
¸
¸
¸
epõenoSenhora
¸
É como árvore plantada à beira das águas, *
que estende as suas raízes para a corrente:
Nada tem a temer quando vem o calor, *
as suas folhas mantêm-se sempre verdes;
em ano de estiagem não se inquieta *
e não deixa de produzir os seus frutos.
su
,
¸
aes - p'ran
,
¸
,
- ça.
,
-
Cântico II
Sir 14,22; 15,3-4.6b
_
¸
¸
¸
Bem_ __ _aventuradoohomemquemeditana
¸
sa
,
¸
be
,
¸
- do - ri
,
¸
,
- a
,
-
_
¸
¸
¸
ereflectecom
¸
que presta atenção aos seus caminhos *
e pensa nas suas veredas.
in
,
¸
te
,
¸
- li - gên
,
¸
,
- cia,
,
-
20
Ofício de Vigília
Cântico III
Sir 31,8-11
_
¸
¸
¸
Bem_aventuradooricoquefoiencontra
¸
Ela o alimenta com o pão da inteligência *
e lhe dá a beber a água da sabedoria;
nela se fortalece e não vacilará, *
nela confia e não será confundido.
Ela o exalta entre os seus companheiros *
e lhe dá em herança um nome eterno.
do
,
¸
- sem man
,
,
,
cha
,
-
Um Evangelho da solenidade dos que não se proclamam na Eucaristia:

Como na página seguinte:


Mt 1, 16.18-21.24a, Lc 2, 41-51a.
_
¸
¸
¸
enãocorreua
¸
Quem é ele, para que o louvemos? *
Ele fez maravilhas no meio do seu povo.
Sofreu a provação e foi encontrado perfeito, *
isto será para ele um título de glória.
Pôde transgredir e não transgrediu, *
pôde fazer o mal e não o fez.
Os seus bens estão firmes no Senhor *
e a assembleia proclamará os seus benefícios.
ou
trás
,
¸
- - - do ou
,
¸
,
ro.
,
-
21
São José, Esposo da Virgem Santa Maria
d
22
Ofício de Vigília
o
23
HINO
24
Ofício de Vigília
25
São José, Esposo da Virgem Santa Maria
26
Ofício de Vigília
OREMOS
d
D
EUS todo-poderoso, que na aurora dos novos tempos confiastes a
São José a guarda dos mistérios da salvação dos homens, concedei
à vossa Igreja, por sua intercessão, a graça de os conservar fielmente e
de os realizar plenamente. Por Nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho,
que é Deus convosco na unidade do Espírito Santo.
27
São José, Esposo da Virgem Santa Maria
V/.
R/.
INVITATÓRIO
Abri, Senhor, os meus lábios.
E a minha boca anunciará o vosso louvor.
_
¸
¸
¸
A
,
¸
DO RE
,
¸
,
- MOS
,
¸
- a Cris
,
¸
,
to,
,
¸
- nos
,
¸
so
,
¸
- Se nhor,
,
¸
,
-
ANT.
_
¸
¸
¸
na
,
¸
,
,
so

,
¸
,
,
le
,
¸
,
,
- ni - da
,
¸
,
,
,
- de
,
¸
,
,
,
,
- de
,
¸
,
,
São
,
¸
,
,
Jo sé.
,
¸
,
-
,
,
,
- (T.P. A
,
¸
le
,
¸
,
,
- lu
,
,
,

-
,
,
ia.
,
,
,
,
,
,
- )
Salmo 99
_
¸
¸
¸
A
,
¸
,
,
cla - maioSenhor,
,
¸
¸
,
,
¸
- ter
,
¸
,
,
rain - tei
,
¸
,
,
,
,
- ra,
,
,
-
_
¸
¸
¸
servioSenhorcom
¸
¸
a
,
¸
le
,
,
,
,
- gri
,
¸
,
,
- a
,
,
-
_
¸
¸
¸
vindeaElecomcânti
Sabei que o Senhor é Deus, *
Ele nos fez, a Ele pertencemos, V
somos o seu povo, ovelhas do seu rebanho. Ant.ª
Entrai pelas suas portas dando graças, *
penetrai em seus átrios com hinos de louvor, V
glorificai-O, bendizei o seu nome. Ant.ª
Porque o Senhor é bom, *
eterna é a sua misericórdia, V
a sua fidelidade estende-se de geração em geração. Ant.ª
Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo, *
ao Deus que é, que era e que vem, V
pelos séculos dos séculos. Amen. Ant.ª
¸
¸
cos
,
¸
- de
,
,
,
,
júbi
,
¸
,
,
lo.
,
,
-
28
Hino
LAVDES
Estrofes
_
ER
S
,
¸
VO
,
¸
- fi
,
¸
el,
,
¸
- hu
,
¸
mil
,
¸
- dee
,
¸
- si
,
¸
len - cio
,
¸
,
- so,
,
¸
- São
,
¸
_
Jo
,
¸

