P. 1
O Composto de Endomarketing

O Composto de Endomarketing

|Views: 0|Likes:
Published by FerreiraGideao

More info:

Published by: FerreiraGideao on Sep 26, 2012
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOCX, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

05/13/2014

pdf

text

original

O composto de endomarketing

   
porAline Roque dia04/05/2012 emEndomarketing 6 Comentários

Esses dias li aqui no blog algo que achei fascinante, falando sobre o composto de marketing. Teoria básica para qualquer

mercadólogo, mas que muitas vezes fica esquecida. Além disso, boa parte do nosso público são estudantes e buscam encontrar aqui conteúdo de qualidade com uma apresentação simples, de fácil entendimento. Seguindo essa onda, resolvi escrever sobre o composto de endomarketing, que nada mais é do que a adequação do composto de marketing voltado ao público-interno. Vamos lá? Recapitulando, os 4 Ps (composto de marketing ou mix de marketing) preconizados por Jerome McCarthy em em seu livro Basic Marketing (1960), referem-se a Produto (o que se vende), Preço (por quanto se vende), Praça (onde se vende) e Promoção (como se vende). Essa é a teoria difundida pelos principais autores da administração e do marketing no mundo. Agora, quando se trata de endomarketing, é complicado simplesmente fazer uma adequação. Mesmo assim, sendo o capital humano considerado um ativo intangível, teoricamente tudo que está relacionado a ele segue para a linha do intangível também. Por isso, alguns autores como Ahmed & Raqif (2002) propuseram que se faça a seguinte analogia: Produto: Aqui eles incluíram os valores e atitudes necessárias para um programa de trabalho, a imagem da empresa e outras ações como novas formas de conquistar clientes; Preço: Para eles, este item assemelha-se ao custo psicológico para assimilar uma nova metodologia de trabalho ou mais dedicação. É o que o trabalhador dará em retorno à empresa;

Os autores ainda ampliaram o conceito. que ainda pode ser segmentado por atuação (líderes. Enquanto não surge algo revolucionário (quem sabe criado aqui no projeto mesmo). a maioria aceita como válida essa analogia. incluindo mais 3 Ps. Outros autores ressaltam as peculiaridades do marketing interno e a fragilidade da adoção desse modelo. Processo: refere-se às metodologias utilizadas na empresa para executar as ações. os autores incluíram desde ações motivacionais até campanhas de comunicação interna de massa.Praça: Pode ser relacionado aos locais de encontro das equipes. Aqui. com vistas a perpetuar os novos modelos adotados. Participantes: Aqui vemos o público interno como um todo. que referem-se a: Evidência física (physical/tangible evidence): trata-se da documentação processual de práticas e políticas de gestão. . tático e operacional voltados ao público interno. Promoção: Refere-se às formas de vender essa ideia para os colaboradores da empresa. colaboradores). No entanto. gestores. creio ser uma boa forma de iniciar os planejamentos estratégico. tais como eventos da empresa (de pequenas reuniões a grandes conferências).

You're Reading a Free Preview

Download
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->