You are on page 1of 11

EU blog, TW itter

Slideshows do PG

Que é o Twitter É uma rede social que permite aos usuários enviar e receber atualizações pessoais de outros contatos em textos de até 140 caracteres conhecidos como "tweets".

O serviço é gratuito pela internet, entretanto, usando o recurso de SMS pode ocorrer a cobrança pela operadora telefônica.

Fail Whale Quem é usuário do Twitter já deve ter visto a Fail Whale (não confundi-la com a Free Willy), o desenho de uma graciosa baleia que é transportada por um esquadrão de pássaros. Fail Whale aparece naqueles momentos em que o Twitter se encontra sobrecarregado.

Se bem entendo o simbolismo da imagem, os pássaros retiram a baleia do alto mar e a e a deixam encalhada em alguma praia. Aí, em contato com a terra firme, qual o mitológico Anteu, a Fail Whale recupera logo suas energias.

Fail Whale no Japão Imagino que a Fail Whale deva ser assim no Japão. Se o motivo da escolha da imagem acima tiver ficado obscuro, então veja ► Troféu Hipocrisia, 2007

Uma missa pelo Twitter O sacerdorte da Igreja Metodista britânica, Tim Ross, utilizou o Twitter para celebrar uma missa, no dia 14 de agosto de 2010, direto do Reino Unido. Ross "tuitou" as várias partes da cerimônia enquanto os fiéis liam suas "mensagens", em voz alta e respondendo "amém", também pelo Twitter. Para participar da missa foi necessário segui-lo (não a sua pessoa, mas a sua celebração) através dessa ferramenta.

Sorria, você está sendo "tuitada" Esta é a versão da Mona Lisa, de Leonardo da Vinci, segundo a criatividade da Nothing Graphic. Adaptada ao minimalismo da era contemporânea, a imagem tem apenas 140 pontos de cor. Ah, não tentem ver nela o seu sorriso enigmático.

A Constituição do Brasil no Twitter O Brasil já teve várias Constituições, em geral muito prolixas. A exceção foi a Constituição promulgada pelo cearense Capistrano de Abreu. Atualíssima, cabe integralmente nos 140 caracteres do Twitter.

E ainda sobra espaço para um inciso de 45 caracteres.

Cartoon do PTwitter

A ultima "tuitada"

A crítica de José Saramago ao Twitter "Os tais 140 caracteres refletem algo que já conhecíamos: a tendência para o monossílabo como forma de comunicação. De degrau em degrau, vamos descendo até o grunhido."

Agora veja... BLOG WARS.