,
¸
- faz
,
¸
das
,
¸
mãos
,
¸
a
,
¸
su
,
¸
a - gló
,
¸
,
ria:
,
-
_ ,
¸
Mãos
,
¸
que
,
¸
tra
,
¸
ba
,
¸
- lham, - mãos
,
¸
,
que
,
¸
re
,
,
zam,
,
,
- mãos
,
¸
u ni
,
¸
,
- das,
,
-
_
,
¸
Em
,
¸
ple
,
¸
na
,
¸
- do
,
¸
a - ção
,
¸
,

- à
,
¸
von
,
¸
ta
,
¸
- de
,
¸
- di vi
,
¸
,
- na
,
¸
- Em
,
¸
_
ple
,
¸
na
,
¸
- do
,
,
a - ção
,
¸
,

- à
,
,
von
,
,
ta
,
,
- de
,
¸
- di vi
,
,
,
- na
,
-
_
,
¸
Eao
,
¸
As mãos de S. José são mãos sagradas;
Nelas concentra a alma em oração,
E com elas defende e ampara o Deus–Menino
E com elas defende e ampara a Virgem–Mãe,
Por desígnio de Deus.
Servo fiel, humilde e silencioso,
Mártir da solidão em longo exílio,
S. José nos ensina a caminhar na vida,
A edificar na fé a paz dos nossos lares
E a renovar o mundo.
co
,
¸
ra
,
¸
- ção
,
¸
- dos ou
,
¸
,
tros.
,
-
,
29
Salmodia
São José, Esposo da Virgem Santa Maria
_
¸
S
O
,
¸
pas to
,
¸
,
- res
,
¸
- par
,
¸
ti
,
¸
- ram
,
¸
- sem
,
¸
de mo
,
¸
,
- ra,
,
-
ANT. 1
_
¸
,
¸
e
,
¸
en
,
¸
con - tra
,
¸
,
- ram
,
¸
- Ma ri
,
¸
,
- ae
,
¸
- Jo
,
¸
sé,
,
¸
- e
,
¸
o
,
¸
Me ni
,
,
,
- no
,
-
_
¸
,
,
dei
,
,
ta - do
,
,
,
- nu
,
¸
ma
,
¸
- man
,
,
je - dou
,
¸
,
- ra.
,
-
- (T.P.A
,
¸
le
,
¸
- lu
,
- ia.
,
- )
Salmo 62
_
¸
Se
,
¸
nhor, - soisomeuDeus:desdeaaurora
,
¸
¸
Vos
,
¸
pro cu
,
¸
,
- ro.
,
-
_
¸
Aminhaalmatemse
¸
Quando no leito Vos recordo, *
passo a noite a pensar em Vós.
Porque Vos tornastes o meu refúgio, *
exulto à sombra das vossas asas.
Unido a Vós estou, Senhor, *
a vossa mão me serve de amparo.
Por Vós suspiro *
como terra árida, sequiosa, sem água.
Quero contemplar-Vos no santuário, *
para ver o vosso poder e a vossa glória.
A vossa graça vale mais que a vida: *
por isso, os meus lábios hão-de cantar-Vos louvores.
Assim Vos bendirei toda a minha vida *
e em vosso louvor levantarei as mãos.
Serei saciado com saborosos manjares *
e com vozes de júbilo Vos louvarei.
de
,
¸
- - - de Vós.
,
¸
, ,
30
Lavdes
_
,
,
O
,

