P. 1
Crase

Crase

|Views: 6|Likes:
Published by Letícia Oliveira

More info:

Categories:Types, Reviews, Book
Published by: Letícia Oliveira on Oct 15, 2012
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOCX, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

10/15/2012

pdf

text

original

CRASE

REGRAS: Termo determinante pedir preposição A e termo determinado pedir artigo feminino A ou AS. O termo determinante pode ser:  Estou apto à função. (adjetivo)  Sou favorável à reeleição. (advérbio)  Assisti à novela. (verbo)  Prestou assistência à vitima. (substantivo) CRASE PROIBIDA: 1. Diante de nomes masculinos:  Não faça a redação a lápis. 2. Diante de verbos:  Ela começou a chorar. 3. Entre palavras repetidas:  Eles ficaram cara a cara. 4. Antes de pronomes pessoais e pronomes de tratamento:  Nada pedi a ela nem a Vossa Majestade. EXCEÇÃO: dona, senhora e senhorita.  Ela refere-se à dona Laura.  Ela refere-se à senhora Laura.  Ela refere-se à senhorita Laura. 5. Antes dos pronomes esta(s), essa(s), e cuja(s):  Quantas pessoas irão a esta festa? 6. Palavras de sentido indefinido: certa, qualquer, toda, cada, alguma, etc.:  Eles assistem a qualquer novela.  Falou a certa pessoa. 7. A (sem S) + palavra no plural:  Ela nunca vai a festas. Nessa mesma frase, se o A estiver no plural passa a haver crase:  Ela nunca vai ÀS festas CRASE OBRIGATÓRIA: 1. Quando se puder trocar o nome feminino por um masculino equivalente e ocorrer a contração ao:

 

Deu um presente à filha. -> Deu um presente ao filho. Referiu-se à prima. -> Referiu-se ao primo.

À -> FEMININO AO -> MASCULINO

2. Diante de nomes geográficos em que se pode substituir o "a" por "para a":  Você já foi para a Bahia? = Você já foi à Bahia?  Dirigia-se para a Argentina. = Dirigia-se à Argentina.  Vou para Roma. = Vou a Roma.  Fui para Paris. = Fui a Paris. ATENÇÃO: Nomes que não admitem crase, por não admitirem o artigo, passam a admiti-la quando modificados por adjetivos:  Vou à Roma dos Césares.  Foi à grande São Paulo  Fui à bela Paris 3. Diante de numerais que indicam horas determinadas (com a palavra "horas" ou não):  Eu o encontrarei às três horas  Sairei às cinco?  O jantar será servido às oito. ATENÇÃO: Não há crase nesse "a" que acompanha horas: quando antes dele há as preposições "até", "após", "desde", "entre" e "para". Veja:  Os ingressos serão vendidos até as 18h.  Os portões serão fechados após as 7h30.  O consumo de álcool está liberado desde a 0h de segunda-feira.  Há uma lei que proíbe a prática esportiva na praia entre as 8h e as 16h.  A sessão estava marcada para as 20h. * REGRA PRÁTICA: Substitua a hora por "meio-dia": se der "ao meio-dia", há crase; se não der, esqueça a crase:  “A transmissão começa às 6h30”, COM CRASE, porque “A transmissão começa ao meio-dia”.  “O erro foi identificado pela reportagem após as 19h de ontem”, SEM CRASE, porque “O erro foi identificado pela reportagem após o meio-dia de ontem”. 4. Diante de locuções adverbiais, conjuntivas e prepositivas femininas: ÀS VEZES À VISTA ÀS CLARAS À CUSTA DE À FORÇA ÀS ESCURAS À MODA À DIREITA À BEÇA À ESPERA DE EXCEÇÃO: A PRAZO (Comprei um sofá a prazo) 5. Com as expressões "à moda de" ou "à maneira de":  Decorou a casa com móveis à (moda de) Luís XV.  Escreve à (maneira de) Machado de Assis.  Ele não dispensava uma feijoada à (maneira) carioca. 6. Diante de "aquele" e "aquela" e "aquilo" se puder substuí-los por "a este", "a esta" ou "a isto":  Jamais fui àquele lugar. (a este lugar)  Não me referia àquela pessoa. (a esta) 7. Com os pronomes relativos "a que" e "a qual" com termo antecedente feminino:  Sua ideia é igual à que tive / Seu pensamento é igual ao que tive.

À MEDIDA QUE ÀS TONTAS À ESQUERDA À BEIRA DE ÀS GARGALHADAS

A cidade à qual me dirigia era pequena / O sítio ao qual me dirigia era pequeno. CASOS ESPECIAIS:

1. CASA SEM QUALIFICATIVO – sem crase  Voltamos cedo a casa ontem.  Os alunos voltaram a casa. COM QUALIFICATIVO – com crase  Voltarei à casa de meus pais. 2. TERRA TERRA FIRME – crase  Chegaremos à terra prometida  Voltaremos à terra de onde viemos.  Os astronautas regressaram à Terra. OPOSIÇÃO A MAR, ÁGUA – sem crase  Trouxeram os peixes do navio a terra.  O navio já regressou a terra. 3. À DISTÂNCIA DETERMINADA – com crase  Ele achava-se à distância de dez passos.  O alvo foi colocado à distância de 5 metros. INDETERMINADA - sem crase  Viu-o apenas a distância, mas não o chamou.  Não vejo bem a distância. CRASE FACULTATIVA: 1. Pronomes possessivos femininos no singular Nada conte a/à minha mãe. Nada fiz a/à sua irmã. Nada conte às suas amigas. 2. Nomes próprios femininos SEM QUALIFICATIVO – é livre Ofereci um chocolate à Maristela. COM QUALIFICATIVO – com crase. Ofereci um chocolate à bondosa Maristela. SEM INTIMIDADE – sem crase O professor de História referiu-se a Joana D´Arc. 3. "ATÉ A" + palavra feminina Vou até a/à cidade fazer compras. Foi até a/à porta despedir-se dos alunos.

You're Reading a Free Preview

Download
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->