informativo

SIN

R GA E

SINGAREHST
15/09/2012

Filiado à

singarehst@gmail.org.br

BANCÁRIOS DO TOCANTINS PODEM ENTRAR EM GREVE A PARTIR DO DIA 18/09

Bancários dizem que negociações com banqueiros chegaram a um impasse e que patrões oferecem apenas 6% de reajuste salarial para a categoria.

O Sindicato dos Bancários do Tocantins (Sintec-TO) realiza a s s e m b l e i a g e r a l extraordinária na próxima segunda-feira, 17, para decidir se a categoria entra ou não em greve. Os bancários rejeitaram a p r o p o s t a d a Fe d e r a ç ã o Nacional dos Bancos (Fenaban) de reajustar em 6% o salário da categoria. De acordo com Sintec, este reajuste representa apenas 0,58% acima da inação. Durante esta semana, o Sindicato dos Bancários promoveu manifestações de indicativo de greve em várias agências bancárias com objetivo de informar a população e os bancários a respeito dos rumos das negociações.

Quadra 806 Sul, Alameda 09, Lote 27 - CEP: 77.023.068, Palmas Tocantins - Fone: (63) 3215 - 4959

H
ST

Sindicato dos Empregados no Comércio Hoteleiro Bares Restaurantes do Estado do Tocantins
Palmas - TO, Julho de www.singarehst.org.br 2012

SINDICATOS QUEREM AFASTAMENTO DA SUPERINTENDENTE REGIONAL DO TRABALHO NO TOCANTINS

SINDICATOS ANUNCIAM APOIO A MARCELO LELIS E REAFIRMAM CONFIANÇA NO SEU COMPROMISSO COM OS PALMENSES
epresentantes de mais de 20 sindicatos da classe dos trabalhadores de Palmas e do Estado anunciaram apoio à candidatura de Marcelo Lelis (PV) a prefeito de Palmas, durante reunião no auditório do Sindicato dos Trabalhadores da Construção Pesada – STICPAET, na tarde desta terça-feira, 11. O presidente do Singarehst de Gurupi e Região, José Benone, destacou o empenho da classe de trabalhadores para eleger Marcelo Lelis prefeito da capital. “Estamos aqui manifestando o nosso posicionamento e vamos multiplicar ainda esse apoio à sua candidatura. Estamos juntos para que Marcelo Lelis tenha uma campanha vitoriosa”, afirmou.

Um grupo de sindicalistas ligados a diversas categoria estão no aguardo de uma audiência com o ministro do Trabalho e Emprego, Leonel Brizola Neto, oportunidade em que vão apresentar um documento solicitando o a f a s t a m e n t o d a superintendente da Delegacia Regional do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) no Tocantins, Ildemar Barbosa Rodrigues. De acordo com os s i n d i c a l i s t a s , a superintendente tem sido inoperante e não tem agido no sentido de fiscalizar as empresas, principalmente do ramo da construção civil. De acordo com o presidente do Sindicato dos Trabalhadores na Indústria da Construção C i v i l e m Pa l m a s , J o s é Raimundo o Ministério do Trabalho não tem fiscalizado as obras e parte dos auditores está em funções burocráticas dentro da Delegacia Regional.

Célio Alencar, Presidente da UGT -TO entrega documento ao Candidato com reivindicações dos Sindicatos.