,
- e
,
¸
Ma ri
,
¸
,
- a,
,
- Mãe
,
de
,
¸
Je sus,
,
¸
,
- es
,
¸
ta
,
¸
- vam
,
¸
- ad
,
¸
mi -
,
¸
-
ANT. 2
_
,
,
ra
J
,
dos
,
¸
- com
,
¸
o
,
¸
que
,
¸
se
,
¸
di zi
,
,
,
- a
,
,
- a
,
,
cer
,
,
- ca
,
,
- do
,
,
Me
,
¸
-
_
,
,
ni
,
no;
,
-
,
,
e
,
,
Si
,
,
me
,
,
- ão
,
¸
- a
,
¸
ben
,
,
- ço - ou
,
,
,
- os.
,
- (T.P.
,
-
A
,
¸
le - lu
,
¸
- ia.
,

,
,
- )
Cântico
Dan 3, 57-88.56
_
,
,
ObrasdoSenhor,bendizei
¸
o
,
¸
Se nhor
,
¸
,
-
,
_
,
,
louvai_Oeexaltai
¸
Céus, bendizei o Senhor, *
Anjos do Senhor, bendizei o Senhor.
Águas que estais sobre os céus, bendizei o Senhor, *
poderes do Senhor, bendizei o Senhor.
Sol e lua, bendizei o Senhor, *
estrelas do céu, bendizei o Senhor.
Chuvas e orvalhos, bendizei o Senhor, *
todos os ventos, bendizei o Senhor.
Fogo e calor, bendizei o Senhor, *
frio e geada, bendizei o Senhor.
Orvalhos e gelos, bendizei o Senhor, *
frios e aragens, bendizei o Senhor.
Gelos e neves, bendizei o Senhor, *
noites e dias, bendizei o Senhor.
Luz e trevas, bendizei o Senhor, *
relâmpagos e nuvens, bendizei o Senhor.
O
,
¸
- - pa
,
¸
ra - sem
,
¸
,
pre.
,
-
31
São José, Esposo da Virgem Santa Maria
_
,
O
J
Não se diz
Bendiga a terra o Senhor, *
louve-O e exalte-O para sempre.
Montes e colinas, bendizei o Senhor, *
tudo o que germina na terra bendiga o Senhor.
Fontes, bendizei o Senhor, *
mares e rios, bendizei o Senhor.
Monstros e animais marinhos, bendizei o Senhor, *
aves do céu, bendizei o Senhor.
Animais e rebanhos, bendizei o Senhor, *
homens, bendizei o Senhor.
Bendiga Israel o Senhor, *
louve-O e exalte-O para sempre.
Sacerdotes do Senhor, bendizei o Senhor, *
servos do Senhor, bendizei o Senhor.
Espíritos e almas dos justos, bendizei o Senhor, *
santos e humildes de coração, bendizei o Senhor.
Ananias, Azarias, Misael, bendizei o Senhor, *
louvai-O e exaltai-O para sempre.
Bendigamos o Pai, o Filho e o Espírito Santo; *
louvemo-l'O e exaltemo-l'O para sempre.
Bendito sejais, Senhor, no firmamento dos céus, *
a Vós, o louvor e a glória para sempre.
Glória.
,

,
- le
,
¸
van - tou
,
¸
,
- se
,
¸
- de noi
,
¸
,
te,
,
-
,
¸
to
,
¸
mou
,
¸
- con
,
¸
-
ANT. 3
_
,
si
,
goo
,
¸
- Me
,
¸
ni
,
¸
- noe
,
¸
- su
,
¸
a - Mãe,
,
¸
, ,
,
e
,
¸
re
,
¸
ti - rou
,
,
,
- se
,
-
_
,
pa
,
rao
,
¸
- E gip
,
¸
,
- to,
,
-
,
on
,
¸
dees
,
¸
- te
,
¸
- vea
,
¸
- té
,
¸
- à
,
¸
_
,
mor
,
te
,
¸
- deHe ro
,
¸
,
- des.
,
-
,
-
‹‹
(T.P. A
,
¸
,
,
le
,
,
- lu
,
¸
,
- ia.
,
,
,
,
,
,
- - )
32
Lavdes
Salmo 149
_
,
CantaiaoSe
¸
nhorumcântico
¸
- novo,
¸
LEITURA BREVE 2 Sam 7, 28-29
_
,
cantaiaoSe
S
enhor Deus, Vós que sois Deus e dizeis palavras de verdade, fizestes
esta admirável promessa ao vosso servo. Agora dignai-Vos abençoar
a casa do vosso servo, para que ela permaneça sempre diante de Vós.
Porque Vós falastes, Senhor Deus, e é pela vossa bênção que a casa do
vosso servo será abençoada para sempre.
¸
Alegre-se Israel em seu Criador, *
rejubilem os filhos de Sião em seu Rei.
Exultem de alegria os fiéis, *
cantem jubilosos em suas casas;
em sua boca, os louvores de Deus, *
em sua mão, a espada de dois gumes:
para tirar vingança das nações *
e aplicar o castigo aos povos,
para ligar os seus reis com cadeias *
e os nobres com algemas,
para executar neles a sentença escrita. *
Esta é a glória de todos os seus fiéis.
Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo, *
como era no princípio, agora e sempre. Amen.
Louvem o seu nome com danças, *
cantem ao som do tímpano e da cítara,
porque o Senhor ama o seu povo, *
coroa os humildes com a vitória.
nhornaassemblei
¸
- a
,
¸
- dos san
,
¸
,
tos.
,
-
33
RESPONSÓRIO BREVE
Foi constituído administrador da su casa. (T. P.: Aleluia, Aleluia.)
Foi constituído administrador da sua casa. (T. P.: Aleluia, Aleluia.)
E senhor de todos os seus bens.
(T. P.: Aleluia, Aleluia.)
Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo.
São José, Esposo da Virgem Santa Maria
Cântico Evangélico
À enunciação do Benedictus todos se benzem. (Cf. Cap. V nº 266 b) - IGLH)
_
,
,
O J
,

,
¸
- foi
,
¸
ha
,
¸
bi - tar
,
¸
,
- na
,
¸
ci da
,
¸
,
- de
,
¸
- de
,
¸
Na
,
¸
za - ré.
,
¸
,
- As
,
-
ANT.
_
,
,
sim
,
se
,
,
cum priu
,
¸
,
- o
,
¸
que
,
¸
fo
,
¸
raa
,
¸
- nun
,
¸
- ci - a
,
¸
,
- do
,
¸
- pe
,
¸
los
,
¸
- Pro
,
¸
-
_
,
,
fe
,
tas
,
¸
- a cer
,
¸
,
- ca
,
¸
- de Cris
,
¸
,
to:
,
-
,
¸

,
¸
de
,
¸
- cha
,
,
-
_
,
,
mar
,
,
Se
,
,
- Na
,
,
za - re
,
¸
,
- no.
,
-
,
- (T.P. A
,
¸
,
,
le
,
,
- lu
,
¸
,,
-
,
ia.
,
,
,
,
- )
Lc 1, 68-79
_
,
,
+ BenditooSenhor,Deus
¸
d'Is
,
¸
ra - el
,
¸
,
-
,
_
,
,
quevisitoueredi
¸
e nos deu um Salvador poderoso *
na casa de David, seu servo,
conforme prometeu pela boca dos seus santos, *
os profetas dos tempos antigos,
para nos libertar dos nossos inimigos *
e das mãos daqueles que nos odeiam
miu
,
¸
- - o
,
¸
seu po
,
¸
,
vo,
,
-
34
Senhor Deus, que chamastes os nossos pais na fé para caminharem
na vossa presença de coração perfeito,
– fazei que, seguindo os seus passos, alcancemos a perfeição
segundo a vossa vontade.
Vós que escolhestes José, homem justo, para cuidar de vosso Filho
na infância e na juventude,
– fazei que sirvamos em nossos irmãos o Corpo místico de Cristo.
Vós que entregastes a terra aos homens para que a povoassem
e dominassem,
– ensinai-nos a trabalhar esforçadamente neste mundo, buscando
sempre a vossa glória.
Lavdes
PRECES
_
,
,
San
Oremos humildemente ao Senhor, de quem procede toda a perfeição
e santidade dos homens justos; e digamos:
para mostrar a sua misericórdia a favor dos nossos pais, *
recordando a sua sagrada aliança
e o juramento que fizera a Abraão, nosso pai, *
que nos havia de conceder esta graça:
de O servirmos um dia, sem temor, *
livres das mãos dos nossos inimigos,
em santidade e justiça, na sua presença, *
todos os dias da nossa vida.
E tu, menino, serás chamado profeta do Altíssimo, *
porque irás à sua frente a preparar os seus caminhos,
para dar a conhecer ao seu povo a salvação *
pela remissão dos seus pecados,
graças ao coração misericordioso do nosso Deus, *
que das alturas nos visita como sol nascente,
para iluminar os que jazem nas trevas e na sombra da morte *
e dirigir os nossos passos no caminho da paz.
,
¸
ti - fi
,
¸
- cai
,
¸
,
- nos,
,
¸
- Se nhor,
,
¸
,
- se
,
¸
gun
,
¸
- doa - vos
,
¸
,
sa
,
¸
- jus ti
,
¸
,
- ça.
,
-
-
35
São José, Esposo da Virgem Santa Maria
Pai de todos os homens, lembrai-Vos da obra das vossas mãos
– e dai a todos os homens trabalho e condições de vida digna.
ORAÇÃO
D
EUS todo-poderoso, que na aurora dos novos tempos confiastes a
São José a guarda dos mistérios da salvação dos homens, concedei
à vossa Igreja, por sua intercessão, a graça de os conservar fielmente e
de os realizar plenamente. Por Nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho,
que é Deus convosco na unidade do Espírito Santo.
36
Hino
Estrofes
VÉSPERAS II
_
,
O J
,
¸
,
¸

,
¸
- de
,
¸
co
,
¸
ra - ção
,
¸
,
¸
- hu
,
¸
mil
,
¸
- dee - cas
,
¸
to,
,
,
,
-
,
A
,
_
,
quem
,
¸
Deus
,
¸
en
,
¸
tre
,
¸
- gou
,
¸
- a
,
¸
no
,
¸
va - E
,
¸
va,
,
,
,
-
,
Fe liz
,
,
,

- de
,
,
_
,
Ti,
,
¸
que
,
¸
vis
,
¸
te
,
¸
- co
,
,
me - çar
,
¸
-
,
,
, ,
¸
A
,
¸
Re
,
¸
den - ção.
,
¸
,
-
,
Refrão
_
,
U
T
,
re
,
,
,
ce
,
,
,
,
¸
- bes
,
¸
,
,
- tea
,
¸
,
,
- Ar
,
¸
,
,
ca
,
¸
,
,
- daA
,
¸
,
,
li - an
,
¸
,
,
,
,
-
,
ça
,
,
,
,
- Que
,
,
_
,
Deus
,

,
,
vei o
,
¸
,
¸
,
,
- fir
,
,
mar
,
¸
,
¸
,
,
- com
,
¸
,
,
o
,
¸
,
,
seu po
,
¸
,
,
,
,
vo.
,
,
,
,
,
,
- De
,
fen
,
,
,

-
,
,
,
dea - san
,
¸
,
¸
,
,
taI
,
,
-
,
¸
_
,
gre
,
¸
,
,
ja
,
¸
,
,
- queé
,
¸
,
,
na
Chamado para esposo de Maria
E para pai de Deus feito menino,
Tu protegeste e deste o alimento
Ao próprio Deus.
Patriarca do silêncio e do trabalho,
Escondes na humildade o coração
Cheio de amor a Cristo e sua Mãe
Em Nazaré.
ter
,
¸
,
,
,
,
ra
,
,
,
,
,
,
- Po
,
vo
,
¸
,
,
,
,
- de
,
¸
Deus.
,
,
,
,
,
,
,
37
São José, Esposo da Virgem Santa Maria
Salmodia
_
,
,
A
M
,
Quando Deus incarnou em tua Esposa,
A promessa se fez realidade.
Protege com a tua intercessão
Os nossos lares.
Louvor a Deus, Trindade única e santa,
Louvor ao Pai e ao Filho com o Espírito.
Oh divina família, que no amor
Nos santifica.
RI - Ae
,
,
,
¸
- Jo sé
,
¸
,
- en
,
¸
con - tra
,
¸
,
- ram
,
¸
- Je
,
¸
sus
,
¸
- no
,
¸
ANT. 1
_
,
,
tem
,
plo,
,
¸
- sen ta
,
¸
- do
,
,
,
¸
- no mei
,
¸
,
¸
o
,
¸
- dos
,
¸
dou to
,
¸
,
- res,
,
-
_
,
,
,
es
,
¸
cu - tan
,
¸
- doe
,
,
,
¸
- fa zen
,
,
,
- do
,
,
- per gun
,
¸
,
- tas.
,
-
_
,
,
A (T.P.
,
¸
,
,
le
,
,
- lu
,
¸
,
-
,
,
,
ia.
,
,
,
,
- - )
Salmo 14
_
,
,
Quemhabitará,Senhor,novosso
¸
san
,
¸
tu - á
,
¸
,
- rio,
,
-
_
,
,
quemdescansaránavossamon
¸
O que vive sem mancha e pratica a justiça *
e diz a verdade que tem no seu coração,
o que não usa a língua para levantar calúnias *
e não faz o mal ao seu próximo V
nem ultraja o seu semelhante,
ta
,
¸
- nha
,
¸
- sa gra
,
¸
,
- da?
,
-
38
Vésperas II
_
¸
IS
D
o que tem por desprezível o ímpio, *
mas estima os que temem o Senhor,
o que não falta ao juramento, mesmo em seu prejuízo, *
e não empresta dinheiro com usura V
nem aceita presentes para condenar o inocente.
Quem assim proceder, *
jamais será abalado.
,
¸
- SEa
,
¸
Mãe
,
¸
de
,
¸
Je sus:
,
¸
,
- Fi
,
lho,
,
- por
,
¸
que
,
¸
- pro
,
¸
ce
,
¸
- -
ANT. 2
_
¸
des
,
,
teas
, ¸
,
- sim
,
¸
- con nos
,
¸
,
- co?
,
-
,
Teu
,
pai
,
e
,
¸
eu
,
an
,
¸
-
_
¸

,
¸
va
,
¸
- mos
,
¸
- a fli
,
¸
,
- tos
,
- à
,
¸
tu
,
¸
a
,
¸
- pro cu
,
¸
,
- ra.
,
-
-
Salmo 111
_
¸
Felizohomemqueteme
¸
o
,
¸
Se nhor
,
¸
,
-
,
_
¸
eamaardentementeos
¸
A sua descendência será poderosa sobre a terra, *
será abençoada a geração dos justos.
Haverá em sua casa abundância e riqueza, *
a sua generosidade permanece para sempre.
Brilha aos homens rectos como luz nas trevas, *
o homem misericordioso, compassivo e justo.
Ditoso o homem que se compadece e empresta *
e dispõe das suas coisas com justiça.
Este jamais será abalado, *
o justo deixará memória eterna.
seus
,
¸
pre cei
,
¸
,
- tos.
,
-
39
São José, Esposo da Virgem Santa Maria
_
¸
¸
¸
E
J
Reparte com largueza pelos pobres, *
a sua generosidade permanece para sempre V
e pode levantar a cabeça com altivez.
Ao vê-lo, o ímpio fica indignado, *
range os dentes e desfalece: V
os desejos dos ímpios saem frustrados.
Ele não receia más notícias, *
seu coração está firme, confiado no Senhor.
O seu coração é inabalável, nada teme, *
e verá os adversários confundidos.
,
SUS
,
¸
- des
,
¸
ceu
,
¸
- com e
,
¸
,
les,
,
¸
- vol tou
,
¸
,
- pa
,
¸
ra
,
¸
- Na
,
¸
za -
,
¸
-
ANT. 3
_
¸
¸
¸

,

e
,
¸
e
,
¸
ra
,
¸
- lhes
,
¸
- sub mis
,
¸
,
- so.
,
¸
,
-
- A (T.P.
,
¸
le - lu
,
¸
,
- ia.
,
,
,
- )
Cântico Ap 15
_
¸
¸
¸
Gran
,
¸
des - eadmiráveissãoasvossas
,
¸
¸
o
,
bras,
,
-
_
¸
¸
¸
SenhorDeusom
Justos e verdadeiros são os vossos caminhos, *
ó Rei do universo.
Senhor, quem não há-de temer e glorificar o vosso nome? *
Porque só Vós sois santo,
e todas as nações virão prostrar-se diante de Vós, *
porque se manifestaram os vossos juízos.
¸
ni
,
¸
- - - po - ten
,
¸
,
- te.
,
-
40
Col 3, 23-24
Vésperas II
RESPONSÓRIO BREVE
O justo crescerá como o lírio. (T. P.: Aleluia, Aleluia.)
O justo crescerá como o lírio. (T. P.: Aleluia, Aleluia.)
E florescerá para sempre na presença do Senhor.
(T. P.: Aleluia, Aleluia.)
Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo.
À enunciação do Magnificat todos se benzem. (Cf. Cap. V nº 266 b) - IGLH)
Cântico Evangélico
LEITURA BREVE
_
¸
¸
¸
E
J
Q
UALQUER que seja o vosso trabalho, fazei-o de boa vontade, como
quem serve ao Senhor e não aos homens, certos de que recebereis
como recompensa a herança do Senhor. Servi a Cristo que é o
Senhor.
,
sus
,
- ti
,
¸
nha - cer
,
¸
,
ca
,
¸
- de
,
¸
trin
,
¸
ta - a
,
¸
,
nos
,
-
,
¸
e
,
¸
e
,
¸
ra -
,
¸
ANT.
_
¸
¸
¸
ti
,
do
,
,
- por
,
,
fi
,
,
lho
,
,
- de
,
¸
Jo sé.
,
¸
,
-
,,
- A (T.P.
,
¸
,
¸
,
,
le - lu
,
¸
,
,
¸
,
,
,
-
,
,
,
ia.
,
,
,
,
,
- )
Lc 1, 46-55
_
¸
¸
¸
+ A
,
¸
mi nhaalmaglorifica
,
¸
¸
- o
,
¸
Se nhor,
,
¸
,
-
,
_
¸
¸
¸
eomeuespíritosealegraemDeus,meu
Porque pôs os olhos na humildade da sua serva: *
de hoje em diante me chamarão bem-aventurada todas as gerações.
O Todo-Poderoso fez em mim maravilhas: *
Santo é o seu nome.
¸
Sal
,
¸
va - dor.
,
¸
,
-
,
41
Pai santo, que revelastes ao justo José o mistério de Cristo,
oculto desde toda a eternidade,
– fazei-nos conhecer melhor o vosso Filho, Deus e homem.
Pai celeste, que alimentais as aves do céu e vestis a erva dos campos,
– dai a todos os homens o pão do corpo e da alma.
Criador de todas as coisas, que nos confiastes a obra das vossas mãos,
– fazei que os trabalhadores gozem dignamente o fruto do seu trabalho.
Deus de toda a justiça, que amais os homens justos,
– concedei-nos, por intercessão de São José, a graça de Vos
agradarmos em todas as coisas.
Concedei propício a vossa misericórdia aos moribundos e aos defuntos,
– por meio de vosso Filho, com Maria sua Mãe e São José.
Pai nosso
São José, Esposo da Virgem Santa Maria
PRECES
_
Painossoquees
Derrubou os poderosos de seus tronos *
e exaltou os humildes.
Aos famintos encheu de bens *
e aos ricos despediu de mãos vazias.
Acolheu a Israel, seu servo, *
lembrado da sua misericórdia,
como tinha prometido a nossos pais, *
a Abraão e à sua descendência para sempre.
A sua misericórdia se estende de geração em geração *
sobre aqueles que O temem.
Manifestou o poder do seu braço *
e dispersou os soberbos.
Invoquemos humildemente a Deus, fonte de toda a
paternidade nos céus e na terra, dizendo:
¸
taisnos
¸
- céus,
,
ou vi
,
,
,
- nos.
,
-
42
aoa
ORAÇÃO
Vésperas II
D
EUS todo-poderoso, que na aurora dos novos tempos confiastes a
São José a guarda dos mistérios da salvação dos homens, concedei
à vossa Igreja, por sua intercessão, a graça de os conservar fielmente e
de os realizar plenamente. Por Nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho,
que é Deus convosco na unidade do Espírito Santo.
43
© Conferência Episcopal Portuguesa
Letter rights reserved.
© 2010 Servi Christi Sacerdotis
Composicion and intelectual music rights reserved.
44

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful