P. 1
True Blood - Escravos do Amor - Segunda Temporada Completa

True Blood - Escravos do Amor - Segunda Temporada Completa

|Views: 50,566|Likes:
Published by WE LOVE TRUE BLOOD

Todos os 16 capitulos da Segunda Temporada em um unico arquivo!!

Todos os 16 capitulos da Segunda Temporada em um unico arquivo!!

More info:

Published by: WE LOVE TRUE BLOOD on Dec 21, 2012
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOC, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

09/26/2013

pdf

text

original

Sections

  • Sumário
  • Capítulo 17
  • Capítulo 18
  • Capítulo 19
  • Capítulo 20
  • Capítulo 21
  • Capítulo 22
  • Capítulo 23
  • Capítulo 24
  • Capítulo 25
  • Capítulo 26
  • Capítulo 27
  • Capítulo 28
  • Capítulo 29
  • Capítulo 30
  • Capítulo 31
  • Capítulo 32
  • Trilha Sonora da Segunda Temporada (com link para download)

A primeira e única novela mexicana baseada em True Blood!

Por We Love True Blood

Escravos do Amor – Segunda Temporada

Sumário
Sumário.......................................................................................................... 2 Capítulo 17 .................................................................................................... 3 Capítulo 18................................................................................................... 19 Capítulo 19................................................................................................... 35 Capítulo 20................................................................................................... 53 Capítulo 21................................................................................................... 71 Capítulo 22................................................................................................... 91 Capítulo 23................................................................................................. 112 Capítulo 24................................................................................................. 130 Capítulo 25................................................................................................. 152 Capítulo 26................................................................................................. 174 Capítulo 27................................................................................................. 194 Capítulo 28................................................................................................. 218 Capítulo 29................................................................................................. 240 Capítulo 30................................................................................................. 262 Capítulo 31................................................................................................. 283 Capítulo 32................................................................................................. 303 Trilha Sonora da Segunda Temporada (com link para download)..............325

2

Escravos do Amor – Segunda Temporada

Capítulo 17
Depois do Vendaval
He'll regret it till his dying day, if ever he lives that long.

3

Escravos do Amor – Segunda Temporada

Eric não conseguia se focar nas conversas a sua volta, só aturava aquele grupo de vampiros no Martillo porque tinham dinheiro e gastavam muito na boate. Observava Sookita ao longe posando de virtuosa, como sempre fez desde que a conheceu. Ainda estava chocado consigo mesmo pelo quanto se deixou enganar por ela e o Prefeito. Inicialmente não havia acreditado no que Pam dissera anteriormente, sua sócia sentia ciúmes de qualquer uma que se aproximava dele. Mas agora não poderia negar o tolo papel que desempenhou naquela missão. Antes era ele quem saia por cima de tudo, agora havia sido passado para trás. O prefeito ganhou a primeira batalha, e ele não deixaria que ganhasse o resto também. Após Jessica fofocar sobre o casamento de Bill e Sookita, Eric só pensava em como iria se vingar dos dois, não era apenas Bill o culpado. Sookita fez parte da tramoia, o seduziu na casa perto de Tijuana e soube jogar perfeitamente com a fome dele por sangue. Ele questionava a possibilidade de Sookita também ter armado o sequestro pelo senador. Ele não pensou duas vezes em assumir a responsabilidade pelo erro cometido na missão, não aceitaria a culpa cair em uma mulher, não era um covarde. Só que tudo agora estava desabando em sua cabeça, acreditava que o plano de Bill era de que ele morresse perante o senador, mas conseguiu escapar estragando tudo. E pensar que ajudou mais ainda o prefeito ao assumir toda culpa e poupar a Santa Virgem que era noiva o tempo todo dele. Agora enfrentaria os longos depoimentos e a tortura que a Autoridade adorava oferecer para seus vampiros errantes e estúpidos como ele. Havia sido torturado outras vezes, mas a sensação que tinha era que nunca seria capaz de se acostumar com tal coisa. E dessa vez ele realmente não estava esperando, pois durante toda a missão pensou que tudo fosse sair bem. Após mandar o recado através de Pam para a Santa Virgem Sookita. Eric deixou ser beijado por Jessica, correspondeu com a mesma intensidade da vampira, esperando que Sookita percebesse o quanto a desprezava. Não havia outro sentimento nesse momento, apenas desprezo. Não ligava para a vampira ruiva, admitia que fosse gostosa, e a levaria para seu escritório mais tarde. Ainda não tinha um plano definido na cabeça, mas depois que tudo aquilo passasse, ele iria descobrir a melhor maneira de acabar com o sorriso cínico na cara do prefeito. Pam voltou batendo o salto com força no chão. Eric sabia que ela estava brava quando fazia isso. Ela fez um movimento com a cabeça indicando o escritório. Ele se levantou sem vontade após a partida de Sookita. Voltou-se na direção
4

Escravos do Amor – Segunda Temporada

dos vampiros: “Desculpem-me, tenho um rápido problema para resolver. Vou chamar Carmelita para continuar atendendo todos vocês.”, ele fez um movimento com a cabeça. Segurou o ombro de Jessica, levou os lábios perto do ouvido da vampira e disse num sussurro: “Daqui uma hora, vá até o meu escritório.” Ela sorriu de volta para ele, passando a língua pelos lábios. Eric deu de ombros, esse tipo de sedução feminina não o afetava mais. Bastava estalar o dedo, e todas vinham correndo. Exceto Sookita, balançou a cabeça tentando não pensar nesse assunto. Pam já o aguardava, estava com cara de poucos amigos e com os braços cruzados. Acompanhou os movimentos dele até sentar na poltrona e disse: “Bom, acho que já pode me explicar o que foi aquilo lá fora.” “Explicar o que? Não vou me aproveitar muito da filha do prefeito. Deixo um pouco pra você.” “Muito gentil de sua parte, mas não foi sobre isso que perguntei. O que a dançarina veio fazer aqui?” “Como eu vou saber, foi você quem falou com ela. Deveria ter perguntado se tivesse dúvidas.”, respondeu irritado. “Por que será que tenho a impressão que você não me contou tudo? O que realmente aconteceu na maldita missão, Eric?”, perguntou sem rodeios. “Eu não comi ela se é isso que quer saber.”, ele gritou mais alto do que gostaria. “Eu tentei, não sou de ferro. Você sabe que as mulheres cismam comigo.” Pam não estava acreditando no que estava ouvindo, seu maker dizendo que foi dispensado pela noiva do prefeito. Sua cabeça estava girando, seu sangue fervia de ódio, se ela pudesse matar a tal Sookita ou até mesmo Eric, não seria uma má ideia. “Então foi por isso que você se apaixonou por ela? Só porque não teve o que
5

Escravos do Amor – Segunda Temporada

quis...”, perguntou com os olhos cerrados. “Desde quando você sabe como o meu pau pensa?”, a mão dele tremia de raiva após dizer isso. “Desde que você passou a agir como idiota e pegar a filha sem sal do prefeito... só por isso.” “Não te dei ordens para cuidar da minha vida amorosa. Não me force a tomar certas atitudes.”, ele a encarou friamente após levantar da poltrona. “Quero ver se tem coragem, perdido do jeito que você anda... vai fazer o que? Colocar-me no Banquinho da Vergonha?” Ele se aproximou de Pam, colocou as duas mãos no ombro dela. Deu um leve beijo nos lábios e disse: “Não se intrometa em assunto que não é seu. Não vou ter o coração machucado por qualquer dançarina. Já sou bem crescidinho.”, ele soltou uma risada sarcástica e aumentou a pressão de suas mãos no ombro da vampira. “Não me obrigue a te machucar...” “Espero mesmo que não, pois não pretendo te dizer ‘Eu avisei’ futuramente.” “Não estou com paciência para conversa de amiguinhas. Vai encher a Carmelita...”, ele a jogou na direção da porta. Pam olhou para ele com raiva, saiu do escritório bufando após fechar a porta. Quase deu um encontrão em Jessica. A moça a olhou irritada e desviou, entrando em seguida no escritório de Eric sem bater na porta. ----------------------------------------Sookita levantou naquela manhã sem vontade de fazer nada, talvez ficasse tomando sol o dia todo. Só não queria pensar nos acontecimentos da noite anterior. E se realmente fez a coisa certa. Moças de boa índole não usam os homens, e ela tinha receio de ter feito isso com Bill. E justamente ele que sempre foi tão bom para ela. Sacudiu a cabeça não querendo pensar mais naquilo, tentaria deixar a mente vazia de problemas, pelo menos um dia antes do interrogatório com a Autoridade. Mais tarde ligaria para Bill exigindo que não encontrasse Eric na noite seguinte. Pediria um horário diferente. E mentiria o motivo se seu noivo
6

era essa a palavra que procurou tanto desde que voltaram da missão. talvez aceitasse novamente a proposta de trabalhar com Sam..”. Olhou para o lindo anel de brilhantes no seu dedo. “Hummm. teria que se acostumar com ele ali olhando de volta pra ela e lembrando que estava comprometida em todos os sentidos com Bill. Ainda estava desempregada. Diga logo o que você quer. “ “ Nem quero. o que anda te preocupando dessa vez? Você não continua se envolvendo com V.” “Ok. disse sem emoção. Já era especialista em mentir. Não queria comentar sobre Eric e a paixonite infantil que teve por ele. não me enrola.Escravos do Amor – Segunda Temporada perguntasse alguma coisa. estava com saudade de você. E para a sua sorte. “Continua tão dura quanto uma parede de concreto. estou ficando meio gordo. Sookita escutou um barulho na porta e viu Jason pelo vidro. só avisando que hoje não tem comida pra você. eu bem sei. Igual quando estava na sexta-série e gostava do menino do oitavo ano porque era mais velho e mais forte.”. “Sookita.” Ele se afastou dela e fez uma careta: “Que isso. Pegaria um turno diferente de Tara para evitar as conversas e olhares de pena. Jason se aproximou da irmã e a abraçou. ele pegou a mão dela e encostou em seu abdômen. essas paixonites passavam logo e não seria diferente com Eric. todas perguntando se ela estava bem e o que tinha acontecido. toque pra você sentir.. ela pensou. Agora é oficialmente noivo. pegou o aparelho preguiçosamente.. evitava o encontro matinal diário com Tara. pensou irritada. Havia um monte de mensagens de Tara. O que será que ele queria uma hora dessas? No mínimo não tinha almoço em casa. Não iria responder a amiga agora e acordou tarde propositalmente. estou ficando sem músculos. ando nervoso com algumas coisas e comendo porcaria demais... Fez um sinal com a mão indicando que entrasse. e mais ainda em não ir à missa toda semana desde que se aventurou como dançarina na boate de Eric. maninha querida. Paixonite. No andar debaixo viu o seu celular na mesinha de centro da sala.. não é?” 7 . Olha só a minha barriga nesse uniforme. Aqui também já foi a minha casa.

Sam não abriu a boca ainda. Fora o quanto teria que mentir sempre para Bill sobre esse assunto.. tinha feito tudo àquilo na missão tentando protegê-lo e ainda faria mais amanhã na Autoridade. E você estava viajando. ele tentou abraça-la.” “Sumiu? Você não me contou isso. “Não quero te preocupar. Eric. isso. eu não fiz por mal. disse ela enquanto empurrava Jason porta afora. “Aquele V todo. 8 . pegou o celular e ligou para Lafayette. por favor. Amava a sua irmã. desligou o celular. “Ela não sabe de nada.. eu vim retirar outro dia e não estava mais lá. Pela sua reação não foi você quem deu um fim no V. Já não basta eu ter te protegido tanto. Foi na direção do seu carro de polícia. “Eu não achei onde esconder. você faz parte dela. tenho que trabalhar. “Ah. ficou um tempo fora. Tinha quase esquecido. Se o Prefeito já soubesse.. o que aconteceu?”. Você continua me apunhalando pelas costas quando eu menos espero. só isso. você é a única que tenho como família. só que sumiu.”. pois os vampiros já poderiam ter descoberto tudo. ou pior. e nem posso chamar a polícia. disse furiosa.Escravos do Amor – Segunda Temporada Sua vontade era estapear seu irmão. minha irmã saberia. Jason esmurrou a porta algumas vezes esperando que sua irmã respondesse.”. ele deu uma risadinha.”. Por favor. Mas. “Vá embora!”. Sookita. “Acho melhor você sair daqui antes que eu mesma conte tudo o que você fez. Puta sorte nossa. Sookita estava indignada. mas não houve nenhum sinal. Eu tinha escondido no seu jardim. O mínimo que esperava era Jason não dando mais trabalho do que já deu em toda a sua vida.”. Depois nos falamos. pensou antes de dar a partida em toda velocidade. “Desculpa. num passe de mágica. negócios são negócios. E ela esse tempo todo ajudando o ingrato. ficou pensativo olhando para o visor. Sookita estava preocupada. e apreciava tudo o que ela fazia por ele.. Iria retirar quando você voltasse e eu fui fazer isso. seu próprio irmão tinha escondido o V na sua casa para incriminá-la. não acha?” “No meu jardim? O que você pensa que estava fazendo Jason Rick?”. ele deu um sorriso sem graça.”. sumiu.

não vejo mal algum no seu pai querer casar 9 .” Jessica pulou em cima de Alcide. “Não acredito nisso. Ela apertava o pescoço dele furiosa.” “Não te interessa saber com quem eu trepo. Meu pai não iria se humilhar tanto. ela levantou da cama num pulo. “Por que está se engraçando com o Vampiro Eric?”. ela apertou mais ainda o pescoço de Alcide. seu imbecil. “Ela rejeitou meu pai. Não era mais cordial e não a via mais com respeito. disse sorrindo. Jessica ainda estava deitada na cama quando Alcide entrou daquela maneira em seu quarto. Por que está mentindo para mim? Meu pai está te pagando para me infernizar?” “Eles ficaram noivos ontem a noite. Alcide aproveitou a oportunidade para jogar na cara de Jessica que eles haviam reatado noite passada. cachorro?” “Responda o que eu perguntei. ele perguntou sem dar tempo para qualquer reação dela.”. os dois caíram no chão por conta da força da vampira. E ainda a tiraria dele a força se fosse preciso ou com sexo. já basta o que fez aquele dia no quarto. “E desde quando esse assunto é da sua conta. Mentiu para Eric na noite anterior só para fazer Sookita chorar e se sentir a pior pessoa do mundo ao ser rejeitada por ele. caso ainda não saiba”. “Dona Sookita é uma boa moça. Só podia ter sido ele quem roubou. iria improvisar na hora.”. Ele havia adquirido coragem desde Tijuana e após roubar as fotos sacanas que ela o hipnotizou para tirar. O feitiço acabou virando contra o feiticeiro. pensou feliz.Escravos do Amor – Segunda Temporada ---------------------------------Alcide entrou no quarto de Jessica sem bater. Apenas fazia o serviço porque seu patrão insistiu muito. “Tudo isso foi para atingir a Dona Sookita? Ela será sua madrasta quando casar com seu pai. abriu a porta de uma vez.

pensou Pam. se é isso que quer saber. só de imaginar como era no passado sentiu arrepio. e deu um chute em Alcide no chão.”.”.Escravos do Amor – Segunda Temporada com ela. apesar dos dois serem muito diferentes se tratando de caráter. Alcide respirou fundo se afastando imediatamente na direção da porta. Alcide estava gostando de irritá-la. tudo 10 . “Não vou falar com você sobre minha vida pessoal.”. “Sim.” “Não seria uma boa filha se permitisse algo desse tipo pro meu pai. Era divertido ver as caras de indignação que ela fazia.”. não poderia mais ficar sem nada disso. e Alcide não poderia mais permitir esse tipo de atitude. É o meu trabalho.” Da mesma forma que Jessica gostava de irritá-lo. case com ela em vez de meu pai. disse maliciosamente “Ou será que você já deixou de me amar?”. Eu não me importo com Eric Colunga. Ele levantou rapidamente e a segurou pelo braço antes que entrasse no banheiro. após dizer isso ele saiu pela porta batendo com força ------------------------------------Não foi difícil achar o endereço da tal dançarina. ela começou a tirar a roupa caminhando na direção do banheiro. E se ainda não acredita. Ainda mais na boa e velha Espanha. “Não me venha dizer que é Sookita?”. seu pai tem problemas com ele. Não envolva o Vampiro Eric nessa história. “Não vou permitir que faça mal algum a ela e a seu pai. Machucar outras pessoas parecia ser o maior divertimento da vampira. “Esse é por bancar o espertinho comigo. talvez eu já esteja amando outra. “Se gosta tanto assim de Dona Sookita. Achei que ao menos você pouparia seu pai de suas loucuras. pergunte a ele. Uma rápida pesquisa na internet e já tinha o que queria. Caminhava com altivez na direção da casa antiga que a moça morava. ela gritou tão alto que nem percebeu. Adorava a modernidade e toda essa tecnologia. só eu que preciso saber da sua. Nunca pensou que para lidar com Jessica precisava jogar com as mesmas armas dela.” Jessica levantou com raiva. perguntou de forma cínica. respondeu provocando. Menina Jessica.

disse num tom ameaçador “Conto com sua discrição. Aproveitou para sair logo da boate e inventou uma desculpa qualquer para Eric. Agora entendia o motivo de a dançarina ficar noiva do prefeito. “A que devo a honra da visita?”. Sookita abriu a porta com os olhos arregalados quando viu quem estava ali em sua varanda. adoraria espiar a mente dela. “Claro.”. pensou com desgosto. “Será que posso entrar primeiro? Não seria muito elegante conversar aqui fora. Pam compreendia passar o resto da vida junto de Bill de La Vega não seria o sonho de nenhuma garota. afinal dinheiro é o melhor amigo de uma garota.” Pam reparou na amargura que a dançarina demonstrou quando disse patrão. a gerente do Santo Martillo. disse tentando ser simpática. Ficava cada vez mais intrigada no motivo de Eric se interessar tanto. Subiu nos degraus de madeira da varanda com cuidado. Cada vez mais tinha certeza de que algo estava acontecendo e ela não estava 11 . não queria estragar o salto de seu sapato. Sookita estava usando um vestido velho e parecia uma mendiga comparada com a vampira. perguntou num fio de voz. pode entrar. Mas dessa vez estava extremamente curiosa. Bateu na porta esperando ser atendida. Pam foi à direção da sala sem esperar por Sookita. tudo extremamente cafona. igual à moça. Sookita pensou preocupada que talvez tivesse feito uma besteira em permitir a entrada dela.”. Tinha quase certeza que sua roupa era mais cara do que a casa toda. não tenho a mínima intenção de encontrar o seu patrão. após abrir espaço para a vampira passar. Pam teria livre acesso a sua casa. Não podia ouvir os pensamentos da vampira. ainda eram oito da noite. “Eric não sabe que estou aqui e nem é para ficar sabendo. Pam. bem vestida parecendo que iria para uma festa.”. ela deveria estar em casa. observava todo o ambiente. Será que Eric estava ali também? Sentiu seu coração disparar diante daquela possibilidade. olhando por dentro parecia um lar de bonecas. E essa precisava de muito no estado em que estavam as coisas ali e ainda mais quando foi buscar emprego no Martillo naquele dia. Tudo parecia conservador.Escravos do Amor – Segunda Temporada parecia velho e acabado.” Sookita entrou na sala respondendo irritada: “Não se preocupe.

seria sobre a missão?” “Já estou cheia desse assunto. apenas isso.” “Humm. “Escute aqui sua dançarinazinha insolente. dou graças aos céus por não ser um padre ou uma freira. ainda mais quando o assunto envolvia Eric. será que estava correndo algum risco? Torcia para Bill aparecer ali a qualquer momento para salvar a situação. entendo. “Por que todo mundo quer saber o que aconteceu?” “Engraçado.. odiava ficar no escuro. piscou para a moça. Segundo.”. Já que estamos nos entendendo.Escravos do Amor – Segunda Temporada sabendo o que. esperava que Pam acreditasse em sua mentira. “Muito bem.. Avançou perigosamente na direção de Sookita... Sookita olhou para Pam. essa casa anda precisando de uma reforma. desviou o olhar antes que a vampira lesse neles mais do que deveria.”. não ficaria bem de batina. o dinheiro que ele me pagou por aquele dia na boate. “Primeiro. “Eu ia devolver. deu de ombros para a vampira.”. eu sei muito bem dos seus planos com o prefeito Bill. por que você não me conta o que foi fazer ontem no Santo Martillo?” “Vou ter que repetir de novo? Fui falar com seu patrão um assunto pendente. o pouco humor que Pam tinha se foi. ontem você me pareceu bastante interessada no assunto. O assunto era só com ele mesmo. Mas pode dar o dinheiro que eu devolvo para ele. Eric foi um completo idiota ao encobrir seus erros na maldita 12 . “Deveria ter aceitado. então também diz respeito a mim.”.” Após ouvir isso. ou será que o assunto só pode ser abordado com Eric?” “Você não é nenhum padre para se fazer de confidente minha. se o assunto envolve Eric.” Sookita estava mais do que arrependida por deixar Pam entrar em sua casa. ela explodiu de raiva. Terceiro. se fosse tão urgente você não teria saído aos prantos ontem. “Agora não quero mais devolver.

a moça realmente estava apaixonada por Eric. Não aceitaria seu amado maker se envolvendo com uma moça como Sookita.. ------------------------------------Sookita esperava ansiosamente a chegada de Bill. “Então foi isso que o prefeitinho prometeu a você se conseguisse acabar com Eric.. “Eu vou me casar com o prefeito. Não acreditava que toda aquela confusão estava acontecendo. esse é o meu único plano. Pam ficou horrorizada ao ouvir isso.”. e até mesmo com Eric. ela representava o tipo de pessoa que odiaram e tiraram sarro durante anos e anos. Sookita foi obrigada a atender e tranquilizar a amiga. Pela primeira vez não soube o que responder. Pam gritou. “Claro que sim.” “Eu jamais faria algo assim. Fazia meia hora que estava em pé na varanda de sua casa.”. não sabia com que tipo de vampiros lidaria na Autoridade..” “Por isso ele não quis falar comigo ontem. As pernas começaram a tremer. obviamente questionando sobre o que tinha acontecido. Sookita sentou-se no sofá.eu quem errei nessa missão. Mas comigo não. Não acreditava mais que a moça armou com o prefeito. Usava um vestido simples de algodão que passava um pouco abaixo do joelho. Tara ligou logo cedo.. Saiu da casa velozmente utilizando de seus dotes vampirescos. Evitou comentar de seu noivado e não falou da visita de Pam na noite passada que a deixou em 13 . segurou as lágrimas o máximo que pode. parecia que iria desmaiar a qualquer momento. falou em voz alta sem perceber. pois viu nos olhos dela o mesmo sentimento que nutre por Eric. Afinal. Não entendo do que está me acusando. o cabelo preso num coque.Escravos do Amor – Segunda Temporada missão. não é? Tudo para conseguir um casamento? Você está mesmo desesperada. Não era para Eric assumir a culpa. você contou essas mentiras para Eric?”. Meu Deus. parecia bem mais velha do que aparentava e buscava exatamente isso. Ele não me prometeu nada.. e agora ele vai pagar muito caro por isso.”. achou mesmo que eu fosse descobrir e não contar pra ele? E não me venha com esse ar de santinha imaculada. pode ter colado com Bill. não é porque me odeia. Só esperava que ele não sentisse o mesmo por ela..

Você não me disse muita coisa sobre o que me espera essa noite. E tentava corresponder da mesma maneira aquele carinho. Não queria falar coisas que outros pudessem ouvir. Por sorte o motorista não iria ouvir nada. o que foi? Você está tão calada. menos encontrar Eric.”.. Não queria se deparar novamente com aquele olhar frio e cheio de desprezo. Fez questão de pedir para Bill que fosse num horário diferente. e a amiga prontamente não insistiu mais no assunto. Não fazia parte de seus planos e queria evitá-lo como se fosse uma praga. Bill saiu sorridente do carro. eles só querem a confirmação do que Eric falou. subiu rapidamente os degraus e estava ao lado dela dando um longo beijo nos lábios.Escravos do Amor – Segunda Temporada frangalhos. O luxuoso carro de seu noivou parou em frente a casa.. Porém infelizmente eu não posso te garantir nada. Só ignora-lo. minha 14 . Sentia as mãos molhadas de suor. só isso. Não há motivos para ficar desse jeito. não tenho poder para exigir muito coisa diante deles. “Entendo. estaria com medo da sentença? Ele pensou preocupado. ele perguntou passando a mão no bigode. o vidro de comunicação estava fechado. disse tentando soar distante. Sookita apenas concordou com a cabeça e se deixou conduzir até o carro. Eric também me incomoda bastante. bem mais amoroso do que antes. Inventou a clássica desculpa da TPM. ela se moveu irritada no banco do carro. “Vamos?”. Bill.” Ela deu um salto ao lado dele no carro. “Minha querida. não vão te acusar de nada. “Não entendo por que está tão incomodada com isso.” “Eu te pedi. Ela ficou em silêncio durante boa parte do trajeto.apenas isso”. Sookita passou as mãos no vestido tentando disfarçar a tensão.. Bill sempre a olhava de canto tentando entender o que estava acontecendo.” “Eu não quero encontra-lo nesse interrogatório..” “Nós já conversamos sobre isso. esperava tudo essa noite. Ela ainda estava se acostumando com esse novo Bill. “Estou um pouco nervosa.

. Sabia pouco dessa Autoridade. Alberto?”. o vidro foi levantado novamente. apenas que pagavam muito bem após as missões serem concluídas. Sookita achou que nunca iria chegar ao destino.”. não conversou mais durante o resto do caminho. Estava ali naquele momento justamente por causa disso. ele estendeu uma venda para os olhos. Não gostava desse tipo de surpresa e estava com dúvidas se Bill tinha tudo sob controle. “Cerca de vinte minutos. Ridículo!” “Mas é por pouco tempo. “Nós estamos perto. ele perguntou para o motorista.” Ela bufou diante das palavras dele. Colocou de contragosto se afastando na direção da janela. “Infelizmente eu não faço as regras. Mas é padrão com humanos visitando a Autoridade. Não se preocupe. Realmente estou exagerando.” “Só essa que me faltava. senhor”.”. ainda mais estando vendada. a última tinha fracassado terrivelmente.” Mas por dentro Sookita estava gritando desesperadamente. Quem sabe um dia. querida. ele tentou soar esperançoso.”. E o azar tinha sido tão grande. respondeu raivosa pegando a venda das mãos frias dele. Bill apertou um botão fazendo com o que vidro de comunicação fosse abaixado. não sabia dessas frescuras. Depois eu te conduzirei até a sala do interrogatório. estava mais preocupada com as acusações de Eric do que o depoimento que daria para a Autoridade. “Como se eu fosse decorar o caminho. no momento que mais precisava. Bill pegou algo embaixo do banco voltando-se na direção de Sookita.Escravos do Amor – Segunda Temporada querida. Começou a rezar em silêncio para que o pior não acontecesse. De repente o carro parou. -----------------------------O carro finalmente parou. você tem razão. “Você terá que usar isso até chegarmos ao local.. 15 . “Vou te pedir algo desagradável.” “Claro.

pelo menos o que fosse conveniente. dali uns dias. pois respondia sem dificuldade. Sookita ouviu uma voz masculina falando numa língua desconhecida. Sentiu um pouco de medo. “Fale apenas a verdade. Ele queria descobrir o que tinha acontecido nessa missão e quanto Sookita estava em risco perante Eric. Eric já assumiu toda a culpa mesmo.” Ela quase deu um tapa em Bill. 16 . querida. Mas. sem dúvida já sabia como funcionava. iria assistir de camarote Colunga sendo torturado brutalmente. pelo menos teria algumas horas de paz em sua mente. No fundo não poderia reclamar. e muito menos ela. ela não iria também. Apoiou nos braços do noivo de maneira desajeitada. nada de mal irá acontecer. Seu noivo parecia entender. “Você prometeu que quando chegássemos aqui. ainda estava vendada e irritada com tudo aquilo.” Antes que Bill pudesse responder. o Senhor Leroy irá levá-la daqui em diante. Eu prometo. Pelo menos. Não tinha nenhum pensamento para pegar por ali. --------------------------------Leroy a arrastava pelo caminho. estava forçando o peso do corpo propositalmente. Esperava que sua noiva dissesse mesmo a verdade. ele cochichou em seu ouvido dando um beijo de despedida em sua bochecha. parecia liso como um mármore. Só que não iria ser páreo fácil para o vampiro ali.Escravos do Amor – Segunda Temporada Bill a ajudou sair do carro. acreditava nas palavras de Bill. Pode confiar nele e nos outros.”. “Sookita. ele jamais a deixaria em perigo. Nem o motorista era humano. o silêncio continuava reinando absoluto. Eu não fui autorizado em seguir adiante. Só não queria virar alimento de vampiro. nesse ponto até entendia essa ocultação toda da parte dele.”. estava mesmo só entre vampiros. ainda mais quando era para seus inimigos. Se tivesse contado. aquele silêncio todo. ela só ouvia o próprio salto batendo no chão. Ele não falava nada. eu tiraria isso. não era algo que estava acostumada. ainda não. Até gostava dessas leis dos vampiros. “Já posso tirar essa porcaria?” “Ainda não. ele respondeu complacente. minha querida. ele havia mentido sobre todo aquele procedimento.

“Se eu tirar. Senhor Leroy?”. ele respondeu sem alongar o assunto. “Seu noivo sofrerá as consequências. antes de cair no chão uma mão fria segurou seu braço impedindo a queda. 17 .Escravos do Amor – Segunda Temporada “Posso tirar minha venda. pensou esmurrando a porta novamente. o que acontece?”. Não ousava olhar em volta.”. dizendo em seguida: “Fique aí dentro. continuou sendo arrastada pelo vampiro arrogante por mais alguns passos. não queria se deparar com o que a aguardava ali... “Se gritar adiantasse alguma coisa aqui. Tirou a venda e correu na direção da porta.”. Sookita não podia mais retardar o inevitável. “Não. Eric comentou dando uma risadinha.” Diante da reprimenda Sookita não ousou perguntar mais nada. ela perguntou forçando doçura na voz.” Ela ouviu a porta se fechar pesadamente. A venda agora parecia bem convidativa. E gritou na esperança dele ouvir: “Posso tirar a venda. Senhor Leroy?” Tropeçou em algo tentando chegar à porta. me colocaram na sala errada!”. Sookita se desvencilhou do toque como se fosse fogo. ela gritava o mais alto que podia enquanto esmurrava a porta de metal. Eric estava em pé com seu tão famoso sorrisinho cínico. lentamente se virou em direção à única pessoa que não gostaria de encontrar naquele lugar. Eu também não gostaria de ficar nessa sala. “Me tirem daqui agora. “Se eu fosse você não tirava.”. eles vão chamá-la quando chegar o momento. insistiu no assunto. disse a voz. finalmente ele parou e a conduziu para dentro de uma sala. A Autoridade tinha um senso de humor estranho.

Sookita ficou vermelha diante da pergunta. “Sim. tenho certeza que estão todos nos observando. não mais. Senhor Colunga?”. 18 . “Claro que tem.”. “Você acha que tendo alguém ali estará salva de mim?” “Eric. respondeu fingindo inocência. eu estava pensando nele o tempo todo.”. Bill é um homem bom.” “Quando você gozou em cima de mim a culpa foi sua também?”. Se tem alguma culpada nisso tudo.Escravos do Amor – Segunda Temporada A sala era pequena. Não sei porque você insiste em acusá-lo. sou eu. ele se aproximou perigosamente dela. Como assistiu muitos filmes de espionagem. “Como vai. “Não sei do que está falando. fingiu simpatia tentando enganar quem tivesse observando. ele a empurrou de encontro a porta. não podemos conversar aqui. não queria que ele descobrisse sobre a conversa que teve com Pam. Um espelho cobria parte da parede na outra extremidade da porta. ele bateu palmas. mas não ia se deixar abater pelas ofensas de Eric. ela respondeu num fio de voz. “Não precisa fingir. “Não quer que eles saibam que você armou pra mim durante a missão?”. Não tem ninguém ouvindo do outro lado. “Meu noivo não tem nada a ver com isso.”. A sensação não era muito agradável. imprensando o corpo dele junto ao dela. toda revestida de metal. Por ela ficaria de costas para o vampiro e esperaria sua vez para ser interrogada. Ela queria machuca-lo da mesma maneira que estava sendo machucada. “Você continua com essa pose de Santa Virgem Imaculada. Havia apenas uma mesa e duas cadeiras. cara Sookita. disse irritada. ele apontou em direção ao vidro.”. mesmo que não tivesse ninguém do outro lado. Sookita não queria falar com ele. por que motivos teriam um negócio grande desses aí?”.”. sem dúvida estavam sendo observados do outro lado. Bill realmente te instruiu bem.

I don't care who does it. I just want it done.Escravos do Amor – Segunda Temporada Capítulo 18 Medo da Verdade Look. 19 .

Arrependeu-se no mesmo instante ao fazer isso. sentiu algo gelado tocando suavemente em sua pele. bastava focar a visão no peito dele que não se movia pela falta de respiração. muito perto. Sookita se encolheu perto da porta morrendo de medo 20 . mas há muito tempo Eric Colunga estava precisando ouvir umas verdades. Acha mesmo que todas as mulheres caem aos seus pés?” “Acredito que sabe bem a resposta a sua pergunta. A proximidade trazia certas lembranças.”. Parece que tem prazer em difamar meu noivo. Ela não costumava responder as pessoas dessa forma. “Entendo. mesmo que as tais verdades não fossem tão reais assim. caminhou raivoso pela sala. fugir. “Continua mentindo. o seu precioso noivo arranjou tudo para que eu me ferrasse. mas o vidro continuou intacto. Você tem um ego grande demais. até nisso eles levavam vantagem. Sookita se arrepiou quando o dedo dele percorreu a linha de seu pescoço e em seguida a mão pousou em cima do peito esquerdo que estava arfando. Bill sabe disso também?” “Não sou mentirosa. Por sorte não precisava encará-lo nos olhos. A mesa se espatifou. Pegou a mesa que tinha no local e jogou na direção do vidro. “Seu nervosismo diz tudo. disse ela enquanto tirava a mão dele do seu peito com firmeza. sumir. Reveja seus conceitos antes de falar tanta bobagem. e talvez não tivesse sido uma boa ideia criar tanta coragem agora. Sua preocupação com esse interrogatório é patética. De repente. Era complicado definir quando um vampiro estava tenso ou não. não queria que percebesse o quanto a afetava.”. ou você gosta desse tipo de atenção?” Eric se afastou dela rapidamente. tinha que resistir bravamente.” “Meu nervosismo é pelo simples fato de estar prestes a ser interrogada por pessoas que nunca vi e nem confio. Levantou a cabeça com determinação e o encarou firmemente.” “Que eu saiba foi o senhor que resolveu se entregar sozinho sem pedir ou questionar opinião de ninguém. Senhor Colunga. Mas. continuou com a mão pousada no peito esquerdo de Sookita. Sookita. Queria gritar. Agora estava num campo minado. o rosto dele tão perto. Sabia que tinha ido longe demais ao dizer aquilo. ele não se moveu.Escravos do Amor – Segunda Temporada Estava tensa com a proximidade do vampiro. não precisa se preocupar.

”. falou baixo. Não se podia brincar com Eric Henrique.. não fazia mais efeito. E estava sofrendo.. queria chorar diante de tudo aquilo. “Eu choro o quanto quiser. Em um segundo ele a estava seduzindo e no outro destruindo tudo. Só que jamais iria imaginar que o Prefeito fosse mais esperto do que eu dessa vez. E não tinha mais o que fazer.” “Não tenho culpa de ser humana e você uma pedra de gelo.. e nem a do Bill. não vou cair novamente. Não poderia mais voltar no tempo e desfazer a besteira que cometeu. Não estamos mais na missão para continuar com esse papo furado. “Ele te prometeu casamento para fazer todas aquelas merdas na missão?” “Não.. acredite em mim. “Estupidamente eu pensei em te proteger deles. Ela estava fungando sem parar e nem tinha lenço para se limpar. eu fui ingênua pensando que poderia enganar o Senador.” 21 . Fiz aquilo porque queria ajudá-lo. Nunca imaginou que iria sofrer tanto por um vampiro como aquele. Eu caí uma vez. estava com receio das próximas reações dele. agora não tem mais volta. apontou na direção do vidro. Sempre um rio de lágrimas.” “Cale a boca.. Não queria envolvida num erro que eu cometi. “Só não comece a chorar. a culpa também foi minha. respondeu esfregando os olhos com força.. as lágrimas já escorriam pelo rosto de Sookita. ele disse com sarcasmo. chega de mentiras.” “Não posso deixar que se entregue.”. “Cai na sua historinha de que era ingênua e pobre coitada. a encarava com ódio. não foi a minha intenção. “Já deveria ter me acostumado com isso.. Tarde demais. Todo o distanciamento que havia criado dele.” Ela não teve como responder.”. o tom de voz dele era cortante. Cada vez mais ela tinha certeza disso. ele jamais iria acreditar nela. eu nunca quis que você se entregasse..”. “Eric.Escravos do Amor – Segunda Temporada que não fosse sair viva dali. por favor.”. aquele anel que carregava era a resposta para todas as desconfianças de Eric.” “Sookita.

Pelo jeito todos se conheciam na Autoridade e aquela linguagem esquisita também.”. Santiago?”. Ela o encarou e ele devolveu o olhar. faça um favor a si mesmo e vá se catar!”. meio gordinho.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Me xingou de coisas piores antes. Eric a segurou antes que atingisse o chão. Sookita. por que não desce desse pedestal? Meu único desejo é que tudo isso termine logo e eu possa me livrar de uma vez de você.”. “Vou ter que esperar os dois se beijarem?”.”. “Eric. Sookita quase caiu. perguntou enquanto coçava a cabeça careca.” “Não quero o seu consolo e muito menos sua pena. o vampiro baixinho provocou.como pode ver. a porta foi aberta de uma vez. mas não deu certo. Sookita parecia que estava sobrando ali entre os dois vampiros quando começaram a trocar palavras em outra língua. Antes que ela pudesse responder. Deu um leve grito de dor. Um vampiro de estatura baixa. Se é isso que quer.. usando um pesado óculos de grau estava parado na porta observando tudo. “Vejo que continua um cavalheiro. nem a sua dor ele sabia respeitar. pois estava apoiada perto. Senhor Colunga. “Não vou sentir pena e ir te consolar. “Só vamos interrogar a moça primeiro e depois o chamaremos.. ele gargalhou. respondeu calmamente com um largo sorriso no rosto. ela pensou. disse com raiva. Apenas queria ficar o mais rapidamente longe de Eric. Eric a largou no mesmo instante e Sookita caiu com tudo no chão. E por que não era o Senhor Leroy que a conduziria? Não entendia mais nada. Pedi para nos colocarem em dias diferentes. ele abriu os braços mostrando a sala. perguntou irritado. Não pense que estou contente em ficar preso nessa sala com você.”.” “Quanto a isso não precisa se preocupar. Seu repertório pelo jeito se esgotou. 22 . “Vão continuar enrolando a noite toda.

O outro vampiro era apenas beleza e futilidade. Eric tinha 1000 anos de sedução nas costas. Sentiu o celular vibrar no seu bolso. mas era a verdade. ainda conseguiu ouvir Eric praguejar. Sookita nunca mais foi a mesma. Não vamos morder. Mas. fazia meia hora que Sookita tinha indo junto de Leroy. com você.. Bill acreditava nisso.o que deseja?” “Só pra saber se está tudo bem. olhar sempre distante. não poderia ignorar sua filha. Não tinha dúvidas de que ela honraria o compromisso.” 23 . A porta fechou pesadamente. e sua pobre noiva deve ter sido um alvo fácil. Conversava pouco. Sookita segurou a mão gelada do vampiro e saiu da sala sem olhar para trás. somos mais educados que o Senhor Colunga. ele estendeu a mão na direção dela. já ele oferecia estabilidade. estava tranquila que não precisaria mais enfrenta-lo. Desde a volta da missão. Quando soube que a missão seria junto do seu maior inimigo. Olhou para o visor e viu a foto de Jessica. Bill não teve dúvidas de que Sookita iria se deslumbrar com outro. Ela estava apaixonada por Colunga. doía admitir. eu garanto. triste.”. tirou com lentidão. com o tempo ela iria esquecer o outro. ela disse rispidamente. sempre fazia isso quando ficava tenso. apenas que dissesse a coisa certa e voltasse a ser a moça casta que ele tinha conhecido. “Não achei que era o momento apropriado sem Sookita ao meu lado.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Venha comigo. querida.”. Passou a mão no bigode. estou bem. não queria falar com ninguém.. Não gostava de perder e o noivado veio em bom momento.” “Claro..” “Não me contou do noivado. Não sabia o que Sookita diria da missão. era muito correta e não gostaria de ir contra o desejo de sua avó.. coisas que em longo prazo não satisfariam sua noiva. “Sim. ------------------------------------Bill de La Vega estava sentado mexendo as pernas de nervoso. amor e um futuro. Senhorita Montenegro.

ligou novamente o aparelho e discou um número. a cabeça ficava na altura dos ombros dela. ---------------------------Sookita caminhava ao lado do vampiro Santiago. 24 . O chão de um mármore brilhante.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Pensei que estaria no seu escritório. Não queria passar vergonha ao lado do vampiro simpático. mesmo que essa pessoa fosse Eric. ainda estava pensando nas palavras de Eric.”. Por acaso está com sua noivinha?” “Jessica. Não seria digno deixá-lo levar a culpa sozinho.” Não esperou a vampira responder.”. minha noiva. Minutos depois. desligou totalmente o celular.” Bill demorou uns segundos para responder. ela juraria que ele teria no máximo 13 anos. acredite em mim dessa vez. vou desligar. Jessica estava indignada com o seu pai. A situação estava pior do que imaginava. “Ela desprezou você! Como conseguiu aceitá-la de volta?”. nunca acreditou que um dia fosse capaz de deixar outra pessoa na pior e não ter coragem de fazer nada. ele provocou. ficou chocado diante da informação passada por sua filha. Os vampiros também gostavam de esbanjar. mas o que aconteceria com ela se entregasse a verdade? Os vampiros não teriam piedade com uma humana qualquer. “Ela foi atrás de Eric Colunga assim que recebeu o seu pedido de casamento! Sookita não te ama. Sua cabeça estava a mil. Se não aparentasse certa idade. ele era tão baixinho. Havia quadros e várias obras de arte adornando cada parede. achei que sua fase adolescente já tinha acabado. esperou ansiosamente a pessoa atender do outro lado. A mão dele tremeu quando respondeu: “Jessica. Revisava mentalmente o que ia dizer. estava com medo de escorregar de tão limpo e liso. Sookita tinha procurado Eric no dia que a pediu em noivado. “Não quero discutir com você pelo telefone. Estou cansado de suas tentativas de denegrir a imagem de Sookita. Não podia deixar de notar o requinte que a cercava naqueles corredores imensos na sede da Autoridade. ela disse que tinha ido apenas uma vez encontrar a amiga. Depois conversamos direito. ele reforçou. por favor.

“Sim. ele deu uma piscadela. Santiago sentou calmamente e indicou uma cadeira para ela do outro lado da mesa. Sookita notou um moderno computador e um tablet. muito pior. demorava uma eternidade para chegar ao local. Fui eu quem trouxe Eric para a Autoridade.Escravos do Amor – Segunda Temporada Após caminhar por longos corredores. ajeitou o pesado óculos e girou na cadeira de frente para ela falando: “Nossa conversa está sendo gravada. Mas.”. Os vampiros eram imortais. Após um tempo Santiago a conduziu para uma sala típica de escritório de um alto executivo. Só foi isso que fez. Parecia que estava indo para uma entrevista de emprego. Não podem simplesmente puni-lo. séculos atrás. tapeçarias maravilhosas no chão. “Como eu sei. “Não iremos demorar. nada será usado contra você.“. Eric raramente falhou e gostaria de saber o motivo de ter falhado justamente numa missão tão importante como essa.” 25 . ele se acomodou na cadeira ainda com as mãos juntas. a cadeira dele era propositalmente maior. seu coração. disse ela. É apenas uma conversa entre amigos. não sou vampira e muito menos da Autoridade. “Ótimo. Ele digitou algo no computador. Novamente várias obras de arte. acho que o Senhor deve saber que a convivência com o Senhor Colunga não é fácil.”. havia uma enorme mesa perto de uma parede com duas cadeiras. juntou as duas mãos. justamente uma humana que estava apenas dando um suporte técnico. Pela primeira vez ele ficou mais alto que ela e causou um impacto bem maior. não tenho certeza mais da data. de qualquer forma alguém ainda vai precisar terminar a missão. como eu sei. Senhorita Montenegro.”. o tempo me foge de vez em quando. “Quem te convocou junto de Eric Colunga para a missão fui eu. colocou a senhorita em risco. já não vejo a hora de voltar para casa. Sookita mal podia acreditar que estava diante do homem que tinha arruinado sua vida. Seria muita ousadia pedir que poupem Eric?” “Por qual motivo? Ele assumiu que falhou. Mas eu posso tentar.” “Pena. mas ele poderia tentar outra vez. o olhar dele se estreitou enquanto a encarava.” “Sei que não tenho direitos aqui. Sookita estava ficando cansada de andar. Acreditei que seria uma parceria proveitosa. só não havia janelas. de repente não parecia tão simpático como antes. mas ela não. não?”.

Na cidade do México seria uma missão suicida e não podemos nos dar ao luxo de perder um agente como Eric. “Então vocês pretendem deixar aquele estuprador de mulheres e traficante de V a solta? E ao invés de agir vão punir um agente? Como você mesmo acabou de dizer. “Acho que o Senhor já sabe.. ” Sookita ficou tensa.Escravos do Amor – Segunda Temporada Santiago ficou pensativo por alguns minutos. nossa única chance era naquele momento.”. afinal.. ele abriu um largo sorriso no rosto pequeno.. como foi sequestrada pelo Senador Morales?”. ele contou uma história bastante peculiar. Eric não é qualquer um. justamente pela pouca segurança que o Senador Morales levou para Tijuana. Eric assumiu toda a culpa. se eu contar a verdade. Acredito que podemos parar com as formalidades. Sookita não sabia mais o que fazer. a moça não era boba e não seria fácil de persuadir. acabou falando demais. eles não teriam coragem de matá-la. “Eu não tenho nada de valor a oferecer além dos meus serviços. se ela contasse sua versão entregaria que a culpada de tudo tinha sido ela mesma. ele se ajeitou na cadeira.” “O senador te estuprou enquanto a manteve de refém?” “Não. Gostaria de ouvir da senhorita para efeito de comparação.”. disse ela apreensiva.. ele tentou. Agora era esperar sua sentença.”. A única informação que tinha era que o vampiro havia mentido sobre a missão. queria ao menos poupar o vampiro da tortura.” “Sim.” 26 . quer dizer. “Interessante. vocês deixam o Eric fora disso?”. ela não fazia ideia do que Eric tinha contado pra eles. o que você sugere?” “A verdade. “Senhor Santiago. graças a Eric não conseguiu. minha cara Sookita Montenegro. ele falou severamente. “Não podemos agir novamente. para ser sincero. ou teriam? “Agora estamos negociando? Depende do que você quer me dar em troca.

você vem aqui e diz que foi toda sua.”. pergunte a ele sobre o Cianureto. mas nunca me pareceu covarde.” “Eric disse que a culpa foi totalmente dele. e sim eu. e não seria justo colocar a culpa em um inocente. 27 .” “Depende apenas do que irá me contar. E sua preocupação com Eric Colunga diz muita coisa. ele novamente piscou pra ela. Ele não soube qual veneno era porque fui eu quem pediu.” “Não é questão de colocar a vida em risco.” “E é muito galanteador também. É simples. Agora. ele se levantou da cadeira. podemos encerrar por aqui. “Eu tentei enganar o senador.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Como posso confiar em você? Ainda não me disse o que vai fazer com Eric.” Sookita respirou fundo ao contar finalmente a verdade “Não façam nada com ele. Não foi Eric quem pediu o veneno.”. Apertou um botão em cima da mesa. eu simplesmente não suporto mentiras. voltou-se na direção de Sookita e disse: “A Senhorita confirma que pediu o cianureto em nome de Eric Colunga e por conta própria resolveu ir até o Senador Morales colocando em risco toda a missão?” “ Sim. como pode ver. Você está colocando a sua vida em risco para ajudá-lo. Que tipo de jogo estão querendo fazer?” “Estou falando a verdade. confirmo. e ele não soube responder qual veneno pediu.” Santiago mexeu rapidamente no computador. se você quiser confirmar.” “Obrigado.” “Bem.” “Nós já perguntamos. quem estragou a missão fui eu. acho que não precisa mais de uma confirmação.” “Como pode garantir que ele não está te obrigando a fazer isso?” “Eric pode ser muitas coisas. minha cara menina. agi sozinha pensando que poderia matá-lo.

28 . Ela ficou desconcertada com essa ação dele. Ou dizendo que estava apaixonado. Antes que pudesse continuar caminhando. O pior disso tudo seria encarar o prefeito depois. era tão alto quanto Eric só que moreno e nada simpático. “O Senhor Leroy irá levá-la novamente para onde estava. ela perguntou esperançosa levantando lentamente da cadeira.”. sabia quanto os vampiros da Autoridade adoravam protelar uma decisão.” Antes que ela pudesse responder. Pela primeira vez ela viu o vampiro. pensou irritado. queria contar logo a boa notícia pra ele. ainda tinha uma longa noite de espera pela frente.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Vai cumprir o que me prometeu?”“. “Pensei que não fosse acabar nunca. sua sócia e amiga íntima sabia ser irritante quando queria e ficaria eternamente esfregando em sua cara o fracasso. Daqui a pouco avisaremos de nossa decisão final. disse ele cinicamente. E Pam. Leroy entrou na sala e a saiu puxando pelos corredores. tudo fracassou. Espero que não tenha inventado mais mentiras do que já me contou. “Sim. Maldito momento que aceitou em fazer essa missão. ele sorriu caminhando na direção de Sookita e ficou na ponta do pé ao dar um beijo estalado na bochecha. a porta pesada se abriu e Sookita voltou com o rosto vermelho e parecendo animada. colocou a mão na bochecha como se tivesse queimando e sorriu timidamente. não tenha dúvida disso. gostaria de ser mais frio e controlado. Ainda sentia a eletricidade no seu corpo por conta da conversa raivosa que teve com ela.”. Sookita havia saído por quase uma hora e ele não fazia ideia do que estava acontecendo. Pegou o celular e olhou as horas. Sookita estava tão eufórica que nem se importou com a piada. realmente não sabia o que era pior. ----------------------------------Eric caminhava de um lado para o outro na sala. assumiu uma culpa por uma pessoa que não merecia e agora seria exemplarmente punido. mas ultimamente não conseguia tanto quanto antes.

” “Por que fez isso? Seu noivo quem mandou?”. “Não quis insinuar nada. não precisa agradecer. perguntou friamente. Não é maravilhoso?” Eric balançou a cabeça por alguns segundos sem entender o que tinha ouvido. aliás. segurou a 29 .” “Você já disse isso tantas vezes que é capaz de realmente acreditar que não sente nada. disse ela cruzando os braços. Quer um beijo como retribuição pelo seu ato tão altruísta?” “Por que faz isso? Não quero nada em retribuição. “Será que não posso ir embora daqui? Já fiz o que tinha que fazer.. “Ao contrário do que você pensa. eu vou me casar com Bill. só fiz o que achei certo. ele entendeu e não vai te torturar. ele deu de ombros.” “Eu fiz o que achei certo. Bill não manda em mim. contei a verdade pra ele.” “O que eu sinto ou deixo de sentir. “Então. era isso que eu queria dizer naquele dia na boate. E agradeço por você ter tomado partido.”.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Você não precisa mais se preocupar. não pense que foi por alguma coisa a mais entre nós. ele tentava esconder a surpresa diante das palavras dela. eu conversei com o Senhor Santiago sobre a missão..” “Estou emocionado.” Novamente ele cobriu a distância entre os dois em segundos. não é da sua conta. “Você por acaso sentou no colo dele e gozou para conseguir isso?”. cínico e mal agradecido. Disse que fui a culpada pelo fracasso da missão. Não faria sentido sentir alguma coisa por você.” Sookita estava cansada de discutir com aquele vampiro debochado. Fiz isso porque não seria justo com você. “Será que dava pra você deixar esse cinismo por dois minutos? Não escutou o que eu disse? Te livrei da tortura.”. como conseguiu essa proeza?” “Muito simples.

Nunca pensou que fosse tão estúpida. Encostou-se na parede ao lado da porta evitando olhar para ele. Não acreditava que depois do que tinha feito. Eric estava parado no meio da sala. mas estava perto dele. não parecia que estavam tanto tempo sem se ver. Sookita segurou nos cabelos dele procurando algum apoio. mas por alguns minutos ela esqueceu de tudo isso. Sookita perdeu a noção do tempo. em silêncio. o coque desmanchado pelo vampiro quando se beijaram e evitava olhar na direção dele. iria esperar a decisão da Autoridade. E imaginar que ela tinha feito tudo aquilo para ajudá-lo. Ele colou os lábios dele sobre os dela e a beijou intensamente. Estava quase pedindo para ele possuí-la ali mesmo. com as pernas separadas. Eric desceu uma mão até o seio dela apertando com intimidade. Leroy entrou na sala fazendo apenas um movimento com as mãos indicando para o seguirem. foi pega de surpresa e deixou a língua dele brincar dentro de sua boca. Não trocaram mais nenhuma palavra depois do acontecido. ele ainda queria humilha-la. Beijava ele de volta com vontade. Não tinha mais dúvidas de que a ansiedade que sentia estava relacionada a falta da presença constante dele. morrendo de vergonha por ter sucumbido tão facilmente. Preferiu ficar onde estava. A cadeira parecia tão convidativa. sua perna já estava dormente de tanto ficar em pé. deveria tê-lo deixado se danar.Escravos do Amor – Segunda Temporada cabeça de Sookita entre suas mãos. E percebeu o quanto aquilo fez falta desde que se separaram. Ela estava de braços cruzados. A porta se abriu. Eric foi logo em seguida. infelizmente a paixonite não tinha passado e talvez demorasse muito ainda. Ainda sentia tudo por ele. Eric já tinha deixado bem claro que não sentia nada por ela. Sookita saiu primeiro. emburrada. esqueceu do que ele tinha feito na missão e esqueceu da razão. pensou revoltada. não queria confirmar a verdade do que ele disse. quase cobrindo o rosto todo. necessitava daquilo. Ela não falou mais nada. olhava na direção do vidro observando através cada movimento dela. explorava cada parte do que ele estava dando naquele momento. e de costas para Sookita. Quando de repente Eric a soltou e se afastou limpando a boca dizendo: “Humm. esqueceu que era noiva. realmente você não sente nada por mim. Ela não ofereceu resistência diante daquele gesto." Sookita estava com o rosto em chamas. ele era bem grande e ela não dava conta de todo aquele peso. não esperou pelo vampiro. 30 .

“Senhor Colunga. e não iria olhar para trás para conferir se ele estava ali também. pode se aproximar um pouco mais. Eric ficou um pouco atrás. A vampira abriu um largo sorriso e o vampiro jovem tamborilou os dedos na mesa. não se moviam. Sookita estava gostando de todo aquele silêncio em sua mente e a sua volta. Podemos começar. ficou de braços cruzados encarando o vampiro baixinho. não ouviu os passos de Eric. se ouvia apenas o som do salto de Sookita batendo no mármore. Estava se sentindo incomodada ao ser analisada daquela maneira. arrumava o cabelo solto torcendo para seu noivo não perceber a mudança. Santiago deu um sorriso de canto após dizer isso. quem estava ali em pé. o outro era uma mulher de cabelos escuros com um olhar penetrante. parecia encantada com o que estava vendo. também ricamente decorada como o resto do lugar. Ele apenas sorriu de volta tentando confortá-la. No outro lado. Ela fez o pedido do cianureto em nome de Eric Henrique Colunga. Mas o olhar da vampira demonstrava o contrário. “Agora sim. Nossa confabulação demorou mais do que deveria. Os outros dois vampiros nada diziam. Sookita não conseguiu vislumbrar quem estava ali.”. pelo jeito os dois não se davam muito bem. Reconheceu Santiago sentado no meio de outros dois vampiros.” 31 . Não precisa ter medo. Eric se aproximou sem vontade.Escravos do Amor – Segunda Temporada Dessa vez não demoraram muito para chegar. estamos todos reunidos. O silêncio continuava reinando na sala. Caminhava atrás de Leroy. mas sem a permissão do mesmo. seu noivo. ele balançou a cabeça na direção dela. A vampira não tirava os olhos de Sookita. ele fez uma pausa dramática. Bill segurou uma risada.”. Sookita até imaginou que talvez fossem estátuas quando entrou na sala. Sookita sentiu a tensão no ar. havia uma mesa retangular com três vampiros sentados e outro em pé de costas para a entrada. não fizeram o mesmo caminho. De qualquer maneira chegamos numa conclusão satisfatória após ouvirmos a Senhorita Sookita Montenegro. Conforme foram chegando perto. Sookita apenas sorriu de volta. “A Senhorita Montenegro assumiu a culpa pelo fracasso da missão em Tijuana. ela percebeu que Bill. Parou ao lado de Bill sentindo um frio no estômago.”. Santiago finalmente quebrou o silêncio dizendo: “Espero que nos perdoem pelo longo atraso. Entraram numa nova sala. um parecia bem novo e bonito. bem distante.

ele não merecia levar a culpa. Portanto. não estou entendendo. “Como a Senhorita Montenegro está fora de nossa jurisdição. Os outros dois vampiros da mesa olharam furiosos na direção dela. não temos como duvidar do erro da Senhorita Montenegro. pensou ainda gargalhando. que enxugava uma lágrima de sangue dos olhos de tanto rir. eu imploro. Senhor de La Vega sofrerá a punição no lugar de sua consorte. apesar de tudo que tinha acontecido. Agora ouviria a sua sentença. acreditava que todos os vampiros na sala podiam ouvir. ele não mencionou o cianureto. não faça isso com meu noivo. Apertou as mãos e manteve a cabeça ereta. não ousava falar e nem olhar para sua noiva. o vampiro responsável por ela sofrerá as penalidades necessárias. “Senhor Santiago. um erro muito grave por sinal que colocou a vida dela em risco. ele tinha esperado tudo menos aquilo. Sookita estava furiosa.”. Bill continuava impassível. Santiago lançou um olhar severo. não conseguiu parar de rir diante da situação. ela não conseguiu encarar Bill e muito menos Eric após a fala de Santiago. mesmo se tivesse arquitetado aquele plano não teria saído tão perfeito naquele momento. Ele não merece ser punido em meu lugar. sua sentença cairia sobre Bill? O que estava acontecendo? Tinha livrado Eric justamente porque seria injusto colocar a culpa em um inocente. Não acabamos ainda com você. “Senhor Santiago. mais um pouco e tinha voado em cima de Eric. “Quando interrogamos o Senhor Colunga.Escravos do Amor – Segunda Temporada O rosto de Sookita estava vermelho. não movia um músculo. Eu aceito 32 . fingindo que o assunto não era com ela. exigimos respeito. “Senhor Colunga. Sem querer tudo tinha se voltado contra Bill. agora seu noivo que não tinha absolutamente nada a ver com a missão receberia a punição. Iremos poupar o Senhor Colunga pela falha da missão. seu coração estava batendo desesperadamente. perguntou nervosamente.”. Ela respirou aliviada diante daquelas palavras. Santiago apontou na direção de Eric. meu noivo não teve culpa.” Sookita achou que não tinha escutado direito. Sookita pelo jeito não tinha combinado essa parte com seu noivo. Eric soltou uma gargalhada.”.

Bill comentou com a voz embargada.”. Sookita chorava sem parar escondendo o rosto nas mãos. “Desculpe. e quem estava rindo agora eram os dois vampiros que estavam com Santiago.”. Senhor de La Vega. é de vampiros valorosos que precisamos entre nós. Eric não teve tempo de responder.”. Não precisa fazer isso. olhou com ódio na direção de Eric. antes que ele saísse da sala. Santiago se aproximou e a abraçou.” Sookita se deixou abraçar por Santiago.”. meu amor. “Podem levá-los daqui”. Dará tudo certo. ele a beijou na testa. Me perdoe. seu noivo deveria ter contado que era o responsável por você entre nós. alguém precisa pagar pelos erros.”.” Sookita abriu um sorriso imenso. “Calma.Escravos do Amor – Segunda Temporada qualquer condição. o rosto dele batia na altura dos seios.”. Eu não queria fazer isso com você. Santiago tocou um botão em cima da mesa e dois guardas entraram na sala. “Mas. Ao olhar em volta na sala 33 . “Posso ir embora?”. por favor. o senhor não estará sozinho. Eram observados pelos vampiros que continuavam sentados atrás da mesa. pelo menos ele não estava mais rindo. perguntou depois de um tempo. Ela correu chorando para os braços de Bill. “Ótimo. parecia que abraçava uma criança. Imaginou que iríamos nos comover com o relato apaixonado de sua amiguinha de missão. Eric Henrique Colunga também será exemplarmente punido por ter mentido para nós sobre a missão e não ter descoberto quem roubou o carregamento de V em nossa cidade. minha cara. olhou de Bill para Eric. olhou de canto para Eric. “Sookita. O mais jovem apontou para Eric e disse: “Pensou mesmo que iria escapar dessa? Não creio nisso. apontou para Sookita de maneira displicente. Eric e Bill foram retirados da sala. “Não se preocupe. A culpa não foi sua. Daqui uma semana nos vemos. eu aceito o que foi imposto. ela o abraçava desesperadamente. Eric observava a cena friamente.

claro.”. “Pode. estava tão cansada. ela disse entre soluços. É o correto. “Obrigada.. Queria dormir e não acordar mais.”. Não queria pensar no sofrimento que causou ao seu noivo. Os outros dois saíram e ela nem percebeu. mas. não precisa agradecer.. apenas ela e o vampiro.Escravos do Amor – Segunda Temporada não havia mais ninguém. “Antes que eu me esqueça. alias. 34 . prometemos não coloca-la em risco numa próxima vez. ele sorriu ternamente.” Ela engoliu em seco. E por favor. Nunca iria acostumar com esses poderes dos vampiros.”.” “Mas. “Não posso contar senão perderá a graça. não machuquem tanto o meu Bill. Não. ele se afastou. não queria mais conversar com o vampiro. precisamos de você no fim da punição aos dois. para o que?”. “Infelizmente não podemos prometer isso. não queria saber mais de vampiros naquela noite. Nós iremos pagá-la o prometido pela missão.. ela perguntou com medo da resposta..

Escravos do Amor – Segunda Temporada Capítulo 19 A Marca da Maldade He was some kind of a man. What does it matter what you say about people? 35 .

Os guardas que os estavam escoltando mandaram parar num longo corredor escuro com paredes revestidas de pedra. não gostaram do rumo que aquilo estava tomando. 36 . “Tirem as roupas”. o guarda respondeu e o outro deu uma risadinha. “Por que eu devo tirar a minha roupa? Não estamos aqui para filmar um pornô ou me enganei?”. “Se não calar a boca além da tortura será obrigado a filmar o pornô também. Pensei que você já soubesse disso. Abriram a porta empurrando os dois para dentro. Questionava os motivos que levaram sua noiva a se entregar. Bill perguntou no mesmo tom. Bill sabia muito bem o que acontecia ali. Os dois estavam sendo levados para uma sala no quinto andar subterrâneo do quartel-general da Autoridade. Sookita é muito influenciável.Escravos do Amor – Segunda Temporada Bill demorou a digerir tudo o que tinha acontecido. é bem diferente do que você deve ter feito para ela na missão. “Você a coagiu a inventar tudo aquilo?”. tinha ido apenas para acompanhar Sookita e agora estava sendo levado para a tortura. Teria Eric influenciado de alguma maneira? Pelo que soube eles ficaram juntos esperando pelo veredito. Eric comentou para Bill com um sorriso sarcástico. Façam o que mandei. Eric tirou o sorriso do rosto e olhou sério pra ele. No fundo.” “Do que eu fiz? Até quando você pensa que vai me enganar com isso?”. não tinha outra opção. ele agradecia por terem poupado Sookita. Apesar da precipitação em contar a verdade.”. já tinha presenciado e se divertido com muitas torturas. Eric soltou uma sonora gargalhada e respondeu: “Com certeza eu a coagi. Eric se aproximou dos dois guardas parados na porta.” “Ela é inocente. Algo que não tinha se preparado e não gostava de ser pego na surpresa. “Aposto que você não estava esperando por essa. ela não merecia o castigo. Até de alguns humanos. E Bill de qualquer maneira iria perdoá-la. pareciam bem antigas. um dos guardas exigiu numa voz autoritária.”. apesar de terem hipnotizado depois para esquecerem o que passaram. Bill e Eric se entreolharam.

o outro guarda pediu. Bill olhou horrorizado diante da atitude de seu inimigo.”.”.”. Fecharam a porta de ferro.” Bill não aguentou a provocação partindo para cima de Eric. esperando o que viria pela frente. “Bem-vindo a Idade das Trevas.” “Realmente. “As cuecas também. não queira saber o que acontecerá. olhou para o outro guarda e gargalharam. O vampiro bateu com as costas violentamente nas pedras caindo no chão. infelizmente nem mais pra isso você serve. “Joguem as roupas pra cá. “Bastava você ter matado o senador. temo pelo o que vem em seguida. Bill manteve-se calado e se despiu em seguida. “Não tenham vergonha. o empurrou na direção da outra parede na sala. Bill disse apreensivo. Bill avançou dando socos no rosto de Eric.” “Se sua preciosa noiva não tivesse atrapalhado tudo a mando seu. “Você deve saber bem. “Está bom demais pra ser verdade.”. Eric disse cinicamente. Senhor Prefeito. mas o outro o conteve a tempo: “Não é para tocarmos neles. O guarda fez menção de atirar em Eric. sem vontade começou a se despir. Sempre participou dessas atividades. Bill jogou na direção do que estava mais a frente. Eric e Bill ficaram na penumbra. Ambos tiraram as cuecas a contragosto. Bill comentou com raiva. o guarda disse pesaroso. ele exigiu. Limpe a boca para falar qualquer coisa. vamos entender que estarão encolhidos”. sem dúvida os envolveriam em mais problemas.”.Escravos do Amor – Segunda Temporada Eric levantou os braços se afastando. 37 . e Eric mandou com força acertando o rosto do outro. Admirava Eric continuar vivo por tanto tempo com essa personalidade que tinha. aqui está gelado.”. Os dois jogaram as roupas ficando apenas de cueca. Talvez fosse por isso que ele era Prefeito e o outro um reles agente da Autoridade.

ela sorriu. Estava com medo do que iria acontecer ao seu noivo e pensava se realmente tinha feito à coisa certa ao contar a verdade. Alguém já foi avisá-la. não vai precisar de tortura. ela não viu nada do caminho. não briguem mais. ela voltou-se na direção de Bill e Eric. meu caro. pois novamente foi vendada. “Já estou pagando por sua estupidez e a de Sookita”. “Preciso falar com minha filha. Vou te matar aqui mesmo!”. Bill rosnava entre dentes. levantou usando sua velocidade vampiresca e colocou o pé descalço na cara do prefeito. Olhou para o anel de noivado em seu dedo. Além de não conseguir convencê-lo acabou levando seu próprio noivo para o exílio. porém os resultados foram desastrosos. por favor. “Não gostei do seu pau encostando em mim. Leroy a trouxe de volta.” “Seu filho da puta. A porta novamente se abriu. sentiu uma pontada no peito. mas ultimamente todas as suas ações estavam se voltando contra ela.”.”.” ---------------------------------------------Havia se passado um dia desde que Sookita deixou Bill e Eric para trás na Autoridade. vocês realmente vão precisar de muita durante essa semana. Vai pagar caro por isso. disse afastando os pés de Eric com ódio. “Acreditem. meninos. Achou estranho não ter visto mais o motorista de Bill. “Venham comigo e. Não gastem energia com bobagem. 38 . Não sabia o porquê. Ela não sabe o que está acontecendo.” “Não se preocupe.”. Não queremos filhas chorosas fazendo escândalo por aí.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Seu maldito. Eric sem dificuldades deu uma rasteira em Bill.” Bill levantou rapidamente se aproximando da vampira. assim como as de Eric. e a vampira que estava no julgamento apareceu se divertindo com a cena. As presas de Bill estavam expostas. Decidiu conversar com Santiago para tentar ao menos atenuar a situação complicada de Eric. não briguem. Bill. “Oh.

ela segurava no pescoço de Sookita. ainda mais depois do beijo forçado que trocaram. pensou que fosse se safar!”. Sua casa andou uma bagunça. o tom das nuvens avermelhadas misturados com o inicio da escuridão. O sangue entrava em sua boca. e também em Eric. disse Sookita tentando se desvencilhar da Vampira. Certas partes de seu corpo pareciam ganhar vida. “Você fodeu meu pai entregando ele para a Autoridade. Foi na direção da entrada da casa. os pesados sacos de lixo faziam com que tropeçasse conforme caminhava. as duas faziam isso juntas e se divertiam tanto. Estava anoitecendo. ele gostava de bancar a vítima da situação. Sookita foi arremessada na direção da casa. Ela não estava conseguindo se concentrar em outra coisa.” Jessica enterrou fundo as presas no pescoço de Sookita. Voltou caminhando lentamente para a casa. Queria mais e mais aquele sangue dentro de si. Sentia falta de sua avó. era a mesma sensação de quando abriu os olhos pela primeira vez como vampira. Os olhos de Sookita lacrimejaram por conta da dor. Antes que pudesse reagir. precisou fazer uma limpeza. só pensava em seu noivo. Por mais que tentasse. para seu profundo ódio. por mais estranho que isso parecesse. provavelmente tinha ido chorar nos ombros de Lafayette. “Agora vai pagar por isso. caminhou até a cozinha para pegar os sacos de lixo. descendo pela garganta. Colocou na lixeira para serem levados. sentia o peito dela arfando e isso dava mais prazer. num sabor delicioso. não queria parar de sentir em suas presas. observava o anoitecer. “Jessica. bateu com força numa das vigas da varanda e caiu esparramada no chão de madeira. ele ainda voltava em sua mente. De repente saiu do chão. nem conseguiu gritar. fazia tempo que não ia a Igreja. Sookita não iria se preocupar ainda com o sumiço do irmão. Ela nunca tinha experimentado nada assim antes. o que você está fazendo?”. não tem ninguém aqui para te defender. algo pulou em cima dela e desferiu um golpe na bochecha. “Sua vagabunda. em seguida olhou dentro da caixa de correio e não havia nada. Agora era apenas ela e Deus. Ela passou um dedo no lábio ao relembrar o contato dele. 39 .”. a voz de Jessica ecoou na varanda.Escravos do Amor – Segunda Temporada Jason não apareceu mais desde a conversa que tiveram no outro dia. Sorriu diante desse pensamento. fazendo com que se sentisse quase humana novamente. e não estava sentindo falta.

”. Alcide se colocou na frente de Tara. cachorro..”.”. Jessica ameaçou se postando em posição de ataque. e estava bem fraca. Não podia entrar em desespero. Já você. Jessica gritou com lágrimas de sangue escorrendo pelo rosto misturando com o sangue da pedrada.”. A conhecia do bar do Sam.” “Eu irei hipnotizar os policiais e nada acontecerá comigo. Temia pela vida da amiga. não estava mais perto de Sookita. Antes que fosse atacada pela vampira. a vampira estava distraída tentando atacar o lobo. ela exibiu as presas avançando na direção dele. deu um grito de dor. “Pode vir. ele gritou para Tara.Escravos do Amor – Segunda Temporada Antes que pudesse continuar com o banquete. pare com isso! Seu pai ficará furioso quando descobrir o que fez.”. Eu já chamei a polícia. 40 . segurava uma enorme corrente de prata na mão. sua sugadora de almas. Tara lançou a pedra na direção de Jessica arranjando toda a força que tinha. rosnava ameaçadoramente. não tenho medo. ainda fica bancando o herói. Tara gritou de volta batendo no peito.”. Olhou para seu agressor. mirava na direção da vampira. respirava fundo enquanto observava o sangue escorrer do pescoço dela. a pedra passou pela janela parando dentro da casa de Sookita.. “Vá ajudar Sookita. não queria imaginar que fosse perdê-la dessa maneira. mas não se lembrava do nome “Saia daqui. O sangue escorria abundantemente de sua cabeça até o seu peito. Colocou a mão no pulso dela para sentir a pulsação. uma moça negra estava segurando uma enorme pedra. “Vou ser obrigada a te matar.Sookita não gosta de você. sou boazinha. O lobo balançou a corrente por cima da cabeça. “Vou contar até 3. a vampira gargalhou. só usa as pessoas. “Seu verme. Jessica recebeu uma pancada na cabeça e rolou ao lado do corpo de Sookita. Tara correu na direção da amiga. “Jessica. ele tentava colocar algum tipo de senso na cabeça da vampira. irei deixar em picadinhos.”.. Jessica desviou sem dificuldades. vou deixar você correr antes. ela não gosta de ninguém..

“Achei que não iriam chegar mais. nem quero imaginar.”. ela chorava copiosamente. coloquem no quarto do pânico do prefeito. O guarda caminhou até Tara. o lobo empurrou Jessica de lado e se levantou. Tara correu desesperada na direção do grupo. parecendo um agente secreto respondeu. eu preciso de ajuda. observou Alcide.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Alcide. “Levem-na daqui. “Pelo amor de Deus. 41 . antes que pudesse atacá-lo foi atingida por uma bala na nuca caindo desmaiada em cima do lobo. não sei se meu pai saíra vivo de lá. Tara disse preocupada. a vampira já foi contida. Viemos o mais rápido que pudemos. senhor.” Mais dois vampiros apareceram. não poderia desviar um minuto a atenção de Jessica. Saltou na direção de Alcide. “Desculpe. Sookita não está nada bem. um vampiro de terno. Sookita continuava respirando com dificuldade.”.”. “Quando seu pai souber o que fez. vá embora antes que seja tarde!”.. segurou-a pelos ombros encarando fixamente nos olhos dela começando a hipnotizá-la: “Sua amiga estava sendo atacada por um vampiro faminto e de pele negra. Alcide voltou-se na direção do primeiro guarda sussurrando algo no ouvido dele.. vestidos igual ao primeiro.”. Faziam parte da segurança do prefeito e tinham Alcide como chefe. o tiro com bala de prata tinha sido perfeito na nuca de Jessica. Aproveitou para dar um chute na vampira desmaiada.. “Podem vir todos. Sorte que a guarda do prefeito era bem treinada para situações de perigo. Ela precisará pensar no que fez..”. “Não quero saber. precisamos levá-la para o hospital. usava um ponto eletrônico no ouvido. minha amiga precisa de ajuda. Dois guardas se aproximaram pegando Jessica do chão e a levaram na direção do carro que estava estacionando ali perto. o lobo observava desolado a vampira desmaiada no chão. ele ignorou as palavras de Tara. Está morrendo!” ela gritava desesperada.

a filha do prefeito. Daqui cinco minutos você irá até o carro de Alcide”.Escravos do Amor – Segunda Temporada Estava mal vestido. Parou alguns metros da casa quando viu uma movimentação estranha na varanda. enquanto os guardas estavam indo embora com Jessica. O que faria sem Eric? Iria encontrar o sol se ele morresse? Caminhava rapidamente até a casa de Sookita. A chegada do lobo.B. bobo da corte do prefeito.I. Pelo jeito estaria se vingando pelo papai ser torturado. Já tinha ouvido relatos de vampiros que sucumbiram diante da tortura. Ficou chocada quando Tara surgiu ali e acertou o vampiro. Depois os guardas cafonas que pensavam ser do F. Quando Alcide e Tara foram embora com Sookita ainda viva. observava o desenrolar da cena. ela conseguia exalar mesmo distante. um vampiro que trabalhava na Autoridade. mas deveria ser algum complexo masculino de poder e carro barulhento. Jessica. as duas queriam se vingar de Sookita e escolheram exatamente o mesmo dia. Pam sufocou um grito quando vislumbrou quem realmente era o vampiro atacante. de que Eric realmente seria punido e ficaria fora por uma semana. o guarda confirmou para seu chefe que tinha funcionado. Bill definitivamente não era um bom pai como Eric. O lobo carregou Sookita para a caminhonete. não queria que nenhum funcionário a visse saindo do Martillo com o carro chique do patrão e muito menos que a dançarina a ouvisse chegando com aquele carro barulhento. Tinha agido antes de Pam. Resolveu voltar para o Martillo e pensar sobre o que faria com o que acabara de presenciar. Pam estremeceu diante da possibilidade de algo ruim acontecer ao seu amado patrão. Por isso a garçonete sempre chegava atrasada. Esperou Tara aparecer e foram direto para o hospital. Manteve uma distância segura. parecia um mendigo. pensou. não suportava quando Eric o usava para se exibir. estava com a amiguinha dançarina. quando veio te atacar foi salva por Alcide que estava vindo entregar uma mensagem do prefeito para Sookita. Não que ele precisasse disso. 42 . Pam balançou a cabeça com a ingenuidade de Jessica em não perceber que estavam ganhando tempo para atacá-la. -----------------------------------Demoraria ainda algumas horas para o Santo Martillo abrir naquela noite. o cheiro de sangue era forte. Você jogou uma pedra nele. Pam ainda conseguiu ouvir os batimentos da moça. Só o motor roncando estremecia o quarteirão. O vampiro se assustou e fugiu. ainda mais depois da péssima notícia dada por Leroy.

não poderia deixar os policiais chegarem nela antes ou mesmo a Autoridade. Recebeu muito sangue 43 . inclusive faltando o emprego. teria mesmo coragem de matar sua futura madrasta? Ela tinha plena consciência que seu pai jamais aprovaria tal coisa. disseram que estava muito cansada. Felizmente Sookita conseguiu chegar com vida ao hospital e foi prontamente atendida pela equipe médica. ele não gostaria de estar no lugar de Jessica. Desde o ataque. Estava sentado havia umas duas horas. mas era quase impossível. seu corpo precisava de sangue e o rosto estava com hematomas. parecia que nada havia acontecido. mudava de posição várias vezes pelo incomodo. O lobo admirava o carinho da moça por Sookita. Tara também passava horas no hospital. Tentava não se preocupar com ela. nesse momento estava sozinho esperando por novas informações. Finalmente o médico plantonista daquele horário apareceu e disse que Alcide estava liberado para visita. Ela continuava trancada no quarto do pânico de Bill. reparou que havia um vaso com flores ao lado da cama. Quando entrou no quarto. nos deu um susto e tanto. ele sorriu ao segurar a mão gelada dela que estava pousada imóvel na cama. não se via muito isso hoje em dia. se algum dia seu patrão descobrisse o que realmente tinha acontecido. com algumas marcas roxas na face. Ele puxou uma cadeira e sentou-se ao lado da cama. o lobo passava horas e horas no hospital esperando a moça acordar.”. Quando Tara chamou sua atenção. “Quanto tempo eu dormi?”. sem dúvida tinha sido um gesto de Tara para alegrar o ambiente. perguntou com a voz um pouco rouca. e no fundo desejava que Jessica fosse apenas uma moça normal como qualquer outra. seria um caminho quase sem volta. Precisava ser o primeiro a falar com ela para descobrir o que se lembrava do ataque.Escravos do Amor – Segunda Temporada ---------------------------- Dois dias havia passado desde que Sookita foi atacada brutalmente por Jessica. “Dona Sookita. ela ainda estava pálida. e segundo os guardas a vampira estava mais eufórica do que nunca. ele pensou que fosse tarde demais. Mesmo com sua atenção voltada para Sookita. Alcide também procurava saber de Jessica. Observou Sookita pela primeira vez desde o acidente. “Uns dois dias. Alcide ainda não tinha entendido o que levou a vampira a agir daquela forma.

Eu pedi para um guarda fazer Tara esquecer. sem janela. sei que não fez por mal. diria até divino. 44 .. não saberia dizer se era mágica ou o que. se o lobo soubesse a verdade não diria tal coisa. O monitor piscou. Algo maravilhoso tinha acontecido. sei muito bem e acho que até mereci. Dona Sookita. Jessica agiu por impulso. ele falou desapontado. O Senhor Bill é um homem de sorte. não sei o que ele faria com ela. gritava de felicidade e ignorava o lobo. Jessica pulava sem parar na cama. “Só eu e você. “É uma santa. estava em outro plano. ela respondeu minutos depois visivelmente irritada. sabemos que foi Jessica. Jessica! Por que ela fez isso?”.” “Meu deus. ela só estava tentando vingar o pai. passava muito longe de ser uma santa. ela o ignorava. já pediram para chamarmos umas 10 pessoas para doar ao Hospital por conta de tanto sangue que recebeu. não sentiu mais necessidade de se alimentar de sangue desde que drenou Sookita. ele gritou várias vezes.” ------------------------------------Jessica pulava de um lado para o outro naquele quarto pequeno. não aguentava a vivacidade em seu corpo.Escravos do Amor – Segunda Temporada também. você se lembra. “Jessica? Jessica?”. Dona Tara. “O que o guarda contou para Tara? Preciso confirmar a história para todos..” “Então. Sookita disse completamente chocada. a sensação maravilhosa. Só queria continuar com o que estava sentindo indefinidamente. “Na verdade.” Alcide apertou a mão dela sorrindo em gratidão ao ouvir aquelas palavras.” Sookita sorriu diante das palavras dele. Alias. é uma grande amiga. Parecia até que sentia o frio do aço quando roçava em sua pele.” “Bill não pode saber disso.”. apenas que beber Sookita foi a melhor sensação que já sentiu. Dona Sookita. Dona Sookita. totalmente feito de aço com apenas uma cama e caixas e mais caixas de TruBlood. Ela era culpada por tudo de ruim que estava acontecendo com Bill. a voz de Alcide surgiu no quarto. “O que você quer?”. De vez em quando Alcide aparecia no monitor perguntando se tudo estava bem. Quase quebrou a cama de tanto que pulou em cima.

Escravos do Amor – Segunda Temporada “O que deu em você? Por acaso já esqueceu o que fez? Dona Sookita não morreu. se é disso que tem medo.” “Não me arrependi. Poderia ter contado sobre Jessica. fico feliz que tenha se arrependido. apenas uma dor intensa conforme o sangue era sugado de seu pescoço. Se soubesse que seria dessa maneira.. idiota. Minutos depois voltou a pular em cima da cama.. “Não sei explicar.. mas não teve coragem de fazer isso com Bill estando fora e sofrendo.” E cortou a comunicação com a vampira. Jessica ficou pensativa. Tive que fazer o maior malabarismo e inventar uma história que parecesse lógica. ela parou de pular e sentou na cama de uma vez. depois dois policiais para colher o depoimento e por fim Tara. “Dona Sookita não irá te entregar para a policia e a Autoridade. seu pai voltará em poucos dias. vou deixar você aí mais uns dias para pensar no que fez.contar pra ele o que eu fiz?”. “Vejo que uns dias trancada nesse quarto fizeram você pensar melhor. e nem sou religiosa. ao lembrar-se disso sentiu um estremecimento no corpo..”. “Infelizmente não. Só havia sido mordida antes por Eric.” “Do que você está falando?”. a mordida de Jessica foi completamente diferente.. Mas. mas é como se fosse viva novamente. teria voltado a dormir. Não vou tentar matar Sookita novamente.” “Você. Infelizmente se lembrava do ocorrido com 45 . É melhor ir saindo desse seu estado anormal. Recebeu visita de Alcide. lançou um olhar sonhador para o monitor. O sangue dela é a melhor coisa que provei.” “Ainda não. se for esse o motivo de tanta euforia. -----------------------------Sookita não imaginava que ao acordar teria um dia tão agitado. libertarei você.” “Pode abrir essa droga de porta.” “Não morreu? Graças a Deus.”. não teve nada prazeroso.pretende.. agora Alcide estava visivelmente preocupado. ela disse num fio de voz. Quando o seu pai voltar.

Sookita fez sinal para ela se aproximar um pouco. a noite caía lá fora. ouvi dizer que ela não ficou nenhum pouco feliz quando descobriu que seu pai seria torturado por sua causa.” Pam respondeu sem paciência. “Fui atacada por um vampiro perdido que foi parar na minha casa. O Chefe da Segurança de Bill me salvou a tempo. Simpatia não é meu forte. fazia jus trabalhar ao 46 .. Pior que nem imaginava o que iria enfrentar quando Bill voltasse e como iria conviver com Jessica sem demonstrar o que aconteceu. E estou bem. me poupa de perguntar o que aconteceu com você. não sabia que havia tanta animosidade por parte dela.Escravos do Amor – Segunda Temporada muita clareza.” Sookita se mexeu na cama.” “Muito bom você ter tocado logo no assunto. Encostou a cabeça no travesseiro.” “Tara não contou?”. ela insistiu. perguntou irritada.”.” “Sério? Jurava que tinha sido a filha sem sal do prefeito.” “Vejo que Eric te ensinou bem. Ficou chocada com a perspicácia de Pam. “Claro que não.”. Pam estava muito bem vestida e segurava um pequeno jarro de flores roxas. Parecia muito com as rosas usadas em enterros. “Nem adiantou avisar que eu não queria mais visitas. estava dolorido ainda. logo eu que sou sua melhor amiga e vim de tão longe só para visitá-la. Não podia negar que jamais imaginaria um ataque desses pela filha de Bill. Uma enfermeira morena entrou no quarto.. só me avisou que você estava aqui quando eu perguntei por onde você andava. Sorriu cinicamente para a enfermeira e esperou que ela se retirasse do quarto. não poderia demonstrar que a vampira estava no caminho certo. estava novamente com sono. “Não. “Era para avisar que a senhorita tem visita. mas bem atrás da moça surgiu Pam. Sookita passou a mão no local da mordida. disse a enfermeira. apenas encontrou a gaze. Sookita franziu o cenho para Pam.

“Então você contou mesmo a verdade... Sookita deu uma risadinha nervosa. É patético. muito menos agora sabendo que a Autoridade pune vampiros por erros humanos.” “Olha só. isso não me interessa.”.” “O que eu fiz? Você não sabe de nada. Bill foi punido no meu lugar.” “Você não faria isso. infelizmente não posso te matar. “Ainda deixou o próprio noivo ficar no seu lugar. pois de certa forma você recebeu uma punição pelo o que fez. Eric não estaria sendo torturado há 3 dias se isso fosse verdade.” disse com desprezo. puxou a gaze da ferida. por que não termina o serviço?” “Por favor. não a vi desde que voltei da Autoridade.Escravos do Amor – Segunda Temporada lado de Eric. Apesar de agradecer em pensamento. e moveu o pescoço na direção da vampira. não venha com esse arzinho de coitada para cima de mim. Se descobriram que foi tudo um plano dos dois. por que Eric continuou lá?” “Porque eu estraguei a missão e Eric mentiu sobre isso. ela gritou nervosa.” “Acho que você deveria reclamar com eles. “Se me odeia tanto. Bem.. “Não encontrei Jessica ainda. já posso confirmar minhas 47 . E ainda chamam isso de evolução.” “Por que veio então?” “Quero saber a verdade. Sookita Dançarina.” Sookita sentou na cama com dificuldade. não comigo. Você é muito pior do que eu pensava. Bill está sofrendo no meu lugar porque eu contei a verdade para ajudar o seu patrão. eu não estou aqui para discutir ou tentar descobrir quem te atacou. Satisfeita?” “Nenhum pouco. “Estou perdendo meu tempo aqui. arquitetou tudo muito bem com o prefeito.” “E Bill também!”.

Sookita trancou a porta da casa e sentou-se no sofá da sala para se distrair com algum filme na televisão.Escravos do Amor – Segunda Temporada suspeitas. O nervosismo começou a tomar conta de seu corpo ao imaginar que essa noite acabaria a sessão de tortura de Eric e Bill. eu sei muito bem como você foi ‘cristã’ nessa missão. Não conseguiu distrair com a televisão. “Oh minha querida. A descoberta do prazer era algo marcante para qualquer mulher. Eric tinha contado o que fizeram? Quase gritou de raiva e vergonha. Não seria cristão. Alcide havia apenas telefonado desde a última visita no hospital. ela piscou para Sookita saindo do quarto em seguida. ou se algo mudaria no relacionamento entre os dois. um reality show sobre misses infantis estava passando.” Pam balançou a cabeça sorrindo. Enfim. Desde o encontro com Pam dias atrás no hospital. Você está apaixonada por Eric. eu já tenho as informações que queria. Sookita ainda ficou um tempo observando a porta aberta deixada pela vampira.”.” “Não estou apaixonada. Sam foi um deles. avisando que Jessica estava consciente do que tinha feito e iria pedir desculpas. Claro que para ele foi apenas mais uma na longa lista. Sookita não sentiu confiança quanto a isso. 48 . mais intenso. Como pode se apaixonar por um vampiro tão sem moral? --------------------------Tara tinha acabado de sair para trabalhar na boate. como ele deveria rir junto de Pam com o que tinha feito na missão. não queria prejudicá-la no trabalho. parecia muito preocupado e trouxe uma caixa de bombom sortida. Não contou da visita de Pam para a amiga. pensou. o que deixou Sookita muito feliz apesar de imaginar o quanto iria engordar. Desde que saiu do hospital recebeu visitas de vários conhecidos. Quanto a Eric? Queimasse no fogo do inferno. apenas não poderia deixar um inocente ser acusado no meu lugar. admitia que estivesse com medo da vampira e com um pouco de raiva também. Ele jamais deveria ter contado algo tão íntimo e tão único que tiveram. E não preciso dizer novamente para ser discreta sobre nossos encontros. mesmo que não fosse com a pessoa certa. mas nem toda a loucura ali desviava sua atenção de seu problema maior. mas para Sookita o significado tinha sido maior. de preferência uma comédia escrachada para rir um pouco da vida. ainda remoía as palavras da outra sobre a missão. Ainda receava como seria recebida por seu noivo.

sua vontade era mandá-lo embora. Tinha certo receio de ser Jessica. Está surpresa com minha visita. como se esperasse ser convidado. entre. 49 . Leroy era um vampiro de poucas palavras. “Senhor Santiago. ela imaginou que talvez tivesse ido longe demais ao dizer isso.”. Ele se mexeu incomodado na poltrona. minha cara menina. ele olhava para dentro da casa. pensei que todos tivessem super visão. Já que são tão poderosos. Ele sentou na poltrona ao lado do sofá. Sookita reparou no vampiro alto e imponente. Santiago estava esperando na varanda... ajeitava os pesados óculos de grau. observava o ambiente em sua volta. Santiago a encarava. não duvide disso. não sabia que vampiros também usavam óculos. será que era Jason? Pensou enquanto caminhava na direção da porta. disse ela um pouco apreensiva com a presença dele. antigo. parado em frente ao carro. “Claro. mas um sorriso iluminou o seu rosto ao pensar que talvez fosse Bill voltando dos horrores da Autoridade. “Mas irá. Santiago entrou na casa. mas sem a força sexual do outro. mas não teve escolha diante das palavras dele. claro que irá. como se fosse matar alguém a qualquer momento. continuava observando tudo minuciosamente. Era mais primitivo. ele metia medo tanto quanto Eric. apenas nós dois.” disse com um meio sorriso. por favor. seguido por Sookita. realmente parecia que tinha apanhado. Sookita sufocou um riso ao imaginar que ele parecia com Joe Pesci no filme “Os Bons Companheiros”.”. fora que seu rosto estava com um grande hematoma.Escravos do Amor – Segunda Temporada Já havia recuperado as forças.”. Trajava um terno risca de giz. Só que precisamos conversar antes. Uma batida na porta fez com que desce um pulo no sofá. pensei que eu fosse precisar comparecer novamente na Autoridade.”. “Não esperava o senhor na minha casa. mas a mordida continuava bem visível e às vezes um pouco de pus saia das duas pequenas aberturas. Leroy estava mais adiante. “Sookita.

se não for incomodo. E fui enforcado por conta disso. “No momento de minha transformação não. o que faremos primeiro? O motivo de minha visita ou meu passado?” “Podemos começar com seu passado.” “Provavelmente não. “Então o Senhor foi transformado morto? Isso sim é uma novidade para mim. gostaria que minha criadora tivesse agido antes de eu ser enforcado. Resumindo para não passarmos a eternidade aqui nessa conversa. ele retirou os óculos. Eu fiquei algumas horas morto e fui transformado por uma bondosa vampira. Sabe que demora um pouco para o cérebro desligar. “Eu era um frade da Ordem dos Franciscanos. Santiago. ele sorriu para ela. como vampiro.” “Ainda sou um franciscano no coração. mas uma vez li sobre isso.” “Só Santiago. Eu sou espanhol.. sou muito curiosa quando se trata de vampiros. Uma companheira dele. não sei muito de ciência.” “Tenho que polir um pouco meu cérebro para lembrar. novas prioridades surgem. se me lembro bem. mas devo confessar que no momento estou intrigada com sua visita. pois o senhor sobreviveu apesar de tudo.” “Claro que estou.” “Então. fiz voto de pobreza. “Mas continuo curiosa.”.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Eu não tive tanta sorte como a maioria dos vampiros. Já passamos da fase de formalidades. eram judeus. como qualquer bom franciscano. Como eu te disse. Pelo menos foi o que Eric me disse na época. minha memória as vezes falha. talvez tenha sido por ficar muito tempo morto. Mas. não acho que seria aceito novamente no Mosteiro. demorou alguns segundos para responder.” ele disse sem emoção na voz. Só que infelizmente não trouxe comigo as destrezas dos vampiros.”. Sookita. 50 . eu salvei uma moça e sua família da Santa Inquisição Espanhola. acho que não seria esse o termo correto. é uma longa história. a voz dele soou embargada. E com certeza era um homem muito bom e temente a Deus.”. Eric estava mesmo presente na sua transformação?” Ele colocou novamente os óculos. “Bem. acho que 1325 ou 1326. Não sei se estaria interessada em ouvir. uma amante dele naquele período foi quem me transformou.” disse ela ao lembrar do dia em que foi expulsa da igreja ao confessar seus pecados. é a minha segunda pele.” “Saiba que não considero uma fraqueza. vivia num mosteiro isolado.

Possivelmente já se encontra bem distante da cidade. comentou preocupado.”. De repente não estava mais interessada na história de Santiago. esse vampiro me atacou sem motivos. Vampiros desgarrados são extremamente perigosos. ou até do país. mas os outros exigiram. “Tudo isso é maior do que minha vontade. ele disse confiante. por que vão precisar da minha presença?”. suas mãos estavam geladas e sua respiração estava presa nos pulmões. mesmo se tiver saído do país.”. não era bem essa resposta que estava esperando.” “Não estou entendendo.. Não queria que descobrissem a mentira. “Bem. “Estou contando com isso. obrigada por perguntar. “Precisaremos de sua presença na fase final da tortura. Só os hematomas que ainda estão feios. mas nada grave.Escravos do Amor – Segunda Temporada Por que será que não estava espantada? Eric tinha séculos de experiência com mulheres de todos os tipos. Santiago.”. começou a se preparar para o pior. Ele recebera uma pena exemplar. Nós iremos procurar com afinco esse vampiro.” disse sem vontade. cara Sookita. ele a encarou. receava qual seria a resposta. ainda mais na sua delicada situação. acho que agora já posso saber o motivo da sua visita. “Sei que não será agradável isso que irei dizer. ela disse sem graça. “Temos como encontrá-lo.” mentiu. Nossos rastreadores são infalíveis. e talvez até Alcide poderia ser punido se fossem descobertos. “Sim. Gostaria de saber se já está recuperada.”. Sookita engoliu em seco. se tem algum trauma. “Nós fomos informados do ataque sofrido por você. pensou desolada. E ela inocentemente achando que o vampiro pudesse sentir algo a mais. já estou bem melhor.”. torceu as mãos no colo.” “Faria um bem a todos se encontrasse.” “Vimos a descrição do agressor que passou para a policia. “Será jogada na 51 . ele apontou para os machucados.. e como magistrado eu devo acatar a decisão de todos. E também seria uma pequena punição pelo que fez na missão. “E minha ida a Autoridade?”.

O que significa isso?” “Somos um pouco medievais nessas chamadas punições. estava pálida. são proibidos de dormir. “Porque quando um deles te atacar.Escravos do Amor – Segunda Temporada cova dos leões. Eric e Bill estão uma semana sem se alimentarem. Santiago também levantou.. Não sabia se corria para se esconder. será punido com a pena de morte.”.” “Desculpe. mas ainda não entendi o que estão querendo.” “Mas. “Isso significa que vou morrer?”. por que?”. nós iremos intervir assim que um deles te atacar. se aproximou tomando as mãos dela entre as suas. ela perguntou segurando um soluço. ela se desvencilhou dele. parecia que iria desmaiar.” Sookita caiu desmaiada aos pés de Santiago.. “Não. “E você será deixada na sala junto dos dois...” Sookita levantou do sofá. ele fez uma pausa dramática. 52 . não imaginava em como a Autoridade poderia ser cruel.

the only one that suffers is you because most of the people you hate don't know it and the rest don't care. 53 .Escravos do Amor – Segunda Temporada Capítulo 20 Fantasmas do Passado When you hate.

Escravos do Amor – Segunda Temporada

Dessa vez ela não sabia como chegou até a Autoridade e muito menos quanto tempo havia ficado desmaiada. Acordou num sofá confortável, numa sala espaçosa com televisão de tela plana, várias poltronas, uma mesa num canto com pães, bolos, suco, um cheiro de café delicioso tomava conta do lugar. Sentiu um pouco de dor na cabeça ao sentar-se, mexeu a cabeça de um lado para o outro tentando aliviar a dor. Tomou um susto quando reparou no rapaz que estava sentado num outro canto da sala. As presas estavam à mostra, ele passava a língua nos lábios devagar como se tivesse saboreando alguma coisa. Sookita imaginou que não deveria ser o cheiro de café, para sua tristeza. Percebeu que já o tinha visto antes, era o rapaz que estava junto de Santiago e a outra vampira no dia do julgamento. E obviamente como a maioria dos outros vampiros que Sookita já conheceu, este também era muito bonito. Ela pensava se as pessoas ficavam bonitas após se tornarem vampiros, considerava um mistério essa relação de beleza com vampiros. Ou por serem tão complicados, apavorantes, exalavam algo fora do normal, apesar de que Santiago parecia ser uma exceção à regra, pois não era bonito, nem forte e muito menos chamativo. E esse tinha algo diferente, além de ser jovem, os cabelos eram raspados como se tivesse no exército, os olhos castanhos cerrados, um sorriso cínico. Outra faceta que todos os vampiros tinham também, o cinismo. O vampiro tinha estatura mediana, era magro e parecia um adolescente como qualquer outro. “Você não estava acabada assim quando esteve aqui da última vez. Apanhou em alguma briga?”, ele perguntou curioso. “Eu fui atacada.... por um vampiro.”, disse assustada. “Onde está Santiago?” “Isso explica porque todos estavam tensos por aqui.”, ele se aproximou da mesa. “Quer alguma coisa para comer? Hoje serei sua babá. Santiago está me pagando bem.”, ele pegou um enorme pedaço de bolo e enfiou na boca de uma vez. As presas não estavam mais visíveis. “Pensei que vampiros só se alimentavam de sangue.” Ele ainda mastigava o enorme pedaço de bolo, farelos caíram na camiseta. Demorou alguns segundos para responder após engolir com dificuldade. Tossiu algumas vezes, bateu no peito. Sookita ficou preocupada que ele tivesse engasgado. Algumas lágrimas de sangue surgiram nos olhos do rapaz. “Fazia tempo que eu não comia algo sólido.”, ele tossiu. “Quis me exibir e deu
54

Escravos do Amor – Segunda Temporada

nisso. Nunca aprendo.”, limpou as lágrimas com as mãos. “Se quisermos comer até podemos, mas não sentimos gosto, nem se tivesse uma puta pimenta daquelas de doer pra cagar depois.” Sookita olhou pra ele divertida, finalmente um vampiro com senso de humor. E também lembrou dele tirando sarro de Eric no dia da sentença, isso a deixou um pouco mais feliz. Mas nada tirava de sua cabeça as últimas palavras de Santiago, algum deles receberia pena de morte. E mesmo desprezando todas as atitudes de Eric, Sookita não queria vê-lo morto, o vampiro provavelmente não iria se controlar. “Não estou com fome, obrigada. Queria saber o que vai acontecer comigo agora... Santiago disse que serei jogada na cela de Bill e Eric.” O vampiro pegou uma garrafa de TruBlood, sentou-se na poltrona perto de Sookita, estendeu os pés em cima da mesinha de centro. Começou a bebericar fazendo caretas, não parecia gostar de sangue sintético. “Eu sou chegado num humor negro, aquela coisa meio Monty Python. Mas, não se preocupe, eu e outros estaremos de prontidão assim que um deles te atacar.”, ele sorriu para ela. “Mas... mas, por que um deles precisa morrer? E se os dois me atacarem?” “Então, os dois irão desta para a melhor.”, ele bebeu mais um gole do sangue. Sookita tentava disfarçar a tensão, mas era quase impossível diante das palavras dele. Mesmo tentando soar divertido, o vampiro parecia perigoso. Achou melhor ser simpática com ele, talvez até conseguisse arrancar alguma informação. “Acho que não fomos apresentados ainda. Qual o seu nome?” “Achei que não iria perguntar nunca. Sou Bastian Reyes, muito prazer.”, ele levantou de maneira pomposa fazendo uma reverência com uma das mãos no peito. “Muito prazer, sou Sookita Montenegro.”, disse ela enquanto estendia a mão. Ele apertou a mão dela de maneira desajeitada, um tanto quanto sem graça. “Duh, eu sei quem você é!”, ele fez uma careta e sentou novamente na poltrona.
55

Escravos do Amor – Segunda Temporada

“É, eu sei... naquela fatídica noite“, disse com pesar. “Foram vocês que decidiram a sentença? Santiago não cumpriu o acordo quando pedi para livrar Eric da punição.” Bastian deu de ombros após Sookita comentar sobre a punição. Humanos eram bem melhores quando serviam apenas de alimento. Às vezes ele sentia falta do tempo antes da revelação. Agora era obrigado a “socializar”, pensou. “Por que é sempre essa ladainha sobre Eric? Isso cansa, cara...todo mundo sabe que ele é alto, perfeito e loiro. Mas, se fode de vez em quando. Não podemos perder a oportunidade quando faz isso.”, ele bebeu o resto do TruBlood num gole só. “Já deu pra perceber que você não gosta muito dele, aliás, não conheci nenhum outro vampiro até agora, só Pam. Mas, nesse caso ele era inocente, não teve culpa do que aconteceu.” “Eric é um babaca. Não tem muito segredo nisso. Pam é tão apaixonada por ele que nem consegue esconder, não entendo porque fica ainda de capacho do Senhor Perfeição.”, ele revirou os olhos. “Sim, ele realmente é desprezível. Porém, isso ainda não é motivo suficiente para condenar ninguém a pena de morte.” “Ele já escapou uma vez. Precisou do queridinho papai intervir.” “O que aconteceu?” “O criador de Eric foi executado no lugar dele. Porque não queria o filhinho morrendo.”, fez sinal de aspas com as duas mãos ao mencionar filhinho. “Eric deixou o próprio pai se entregar no lugar dele? Não entendo, ele não me parece ter perfil pra fazer isso. É muito orgulhoso, além do mais se tratando do próprio criador.” “Epa, você acha que o conhece bem assim só porque trocaram uns beijinhos?”, ele deu uma sonora gargalhada. Sookita estava vermelha de vergonha, Bastian sabia sobre ela e Eric? Será que ele tinha visto os dois se beijando através do vidro da sala? Estava muito confusa e chocada, não sabia mais o que pensar. Eric não iria contar sobre o que aconteceu em Rosamar no interrogatório, ou iria?
56

Escravos do Amor – Segunda Temporada

“Você sabe por que ele fez isso?”, resolveu se desviar do que ele tinha dito anteriormente, não seria mais motivo de chacota por ter beijado Eric Colunga. “Deve ter sido um bundão, como sempre faz quando é descoberto. Chorou para o papai e foi prontamente atendido.” Sookita abafou uma risada, lembrou-se da madrugada em que Eric chorou na varanda antes da missão começar; Naquele momento acreditou, agora tinha certeza do quanto bom ator ele foi, pensou sem esconder o divertimento no rosto. “Não imagino Eric chorando dessa maneira, se ele conseguiu algo assim com o criador, com certeza foi usando outros meios.” “Só se comeu ele...”, ele recomeçou a gargalhar, batendo os pés no chão. “Bastian, não quero ser chata, mas por quanto tempo ainda tenho que esperar? Só de pensar que serei usada como isca para vampiros, me deixa com arrepios.” Ele olhou em volta, tirou o celular do bolso, digitou rapidamente. Sookita observou chocada a habilidade do vampiro no celular. As mãos dele não paravam de mexer. Ele recolocou o celular no bolso. “Pelo jeito estou sendo uma companhia chata.”, ele deitou a cabeça no encosto da poltrona, pareceu um menino ao dizer isso. “Não, claro que não. Você é de longe o vampiro mais divertido que conheci, mas minha situação aqui hoje não é das melhores, você me entende, não é?” “Se você está dizendo.”, ele disse chateado . “Acho melhor comer alguma coisa, está mais pálida do que eu.”, apontou na direção da mesa. Sookita não estava com fome, resolveu aceitar o pedido dele pois estava com receio do que fosse acontecer a seguir, se fosse atacada ao menos estaria um pouco forte. Foi em direção à mesa e cortou um pedaço de bolo, comeu sem vontade. Ainda estava processando toda a conversa que teve com Bastian e as novas informações sobre Eric. Sempre descobria algo novo sobre ele, e não estava se animando com essas novas descobertas. Tornou-se o velho clichê dos livros de romance ao se apaixonar pelo homem errado. Antes tivesse sido Bastian na missão, pelo menos teria se divertido, e nem se apaixonado.
57

Escravos do Amor – Segunda Temporada

Estava tão distraída que nem percebeu quando Bastian parou ao seu lado e a tocou no braço. Sentiu um leve arrepio, jamais iria se acostumar com a mão gélida dos vampiros. “Pronto, chegou a hora. Em alguns minutos estará livre da minha presença.” “Você quem irá me levar? Santiago não irá aparecer? Meu deus, e se eles me atacarem? Vocês vão me deixar morrer lá dentro... não podem fazer isso.”, Sookita estava histérica, agora sentia o peso da punição, um dos dois morreriam, ou então esses vampiros estavam mentindo e ela não seria salva coisa nenhuma. A conversa com o vampiro tinha desviado sua atenção do que viria pela frente. “Não podemos matar humanos como antigamente, hoje em dia somos severamente punidos por essa digníssima instituição.”, ele apontou para cima deixando claro que falava da Autoridade. “Podemos acabar com o prefeito, com Eric. Mas, você não correrá esse risco.”, ele deu um tapinha no ombro dela. “Eles vão saber o que os espera se isso acontecer?” “Devem imaginar, não são tão tapados assim. Mas, também não dou certeza. Eles estão uma semana sem comer e dormir, não devem bater muito bem da caixola nesse momento.” Sookita tinha certeza absoluta que um deles não sairia vivo de lá, não conseguia parar de pensar em Eric, ele usaria a oportunidade para tentar se vingar dela. Talvez nem percebesse que tudo não passava de um plano maquiavélico da Autoridade. Sentiu vontade de chorar, não sabia o que era estar apaixonada, mas já tinha escutado sua amiga Tara dizer várias vezes que isso deixava as pessoas burras, e mesmo depois de tudo que aconteceu, ela ainda conseguia chorar por ele. Quanto a Bill, tinha certeza que ele jamais a machucaria, olhou mais uma vez para o anel que carregava no dedo. Bastian a tirou do devaneio mais uma vez tocando em seu braço. “Vamos?” -----------------------------------------O guarda revistava Sookita, procurava por algum tipo de material cortante ou prata. Ela estava de pernas afastadas, apoiava as mãos na parede de costas para ele. Não se sentia confortável com essa situação. Por sorte vestia uma calça jeans e uma camiseta de um time de futebol que Jason torcia. Não
58

Escravos do Amor – Segunda Temporada

estava tão exposta naquele momento. “Eu não estou escondendo nada.”, ela disse irritada. Bastian se aproximou do guarda, bateu no ombro dele e fez um movimento para que se afastasse. “Guarde as luvas, não será preciso fazer uma revista íntima.”, o vampiro esperou o guarda colocar as luvas cirúrgicas no bolso. “Sem problemas, Senhor Reyes”, o guarda se afastou. “É questão de segurança, Sookita.”, Bastian a pegou pela mão e a guiou na direção da pesada porta com barras de ferro. Parecia um presídio. Ela sentiu um calafrio percorrer o seu corpo, nunca tinha estado num lugar assim antes. Um longo corredor mal iluminado se estendia na sua frente, o chão de cimento, as paredes revestidas de pedra. O lugar estava gelado, uma vez leu sobre o quanto os castelos medievais eram frios por serem feitos de pedras. E aquele lugar parecia mesmo um castelo medieval. A porta se abriu com um botão apertado pelo guarda. “Não posso ir além daqui. Mas, estaremos de olho.”, ele apontou para câmeras em pontos estratégicos do longo corredor. “Vou para onde?”, ela perguntou num fio de voz. “Até o fim, na direção daquela luz.”, ele apontou para o fundo do corredor. “Ande perto da parede, no lado direito. Você não irá querer ver o que tem do outro lado nas celas.” “O que tem ali?” “Como eu falei, você não irá querer ver. Escute o seu chapa aqui.”, ele disse a empurrando delicadamente na direção do corredor. Sookita o olhou assustada, não sabia o que fazer. Nem diante do senador sentiu tanto pavor quanto agora. Nem sonhava o quanto a Autoridade era obscura e tinha os seus segredos. Que tipos de coisas estavam naquelas celas? Ela não iria querer descobrir. Bastian apontou novamente na direção da luz e falou baixinho:
59

e sim de vidro. Ela desviou o olhar rapidamente. uma luz fraca. A entrada também teve a luz apagada. Eles não a tinham visto. Mas. Escutou um barulho numa das celas. Estavam nus. estavam se acostumando com a pouca iluminação. Queria sumir dali. Eram abafados pelo vidro. Pelo jeito utilizaram instrumentos cortantes para deixá-los com aquelas marcas horríveis. A cela também era revestida de pedra. o tênis que usava não fazia nenhum barulho. sorte que não sentiam frio. o vermelho do sangue brilhava por conta da luz fraca. um lamento. o frio só aumentava conforme avançava na penumbra. Apoiava-se na parede. até gritos. De repente. Cortes eram visíveis em várias partes do corpo. Era ela. Sookita ficou em dúvida se sentava ou não. os dois caíram com tudo no chão. Não havia mais celas. ela estava com pavor de imaginar o quão profundo era. As correntes foram soltas. o longo corredor e os seres do lado esquerdo. havia andado tanto. mas não conseguia. não havia mais sinal de Bastian. o lugar pareceu estremecer. Sangue saiam de seus orifícios escorrendo lentamente pelo corpo até o chão. para sempre. Contou pelo menos umas 10. o horror de não saber o que aconteceria. seus joelhos tremiam tanto que acreditou ser o melhor naquela situação. Bill se escondeu com dificuldade num canto com as mãos abraçando as 60 . não queria descobrir o que tinha ali. O coração de Sookita batia desesperado no peito. seria insuportável aturar aqueles sons. um uivo. Ela soltou um grito. estavam escuras. Olhou novamente na direção de onde veio. longas correntes desciam do teto e os mantinham presos. ela não conseguia mais controlar a ansiedade. nem tinha percebido. De vez em quando escutava ao longe um gemido. mas suas pernas não respondiam. a cela ficou iluminada. conforme caminhava no corredor. Sookita colocou a mão no peito para controlar a respiração. sujos de sangue. Queria desviar os olhos.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Fique no lado direito. mas o suficiente para ver o que tinha ali dentro. suas pernas tremiam. aquela era a última. ela pensou. Uma mancha de sangue se formou no vidro e escorria lentamente. não queria desmaiar novamente. Havia apenas uma cadeira no foco de luz. Bill também estava tão machucado quanto Eric.” Começou a caminhar lentamente. Eric e Bill estavam pendurados pelos pulsos. e definhavam. de vez em quando olhava para trás. se não fosse isso. Queria esquecer o que estava vendo. Reparou que as celas não eram de ferro. Eric tinha um profundo na barriga. Muitos machucados em carne viva. Enxergava muito pouco do caminho. bem reforçado. E cada vez mais se aproximava do único foco de luz.

Seu olhar finalmente encontrou o de Sookita. “O que faz aqui?”..”. ela desviou.. parecia que estavam apodrecendo. como se algo tivesse morrido ali. Não havia mais nada que a protegesse deles. “Mentira. ela estava começando a se preocupar que algo mais grave tinha acontecido com seu noivo. “Estou sendo punida. Apesar de os dois já serem mortos. “Responda. bati na mesinha da sala. Eric sentou-se no chão esfregando os pulsos. perguntou. O cheiro não era dos melhores.”. apoiou a cabeça na parede e ali ficou sem se mover. enquanto disse isso ele se moveu com dificuldade para mais perto dela. ele não reagiu.Escravos do Amor – Segunda Temporada pernas. Eric ficou surpreso e ela sentiu todo o sofrimento naquele olhar.”. piscou os olhos enquanto observava tudo em volta. mas quando ele começou a vomitar algo escuro. ela juntou as duas mãos implorando. disse alto o suficiente para Bill ouvir. por favor.. Para desespero de Sookita. só não chegue perto de mim. e não era das outras celas. só restava rezar para que nenhum dos dois a atacasse. também. Não foi nada demais. o vidro da cela de Eric e Bill começou a subir. você foi atacada por alguém. Ele levantou a cabeça. Não olhava para cima. respondeu com dificuldade.”. quanto mais se aproximava. Mas.”. “Quem fez isso com seu rosto?”.. Eric olhou para ela com os olhos cerrados. Eric perguntou numa voz rouca. por um momento parecia que estava com raiva. mais sua aparência piorava. se não deu pra notar ainda. disse com a voz embargada. eu senti seu desespero depois de passar um dia aqui. “Como você está?” “Estou ótimo. apesar do estado debilitado. disse nervosamente. Sookita”. “Eu caí em casa. “Não me ataquem.” 61 . Um barulho foi ouvido. só peço isso. “Não tem importância. Sustentou o quanto pode. nem parecia a sombra do vampiro que ela conheceu.

“Sim.”.. perguntou intrigada. precisava distraí-lo.” “Não. sangue.”. “Sentir. “O que foi? Medo do prefeito escutar?”. Bill dizia para ele sem ao menos reconhecer que se tratava de sua noiva. Eric estava um pouco melhor do que Bill. “Se quer que eu o ajude. Sookita.” Sookita olhou apavorada na direção de Bill. apesar da aparência deplorável. agora que estava vulnerável. Mas. mantê-lo falando para que não tomasse alguma atitude mais agressiva. Seu medo era fazer isso. Desistiu da ideia..”.. Deu um tapa com toda força que ainda tinha na cabeça de Bill. Talvez fosse a idade avançada dele que o ajudava nessa hora. “Vou acordá-lo.o que?”. apesar de estar tão debilitado quanto. não seria bom atiçar Eric.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Como pode saber disso?”. faminto.. ela implorou para o vampiro. precisa ceder seu pescoço. “Eric. estou preocupada.”.”.. ainda continuava fraco.. não metia medo nela como antes.. mas ele continuava sem reagir. preciso avisar que nosso jantar chegou. perguntou com um olhar de desprezo. desde do dia que me salvou da morte. por favor. pare com isso!”.. ele apenas disse isso. e logo em seguida ser atacada por ele... ignorou os apelos desesperados de Sookita. “Eric. não brinque com essas coisas.. ela fez menção de se levantar. Ajude Bill. 62 . “Ele não está reagindo.” Eric se arrastou com dificuldade na direção de Bill.. “Jantar. estava quase levantando da cadeira e correndo daquele lugar. Eric desviou o olhar para Bill. ela é toda sua. “Posso sentir você através do sangue. Bill. pensou que Sookita estava com medo do prefeito descobrir o que fez em Rosamar. numa voz tão rouca quanto a de Eric.. fique a vontade. O vampiro demorou alguns segundos para encará-lo com um olhar esgazeado. por favor.

Escravos do Amor – Segunda Temporada Eric estava se divertindo com tudo isso. “O nome do meu criador. Eric voltou a sua atenção para Sookita. Quase faliu junto do país todo quando a bolsa quebrou.”. essa em pleno coração de Manhattan. e a Autoridade havia investido pesado na Bolsa de New York. “O que Bill está falando? Quem é Godric?”. O fatídico ano de 1929 havia atingido até os vampiros da Autoridade. disse tentando colocar senso na cabeça dele. A pequena melhora que Sookita tinha trazido não fazia mais efeito. o que vale é que eu sei até que ponto você pode chegar para machucar as pessoas. ele tossiu. sofrimento dos últimos dias voltou de uma vez.. um crime hediondo perante as leis da Autoridade. “Se ele me atacar. ---------------------------------------Só havia os dois na pequena sala numa das inúmeras sedes da Autoridade. Alguns vampiros até encontraram o sol por não aceitarem viver na pobreza. Só não imaginei que fizesse isso com a própria família.”.” “Não sabe do que está falando. havia cometido um crime ao matar outro vampiro..”. perguntou curiosa. como sempre com esses seus pensamentos pequenos sobre minha pessoa. batendo a cabeça na parede ainda agarrado aos joelhos. Não havia acontecido A Grande Revelação. “Quem disse que a intenção não seja essa mesmo?” “Você é um ser desprezível! Não é a toa que deixou o próprio pai morrer em seu lugar. Eric Colunga. O julgamento não demorou em coisa de semanas estava com uma punição de True Death nas 63 . Mas. disse ela furiosa. De repente todas as dores. pagando pelos seus erros. deixando Bill um pouco de lado. Bill disse com um olhar distante. “Como sabe sobre isso?” “Não importa. Eric enfrentava o seu calvário. ele respondeu sem querer estender o assunto. “Godric. eu posso morrer e ele também. os vampiros viviam escondidos ou fingiam perante a sociedade.”. O rosto dele estava mais destruído do que nunca após ouvir a menção de seu pai. precisavam ganhar dinheiro de alguma maneira.”.

Eu irei no seu lugar.” Godric levantou da cadeira caminhando na direção de Eric. franzino. “Não é estupidez nenhuma. A devoção de Eric era uma das coisas que mais apreciava. cabelos curtos. meu filho. Godric.”. calado. espero que possa me perdoar. Mesmo tendo feito em legitima defesa. Eric.Escravos do Amor – Segunda Temporada costas. E entendo não ter vindo se despedir. parecia uma criança perto do outro. precisava de um vampiro forte e poderoso ao meu lado. Eu fiz por egoísmo. “Você quem irá se despedir.”.”. Godric era o oposto de seu filho Eric. colocou a mão no ombro de Eric. E sou grato a você por isso. disse horrorizado. Fazia séculos que não nos víamos. Eric disse com a voz embargada. e não tinha o que fazer para escapar disso. apoiava uma mão no queixo pequeno. mas não poderia continuar com isso por mais tempo.”. “Não estou aqui para me despedir de você. realmente. “Não foi um presente que eu te dei quando raptei você de seu povo e família. que tipo de estupidez é essa?”. Já tomei as devidas providências.”. “Então receio que ainda não foi informado do que vai acontecer comigo. quase ficou na ponta dos pés para fazer isso. “Eu sei que decepcionei você. Recebi pena de morte por matar a vampira.” Godric balançou a cabeça em negação. ele disse sem olhar para o outro vampiro.” “Não pode estar falando sério. 64 . “Obrigada por vir se despedir. olhou para Eric pesaroso. “Do que está falando? Você é meu criador.”. Observava Godric sentado num canto da sala. Infelizmente não fiz um bom trabalho em controlar seus instintos primitivos. “Sei muito bem disso. grandes olhos azuis e uma constante expressão de bondade em seu rosto. deu o maior presente que qualquer humano poderia receber. disse enquanto baixava a cabeça. Apenas estou compensando todo mal que te causei.

” Eric estava desconcertado. Godric caminhou novamente até Eric. Vi meus filhos morrerem e não pude fazer nada. todas as mágoas voltaram. pois estava lá com você. dava banho nela. lágrimas silenciosas escorriam de seu rosto ao dizer isso. Eu disse que sabia de tudo. Estou errado?” “Não. se sentiu destruído por dentro. Ser transformado em vampiro foi uma dádiva. Nunca te vi tão feliz. “Ainda continua mentindo. mas não consegui.”. ou se condicionou em todos esses anos. “Mas eu estou aqui. Godric falou baixinho. Godric. Eu fiz o 65 . “Viu seus filhos morrerem jovens de vergonha por não serem guerreiros. tentei me desligar deles. você foi ficar ao lado dela fingindo ser um bom samaritano ajudando uma pobre velha em seus últimos dias. minha mulher morreu sozinha e nunca soube que eu estive sempre ali. não aceitavam a vida de subsistência ao lado da mãe.. indo até a sua família humana durante anos. E sei mais ainda que jamais esqueceu deles. Não é tão bom mentiroso quanto pensa que é. ficou cega. bastava voar até a sua tribo. Quando sua esposa sozinha durantes anos e anos envelheceu.. “Eu sei que voltou todos os anos para a sua tribo viking naquelas montanhas geladas. Quando mentia que estava passando um tempo com alguma mulher..eu sentia depois de alguns dias o seu horror e angustia. porém naquele tempo eu não pude enxergar. E quando ela morreu. pois não aceitava ser o que eu era. Ao relembrar tudo o que passou durante esse período.Escravos do Amor – Segunda Temporada ele se afastou de Eric. vampira.”. o amo como a um pai. Somente quando aceitei minha realidade... Sei que viu sua esposa e filhos sendo tratados como inferiores por terem sido abandonados pelo pai. “Eu não consegui. mesmo não tendo me visto. É a única família que tenho agora..” “Talvez você pense que ame. Não demorava para descobrir seu paradeiro. mesmo que escondido. você a enterrou ao lado dos filhos.. foi que consegui te amar. e te amo como um pai. eu te aceitei.”. Sei que a visão de serem expulsos te corroeu.. arrumava a casa. cuidava da colheita.” “Não minta. Fazia a comida. Eric. então Godric sabia o que ele fazia quando não estava com ele.voltou a ser um viking na essência. Eu vi tudo o que você passou com sua família depois de se tornar vampiro. mas continuei fiel a você por todos esses anos. Sei que eles jamais te aceitariam de volta.

conhecia Godric muito bem para saber que ele não aceitaria outra coisa. Estava triste.”.”. O que era bom. “Alguns fantasmas vieram me assombrar.”. “Está melhor agora?”. Talvez não fosse mesmo a hora dele. “Eles exigiram que você não volte mais ao Estados Unidos. não me arrependi naquele período.Escravos do Amor – Segunda Temporada que fiz. E para vocês vikings. Sookita comentou. disse que arrumará tudo para você lá. Desejou que continuasse sentado e conversando normalmente. não será bom pra você se fizer isso.. mas não pense que por isso vou deixá-lo se entregar em meu lugar. e substitui comigo e depois Pam. O cheiro de seu sangue está inebriante. “Eric?”. Eu falei com Santiago. eu não tinha valores familiares como você teve. Tanto ele quanto Bill pareciam não perceber mais a presença dela. Você perdeu a sua. Mas. na verdade eu gostaria de te morder. Ele havia deitado no chão e não reagia fazia um tempo.” Godric fez um sinal negativo com as mãos. mas ao mesmo tempo não poderia deixar de se sentir grato. Não chegou a sua hora ainda. minha vontade não está em discussão. família era a base de tudo. “Bill ainda não te atacou?”. ele se levantou.. Sookita perguntou preocupada. pois não estava esperando ser condenado pela morte da vampira.” “Sim. ele disse se sentando. sua decisão já estava tomada. ele parecia mais perigoso em pé. Eric. Pela primeira vez poderei fazer algo decente por você em todos esses anos. “Pensei que estivesse morto. pois não iriam atacá-la e a punição da Autoridade iria por água abaixo. Por isso Bill está catatônico. ele não deixou Eric responder. Nem 66 . Eric. pensou se encolhendo na cadeira. disse com a voz fraca. “Eric. ele agora reside no México.”. Sookita se assustou. Não pode pagar pelos erros que eu cometi.” Eric sentiu que realmente era a vontade do seu criador. “Aconselho que fique onde está. não iria aceitar nenhum argumento de seu filho. queria se redimir de alguma forma por tudo o que fez. O que aconteceu? Parecia que não estava mais nesse mundo. “Não. pensou. eu aceitei meu destino e criei a minha própria família.

”. não se aproxime mais!”. “Sim.” “Não acho que irão te salvar. seja inteligente. querem que a deixemos aos pedaços. claro que não.. estava sem saída. por que me deixariam morrer aqui? Não faça isso.”.. Eles não me puniram.. agora ela estava apavorada. O corredor pareceu ainda mais amedrontador para Sookita. Começou a rezar em pensamento. não é Bill?” Bill levantou a cabeça. “Eric. não. 67 . Eric começou a se aproximar lentamente dela....”.Escravos do Amor – Segunda Temporada para mim. respondeu. Sookita se levantou da cadeira e correu em direção a parede oposta. por favor. A Autoridade havia mentido? Eles não a salvariam. não adianta pedir ajuda. eu imploro. não chegue mais perto. Ele se moveu lentamente e começou a levantar com dificuldade. seria o fim. usou a parede como apoio.. disse ela com o braço estendido na direção dele fazendo sinal para pará-lo. Ele está sofrendo tanto sentindo esse cheiro delicioso. não.. e se Eric a atacasse? “Eles não colocaram você aqui para nos alimentarmos? Um prêmio para o sofrimento que passamos?” “Sim. Eles não vão te salvar. a voz de Eric soou forte. começou a chorar. era tudo uma armadilha. “Vocês sabem que não podem me matar. “Sookita. Eu não quero morrer. não teriam te colocado aqui com dois vampiros famintos.”. balançou a cabeça confusa. começou a olhar desesperadamente para as câmeras que Bastian havia mostrado antes dela entrar no corredor da morte.” “Não. Bill olhava para Sookita como se nunca a tivesse visto antes. com certeza não estava reconhecendo que se tratava de sua noiva. aquilo não era suficiente? Eric iria atacá-la a qualquer momento. Querem um banho de sangue.. ainda estava muito fraco. acho que seu jantar está escapando. “Bill.”. a Autoridade não vai permitir.. “Eu até consigo me controlar..”. não posso dizer o mesmo sobre Bill.. Por favor. olhou na direção de Eric e Sookita.

“Veremos se vai conseguir se controlar.”. Sookita.”.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Ela é minha..”. Como pode ver. Ele não estava catatônico. seu olhar se sustentou mais tempo em Sookita depois de escutá-la defendendo o noivo. Bastian. falou sem emoção na voz. só esperava o momento certo de atacar e ter certeza de que eu não iria brigar pela comida. ordenou Bastian. Covarde e fraco. “Pronto.” Sookita não teve tempo de responder. “Bastian. estava com receio de começar a correr e um dos dois pular em cima dela. não estava muito contente. Rezava desesperadamente.. Eric se precipitou em velocidade vampiresca e segurou Bill pelo pescoço. mas antes que pudesse soltá-lo completamente. eu o soltei. Sookita tentou intervir enxugando as lágrimas. Bastian apareceu ali de repente. “Ainda não. disse para Bastian. Fez o que Bastian mandou. Eric disse ainda segurando Bill pelo pescoço. Se eu não estivesse aqui. não! Bill não está sendo ele mesmo. nariz e entre as pernas. O impacto foi tão forte que ele caiu no chão desacordado. o vampiro jogou Bill contra a parede. o cheiro dele ali tão perto era terrível. Sookita continuava encostada na parede. Puxou ele para longe de Sookita e disse: “Esse é o seu futuro marido. orelha. você está segurando o pescoço dele. “Se eu quisesse teria te atacado no momento que a cela foi aberta. “Cara. um sorriso travesso surgiu nos finos lábios do vampiro. colocava a mão na barriga de tanto rir. se afaste dela!”. Santiago vai te matar depois dessa. não sou tão desprezível como pensa. Antes que pudesse reagir. As presas eram visíveis. “Passamos no teste. Parou ao lado dela. já estaria morta faz tempo. Vocês não tem mais motivos para nos manter aqui. O vampiro jovem caiu na gargalhada. Eric olhou para os dois furioso. Quando ele fez o movimento de ataque.”. disse com a voz rouca. Solte-o!”. Bill saltou em cima da cadeira apontando os braços na direção dela.” 68 . olhava de Sookita para Eric e Bill.”. e o sangue escorria da boca. Não queria imaginar a sensação de ser deixada em pedaços.

“Anda logo. Bastian disse após terminar de gargalhar.mas. acho que vão se decepcionar. Bastian agarrou Bill pela cintura com uma careta. leve Bill daqui.. A vampira jogou uma toalha para Eric e comentou: 69 . “Os grandões lá de cima queriam sangue. ela respondeu com um aceno de cabeça. Eric disse dando de ombros..”. encarou Eric longamente.”. Sookita. “Eu vi ele pelado durante uma semana.. “Os ratinhos encontraram a saída. as presas visíveis.. isso nunca mais se repetirá.. Bastian arregalou os olhos horrorizado. Sookita continuava encostada na parede sem se mover.”.”. carrega-lo não irá te fazer bicha. Caminhando de maneira desajeitada com os olhos de todos os presentes observando atentamente. olhou de canto de olho para Eric. a vampira provocou. Santiago perguntou para Sookita.. “Mas.”. sentindo-se incomodada com o toque do vampiro.”... apontou na direção do rapaz e para o desmaiado Bill no chão.ou diria.não sei não.. “Fique quieto.Escravos do Amor – Segunda Temporada Como se tivesse sido chamado. Santiago apareceu ao lado de Bastian acompanhado da vampira que fez parte do julgamento. “Bastian. a vampira falou rispidamente para o jovem vampiro. balançou a cabeça em negativo. Bastian gaguejou. não queria esse tipo de afago nesse momento. Ela apenas balançou a cabeça.”. E seu noivo está são e salvo.. segurou as pernas do vampiro e partiu em alta velocidade. prontos para agir se fosse necessário. tocou no ombro com uma leve caricia: “Se comportou bravamente. Ambos com expressões preocupadas no rosto. Santiago se aproximou dela.”..o rato. “Vamos?”.”. “Não vou carregar ele pelado não.. se afastando do grupo. com um sorriso enorme nos lábios. pivete. Fique tranquila. encarou Eric e balançou novamente a cabeça em negativo. seria pior se tivesse que carregar o loiro enorme ali.

"É bom que fique bem guardado na sua memória mesmo. Eric se aproximou da nuca dela. Tentou resistir o máximo que pode. ainda consigo sentir em minha boca cada partícula dele.” Sookita encarou o vampiro com ódio e desferiu um tapa na mão dele para se livrar do contato em seu braço. o cheiro ainda forte de morte." Após dizer isso recomeçou a caminhar rapidamente tentando alcançar Santiago. Só por isso saiu viva daqui. não tinha percebido que Sookita tinha parado. Santiago e a vampira recomeçaram o caminho de volta pelo longo corredor. Ele continuou parado no mesmo lugar. “Eu ainda lembro do gosto de seu sangue. pois aquela foi a primeira e última vez que provou. De repente. mas lançou um olhar para trás.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Não queremos um alvoroço por aqui. não olhou para ele. 70 .” O vampiro pegou a toalha com uma mão e começou a tirar um pouco da sujeira acumulada. sentiu uma mão gelada se fechando em seu braço. Ela não conseguia definir se sentia algum tipo de excitação ou pavor. Não olhou para trás. Santiago e a outra continuavam seguindo em frente. estava cansada de tudo o que tinha acontecido. ainda calada caminhando encostada na parede. Sookita logo atrás. a voz ainda rouca. foi obrigada a parar. encostado na parede de braços cruzados e os olhos azuis brilhando no escuro. não sabia se Eric estava vindo também. se lembrava com clareza do que Bastian havia dito antes sobre o que tinha do outro lado. não estava sendo seguida.

. 71 . even the most beautiful things that you find can be the most painful.Escravos do Amor – Segunda Temporada Capítulo 21 Por Volta da Meia-Noite When you have to explore every night..

ou pelo menos foi o que inventaram. Descobriu que o tal Eric era um vampiro poderoso na região onde morava. “O sorriso cínico é o mesmo. no dia do ataque de Ramona ao senador. câmeras de segurança foram instaladas em pontos estratégicos da suíte. Abriu a porta do escritório. Agora teremos que pensar bem 72 . O senador tinha esse assunto como prioridade. mesmo sabendo sobre o passado do vampiro não batia com as informações que tinham e muito menos a filha não se lembrando de Ramona Castela.Escravos do Amor – Segunda Temporada Juan Carlos caminhava rapidamente pelos corredores acarpetados do prédio onde ficava o escritório particular do Senador Morales. talvez o fato do senador desejar a moça o tenha colocado em risco.” “Como eu disse. o Senador Morales estava sozinho. ele desconfiou do comportamento estranho da moça em aceitar o convite tão rapidamente. Juan Carlos quem obrigou seu chefe a tomar providências. e eram recém-casados. eu ainda garanti para meus homens não se preocuparem. Esperaram o momento certo para agirem. o seu chefe não foi envenenado pela moça loira que parecia odiar o marido bonitão. e o casamento seria o cenário ideal. apesar do esforço com a futura candidatura presidencial. ou até um pai. “Demorou para conseguir. Por pouco. Juan Carlos tirou uma foto de Eric da pasta e deu para o senador.” “Na ficha dele tinha 150 anos. Acreditava que tinham subestimado o vampiro e sua acompanhante. não só pelos negócios. Por sorte. como sempre puro. fomos ingênuos demais. trabalhava há tantos anos com ele. esse vampiro tem pelo menos uns 1000 anos nas costas. Carregava uma pasta cheia de documentos e fotos para o senador analisar com calma. nem sabia mais diferenciar o patrão de um amigo. disse Morales. tomava um copo de uísque. Juan acreditava nisso. E não estava errado. Jogou a pasta na mesa.”. bastariam alguns minutos e o senador estaria morto. pelo menos não estava disfarçado.”. Juan Carlos não se conformava com a cegueira de seu chefe. Havia se passado um mês desde a pista que o levaram diretamente ao vampiro fugitivo de Tijuana. Morales quase engasgou com a bebida. Juan Carlos sorriu diante da cena. Tudo foi meticulosamente planejado por Eric e sua companheira. mas também pela idade. Apresento Eric Henrique Colunga. “Mas temos um problema e tanto.

” O assessor concordou com a cabeça. tinha receio de que essa obsessão poderia ser mais perigosa do que já tinha sido.” “Sim. quando tiver todas as informações discutimos o que farei com ele. perguntou aliviado.” “Sabendo o quanto você é eficiente.”. de vez em quando bebericava um gole do uísque. Ela deve ser alguma assassina profissional como ele é. disse com um olhar sonhador.”. já coloquei alguém para ficar de olho. “Encontre-a. tinha um 73 .”. com quem convive. “Ela não me pareceu assassina quando tentou me envenenar. “E o vampiro? Como vamos proceder?”.” “Deve ser porque só olhou para ela pensando com a cabeça de baixo. Juan Carlos respondeu irritado. onde ele vai. ---------------------------------------A moça de longos cabelos castanhos estava deitada nua na cama. Acredito que logo trará ótimas notícias. “Não encontrei nada ainda sobre a moça. “Teremos que fazer uma vigilância no vampiro. é claro. ignorando a última frase de Juan Carlos. Juan se arrependeu em seguida após dizer isso. presumo que já tenha alguém no local. Juan comentou orgulhoso de si mesmo. “Primeiro precisamos descobrir quem está por trás disso tudo. se apenas é dono de uma boate como fachada. não vou descansar até encontra-la novamente. Morales ficou sozinho lendo sobre Eric Colunga.”. Juan.” Juan Carlos revirou os olhos diante da insistência de seu chefe em relação a ela.”. trocaram algumas palavras e saiu em seguida da sala. ordenou o Senador. Quero que cuide disso com extremo sigilo.” “E a moça? Quero que descubra tudo sobre ela também. e estava muito apavorada para ser uma profissional. tinha ido longe demais. Sem esquecer a moça. “Assim espero.Escravos do Amor – Segunda Temporada como vamos agir.

as presas e a boca ainda com sangue. um mês havia se passado.” Ele olhou em volta no seu quarto. estava procurando as palavras certas. “Não estou assumindo que sou gay. seu maior desafeto. Tinha tantos inimigos. Eric. e outros desciam por uma das coxas. TruBlood não matava sua sede. muitas na boate se estapeavam pela chance. não queria ser pego novamente na surpresa. ele deu de ombros. “Se bem que estou te achando bem pouco exigente esse mês. O corpo bonito e voluptuoso estava delineado por alguns traços de sangue que escorriam de seu braço. “Acho que estou cansado.”. “Ser gay é ótimo. A moça de vez em quando soltava um gemido de prazer. você deveria tentar.” disse divertida. Passou mais tempo em casa nesse mês do que na boate.”. estava esparramado na cama e procurava a melhor posição para continuar sugando o sangue. Pam mordia delicadamente o pulso da moça. “Cansado de mulheres?”. não queria se expor enquanto estava fraco. se ajeitou um pouco na cama para acomodar a cabeça do vampiro apoiada em sua outra coxa. Alimentava-se de sangue humano regularmente desde a tortura. “Só eu conheço os seus gostos. foi tão intensa que ainda não tinha se recuperado totalmente. como se estivesse em outro plano. Demorou alguns minutos para responder.”. soltou uma risadinha sarcástica. ela queria tanto que isso fosse verdade que até fez uma prece em pensamento. passavam pelos seios e terminavam na barriga. Eric não conseguia esquecer o acontecido na Autoridade. 74 . “Já tive minha quota no passado. finalmente temos uma evolução?”. ele disse simplesmente. enquanto Eric mordia a coxa. “Obrigado por escolher tão bem o meu jantar. Pam disse com um meio sorriso. se for esse o motivo de sua alegria. Não encontrava dificuldade para achar doadoras. agora foi a vez dele rir. “Será que depois de mil anos. ele disse parando de sugar. continuava remoendo a tortura.”.”. poderia dizer que estava cansado após tantos séculos? Pensou ao morder novamente a coxa da moça.Escravos do Amor – Segunda Temporada olhar distante e sonhador. coisa que não fazia há séculos. não ter se alimentado de Sookita e principalmente ter salvado Bill.

por que impediu Bill de matar a telepata de uma vez? Se livraria logo dos dois. Limpou o sangue que escorria da boca. “Não me diga que achou normal essa tortura que nos foi imposta? Mesmo sendo o idiota do Bill. “Passado é passado.”.” “Quais humanos eu matei? Apenas os que a Autoridade mandou desde a Revelação.”.. ele piscou para ela.. “Não estou cansado de mulheres. essa 75 . irá acreditar?”.. “Não!”. O que me fez suportar a decisão foi saber que o prefeito imbecil estava lá com você.”.. uma sombra de vergonha passou rapidamente em seus olhos.” “Então eu posso me incluir nessa listinha negra. Passou a mão nos cabelos loiros que estavam revoltos. as presas não estavam mais visíveis. Desde quando a Autoridade iria matar o seu prefeito ou mesmo um agente como eu?” “Desde que fomos revelados ao mundo a Autoridade nos proibiu de matar humanos.. Bastava uma tortura qualquer como eles adoram. Ele se levantou da cama. Nutria uma amizade com o vampiro há anos.. não concordo com isso até hoje. defendeu Pam. Afinal. Estou com você há tanto tempo. e sabia que ele nunca faria nada para prejudicar seu criador. Estou cansado de tudo ao meu redor.”... deu alguns passos pelo quarto. Trajava apenas uma calça de moletom preta. ainda mais depois do que seu querido amigo Santiago aprontou comigo. apoiou as pernas da moça em cima das suas. ele respondeu emburrado. ainda mais por ser espanhol como ela. colocou as mãos na cintura encarando Pam. Parou em frente à cama. “E você como sempre deixou escapar a oportunidade.”. ele evitou mencionar Sookita. “Santiago? Mas a culpa foi da telepata! Você sabe. algumas cicatrizes ainda continuavam aparentes em seu torso. como membro da Autoridade ele não tem muita escolha diante das decisões.. “Invente outra desculpa.Escravos do Amor – Segunda Temporada Ele sentou na cama. disse ela com cara de poucos amigos. “Se eu te disser que não sei o motivo. e acho terrível vampiros serem torturados por causa de seres tão patéticos. demonstrando que ele ainda não estava curado. Não imaginava que teria uma emboscada.” “Pode sim..

”. “Por que você foi visitá-la no hospital? Não entendo seu interesse nessa história toda. Pam visivelmente tentava se controlar. acho melhor descobrir. disse irritada. Quando eu digo que eles aprontam pra cima de você.” “E desde quando você se preocupa com isso? Eric. “Do que adiantou incitar Bill e no final salvá-lo? Se realmente não sabe os motivos de suas atitudes. “Meu sadismo não se conteve ao saber que ela estava mal e hospitalizada. o que aconteceu com ela? Já sabem quem atacou?”. “Por acaso vai me obrigar a descobrir isso também? Eu me recuso!”. fiquei surpreso. havia sido hipnotizada por Pam e nem tinha noção de que os dois vampiros estavam discutindo. Mas. Sabe que ele posa de bom samaritano mais do que realmente é. essa seria uma explicação para prejudicar Bill e eu. não acredita em mim.”. apenas isso. agora era ele quem estava falando alto. mas por dentro estava furiosa. saiba que até hoje agradeço pelo o que fizeram com ela. “Não foi por faltar de incitar Bill para atacá-la. E sobre Sookita. disse aos gritos.Escravos do Amor – Segunda Temporada infelizmente não colou. Talvez Santiago tenha gostado dela. “Ela se arriscou por minha causa. perguntou nervoso. E também precisava saber o que aconteceu.”.”.”. não tinha motivos para entregar Jessica. “Não tenho motivo para querer descobrir sobre isso. “Não sei e nem tenho interesse. eu fiz isso. mentiu. a Autoridade não costuma dar detalhes. “Afinal. foi bem merecido!”. ele tampou os ouvidos por conta dos gritos dela. “Não estou dizendo que ela não mereceu. Na próxima eles viram o jogo contra você.” A moça na cama estava dormindo apesar dos gritos. disse dando de ombros. bateu no peito nu. você conhece Santiago. se não fosse segredo ela até agradeceria a vampira ruiva. Você sabe que eles poderiam tê-la machucado gravemente.”. ele perguntou querendo mudar de assunto. É problema da Autoridade 76 . pelo amor de Deus.” “Você quer que eu minta?”. “Fui visitá-la no hospital e ela estava toda chorosa por causa de Bill.

mas parou antes de descer.”.”. “Não preciso de médicos. mas seu coração estava dilacerado ao perceber que o estava perdendo aos poucos. “Acho que perdi o apetite. mas é porque agora parece diferente. balançou a cabeça voltando-se para Pam. Estou bem. Ele passou a mão instintivamente na maior cicatriz um pouco acima de seu umbigo.” . é o carrapato número 1 do prefeito. pode ficar com a moça pra você. “Me excedi mais do que deveria. não imaginava que a noiva do prefeito ficasse sem proteção.”. “Infelizmente. Só fiquei curioso.” não diria para ela que foi para impedir o prefeito no momento em que atacou Sookita. disse indo em direção a escada.” Eric arqueou uma sobrancelha após ouvir as palavras de Pam e disse: “Achei que iria ficar até o fim.” “Ele mesmo. Pam disse pegando o celular. ele respondeu irritado. balançou a mão na direção dela indicando a saída.”. ficou nas pontas dos pés dando um beijo na bochecha dele. disse ironicamente. Foi o lobo bobão quem a salvou do vampiro. não imaginava continuar sem ele. Faça bom proveito. já disse. “Eu sei.” “Não sei de onde tira essas conclusões. tocou levemente no rosto de Eric. 77 . Pam se aproximou dele. Eric. ela tem proteção.”.”. melhor.Escravos do Amor – Segunda Temporada e do prestimoso Bill. “Não. apontou na direção da barriga dele. sobrevivi todo esse tempo sem isso. por que seus machucados não estão curando rapidamente? Estou preocupada.” “Aquele que segue Jessica por todos os lados? Acredito que até nos ouviu transando uma vez. Pelo jeito deve gostar. “Uma dia você irá entender. para sua alegria.” “É toda sua. Como o amava.”. você está diferente. “Por que não chamou a doutora? Quer que eu a chame?”. você escolheu essa tão meticulosamente. “Antes que eu esqueça. franziu o cenho. disse entediada.

”. Tenho pavor de fantasmas. poderia procurar a pessoa que atacou Sookita?”. o quarto de Eric ficava num mezanino. Conseguia ouvir com clareza o coração da moça que partilhava a cama com Eric. “Não quero assistir esse filme.. Vão pensar que somos um casal vindo assistir um filme de terror para nos agarrarmos em cada susto. estava disparado como se fosse saltar do peito. Ela abriu a porta da casa e bateu com força. foi o único horário que encontrei. tratava de fingir que nada havia acontecido. antes que começasse a descer para o primeiro andar. Lafayette se apoiava no ombro de Jason. Está bom assim?” Ele tirou a calça ficando nu. Pam virou rapidamente começando a descer a escada. e não se importaria com a vítima. fez uma careta irritada.. ele quem fizesse isso depois que mandasse a outra embora. “Ah sim.”. vou ficar com medo depois. esqueci de dizer. fingiu seriedade. ouviu a sonora gargalhada dele ecoando pela casa. “Vou procurar. 78 . era a sessão da meia-noite. geralmente reservada para algum filme de terror e essa não seria diferente. Conseguia ouvir inclusive ele se movendo entre as pernas dela. mas e seu patrão? Seria o efeito de não desvirginar a pobre noiva idiota do prefeito? Vingança pelo passado dos dois? Pam balançou a cabeça conforme desceu a escada. ------------------------------------Jason usava o celular para se guiar no escuro sem correr o risco de cair no meio da sala de cinema. “Amado. Lafa beslicou a bunda de Jason. Foi chamada novamente por ele. de vez em quando reclamava quando o outro tropeçava. tão intenso quanto o coração disparado.Escravos do Amor – Segunda Temporada Se afastou novamente na direção da escada. A moça estava claramente apaixonada. Jason falou baixinho. não havia gostado do rumo da conversa. Sempre que a conversa tomava um rumo que ele não gostava. juntamente com algum caçador de vampiros que trarei pessoalmente só para matá-lo. Tempos atrás ele teria deixado o prefeito morrer sem mover um músculo. Nem se importou em trancar. O filme havia começado uns cinco minutos. queria ficar longe dele pelo resto da noite. Não entendia essa relação estranha de Eric e Sookita.

ele ignorou a propositalmente a insinuação de Lafayette.”.”. era uma das moças de vida fácil da casa de tolerância. “Achei que não iria aparecer mais.”. ele disse de cara amarrada. “Hey. Jason disse com o rosto franzido. ninguém ocupava a cadeira atrás. Lafayette revirou os olhos diante da reprimenda e falou baixinho: 79 . Ela não se virou.. Jason pisou em alguns pés e recebeu olhares irritados.”. “Obviamente que ela é loira tingida. Não entendo de onde tiram essas conclusões..”. Sentaram-se atrás da moça. Escondeu-o de nós. disse se dirigindo a Jason..” Lafa apontou para uma moça alta e morena sentada no meio da sala de cinema. “É aquela ali usando um rabo de cavalo. comentou olhando de lado para seu patrão. Lafayette tocou no ombro dela. Ela trabalhava infiltrada no Tequilla’s há duas semanas. de vez em quando algum engraçadinho soltava uma gargalhada por causa de alguma cena de susto. amado?”. Jason não a conhecia. “Seu namoradinho. “Bem bonito. O cinema não estava vazio. ela disse virando para encarar Jason. um bom número de pessoas estava no local. estamos aqui.. ótima escolha.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Onde está a pessoa?”. Pediram licença para algumas pessoas conforme caminhavam até a moça. e por conta de sua beleza não teria dificuldades em seduzir Sam. parece a Shakira. ele fez uma careta. disse o mais baixo que conseguiu.. fingindo que não é latina. Um rapaz que estava atrás de Jason pediu silêncio. Lafayette a considerava uma das mais espertas. era Lafa quem tinha cuiddado dos trâmites. essas coisas aparecendo na tela estão me assustando. provavelmente por culpa da altura dela. continuou impassível olhando a tela e comendo pipoca. sabe como é complicado lidar com esse menino.”. “Tive que trazer Jason hoje.” “Não sou bicha. estavam atrapalhando a sessão e chamando a atenção dos outros. “Vamos logo com isso.. Não é.

disse para sua funcionária. uma vez peguei Sam mexendo em alguma coisa. Apesar de não ser um cliente. ele ainda não tinha contado para o prefeito como havia ameaçado antes.”. Sou puta porque odeio trabalho difícil.”. Olhou ao redor para ver se estava sendo observada. Só que antes precisamos saber se descobriu onde Sam guarda o V. provavelmente estava com medo ou pretendia vender o V. o namorado de seu patrão era medroso demais para ser um policial.”. “Você é maravilhosa. Jason evitava olhar para a tela o máximo que podia.” Lafa deu um tapinha em Jason de felicidade. mas não é burro e cego. 80 . Quando me viu ele escondeu rapidamente. entendeu?” “Caramba. Por sorte. Depois que der uma olhada melhor em mim. “Quase mijei nas calças depois dessa cena. Jane?” “Quero deixar claro uma coisa. ela balançou a cabeça. irá entender. Lafayette resmungou alto. “Ele pode até gostar. amada. ela virou novamente e deu uma piscadela. era a pista mais quente que tinham desde que Sam contou para Jason.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Teve alguma pista. Jason falou abismado. com certeza é o local onde guarda o V. odiei essa experiência como ajudante de cozinha.”. sim. você já dormiu com ele? Pensei que Sam gostasse da minha irmã. “E também quero ser bem recompensada por todas as panelas que eu lavei. sim. disse esfregando as mãos nas pernas. prometo ou um raio pode me atingir agora. Lafa disse sem paciência. Jane abafou uma risada com as mãos. chegou mais perto de Lafayette e disse sussurrando: “Tem um compartimento secreto no chão da sala dele. mas quando olhou de relance um fantasma apareceu de repente. ela pensou. “Sim. vamos focar no que interessa? Eu sempre pago de acordo. Terá um aumento. Um rapaz forte deu um cutucão na poltrona onde Lafa estava sentado. espero ser recompensada pelas duas vezes que dormi com Sam. não deixou de ser.”. e novamente várias pessoas na sala reclamaram sobre o barulho.”. amada. Sookita.

por que estava ouvindo essa voz? Pensava que já tinha se curado. ele pensou conforme se movia mais e mais fundo na moça. Estava alucinando? Ou teve perda de memória? “Sookita?”. e viu Sookita o encarando de volta. não era tão novidade assim. Era o clichê da imortalidade. havia sangue nos lábios de Sookita quando se afastou. Precisava voltar a ser o que era o mais rapidamente.. Jason levantou sem esperar por Lafa e cobriu o rosto com as mãos. Soltou uma reclamação com a mordida forte. já passou por isso outras vezes. De repente. tinha absoluta certeza de que estava acordado. A última vez tinha ficado num passado distante. não estava com vontade de encarar a moça desconhecida embaixo dele. pensou balançando a cabeça e focando no movimento vigoroso que fazia. Movia-se num ritmo frenético.. “Eric.”. E ele muito menos brochado. ela respondeu mordendo os lábios dele. Havia aprendido durante tanto tempo em deixar seu lado humano de lado e abraçar o vampirismo. não se sentia bem com essa sua faceta vulnerável e cheia de dúvidas.”. A moça gemia sem parar. doce e ao mesmo tempo excitada. Ela passava a língua nos lábios experimentando o sangue dele. ele perguntou confuso.. Não se importou com as palavras de Pam sobre ele parecer diferente. ------------------------------Eric continuava de olhos fechados. arranhou as costas e entrelaçou as pernas em volta da cintura dele. Abriu os olhos lentamente. Estava enfrentando apenas um período ruim. os gemidos cessaram.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Quero sair daqui. “Sim. precisava gozar para esquecer a conversa que teve com Pam.” Ele balançou a cabeça em negação antes de abrir os olhos.. 81 . Ela nunca mais surgiu em seus pensamentos durante o sexo. não queria olhar para a tela. ele ouviu uma voz familiar chamando. Ele abriu e fechou os olhos várias vezes. não queria relembrar. havia tido tantas mulheres desde o acontecimento daquela noite na boate. parecia um humano qualquer. não era um sonho.

Eric se afastou diante do toque e a encarou como se nada tivesse acontecido. a moça falou pela primeira vez naquela noite.. A mente dele estava distante. Ágata. “Era eu o tempo todo.”. “Não. “Não. você era outra pessoa. Eu vi. Que tipo de alucinação foi aquela? Pensava apavorado enquanto observava a moça morena de longos cabelos castanhos e totalmente diferente de Sookita.” Ágata se levantou da cama. sua garçonete. “Por que está perguntando isso?” perguntou friamente. disse preocupada. Se acalme. Ela não respondeu. ele se levantou e a encarou raivosamente.” “Não é da sua conta. perguntou receosa. “Quem é Sookita?”. avançou até ele cravando os dentes em seu peito. “Não pense que seu feitiço funcionará comigo. “Você a chamou.. Ágata.” Eric começou a andar de um lado para outro batendo as mãos na cabeça. sua pele morena criou um contraste interessante com a dele ao se aproximar. ele deitou na cama pesadamente e a puxou pra cima dele. 82 .. sou eu.. “Ágata? Quem diabos é você?”. “Que tipo de feitiçaria é essa?” “O senhor está bem? Sou eu. tenho certeza!”. mas não resistiu ao sentir seu sangue sendo sugado por ela. quando estávamos transando. Agora era a vez dela se mover em cima de Eric. os gemidos altos dele tomaram conta do quarto. “Sookita. O sangue começou a escorrer pelo peito nu de Eric..”. por favor. ele perguntou se afastando um pouco dela para enxergar melhor.. profundos olhos castanhos e um ar virginal em sua cama. Segurou a cabeça dela com força tentando afastá-la. gritou. Tocou levemente no peito dele. Não havia uma moça de cabelos loiros.”. ele disse entre dentes.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Como chegou aqui?”.”.

Havia chegado o dia da tão esperada festa de noivado. Observava atentamente a amiga experimentando vários vestidos. disse enquanto se olhava no espelho. “Não adianta ficar chocada. todas as pessoas importantes da cidade estariam presentes e Bill finalmente apresentaria sua noiva. e por que o seu peito continuava sangrando se foi uma alucinação? ----------------------------------Tara se jogou em cima da cama de Sookita. estou com uma dor de cabeça horrível. Alguns eram bonitos. ele não poupou despesas.”. voltou até o quarto e estendeu o remédio para Sookita.” Tara foi até o banheiro no andar de baixo. “Quando transarem irá pensar em Eric?”.” ela colocou a mão na cabeça. ela gemeu de dor. “Não dormi bem a noite passada. fuçou nos armários até encontrar alguns comprimidos para dor de cabeça. Tara disse irritada sentando novamente na cama. Por que logo agora tinha que lembra-la de Eric Colunga? Pensar 83 . ela estava ficando mestre em estragar o seu humor. “Acho que agora é tarde para te fazer mudar de ideia dessa loucura toda. “Bill me ama de verdade. Tara pensou com uma careta. Estou uma pilha de nervos.Escravos do Amor – Segunda Temporada procurando entender o que tinha acontecido.”. Pegou um copo com agua na cozinha. “Vou pegar algo para você tomar.” Sookita virou-se para encarar a amiga.” Tara deu um sorriso irônico após ouvir as palavras de Sookita. “Não está nervosa com sua apresentação oficial a sociedade de nossa cidade?” “Você não imagina o quanto. “Não é loucura. acredito que irá transar com seu marido como boa esposa que será. Nem posso fazer isso. Tara sentou-se na cama. faz três dias que só penso nisso.”. Todos enviados por Bill. irá cuidar de mim e eu não tenho do que reclamar. O gosto de seu sangue continuava em seus lábios. outros feios e uns pareciam da falecida avó.

.” “E. vamos mudar de assunto.” “Sook.” 84 . fizeram. “Tara. ele só usa as pessoas como bem entender. sabia? Não deveria partilhar esse tipo de coisa com as pessoas que eu odeio.” “Como conseguiu se humilhar desse jeito? Eu sou sua amiga. Eric bebeu do meu sangue. palavras de Alcide. pelo menos não estaria dessa forma que estava agora. se me recebesse seria só para humilhar. ela levantou e abraçou Sookita. vocês. alguma coisa?” “Claro.”..” “Não pode estar falando sério! Ele te forçou? O que aconteceu?”.. ele é adulto e gostoso. “Eu procuro não pensar nisso. “Vou te ajudar contando isso.”. “Como sou uma ótima amiga.”. Tara deu de ombros.. não se preocupe. “Está com ciúmes. “Deveria ter feito um test-drive completo com ele antes de se casar.. pensou pesarosa.” Sookita se desvencilhou do abraço..”.. Acho que ele gostou. Não pretendo fazer test-drive nenhum. Eu sou adulta. disse baixando a cabeça. Evitando pensar em Bill na noite de núpcias. acorda. estava extremamente chateada com a amiga.. disse cruzando os braços irritada.” “Eric me odeia. ao contrário de você. Eu só chupei ele. você sabe bem o motivo... Tara tivesse razão. não leva nada a sério. disse um pouco constrangida.. porque fui lá duas quintas seguidas. sua boba.”. ela deu uma risadinha.” “Só se você quiser trair Bill. Deveria ter recusado.Escravos do Amor – Segunda Temporada em sua festa de noivado estava conseguindo deixar sua cabeça bem longe dele por um tempo.. perguntou horrorizada. poderia ter feito um test-drive com ele. por favor. eu não sou santa. Estaria mesmo com ciúmes? Talvez. “Por que fez isso? Sabe que Eric não gosta de ninguém. Ele não merece.”. “E eu não teria coragem de fazer isso com Bill. Acredito que Eric adoraria te receber nos sábados. “Fui a escolhida de quinta-feira. o que é essencial pra mim. por enquanto.. Tara. Ele anda sumido da boate.

Muito saudável. Experimentou um vestido de cor lavanda e pediu a opinião dela. e desejava muito menos. olhou em volta procurando sua noiva.” Sookita não conseguiu responder Tara.” Tara se afastou de Sookita. “Nem sempre as coisas acontecem como queremos. Decidiu não pensar mais nele e evitar o assunto com Tara o máximo que pudesse. não conseguiu se conformar com tudo que passou. perguntou friamente. Descobrir que até a sua amiga já tinha ficado com o vampiro só aumentava a raiva que sentia de si mesma por ter sucumbido tão facilmente a ele. Ela estava ali se trocando para a festa de noivado que logo mais aconteceria nos jardins da mansão dele. “Sim. competência e ser um ótimo cidadão. o melhor é fingir. Mesmo sendo um vampiro. e contando sempre com o apoio da Autoridade. Jamais acreditaria que poderiam fazer algo assim com ele. ficava irritada quando o assunto era Bill. No fundo tinha medo de perder ela para sempre.”. os machucados já eram visíveis em sua mente. Estou decidida e sei que esse é o caminho certo a tomar. e ele muito menos. Ele sabia que Tara era sua amiga. ela bateu palmas.” “Espero que não se machuque muito nesse caminho. não teve dificuldades de pular de vereador para prefeito. igual o seu relacionamento com ele. justo ele. sabia que Tara contaria o que fizeram. apenas procurava pela próxima moça a levar para a cama. Não tinha ideia de como irá curá-los. Ainda se recuperava do acontecido na Autoridade. Eric não amava ninguém. Desde do que aconteceu na Autoridade não comentei mais sobre o assunto. o prefeito da cidade. não tinha dúvidas do quanto ele era cruel. ser esposa de politico exigia responsabilidades. não queria descobrir os detalhes do encontro sexual dos dois.Escravos do Amor – Segunda Temporada “E de quem Bill está bebendo sangue para se recuperar? Seria o seu?”. Apenas usando de seu charme. almejavam futuramente um cargo 85 . Jamais se conformaria com a atitude que sua amiga estava tomando em se casar. -----------------------------Bill abriu a porta de seu quarto. “Claro que não.

E quase jogaram tudo isso fora com uma punição estúpida e medieval.Escravos do Amor – Segunda Temporada de presidente. beijando o pescoço dela. “Não. Estava surpreso com a beleza de sua noiva naquela noite. Sookita estava evitando ao máximo ficar no mesmo 86 . obrigada. Bill se aproximou por trás. disse um pouco sem graça. rodeou a cintura de Sookita com as mãos. espere só um pouco. a vampira sempre a encarava com olhares estranhos. não parecia nada com a moça que deixou semanas atrás. Algo inédito até o momento no mundo dos vampiros e dos humanos. sabia que não havia errado em colocar o lobo vigiando. O tecido de chiffon dava uma fluidez conforme se movia. mesmo a contragosto a telepata sentiu que ela estava muito simpática depois do que aconteceu. Estou quase pronta. vendo você e Jessica se dando tão bem. Não poderia pedir outra coisa..” “Precisa de alguma ajuda? Quer que eu chame Jessica?”. “Sookita? Já está vestida?” “Ainda não. educada.. Só que desde a minha volta.. ele conseguiu se eleger facilmente na cidade. ele a encarava através do espelho. Fico feliz que tenha gostado. Jessica trouxe humanos para ele se alimentar durante essas semanas. “Eu sofri aquela semana. pensou. “Obrigada. Ela trajava um vestido lavanda claro com uma alça do lado esquerdo e o comprimento um pouco acima do joelho.” Jessica havia pedido desculpas a Sookita semanas atrás. Apesar da mudança repentina. minha querida. Bill acreditava fazer a ponte entre os interesses dos vampiros e de seus cidadãos. passou a mão no bigode e chamou por sua noiva. ele perguntou falando alto o suficiente para ela ouvir.” . já pode entrar se quiser. Ajeitou a gravata. “Está linda. Adorei que deixou os cabelos soltos.”. abriu de uma vez. Talvez Alcide tivesse conseguido algum tipo de progresso no comportamento dela. fechou o terno. encontrou Sookita passando o batom. sua filha estava tão dócil.” Ele correu na direção da porta do banheiro..

não era o melhor momento para isso.”..”. mas tudo acabou saindo perfeito.”. não estava acostumado a ser tratado dessa maneira e muito menos receber ordens. ele a virou de frente e beijou lentamente os lábios dela. “Você e Jessica fizeram um trabalho magnifico. Jessica e eu ficamos bastante cansadas.”.”. “Por que não? Um pouquinho de prazer não te fará mal. Está tudo muito bonito. disse severamente. mas não antes de nossa festa de noivado com todos os seus amigos importantes esperando lá fora.. Sookita retribuiu o beijo um pouco acanhada. igual a vocês duas. “Bill. Ele se afastou franzindo o cenho. disse enquanto tentava se afastar do contato. como se ele nunca tivesse feito parte de sua intimidade. melhor sairmos. Lembra quando me pediu meses atrás?”. Agora tudo parecia estranho e sem sentindo. Estou arrumada. mentiu. Conforme 87 . carros e mais carros paravam na entrada para a chegada dos convidados.” “Por que a pressa? Não tivemos momentos só nossos desde que voltei. tentava colocar a mão entre as pernas de Sookita. chegou nosso grande momento. “Vamos. no fundo ela estava certa.”. eu dei uma olhada lá fora. iria relevar. estamos nos dando bem ultimamente. “Sim.Escravos do Amor – Segunda Temporada ambiente que ela sozinha. “Sim. há muito tempo não conseguia sentir algo mais forte por ele. “Os convidados já estão chegando..”. Ele lentamente levantou o vestido dela agarrando na calcinha. Mas.. ele sussurrou. O acesso a pé pela lateral até o grande jardim que ficava nos fundos do lugar. agora não. ele passava o lábio na linha do pescoço de Sookita. começou a empurrá-lo.. ----------------------------------A mansão de Bill estava especialmente iluminada naquela noite. Antes ela esperava ansiosamente por qualquer contato mais íntimo que ele pudesse oferecer.. minhas mulheres favoritas. “É. ele disse estendendo o braço para ela. não foi fácil organizar tudo sem a sua presença.

Jason correu até a irmã. aceitou as desculpas. Também tinha armas para se defender da outra e iria usar se fosse preciso. uma festa não seria nada demais. Sookita não teve escolha. levantou a cabeça e resolveu encarar o resto daquela noite. agora não tinha mais volta. Bill a conduziu até a tenda principal. circundado por cerca-viva e um portão de ferro redondo estava fechado para evitar a entrada dos convidados. espaçosa o suficiente para cerca de 150 convidados. Depois do que passou na Autoridade. gostaria de apresentar a minha noiva. Bill tinha mesmo amigos poderosos. Aceitou os cumprimentos de Lafayette. Aproximaram-se de um grupo sentado numa das mesas. mas exigiu que algo assim jamais voltasse a acontecer. Forçou um sorriso. ele pediu desculpas novamente por não ter aparecido tanto. disse que o medo de perder seu pai fez com que enlouquecesse. seria oficialmente futura esposa do prefeito. Apenas sentia que algo 88 . Sookita correspondeu ao abraço de seu irmão. não entendia muito bem essa amizade de seu irmão com o primo de Tara. A vampira pediu milhares de desculpas por ter atacado naquela noite. uma pista de dança e logo atrás as mesas decoradas com flores da estação para os convidados se acomodarem.” Sookita sorriu apertando nervosamente a mão do homem alto e bem vestido a sua frente. Uma banda tocava músicas variadas. de repente não parecia tão perdido como era. foi Jessica quem cuidou de tudo. ele estava tão bonito vestindo smoking. Havia instalada no meio do jardim a tenda principal. O lugar estava realmente muito bonito. e quantos inimigos teria? Ela se perguntou enquanto olhava em volta. todos se voltaram para eles aplaudindo. Apenas o luar iluminava o caminho nos altos muros do labirinto. mesmo que decidisse seu futuro. deram um longo abraço. ele era tudo o que tinha na vida. Sookita se apoiava nos braços de Bill enquanto descia a escada principal que levava até a festa. senão iria cortar tudo para Bill. Bill rapidamente cumprimentou o homem que levantou. o casal foi anunciado pela banda. Mas. Não gostaria de pensar muito no significado disso e no que teria que fazer dali para frente. uma decoração moderna e agradável. Sentiu um frio na barriga.Escravos do Amor – Segunda Temporada avançavam até a festa. os convidados eram recebidos por elegantes vampiros que cuidavam da segurança. “Governador. não imaginava que o governador do estado estaria presente. Sookita opinou apenas em algumas coisas. Um jardim de labirinto podia ser visto alguns metros atrás da tenda.

Nome de guerra Jackeline Jackson. Lafayette deu de ombros. “Ele é drag queen hoje em dia lá na capital. Sookita disse chocada.” “Aquela é a cerimonialista.. pelo jeito a história se repetiria com Eric. “Voltamos a sexta-série quando essas duas brigavam quem sentaria ao lado daquele panaca do Roberto durante a aula. Nem precisávamos brigar. “Irei cuidar disso. Pelo menos com Bill não houve interesse da parte dele e muito menos de Tara. Lafayette tirou sarro de sua prima..”. Por mais que tentasse esquecer-se do assunto. vários olhares se voltaram conforme percorreu o salão. “Você está muito mais. Sookita balançou a cabeça confirmando. Sookita não reparou na aproximação de Alcide. Tara empinou o nariz. sentindo uma pontada ao relembrar que sua amiga tinha tido algo íntimo com Eric.”.” Jason disse divertido. pensou sufocando um riso. “Dona Sookita. “Está linda.”. Aquela moça ali não para de reclamar. Jessica ainda não chegou. 89 . mas aprendeu com o tempo a não se ressentir. né amada?”. “E depois descobriu que ele era um baita viado. “Disse que tem coisas que ainda precisa combinar com ela. Tara apareceu logo atrás dos dois. um terno cinza escuro com caimento perfeito. deixa de ser tonto. “Ele era gay? Não acredito. Nem reparei na ausência dela. Alcide apontou para uma mulher loira parada na escadaria. tocou no ombro de Alcide e se afastou em direção a moça. desculpe interromper. os cabelos para trás com gel. coisa mais cafona que já ouvi. Mas.”. Nunca o viu tão limpo. Tara comentou enquanto a beijava na bochecha. ela se virou e ficou surpresa o quanto ele também estava bonito. Sookita respondeu. O lobo a chamou.”. fui eu quem ficou com o Roberto no final.Escravos do Amor – Segunda Temporada estranho acontecia e ela não tinha vontade de descobrir.”.”... Sookita sorriu de volta. não poderia negar que Tara sempre ficou com os rapazes de quem ela gostava. se destacava das outras convidadas. “Jason.”. Achei que Jessica já estaria por aqui. Mas. usava um longo verde. a possível imagem dos dois juntos continuava a assombrar. e dessa vez não saberia como iria reagir.

A roupa destacava ainda mais sua altura deixando o vampiro absurdamente perigoso. Normalmente conversava com Bill. Eric trajava um conjunto de calça e blazer social azul marinho com uma camisa de botão branca. Sookita fez questão de deixar claro isso quando montou a lista. Os dois passaram por Sookita na escada e a ignoraram completamente. Não conversava com muitas pessoas além de seu círculo de trabalho. Sookita disse divertida imaginando o susto deles. a acompanhante era Jessica e o homem simplesmente Eric. a roupa era tão curta que corria o risco de mostrar a calcinha.Escravos do Amor – Segunda Temporada O lobo ficou sem graça encarando Tara. Iriam pensar que já era o Dia dos Mortos. Ela queria matar as borboletas que insistiam em ficar voando em seu estômago conforme Eric se movia com Jessica sorridente ao seu lado. Jessica caminhava altivamente. o momento de servir o bolo e sobre alguns jovens que estavam tentando pular o muro até o labirinto. Bill se aproximou do casal e falou entre dentes para Jessica: “Onde está com a cabeça?” 90 . Vão ficar com medo. e a intenção era essa mesma. Os olhos azuis observavam tudo minuciosamente. “Coloque um dos vampiros para ficarem lá de guarda. Sua atenção foi desviada pela figura de um homem alto e loiro descendo a escada acompanhado de uma ruiva estonteante. Seus cabelos estavam para trás.”. Ele não havia sido convidado. Seu rosto ficou quente diante da visão. Para surpresa de Sookita. Jason e Lafayette. chamar todos os olhares para si. não o via desde a Autoridade. como sempre impecáveis. Sookita se aproximou da moça e ficaram discutindo por longos minutos alguns detalhes da iluminação. depois a sua guarda e os maltratos de Jessica eram parte de sua rotina. Estava afastado de sua alcateia desde que começou a trabalhar para o prefeito.

Escravos do Amor – Segunda Temporada Capítulo 22 Encontros e Desencontros I don't want to leave. Stay here with me. So don't. 91 .

Eric é o meu par essa noite. Na verdade.” Eric lançou um olhar de lado para Sookita. “Sejam bem-vindos. mesmo com todo o acontecido. Sookita respirava com dificuldade. sentiu suor escorrendo pelas costas. Jessica respondeu cinicamente. Ele a tinha ignorado solenemente. Bill segurou fortemente o braço dela e a levou em direção a casa. “Minha cara Sookita. Obviamente sabia que Eric estava usando Jessica para provocá-lo. principalmente quando Eric evitou que ele atacasse Sookita.Escravos do Amor – Segunda Temporada Bill encarava Jessica furioso. como se nem existisse. “Obrigada. minha querida filha. você está linda. ainda mais com tantos convidados de renome. “Jessica. parecia que estavam novamente na missão quando ele a ignorou por vários dias. Não achava Santiago tão confiável quanto antes. Sookita aproveitou para convidar Bastian. A moça que estava ao lado de Sookita se afastou rapidamente após os olhares dos vampiros. “Você sabe melhor do que ninguém que ele não foi convidado. Bill o seguiu e a encarou longamente com um sorriso. Não queria criar uma cena em sua festa. havia esquecido que o tinha convidado. Eric encolheu os ombros. disse Santiago surgindo repentinamente. Em alguns momentos lembrava com clareza os acontecimentos na Autoridade e em outros preferiu esquecer.”. não conseguia sentir raiva. Eu não vejo nada demais. quanto a isso não tinha dúvidas. nada mais poderia ser tranquilo. Não conseguia esconder o nervosismo com ele circulando por sua festa.”. Bastian apareceu ao lado dele. esperava uma resposta para o enorme problema a sua frente.”. o pedido foi de Bill.” “Sookita quem não quis. pensou. o jovem vampiro que conheceu naquela noite. “Nada demais. colocou a mão no bolso e começou a descer a escada na direção da tenda. querido pai. incomodado em se vestir daquela maneira. a careca dele estava mais reluzente do que das outras vezes que o viu. precisamos conversar em particular. mas com a gravata malfeita. Nesses momentos ela preferia qualquer reação da parte dele a ser tratada como se fosse invisível. usando um terno. ela respondeu concordando com a cabeça.” 92 . Santiago como sempre estava bem vestido. e esse problema era Eric.”. Ela virou de uma vez. Já de Bastian.

“Não é nada. cara menina. ela não queria estender o assunto. Bastian se encolheu se afastando dos dois. Limpou com o lenço as lentes e os recolocou. Sookita olhou interrogativa para os dois. Bastian se aproximou novamente dos dois. parecia que eu estava assistindo uma novela. disse com o rosto impassível. seus olhos estavam marejados. Santiago disse severamente como se estivesse falando com um aluno. “Onde está Bill?”.”.” “Desde pequeno esse menino deu trabalho.”. “Conversando com Jessica.” “Santiago.”. pensou. Santiago repreendeu o vampiro jovem com um olhar ferino.”.”. acho que já estou me acostumando com o jeito peculiar de vocês.”. Ele balançou a cabeça.”. “Se me permitir. deu um sorriso e comentou: “Vendo vocês com esse drama todo. Olhou em direção a casa e percebeu que Bill ainda não havia voltado com Jessica. ela apontou para a festa. “Nem eu. não se preocupe mais com isso. É passado. não havia digerido totalmente a passividade de Santiago na punição para ela. no mínimo estaria repreendendo a vampira. “Não será necessário. disse ela colocando a mão no ombro dele. “Sinto que fiquei em falta com você. seria Bastian aprendiz de Santiago? Pelo modo como o vampiro se dirigia a ele parecia que os dois eram íntimos.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Parece tensa. ele colocou a mão no peito como se pedisse desculpas. não estou acostumada com tudo isso. por favor. 93 . retirou os óculos. Bastian comentou puxando o nó da gravata. vampiros. espero um dia ter a chance de explicar o que aconteceu naquela noite. o que seria bem merecido. aconteceu alguma coisa?”. Santiago perguntou olhando curioso por trás dos pesados óculos. Eric e Bill. perguntou Santiago.

mexeu novamente na gravata. Jessica voltou sozinha descendo as escadas com um semblante irritado.”. deixou a coluna ereta forçando uma pose séria. estou só passando o recado. “Se tivesse mandado convite Eric não iria vir. Aproximou-se do grupo.”. “Então. se acha o máximo quebrando as regras. tentou colocar a gravata no lugar.” “O que ele está fazendo?”. empinou o nariz. disse emburrado. Não gostaria de receber pessoas que mal conhecia.”.”. Sookita respondeu rindo. Santiago observava Eric ao longe encostado num dos pilares da tenda. os dois pareciam pai e filho. não. eu deveria ter colocado um esparadrapo na sua boca essa noite. “Sookita.”. Bastian comentou.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Vejo que convidou Eric. “Bastian.” Sookita riu pela primeira vez nessa noite. observou os convidados e disse: “Boa noite Senhores. ele é meio hipster. Algum de vocês viram Eric?” 94 . meu pai pediu pra você recepcionar os convidados enquanto ele não volta. o rapaz respondeu cruzando os braços. você está ótimo assim. Bastian soltou um risinho. ela perguntou preocupada. “Pensei que você era o grande desafiador da sociedade. Não sabia que tinha senso de humor. Santiago deu um tapa na mão do rapaz e o mandou parar de se comportar como se estivesse num circo.”. cumprimentou com um sorriso.”.”. eu deveria ter vindo pelado. estou desafiando a sociedade fingindo que sou um homem sério com uma banana enfiada na bunda. Sookita. “Faça uma pergunta mais fácil. não foi convidado. Eric veio de penetra mesmo. Santiago balançou a cabeça. “Pronto. “Não. disse ela com um sorriso amarelo. “Meu senso de humor não chega a tanto. O rapaz arrumou o terno. jamais esperaria esse tipo de relação entre os dois. Antes que um deles pudesse responder.

Eric surgiu de repente parando perto do rapaz. em seguida baixou a cabeça encarando os sapatos. Bastian deu um salto com o susto que tomou com a chegada de Eric. Eric puxou Jessica delicamente pelo braço. Santiago puxou Bastian e começaram a descer o resto da escada na direção da festa. cara. pensou. “Fica de boa. 95 . “Não.”. a conquista dele foi Tara e hoje era sua futura enteada. a sua intenção sempre foi provocar. meu caro. o que ela sabia desde o começo que aconteceria. disse irônico. respondeu friamente. era o que mais gostava de fazer. queria tirá-lo de perto daquelas pessoas. “Vejo que se recuperou bem.”. No dia anterior. pediu licença e se afastaram do grupo.” “Não foi convidada.”. não imaginava que ele continuaria ainda com Jessica desde aquele momento na boate.”. Eric. “Pam está bem? Pelo que vi não está na festa. Pensava que o outro estava distraído na festa e não iria aparecer por ali para atrapalhar a conversa alheia. Não trouxe Eric para a festa de noivado de seu pai só para levar bronca. “Se quiser saber se está bem. fale diretamente com ela.” Jessica estava incomodada com todo aquele papo.”. Sookita precisa ficar sozinha. disse Santiago encarando o vampiro. “Quer que eu te faça companhia?”.Escravos do Amor – Segunda Temporada “O gostosão deve estar por aí rodeado de gatas e fingindo que não tem culpa. Bastian perguntou timidamente. ele continuava ignorando a presença de Sookita. Sookita os seguiu com o olhar. e deixar claro para Sookita que ficasse de uma vez com Bill e não brincando de pular a cerca. “Quer um pouco de atenção também?”. Eu estava apenas brincando com a moça. “Gostaria de agradecer pela imensa hospitalidade naquela semana. Bastian respondeu se aproximando de Jessica. “Não me agradeça. Mas.”. Não sou garotinho de recados. respondeu se aproximando de Santiago. você merece sempre o melhor. focava o olhar apenas em Santiago.”.

A moça o mediu de cima a baixo. pegou os pedaços de vidros com a mão abrindo alguns cortes. Sua vista embaralhava de vez em quando. e todos pareciam que a conheciam.”. ele cochichou que ela poderia disfarçar um pouco o quanto achou o bêbado bonitão.”. os convidados sentados na mesa olhavam assustados e obrigaram o garçom a entender o pedido rapidamente. convidados continuavam chegando. apenas pediu mais bebida para o garçom. acho que bebeu além da conta. menos mal cheiroso. ele aproximou a cadeira perto de uma das moças. A voz dele estava pastosa. diz que cheiro mal. Levou um cutucão de seu acompanhante. Sentou-se na primeira mesa que viu. “Eu cuido disso. não conhecia quem estava ali sentado. “Rapaz. “Não se aproximem. O copo caiu de sua mão e se quebrou ao tocar o chão. ele perguntou para os dois casais sentados na mesa. o Senhor Bill me salvou. Por ser um lobisomem. Menina Jessica me odeia. fez um negativo com a cabeça pensando que o rapaz que dizia ser lobo era tudo. É melhor tomar um pouco de ar fresco. em seguida sentou de maneira desajeitada na cadeira. fez o pedido várias vezes. “Eu sou um lobo também. Virou de uma vez. De vez em quando olhava na direção da tenda procurando certo casal com o olhar. ele disse colocando os pedaços em cima da mesa. seu corpo aguentava uma carga pesada de álcool. “Isso machuca. Eu cheiro mal?”. Alcide levantou de repente. o sangue começou a escorrer. a barriga fazia estranhos barulhos e os joelhos dobravam involuntariamente conforme caminhava.”. Ela não aguentava mais beijar rostos desconhecidos e dizer falsas palavras gentis.Escravos do Amor – Segunda Temporada Sookita continuou parada na escada.”. querem ouvir meu uivo?”. “Tem bastante ar aqui. havia perdido a conta de quantos copos de vodca bebeu. mas em seguida se arrependia em fazer isso. mas os efeitos eram os mesmo de um humano.”. um dos homens comentou preocupado. ele falou alto com os braços abertos. ele disse puxando fortemente o ar. --------------------------------------Alcide estava bebendo mais do que o normal nessa noite. 96 . parou um garçom e pegou mais um copo de bebida. “Eu sou um lobo.

Alguns vampiros convidados começaram a se aproximar por conta do cheiro. disse um pouco sem graça. ele respondeu. levante-se. Meu pai vai demiti-lo por isso!”. “Ele era. “O que? Eu me cortei.”.”. ele virou para o outro lado.” Jessica sentiu vontade de avançar em Alcide. “Não pode ficar aqui. ainda continuava ocupado no telefone. Jessica se aproximou reprovando o que o lobo tinha feito. balançou a cabeça diante da cena. Essa festa estava mais divertida do que tinha imaginado. “Vamos. mas não fazia um bom trabalho. Jessica aparecia logo atrás.Escravos do Amor – Segunda Temporada O lobo tentava estancar os machucados com a boca.”. disse com raiva. Os convidados na mesa e outros que estavam por perto se voltaram chocados diante das palavras de Jessica. pensou raivosa. ela tentou disfarçar evitando chamar mais atenção ainda.. e envergonhando a todos. em cima da mesa e escorrendo pela mão do lobo que tentava sugar o quanto podia. “O que você pensa que está fazendo? Cachorro idiota.. sorrindo sem graça para os convidados. observava a bagunça de sangue no chão. pensou. Não preciso de sua ajuda. Eric continuava puxando Alcide. Por sorte.. “Achei que seu cachorrinho era adestrado. mas não com um ser patético como aquele caindo de bêbado. “Dane-se!”. Eric disse para ela. Parou em frente ao lobo. não deu tempo para o lobo reagir.”. O saiu arrastando sob vários olhares atentos. Os três estavam fora da tenda. muitos apontavam para eles. não havia sinal dele e nem de Sookita. fez um movimento com a mão para Alcide. os convidados estão constrangidos. “Não me obrigue a sair daqui! Vá curtir com seu namorado e me deixe em paz.. Eric afastou Jessica ao se aproximar de Alcide. o lobo se 97 . Eric agarrou Alcide pelo paletó. seu pai não estava por perto. não sei o que aconteceu.”. Ela queria chamar a atenção com Eric.

Não quero sua ajuda. sugador. mas não poderia negar que o cheiro o atraia. seu instinto de preservação continuava intacto... “Eu não deixei... Eric refreou a vontade de lamber aquele sangue.” “A salvou de quem?”. mas caiu sentado no gramado. Puxou o ar com dificuldade. Por mais que estivesse bêbado.. e não era chegado em sangue de lobo. disse furioso enquanto limpava a barba.”. o sangue continuava escorrendo de sua mão. Não sentia mais vontade de lamber o sangue do lobo. 98 . não obteve reação. Alcide desviou o olhar. e as palavras de Bill surgiram em sua mente ensinando como evitar ser hipnotizado por um vampiro. e Alcide abriu os olhos gemendo de dor. O cheiro forte de bebida com comida velha tomou conta do ar.”. evitando o máximo que podia farejar o ar. comentou provocando. Eric ficou parado com Alcide alguns metros da tenda. salvei a vida dela.Escravos do Amor – Segunda Temporada deixou ser arrastado.” “Quem disse que eu estou te ajudando? Fiz um favor a sua dona. “Caia fora. não era o momento. O Senhor Bill. o lobo deitou-se no chão de olhos fechados. até que virou de lado e vomitou.. por sorte não era obrigado a respirar.” “Não tenho dona. Marcas se formavam na grama por conta do peso dele.” Jessica se afastou na direção da mansão.”. mas eu não sei onde fica. vou chamar alguém. “Se não fosse por mim estaria morta. mas para Eric seria o mesmo que arrastar algodão. não fazia nenhum movimento. Eric agachou perto de Alcide para encará-lo. tentou ficar de pé. “Onde é para levar esse idiota?” “Para o quarto dele. ironizou. é. não deixaria o vampiro encará-lo.” “Não é a toa que deixou a noiva de seu dono ser atacada. espere um instante. respirava pesadamente. “Bom saber como os guardas do prefeito trabalham bem. várias e várias vezes. Chutou com mais força. Cutucou o lobo com o pé. Eric se afastou enojado.

Não era tão estúpido como Jessica pensava que fosse. e o quanto se divertiu. logo tinha que se levantar e atender algum convidado. Não era um bom sinal. E foi antes de tudo desmoronar. Eu exijo que reportem isso para meu pai. Sempre o viu mais como um amigo do que como amante. Sookita sentiu um peso no coração.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Um vampiro desgarrado. Sem querer lembrou-se da última vez em que participou de uma festa. Deu sinal para os vampiros chegarem perto. “Eu nunca pedi sua proteção. ele gritou conforme era arrastado. não queria pensar ou ficar procurando Eric e Jessica. disse que o patrão estava sobrecarregado no bar e não teria como largar nesse momento. Tara comentou sobre Sam não ter comparecido. e antes de Eric tomar o controle de seu corpo. “Não. Bill não conseguia se sentar por dois segundos. Sabia da paixão dele. tinha certeza de que o motivo de Sam passava longe disso. Ele havia interpretado tão bem o papel de marido amoroso. mas infelizmente nunca conseguiu corresponder como gostaria. 99 . já tinha uma das informações que queria. enquanto passava os olhos na pista de dança. e nem recebeu reconhecimento por conta disso. não poderia negar.”. Jessica reapareceu com dois vampiros vestidos como agentes secretos. pois fazia tempo que não lidavam com esse tipo de vampiro perdido. o lábio dele roçando no pescoço dela. cachorro. Ela jogava conversa fora.” ---------------------------------------Sookita sentou-se numa mesa junto de Tara. mentiu para Eric. só gostaria de descobrir quem era o tal vampiro desgarrado na região. Eric levantou ajeitando a calça com as mãos.”. conheciam vários e se misturavam muito bem.”. Talvez um novo ninho estivesse se formando e a Autoridade não soubesse? Pensou preocupado. “Levem o patrão estúpido de vocês daqui. ela cruzou os braços observando-os levantar Alcide. principalmente o governador. Apoiou o queixo na mão. antes de perder o controle de sua vida. De vez em quando notava Bastian e Santiago caminhando entre os convidados. eu cobri você aquela noite. Aproximou-se de Alcide com uma careta quando viu o vomito no chão. Jason e Lafayette. namorado ou o que fosse. ele a havia salvado com essa mentira toda.

à pista estava sempre cheia. estava divagando. apenas uma luz o iluminava o centro e outra iluminou Sookita na mesa. Eric. Tara a chamou várias vezes. jogou a cabeça para trás apoiando nas costas. Notou que seu irmão estava inquieto. respondia qualquer coisa na conversa que estava rolando na mesa. Será que Eric tinha lembrado da festa como ela lembrou? Não iria ficar imaginando as reações dele em sua festa de noivado com outro homem. Balançou a cabeça. Sookita imaginou que talvez soubesse a dor de barriga de seu irmão e o motivo era só um. Havia alguma coisa de errada com ela. foi até o centro da pista de dança. Sookita virou novamente para a mesa e sorriu sem graça para Lafayette que paquerava um garçom bonitão. o resto do salão ficou escuro. mais um naquela noite. o incomodo continuava persistente. bateu algumas vezes no microfone para confirmar que estava funcionando. Jason a convidou para dançar. estou aqui para anunciar o meu 100 . Notou que não tinha feito o óbvio. o mesmo lugar que ele mordeu depois. e olhando tudo em volta preocupado. amigos.Escravos do Amor – Segunda Temporada involuntariamente ela colocou a mão no pescoço. conhecidos. passou a mão algumas vezes tentando afastar a sensação. Mas. Sookita sentiu um frio na barriga. De repente sentiu um incomodo na nuca. Bill de vez em quando se aproximava e a beijava levemente nos lábios pedindo desculpas por dar atenção aos outros mais do que deveria. Ele estava sentado algumas mesas atrás com Jessica jogada em seus braços. um leve arrepio. estava ficando mal acostumada com aquelas sensações. se mexia na cadeira. Hoje não estou aqui para fazer um discurso para ganhar votos. passava a mão na cabeça. seus olhos encontraram o de Eric no mesmo momento. disse que Jason a largou sozinha e foi correndo ao banheiro porque sentiu uma dor de barriga. companheiros de trabalho e cidadãos de minha amada cidade. que era muito boa por sinal. talvez estivesse apenas cansada. mexendo nos cabelos dele. A música parou. Sookita negou e disse que dançaria mais tarde após o jantar. Ajeitou-se novamente na cadeira. começou a olhar em volta e não viu nada de diferente. Ele pigarreou. Seu irmão acabou levando Tara para a pista sem vontade. Tara voltou para a mesa irritada. os casais se entreolharam sem graça. Ele desviou o olhar voltando à atenção para Jessica. Começou a falar num tom firme e emocionado: “Gostaria de agradecer a vinda de todos vocês. olhado para trás e quando fez isso. tentava afrouxar a gravata. Ele pegou um microfone. Ela reparou que Bill caminhava de cabeça erguida e com toda pompa na direção da banda.

os convidados se divertindo. não sabia se chorava pelo erro que estava cometendo em enganar uma pessoa tão boa ou porque tinha certeza de que não tinha como sair dessa confusão em que se meteu. Bill a tomou nos braços. Não poderia negar que a festa estava muito bonita. “Minha futura esposa jamais irá se tornar vampira. “Sookita. Ela lembrou que sua avó iria gostar muito se estivesse ali. queria sair o mais rapidamente daquele lugar. ele disse baixinho no ouvido dela. beijando longamente nos lábios dela seguido de aplausos de quase todos os presentes. o jantar foi servido logo após. ele apontou para Sookita. do mesmo jeito que é estranho um vampiro ser prefeito.Escravos do Amor – Segunda Temporada noivado com a mulher que me trouxe a felicidade nesse mundo. “Aceita casar comigo?” Sookita limpou as lágrimas conforme ele se aproximou..”. Jessica guiava Eric entre os convidados. e descansaremos no meio dele quando for o momento certo.”. ele se aproximou dela. “Vamos sair daqui. e para os vampiros como o politicamente correto mandava apenas TruBlood. só não iria aprovar o vestido curto de Jessica. Eric ao seu lado observava a cena com um sorriso de canto.”.”. “Eu e Sookita estamos aqui para provar que um amor entre dois seres tão diferentes pode e deve funcionar. diante de todos aqui presentes. ela disse com a voz embargada. O labirinto que tenho aqui em minha propriedade é o sinal de que iremos encontrar o caminho final juntos. eu reafirmo meu amor por você e a peço novamente em casamento.”. as péssimas maneiras de Jason e teria pavor de Eric. e a excitação do que aconteceria percorria o seu corpo. isso não irá atrapalhar nosso futuro. “Pode parecer estranho um vampiro se casar com uma humana.”. 101 . “Sim. nossos corações estarão juntos pela eternidade. Jessica agarrou Eric pelo braço. aqui dentro. --------------------------------------Sookita dançou várias vezes com Bill depois do belo discurso. “Não vai chorar com esse discurso comovente?”. Mas. ele olhou na direção do labirinto. os convidados riram após essa afirmação. Jessica segurava a taça de TruBlood impassível. quero foder com você. por escolha dela e eu apoio incondicionalmente. ela colocou a taça na mesa e arrumou o vestido curto. ele apontou no meio do peito.”. Ele confirmou com um sorriso.. Não é a morte que irá me separar dela. nada de sangue humano.

alguém mais além de você viu?” Ele fez um movimento positivo com a cabeça. observava cada convidado dançando e quem entrava e saía. estava procurando Alcide. olhava para o jardim lá fora.. “Se eu te contar. caiu fora faz tempo. ele disse se afastando.” “O que rola? Mas.”.”.”. ela insistiu. “Eu vi vocês. Caminhou até a entrada da festa. esperando alguma visão. disse com o rosto vermelho. que não é o seu noivo. “Quem viu?”. “Está dando muito na cara. sei o que rola.”. perguntou distraída. Não me bata. Sookita queria encontrar um buraco para se enfiar e passar o resto da eternidade. Será que todos tinham presenciado seu momento de fraqueza? Pensou apertando as mãos nervosamente.” “Eu. “Eu não sei o que dizer. tentou evitar a tentação. por favor. apontou para ela. “O que você viu?” “Eu vi vocês se pegando na Autoridade.”.. “O que?”. Não havia sinal deles em nenhum lugar. já disse. “Isso que está fazendo. ele colocou as mãos na frente do rosto. satisfeita?” 102 . Bastian comentou parando ao lado de Sookita.”.. infelizmente não foi muito convincente. estou tão envergonhada.. “Santiago.Escravos do Amor – Segunda Temporada Reparou que tanto Jessica quanto Eric não estavam mais entre os presentes desde o discurso. mas os procurava pela tenda. “Aquele quem está procurando. sabia desde do início que estava sendo observada naquela sala.. Continuava com as mãos numa posição defensiva. Estava tão óbvio assim que procurava por Eric e Jessica? Bastian era um ótimo observador ou ela não sabia mesmo disfarçar. Nem tinha percebido a chegada do vampiro. acho que vai bater em mim. eu estava procurando Alcide.. Não sei do que está falando.

Não que eu seja gay. ele disse voltando a ficar relaxado. no mínimo já estão perdidos lá dentro. ele estendeu a mão para ela..”.”. eu cometi um erro nessa missão..... eu adoraria dançar.” “Sorte que você não é gay.” “Faz uns 15 minutos que ele não está mais lá de guarda. Sookita colocou a mão em volta do pescoço de Bastian.” Os dois foram para a pista de dança sob o olhar atento de Santiago. “Quer dançar? Não sou tão bom quanto o outro. Bill continuava ocupado com o governador. “E sim.”.”. ele zombou. eu não sou. “Desculpe interromper.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Imaginei que ele também estaria presente. “Fico mais aliviada. “Estou me sentindo como se tivesse no baile da escola. disse rindo.. A dança dos dois foi interrompida pela chegada da cerimonialista. não se preocupe.”.” 103 . e sentiu o corpo franzino dele de encontro ao dela... ela estava nervosa e respirava com dificuldade. Sookita disse para ele.”. o vampiro que estava lá de guarda sumiu. mas vi alguém pular o portão do labirinto. mas dou pro gasto.”. Ficou feliz do vampiro ter aparecido.” “Se eu fosse mulher faria a mesma coisa.. Não sei o que acontece comigo.” “Se fosse do interesse de Santiago. “Claro. O Senhor de La Vega exigiu que ninguém entrasse lá.” “Como assim sumiu? Ele sabia que tinha convidados tentando pular o portão. Bill não estava dando muita atenção no momento.”. ela tentava recuperar o fôlego. “Bill não pode saber. “Você poderia ser muito bem o galã da festa. O que pelo menos evitava procurar por Eric no meio dos convidados. Bill já estaria sabendo.. “Senhorita Montenegro. disse entrando na brincadeira. está dançando com o galã da festa. e não vou cometer novamente. ele era um pouco mais alto. disse com a voz fraca. O labirinto é enorme. eu te garanto.

de acordo com os guardas.” Bastian concordou. falou enquanto procurava o lobo entre os convidados.”. estreitas demais para o gosto de Sookita. “Alcide se retirou da festa.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Não acredito nisso. O labirinto formava um grande quadrado. não posso permitir que entre sozinho. Sookita comentou irritada. “Se quiserem. havia vinhas e arbustos que davam sustentação aos muros.”. Bastian comentou tentando amenizar o ambiente. sabia que era grande. eram ingleses. em seguida se dirigiu ao vampiro. Mercedes. lançou um olhar para Santiago que observava tudo atentamente e caminhou para fora da tenda na direção do labirinto. a moça disse com receio. Mas. “Estou me sentindo um hobbit. e gostou por Bill ter se lembrado durante o discurso. Bastian estava se oferecendo gentilmente para fazer algo que nem era de responsabilidade dele.” “Só me faltava essa agora.”. com duas saídas laterais e várias saídas falsas também. Sookita passou as mãos nos braços causa do frio. Sookita lembrou-se quando visitou a mansão pela primeira vez e Bill comentou que os antigos donos da propriedade.”. Ela achou a história extremamente romântica. “Esse lugar é assustador.”. construíram o enorme labirinto para simbolizar o amor que sentiam e ergueram uma cripta justamente no meio para serem enterrados ali por toda a eternidade. Bastian se ofereceu. não passou bem. 104 . alguns funcionários diziam que os espíritos dos antigos donos caminhavam entre os muros procurando pela saída. ela não teve coragem de se aventurar por ali sozinha. “Eu não vou entrar lá sozinha com um vampiro. “Tudo bem. eu posso ir procurar. “Eu vou com você. Havia quatro entradas. ---------------------------O labirinto de jardim se estendia na frente de Sookita e Bastian.”. a sensação era claustrofóbica. mas não imaginava que fosse tanto. Sookita revirou os olhos diante da atitude dela. onde está Alcide?”. os altos muros de quase 3 metros eram imponentes e construídos com esmero. ainda mais sob o luar.

olhou para dentro. O que acha?”. A camisa branca exibia várias rasgos e a gravata havia sumido.” “Sookita. Quem se perdeu aí dentro já deve estar assustado tentando encontrar a saída. “Eu sou um vampiro. deu três passos e sumiu dentro do muro.”. Sookita ficou ali sozinha. ele gritou.”. O frio só aumentava. não estrague a diversão. “É uma boa ideia. ele deu de ombros.”. disse tentando não cair na risada.” Ele coçou a cabeça. caminhou até a entrada do meio.”. “Acho melhor você tentar por dentro mesmo. Você fica aqui esperando e eu entro lá. Minutos depois as mãos dele foram vistas saindo de dentro do muro. Sookita vestiu o blazer. dou um susto em que se meteu ali dentro e salvo o dia. “Não foi uma boa ideia ir por cima.Escravos do Amor – Segunda Temporada Bastian reparou que ela estava arrepiada. do modo tradicional.”. estendeu para ela. “Obrigada. e o som da festa lá no fundo. Bastian sumiu dentro do labirinto.” Com um salto. estava com o rosto arranhado e escorrendo sangue. “Daqui uns minutos estarei de volta e não irei mais assustar o babaca que entrou aqui. Vou assustar só um pouco. estava me apertando mesmo.. Bastian pousou em cima do muro. “Essa merda aqui afunda. ele estufou o peito.” Sookita ouviu o rapaz gemendo. ele retirou rapidamente o blazer. coçou novamente a cabeça. basicamente um super-herói. 105 .”. “Melhor você usar.. ele disse sem graça parando na entrada. abriu um largo sorriso quando voltou para perto de Sookita. reclamando e xingando sem parar. iria dar umas porradas. nenhum sinal ainda do vampiro. “É o jeito. olhando qualquer barulho a sua volta. “Vamos passar horas para encontrar alguém dentro desse lugar. e muito menos de quem estava dentro do labirinto. “Porra. tirando a parte do susto.” Após dizer isso.

Por não enxergar com clareza.. pouco iluminados e pensava toda hora que iria encontrar os fantasmas dos antigos donos. O caminho era estreito. ela pensou nervosa. correndo o máximo que podia.. era o primeiro sinal de alguma coisa. sentiu vontade de gritar. Continuava caminhando.” Eric soltou Jessica. Conforme entrava mais e mais no labirinto. né. Veio aqui me espionar com meu namorado. só podiam ter sido ingleses. Antes de gritar por Bastian novamente. Sookita virou as cegas e voltou para o caminho que fez anteriormente. Sookita começou a se arrepender. Assim que dobrou uma esquina. gaguejou. “Me deixe em paz!”.”. Eric surgiu em sua frente. nunca encontrou um fantasma antes. levantou a calça que estava arriada na altura do joelho. mas sentiu que estava mais perdida ainda do que antes. Maldito Bastian. Tentou fazer o caminho de volta antes que fosse vista. mas foi tarde demais. apertou o paletó em torno do corpo. fez o sinal da cruz e foi caminhando lentamente até a entrada que o vampiro usou. “Bastian?”. não pareciam que eram de fantasmas. “Eu... “O que está fazendo aqui?”. respirou fundo.. Não sabia se era o suor ou as lágrimas que estavam atrapalhando.. seus ouvidos estavam aguçados. deu de frente com Jessica encostada no muro com as pernas em volta da cintura de Eric. ou parecia? Ela realmente não sabia. Quem construiu aquilo tinha um senso de humor bem estranho. empurrou o vampiro e continuou seu caminho tentando 106 . nunca imaginou que iria encontrar Jessica e Eric fazendo sexo. chamou pela segunda vez. “Onde pensa que vai?”. eu. pelo amor. ouviu sons abafados ali por perto. “Bastian. “Você não consegue se conter. os muros altos demais. Jessica gritou ainda pendurada em Eric. bateu de frente em vários caminhos falsos. Balançou a cabeça.Escravos do Amor – Segunda Temporada Ela perdeu a noção do tempo que ficou esperando ali. Queria apagar a imagem de sua cabeça. ela chamou uma vez.”. e foi seguindo o som. não iria fazer todo o caminho de volta e chamar Bill para ajudá-la a encontrar quem estava lá dentro e Bastian.

seu coração pulou no peito. Imaginou que estaria perto de alguma saída. gritou. e esqueceria o resto daquela noite. ele respondeu sem se virar. Virou uma esquina.” “Depois não me xingue de monstro insensível por te deixar perdida aqui.”. Recomeçou a caminhar no lado oposto ao dele. “Não quer mesmo a minha ajuda? Continuará bancando a donzela sofredora?” “Já disse que não. Ela parou alguns segundos para respirar. Um anjo esculpido chorava nos degraus que levavam a uma portinhola de ferro.Escravos do Amor – Segunda Temporada encontrar a saída. E para sua informação.” “Ela sabe se cuidar sozinha. ali provavelmente seria o meio do labirinto. “Estou aqui para te ajudar. não iria perder tempo em responder a provocação dele. me ignorou a festa inteira e agora quer me ajudar. “Não quero sua ajuda. volte para sua namorada. várias árvores em volta e uma cripta no meio. Quem tinha acendido aquilo? 107 . Por sorte talvez encontrasse Bastian. e depois outra. e outra. ele saltou novamente na frente dela. posso encontrar o caminho sozinha. Sookita deu de ombros. “Vamos.” “Veio sem ser convidado. continuou o caminho sem se importar com o que ele fosse fazer. incrivelmente uma vela estava acesa.” se aproximou de Sookita.. como Bill comentou antes. eu te tiro daqui rapidamente. Sookita se aproximou notando que havia dois caixões ali dentro. Caminhava sem rumo entre os muros. poupe-me de sua falsa bondade. até que se deparou com uma clareira. só voarmos para fora daqui. Havia um belo jardim circular. “O que você quer de mim? Por que diabos veio a essa festa?”. Eric recomeçou a caminhar lentamente. não sou nenhuma donzela sofredora.”. Fiz o meu dever de cidadão esta noite. vou encontrar o caminho nem que seja a última coisa que eu faça.” Empurrou novamente o vampiro. mais uma. um banco de pedra num canto. “Por que você deduz que quero algo de você?”. o labirinto parecia não ter fim. seu futuro marido iria ficar orgulhoso. Os antigos donos estavam enterrados naquele local. encostou-se ao muro e deparou-se com Eric parado do outro lado do muro..

perguntou de supetão.. “Pelo menos não é um minotauro perdido por aqui.. ele a encarou. de repente Bill dorme aí. obviamente. “Bastian. Afinal. disse sem entender. “Somos apenas amigos. por que quer saber?” “Não saiu de casa? Não sabe onde moro?”.”. “Nada que possa te interessar.” “Ah. não é da sua conta. só pode ser essa a explicação..”.”.” Ele concordou com a cabeça. Mas isso. sua nova conquista. Eric disse parado na entrada da clareira.. aliás. São apenas caixões. passou a mão no peito por baixo do blazer. Não pedi sua ajuda. Parou na entrada e voltou até Sookita rapidamente. “Não faço ideia de onde mora”.” “De quem é esse blazer? Não sinto o cheiro de Bill nele. ele se afastou da cripta. “Você não desiste. qual é o seu problema com ele?” “O meu problema agora é com você aqui nesse lugar.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Achei que já tinha encontrado a saída. Você esteve ontem na minha casa.”. “Comigo? Está aqui porque quer. cuidando dos 108 . “Por que está perguntando isso?” Eric se aproximou novamente dela. olhou em volta do lugar. “O que fez ontem a noite?”. parou ao lado de Sookita.”. “Está metida com algum tipo de bruxaria.. deu alguns passos na direção da saída. havia confusão nos olhos dele. não é mesmo?” Ele se aproximou da cripta. do que está falando? Ontem a noite eu estava em casa. ele farejou o ar. está aqui dentro tentando encontrar quem entrou no labirinto sem permissão. parou no primeiro degrau da cripta. meio amadeirado. Ela sentiu o cheiro dele.” “Sempre difamando tudo que envolve Bill. “Eric. falou tão baixo que Sookita mal conseguiu ouvir. segurou na portinhola como se fosse a sua tábua de salvação..

porra. ele estava visivelmente contrariado. Sookita engoliu em seco. Começou a desabotoar a camisa. De repente não se conteve e começou a rir. a mão dele por cima da dela empurrava para baixo. “Não fui eu quem fiz isso. bebeu meu sangue.. “Está fazendo algum tipo de bruxaria comigo. mas Eric 109 .”. seu rosto ficou vermelho ao dizer isso. “Por que eu faria isso? Não entendo nada de bruxaria.”. Você apareceu na minha casa ontem. Está bem aqui. não estava entendendo absolutamente nada. disse com a voz trêmula..”. ele puxou a mão dela com força passando no peito dele perto do mamilo.. Não quero que prove nada. estava quase chegando no cinto da calça.”.olhe. “Está aqui. ele apontou em cima do mamilo esquerdo. Ela sentiu a ferida dele na barriga. Bem aqui. cada vez mais para baixo. pelo jeito não estava se curando tão rapidamente como deveria. tentava não olhar para o corpo dele. Percebeu uma leve saliência. “Você confundiu outra pessoa comigo. Sookita deu um grito: “Não precisa fazer isso. sentiu os finos pelos em seus dedos conforme a mão subia e descia na pele dele. Sookita respirava com dificuldade.. A mão dela estava tão gelada quanto à pele dele. ele não afastou a mão dela. e mesmo sua mente mandando se afastar. mas jamais afirmaria ser de dentes.Escravos do Amor – Segunda Temporada preparativos para a festa de hoje. não daria para perceber o quanto estava suando frio com aquele toque.. eu não. te morderia. por sorte estava escuro..”. “Só pode ser cega. continuava descendo pelo peito. algumas marcas pequeninas. eram quase transparentes. não era alucinação.. “Não estou vendo nada.”.”.” Ele ignorou os apelos desesperados dela. continuou abrindo a camisa branca revelando os músculos definidos e os traços de alguns pelos claros em sua pele.. estava tendo uma crise de riso.. ela não conseguia retirar a mão do peito dele. “Eu senti você ontem a noite. Sookita. me atacou com mordidas. tirou o blazer jogando sem olhar na direção do banco.”. Eric só podia estar provocando.” “Não brinque comigo.” Sookita passou uns 10 segundos olhando para ele.. Tentou tirar a mão.”. “Não acredita em mim? Sua mordida ainda deve estar aqui.

os dedos não se fecharam em torno dele. a usando para atingir Bill. por favor. Eric exibiu as presas quando Sookita quase chegou até o seu membro. "Não tenho namorada. as pernas entreabertas convidativas. Subiu o resto dos degraus lentamente. enquanto com uma das mãos levantava o vestido.Escravos do Amor – Segunda Temporada continuou segurando e empurrando a mão dela para dentro da calça. Não tinha mais dúvidas do que iria encontrar se sua mão descesse dentro da calça dele.” "Parar o que?". O sinal vermelho começou a piscar na mente dela. Sookita segurou o pulso dele e disse com dificuldade: "Não posso fazer isso . Ele não forçou a mão dela dessa vez..". não sabia mais quanto tempo iria aguentar naquela agonia."... Eric habilmente abriu o botão da calça. e sabia que só havia uma maneira de aplacar essa sensação. alguns pelos mais firmes enroscaram em seu dedo. não tinha mais controle sobre suas mãos. a diferença de altura era evidente agora que estavam no mesmo patamar. o mesmo formigamento que sentiu quando ele se alimentou dela tomava conta de seu corpo.. o coração disparado. Ele ouvia o som da respiração ofegante dela. Apenas o luar ali fora e a luz de vela lá dentro eram testemunhas do que estavam fazendo. Ele soltou um som baixo. Eric contornou a linha do pescoço de Sookita com a mão chegando até a alça do vestido fazendo com que deslizasse lentamente pelo ombro e braço. pare com isso. O seio direito dela ficou exposto.. a imagem dele fazendo sexo com Jessica naquele mesmo labirinto. gutural esperando o momento do toque. segurou com força nas finas barras de ferro.não é certo!" "Não tem certo ou errado. Usando a mesma mão que guiou Sookita por seu corpo. Sookita o encarou na meia luz com o rosto vermelho de excitação. Ela se afastou dele dando de costas com a portinhola da cripta. as veias saltando no pescoço. bebendo o sangue de Tara e também quando a rejeitou na Autoridade após se beijarem." Ela cravou as unhas no ombro dele. ele sussurrou...é o meu noivado . Sookita tentava coordenar os pensamentos. Mesmo por baixo do blazer de Bastian. “Eric. ele lambeu o mamilo dela. "Sua namorada. Mas. trouxeram a tona os medos de Sookita. Ele estava jogando com ela. Sookita percorreu o caminho com as pontas dos dedos. da mesma maneira que estava usando Jessica.. Ela não iria ser mais um peão na batalha dele com seu 110 . ele ajoelhou ficando na altura do peito dela. com os lábios começou a passar a língua entre os seios.

mais do que gostaria. Ela sabia o que tinha que fazer. As presas dele continuavam a mostra. a encarou com os olhos brilhando de desejo e disse: "Tire pra fora". soltou um gemido alto. As presas dele roçavam na língua dela conforme o beijo ficava mais intenso. colocando uma das mãos na nuca e a outra mão na perna direita de Sookita em torno da cintura dele. Reunindo toda a coragem que ainda restava. Ela agarrou o pescoço dele e o puxou para perto de si. Sookita limpou a boca com as costas da mão.” 111 . Eric se assustou tropeçando na escada. Ela o sentiu rígido pressionando entre as pernas. Acariciava a coxa dela. Ele a beijou. a mão traçando contornos na coxa. Sookita aumentou a pressão das unhas obrigando Eric a se levantar. ela o empurrou com força. A língua dele possuindo a sua boca. disse colocando a mão dela no zíper e voltou a beijá-la. mas naquele momento não tinha tanta certeza. cada vez mais chegando perto da calcinha. o desespero de senti-lo entre suas pernas. por alguns segundos ela teve receio que a atacasse.Escravos do Amor – Segunda Temporada noivo. Um pensamento maldoso cruzou a sua mente. "Não sabia que me desejava tanto assim. seus reflexos vampirescos evitaram que caísse de cara no chão. Ele parou de beijá-la. iria o fazer provar do mesmo veneno. um sorriso cínico se formou em seus lábios.

Escravos do Amor – Segunda Temporada Capítulo 23 De Frente para o Perigo Why does he have to fly so low? 112 .

te fiz um favor naquele dia. é raro hoje em dia. não permitiria que ele brincasse com seus sentimentos. “Você se aproveitou da situação. mas não iria correr. principalmente da parte dela. Eric usaria isso para machucá-la ainda mais.”. Sookita estava em choque. “Não sabia que era tão vingativa.” “Fez porque está apaixonada. Ele queria atingir o prefeito 113 . alguns momentos até desejou que ele a seduzisse. fosse embora ou a beijasse novamente.”. Sookita prendeu a respiração esperando por alguma reação da parte dele. e sim de respeito. Não iria perder a cabeça por um conquistador qualquer como Eric. e nos dela também. E só fiz porque você deixou.” Eric balançou a cabeça. e não escondiam a raiva que estava sentindo. Não quis relembrar o que fizeram minutos atrás.Escravos do Amor – Segunda Temporada Dessa vez Sookita não tinha receio de que passou dos limites e estaria colocando sua vida em risco. Ele recobrou o equilíbrio. Devo dizer que estou surpreso com seu autocontrole. não tinha a intenção de trair Bill. pensou enquanto arrumava a alça de seu vestido para esconder o seio exposto. ele disse num tom cortante... seria mais difícil ainda de se controlar. com um movimento rápido na mandíbula ele escondeu as presas. se acontecesse de novo. Havia chegado o momento de dar um basta nos jogos de sedução de Eric. teria que negar até a morte.”. “Não estamos falando de virgindade. muito menos no dia do noivado. é isso que a paixão faz. Logo seria uma mulher casada. talvez a mordesse. não poderia tolerar esse descontrole. Deveria se envergonhar. iria enfrentá-lo. as presas brilhavam conforme eram banhadas pelo luar. ele havia descoberto o seu segredo. não poderia deixar nada acontecer com Bill. ela notou que era o mesmo de quando o encontrou na tortura. Não venha agir como a virgem arrependida. Não podia o deixar pensar tal coisa. Mesmo com tudo dando errado. ele deu de ombros. não me arrependo.” “Eu fiz o que fiz. a raiva só aumentou ao ouvir o nome de Bill. como já fez inúmeras vezes. Mas. Tudo se resumia ao prefeito quando ela se sentia acuada. Não poderia negar que gostou de participar. “Claro que fiz por paixão. O olhar dos dois se cruzaram.

com um salto parou novamente em frente dela. ela o empurrou. “O prefeito ainda não me agradeceu por tê-lo salvo. ele deu um sorriso de canto. Deveria ter seguido o conselho de Pam. Nunca é tarde demais para mudar as coisas.”. disse desesperada. Só sabe se aproveitar e machucar as pessoas. está usando Jessica. O motivo de ter impedido ainda martelava em sua cabeça. Ela recuou alguns passos. “Não deveria ter dúvidas na sua festa de noivado.”.”.”. com apenas uma das mãos ele segurou as duas dela. ele cruzou os braços. a Autoridade havia dado a maior chance para ele em todos aqueles anos.”. mas também queria atingir Sookita. “Por que não me deixa em paz de uma vez?”. disse tentando se desvencilhar. “É isso o que quer?”. “Não imagina o quanto estou arrependido disso. ele ainda continuava com a camisa desabotoada. seu medo era sucumbir de vez se ele a beijasse novamente. “Ele deve ter esquecido. 114 . sabe muito bem de quem estou falando. ele perguntou baixando a cabeça para encará-la. “Sai de perto de mim. é isso o que quer ouvir? Está satisfeito?”. imagino o quanto deve ter sido difícil”. “Ficará mais segura assim. mas eu posso agradecer por ele. tanto que até teve alucinações que pareceram reais com ela. mas dessa vez nem se mexeu. As presas dele voltaram a aparecer.Escravos do Amor – Segunda Temporada usando Jessica. ele se aproximou ameaçadoramente. deixado Bill atacar Sookita para ser executado depois.”. o coração batendo forte com ele estando com o rosto tão perto. Eric agarrou as mãos dela. seu maldito. “Quem é Tara?” “Não se faça de desentendido agora. não conseguia encontrar uma resposta satisfatória. Bill e Sookita dominavam seus pensamentos ultimamente. “Eu não sei o que quero. Obrigada por seu gesto generoso em nos salvar. destruir um inimigo e vingar o passado. Eu sabia que era baixo. O discurso de seu noivo foi de encher os olhos de emoção. mas não imaginei que era tanto. ela o provocou. e até Tara. ela o tentou empurrar novamente.

” Sookita estava confusa. eu não te mordi.” “Por que continua negando? Tara não teria mentido. é a sua moça das quintas. ele largou 115 . “Se é o que realmente quer dessa vez. ele disse arqueando uma sobrancelha.”. “Não pareceu enojada antes quando quase transamos.. me deixe em paz.” “Pam é quem escolhe meu jantar. “Então vocês não fizeram. “Por favor. não aconteceu nada. pergunte para ela. E tão pouco Eric tinha motivos para negar. lembrei agora. evitando se descontrolar e beijá-lo agora que estava tão perto. seu corpo o desejava mais do que nunca... Já tirei as suas dúvidas. você a drenou. me enoja. ela o encarou com ódio. pode ir embora.”. vá embora. Esse seu jeito arrogante. Ela precisava ficar distante o máximo que pudesse. “Pode ter todas as mulheres que quiser. por favor. outras coisas. E já que vai continuar fingindo que não sabe. a voz dele ficou rouca e baixa.. não precisa dela.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Não sei quem é. agora.” “Essa aí. “Está louco. vou refrescar um pouco sua memória. pensando ser o dono do mundo. ela não faria isso. Eu não sou culpada por sua alucinação. Tara estaria se gabando? Não. mas eu faria coisas com você. não tem motivos. ela disse seriamente. realmente não sabia quem estava mentindo.”. Sentiu calafrios ao imaginar ter que enfrentar Pam novamente. seu desejo será atendido. a lembrança de senti-lo entre as pernas.”. e até feito outras coisas.” “Não se precisa tirar a roupa.”. nada. eu não estive em sua casa. sua amiga assegurou que tinha sido drenada por ele. Não quero nada com você.”..” “Eric. o cheiro dele. Tara é sua garçonete no Santo Martillo. ambos estávamos vestidos. balançou a cabeça em negativo e disse: “Não..” Ele revirou os olhos. Só que não me serviu de alimento. ele apertou as mãos dela.

vou me casar com ele. e no fundo isso era mesmo verdade. Eric se afastou. Bastian se afastou rapidamente usando sua velocidade. “Sim. a festa foi melhor do que imaginava. Você só foi um test-drive. disse indignada. oras. Bastian sufocava um riso. O olhar dele foi para algo estranho perto de um dos muros. ela se lembrou da palavra usada por Tara. Sookita o viu subir em direção a noite e sumir de sua vida. pena que ela estava ainda com vestido. pelo menos parte dele.”. devolva isso agora!”. tentou mais uma vez pegar sua calcinha de volta. em seguida Eric foi atrás deixando Jessica aos gritos. Bastian ficou surpreso por ela se aventurar no labirinto. era como se assistisse a um filme porno ao vivo. Bastian ouviu o nome de Sookita e Eric junto de inúmeros palavrões. estava parado como se fosse uma estátua. mas Bastian era visivelmente mais rápido do que ela. havia algo preso ali. Aproximou-se lentamente e notou uma calcinha minúscula. Jessica se aproximou dele tentando tomar a calcinha. A vampira praguejou alto enquanto procurava algo no chão desesperadamente. Sookita saiu correndo. Não demorou muito para a ação terminar com a chegada de Sookita. Uma confusão se iniciou. “Ora seu.”.. os gemidos da moça doíam nos ouvidos sensíveis dele e o levaram até ali. ele cheirou o ar. 116 . pelo jeito ele estava por ali um bom tempo e nem tinha percebido.. Bastian quase bateu palmas de excitação. ------------------------------Bastian observava numa distância segura Eric e a filha do prefeito fazendo sexo. ele pensou divertido. De vez em quando ela falava alguma baixaria para o vampiro. “O cheiro de sua calcinha. a encarou pela última vez e levantou voo.Escravos do Amor – Segunda Temporada as mãos dela. Tomava cuidado para não fazer barulho atraindo a atenção dos dois. Soltou um assovio e perguntou: “Perdeu alguma coisa?” “Como chegou aqui seu pivete?”. eu amo Bill. Se aproximou da vampira rodando a calcinha no dedo indicador. só poderia ser isso o que ela estava procurando com afinco. “Será que ninguém mais pode transar em paz?”.

“E já que gostou tanto assim da minha calcinha. faça-me o favor! Agora eu entendo seu desespero. eu preciso dizer novamente que não estou afim? Vou procurar meu namorado. 117 . não sabe nem seduzir uma mulher. “E o que Sookita estava fazendo aqui? Por acaso veio dar uns amassos com você?” “Claro que não. ele empinou o nariz em desafio. estava perdendo seu tempo. algumas gotas de sangue e pequenos rasgos eram vistas em sua camisa branca quando se machucou nos arbustos. não é a toa que chamou você para nos seguir aqui dentro.” Jessica revirou os olhos.”. seu idiota.”.”.”. precisava encontrá-lo antes que algo pior acontecesse.. Viemos procurar quem estaria perdido por aqui. ela é comprometida com seu pai.”. “Sookita não gosta do meu pai. deveria ter sido mais discreta. tenho muitas outras.” “Eu não pulei o muro. disse debochando. Posso sobreviver.”.” “Não gostaria de dar outra coisa também? O outro te largou na mão. ironizou. fique com ela.” Ele se aproximou dela estufando o peito. só dizendo. “Escuta só. Não sei mais quantos idiotas ela já enganou bancando a beata. ele perguntou esperançoso..” “Não acho que eu seja o tipo dela. disse enquanto jogava os cabelos ruivos para trás. Fique aí cheirando a minha calcinha.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Quem mandou pular o muro. “A única coisa que terá de mim é esta calcinha. Você não passa de um pivete nanico. foi outra pessoa. Se não foram vocês. “E você quer ser seduzida? Apenas ofereci uma mão amiga. virou de costas para ele e saiu. “Ah. Não esperava que Eric ao ver Sookita fosse sair daquela maneira. “Garanto que o meu é maior do que o dele.”.” “Ainda bem que você sabe disso. “E mesmo se soubesse não me interessaria.”. disse dando de ombros. e fique satisfeito. gosto de homens altos. ele cheirou a calcinha e balançou novamente para ela. Eric me trouxe voando.

Escravos do Amor – Segunda Temporada

“Vai me deixar sozinho aqui? Sacanagem!”, ele gritou para ela. “Tente me encontrar, pivete!”, gritou de volta. Bastian colocou a calcinha dela no bolso e saiu em disparada pelo labirinto, deu de cara com um muro caindo de costas no chão, soltou um palavrão. Levantou de uma vez, olhou em volta para ter certeza de que estava sozinho. “Ruiva, onde você está?” “Não te interessa!”, gritou novamente. Estava gostando de brincar com ele, lembrou-se do tempo que fazia Alcide de cachorrinho. Ele não conseguiu atingir a velocidade que gostaria, os muros surgiam na sua frente repentinamente. Não havia sinal de Sookita e de Eric, não gostaria de imaginar o que poderiam fazer nesse labirinto sozinhos. Fora que ainda faltava descobrir quem pulou o muro, havia outra pessoa por ali. Chegou num beco sem saída, deu meia volta e bateu de frente com Jessica. Os dois caíram no chão com Bastian em cima dela. “Exatamente onde eu queria estar.”, ele disse. “Saí de cima de mim!”, Jessica tentou empurrá-lo, mas para sua infelicidade Bastian era muito mais forte. “Só um beijinho, vai? Te deixo em paz.”, ele abriu um sorriso largo. “Nem morta!”, Jessica se contorcia embaixo dele e jogava a cabeça de um lado para o outro, tentando impedir o possível beijo. “Mas já é morta, essa desculpa foi furada. Tenta outra.”, ele continuava sorrindo. “Não sou tão feio assim.” “Eu tenho namorado! Assim que encontrá-lo vou contar o que você fez, acho que dele tem medo, não é?” “Desde quando ele é teu namorado? Achei que ele era afim de...”, ele parou de falar. “O que está insinuando? Eric é meu namorado desde de sempre.” “Por que ele te largou sozinha?”
118

Escravos do Amor – Segunda Temporada

Jessica estava furiosa, o vampiro pivete estava insinuando que Eric era afim de Sookita? Ela estava fazendo de tudo para mantê-los separados, e todo esse tempo ele nunca demonstrou sinais de que procurou ou foi procurado por ela. “Ele foi atrás porque Sookita se perderia aqui dentro, fez um favor ao meu pai.” “Eu te dei uma chance, pena que negou.”, ele se levantou e estendeu a mão para ajudá-la. “Preciso encontrá-la, e você quer encontrá-lo... podemos unir forças.” “Sim, vamos logo de uma vez.”, ignorou a mão dele e levantou. Ela caminhava emburrada, Bastian mantinha a frente, depois de andarem por um tempo, encontrarem vários becos sem saídas, ele disse: “Deveria conhecer esse labirinto, afinal, você mora aqui.” “E você poderia voar.”, retrucou sem paciência. Ele abriu a boca para responder, mas não falou nada. Continuou caminhando quieto, fez uma curva, depois outra, continuou andando reto, até que viu uma entrada diferente. Olhou para trás, não havia sinal de Jessica. Será que tinha se perdido dele? Pensou preocupado. Ouviu uns sons estranhos vindo por trás do muro, ele contornou o caminho, se deparou com uma clareira, havia uma cripta, várias árvores, um banco, mas ficou boquiaberto com a cena que viu. Sookita com os seios expostos com Eric ajoelhado aos seus pés. Bastian balançou a cabeça chocado com o poder de sedução do vampiro, o homem era um dínamo sexual, pensou com uma pontada de inveja. Um estalo passou em sua mente, Jessica não poderia ver essa cena. Ele temia pela vida de Sookita. Coçou a cabeça rala, teria que atrasar a vampira de alguma maneira. Deu uma última espiada em Sookita e Eric, abriu um sorriso de canto, girou nos calcanhares e recomeçou o caminho. Encontrou Jessica um pouco atrás, criando coragem Bastian caminhou na direção dela, a empurrou com o corpo na direção do muro e a beijou a força sem dar tempo de ela reagir. “Mas... o que... está.... fazendo?”, por mais que tentasse se soltar, era inútil lutar contra ele. O vampiro não parava de beijá-la, Jessica ficou parada e
119

Escravos do Amor – Segunda Temporada

retribuiu sem vontade. Estava rezando para que Eric chegasse e desse uma lição nele. Bastian se sentiu beijando uma estátua, a vampira não se mexia, só retribuía o beijo friamente. Ele encostou seu corpo um pouco mais no dela e colocou uma das mãos na nuca de Jessica, que apesar de não respondê-lo da mesma forma estava se soltando um pouco. “Não foi tão ruim, não é?”, ele a encarava esperando ansiosamente a resposta. “É, até que para um beijo forçado você não foi tão mal...”, disse baixinho. “Já pode me soltar agora.” Ele se afastou, mas não a deixou caminhar na frente, todo momento retomava o caminho e a levava para o lugar errado. “Será que conseguiremos sair daqui antes do amanhecer?”, ele tentava ganhar tempo. “Eu não pretendo morrer aqui, então sim, precisamos sair antes do amanhecer.”, disse balançando a cabeça. Ela tomou a frente do caminho, Bastian seguia quieto, desejando que Sookita não estivesse mais com Eric. Não demoraram em chegar novamente à clareira. Não havia sinal de Eric e muito menos de Sookita, Bastian ficou aliviado. “Meu pai não mentiu, realmente tem pessoas enterradas aqui.”, ela disse animada olhando dentro da cripta. “Tinha até velas acesas, posso sentir o cheiro da cera.” Antes que Bastian pudesse responder, Sookita surgiu por trás de uma árvore, ainda usava o paletó dele. “Estava apavorada aqui sozinha, pensei que eram os fantasmas dos donos.”, disse num fio de voz. “Onde está Eric?”, Jessica perguntou de cara fechada. “Não sei, eu o encontrei rapidamente depois que vi...”, ela não continuou, não queria relembrar a cena de Eric e Jessica em sua cabeça. “Meu pai deve estar louco atrás de você, o deixou sozinho na festa. Sem a mínima consideração.”
120

Escravos do Amor – Segunda Temporada

Bastian observava as duas discutirem, não iria se intrometer enquanto não fosse citado. “Ele estava ocupado, Jessica. Apenas quero sair daqui.”, Sookita respondeu. “A única maneira é entrando em todo buraco, foi assim que te encontrei, Sookita.”, disse Bastian. “Melhor começarmos logo, não quero morrer tostado aqui dentro.” Bastian recomeçou o caminho de volta, Sookita o seguia calada. Jessica desceu os degraus da cripta, mas quando estava saindo se deparou com o blazer azul marinho de Eric em cima do banco de pedra. Ela o pegou com ódio, Sookita havia mentido como sempre fazia. Caminhou para a entrada de cima da clareira, ela sabia um atalho para chegar rápido até a saída. Só não contou porque quis se divertir à custa de Bastian, pensou. ----------------------------Sam fechou o bar mais cedo naquela noite, estava deprimido com a festa de noivado de Sookita. Quando recebeu o convite nem perdeu tempo em ler, jogou no lixo sem remorso. Depois ficou sabendo de todos os detalhes por Tara, ela não parava de reclamar sobre Sookita escolher Bill para casar. Sam não se envolvia nesse tipo de conversa, estava conformado de que não teria mais chances com ela, e muito menos como funcionária, ainda mais depois daquele beijo forçado. Sentou-se no escritório, arrumou algumas notas fiscais dos fornecedores, enviou e-mails, a sua rotina diária noturna. Depois se transformava em algum animal que desse vontade, era o máximo de prazer que sentia. Saiu algumas vezes com a nova funcionária, estava desconfiando que fosse quase um padrão se interessar por elas, só esperava não ser acusado um dia de abuso sexual e perder um bom dinheiro na justiça. Ainda não havia pensado sobre o que fazer com o V, a conversa com Jason não levou a lugar nenhum, e ainda não tinha ido até Bill por causa do noivado. Talvez jogasse fora para se livrar do problema de uma vez. Só não queria envolver Sookita, faria tudo para protegê-la. Ouviu um barulho de algo quebrando, poderia ser um copo que tivesse caído ou uma bebida. Não era muito comum isso acontecer, abriu a porta do escritório indo na direção do bar. Parou no corredor quando ouviu vozes, pelo cheiro eram humanos, conseguiu distinguir três cheiros. Estavam assaltando o bar, ele não tinha dúvidas disso. Sem fazer barulho, Sam deu meia volta até o
121

Escravos do Amor – Segunda Temporada

escritório. Trancou a porta e ligou para a polícia. Para sua surpresa, os homens vieram direto para o escritório, um deles tentou abrir a porta, descobriu que estava trancada. “Não era pra essa droga estar trancada. Belo informante de bosta esse.”, Sam escutou um deles falar. Em seguida chutaram a porta várias vezes tentando entrar. Sam poderia fugir ao se transformar, mas não deixaria o seu bar ser roubado dessa maneira, e como explicaria aos policias quando chegassem e o encontrasse pelado, o jeito era confiar na rápida chegada da polícia. “Atira nesse trinco de uma vez.”, uma outra voz disse. O coração de Sam começou a bater acelerado, seu bar já foi assaltado outras vezes, mas não com ele ou nenhum funcionário ali. Nunca viu uma arma antes, não saberia como iria reagir tendo uma apontada em sua cara. Antes que pudesse fazer alguma coisa, um disparo foi ouvido e a porta escancarada. “Caralho... tem um cara aqui.”, um homem encapuzado apontou a arma para Sam. “Levem o que quiserem, só me deixem em paz.” “Você não manda aqui, cara. Isso aqui quem manda.”, ele balançou a arma. “O que vamos fazer com ele?”, um outro encapuzado falou assustado. “Não era pra ter ninguém aqui essa hora. Merda!”, o terceiro deu um chute na porta. Sam observava a cena imóvel, esperava a primeira distração deles para se transformar, agora o perigo era real, e não havia sinal dos policias, não iria contar com a sorte. “Pegue a mercadoria de uma vez, deixe esse idiota na mira.”, o terceiro homem apontou para Sam. O segundo encapuzado foi direto para o compartimento secreto que Sam mantinha no escritório, como tinham descoberto? Só ele sabia, nenhum funcionário tinha acesso. A madeira foi removida, o encapuzado estendeu a mão tirando a caixa de V.
122

Escravos do Amor – Segunda Temporada

“É isso?”, “Só pode ser, tem mais alguma coisa aí?”, o terceiro perguntou. O segundo voltou a colocar a mão no buraco, apontou a lanterna para enxergar melhor, meneou a cabeça três vezes. Levantou-se com a caixa de isopor saindo em seguida do escritório. Sons de sirenes tocaram ao fundo, ainda estavam distantes. O encapuzado que portava a arma começou a tremer. Sam pensou ser o melhor momento para se transformar. Quando fez o primeiro movimento, um barulho surdo foi ouvido e sentiu uma ferroada em sua barriga, a cabeça começou a rodar. Em seguida tudo se apagou. “Por que fez isso?”, o terceiro estava visivelmente irritado. “Não sei, ele se mexeu, achei que iria atacar.”, o primeiro encapuzado tremia sem parar. “Vamos sair daqui rápido, a porra da polícia está por perto.” O primeiro homem lançou um último olhar para Sam deitado no chão ao lado de uma poça de sangue cada vez mais crescente. ---------------------------------Eric aterrissou alguns metros da tenda, abotoou a camisa conforme caminhava. Demorou alguns segundos para reparar que tinha esquecido o seu blazer no labirinto. Deu de ombros, não iria voltar lá para encontrar Sookita novamente. Sua noite não tinha saído conforme o planejado. Viu um lobisomem vomitar, o discurso enfadonho de Bill, Santiago desfilando com toda a sua empáfia. Só teve a boa distração ao fazer sexo com Jessica, mas em seguida tudo foi estragado pela presença da Santa Sookita, ele pensou com uma careta. Passou a mão no cabelo exasperado, continuava perdendo o controle quando estava perto dela, por mais que tentasse o contrário. Teria que manter o máximo de distância, essa sua antiga rivalidade com o prefeito não levaria a nada, igual aconteceu anos atrás, e o final não foi dos melhores. Talvez tivesse que conviver com as atitudes estúpidas que tomou desde que foi na missão e que culminaram na tortura. Não entendia como uma mulher sem graça e tão comum como Sookita poderia ser alvo do interesse dele. Ele não negava que era perfeita para ser a esposa de Bill, tinha tudo o que outro gostava. Mas, como ainda alucinava com ela? Como a deixava entrar dessa maneira em sua cabeça? Só poderia ser algum
123

O empurrou para dentro. E talvez a explicação para a constante perda de controle quando ficava perto dela. disse ironicamente caminhando até a porta. o pegou pelo braço e o guiou em direção a casa. “Porque eu tirei e esqueci de pegar. não é mesmo?”.” “Responda de uma vez. Jessica caminhava furiosa puxando Eric na direção do escritório de seu pai. "Saia da minha frente!" "O que você tem com Sookita? Por que deixou o Blazer no labirinto?". 124 . sentiu um puxão em seu braço. continuou em frente a porta.” “E ela por acaso pediu sua ajuda?” “Eu gosto de ajudar ao próximo.”. fui salvar a donzela em perigo. “E foi fazer o que? Posso saber?” “Não é da sua conta. “Venha comigo. “Fiz um favor ao seu pai. fechando a porta em seguida. ela rapidamente se colocou em frente a porta. Quando chegou perto da tenda.”. Você não tem nada a esconder. nada demais.”.” Ela não esperou responder. Virou-se e encontrou Jessica visivelmente nervosa com o blazer dele numa das mãos. algo que ele desconhecia. Sookita vai casar com meu pai! Não tem motivos pra ficar correndo atrás dela como um cachorrinho. ele respondeu friamente. “Obrigado por trazer de volta. “Pode me explicar por que saiu correndo quando viu Sookita?” “Não fui atrás dela.”.”.Escravos do Amor – Segunda Temporada tipo de magia. Acreditava que essa magia se quebrasse quando fizesse sexo com ela. Eric. talvez essa fosse a solução para a confusão em sua cabeça. “Claro que é da minha conta. Não tem mistério. não permitiria que ele saísse até saber o que estava acontecendo. ela estava começando a se preocupar. ele tirou o blazer da mão dela com um movimento rápido. ele a encarou furioso.

jogou numa poltrona. Se fosse assim.”. prensou o seu corpo no dela puxando seus cabelos com força.”. lambeu o sangue que escorria do pescoço dele. “Não com você.”. começou a arranha-lo com as unhas. ela sorriu revelando as presas. ela deu um grito de ódio: 125 . impedindo que continuasse lambendo o sangue dele. Empurrou Eric na direção da mesa do escritório. lentamente passou a mão no rosto dele. estava furioso. ela se esfregou no corpo dele. senti a diferença. Quando chegou ao pescoço.. ele se afastou. aproximou o rosto e disse sussurrando: “Se eu quisesse. Ela se aproximou. Ela está apaixonada por mim se era disso que tinha dúvida.” “Como tem tanta certeza disso?”. assim como Sookita também.”.”. Ela tirou o vestido. deu mais uma lambida no sangue. ela o segurou pelo pescoço. já teria tomado dele. Empurrou Jessica contra a porta. filetes de sangue escorreram entre os dedos dela.”. Eric Caminhou na direção da porta.. ele colocou o blazer. não o deixaria tão irritado. Beijei tantos que perdi a conta. “O que ela tem de tão especial?”. Eric exibiu as presas também. “Não gostaria de foder aqui na mesa do meu pai? Já que o odeia tanto. ele deu uma gargalhada enquanto tirava as mãos dela. Quem sabe com Sookita.”. “Sookita não é como você.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Tenho tudo a esconder.” “Um beijo não quer dizer nada. “Não pense que irá tirá-la do meu pai com esse seu charme barato. agora estava nua. O plano tão perfeito de Jessica estava indo por agua abaixo. enterrando dentro da carne dele. “Hoje quando a beijei. “Pergunte ao seu pai. eu teria milhares de homens apaixonados.. abriu e fechou de uma vez. puxou mais ainda os cabelos dela..

Ficou tão cansada de andar naquele labirinto sem fim que precisou ser carregada por Bastian boa parte do caminho. 126 . Não iria mais aceitar se manipulada por ele e os sentimentos que nutria. Lafayette também não sabia nada. Bill concordou. E nesse momento. Bill surgiu preocupado pelo sumiço dos dois. Aquele vestido sempre a faria se lembrar do que aconteceu no labirinto. Perdeu a noção do tempo que ficaram ali. Era mais forte do que ela. e nem imaginava o quanto seria cansativo. Pelo menos não teria mais o Fator Eric atrapalhando a sua vida. iria lavá-lo. quando recordou de algo que tinha acontecido na noite anterior. senão jamais iria novamente à mansão. Tinha jurado para si mesma que não iria mais se importar com o irmão. um calafrio percorreu o seu corpo. tirou o vestido. olhou para ele com uma pontada de saudades. mas não conseguia deixar de fazer isso. parado num corredor. quando conseguiram sair. passou do tempo de ser uma adolescente apaixonada pelo bonitão da novela. não havia retorno. Estava tendo lembranças de Eric por toda parte. pegou o celular na bolsa e discou. a última conversa que tiveram deve ter sido o suficiente para se afastarem definitivamente. Havia várias manchas de sangue. Abriu o cesto de roupas.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Filho da puta!” Um pouco distante. Queria o mais simples possível. ficaria um mistério. subiu correndo as escadas e se deitou na cama. Agora poderia descansar. teria apenas que focar no casamento. isso não poderia negar. Não conseguiram encontrar quem entrou ali além de Jessica e Eric. Jessica havia sumido e não se importaram em procurá-la. Deixou o vestido cair de sua mão quando pegou a fronha ensanguentada. era adulta e agiria como tal. Nada. o que não era saudável. jogou os sapatos longe. ela se lembrou de que lavou a boca pensando ter mordido a língua enquanto dormia. ele ainda não sabia o que iria fazer para se livrar de Eric. desceu novamente até a sala. o suplicio da festa havia passado. Sookita levantou da cama sem vontade. Sookita não queria pensar na possibilidade de fantasma. Espero alguns minutos. Lembrou-se de Jason quando retornou a festa. Bill ainda digeria tudo o que tinha ouvido. ---------------------------------Sookita bateu a porta da frente com força. também não queria nada pomposo. discou novamente. Voltou ao quarto. não queria o cheiro do vampiro nele. Tara avisou que ele tinha ido ao banheiro e não voltado mais. Foi até o banheiro com o vestido na mão. Começou a ficar preocupada.

ao lado da Capela Nossa Senhora de Lourdes. do outro lado estava Tara. Talvez não passasse dessa noite. se Sam morresse ela não teria a chance de desculpá-lo de verdade pelo incidente do beijo. Mas. no alto do morro. antes que chegasse em casa. chorando copiosamente. “Trouxe a grana?”. não era o seu irmão. Lafayette teve a ideia de contratar o primo de uma de suas moças para roubarem o Tequila’s e recuperar o V. e muito menos de agradecer por todos os anos de apoio e carinho. e muito menos associar como irmão da futura esposa do prefeito. Esperou vinte minutos. Jason não achou uma boa ideia. o sol não demoraria muito a nascer. As nuvens começavam a mostrar um tom alaranjado. Andava de um lado para o outro no ponto de encontro. Ele despertou com um susto. poucos carros passando por ali. correu desesperada. Mas. Sookita sentiu como se tivesse levado um soco no estômago. De vez em quando alguma luz surgia na estradinha. o primeiro rapaz perguntou. era baixo e com um olhar frio. Nem percebeu que saiu de casa descalça. fora que a subida foi difícil para seu carro de policia. Escutou o celular tocando. iria acordar quando ouvisse o barulho do carro chegando. e observou os três homens parados em volta do carro. Lágrimas quentes escorriam pelo seu rosto quando voltou ao quarto e vestiu a primeira roupa que encontrou pela frente. estava quase amanhecendo. Lafa o avisou de que o pacote estava pronto para ser entregue. dizendo que Sam estava internado em estado grave no hospital. Resolveu abaixar o banco e tirar um cochilo. estariam lidando com amadores. e ela não sabia o que realmente tinha acontecido. Havia dado uma desculpa para sair da festa quando viu Eric Colunga com a filha do prefeito. precisou se apoiar para não cair. Ele não seria louco de ficar no mesmo ambiente que o outro. Jason foi acordado com alguém batendo na janela. não sabia quanto o vampiro o conhecia. ----------------------------------Jason esperava ansioso pelo o encontro daquela noite. diante da situação acabaram não tendo 127 . O que isso significava? Sua cabeça estava rodando. Para sua sorte. Era ermo. Jason não havia gostado do lugar escolhido. Contou várias vezes até dez tentando recuperar o fôlego. Eric não tinha mentido. os olhos fechando de sono. mas aquela fronha era a prova de que alguma maneira foi até ele e o machucou. só poderia ser Jason.Escravos do Amor – Segunda Temporada Para seu horror. Jason olhava excitado esperando que tivessem chegado.

“Foi difícil conseguir as verdinhas. “Sim.Escravos do Amor – Segunda Temporada escolha. Abriu o conteúdo e mostrou os dólares para os rapazes. o outro rapaz comentou. “Bom saber que temos um policial camarada ao nosso lado. o que era positivo. cara. não estava saindo conforme planejou. Trouxeram o pacote?”.” Jason balançou a cabeça irritado. Jason engoliu em seco. Esses amadores estavam esgotando a sua paciência. deu uma risada. Pelo menos não sabiam o seu nome.”. Parou em frente a Jason. os dois bobos ali são menores. a única forma de não despertarem suspeitas seriam mandarem outros para fazerem o serviço sujo. “Mostre a grana primeiro. não foi uma boa ideia se expor dessa maneira. Jason segurava a bolsa apertada no peito. Jason perguntou ansioso baixando o vidro.” “Não mesmo. Jason saiu do carro. Não podemos cruzar a fronteira.” Jason puxou do banco de trás uma bolsa marrom bem velha. infelizmente percebeu tarde demais que havia deixado à arma em casa. eu jogo a bolsa para vocês. Só esperava que cumprissem o acordo sem maiores problemas. “Me passem o pacote. “Vale mais do que essa merda de peso. O rapaz mais alto e parecendo o mais jovem dos três se aproximou timidamente segurando o isopor. Vão cruzar a fronteira?”. Cambaleou para trás batendo na porta do carro. Pode sair do carro.”. 128 . nós trocaremos ao mesmo tempo. Só queria recuperar o V e se mandar. Jason se abaixou para pegar o V. tragam o pacote. quando levou um forte chute no queixo.”. pegou a bolsa. “Peguem a porra do sangue!”. um deles pegou o pacote. Jason tentou ser amigável. colocou o isopor no chão. estava ali diretamente da festa de Sookita. “Pronto. o primeiro rapaz gritou. os dois rapazes ficarem emburrados. Os rapazes se afastaram até o carro.

a capela sendo aberta para os turistas.”. Jason continuou desmaiado. “Acho que foi o suficiente.”. enquanto a manhã tomava conta do ambiente. sem V e sem dinheiro. o primeiro cuspiu em Jason. 129 . “Tchau. recebeu chutes no corpo todo. O primeiro e o mais jovem começaram a surrar Jason. deram vários socos na barriga. O carro dos rapazes saiu dali em alta velocidade. muitos na cabeça até ficar desacordado.Escravos do Amor – Segunda Temporada O segundo correu tropeçando na direção do isopor. idiota. o jovem disse. Jason não aguentou e caiu no chão. pegou rapidamente e foi até o carro de fuga.

130 .Escravos do Amor – Segunda Temporada Capítulo 24 Amarga Esperança You having trouble? Could be.

Minha amiga está me esperando. bem maior do que o pé dela. Caminhou até a entrada do hospital. Voltaram rapidamente para o hospital.” Sookita segurou a respiração. nem sabia como tinha chegado até lá dirigindo.. “Os médicos deram alguma notícia? Eu vim tão apressada. Fui proibida de entrar. Tantas coisas passavam em sua cabeça. a recepcionista disse friamente. quase voou no pescoço da atendente. Sookita comprou um chinelo. Admitia que fosse covarde quanto a tudo isso. moça.”. “Temos que encontrar algum lugar e comprar algo para você usar.. chamou sua amiga pelo celular.” Após perambularem pelo centro da cidade. é caso de vida ou morte. “Não. Sam. e reparou tardiamente que estava descalça. “Não pode entrar na emergência desse jeito.”.”. Mas. Tara se afastou.. sentou-se numa mureta. Apenas que o estado é grave. não se lembrava de ter trancado a porta de casa. o que aconteceu com ele?”. “Vou ser obrigada a chamar os seguranças se continuar insistindo. eram os únicos que tinham na loja. encontraram uma loja de conveniência aberta. Quando chegaram à sala de espera. todos chorando. levou um tiro. e o coração dela apertou. teria que avisar Tara. recebendo vários olhares quando se aproximou na recepção. apontou para os pés enquanto enxugava as lágrimas. nada. o velório.. Sookita a abraçou. “O bar. respondeu apoiando as mãos na recepção. mas a noticia da morte. foi assaltado. 131 ..”. “Por favor. não se importou. Olhou exasperada em volta. lágrimas começaram a escorrer sem que ela percebesse. o enterro. parecia até egoísta em pensar dessa maneira.. Sam. a morte de sua avó ainda era um grande trauma. até esqueci meus sapatos em casa. entrou no hospital dessa maneira.Escravos do Amor – Segunda Temporada Ainda era madrugada quando Sookita parou em frente ao hospital. Sookita só viu a amiga desse jeito quando vó Adele morreu.”. Seu receio era de que Sam já poderia ter morrido. ela respondeu soluçando. Ela não queria passar por todo aquele processo novamente. Tara surgiu alguns minutos depois com os olhos vermelhos de tanto chorar. encontraram os outros funcionários do bar. ela passou pela recepção dando de ombros para a funcionária. “Tara.

só agia impulsivamente. disse assustada. o labirinto e culminando com Sam.. “Ainda está.. As duas levantaram juntas. ela cochichou. Sentou-se pesadamente no sofá. o coração de Sookita estava 132 . sem emprego. um problema atrás do outro. “Você disse que foi um assalto. Mas.” “Jason?”.Escravos do Amor – Segunda Temporada Sookita quase desmaiou esperando pelo pior.. mas nada. Tara disse ainda chorando.”. Eric. sem pensar nas consequências. respirou fundo segurando o choro o máximo que podia. ele sabe o que Jason fez. deu de ombros. ela balançou a cabeça inconformada.” “Um dia Sam me procurou perguntando umas coisas estranhas. nada a tinha preparado para os acontecimentos de hoje. ignorou o comentário maldoso sobre Eric. “Meu Deus.”. “Sobre Jason.”. do seu noivado. com um irmão confuso. Queria acordar desse pesadelo. “Quem faria uma coisa dessas? Sam nunca fez nada para ninguém. Tara. “O que ele perguntou?”. “Ele não pode morrer. Então. disse curiosa. Ainda esperava algum sinal de Jason. Santiago não mentiu quando disse que a Autoridade pagaria o que era devido. Não conseguia tomar uma atitude correta. e só ela era culpada do que estava acontecendo. não era o melhor momento para tocarem no assunto. Não hesitaram em atirar.”. um médico se aproximou deles com um semblante sério. presa na paixão por outra pessoa. Antes que Tara pudesse dizer algo.”. mas só haviam avisado que ele estava na mesa de operação. Agora estava presa em alguém que não amava. enxugou algumas lágrimas. eles com certeza ficaram surpresos quando viram Sam. Tudo em sua vida estava dando errado ultimamente. “Sam não vai morrer. Eu nem comentei porque você estava naquela época choramingando pelos cantos por causa do meu outro patrão. “O que ele sabe sobre meu irmão?” “Disse que viu Jason enterrando algo no seu jardim..”. vamos ter fé. Tara aconchegou-se ao seu lado. queria acreditar nas próprias palavras. mas pelo menos conseguiu quitar as dívidas temporariamente.”.

” 133 . Tara apertava a sua mão nervosamente. mas o médico negou. “Sam pegou o V. fez um movimento para ela continuar contando. Sookita respirou aliviada. disse confusa. Tara quebrou o silêncio que reinava no carro.”. Perguntaram sobre quando poderiam vê-lo. O médico explicou várias vezes o procedimento que fizeram. Fizemos uma lobectomia.Escravos do Amor – Segunda Temporada querendo saltar do peito. sem dúvida para te proteger. pelo menos por algumas horas ele estaria fora de perigo. Sookita teria que ir depois numa igreja. só isso que ele tinha na cabeça.”.” “Por isso achei esse assalto estranho. removemos a bala com sucesso e uma pequena área do pulmão. continuou olhando para a estrada. o tempo passou tão rápido enquanto esperaram.” “Sim. O tiro atingiu o tecido do pulmão esquerdo. “Talvez outra pessoa tenha descoberto. Induzimos o coma.” Ele explicou detalhadamente a técnica que fizeram. Ela nem percebeu que já eram quase duas da tarde. ele estava atrás da pessoa que desenterrou o V. a bala se alojou ali. o clima melhorou entre os que estavam ali. “O que Jason fez?” “Lembra quando contei pra você sobre a missão. Sookita dirigia descalça. foi o que imaginei também. numa voz firme e distante.” “Mas Jason não sabia disso.”. apenas um fundo falso no chão do escritório de Sam que estava vazio. Tara confirmou com a cabeça. A polícia disse que nada foi roubado. “O V desapareceu. logo depois Jason confessou que havia enterrado tudo no jardim da minha casa. é um corpo estranho e alguns estilhaços podem ter ido para outros órgãos. Quando o médico se foi. disse com desgosto. que eu precisei mentir para protegê-lo de Eric. O perigo é alguma infecção resultante do tiro. “O que o salvou foi ter recebido socorro imediatamente. prometeu que faria isso se Sam sobrevivesse. fez questão de jogar os chinelos enormes na lixeira assim que saíram do hospital. Boa parte do caminho as duas não conversaram. ele ficará sob observação esses dias. somente quando houvesse uma melhora real. ambas perdidas com seus pensamentos.

Deixando ainda mais claro que Jason não havia mudado e muito menos se esforçado para conseguir isso. Mesmo colocando em sua cabeça que seu irmão não seria capaz de fazer algo tão cruel com Sam. isso porque tiveram a mesma criação.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Não sei como Jason saiu tão diferente de você. “Só espero que tenha sido apenas um roubo comum. quase encostando a cabeça no chão.”. Vendo Jason caído e ensanguentado ela também correu para ajudar. Sookita disse num fio de voz. “Meu deus. Caminharam alguns metros.. “Ele sempre foi o mais mimado. “Mas ainda acho que isso é consequência das más companhias. Estava quase chegando na entrada de sua casa.” “Eu não sei o que fazer.”. vamos colocá-lo no carro. “Não acha melhor levá-lo ao hospital? Isso está bem feio. as duas saíram rapidamente. se tratando de Jason ela infelizmente sempre esperava as piores notícias. pois não queria ofender sua amiga. quando notou um carro de policia atravessado na estradinha.” 134 . seu lado realista dizia que ele poderia sim ter sido o responsável. Tara estava horrorizada. Lá resolvemos o que fazer.”.”.”. Como conseguiu chegar aqui?”. não diria isso a Tara. quando repararam que a porta do motorista estava escancarada. Sookita estacionou o carro com cuidado.. “Temos que levar ele para dentro. Sookita não respondeu. Jason pendia ensanguentado. ela disse infeliz. Sookita deu um grito correndo na direção do irmão. “O importante é Sam sair vivo dessa. Jason. ela disse num tom ameaçador.”. disse pensativa. e para o assombro das duas. Sookita estava se referindo a Lafayette..” “Segure as pernas dele. disse enquanto observava os machucados na face dele..”. Sookita disse rezando uma mentalmente. o que estava acontecendo em sua cidade? As pessoas costumavam ser mais pacatas e não machucar as outras dessa forma. As duas se entreolharam preocupadas. “Ele foi espancado. vovó Adele fazia tudo o que ele queria.

Levaram Jason novamente para o carro. mas na sua cabeça já sabia o resultado final.”. continuou cabisbaixo. Jessica exibiu um largo sorriso.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Sem. mas não seria correto.. A secretária avisou da chegada de Jessica e Alcide. “Fiquei sabendo de algumas coisas que aconteceram ontem. Sookita disse docemente. Bill disse chateado. Para tudo existia um limite. Jessica entrou na sala com a cabeça erguida. cara de poucos amigos.. principalmente o quanto Sookita era dissimulada.”. ele pensou preocupado. “Não”. Sookita antes era tão dócil. “Por que está enrolando? Já deveria ter dado um pé na bunda desse idiota. mas seria preciso.”. mas se desequilibrou caindo no chão. Teria uma maratona de acusações pela frente.”. ficou em pé perto da mesa. conformada. “Você não viu seu rosto ainda para dizer isso. e obediente. “Tara. ------------------------------------Bill recostou-se na confortável cadeira de seu escritório. disse Tara. pensava sobre os acontecimentos da noite anterior.”. 135 . “Não vou te levar ao hospital.” Alcide não disse nada.. Não sabia precisar o momento no qual perdeu o controle de tudo. ela disse fazendo uma careta. Agora ele teria que tomar atitudes que não gostaria. Alcide veio em seguida. Ele fez um movimento brusco com a mão. pediu para Tara pegar do outro lado. Jessica não estaria tão errada nas acusações que fez sobre sua noiva. cabisbaixo. sentou-se na cadeira defronte a mesa. Jason disse tentando se levantar. ele disse com dificuldade. tentou se levantar. hospital. vamos levá-lo para minha casa de uma vez.” Ela o ajudou a se levantar. parecendo que tinha sido atropelado. e o dele havia chegado ao fim.. “Gostaria de dizer boa noite. concordou com a cabeça conforme o seu pai falou. mas parou quando sentiu uma dor intensa no peito.

“Eu já deveria ter ido embora daqui. Levantou-se. Bill o encarou. estava apaixonado pela vampira e não suportou vê-la desfilando com Eric.” “Não. Bill perguntou cruzando os braços.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Jessica!”. Jessica está certa. como se fossem flashes. Lembro de algumas coisas. “Não bastou ter ficado bêbado na festa. Vou arranjar outra pessoa para 136 .” “Então. algo mais grave poderia ter acontecido. “Eu exijo respeito com Alcide. Jessica. Alcide era muito alto. acusou Jessica. eu falhei na sua festa de noivado. terei que dispensá-lo. hoje é um dos dias mais felizes desde que virei vampira. “Finalmente.” “Só isso que tem para dizer em sua defesa?”. “Sinto muito. você assume que ficou bêbado na frente de todos os convidados? Inclusive comentou que é um lobo?”. a segurança da festa estava em suas mãos. quase saiu pulando pela sala. mas manteve-se sentada. eu não deixei. achou melhor omitir a verdadeira razão. não se sentia mais tão confortável.” “Uma das convidadas confirmou.”.” Jessica soltou uma sonora gargalhada. não queria desapontá-lo dessa maneira.”. pai. Bill insistiu.” “Nem pense que por isso ficará livre. é o mínimo que você poderia oferecer. Mas. por que fez isso? Nunca se comportou dessa maneira antes. Não posso tolerar um erro como esse novamente.” “Alcide. “Sim. ele bateu com a mão na mesa. infelizmente não me resta outra alternativa. Alcide disse olhando para o chão. não diria isso na frente dela. acho que sim. Senhor Bill.” Bill se mexeu na cadeira. O lobo olhou para Jessica como se quisesse revelar a verdade para Bill. “Sim. mas manteve-se atrás da mesa. Depois de tudo que ele fez.”. Pessoas ficaram perdidas no labirinto. Como seria demitido de qualquer forma. “Sei que meses atrás você quis se despedir. não queria se sentir inferiorizado pelo outro.

você já pensou de onde veio à telepatia de Sookita?”. “Obrigado por todos esses anos de serviço. O lobo se aproximou dela falando baixo perto do ouvido: “Seu segredo estará sempre seguro comigo. não sabia o que responder.” 137 . acreditava que teria que procurar sozinha sobre o que era Sookita. Bill a encarou assustado. aprender a viver longe dos insultos de Jessica e da amizade de Bill. disse Bill severamente. Jessica virou a cabeça para o outro lado. exibia ainda um largo sorriso.Escravos do Amor – Segunda Temporada tomar conta de você. não estendeu a mão para Alcide. “Jessica. e deixando tudo a sua volta de lado. acerte tudo com a minha secretária. mas nunca encontrei algo sobre isso antes. só que não tinha como ser diferente. afinal foram tantos anos trabalhando juntos. apoiou o queixo na mão. Bill a observou curioso. até que respondeu: “Já pensei.” Ela ficou boquiaberta diante daquelas palavras. ela gargalhou novamente. Jessica se levantou. Não fazia parte de nenhuma alcateia. “Alcide. não soube o que dizer. “Apenas curiosidade. ela perguntou após ficar alguns minutos calada. me peguei pensando nisso. Mexeu-se na cadeira. enquanto ela enxugou rapidamente uma lágrima de sangue furtiva. andamos juntas ultimamente.” Ele deveria dizer mais alguma coisa. Alcide a encarou mais uma vez. cale a boca.”.”. mas Jessica ficaria dando risadas estridentes e palavras de conforto soariam como zombaria.. estendeu a mão para o lobo.”. O lobo devolveu o aperto de mão sentindo um nó na garganta. além do que não aguentava Jessica xingando o lobo todos os dias. teria que procurar um novo emprego.”. estava perdendo tudo que apreciava. Por que está interessada?” Ela se levantou novamente. Bill gritou. viu toda a tristeza nos olhos dele. “Só que dessa vez alguém que seja ao menos limpo. “Pai. sentou-se novamente na cadeira. Sempre preocupado com política. seu pai não seria de grande ajuda.. Não gostaria de demiti-lo.

depois voltou a dormir.Escravos do Amor – Segunda Temporada Jessica não quis estender a conversa. --------------------------------Sookita e Tara estavam exaustas após colocarem Jason na cama no segundo andar.. Sam levou um tiro. estava cansada demais para lutar. pegou a mão de Sookita com força. Tara perguntou preocupada. teria que voltar a fazer exercícios. não vou fazer isso. está tudo muito estranho.. Ela se levantou da cama. Temos que descobrir quem fez isso com ele. não tem o que temer. às vezes 138 .” Tara sentou-se na outra ponta da cama. e agora Jason aparece desse jeito.”. deu a volta. olhou para Sookita e apontou para Jason: “Por que não faz aquela coisa que sempre fez?”. segurou no pulso da mão direita dele. Tara piscou para ela. Tara respondeu irritada. mas ficava extremamente cansada depois. empurrou na direção do braço de Jason. Tara tentava convencê-la.”. fez um aceno para seu pai. Ele falou algumas palavras sem nexo.. “Você sabe que só vê o passado.. “Sei que não gosta de fazer isso. Se aproximou de Jason. “Ele irá me contar quando acordar.”. vamos deixá-lo descansar. nem sabia quantas horas estava sem dormir. mas não conseguiu. Ela tentou se desvencilhar do toque de Tara. “Onde Jason se meteu pra ficar assim?”.”. “Não precisa me machucar. Soltou um suspiro. mas não custa tentar. queria esquecer o acontecido com Alcide. disse dando um tapa de leve na mão de Tara. caminhou até a porta. observava Jason dormindo.” “Puta merda. na realidade Sookita estava com medo do que fosse descobrir se tocasse seu irmão. Quando ele acordar nós conversamos. Sentou-se na beirada da cama. eu vou fazer. Sookita respirava com dificuldade. “Não faço ideia.” “Melhor não. você é muito teimosa. Sookita fez muito isso no passado. ultimamente subia a escada e sentia-se cansada.

deixou seu corpo e mente se acalmarem. indo embora. Sookita. Ela ouviu a conversa nitidamente como se fosse um filme.. e levaram o V. disse ela saindo do 139 . principalmente na professora. ele estava no carro. ela disse várias vezes. esperando encontrar as respostas das provas finais para Tara. Foi o mandante do assalto. ambos no mesmo ritmo.” “Não acredito que você ainda consegue defendê-lo. “Eu tinha tanta esperança. conforme inspirava imagens surgiam em sua mente. e de vez em quando até para ela mesma.”. Voltava aos poucos no tempo dentro da mente de Jason. disse Tara desesperada. esperando alguém ansiosamente. “Não. “Não foi ele. Tara estava histérica. esse homem quase matou Sam!”. Ela chorava sem parar. segurava a amiga pelos ombros.”. Usou algumas vezes na escola. Tara se aproximou assustada. ele é um assassino!” “Ele não teve culpa nisso. “O que você viu?” “Foi ele. nem sabe o que aconteceu.. expirava para apareceram novamente.”. Fechou os olhos... Inspirou e expirou. ela dizia soluçando. as imagens andaram mais rapidamente.”. foi ele. a pulsação dele forte entre seus dedos. Jason jamais faria mal para outra pessoa dessa maneira. “Como Jason foi capaz de algo assim? Precisamos entregá-lo para a polícia. Os bandidos o surraram. Sookita soltou o pulso de Jason com um grito de pavor caindo sentada no chão. Ela não estava surpresa.”. inspirou mais uma vez.Escravos do Amor – Segunda Temporada vomitava ou até desmaiava. roubaram o que ele iria pagar. tinha mentido. Continuou ouvindo. ela gritou de volta. Agora estava quase amanhecendo. cada vez mais se aprofundando na mente de seu irmão. Ela expirou. foi ele. três homens apareceram. Ele queria o V. Estou indo contar tudo para a polícia. O viu ainda na festa. Sookita olhava desolada para o irmão.. Não teve culpa. “Jason atirou em Sam? O que aconteceu?”. apenas Tara conhecia esse segredo. Nem Bill sabia que ela tinha esse dom. não havia ido ao banheiro. A respiração dela se alinhou a dele.. precisava se conectar com o de Jason. “Não importa.

140 . pensou que tinha feito um bem a sua amiga ao inventar essa mentira. Ele o protegeria de Eric. “Jamais esperaria que fosse tão leviana.” “Como ficou sabendo?” “Eu perguntei de você para Eric.” “Seria bem merecido se ele fizesse isso mesmo.. evitando que seja morto. mas Jason precisa ser punido.”. Jason merece ser punido. Nunca me senti tão traída. não é mesmo? Continua correndo atrás dele como uma idiota. mas você não quer proteção. Sookita levantou rapidamente. usava toda força que ainda tinha em seu corpo. ela disse esperançosa. disse irritada. Eric irá matá-lo. não entendo porque fez isso. correu até Tara segurando pelo braço. você não merece esse verme como irmão.” “Deus permita que eu mesma não conte tudo para Eric quando for trabalhar hoje. Puxando a amiga para dentro do quarto.” Tara virou o rosto encarando Sookita: “Não quero a morte dele. “Tem certeza que Bill é sua única alternativa? Ele também é vampiro. não pode falar sério.” “Fiz isso para te proteger.Escravos do Amor – Segunda Temporada quarto.. Jason continuava dormindo profundamente. ela puxou o ar com força. mas não acabar morto. “Se você fizer isso. não vai gostar de saber disso. Eu descobri a sua mentira.”.” “Você o conhece desde pequeno. Terei que confiar de que não contará nada para a Autoridade.” Sookita andava pelo quarto de um lado para o outro.” Tara estava impassível.” “Vou ter que falar com Bill.“. Eu estou esse tempo todo tentando proteger Jason. “Não tem intimidade com ele para isso. Ele nem se lembrava. “Não tenho a quem recorrer.

Sookita levantou a mão para dar um tapa em Tara. Não 141 . Sookita gritou. “Você não sabe nada. não iria mais chorar por nada hoje.”. Você é uma péssima amiga. “Não é assim que vai conseguir manter Bill e Eric para sempre como cachorrinhos”. Só não tentou tirar Bill de mim porque ele não deu bola para você.” Os olhos de Sookita encheram de lágrimas. “Do que está falando?”. sem ela me obrigar a rezar. respirou fundo. “O dia mais feliz da minha vida foi quando enterrei a vovó. eu não consigo me livrar da voz dela aqui dentro. Tara olhou para ela incrédula “Não sou eu que vou me casar com um homem que não amo.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Como sempre fez.” “Será um prazer.”. nada. você sempre pode ter tudo o que quis. “Saia daqui.” “Está errada. não é? Você me boicotou todo esse tempo. não sou eu que estou apaixonada por Eric. a ser correta. sentiu que alguns estavam faltando. olhou mais uma vez para o irmão. santa e puritana. Se as vezes eu consegui te passar a perna foi por não esconder de ninguém quem eu era.”. ela falou perto do rosto de Tara. Sempre dando uma de certinha. Mas saiba de uma coisa.” Sookita apertou as mãos tentando se controlar. “Fico feliz que finalmente tenha admitido que não é uma santa. não iria continuar ouvindo os insultos dela dessa maneira. nunca mais entre nessa casa. a me comportar. e muito menos Eric. Abaixou a mão. o rosto vermelho de raiva: “Você sabe do que estou falando.”. Mas. mas ela as segurou o quanto pode. mas não teve coragem. Foi quando eu me senti livre pela primeira vez. nem por Jason. apontou para a cabeça. Nem por Tara. sentia-se arrasada.” ----------------------------Jason acordou sentindo dores no corpo todo. Me deixei ser usada todos esses anos. se aproximou ainda mais do rosto dela. mas agora acabou. Mas. como você fez e ainda faz até hoje. abriu os olhos com dificuldade. Aproximou-se de Tara. Ao passar a língua pelos dentes.

.”. pelo menos ele estava estável. ela o encarou seriamente. Faz dois dias que ficou dormindo. e nem Tara também.” “Eu sei o que é importante. fez uma careta ao dizer isso. estava no quarto de sua irmã. “Eu. é importante. Sookita surgiu afobada na porta do quarto. pois ninguém veio atrás de seu irmão. Sentiu um pouco de prazer com os gemidos dele de dor.”.Escravos do Amor – Segunda Temporada queria se olhar no espelho e encontrar um rosto desfigurado. era o momento dele começar a pagar por tudo que fez. Não criou coragem ainda de contar o que aconteceu.. não estava com tempo de pensar. precisava fugir. Teve que inventar desculpas na delegacia para a ausência de Jason.. queria que ele sofresse o tanto que ela estava sofrendo.” “Eu não podia deixar o V com ele. Sam me ameaçou. me passe a porra desse celular agora! Se não eu mesmo vou pegar. Só ficou sabendo do estado de Sam porque conhecidos ligaram avisando. por favor.”. ela disse para ele se aproximando da cama. “Achei que não iria acordar nunca. “Deu sorte de não ter sido morto. “Sook.”. sei que ordenou o roubo falso ao bar de Sam. “Onde está meu celular?” “Nem pensar. “Não sabe do que está falando. Espero que não mande alguém me matar por eu saber disso tudo. “Eu vi o que você fez. Deu um grito de dor quando encostou as costas na madeira da cama. mas sem ainda receber visitas. aos poucos foi se lembrando do que aconteceu. estou bem. Sookita se aproximou e o forçou a se deitar. e estou decidindo o que fazer sobre isso.” E também fazia dois longos dias que não tinha notícias de Tara desde a briga que tiveram... mas mal conseguia colocar os pés no chão.. Sentou-se na cama. Não posso ficar aqui. Evitou encontrar Bill com a mesma desculpa de Jason. Estou correndo perigo. usou a que todo mundo usava nessas horas de que ele estava gripado. Sam infelizmente não teve a sua 142 .”. não foi delicada. o rosto demonstrava preocupação. estava com medo de que não acordasse. Jason tentou se levantar da cama. isso sim. ficou surpreso por sua irmã já saber a verdade.

“Para ter feito o que fez. era o momento de contar a verdade. estou avisando antes que faça alguma outra besteira. está deitado correndo risco de morte numa cama de hospital. “Você não teria aprovado nada disso. incrivelmente sem nenhuma companhia feminina.” “Você agir? Com essa cabeça de vento? Pensou tudo isso sozinho?” “Não sou tão burro como pensa. Sentia-se orgulhosa em como conduzia a boate.”. não poderia entregar Lafayette. Não confiava em seu irmão. saiu do quarto trancando a porta em seguida. Ela desceu até a sala. ----------------------------------Pam havia acabado de mandar o segurança tirar um arruaceiro que estava irritando alguns vampiros. meu instinto de sobrevivência falou mais alto. Por que não me contou? Eu já fiz tanta coisa errada por sua causa.”.”. reparou faz certo tempo que algo estava errado.Escravos do Amor – Segunda Temporada sorte. ele tentaria fugir de alguma maneira.”. era o sucesso da cidade e até diria das redondezas.” Sookita não deixou ele responder. “Ele vai sobreviver?” “Espero que sim. Pam não estava tão surpresa com essa mudança de comportamento. disse assustado. principalmente os que faziam parte da turma de Eric. sentou pesadamente no sofá. querida. pensou enquanto mandava uma dançarina não abrir tantos as pernas. por sorte o quarto ficava no segundo andar e a queda seria grande se tentasse fugir pela janela. era só pegar o V. “Aqui não é uma boate de strippers. uma a mais não faria diferença. “Não mandei ninguém atirar em Sam.”. ela respirou fundo. te acho extremamente burro. diria fora do comum. Ficou sabendo que pessoas da capital vinham de tão 143 . Seu patrão vivia trancado no escritório desde que voltou a boate. e Sam não ia devolver o V. a moça ficou vermelha após ouvir a reprimenda de Pam. não saíra desse quarto. ela sentiu vontade de sacudir o seu irmão. Precisei agir antes que fosse tarde.”. e para o seu próprio bem também. “Volte a descansar. Jason. pegou o celular e discou para Bill. mentiu. ela disse exasperada.

disse gargalhando. negociava como poucos com os fornecedores. quer dizer. Eric ultimamente estava uma negação. demorou em perceber a entrada de Bastian na boate. Alguma coisa tinha acontecido. “Estou só repassando o recado que ele manda para todos.. se quiser pergunte a ele. Perdida em seus pensamentos.”.” “Bastian.” “Engraçadinha. Antes era um equilibrado homem de negócios. Mas. se ele quisesse que contasse. Pam.. “Mas.”. Seu lado maternal aflorou por alguns segundos. ele disse emburrado. que tipo de negócios teria com Eric?”. eu tenho uma palavra mágica. Não queria mais saber da complicada vida sexual dele. Apenas quando o vampiro caminhou até o escritório de Eric..” “Não sou garoto de recados. mas ela não iria perguntar dessa vez.”. um vampiro crescido. ele retirou o braço dela. vamos.. “O que faz aqui. já que amorosa não se aplicava nesse caso. funcionários. não poderia contar com ele para nada. ah. Pam não viu Jessica rodeando Eric.” “Eu já sou homem. Bastian?”. poupando o meu tempo e o seu. ela o segurou pelo braço. mas depois voltou ao normal conforme o menino foi crescendo.” “Como sabe disso? Nem perguntou pra ele. “Sou seu superior. era um dos poucos vampiros que 144 . Desde a festa de noivado do prefeito. você entendeu. não poderia negar que sentia uma conexão estranha com ele.”. Não se esqueça. não pode falar agora.” Pam balançou a cabeça. lembrou-se quando viu o pequeno Bastian pela primeira vez. ele não irá resistir. não precisa disso. “Tenho negócios a tratar com seu patrão. ela foi rapidamente ao encontro dele. “Ora. “Santiago está bem? Não falei mais com ele. “Vejo que está virando homenzinho. disse lembrando a frase de Eric no dia da festa. ele fez uma careta para ela.Escravos do Amor – Segunda Temporada longe para conhecer o lugar.”.”. “Eric está muito ocupado. Eric não vai querer falar com você. perguntou desafiador. até com atrações que contratavam de outros locais. disse divertida.

”.Escravos do Amor – Segunda Temporada se preocupava em tantos anos de imortalidade. Pam deu uma piscadinha para Bastian e se retirou. digitar no editor de textos e procurar sobre vikings no Google. V. “Bastian tem um assunto muito importante. Mesmo crescido..” “O que tenho a dizer é mais importante do que sua mudança de status no Facebook. “Poxa. ele disse simplesmente. cara.. Bastian zombou entrando no escritório atrás de Pam.como os humanos chamam. Pam o puxou pela mão até o escritório de Eric.”. “E que palavrinha seria essa? Ultimamente nada desperta o interesse de Eric. “Os dois minutos já se esgotaram. “Não tenho isso. “Ele só sabe ler emails. precisa falar com você. Pamzinha querida.”. respondeu irritado após ouvir a risadinha de Pam. “E os seus também.” Pam deu de ombros..”. lançou um olhar divertido e respondeu: “Nosso sangue. até desejaria que ele gostasse mesmo do que tem a dizer. Bastian jogou de uma mão para a outra uma pasta. 145 .” “Me convenceu.” “Não está mais aqui quem falou. vamos tentar com ele agora.”. “O que quer?”.”.” “Dois minutos e caia fora depois. por que não disse? Eu te ensino de boa a usar sua maçãzinha.”. Bastian apontou para o símbolo de uma maça mordida no notebook. disse com um meio sorriso.”.” “Já estou saindo. Venha comigo. “Só não me chame novamente de Pamzinha se quiser sair vivo daqui. ainda seria o pequenino que conheceu tantos anos atrás. ela disse gargalhando. ele nem levantou a cabeça.. abriu a porta do escritório. Pamela. apontou para Bastian. encontrou Eric digitando no notebook absorto.

. “Muito descritivo para o meu gosto. “Continue.” “Ele é um pouco extravagante”.”.. Voltou sua atenção para Bastian que ficava se remexendo na cadeira de maneira irritante. e eu o Robin.” Eric folheou o conteúdo da pasta evitando que Bastian abrisse a boca novamente. ironizou.”. “Não que você seja o Batman.”. “Incomoda você?”. “Não vai ler? Santa preguiça. “Eu não me importo. e os distribuía durante as suas loucas festas. em seguida voltou sua atenção para o notebook.”.Escravos do Amor – Segunda Temporada Bastian sentou na poltrona defronte a mesa de Eric ignorando o prazo de dois minutos. disse Eric ainda digitando e sem olhar para ele. leu duas vezes para ter certeza. encarou o vampiro. “Temos novas pistas sobre o V. sentiu-se incomodado ao lembrar como as festas de Romeo Savage eram parecidas com Sodoma e Gomorra nos relatórios.” “O que gosta de fazer orgias em sua mansão?”. Bastian revirou os olhos. que foi famoso nos anos 80 ao lançar a carreira de bandas de garotos. disse enquanto fechava o notebook. mas nunca foram comprovadas..”. disse seriamente.” “Não vou ler. Romeo Savage. simples. uma parte do relatório chamou a atenção de Eric. Eric levantou uma sobrancelha. Leu rapidamente sobre o rico produtor musical. era um dos maiores compradores de V na região. Jogou a pasta na mesa com mais força do que gostaria. ele esperou ter a atenção de Eric para continuar.”. “Descobrimos que estão vendendo uma grande quantidade de V no mercado paralelo. Tentava esconder a tensão que sentia diante da cara fechada dele. Batman.”. só se você for. ele deu uma risadinha. “Já faz uns dias que foram vendidos para aquele viado rico. finalmente parecia interessado. Mas. 146 . “Até você leu os relatórios do Armando. “Não sou chegado nessas coisas. fale. havia suspeitas de pedofilia. A Autoridade tentava pegá-lo fazia um ano..

” “Seremos um casal nessa festa. estava querendo assustar o vampiro.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Você leu essa parte aqui?”. “Quero continuar puro. fui torturado por uma semana. Bastian lembrou do que viu na Autoridade entre Eric e Sookita. Bastian correu os olhos pelo texto.. Eric disse irritado. apontou para o texto.”. dizendo: “Prometo que vou tentar resistir a tentação. “Não que seja feio. colocou a língua para fora como se fosse vomitar.”. significa que se eu quiser te beijar ou até te comer. era uma das vantagens de ser vampiro. cara. “Última vez que trabalhei infiltrado com outra pessoa. se afastou em direção a porta. farei isso. você entendeu. disse Eric.”. bem.” “E trocaram altos beijos de língua.”. Ficou boquiaberto com o que leu. colocou as mãos no bolso para esconder a tremedeira. Bastian levantou de uma vez da cadeira. disse dando de ombros. seu mau gosto é notável. “Também não estou feliz.” “Também não estava escrito que eu deveria beijar Sookita no relatório.”. deu um tapinha na bochecha de Bastian. disse apertando as mãos nervosamente. “Acho que passei batido. “Santiago não aprovaria algo assim. levava segundos para ler uma página. “Pare com as gracinhas.”. Não vi nada escrito que é para rolar sexo.”. se aproximou do vampiro colocando uma das mãos no rosto dele. “Não quero te beijar.. Eric levantou da poltrona e foi em direção a Bastian. disse cruzando os braços.”. Ou não constava no meu. queria descobrir quem eram os fornecedores de V.” “Contanto que não envolva a sua língua na minha boca e o seu pau. fiz voto de castidade. “Precisamos planejar muito bem o que faremos amanha a noite.”. acredite. mas eu preferia beijar até o Santiago do que você. Temos trabalho a fazer. “Infelizmente.” 147 . não estava com paciência para mais brincadeiras.”.

”.”. Eric gargalhou.”.” Mas. uma verdadeira obra-prima italiana. O rosto de Bastian ficou ensanguentado. não se preocupe. Bastian disse assombrado. levantou a porta do carro e ligou o motor. meu amor. O portão da garagem abriu automaticamente. “Sim. olhava a todo momento no espelho esperando o rosto voltar ao normal. Pam ria escondida diante da reação do jovem vampiro. “Não precisa ficar nervosinho.. nem Fellini produziria algo assim.”. Eric bateu com força na nuca do vampiro fazendo com que atingisse o painel do carro.Escravos do Amor – Segunda Temporada -------------------------------------Bastian olhava deslumbrado o carro de Eric. “Ele te falou que somos um casal gay hoje a noite?”.”. ela cruzou os braços emburrada. disse se divertindo. vestido com uma jaqueta preta e uma camisa reluzente azul neon. vou dar um beijinho para sarar. há muito tempo ele só anda cortando de um lado. disse numa voz afeminada. “É assim que ele pega todas aquelas mulheres. o nariz parecia quebrado. juraria que fosse de uma família comum. Antes que Bastian pudesse reagir. “Eu acho que ele mais assusta do que pega com esse tipo de carro. Bastian entrou no carro sem ter tempo de se despedir dela. “Vem cá. Não demoraram em chegar numa casa de dois andares dentro de um condomínio fechado. Não era tão imponente como ele imaginou que seria ainda mais de um produtor musical famoso.” Eric surgiu andando rapidamente. Se não soubesse o que acontecia ali dentro. 148 . olhou severamente para Bastian pelo retrovisor. falou com uma careta. soltou um gemido de dor. amarelo e preto. Eric ignorou Pam. pensou animado. O resto do caminho Bastian ficou quieto.”. só estavam os dois na garagem. Eric ainda não tinha chegado.. balançava as chaves na mão. disse friamente para Bastian. “Não faça nenhum comentário idiota hoje. “Vamos”. disse revirando os olhos. Eric saiu em disparada com o carro.

” “O que seria um movimento estranho numa orgia gay? Um pinto falante?”. desceu sem esperar por ele. perguntou para o informante. namorado do vampiro Armando que escrevia os relatórios assustadores. deu uma risada. “Muito bem. Abriu a porta. “Estou morrendo de inveja de você.”. eles ficam de olho em qualquer movimento estranho.Escravos do Amor – Segunda Temporada Um rapaz bonito e bem vestido o esperavam na entrada.”. caminhando à frente. Eric parou o carro em frente uma casa do outro lado da rua. comentou medindo Eric de cima a baixo. Só os escolhidos sobem com ele para a suíte. Eric com o braço em volta dos ombros de Bastian vinha logo atrás.”. “Até em festas gays preciso aturar isso? Se quiser pode ficar no meu lugar. Era um humano. Uma enorme sala acarpetada de cor roxa com uma luz fraca os esperavam. “Você terá que se insinuar para ele.”.”. Eric perguntou olhando em volta. Eric disse cortante. Eric disse ignorando o comentário de Bastian.” “Eu não te avisei para evitar seus comentários idiotas essa noite?”. Caminhou até o informante. “Santiago é um duende tão fofinho. Bastian apareceu logo depois. mas passaram direto por um corredor ao lado que levava aos fundos. Bastian notou que era o contato da Autoridade. Após passarem o hall de entrada. Mas. Bastian revirou os olhos após ouvir isso. por que todo mundo queria chupar as bolas de Eric? Pensou irritado. O rapaz os guiou até a entrada da casa. havia uma escada para o segundo andar. não mentiram nos corredores da Autoridade. Eric parece mais o mordomo da Família Adams. Vários casais 149 . “Quando teremos o momento a sós com Romeo?”. “Ele prefere Santiago. “Sua fama o precede. disse Eric apontando para Bastian. pode deixar por nossa conta agora. tomem cuidado com os seguranças. Bastian comentou sarcástico. o rapaz disse para Bastian olhando em seguida longamente para Eric. “Está tudo certo?”.

“Ele quer você também. Ficou ali parado observando Eric se insinuando para o dono da festa. disse simpático. apontou para Eric. em questão de minutos surgiram vários homens nus na sala. Eric surgiu de repente atrás do homem musculoso. deu um selinho no vampiro.”. foi pego de surpresa. Bastian quase desmaiou de horror diante da atitude de Eric. se afastou na direção de Romeo. Tente não pegar ninguém na minha ausência. “Deu certo?”.”. “Então. não vai tirar a roupa?” Um homem peludo e musculoso se aproximou dele o tirando de seus pensamentos. Praguejou mentalmente contra Santiago. um homem alto. Eric voltou-se para Bastian e disse: “Irei até ele. nem deveriam ter vindo. tire. “Vamos. falou alto demais.”. Bastian perguntou esperançoso. “Meu namorado é ciumento. aqui ninguém é de ninguém. amorzinho. Havia garçons usando tangas servindo aos convidados bebidas sofisticadas com um toque de V. meu amor?”.. olhou em volta tentando não demonstrar o seu choque e caminhou até um canto escuro. não deveria tê-lo colocado nessa roubada. seguido por vários olhares de admiração. nunca viu tantas coisas balançando antes daquela maneira. “Oi gato. “Sim.” 150 . Num canto da sala.. uma música alta tomava conta do ambiente..Escravos do Amor – Segunda Temporada circulavam.”. cercado de homens seminus. de cabelos e barba preta estava sentado num trono cravejado de brilhantes..” “Ele está te incomodando. O homem olhou para Eric e se afastou levantando as mãos em sinal de paz. talvez o efeito do V.” “Não entendi.” “E o que está fazendo aqui?”. ele ficou interessado. não conseguia ordenar seus pensamentos. “Sou muito ciumento. Não teve coragem de olhar para baixo e ver mais uma coisa balançando. Alguns rapazes começaram a se empolgar. Bastian quase cobriu os olhos com a mão. Bastian fez um sinal positivo com a cabeça.

se continuar com perguntas. se aproximou de Bastian dizendo: “Coisa linda. passaram por vários corpos nus entrelaçados. você sabe o que quero dizer. “Bastian. como assim? Não terei que ser..”. falou com dificuldade. quer os dois.. Os dois caminharam na direção de Romeo. “Vamos. com um sinal ele mandou os outros se afastarem.. E dessa vez usarei minha língua... pegou na mão de Bastian.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Será que eu vou precisar descrever o significado da palavra ‘Orgia’?”.. ”Romeo gostou de você também.” “Faço qualquer coisa. 151 . Pararam em frente ao homem.. fez um sinal com a cabeça para Eric segui-los.”. Levantou.”. vou. lembra tanto os meus meninos.. vou beijá-lo novamente na frente de todos.” “Eu...”. disse entre dentes. disse impaciente.

or another part of your anatomy? 152 .Escravos do Amor – Segunda Temporada Capítulo 25 O Fio da Suspeita Yeah? Is that your head talking.

”.”. estava se controlando desde que chegaram na casa. Bastian tirou lentamente a blusa xadrez. “Vou ficar com ciúmes. O quarto era iluminado por dois abajures. Eric olhou para Bastian intensamente e cheirou sua camiseta. Romeo fez um gesto impaciente com as mãos mandando-os para fora. Eric acariciou o ombro dele.” Bastian estava em pé completamente estático em frente a cama. havia janelas de vidro que tomavam uma parede a outra.. ele apontou para os dois homens atrás dele.. “Não. Jogou a camiseta na direção de Eric mandando um beijinho. e depois o loiro enorme. Ele respirou com dificuldade ao imaginar o rapaz em cima dele. Romeo bateu palmas excitado.”.. observavam atentos a situação no quarto. “Vamos. Quero usufruir dos dois.”. Romeo disse afeminado. Retirou a camiseta branca. Romeo apertou a coxa de Eric.”. “Sou tímido. disse na direção de Bastian. notou que Eric exibia um sorriso divertido. “Jogue as calças para ele. bem devagar. Não tenho a noite toda. mas haviam dito que eram ótimos na cama e topavam qualquer coisa. Abriu a gaveta no criado-mudo. Bastian olhou para fora vendo se tinha algum movimento no andar de baixo. tirou uma cápsula de V oferecendo para Eric: “Já foi servido? O sexo é maravilhoso com sangue de vampiro.” Eric quase rasgou a garganta de Romeo antes do previsto. Romeo sentado no lado direito e Eric no outro lado. Havia dois guardas parados perto da porta.”. sentiu vontade de matar o outro em vez de Romeo. não conhecia os dois. fez um biquinho.. bateu duas vezes no nariz com o dedo indicador. obrigado. “Não fique. jogou na cama perto dos dois. menino. Eu já cheirei. começavam no chão e terminavam no teto. 153 .Escravos do Amor – Segunda Temporada “Tire a roupa. “Será que os gorilas aqui podem sair do quarto?”. Só se submetia a esse papel porque queria descobrir quem eram os vendedores de V para depois os matar sem piedade.

. 0724.. Bastian afastou para o lado. Não posso com essas coisas ainda. “Mas. Abriu o email. os olhos castanhos do vampiro encararam os olhos pretos do homem.” O vampiro apertou a garganta dele com força. Moços. soltou um arroto de prazer como se tivesse experimentado uma iguaria. Eric digitou a senha conseguindo acesso ao celular. “Meu celular. ele respondia numa voz pastosa. mas não poderia acessar.”... Sentiu o volume de Romeo perto da coxa. Ligou o aparelho... “Faça-o dizer a senha. disse com um sorriso.” Eric enfiou a mão no bolso da calça de Romeo. disse para Bastian. sujas e velhas. O homem bebeu o V de uma vez.”. “Qual é a senha do celular?” “Hummm. disse rapidamente. numa voz calma começou a hipnotizá-lo: “De quem comprou o V?” “Rapazes... muito juntas.”. Bastian não tirou as calças. “Quem eram os rapazes?” “Casas juntas.. não queria contato íntimo nenhum. ouviu um estalo de um osso trincando. jovens e apetitosos. havia uma mensagem com apenas V no assunto. três.. Bastian apertou novamente o pescoço dele. já? Nem está pelado. pois precisava de uma senha.. moço.”. evitando que gritasse. em vez disso pulou em cima do homem o segurando pelo pescoço..”. Puxou o rosto dele perto do seu.Escravos do Amor – Segunda Temporada “E o menino?” “Sou de menor. não estou entendendo.. Não demorou em achar o ponto de 154 . não demorou para encontrar o celular.. Bastian respondeu timidamente. “Onde?”.

A respiração falhou.”. empurrou com o pé o corpo. Romeo continuava sugando com vontade. golfadas e golfadas saíam de sua boca. observavam com os olhos brilhando de prazer. segurava com força no braço de Eric. Tentava pedir ajuda desesperado. Não ouvia mais as batidas do coração. mas começou a vomitar sangue. um local conhecido por ser uma antiga boca de fumo. Fez um sinal para Bastian se aproximar e disse: “Atraia os guardas. teria que se alimentar o mais rapidamente.” 155 . começou a tossir. “O prazer de vê-lo se afogando no próprio vício vai compensar o esforço. Abriu um rasgo com a unha no próprio pulso. “Um pouco. apertou a garganta. até que caiu pesadamente na cama e não se levantou mais. Bastian começou a vestir a camiseta e a blusa xadrez. Bastian se aproximou cuidadosamente. seus lábios estavam brancos como sua pele.. Bastian perguntou preocupado.” “Muito acostumado. De repente. Eric não respondeu.”. mas sem resposta. pegou com violência a cabeça do homem e o obrigou a beber o sangue.”. “Algo que já estou bastante acostumado a fazer. sabe o que temos que fazer. quase que pegando fogo. tentava se manter equilibrado.Escravos do Amor – Segunda Temporada encontro.”. Por alguns segundos pensou em como desejaria que Sookita estivesse ali igual em Rosamar. Eric deu uma risada baixa. recolocou o celular no bolso de Romeo. começou a sentir algo quente voltando em sua garganta. os sons ficaram distantes. deu um soco no ar. as imagens embaralhadas. Apagou a mensagem. Parou de sugar no mesmo instante. Com um gesto mandou Bastian se afastar. mas os dois vampiros se afastaram. Ele continuava tossindo sem parar. não poderia atrair os guardas que estavam do outro lado da porta. Voltou-se para Eric confirmando com a cabeça. um a menos.” “Vou ter que matar os caras sozinhos.. “Está mortinho. de vez em quando mordia deixando marcas na pele do vampiro. Com esse pensamento conseguiu ficar um pouco firme. “Não vai ficar muito fraco?”. a cama ficou rubra. seu rosto estava cheio de sangue. mortinho. ele respondeu com uma careta conforme o homem sugava o seu pulso. seu peito fazia um barulho estranho.

“O que eu tenho com Sookita não interessa a Autoridade. segurou sua cabeça com as mãos e o hipnotizou. retrucou sem olhar para Bastian. O cheiro de suor e esperma misturado ao sangue de vampiro tomava conta do ambiente. O local estava bem mais escuro. “Bom tocar no assunto. seria o suficiente para a polícia encontrar. colocou apenas a cabeça para fora chamando os dois guardas. Pegou o da esquerda pelo pescoço e o imobilizou. Fechou em seguida se colocando ao lado da entrada. a música baixa. digo. perguntou curioso. “Claro que é assunto meu. “Até Sookita reclamava menos que você durante a missão. Bastian fez uma cara de nojo como se fosse vomitar. abriu um sorriso. “No dia que isso for assunto seu.”. ele 156 . O que rola entre vocês dois?”. e muito menos a você. esperou pacientemente os dois entrarem novamente. Eric caminhou rapidamente até o bar. da Autoridade. Abriu o minibar que ficava embaixo do balcão. não parecia muito bem. exibiu as presas e o mordeu. ironizou. “E me diverti muito com sua sentença. Soltou o segurança e logo em seguida tirou as marcas de seu pescoço com o próprio sangue.”.”. algo que não incriminasse os dois ou qualquer vampiro e deixasse o homem em maus lençóis ao ser encontrado morto depois de uma overdose de V.”. Ele e Bastian tinham pensado numa pequena história para explicar a morte de Romeo. Retirou alguns e deixou no minibar. Abriu a porta devagar. e havia uma confusão de corpos um em cima do outro. disse balançando a cabeça.” “Não imagina o quanto.”. reparou que Eric sentou-se na ponta da cama. todo mundo só comentou disso naquela semana. não poderia deixar suspeitas. Minutos depois os dois desceram novamente até a sala da orgia. eu falo. Eric se alimentou o suficiente para recuperar as forças.” “Me alegra saber que se divertiu com minha estupidez. Bastian disse quando chegaram no carro estacionado perto da casa. “Nunca vi tanto pinto na vida.Escravos do Amor – Segunda Temporada O rapaz concordou com a cabeça. pegou o isopor com os frascos de V. evitando pisar em algum casal e chamar a atenção. Eu estava lá quando você se deu mal por causa dela. Eric avançou na direção do outro o pegando também pelo pescoço.”.

não sei. “Não. perguntou interessado. Bastian comentou olhando para fora da janela. mas é como se tivesse ficado sentada numa praça enquanto a vida passava por ela. o macho alfa dos vampiros. você tem sérios problemas. vocês não tem mesmo o que fazer naquele lugar. “Vejo que ela já o conquistou com o papo furado. entrou de uma vez sentando no banco de maneira desajeitada.” “Não me conquistou coisa nenhuma. disse simplesmente. “Sookita é uma moça triste. “E Santiago vai gostar de saber que me acha o macho alfa dos vampiros.” “Não me surpreende. disse com raiva.”. quem sabe quebro essa pra você.”.”.Escravos do Amor – Segunda Temporada riu alto.”. “Ela é uma moça legal. O rapaz colocou as mãos protegendo o nariz. entrou no carro deixando o rapaz falando sozinho. encarou Eric.”. mas se pedir por favor. “Sério que não sabe disso? Eric. Talvez já tivesse provocado Eric o suficiente essa noite. Bastian subiu a porta do carro.” “E o que viu de diferente nela?”.. quando queria podia filosofar também. Bastian caçoou. “Já que são tão amigos. Balançou a cabeça em negativo.”. Eric mostrou as marcas de sangue de Bastian no painel. Só achei ela uma humana diferente da maioria. disse com 157 . não merece um cara como você. não sei a palavra exata. Aproveitou-se de ser superior a ele na Autoridade e Santiago não gostaria que abusasse disso. “Não sou eu quem irá te ajudar sobre Sookita. não queria sentir aquela dor de novo. por que não indica um psicólogo para ela?” “Cara. “Eu falo pelo bem do meu nariz. “Foi o tempo que passou na igreja buscando a santidade”.” “A única coisa que você irá quebrar pra mim será novamente o seu nariz. terminou de dizer orgulhoso de si mesmo..”. soltou uma gargalhada. disse impassível. “É só isso que vai conseguir se continuar falando tanta bobagem. não sabe mesmo?”.”.

” “Não filosofou. esse assunto o deixava irritado. falou passando a mão no nariz. “Então. bateu duas vezes. “Quero comprar sangue. Não sou tão íntimo assim dela.” Eric deu partida dirigindo em alta velocidade como sempre fazia. só está tentando bancar o cupido. era um cortiço de dois andares cercado de apartamentos.”. Passaram pela porta chegando num pátio quadrado com uma fonte sem funcionar no meio. não estava gostando do rumo da conversa com Bastian. um deles respondeu observando os dois atentamente.”. Bastian disse receoso.”. Não estou bancando o cupido.Escravos do Amor – Segunda Temporada um sorriso de canto. Isso saiu da minha cabeça. Subiram pela escada principal seguindo as coordenadas do rapaz. O corredor era estreito com uma mureta de ferro bastante enferrujada. havia alguns rapazes mal encarados sentados perto do local. hoje estou paciente. não tinha sinal de ninguém. podemos encerrar o assunto. “Para sua sorte. “Segundo andar. Eric parou o carro em frente à porta de entrada. em volta havia vários apartamentos velhos. uma voz masculina perguntou. “O que quer?”. Escutou barulho de uma televisão ligada e cinco corações batendo. “Não falei bobagem.” “Sei disso. eu filosofei. “Ela vai se casar com Bill. Não era qualquer um que se arriscava num lugar como aquele.” Não demoraram para chegar no lugar indicado no email. caminhou na direção deles e perguntou: “Onde encontro sangue pra comprar?”. Eric parou em frente à porta. é diferente. pensar e lembrar-se de Sookita por um bom tempo. Bastian percebeu a mesma coisa. corria-se risco de encostar ali e cair lá embaixo. Desceu do carro seguido de Bastian.” 158 . Não queria falar. fez uma voz estridente tentando soar como um playboy entediado. o primeiro apartamento do canto na direita. Foi Sookita quem te pediu pra fazer isso?” “Ninguém pediu.

um rapaz ficou desacordado embaixo dela. empurrou as duas moças de encontro a parede fazendo com que caíssem desmaiadas.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Procurou na hora errada. a voz respondeu irritada. Eric insistiu. “Cale a boca delas. idiota. Havia dois outros rapazes e duas moças que começaram a gritar apavoradas. disse friamente. É o Xavier quem sabe. “Onde vão com tanta pressa?”.” “Nem um pouco? Pago o que você quiser. “Só quero saber de quem pegaram o V. “Podem entrar. O vampiro não demorou em reagir. “Já disse que não! Pode ir embora. “O que faço com elas?”. Não temos mais nada. Eric perguntou os segurando pela gola da camiseta deles. em seguida com a mão direita segurou no pescoço do rapaz menor. o mais alto apontou com a cabeça para o rapaz caído embaixo da porta. Eric não poderia passar pela porta sem ser convidado. e com a outra mão no pescoço do mais alto. Bastian perguntou apontando para duas moças desmaiadas. Bastian entrou rapidamente na sala. cheirava o ambiente procurando por V.”.”. Eric entrou velozmente. Sem fazer esforço quebrou o pescoço dos dois e os deixou no chão.”. o rapaz disse numa voz distante. cara.”. se afastou um pouco da porta por conta da longa perna.” “E quem é Xavier?” “Aquele ali. um alto e outro de altura mediana que recuaram assustados tentando fugir da sala.”. Eric se aproximou dos dois rapazes. em seguida desferiu um poderoso chute fazendo com que a porta fosse arremessada do outro lado da sala.”. gritou para Bastian. parado no batente encarou um dos rapazes e o hipnotizou: “Convide-nos para entrar. Eric largou a camiseta dos dois.” “Não sei. 159 .

faria qualquer coisa para protegê-lo. disse torcendo as mãos no colo.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Espere até que acordem e as hipnotizem. Mas. Pegou Sookita pelos ombros e a abraçou fortemente. “Não se pode brincar com a Autoridade.”. a história que Sookita contou era tão surreal que ele tinha dificuldade em acreditar. -------------------------------Bill levantou-se do sofá visivelmente nervoso. querida. Eric está caçando os traficantes nesse 160 .” Bill passou a mão no bigode. não conseguia esconder a sua raiva diante da situação. disse enquanto retirava e jogava a porta do outro lado da sala atingindo a televisão. “Eu sei. disse respirando calmamente pela primeira vez nessa noite. Quem sabe um dia aprenderia a voar como o outro fazia. “Você é um vampiro. “Aproveite e leve meu carro daqui quando terminar.” “Eu tive medo. Depois de tudo o que aconteceu na Autoridade. “Não tenho mais a quem recorrer. “Jason é muito influenciável. pensou preocupado. E o que iria fazer com aquele carro? E se o batesse? Não era acostumado a dirigir.” “A vida de Jason valia mais do que a sua ou a minha?”. Bastian desviou graças ao seu reflexo vampírico. pensei que não entenderia. Eu jamais a deixaria ir na missão com Eric.” “Ele é meu irmão. perguntou enquanto caminhava de um lado para o outro na pequena sala da casa dela. “Por que não me contou antes?”. a antiga Sookita não existia mais em sua cabeça. a tortura. aquela que voltou da missão era outra pessoa.”.” “A Autoridade já sabe do V roubado.”. e eu não poderia arriscar a vida de Jason. Olhou para ela como se não a conhecesse mais. não deveria ter escondido um assunto tão grave. e ela nada fez para impedir ou contar a verdade para ele. Eu sempre te falei dos perigos. Só você pode me ajudar. ele se deixa enganar por pessoas de má índole. Faria o mesmo por Jessica.” Bastian sentou-se entediado no sofá enquanto observava Eric ir embora com o traficante. eu sei. ele caminhou até ela.

”.”. Sei o que sente. mas tenho esperanças que um dia você possa me perdoar.”. sendo que fui um dos culpados. “Eu tentei. por que não impediu? Por que fez questão que eu fosse para missão com ele?”. disse com dificuldade. “Dói-me profundamente saber pelo que está passando. “Eu imaginava que isso iria acontecer.. ele a soltou e foi em direção à janela. “Sobre Eric.. 161 . queria descontar a raiva que estava sentindo em alguém. Deixei que um homem vil como Eric se apossasse de seus sentimentos. me disse isso durante a missão. Não mandamos em nossos corações.” “Sei que não existe perdão para o que aconteceu.”.. Seu corpo tremeu antes de respondê-la.” “Se sabia o que aconteceria. eu não fiz o que desejava. realmente não sei o que aconteceu comigo. disse cabisbaixa. faziam questão da sua presença. não se culpe. levantou a cabeça e olhou para ele com os olhos marejados. minha querida. disse com raiva.. “Por favor. não deixe isso acontecer.” “A culpa foi minha. não aceitaram.” “Não vou deixar.”. disse furiosa. Não tem piedade de ninguém. “Eric vai matá-lo.” Bill jurou para si mesmo que não iria tocar no assunto delicado sobre os sentimentos de Sookita por Eric. mas não conseguiu se controlar. Eu não resisti a tentação.. de sua pureza.” “Como me sinto? Não entendo. Mas. Estou aqui para protegê-la.”. não se preocupe. mas ninguém faz ideia do que se passa na minha cabeça. falei com Santiago e depois com outros acima dele. “Como pode insinuar que sinto algo pelo homem que quer matar meu irmão?” “Não se recrimine dessa maneira.. encostou a cabeça dela em seu peito.”. Era completamente feliz com você antes de conhecê-lo. “Mesmo sabendo como você se sente. virou na direção dela. ele continuava olhando pela janela.” “Bill. com uma das mãos limpou as lágrimas dela. não conseguia olhar para ele.”. “Todos pensam que sabem.Escravos do Amor – Segunda Temporada momento.

por favor. “Você é o de melhor em nossa relação e em nosso futuro juntos. “Primeiro precisamos conversar.” “Farei isso. ele ergueu o queixo dela com o dedo indicador e deu um delicado beijo. sentia-se mais aliviado por conta da conversa franca que estavam tendo. acho que não mereço alguém assim. toda a cidade sabia disso pelo jeito.” “Confio no seu julgamento. ele juntou as mãos implorando. “Quanto a Jason. 162 .” “Ele ainda está machucado. Acredito que jamais faria algo para destruir nossa relação. continuar com as mentiras não levaria a nada.” Ele a abraçou novamente. disse receosa. acho que a melhor solução é o afastar da cidade temporariamente. mas não tinha sido bem sucedida.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Por ter aceitado se casar comigo é o suficiente. Acredito que meu amor será o suficiente por nós dois enquanto você lida com essa confusão de sentimentos.”.. “Não posso deixar que uma paixonite qualquer estrague o que construímos juntos... e acho que não vai gostar de saber que contei tudo isso para você. “Obrigada. Sookita apertou as mãos de Bill em um gesto de gratidão por tudo que estava fazendo por ela..”. a mesma moça que me apaixonei ouvindo as histórias que sua avó contava. Seu coração continuava acelerado.”. disse sorrindo.”. vou levá-lo comigo essa noite. Em poucos dias conseguirei a transferência dele para outra cidade.. tentou esconder o máximo que pode a paixão que sentia por Eric..” Ela subiu as escadas até o quarto onde Jason estava. Jason estava sentado na cama com a cara franzida..”. Destrancou a porta.” “Você é uma pessoa tão boa.. teria agora um confronto pior do que teve com Bill. Só assim para o futuro dos dois dar certo. as vezes me pego pensando.”. “Já posso ir embora? Estou bem melhor. Você ainda é a Sookita Montenegro que conheci naquela noite quente de verão. “O ideal é você contar para ele. disse enquanto sentava na ponta da cama.

”. “Desde que te pedi ajuda. “Claro que acusei ou você acha que estava certo em se envolver com o tráfico de V?” “Eu precisava de grana rápida.”... “Contei para Bill sobre a sua situação. “Sente-se. Continuava repetindo os mesmo erros. Acho que sempre quis se livrar de mim. Principalmente a vovó. deu um grito de dor. por favor. “Por que você fez isso? Está louca? Ele irá me matar. ele não é como os outros vampiros. disse pacientemente. levantou da cama e foi até ele. você sempre foi mimado por todos. até pedi sua ajuda para pagar dívidas meses atrás. ele vai ajudá-lo. Você me traiu.” “Trair? Estou te livrando de mais uma se ainda não percebeu!”. disse irritada.” “Sempre foi a preferida da vovó.. ele cruzou os braços. Jason disse baixando a cabeça.” Ele levantou da cama num pulo. E nem por isso saio por aí tentando ganhar dinheiro sujo. e eles ficavam do seu lado. Me arrependo por não ter contado tudo antes. já estou cuidando disso. Você sabe que não ganho bem como policial. disse com um fio de voz.” “Eles quem? Nossa mãe e o meu pai? Meu pai que você odiava tanto.”. “Sabe que não gosto de falar sobre 163 .Escravos do Amor – Segunda Temporada “Quero ir embora. “Está errado mais uma vez. Bill prometeu ajudar. “Todos eles.” “Não me toque. e eu nunca odiei meu padrasto. começou a choramingar. Aprendi a me virar sozinho.”.”. ele a encarou. “Acalme-se. Claro que ficava magoada ao ver que você tinha um pai e eu não. você só me acusou e me xingou. não posso. eu fiquei de lado.”.”. eu não posso morrer. Não está totalmente recuperado. tenho coisas para resolver. Não pode me manter preso aqui pra sempre.” “Você irá.” “Eu também não ganho bem como garçonete.. não estava totalmente recuperado. não acreditava que Jason estava entrando nesse assunto.

pare! Não pode fugir.. Quando criança chegou a tentar algumas vezes. Vai tirá-lo da cidade. correu em direção a janela do quarto.”. agora era bem maior e talvez conseguisse. Não gosto de pensar que perdemos todos eles tão cedo. Em seguida 164 . tentou colocá-lo na cama novamente. Ele foi o único sobrevivente do acidente de carro que matou seus pais. “Não estou te culpando por isso. “Eric já sabe dos traficantes. Sookita aproximou do irmão colocando as mãos em suas costas. me deixe ir embora. Jason abriu a janela.” “Como você confia em Bill? Eu não confio em vampiros. sentou-se no parapeito observando o quanto iria se machucar com a queda. “Não tem escolha. não foi culpa dele. desde então Sookita procurou cuidar o máximo possível dele. “Ninguém teve culpa. muito legal. foi uma fatalidade.” “Não tenho culpa se não conheceu seu pai. Bill puxou Jason de uma vez o jogando do outro lado do quarto.” “Jason não.”. não gostava de ver Jason desse jeito. Mas.” “Ele não tinha bebido naquele dia. Preferia cair e quebrar o pescoço a ser levado pelo vampiro.. cedo ou tarde vai descobrir a verdade. ela foi arremessada ao chão. abraçou Jason..” Ele virou rapidamente acertando Sookita com o corpo. “Então. teve a ideia de ir pela calha da casa até um cano de agua que descia até o chão.”.”. eu pulo a janela. “Jason.” Jason empurrou Sookita com força.”. os dois tiveram que sair da cidade que moravam e se mudar para Vale de Los Sanguijuelas para viverem com a avó Adele. estava abrindo quando ela o puxou pelo braço tentando impedir de cometer mais uma loucura. ele dizia para si mesmo. dou um jeito.Escravos do Amor – Segunda Temporada isso.. uma lágrima desceu pelo rosto dele. ele disse empurrando a irmã levemente. Meu pai era legal. terá que confiar nele se quiser sair daqui vivo. Bill está esperando por você lá embaixo.

Delilah disse cortante. Eric. Sookita respirou aliviada quando o irmão foi contido. “Sabe que esse seu drama não funciona comigo. Jason não se moveu mais. Sinto um pouco de culpa por quase deixarmos você escapar de nós. Só o seu noivo poderia salvá-lo da Autoridade e de Eric. Eric observava através do espelho na sala de interrogatório da Autoridade. Santiago. Por favor!” O vampiro começou a hipnotiza-lo. “Fez um bom trabalho.”.”. “Acha mesmo que estou preocupado com isso? Fiz meu trabalho. vai me matar. O rapaz tentou um último apelo com a irmã: “Sookita. por favor. Eric havia perdido a conta dos socos.”. 165 . Estava tão absorto com a cena que nem reparou quando Santiago entrou na sala seguido de sua fiel companheira.” Santiago coçou a cabeça careca. “Só confirmou que era policial. apontou para a sala onde o traficante estava apanhando. Santiago se aproximou. “Demonstre respeito. a vampira o provocou. Delilah. cruzou os braços irritado. Santiago fez um aceno para ela se calar. -----------------------------O rapaz estava cansado. não tinha mais o que responder. continuou olhando para Leroy e o traficante. apenas concordou com a cabeça ao ouvir as palavras de Bill. “Tivemos algum progresso?”.”. não deixe ele me pegar. “Fizemos bem em te poupar na tortura. “Ele não sabe a identidade da pessoa que vendeu o V. estava sem paciência para aturar as ameaças de Santiago e Delilah. Jason não tinha razão para ter medo. “Delilah. podemos te mandar de novo para a tortura. retrucou.”.Escravos do Amor – Segunda Temporada saltou perto dele. Eric estava encostado no vidro ainda de braços cruzados. não devo mais nada a vocês.”. Delilah ficou impaciente esperando pelo que ele iria dizer.”. o pegou pelo braço fazendo com que ficasse de frente. obrigado.”. ficou pensativo por alguns minutos olhando para o rapaz do outro lado. “Estou inteiro. disse Eric. Leroy desferiu mais um soco no rosto no traficante.

“Sookita seria essa pessoa.” A vampira concordou saindo da sala em seguida. “Não temos que perder tempo com humanos complicados.”.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Tem uma pessoa que poderia descobrir a identidade.” “Qual o problema de ser um pouco simpático com o próximo? Godric não te 166 . Delilah gemeu ao lado dele.” “Delilah. Mas. olhou para Eric. só faltava Santiago também ter se apaixonado pela telepata. “Terá paciência ao procurar em todas as delegacias da cidade?” “Faço qualquer coisa para descobrir quem atirou em minha cabeça naquela noite.”. Santiago voltou sua atenção para Eric perguntando: “Onde está Bastian? Ele não voltou com você.” “Nenhum. “Qual o seu problema em me colocar com outras pessoas? Sempre fiz tudo sozinho. nunca precisei de parceiros. ele disse com um sorriso de canto. “É só chamar o Pedro. ela deu um cutucão em Santiago. pensou. meu caro Viking.”. Quero que vá com Eric depois cuidar desse assunto. pensei na praticidade. Usando Pedro só teremos o retrato-falado. “Não precisamos envolver Sookita nisso. se eu fosse apontar um culpado.”. chame Pedro. disse friamente.”. “E quem seria?” “De novo não. graças a ele que minha sorte andou mudando. Santiago. disse de maneira enigmática.”.” “Com ela seria mais rápido. ela já viu o suficiente para não querer voltar aqui.”.”. já usamos ele várias vezes. ele disse encarando Eric por baixo dos pesados óculos. Eric revirou os olhos.” “Está tudo bem com ele. não se preocupe. E ultimamente não anda dos melhores. “Por acaso quer me tornar sociável? Me conhece perfeitamente para saber que meu temperamento nunca mudou. seria apenas o seu temperamento.

Santiago respondeu rapidamente. precisava de todas as informações para descrever o perfil do policial. Leroy se afastou contrariado. “Mande Leroy dar um pouco de sangue para ele se recuperar. disse sem emoção.”. “Não sinto falta de nada. assim como Eric. Delilah entrou na sala. fez um sinal para o homem entrar na sala com Leroy e o traficante. estava contando os minutos para sair daquela sala e descobrir logo quem era a pessoa. Os dois foram interrompidos por Delilah que voltou com Pedro logo atrás. apontou para cima. pegou a cabeça do rapaz e deu o próprio sangue do pulso para ele. 167 .. parecia que todos as sua volta estavam com cisma em puxar assuntos indelicados e fazer perguntas complicadas para ele. disse com uma voz distante.”. “Interrompi alguma coisa?”.” “Não vejo problema em ser simpático. perguntou engolindo em seco. fiquei sabendo que ela está na Ásia. paciência não é o forte. vários lápis e sentou-se em frente ao traficante. Eric ficou estático.” “Sente falta dela? É isso?”..”. Santiago respondeu. “Ele é rápido?”. perguntou Eric. carregava uma enorme maleta de onde tirou um bloco de papel.”.Escravos do Amor – Segunda Temporada mandou para mim sem querer.”. nada de muito importante. “Vai depender de como o rapaz descrever.”. mas para quem já viveu tanto anos. “Também achei. perguntou ao ver o rosto dois vampiros. “Não. Estaria com a aparência vulnerável ou realmente não era seu dia sorte? Pensou desconsertado. sua cabeça quase atingia o teto. “Eu sinto muita.”. Santiago e Eric observaram o vampiro Pedro entrar na sala. respondeu sem olhar para Santiago. “Ótimo pra ela. disse para Delilah apontando em seguida para o traficante. um de nossos chefões sabe muito sobre ela.

Alcide não estava mais em seu pé. quem está dirigindo sou eu. Ainda não tinha passado a raiva do que aconteceu aquela vez no bar. ele sorriu. “Hoje eu sou o gostosão.” “Já que hoje é o gostosão. Bateu no vidro ansiosa. não foi visitá-lo. sorte que tinha tomado um banho. “Feliz em me ver?”. Abriu novamente o notebook que estava no criado-mudo. desde sua briga com Eric na festa de noivado. não havia nada que a interessasse. Bastian perguntou apoiando os braços na porta. o sorriso que encontrou não foi o de Eric. evitava pensar no lobo o máximo que podia. soltou uma risada maldosa. como disse. O vidro desceu lentamente. não o tinha procurado mais e suas noites haviam ficado mais tediosas. “Quem te deu permissão para usar esse carro? Não sabia que já tinha idade para dirigir. mas de vez em quando sentia falta de provocá-lo. o barulho chegava cada vez mais perto. ele apoiou para fora da janela. pivete. Talvez ele sentisse falta do sexo como ela e a veio procurar. Pulou da cama abrindo a janela ao lado com um enorme sorriso. principalmente isso.”. “E não é seu.” “Mas. por que não usa seu poder de sedução 168 . Não queria admitir. e provavelmente bancando a boa samaritana ficando noite e dia chorando na beira da cama do hospital. Sempre Sookita no seu pé. pensou esfregando as mãos. Nem tentou sair pela porta. mas não deixava de ser uma companhia interessante e tinha se acostumado com o sexo. sentou-se na cama esperançosa. Lembrou-se do que aconteceu com Sam. Jessica pulou a janela correndo até o carro. ------------------------------------Jessica estava deitada em sua cama.”. Quando ouviu o barulho de um motor potente. viu a Lamborghini atravessando velozmente a alameda até a frente da casa. Não que sentisse algo profundo por ele. estava limpa e cheirosa. soltou uma gargalhada. não tinha dúvidas de que era Eric. para o horror de Jessica. “Por acaso eu bati em alguma coisa? O carro está intacto. e o rosto começava a se formar no papel. pronta para o abate. a única pessoa da região que possui um carro como esse é Eric.”. Só esperava chegar cedo ou tarde a notícia de que ele havia se matado por ficar longe dela e de Bill. Se chegar mais perto irá até sentir o cheiro de Eric em mim.Escravos do Amor – Segunda Temporada Minutos depois o rapaz respondia as perguntas do desenhista.

bateu a cabeça na porta enquanto sentava novamente no carro.” Ela não pegou a calcinha de volta. até que te achei fofo naquela noite. é esse carro que faz as mulheres ficarem doidas. ele colocou a mão no bolso da calça jeans e tirou a minúscula calcinha dela. “O que você tomou hoje para me tratar tão bem?”.” “Sabia que Eric não era tão gostoso assim. Bastian ficou afobado diante das palavras dela. “Esperava o momento certo para te devolver isso.”. cruzou as longas pernas com dificuldade. Jessica entrou no carro lentamente.” “Abra a porta. Preciso urgente de um contato feminino. ao invés disso para a surpresa dele. você só me pareceu mais atraente dentro desse carro. “Para você colecionar. “Nada. o vampiro cumpriria bem o papel idiota do outro. perguntou enquanto guardava as duas calcinhas em cada bolso da calça. “Eu sabia que tinha gostado de mim. ele segurou a calcinha dela como se fosse um troféu. perguntou curiosa. Jessica levantou um pouco o vestido e tirou a calcinha que estava usando.” “Cara. “Pode entrar. vou entrar. estava usando um vestido rosa seco bem curto. apertou o botão para levantar a outra porta. Se ainda respirasse estaria sem fôlego.”. ironizou. provocou. disse sedutora. o carro de Eric era um pouco apertado. 169 .”. “Sabe. “Por favor. seja boazinha comigo hoje. já que não tinha mais Alcide.” “E como conseguiu a façanha de pegar esse carro?”. pode ficar com as duas.Escravos do Amor – Segunda Temporada com alguém que tenha ao menos seu tamanho?”. hoje é o melhor dia da minha vida.”. talvez a sua noite não continuasse tão tediosa. estava parecendo uma criança que havia ganhado um pirulito. ele disse excitado olhando no retrovisor passando a mão no cabelo ralo.”. Olhou para ele.

“Se contar a verdade. apertou a mão na coxa dele.”. ela o puxou pela jaqueta e encostou os lábios nos dele. disse desesperado.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Eric me chamou para pegar mulheres na balada.. mas a vontade de tê-la por perto falou mais alto. disse várias vezes que iria me comer se quisesse. antes de tudo sou muito macho.”. ela deu um tapa na mão dele. ela farejou o ar. o largou e riu novamente. é assunto confidencial. espere. disse meneando a cabeça.. pode ser dar bem pelo resto da noite. encostou-se no banco de tanto que ria. 170 . Em seguida. “Jessica. estava muito ocupado. “Que pena.” Jessica começou a rir sem parar.”. não podia contar.” “Fomos a uma orgia procurar um traficante de V.”.. deu uma piscadinha para ela. Se é que me entende. mas ele ficou. ela passou a mão na coxa dele. ela mexeu nos cabelos. “Participaram da orgia?”. disse colocando a mão em cima da dela. “Estávamos resolvendo algo para a Autoridade. “Você?”.” “Não beijou coisa nenhuma. no final ele me pediu para levar o carro.”. Antes de Bastian esboçar qualquer reação. “Eric seria mesmo capaz de me trocar por você?”.”. “Eric te beijou. “O que você quer saber?”. ela levantou a porta do carro e saiu. disse com nariz empinado. “Fui obrigado a ver pinto à noite toda.”. não posso falar mais que isso. disse constrangido. “Igual está agora?” “Não..”. ela apontou para ele. Esperava ouvir de tudo. “Sinto mesmo o cheiro dele em você. disse incrédula. “O que fizeram juntos. “Ficou excitado?”. segurou o braço dela. “Não posso.”.” “Boa noite. menos isso.”.”. ruiva. “Era uma orgia gay.

jogou um beijo para ela.”. Precisam de mim agora? Sério? Puta merda. ele deu um soco no volante. ele riu muito essa noite. “Era Eric?” “Santiago. Bastian atendeu rapidamente. disse apertando o volante. “Até os policiais são corruptos. eu volto depois..” “O que vai fazer em uma Delegacia a essa hora?”.”. ele desligou raivoso. Recuperamos um monte de V roubado. sei o quanto Eric tem ciúmes desse carro.” “Assim você me magoa. perguntou curiosa. “Procurar o traficante de V. disse saindo do carro novamente. “Tenho que ir.”.”.” “Eu esperava que desse outra coisa também.” “Bem. eu preciso ir.” “Está me dispensando?”. “Vai amanhecer.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Devo ficar preocupada?” “Sou mais divertido que você. coçou a cabeça. fazendo um sinal para Jessica esperar. Pam está aqui do meu lado.” “Acho melhor voltar antes que ele chegue.”. te dei minha outra calcinha. disse surpreso.”. estou indo. só faltava o traficante. claro. “Tem a ver com aquela orgia que eu e Eric fomos.” “Maldito trabalho. Achei que ficava lambendo o saco do Santiago.. “Não pode reclamar. poxa. olhou para ela. Bastian deixou o 171 . agora sabemos quem é pelo menos o emprego dele. prometo. “O que? Estou na boate.” “Não sabia que você fazia esse tipo de trabalho de campo.. Jessica balançou a cabeça conforme ele deu partida no carro. vou curtir o resto da minha noite. Mas. O babaca é um policial. claro.” O celular dele começou a tocar uma música de rock pesado.”. eu como não tenho o que fazer mesmo.. “Qual delegacia? Sim.

sinal de que logo amanheceria. ele ficará no quarto até segunda ordem.”. já vai amanhecer. Irei intermediar a transferência. Jason também é minha preocupação. Jason Ricky. disse ironicamente. Jessica. deu um sorriso sem graça. olhou para a mala “Ele será transferido para outra cidade. Jessica largou o frasco e correu para a entrada da casa.” “Desse jeito irá conseguir um lugar no céu.” Bill pegou Jason pelo braço e caminharam juntos na direção da escada. pegou um TruBlood no armário e o aqueceu no microondas.” Jason fez um aceno tímido para ela.”. Carregava uma mala.Escravos do Amor – Segunda Temporada motor afogar. parecia bastante machucado com vários ferimentos no rosto. Colocou a mão na cintura e disse: “E desde quando você cuida dessas coisas?” “Desde que resolvi me casar com a irmã dele. 172 . disse distraído. a vampira o encarava com os olhos faiscando.”. Dessa vez ela entrou pela porta da entrada principal.” Jason se moveu incomodado. “Vai viajar com ele?”. foi até a cozinha.”. Deparou-se com seu pai e um rapaz. A porta da frente abriu. querido pai. disse impaciente. “Vá para seu quarto. Jessica o encarou de cima a baixo. “Quem é esse?”.” “Quantos dias ele irá ficar aqui? Preciso saber para não andar pelada pela casa. sorriu para Jason. Ficou bebericando enquanto observava a noite lá fora que começava a ficar alaranjada. “O que aconteceu com ele?” “Tentou se defender de uns bandidos quando estava trabalhando. “Agora não. “Não se preocupe com isso. e depois partiu em alta velocidade. “O irmão de Sookita. apontou com a cabeça na direção de Jason.

173 . pensando no motivo de seu pai tratar pessoalmente de um assunto tão comum. E se Jason fosse o policial que estavam procurando? A cabeça dela estava fervilhando de perguntas. ela caiu no sono conforme as persianas eram fechadas automaticamente. e pelo jeito teria mesmo um motivo para procurar Eric. excitação percorria o seu corpo. Com esse pensamento. algo caiu como um raio em sua mente. Talvez o motivo fosse mais forte para seu pai tratar do assunto dessa maneira. Jessica correu para o seu quarto.Escravos do Amor – Segunda Temporada Jessica os acompanhou com o olhar e gritou divertida: “Boa noite. Nos esbarramos por aí.” Ele acenou para ela com um sorriso. talvez Jason precisasse fugir da cidade e estivesse envolvido com alguma coisa. Sabia do irmão policial de Sookita. De repente. Jason Ricky. mas nunca tinha se encontrado com ele antes.

Escravos do Amor – Segunda Temporada Capítulo 26 Revelações Action is the enemy of thought. 174 .

ela também dormia pouco.” “Sem contar com os que não sabemos. apenas o conhecia por conta da Autoridade e da fama que tinha. evitava a todo custo dormir mais de quatro horas por dia. Estava tão cansada quanto Eric.” “Hipnotizaram o lobo também?”. quem contou. havia outra pilha de papéis em seu colo e no sofá ao lado. como bom cavalheiro. seu criador. Nunca teve muito contato com Eric. ou melhor.Escravos do Amor – Segunda Temporada Eric observava desolado a montanha de papéis em cima de sua mesa. ele perguntou ignorando a pergunta.” “A tendência é piorar. Mesmo sentindo sua mente sucumbindo pela falta de descanso. Delilah estava sentada do outro lado da mesa.”. tem algum ninho recente na região?” “Não que eu esteja sabendo. infelizmente os humanos ainda conseguem sair por cima de tudo. ainda estão procurando quem a atacou. Muitos deles são envolvidos com o tráfico. não nutria um sentimento amigável por Eric pelo que fez no passado ao seu criador. apenas achei estranho o ataque recente de um vampiro. Tudo que sabia foi Santiago. “Por acaso. ele remexeu nos papéis procurando pelo retrato-falado. “Está se referindo a telepata? Santiago me contou o que aconteceu. agora percebia quanto o garoto foi minuciosamente treinado por Santiago. “Não imaginei que Vale tinha tantos policiais jovens. Será que seu notebook era seguro? Eric pensou preocupado. Dividiam o escritório como quarto. ela dormia no quarto particular dele no escritório. Essa era sua rotina fazia dias. e ele no sofá. não iria parar enquanto não encontrasse o policial. cobrindo nossos rastros. Eric o achava inútil antes de trabalharem juntos nessa missão. mas as leis dos humanos nos limitam em agir.” “Sabemos disso. colocava em cima das mesas os possíveis suspeitos e jogava o restante no lixo. ele respondeu rapidamente. “Reduzimos de 400 para uns 250. Não sabia das habilidades dele no computador e imaginava quantos sistemas teria invadido para a Autoridade. Ela virava as folhas velozmente. não aguentava mais procurar um rosto no meio de tantos. ela disse encostando a cabeça no sofá. Bastian havia provado a sua competência quando invadiu o banco de dados da polícia na capital. 175 . por que? Descobriu alguma coisa?” “Nada de muito importante.”. por conta do ritmo dele. Praticamente continuamos como antes da Revelação.”.

continuavam sem pistas. sorriu de volta para ela enquanto observava o rapaz desenhado. minha pilha de suspeitos só aumenta. seria de grande ajuda. “Se ele fosse eterno como nós. não estamos nem perto de descobrir quem fez isso. se não fosse policial.” “E muito menos esse maldito policial. Delilah se levantou e foi até a porta ver quem era.”. mais uma noite tinha sido perdida. Pelo o que andei sabendo. seu desejo pessoal falava mais alto. sorriu pra ele. e o principal. Eric pensou encostando-se à cadeira. bateu nos ombros dela e disse: “Pode deixar que eu cuido disso. Pelo jeito iria demorar em ter uma satisfação com esse caso. caminhou até Delilah. Delilah disse cansada.”.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Falamos com Bill. a situação em Tijuana teria sido outra. antes de fazer menção em atender. as duas vampiras conversavam rispidamente. e ainda nem sabia o que a Autoridade pretendia fazer com o policial. “Tem uns que são muito parecidos.” Eric começou a arrumar os papéis na mesa. entrou novamente no escritório para pegar seus 176 . Nunca o tinha visto antes. Mas. se não tivesse tomado aquele tiro. Eric balançou o retrato-falado.”. ele se prontificou de hipnotizar o lobo. mas até agora nada. talvez até se recusassem a matar para não levantar suspeitas dos humanos.”.” Delilah deu de ombros. provavelmente seria algum filho sustentado pelos pais ricos. Só que não adiantava remoer o que já tinha acontecido. Ele entendia que não era sensato entrarem numa briga contra eles nesse momento. Talvez esse pudesse ser um dos problemas. querer ter mais do que podia. agora teria que tentar tirar o máximo de proveito dessa nova situação e dar um fim no que deveria ter feito naquela fatídica noite quando invadiu o galpão dos traficantes. não teria tido a companhia de Sookita. “Já estão mostrando as fotos para o idiota?” “Sim. temos a eternidade para descobrir isso. a nova cocaína. era bonito e deveria fazer sucesso com as mulheres. Ele se levantou sem vontade. “Veja pelo lado bom. Eric escutou a voz irritante de Jessica do lado de fora. Continuamos amanhã. E V estava na moda hoje em dia. Seus pensamentos foram interrompidos por uma leve batida na porta.

“Foi só uma brincadeira boba. “Vai me dizer que se irritou com isso também?” “Eu não namoro. disse sem se alterar. Passou por Eric desejando boa noite e ignorou a ruiva propositalmente.” “Não tive outra escolha diante de suas atitudes estranhas.”. mas não. A vampira entrou usando apenas um sobretudo. “Bastian procurou você. sentou na poltrona novamente. ela disse fechando o sobretudo com raiva. sentou-se no sofá onde Delilah estava anteriormente cruzando as pernas de maneira sedutora. “Espero que também esteja.”. ele perguntou friamente. “Gosto de irritar Sookita.” “Eu estou muito ocupado. disse fazendo biquinho. disse irritada. Jessica.”. coisa que você não quer mais.”. fez uma careta ao dizer isso. revirou os olhos impaciente. bom saber disso.”. ele a encarou. teria uma conversinha com o vampiro assim que o encontrasse. pelo jeito. apenas isso. Arrumou rapidamente os papéis em cima da mesa. “Entre de uma vez.” “Não sou romântica. é 177 . “É com essa que está fodendo agora?” “Não que seja da sua conta. e estava querendo testar minha paciência naquela festa.”.” “De onde tirou que namoramos?”. “Ele quer me comer. não me lembro de ter usado com você nos últimos dias. “Sabe que não gosto de ser provocado.” “Não sabia que deixava seus namoradinhos dirigirem seu carro favorito.” fez um gesto displicente com as mãos. não estou fodendo com ela.Escravos do Amor – Segunda Temporada pertences. ele disse irritado para Jessica. “E não gosto de ser passada para trás.”. ela abriu o sobretudo revelando que vestia apenas uma calcinha.”. Sabia bem disso quando deitou na minha cama. “Meu carro estava com seu cheiro.”. “O que você quer?” “Estou com saudades.”. “Não esperava que fosse romântica.

“Não ouse!”. “Sei que não gosta dela.” “Não precisamos mais perder tempo. Esperava exatamente esse tipo de conversa. Eric. como merece. “Também não gosto de você. quem mais eu poderia usar? É de você que ela gosta. e até o momento ele tinha feito quase tudo o que ela queria. disse franzindo o cenho. melhor esperar meu pai chutá-la para fazer isso.” “Só não me use nesses seus joguinhos tolos.”. seria interessante roubá-la dele de uma vez. mas só ela sabia que ainda não havia dado o tiro de misericórdia. 178 . “Como sabe que estamos procurando alguém?”. ele riu com prazer. Eric era apenas mais um que ela gostava de manipular. ele meneou a cabeça. e iria saborear cada reação no rosto dele quando soltasse a bomba. “Se não fosse tão chato comigo. ela apontou para os papéis em cima da mesa. disse em tom de ameaça.”.”. disse horrorizada. se é isso que deseja. inclusive ido a festa de seu pai. por favor. disse em tom gélido.”.”. eu contaria algo que te ajudaria nessa busca toda. “E nem é isso que eu quero.” “Saiba que compartilho do mesmo sentimento. mas o sexo era a única arma que precisava nesses casos. “Já tive o que queria de você: Sexo.” “Seria humilhante para seu pai? De repente.” Ele recostou-se novamente na cadeira. colocou as duas mãos atrás da cabeça com um sorriso cínico.”. “Não vou roubá-la de seu querido pai. não é mesmo?”. Quem sabe não entra em um convento de uma vez.Escravos do Amor – Segunda Temporada diferente. “Sookita ficará sozinha. está perdendo seu tempo aqui.” “Ah. seria muita humilhação pra ele. ele indicou a porta de saída. Jessica levantou de uma vez do sofá caminhando até a porta. soltou uma risadinha maldosa. Ele podia não gostar dela. nem queria pensar nisso.

“Diga logo o que você sabe. papéis voaram para todos os lados.”.”..”. “Procure!” “Espere. “Você só vai embora quando eu mandar.” “Onde posso encontrá-lo?” “Te dou uma mão e você já quer o corpo todo. ele disse baixinho o suficiente para ela ouvir. disse indo em direção a porta.”. ele disse raivoso. escondia a mão que estava tremendo de tensão. ele a jogou em cima da mesa. Poderia ser mais uma armadilha de Bill. disse com um sorriso cínico.”. ela se aproximou da mesa novamente. da mesma maneira que não era coincidência Jessica contando isso para ele.. “Talvez eu deva dar essa aqui pra ele também.” Eric demorou alguns minutos para digerir essa nova informação. ela retirou a calcinha jogando na direção dele. hein?”.”. saiu do escritório batendo a porta.. afastou um pouco a cadeira e bateu com um das mãos na mesa em frente a ele.” “A gente se vê. de repente ele pode te ajudar a encontrar quem procuram. mas não iria agir impulsivamente sem ter como confirmar.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Bastian não resiste as minhas calcinhas.” “Não é nada demais. “Onde encontro o irmão de Sookita?” “Você muda de ideia bem rápido.. “Você deveria conhecê-lo. ele disse evitando encará-la. sua mente não entendia esse repentino ato bondoso de Jessica.”.”. só poderia ter algo por trás dessa história.”. dessa vez iria com cautela. disse suavamente enquanto o puxava 179 . ela colocou um dedo na boca. Eric abriu a porta em questão de segundos trazendo Jessica de volta ao escritório. “Tem sim. Ele fechou a porta em seguida quando atraiu os olhares de vários curiosos com a cena.. está fazendo uma coleção delas. “Não sabia que ela tinha um irmão. ainda mais vindo da boca de quem veio. Sookita e um irmão policial não poderia ser coincidência. “Sente aqui. e muito simpático por sinal. parou em pé do outro lado em frente a ele. Uma onda de ódio percorreu o seu corpo.. “Sookita tem um irmão policial.

Escravos do Amor – Segunda Temporada

pela cintura com as pernas. “Apenas quando sou provocado.”, ele se deixou levar por ela, abriu o sobretudo dela sem gentileza, percorreu com as mãos do pescoço até o vão entre os seios. “Não respondeu a minha pergunta.” “Se continuar assim talvez eu responda, talvez não... vai depender de você.” Ele desceu o zíper da calça com um sorriso de canto, a encarava furiosamente, não havia paixão, apenas desejo. E no fim da noite esperava ter as respostas que buscava. -----------------------------Sookita estava exausta naquela noite após atender tantas mesas, ultimamente o bar vivia lotado. Fazia quase duas semanas que Sam foi brutalmente atacado naquele mesmo lugar. Ela havia fechado o escritório dele desde o acontecido, a mancha de sangue ainda era visível no chão, mesmo após limparem tanto. Ela o visitava no hospital todos os dias, não conversavam muito, pois Sam se cansava, tinha dificuldades sem uma parte do pulmão. Mentalmente ela xingava Jason em todas as vezes que via Sam respirar com dificuldade. Seu irmão era parcialmente culpado pelo que aconteceu, e agora estava vivendo em outra cidade distante o suficiente para não ser morto. Bill havia cuidado de tudo com eficiência, não teve dificuldades em conseguir a transferência de Jason. Sookita ainda se lembrava do dia que os dois passaram em sua casa para se despedir de seu irmão, sentiu uma dor intensa ao dizer adeus para ele, não sabia quando o veria novamente. E ele não devolveu o mesmo carinho, se despediu friamente com apenas um aceno de cabeça. Não a perdoava por tê-lo entregado para Bill, mas ela não teve alternativa, era isso ou morrer nas mãos de Eric. Infelizmente cedo ou tarde ele descobriria, ainda mais agora que a Autoridade estava investigando. Cuidar do bar estava sendo seu alento, passava o dia todo ali, trabalhando e cuidando de todo o funcionamento. Agora o uniforme era diferente desde que parou de trabalhar, todas usavam short jeans curto e uma camiseta amarela com o nome do bar em preto bem no meio do peito. Ela ficou com vergonha de imaginar que sujeitou as garçonetes usarem aquele vestido amarelo antiquado. Sam fez bem em mudar assim que ela saiu, não que gostasse de usar short curto, mas parecia bem mais moderno. E os clientes haviam aprovado a mudança com grande prazer, ela e as outras moças sempre recebiam olhares de admiração conforme serviam as mesas. Assim como pensamentos carregados de vontades sexuais, ela evitava ouvi-los o máximo que podia.
180

Escravos do Amor – Segunda Temporada

Quando acordou essa manhã havia decidido caminhar até o bar, por sorte não era muito longe, apenas uma hora de caminhada. Fazia isso três vezes por semana na esperança de manter a forma, e continuar entrando naquele short apertado. Usava os de Tara que era bem mais magra do que ela. Lembrou-se da amiga com tristeza, não se falavam desde a discussão. Tara não apareceu mais no bar desde o dia que Sam pediu para Sookita tomar conta de tudo, não sabia se ela tinha se acertado com ele, apenas não deu mais notícias. De vez em quando a via passando ali por perto na companhia de uma moça muito bonita, provavelmente trabalhava no Martillo junto de Tara. Afinal, lá só trabalhavam pessoas bonitas como o dono, lembrou-se das palavras dela naquela tarde distante nesse mesmo lugar onde estava parada agora no bar. Havia poucas pessoas terminando de comer um lanche ou bebendo. Já eram quase dez da noite, logo o bar fecharia e ela ainda teria que esperar por um bom tempo o ônibus para voltar, não arriscaria ir embora a pé. Passava o pano no balcão enquanto se despedia com um aceno de Arlene, a nova garçonete contratada no lugar de Tara. Alcide estava num canto do balcão bebendo o décimo copo de vodca na noite. “Não é hora de parar, Alcide?”, ela perguntou tirando o copo de perto dele. “Eu estou pagando, quero mais.”, ele bateu com força no balcão mostrando o dinheiro. “Você não era assim.”, disse com a voz fraca. “Ainda não encontrou outro emprego?” “O Senhor Bill me compensou muito bem... estou cheio de dinheiro.”, ele abriu a carteira com um bom maço de dinheiro. “Guarde esse dinheiro, invista em alguma coisa útil. Não pode gastar tudo com bebida.” “Pra que? Eu perdi o que mais amava.”, ele disse jogando a carteira em cima do balcão. “Pegue pra você... tenho nojo desse dinheiro.” “Se amava tanto assim trabalhar para Bill, por que fez aquilo na festa?”, perguntou curiosa. “E, por favor, não quero seu dinheiro.” “Não é o Senhor Bill apenas, ele me salvou aquela vez... sabe? Sempre serei grato, se não fosse ele eu teria sido trucidado por aqueles outros vampiros. Nem todos são como o Senhor Bill, grande vampiro... grande...”, ele disse
181

Escravos do Amor – Segunda Temporada

soltando um arroto. “Desculpe...”, bateu no peito sem graça. “Eu não queria amar ela como amo... não queria.” “Você ama Jessica, eu já desconfiava...”, disse tristemente, imediatamente lembrou de sua paixão por Eric e se viu quase no mesmo lugar de Alcide, felizmente não estava se embriagando pelos cantos. “Pode encontrar alguém melhor que ela, alguém que te ame de verdade.” “Igual a senhora com o Senhor Bill?” “Sim, por isso escolhi me casar com ele.” “Fez bem... muito bem.”, ele tamborilou os dedos no balcão. “Mais um copo e prometo que vou embora.” “Tem certeza?”, olhou pra ele desconfiada. “De qualquer forma, daqui a pouco vou fechar o bar.” “Só mais um...”, ele juntou as mãos implorando. Tirou mais notas da carteira jogando em cima da mesa, em seguida a guardou no bolso da calça. “A última será por conta da casa, mas precisa me prometer que será a última, tudo bem?” Ele concordou com a cabeça alegremente. Sookita colocou mais uma dose no copo e o estendeu para ele. Pegou algumas caixas embaixo do balcão e caminhou para o fundo do bar. Ainda tinha algumas coisas para arrumar por ali, todos já haviam ido embora, só havia ela e Alcide bêbado. Provavelmente ela só iria sair perto da meia-noite, soltou um suspiro resignado. Mas, não poderia reclamar, ela quem havia escolhido fazer isso e Sam merecia todo o esforço. Ouviu um barulho no bar, desde o assalto haviam instalado um sistema de alarme sofisticado e câmeras na entrada e nos fundos. Alcide deveria ter caído e precisava de ajuda. Fechou a porta dos fundos, estava cansada e suada, mas mesmo assim correu até a entrada para ajudar o lobo. Para seu assombro, não havia Alcide caído e sim Eric parado na entrada olhando em volta curioso, como se procurasse algo. Ela parou de respirar por alguns segundos quando o viu ali imponente, todo vestido de preto como gostava, e mais bonito do que nunca para seu total desespero. Seria tão mais fácil se essa energia que ele emanava não a atingisse dessa maneira. Não esperava vê-lo mais desde aquela noite no labirinto, achava que o tinha dispensado com aquelas palavras cruéis.
182

Escravos do Amor – Segunda Temporada

Os olhos dele encontraram os dela, frios e distantes como sempre, mas não menos intensos. Ela desejou não estar vestida daquela maneira, parecia vulnerável usando esse short curto, como se passasse outra mensagem. Ele não disse nada, continuava lá parado como se esperasse alguma reação da parte dela. Sookita caminhou timidamente para trás do balcão com o coração pulando no peito. Maldito coração traidor, ela pensou desolada. “Estamos fechados.”, ela disse simplesmente. “Não estou aqui para beber.”, ele respondeu com um sorriso. “E o que quer?”, perguntou friamente. “Pedir desculpas.”, ele caminhou na direção do balcão. “O que? Não entendi o que quis dizer.”, disse afastando um pouco do balcão, queria ficar o mais longe dele possível. “Não acho que fui justo com você naquela noite do noivado.”, ele se aproximou mais ainda do balcão. “O que deu em você?”, disse assustada. “Por que agora quer se desculpar?” “Quando disse sobre o test-drive. Aquela não era você, e eu não tenho o direito de brincar com seus sentimentos como faço com as outras.”, ele colocou as mãos em cima do balcão. “Não tem mesmo o direito de brincar comigo como andou fazendo, e saiba que falei sério sobre o test-drive.”, disse empinando o nariz em desafio. “Ainda quer experimentar?”, ele levantou uma sobrancelha. “Claro que nã... não!”, gaguejou, sentiu ódio de si mesma por fazer isso. “Por que está sendo tão... gentil? Diga logo o que você quer!” “Não sou o monstro que pensa. Também sei ser gentil.”, ele sorriu novamente. “Começamos com o pé esquerdo.” “Desculpe, mas acho que prefiro seu lado monstro, combina mais com você. Sua gentileza me assusta.” Ele soltou uma gargalhada, balançou a cabeça enquanto ria. Ela nunca o viu fazer aquilo antes, não conseguia esconder a surpresa e o pavor diante dessa
183

Escravos do Amor – Segunda Temporada

mudança de comportamento. Esse outro lado dele era completamente diferente, um novo campo minado para ela percorrer. Sookita tentou se recompor diante da situação, não poderia ser tão amigável com ele, seria extremamente perigoso. Novamente os sinais de alerta em sua cabeça não paravam de surgir. “Eu... eu tenho que fechar o bar.”, ela não queria estender a conversa. “Eu posso esperar lá fora.” “Não... não precisa. Meu ônibus logo irá passar.”, ela disse caminhando na direção dos fundos do bar esperando que isso fosse o suficiente para dispensá-lo. “É perigoso pegar ônibus essa hora, posso te levar em casa”, disse um pouco mais alto para ela escutar. “Não veio voando igual ao Superman?”, ela perguntou sorrindo para si mesma conforme caminhava até o banheiro. “Dessa vez não, vim de carro caso precisasse de carona.” “Prefiro esperar meu ônibus, obrigada.”, disse irredutível. “Se prefere sofrer, eu tentei ajudar.”, ele disse enquanto caminhava na direção da saída. “Estarei te esperando quando chegar à sua casa.” Ela voltou às cegas para o bar, parou novamente atrás do balcão mantendo uma distância segura e perguntou irritada: “Por acaso está me perseguindo?” “Quem me persegue em sonhos é você, cara Sookita.”, ele bateu a porta com força antes que ela pudesse responder. Ao escutar o que ele disse Sookita saiu correndo em direção a porta, queria dizer pra ele que não tinha sido um sonho ou alucinação, Eric tinha razão quando afirmou que ela esteve com ele e o mordeu. Ao passar pela entrada tropeçou em algo grande e quase caiu no chão. Recuperou o equilíbrio segurando numa das pilastras, quando olhou para trás notou que Alcide estava desacordado no chão, ela tropeçou nas pernas dele atravessadas na frente da porta.
184

Escravos do Amor – Segunda Temporada

“Foi você quem fez isso com ele?”, ela gritou para Eric. O vampiro parou no meio do caminho até o estacionamento, olhou de lado para ela e respondeu: “Não, nem vi que estava aí.”, ele deu de ombros. “Não posso deixá-lo aqui, alguém pode roubá-lo.”, disse preocupada. “Chame seu noivo para vir buscá-lo.”, ele voltou a caminhar. “Eric, por favor, não custa ajudar.”, disse enquanto batia no rosto do lobo tentando acordá-lo. “Tranque ele dentro do bar, problema resolvido.”, Eric abriu a porta do carro e entrou. Não era má ideia, todas as manhãs era a primeira a chegar ao bar, Alcide já estaria recuperado e poderia ir pra casa, se é que ele tinha uma, ela pensou. “Ele é muito pesado, não tenho como arrastá-lo para dentro.” Eric bateu raivoso a porta do carro, caminhou sem vontade até onde os dois estavam. Pegou o lobo pelo colarinho e o jogou de maneira displicente dentro do bar. A força foi tanta que Alcide derrubou os bancos em frente ao balcão e deixou uma marca na madeira. “Está me devendo uma, Sookita.”, ele a encarou intensamente. “E sabe bem que cobro o que me é devido.”, passou por ela voltando até o estacionamento. Já era a segunda vez que lidava com o lobo caindo de bêbado, não estava gostando de bancar o bom samaritano. “Não te devo nada, apenas fez sua obrigação como homem, já que eu não poderia carregá-lo.”, disse fechando o bar. “Vai embora vestida desse jeito?”, apontou para o short jeans. “É meu uniforme de trabalho.”, disse olhando para a própria roupa constrangida. “Qual o problema?” “Nenhum.”, ele disse friamente. “Vamos, levarei você até sua casa.” “Não entendo por que fica insistindo, já disse que vou de ônibus, estou
185

” “O que quer comigo? Não tem motivos para ir a minha casa. não havia mais ninguém ali. “Desista.”. disse impaciente. pelo menos não estava completamente sozinha. Tinha Alcide dentro do bar. de repente seu processo de cura tinha começado. Sentou-se no banco.”. “Está me devendo uma por causa daquele lobo bêbado. Seu charme não havia sido o suficiente para dobrá-la. não sucumbiu a ele como das outras vezes.” “Nos vemos na sua casa. Ela viu o carro se afastando velozmente pela estrada. apesar de que a companhia de um bêbado era o mesmo que nada. Bill havia insistido em busca-la todas as noites.”.Escravos do Amor – Segunda Temporada acostumada. talvez fosse culpa de como a tratou nas outras vezes. tinha conseguido passar no teste. “Só quero me desculpar. Sentou-se no fundo. não vou aceitar sua carona.. Nada tinha saído como planejou. estava começando a se enervar com a insistência dele.” “Está desculpado. “Eu já disse. mas não queria aceitar a carona dele por nada nesse mundo. “Até daqui a pouco. esse horário só tinha algumas pessoas. não tinha mais como apagar o que aconteceu. Mas. Fechou a porta e ligou o carro. Pena que seu corpo não acreditava no que sua mente tentava produzir. Levantou a porta e sentou pesadamente no banco. Jessica estava fazendo jogo duro sobre o assunto. ele passou a mão nos cabelos. sentiu um peso no coração por não ter ido com ele. nem o sexo que tiverem na noite passada foi o suficiente para amansá-la. sempre no mesmo lugar. Sookita estava quase cochilando no ponto.”. ele balançou as chaves na mão. caminhou em direção a estrada que estava deserta por causa do horário. de vez em quando lia um livro ou apenas ficava pensando nos seus problemas.”. teria que descobrir sobre o irmão dela por outros meios. sabia que corria certos riscos. O ônibus demorou vinte minutos para chegar..”. Ainda o agradecia 186 . queria manter a independência o máximo que podia antes de se casarem. Eric fez apenas um aceno com a cabeça enquanto caminhava até o carro. Não teve dificuldades para encontrar um banco. observou pelo retrovisor Sookita indo até o ponto de ônibus do outro lado da rua. Já pode ir embora. Deu ré para sair do estacionamento. mas ela negou. ele colocou as mãos na cintura como se a estivesse desafiando para um duelo.

ele riu.”. “Não vou ficar conversando com você pela janela. disse se aproximando da porta. a face vermelha pela corrida e os pés doendo. pronto para atacar a presa. teria que pedir para a Companhia Elétrica trocar a luz de um dos postes.” “Já que vai ficar plantado aí fora. não gostaria de ouvir a resposta. tomar um delicioso banho. andava sob uma penumbra tropeçando várias vezes em pequenas pedras no caminho. 187 . disse com um sorriso. subiu a escadinha que levava até sua varanda. Sua avó não tinha errado sobre seu futuro marido. e desmaiar na cama só para acordar no dia seguinte. Agora ela estava suada. Admitia que não sabia lidar com ele quando parecia normal e não o vampiro feroz. melhor entrar logo de uma vez. retiro o seu convite assim que for embora. cuidando de sua avó e das loucuras de Jason. “Estava tentando me assustar?”. Começou a correr em disparada quando ouviu um barulho mais alto na floresta que circundava o caminho até sua casa.”. seria obrigada a descobrir. ele olhou em volta.” “Eu não fiz nada. Parou de uma vez perto da caixa de correio quando viu Eric apoiado no seu carro de rapper americano com um sorriso no rosto. “Deveria ter aceito a carona. Ela caminhava pela estradinha que levava até a sua casa.” “Tem certeza disso? Não ficará assustada ao me encontrar observando você dormindo igual aquele vampirinho dos filmes para menininhas?” “Bem lembrado. Ele realmente queria algo.”. Talvez não fosse mesmo uma boa ideia voltar sozinha nesse horário.”. “Não tenho culpa se sua casa é tão afastada. ”Não teve graça. Só queria chegar em casa. Sookita tinha receio de que passaria a vida sem amor. Ainda não tinha entendido a visita repentina de Eric. o medo começava a tomar conta de suas ações. nem ousaria perguntar se tinha acontecido outra alucinação. Antes de conhecer Bill. Colocou a mão no pescoço ao se lembrar de quando sofreu o ataque de Jessica. os barulhos a sua volta pareciam de seres sobrenaturais.Escravos do Amor – Segunda Temporada pelo que tinha feito por Jason e por aceitar a confusão de sentimentos que ela tinha por Eric. mesmo se não quisesse. ela gostou dele assim que o viu.

”.”. ele perguntou pegando a mão dela entre as suas. mas conseguiria suportar. só não vale colocar veneno. Colocou no micro-ondas para aquecer. Sookita sentou-se na cadeira do outro lado da mesa. respondeu sem graça. Por sorte mantinha vários ali para as visitas de Bill.” “Agora está brincando.. “Você parece um gigante dentro dela. disse divertido ao lembrar do ela fez com o senador na missão.” “Já ouvi muito isso antes. disse sorrindo. “Deixei tempo demais.”. Ele estava brincando sobre a missão que quase os matou duas vezes. O vidro estava muito quente. foi direto até a geladeira pegar o frasco. “Nã. ele era grande demais para sua pequena cozinha. Ela caminhou até a cozinha. “Acho que é melhor se sentar. puxou a mão rapidamente. “Bem aconchegante. não iria mais provocar e nem causar constrangimentos. esperou alguns segundos pelo apito e pegou o TruBlood para ele. Será que Eric teria sofrido uma lobotomia? Só isso explicaria essa mudança repentina de comportamento. ela balançou a cabeça meio confusa diante da brincadeira dele.. se arrependeu do convite no mesmo instante que saiu de sua boca. ele bebericou um gole do TruBlood. “Machucou muito?”. Não iria expulsá-lo sendo que estava tão amigável nessa noite e nem tentando seduzila. tomava quase todo o espaço.”. “Gostei da sua casa. ele fez uma pequena reverência. ela conseguiria pensar de maneira ordenada. ela apontou uma das cadeiras. “Quer um TruBlood?”. Ela abriu a porta da casa tentando esconder a tremedeira em sua mão. ela perguntou acendendo as luzes da casa. Acendeu a luz.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Agradeço a sua bondade. disse enquanto sentava na pequena cadeira. uma nas mãos do senador e a outra na Autoridade. ele se aproximou rapidamente e retirou o frasco com cuidado da mão dela. “Não conte com isso. antes que derrubasse no chão. não reparou se foi seguida por ele. a mão ainda doía um pouco. Seria difícil entender o que estava 188 . ela deixou esquentar demais. não foi nada. “Aceito. quando soltou um grito de dor.”. Começava a gostar um pouco desse novo Eric.”. Ele realmente tinha entendido o recado.”.”. Com ele sentado.”.

não poderia contar sobre Jason.. o gosto dele em sua boca. “Está escondendo algo novamente. Ela balançava uma das pernas sem parar. “Estou tentando descobrir uma maneira de te dizer. porém manter seu irmão vivo era mais importante. olhava para ela como no labirinto. “Por que está tão tensa? Se não tem o que dizer.” Ela levantou de uma vez sentindo o rosto queimando. acordo muito cedo amanhã. abriu os olhos a encarando intensamente. um misto de tensão e prazer invadiu seu corpo. “Eu preciso tomar banho. “Por que está perguntando isso?”. depois mudou de posição. Não queria ficar sozinha nesse mundo. como ela era também. Algo tinha acontecido e ela era covarde demais para contar ou tentar esclarecer. e que fazia parte de seus sonhos todas as noites. Sookita?”. Imaginou a mão dele em sua nuca. em seguida limpou com a língua o sangue no canto da boca. Sookita quase fechou os olhos esperando pelo beijo que viria. sem parecer loucura.”. acho melhor você ir embora. dessa vez ele não tinha culpa na acusação.. “Não tenho nada a dizer. tentou controlar as lágrimas diante das palavras dele.”.. Eric a encarou com um sorriso. Jason era sua única ligação com o passado e um pedaço vivo de sua mãe. “Estamos alucinando?”. já que andou aparecendo em minha casa e depois fingiu que não lembrou. “Me diga você. disse com um fio de voz. Eric jamais a perdoaria. com o rosto bem perto. “Fale antes que o pior aconteça. Desejava o toque tão familiar.”.Escravos do Amor – Segunda Temporada acontecendo essa noite. Ele se levantou. por mais que tivesse Bill. mas Eric a segurou pelo braço delicadamente impedindo que se saísse da cozinha. ele fechou os olhos por alguns segundos. as presas roçando em sua língua.. Talvez fosse uma nova alucinação e não tinha percebido.”. “Não suportaria outra mentira. apoiou o queixo nas mãos.”. ela perguntou quebrando o silêncio. ele perguntou com a voz baixa.” Ela fez menção de se retirar. 189 . ele sentou novamente na cadeira após soltar o braço dela.

pelo amor de Deus. só que em vez disso ouviu a confirmação de algo que nem imaginava. ainda fez sexo com ele. ele disse balançando a cabeça. “E ainda me mordeu duas vezes durante o sexo. “Isso eu não lembro. ele estava se divertindo com o pavor dela em ter perdido a virgindade. me fez passar por louco. tive a prova do que aconteceu.”. Minha fronha estava suja de sangue da noite anterior.” “Não disse que encontrou sangue no seu lençol?”.. “Como pode ter tanta certeza assim?” “Eu não acordei sangrando e nem com dor. Tinha enterrado no fundo de sua mente essa história de alucinação. afirmou.. ele perguntou tentando ordenar as ideias.”. era só isso que me faltava. nem sei explicar o que foi isso. acordei com uma baita dor de cabeça no dia seguinte. ele bateu na mesa. disse nervosa. sabia disso na festa?”. além de não ter sido um sonho.”. Esperava ouvir sobre o irmão policial.”.”. “Fale de uma vez. seu rosto estava em chamas novamente. “Estou ficando confuso com essa conversa. prometeu para si mesmo que iria esquecer e não procurar por respostas. ele abriu um sorriso de canto. alucinação..” “Mesmo assim fingiu que não sabia de nada quando perguntei.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Dizer o que?”. “Não.”. nunca iria imaginar que tinha estado com você durante o sonho.”. 190 . sentou na cadeira que estava antes.” “Não foi alucinação. realmente estive em sua casa.. “Juro que não estou louca. “Tenho certeza absoluta que ainda sou virgem. “Pensei que fosse outra coisa.”. não esperava que ela fosse contar sobre o irmão sem ser forçada. agora ele estava realmente tenso. soube quando cheguei em casa depois da festa. disse preocupada.. mesmo estando um pouco em dúvida depois do que aconteceu.. “Eu.

Sookita nem percebeu que estava andando para trás e quase batendo no armário da cozinha.” “Não tenho culpa. ele se aproximou dela. desviou dele rapidamente e foi correndo em direção a sala.” “Muito menos eu. “Não precisa fugir. ele estava parado no meio da sala assim que ela chegou na entrada. Sookita. muito sexo.” “Eu não costumo usar esse tipo de roupa. Como isso aconteceu? Eu não faço ideia. somos praticamente íntimos. nem ela tinha mais certeza disso.”. tentando esconder a excitação que estava sentindo. seu rosto ainda estava vermelho. ela não queria que ele fosse. eu não pediria algo assim. levantou da cadeira puxando a mão. é vulgar.”.” “É mentira. Estou sendo forçada graças ao emprego. “Eu te dei o que pediu. mas as coisas não poderiam continuar como estavam. Sou noiva. estava tão tensa que não conseguia tirar a mão debaixo da dele. “Esse teu short me distraiu a noite toda. “Como se isso fizesse diferença.”.”. “Sexo. ele passava o dedo no dorso da mão dela. não deveria discutir esse tipo de coisa com você.” “E o que foi que eu pedi?”.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Está me deixando constrangida com essa conversa.”. “Quando irá me visitar de novo?” “Nunca mais.”. “Melhor você ir embora. Quem apareceu na minha cama foi você.”. “Você esteve realmente lá. “Alucinar não é o termo certo. não é correto casar com um homem e alucinar com outro. ele tocou a mão dela em cima da mesa.”. ele deu de ombros. Ela jamais iria se acostumar com a 191 . “Não. esqueceu?”. tanto que não lembro de nada. a estava desafiando novamente como fez quando conversaram no bar. “Quer ajuda para tirá-lo?”. Se quiser podemos relembrar o que fizemos. perguntou baixinho. Ele se levantou também parando na porta da cozinha.”.

Escravos do Amor – Segunda Temporada

super velocidade dos vampiros. “Vou retirar seu convite.”, ela o provocou. “Isso é golpe baixo...” A campainha tocou trazendo os dois de volta a realidade. Sookita não imaginava quem poderia ser a essa hora. Bill sabia que ela dormia assim que chegava, e se viam ultimamente só aos fins de semana. Ela fez um sinal para Eric e foi em direção à porta. Abriu encontrando Lafayette, ele disse que precisavam conversar. Sookita fechou a porta atrás de si após sair na varanda. Eric não poderia negar que gostava desses jogos com Sookita, estava excitado e não queria ir embora de mãos vazias. Observava a sala atentamente, a casa dela era pequena e antiquada, não parecia moradia para uma jovem. Quando o olhar dele foi atraído para um porta-retrato em cima da televisão antiga que estava do outro lado da sala. Havia uma senhora no meio rodeada por Sookita e um rapaz jovem e loiro. Ele pegou o porta-retrato para ter certeza do que estava vendo, o jovem não era estranho, já o tinha visto antes. Talvez na festa de noivado e num certo retrato-falado que o atormentava durante dias. As mãos dele tremiam conforme observava a foto em detalhes, não ouvia mais a conversa entre Sookita e o outro homem lá fora. Seu foco era aquela foto e toda a mentira que continha nela. Ele nem percebeu quando começou a esmagar o porta-retrato com uma das mãos, o vidro espatifando, os pequenos cacos entrando na sua palma, o sangue escorrendo lentamente. Ele demorou a perceber que Sookita estava parada novamente na sala o encarando com o terror estampado nos olhos. Assim que a viu jogou com violência o que restou do porta-retrato do outro lado da sala, mas manteve a foto em suas mãos. Chegou perto dela empunhando a foto que tremia em sua mão. “Quem é esse?”, ele gritou. Ela se afastou apavorada, não sabia para onde fugir, e não sabia o que responder para ele. Tudo o que fez estava arruinado, ele havia descoberto seu segredo e seu irmão seria morto. Lágrimas começaram a escorrer em seu rosto, Sookita limpou desesperadamente. “Quem é esse?”, ele gritou novamente. Ela nunca o tinha visto tão furioso assim antes, não se comparava quando ele
192

Escravos do Amor – Segunda Temporada

descobriu a história da dançarina ou mesmo durante a tortura. Agora era diferente, mais profundo e doloroso, não era apenas uma mentirinha, era a maior mentira que ela havia escondido o máximo que conseguiu. Sookita sentia a tensão dele em seu corpo, a sala era pequena demais para conter toda aquela fúria. “É o seu irmão policial?”, ele fechou os olhos e abriu e em seguida. “Responda se quiser continuar viva.” “Sim...”, ela respondeu com dificuldade, sentindo que poderia desmaiar a qualquer momento. Ele apertou a foto nas mãos, as presas estavam a mostra. Olhou mais uma vez a foto, rasgou uma parte e jogou no chão aos pés dela. Em seguida foi embora da casa velozmente. Sookita ouviu a porta abrir, mas não bater, olhou para o chão e viu que a parte rasgada era o retrato dela.

193

Escravos do Amor – Segunda Temporada

Capítulo 27
O Desprezo
I've noticed the more we doubt, the more we cling to a false lucidity, in hope of rationalizing what feelings have made murky.

194

Escravos do Amor – Segunda Temporada

Eric pousou em frente ao prédio da Autoridade, criou um buraco no chão com a força do impacto. Dois guardas que estavam na entrada o tentaram impedir de entrar. Eric os empurrou na direção da porta, os dois vampiros foram jogados longe quando tocaram o piso de mármore. Um deles levantou rapidamente apontando a arma com bala de prata atirando várias vezes. Eric desviou das balas o máximo que conseguiu utilizando a sua velocidade vampírica, mas foi atingido duas vezes, uma no ombro e outra na perna. Cambaleou conforme caminhou até o guarda valente, retirou a arma sem dificuldade da mão dele, em seguida desferiu uma coronhada na cabeça do vampiro que caiu ao chão colocando a mão na testa ensanguentada. “Nunca mais me impeçam de entrar nessa merda.”, ele disse para o outro guarda que estava encolhido. Uma das recepcionistas engoliu em seco enquanto atendia o telefone com as mãos tremendo. Não ousaria provocar o vampiro Eric nem que fosse a última coisa que precisasse fazer. Do outro lado da linha estava um de seus chefes exigindo saber o que aconteceu na recepção. Ela falou baixinho o máximo que conseguiu, até que ouviu a ordem para liberar Eric. “O se... O senhor pode entrar.”, ela disse gaguejando para o vampiro. Eric deu de ombros caminhando até o elevador, apertou o botão várias vezes esperando que chegasse logo. Sentia as ferroadas das balas em seu corpo, apertava os lábios segurando a dor o quanto podia. Não era o momento de sucumbir pela dor, e nem de deixar para depois a confirmação que precisava. Finalmente após alguns longos minutos, o elevador chegou vazio. Ele entrou apertando o botão para o terceiro andar no subsolo, encostou-se na parede espelhada. Retirou a foto de seu bolso, observava o rapaz sorridente ao lado de uma idosa. Fechou os olhos pensando o quanto desejou descobrir quem era esse traficante, o quanto foi cego em não perceber que estava tudo na sua frente. Ele não sabia dizer o momento que deixou de ser esperto e caiu na conversa de uma mulher qualquer. Ele nem percebeu quando o elevador parou, a porta se abriu e do outro lado Leroy observava atentamente. Antes que a porta fechasse, Eric abriu os olhos saindo de seu devaneio, passou por Leroy sem dizer nada. “O está fazendo aqui sem ter sido chamado?”, Leroy perguntou arrogante. “Quero ver o prisioneiro.”, Eric respondeu friamente parando no meio do corredor, ainda de costas para o outro vampiro.
195

Escravos do Amor – Segunda Temporada

“Não está autorizado.”, ele se aproximou de Eric. “Descobri quem é o policial, só preciso confirmar. Chame Santiago.”, ordenou. “Quem é o policial?”, Leroy não se moveu. “Se eu soubesse, não estaria perdendo o meu tempo aqui. Qual é a cela dele?”, virou-se para encarar Leroy. O corredor pareceu encolher diante dos dois vampiros que tinham a mesma altura. “Eric, o que está acontecendo?”, Santiago apareceu logo atrás de Leroy com uma expressão confusa. “Preciso mostrar algo para o prisioneiro. É a primeira pista que temos em semanas.” “Poderia ter avisado, sabe que não gostamos de visitas surpresas. E ainda provocou uma confusão na entrada.“ “Não sabia desses novos protocolos.”, ele fez um movimento impaciente com as mãos. “Acho que ainda sou um funcionário de vocês, posso entrar a hora que quiser.” “Sabe de todos eles, só não se importa. Mas, não vou discutir nossas diretrizes agora com você.”, olhou para Leroy. “Traga o prisioneiro.” Eric abriu um sorriso quando notou que Santiago estava irritado, desde que se conheceram na Idade Média, tinha o prazer de tirar o monge do sério. Admitia que fosse algo infantil, mas sempre desprezou qualquer coisa que se relacionasse com algum tipo de Deus único ou religião superior e usassem isso como desculpa para queimar numa fogueira quem pensasse o contrário. Os dois vampiros notaram que Leroy foi buscar o prisioneiro extremamente zangado. Caminharam para uma das salas de interrogatório, Eric conhecia apenas algumas alas da Autoridade, não sabia o que acontecia nos andares abaixo do quinto. Sabia de algumas histórias sinistras, experimentações estilo Doutor Frankenstein utilizando humanos, até algumas envolvendo tentativas de reprodução sexual com outros seres. Ele acreditava que isso tudo era besteira, as mesmas teorias de conspirações que existiam entre os humanos. Os vampiros não eram tão diferentes assim em relação a essas loucuras, ele pensou ao abrir a porta da sala. Não demorou para Delilah aparecer junto de Bastian, Eric franziu o cenho
196

Escravos do Amor – Segunda Temporada

quando viu os três reunidos ali, ainda se lembrava o que aconteceu quando deram a punição para ele. Bastian de maneira estabanada encostou-se na mesa que se moveu quase o fazendo cair no chão. Santiago lançou um olhar de reprovação e Delilah cochichou algo no ouvido do rapaz. Eric apenas balançou a cabeça observando a cena, Santiago não era bom em escolher suas crias. Leroy trouxe o rapaz para a sala do outro lado do enorme vidro, colocou-o sentado numa cadeira. Eric reparou o quanto o traficante estava magro e com marcas de mordida em várias partes do corpo, principalmente no pescoço. A Autoridade não tratava muito bem seus prisioneiros, ele mais do que ninguém sabia disso. “Pode ir, Eric.”, Santiago apontou para a sala. “Só não faça nenhuma besteira.” “O que seria besteira para você?”, ele retrucou friamente. “Matar o prisioneiro seria uma delas.”, Santiago o encarou. “Não somos mais selvagens como antigamente.” “As marcas de mordida no rapaz dizem o contrário.” “Sem mortes dessa vez.”, disse severo. Eric chegou rapidamente na outra sala, nem ouviu direito as últimas palavras de Santiago. Leroy estava parado ao lado do prisioneiro como se fosse um cão de guarda. Quando Eric se aproximou, o rapaz se encolheu na cadeira, estava apavorado. Ele fez um movimento para Leroy se afastar: “Vá para o outro lado. Não vou fazer nada com ele.”, Eric apontou um canto da sala. Leroy se afastou irritado, provavelmente seria repreendido por Santiago se confrontasse Eric mais uma vez naquela noite. “Não me morda.”, o prisioneiro disse num fio de voz. Eric não respondeu, tirou a foto mais uma vez de seu bolso. Arrumou com as mãos os amassados que fez especialmente no rosto do rapaz. Ainda havia umas gotas de sangue na foto, mas dava para ver perfeitamente os dois rostos que estavam ali. Aproximou-se mais ainda do rapaz colocando a foto na frente dele.
197

Bastian. mas não teve coragem diante do olhar de seu criador.. havia perdido a noção de quanto tempo estava entre aqueles monstros.”. Santiago disse severamente enquanto limpava os óculos que estavam embaçados. “É simples. Antes que Leroy pudesse reagir. disse tentando conter a excitação. O rapaz piscou os olhos varias vezes ainda se acostumando com a claridade. não me dê ordens. a cabeça do traficante foi jogada aos seus pés. Santiago perguntou desolado para o vampiro. Delilah o olhou divertida. Leroy e o corpo sem cabeça do rapaz. ainda mais quantas vezes teve o seu sangue sugado.” Eric guardou a foto no bolso da calça.”. muito louco isso tudo. Era alimentado regularmente para manter a saúde e receber mais mordidas. Olhava com dificuldade para a foto na sua frente. ele perguntou ansioso. ele confirmou devagar com a cabeça. era o policial que o meteu nessa enrascada. “Cale a boca. o rosto sorridente que o encarava de volta não era estranho. a foto tremeu ligeiramente na sua mão. “Cara. Bastian do outro lado da sala olhava a cena sem acreditar. Segurou com as duas mãos no pescoço do rapaz como se fosse abraça-lo. “Vão me liberar agora?” “Eu irei te liberar. Santiago tentava se acalmar. sentia-se como um cego. “Quando irá aprender a seguir uma simples ordem?”.”.” “Pelo menos descobriu o que queria?”. Se tivesse alguém que não havia esquecido nesses dias de prisioneiro. 198 . Eric não demorou para reaparecer na sala todo sujo de sangue e com um largo sorriso.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Reconhece essa pessoa?”.. Sangue jorrou pela sala atingindo Eric.” “Tem certeza?” “Sim. Bastian quase cumprimentou Eric pelo show dado. balançava a cabeça de um lado para o outro. “É ele. Passava os seus dias numa sala escura.

mas ainda não sei onde está o policial. “Não irá precisar de ajuda para encontrar a pessoa da foto?”. Bastian perguntou quebrando o silêncio. olhou pelo vidro ensanguentado e notou que Leroy estava coordenando a limpeza da sala do interrogatório. igual aquele fantasma do Harry Potter.”.”. limpou o sangue dos dedos com a boca.” “Felizmente ainda não tem autonomia para decidir esse tipo de coisa.” “Não sabia que era chegado em historinha para crianças. mas não disse nada.”. “E pode deixar que dessa vez farei tudo sozinho. acenou para Bastian.” “Delilah não estava ajudando?” Ela concordou com a cabeça. acrescentou para Delilah. 199 . Bastian irá com você. vai ajudar.”. estava se tornando babá das crias de Santiago. “É difícil arrancar a cabeça? Tem alguma técnica em especial?”. disse Santiago. Delilah perguntou olhando para o bolso onde ele guardou a foto. Santiago ficou com Delilah na sala inspecionando a limpeza junto de Leroy. esperaria receber alguma ordem de Santiago. Eric estava em silêncio no elevador com Bastian também em silêncio do outro lado. “Não será necessário. Nada pessoal. como antes.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Sim. não era o que ele tinha em mente quando foi na Autoridade. “Vamos. “Sinto falta de ter só a minha companhia.”. Tenho que tomar banho para tirar todo esse sangue. “Não perderei mais tempo aqui. Eric balançou a cabeça inconformado.” “Não quero correr o risco de cortar meia cabeça.”. disse num tom de deboche. “Por que não tenta pra saber? Sugiro que tenha um motivo realmente forte.

O elevador chegou à recepção.. “Entregue a foto para ele ficar feliz e não te encher o saco. na hora certa. “Não arranquei a cabeça de ninguém para conseguir essa foto. deu uma última olhada e estendeu para Bastian.” “Como conseguiu?” “Recebi uma informação que estava correta. não de sua presença estabanada. ele perguntou curioso. ele disse encarando o rapaz.” Eric não deixou que Bastian continuasse a falar. “Por que tem sangue nela?”. ele tinha dado informações confidenciais para Jessica sabendo que não poderia..” “Santiago disse. “Posso ver a foto do policial?”.. Com uma das mãos impediu que a porta do elevador se fechasse e a outra apontou para o rapaz: “Você não irá comigo.”. “Nunca se pode revelar uma fonte.”. Fui no lugar certo. Eric retirou a foto vagarosamente.” “E quem te deu essa informação?” “Se eu te contar. Se alguém da Autoridade descobrisse ele estaria ferrado. terei que te matar depois.” Bastian confirmou com a cabeça timidamente. Daqui algumas horas irei te ligar passando o nome do policial. só quando eu mandar..”. não teria aquela velha discussão com o vampiro..Escravos do Amor – Segunda Temporada “Se você pensa assim. disse dando de ombros. Eric se moveu parando de frente para Bastian. principalmente com Santiago. Se fizer direito. Bastian engoliu em seco. perguntou apontando para o bolso dele. o interrompeu com um aceno irritado de mão. ninguém saberá que andou falando demais com a filha do prefeito.. “Não conte o nome para Santiago ainda. Ela passou outro dia no meu escritório e contou sobre um encontro interessante 200 . Precisarei de seus poderes tecnológicos. completou sussurrando.

Se não tivesse pensado com a cabeça de baixo e mais com a de cima.Escravos do Amor – Segunda Temporada entre vocês dois e o meu carro. De vez em quando Pam aparecia para checar como estava o funcionamento. talvez costurasse a própria boca. mas não imaginava que a ex-amiga iria descobrir tão facilmente. seja ela vampira ou humana. “Eu fui ingênuo. não havia momento para descanso. Desde que sua amizade com Sookita ficou abalada por conta da discussão grave que tiveram. Sabia que Ágata de vez em quando servia de jantar para ele. O seu patrão não era para o seu bico. --------------------------------Tara terminava de servir as últimas mesas da noite. Tara gostava de tê-la como chefe. todo dia na boate era dia cheio. Ele não conseguia manter segredo por mais do que cinco minutos. Colocou a bandeja atrás do balcão do bar. Jessica o tinha seduzido querendo informações. talvez ele fosse simpático até demais com ela. conversou algumas palavras com o barman simpático. havia mentido para Sookita na esperança de mantê-la afastada de Eric. Bastian não ousou perguntar o que aconteceu diante do rosto fechado de Eric. quanto o de vida fácil com seu primo Lafayette. Tara se aproximou cada dia mais de Ágata.” “Nem em Pam?” “Nenhuma. pensou olhando o vampiro a sua frente.”. Bastian coçou a cabeça desolado. mas não iria negar que gostava de ser cortejada.” O rapaz apertou a foto. nada disso estaria acontecendo. não podia reclamar. Eric saiu carrancudo e a porta do elevador fechou novamente. imitar as atitudes de Eric só o meteu em encrencas. Olhou para Ágata que estava do outro lado da boate atendendo um grupo de vampiros e fez um aceno. disse sério. ele disse com um sorriso de canto. mas era tão discreta que não 201 . a outra garçonete que entrou na boate para trabalhar um pouco tempo depois dela. Pam era chata. agora ele estava totalmente nas mãos de Eric. Tanto que Tara pode se dar ao luxo de largar o emprego com o Sam. Fez apenas um aceno com a cabeça. “Não se pode confiar em mulheres. arrogante e exigente. não porque estava afim dele. Bastian apertou o botão até o terceiro andar no subsolo.”. Teria que descobrir uma maneira de não contar para Santiago quando descobrisse o nome do policial. mas extremamente justa com seus funcionários e pagava muito bem.

colocou a mão no peito sentindo o coração disparado. estava apavorada. “Eu não leio mentes como a sua amiguinha.” Ouviu a voz dele do outro lado. “Não estou entendendo. Pam disse numa voz sem emoção. Deixaria esse problema para Sookita resolver.”. Nem queria imaginar de quem era aquele sangue. Normalmente era Tara quem mais falava do que Ágata. o que quer saber?” “Qual é o nome do irmão de Sookita?” “O que você quer com ele?”. provavelmente ela iria chorar para o noivo prefeito e tudo daria certo como sempre. Tara reparou que ele estava coberto de sangue. Não apenas em cima da mesa. desejou não ser demitida. Tara pensou com uma careta. olhou Tara de cima a baixo. aconteceu alguma coisa?”. Saiu em direção ao escritório.”. bateu levemente na porta e esperou. Pulou de susto quando sentiu uma mão gelada cutucando o seu ombro. Ela não teve coragem de entrega-lo para a policia ou mesmo para Eric. mas em cima do sofá e de uma das poltronas. perguntou preocupada.. mesmo Tara insistindo. abriu a porta vagarosamente. “Eric? Mas. Tara encarou Pam apreensiva. ele disse enquanto passava a toalha nos cabelos. aquele sangue todo poderia 202 . não faço ideia do que ele possa querer com você. e só vestia uma calça jeans meio gasta. “Eric está te chamando.Escravos do Amor – Segunda Temporada contava nenhum detalhe. “O que deseja comigo?”.. Eric nunca a tinha chamado para nada.”. “Entre. “Quero que sacie a minha curiosidade. inclusive ela sabia tudo sobre os problemas com Sookita. Estava absorta perto do balcão contando as gorjetas da noite que mal percebeu a aproximação de Pam. menos o assunto Jason. não estava entendendo o que poderia ter acontecido. Ele estava sentado imponente atrás da mesa do escritório que tinha uma pilha de papéis. ela perguntou com cuidado. se limpava com uma toalha.

Só havia a velha informação de Sookita ganhando um prêmio cristão na escola de freiras. Ele a segurou pelos ombros. Havia procurado por Montenegro na internet e não encontrou nenhum resultado. ela e o pai de Jason.” “O que aconteceu com o pai dela?” “Morreu logo depois que ela nasceu. como boa funcionária que é. não seria tão fácil assim conseguir respostas.” “Albuquerque? Por que o sobrenome é diferente?”.” “Quantos anos Sookita tinha quando isso aconteceu?” 203 . falou algumas palavras e sentou-se novamente jogando as pernas em cima da mesa e as cruzando em cima da montanha de papéis. “Só responda a pergunta. o mesmo resultando de quando a procurou meses atrás. “O que você fez?” Eric jogou a toalha em cima da mesa. “Pronto. caminhou até Tara calmamente.” “Por que está todo sujo de sangue?”. Ela tentou se afastar.. mas não conseguiu. sentiase compelida em responder tudo o que Eric perguntasse e somente poderia dizer a verdade.Escravos do Amor – Segunda Temporada ser de Jason ou até mesmo de Sookita. O sobrenome é dela. se ele tinha matado Jason. “O nome dele é Jason Ricky Albuquerque. responda qual o nome do irmão de Sookita?” Tara sentou-se na cadeira automaticamente. ele continuava se surpreendendo com essa história toda. ela poderia ser a próxima.” “O sobrenome Montenegro é da mãe dela? Onde ela vive?”. ele perguntou cada vez mais intrigado com o passado de Sookita. Pegou a toalha para continuar se limpando e indicou a poltrona para Tara se sentar. “ A mãe de Sookita morreu em um acidente. sua mente estava confusa.. “Ele e Sookita são irmãos por parte de mãe. os pais são diferentes.

estava na casa de Sookita. apontou para Tara.”.. “Primeiro. “O que quer?”.” Eric balançou a cabeça conforme ela respondia a pergunta. minutos atrás ele a estava cortejando.” Ele sabia que Jason não estava mais lá. abriu a porta do escritório e chamou por Pam. ele disse. Eric se levantou. Pam fechou a porta com o salto alto que estava usando. foram morar com a avó. Culpava parcialmente Lafayette pelo que tinha acontecido com Jason. olhava com tristeza para a sua foto rasgada no chão. Lafayette surgiu no momento errado procurando por Jason. não tinha como negar a 204 ..” “Quero que faça um pequeno favor. Nem imaginou que a sua noite acabaria dessa maneira. o barulho ecoou na boate toda por conta da força que ela bateu. depois a estava amaldiçoando.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Sookita tinha 10. Provavelmente estava escondido.” ---------------------------------------Sookita continuava estática na sala. Sookita sentiu vontade de mandá-lo embora com tapas. “Onde está Jason?” “Na última vez que o vi. Jason 7. mas dessa vez ele não teria dificuldade em encontra-lo. Respirou aliviada por ainda continuar viva e por ele não tê-la obrigado a contar sobre o paradeiro de Jason. dê um bom aumento para ela.”. estava mais do que nunca na pista certa. “O que mais? Nunca pede só uma coisa. pois na noite anterior não ouviu nenhum batimento além de Sookita e muito menos cheiro de outro humano.” “Eles já moravam aqui na cidade?” “Não. depois que os pais morreram os dois se mudaram para cá. só através da hipnose que conseguiria saber sobre tudo isso. Ela não demorou muito para entrar na sala. “Feche a porta. ela perguntou colocando a mão na cintura.

Notou que o carro dele continuava estacionado em frente à casa. não tomou o banho relaxante que tanto desejava. não havia tirado o uniforme. Lembrou-se de Alcide assim que abriu a porta da casa. Tomaria café da manhã no bar junto de Arlene. iria dormir ali mesmo na sala. pegou o seu retrato rasgado no chão que estava amassado. Mas. Na hora do almoço iria visitar Sam para saber como estava. Demorou em pegar no sono. Tomou um banho rápido. pelo que o 205 . teria que voltar para buscar de alguma maneira. passarinhos cantando e ela cansada da noite mal dormida. Caminhou novamente para a sala.Escravos do Amor – Segunda Temporada influência negativa dele em seu irmão. não passou maquiagem. iria com as olheiras enormes embaixo de seus olhos. Ela não contou onde seu irmão estava. isso ela tinha certeza. Seu coração acelerou ao imaginar que ele voltaria à noite para pegar. Passou a mão algumas vezes tentando arrumar. Nem que tivesse que implorar pela vida de Jason. Tara ficaria orgulhosa se a visse. o dia estava muito bonito. Mais tarde deitou-se de lado no sofá apoiando a cabeça nas mãos pensando em tudo que estava acontecendo. por pouco não arrancou do lugar. não queria se atrasar. sabia que a amiga demorava em deixar a raiva passar. Acordou com os primeiros raios de sol batendo em seu rosto. Subiu correndo até seu quarto. alguns entraram em sua mão. Colocou a foto em cima da televisão onde estava anteriormente. Em seguida lembrou-se também da noite anterior ao perceber que o carro de Eric continuava ali parado. Sookita também não havia criado coragem de procurar Tara. pena que a amiga não tinha procurado mais. Fora que Bill alertou Jason severamente sobre não entrar em contato com ninguém no Vale. e ela nem sabia quando isso aconteceu. teria que colocar um novo retrato para sempre se lembrar de sua avó e Jason. faria qualquer coisa para salvar seu irmão. Vestiu o outro uniforme extra que tinha. Retirou os pequenos cacos de vidro que estavam espalhados pela sala. seria o momento certo para conversarem. colocou o sujo para lavar. sufocou um grito de dor. Ela caminhou devagar até a porta de entrada que Eric largou totalmente aberta. e muito menos passou o novo número do celular dele. Com esse pensamento ela foi dirigindo com seu carro velho até o bar. como fazia todos os dias. Abriu a porta dos fundos pontualmente as nove da manhã. Sookita esperava que pelo menos dessa vez seu irmão tomasse juízo. não tinha mais vontade de ouvir rádios religiosas. Ligou o rádio numa estação de músicas atuais. Alguma coisa tinha mudado nela. Teria que explicar de alguma maneira para Eric. não seria essa noite. notou as marcas de sangue dele na imagem. ainda mais que estava correndo risco de morrer se fosse descoberto.

Não teria mais Eric infernizando.” . agora sem dúvida a odiava mais do que tudo. Preparou um café forte para os dois. Ouviu um resmungo vindo do bar.. mas não iria ser pomposo. Alcide já estava acordado com uma cara cansada. Não poderia deixar de pensar que talvez Jessica tivesse culpa nessa atitude de Bill. não entendia porque se arrumou dessa maneira. Alcide já havia ido embora dizendo o quanto Sookita era uma santa e o Senhor Bill era um homem de sorte. Foi embora um pouco antes do anoitecer. E nem Tara. se ele não a odiasse antes. De repente. Pam surgiu por trás do carro. Só que essa alegria não existia em sua mente. pediu para Arlene fechar o bar.Escravos do Amor – Segunda Temporada médico disse no dia anterior. algo veloz surgiu ao lado do carro. ela entrou correndo em casa. Não era mais um test-drive que o tiraria de sua vida. Sookita levantou de uma vez e disse com toda força que conseguiu: “Eric. não queria falar sobre Eric. Para seu alivio o carro continuava estacionado no mesmo lugar.” “Não. O resto do dia transcorreu sem problemas. Ela sorria diante do carinho do lobo. como sempre exibindo um visual 206 . e perguntou se um homem loiro a tinha ajudado ontem à noite. Ela desviou o assunto. as duas passaram a arrumar o bar que abriria em meia hora. mas na verdade estava indo esperar Eric aparecer. inventou que iria ao médico para uma visita de rotina. Sentou-se na escada da varanda. era esperado mais duas semanas para ter alta. Dessa vez não ficou até o fim do expediente. e ela deveria sentir-se feliz. Arlene não demorou em chegar. pensava em pedir para Bill emprega-lo de volta. para sua tristeza. ela nunca escondeu o quanto desprezava o lobo. tomou um banho. Apenas um pequeno grupo de convidados. ela balançou a cabeça soltando um suspiro. não merecia ter sido mandado embora. ela pensou enquanto ajudava o lobo a se recompor. Essa história de Jason seria o suficiente para afasta-lo para sempre. acusando e confundindo seus sentimentos. a festa de noivado foi o suficiente. Logo teria que se ocupar dos preparativos do casamento. pois o acontecido em sua sala voltava a todo o momento para sua mente. talvez nem Jason pudesse vir. Alcide a agradeceu várias vezes.. Só teve um pequeno descanso quando visitou Sam e conversaram por meia hora. pelo menos bem mais cansada que a dela. perdeu a conta de quantas mesas atendeu. mudava de posição a cada cinco minutos. Sua respiração estava ofegante. colocou um vestido confortável de algodão. muito menos em seu corpo.

Sookita respondeu ficando novamente em pé na varanda. Sookita respondeu visivelmente decepcionada.” Sookita torceu as mãos em seu colo diante das palavras de Pam.. acredite. não se preocupe. “Eu achei que ele viria buscar o carro. disse friamente.”. agora não sabia se matava Sookita primeiro ou aproveitava para jogar o maldito carro no rio. Pam ficou em choque. agora seria Pam e não seria nada simpática. olhava para Sookita com curiosidade. Eric não costumava pedir desculpas por quase nada.”.. “Não ia querer vê-lo agora. “Sobre tudo que está acontecendo.” “Acho melhor entrarmos. Sookita disse baixinho..”. “Falar o que?”. perguntou irritada.. E por que deixou o carro aqui?” “É uma história longa. “O que ele veio fazer aqui ontem?” “Pedir desculpas pela maneira rude que me tratou das outras vezes que nos encontramos.”. ela disse soltando um longo suspiro. “Eu preciso falar com ele. ainda mais com tudo o que ela iria contar.”. sentou-se na varada para conter a fraqueza em seu corpo.”. Se você puder me levar até ele. Na noite anterior Eric sentou ali de maneira galanteadora. “Sei. ----------------------------------207 . entrou em sua casa e foi diretamente para a cozinha. Muitas vezes fazia isso por obrigação ou para descobrir alguma coisa. Sookita não esperou pela vampira. ela indicou a porta. Já estava irritada por ter sido obrigada a buscar o carro dele. e sempre estou entediada.”. você ficaria entediada.Escravos do Amor – Segunda Temporada extravagante.” “Se me contar. “Esse tipo de trabalho ele costuma deixar pra mim. eu agradeceria muito.. talvez eu a leve.. “Tempo é o que não me falta.

“Preciso vê-lo.. Mas. “Um vampiro tão antigo quanto ele não entende esse tipo de relação. Estou surpresa com sua habilidade. foi o que fiz com Jason.. tomou outro gole do sangue sintético antes de responder.. vocês dois são amigos.”. ele a protegeria. ele gosta de você. Uma pedra de gelo seria mais aconchegante do que ele.”. disse em tom de desespero. isso não significa que ele me ame ou algo do tipo.. sentia como se não o conhecesse mais. não pense que é fácil enganar Eric. “Eric já me salvou uma vez quando me transformou. “Não espero que ele me perdoe. Vocês foram nosso alimento único durante séculos.. baixou a cabeça ao dizer isso. “Só não quero que ele mate meu irmão.”.” “Eric nunca irá te perdoar. menti inúmeras vezes.. disse um pouco sem graça. “Sim.” “Bato palmas para você. Segurou as lágrimas o máximo que conseguiu.” “Mas. “Terminou?”. Pam disse tristemente.” “Eric não deve ser tão insensível assim. Isso é uma das poucas certezas que eu ainda tenho sobre ele. esqueça que ele existe para o seu próprio bem.”.” Pam meneou a cabeça várias vezes. ela tomou um gole do TrueBlood e se ajeitou na cadeira desconfortável da pequena cozinha de Sookita. é a última família que me resta. não pense que os dez anos da Revelação nos tornou domesticados. ignorou o que ela disse sobre sua habilidade em mentir. Eric havia escondido tantas coisas dela.Escravos do Amor – Segunda Temporada Pam apoiava a cabeça numa das mãos após ouvir o longo relato de Sookita. não fosse a parceira de longos e longos anos.”. Ele precisa entender. mas não estava entediada e sim chocada com tudo o que descobriu. a última vez que chorou foi quando era viva desde então nunca mais precisou agir como uma humana.”. “Não o procure. Pam perguntou fingindo cansaço. Pam. eu só queria proteger meu irmão. Só que nesse momento se sentia tão humana quanto Sookita. “Se sua vida estivesse ameaçada.” 208 . e não imaginava que Eric poderia machucar tanto assim seus sentimentos.

Pam caminhou em direção a saída.” “Prometeu que me levaria até ele.”. Haviam encontrado a ficha de Jason com todos os seus dados. Em seguida. Escutava o salto de Pam batendo insistente no chão. ele vai matá-lo. “Aqui está.. “Preciso ir. Santiago não colocou obstáculos quando 209 . algo que fazia raramente. Sookita também se levantou. Pam foi velozmente até o carro. disse levantando da mesa.. Ele irá me matar por fazer isso.”.. Havia se passado dois meses desde a noite na casa de Sookita e a descoberta sobre o irmão policial e traficante que ela tentou esconder tão habilmente.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Mas. O grande problema era que não havia sinal do policial na cidade de Tecate que por ironia ficava perto de Tijuana.. mas já que quer ser burra. Olhava a todo o momento para o visor do celular esperando pela ligação de Bastian com o novo paradeiro de Jason. entrou e deu partida sumindo da vista de Sookita. pegue logo.”. estendeu o papel com o endereço de Eric anotado. Ela fechou a porta pensando na conversa que tiveram. “Quero correr o risco.”. “Siga meu conselho e não o procure mais. e meu irmão? O que vai acontecer se Eric encontrá-lo?” “Nesse caso reze para que não aconteça. estalou os dedos.”. e a descoberta de uma transferência para uma cidade em Baja Califórnia que ficava do outro lado do país. não posso fazer nada. “Papel e caneta. -----------------------------------Eric estava sentado no lado direito de sua cama de costas para Jessica que dormia calmamente. Reapareceu ofegante em frente a vampira estendendo o bloco. demorou alguns minutos procurando o bloco de papel e a caneta que deixava ao lado do sofá. ela a segurou pelo braço impedindo que saísse. o endereço piscava diante de seus olhos na letra fina e delicada de Pam. Só faltava a coragem de ir até ele. Pam revirou os olhos diante da insistência. Sookita correu até a sala. olhou para o papel em sua mão. tentou alertar e até deu bons conselhos.”.

”.. brincando com ele. agora não. Eric também estava curioso em descobrir quem ajudava o rapaz a mudar constantemente de endereço. mas ele a impediu com um safanão. Eric exigiu que Bastian mantivesse isso em segredo.” “Vá embora. jogou com irritação o telefone na cama que bateu em Jessica. ele perguntou confuso. Olhou novamente para o visor no celular e nem um sinal de Bastian. pegou a mão dele e levou na direção da boca. Pela segunda vez ela estava em sua cama o atormentado. O vampiro sentiu o membro pulsando 210 . a pele dela queimava em suas mãos. Ele gemeu alto para seu desgosto. para surpresa de Eric. As unhas afiadas desciam pelas costas afundando em sua pele. mordeu até começar a sair sangue.. Eric notou que ela estava nua. Sookita tentou tirar a calça de moleton que Eric estava usando. não queria reagir dessa maneira diante dela. “O que fez com Jessica?”. Eric virou rapidamente agarrando o pulso de Sookita com força. mas a visão dela em sua cama foi o suficiente para deixá-lo excitado. O lençol ficou em cima da cama. ele disse se levantando. apenas ele e o aprendiz de Santiago tinham conhecimento. Ele começou a sentir algo roçando em sua nuca descendo vagarosamente pelas suas costas nuas. A vampira soltou um leve resmungo virando para o outro lado. antes que ele pudesse virar para reclamar sentiu lábios quentes sugando o sangue que escorria. “Jessica. Passou nervoso a mão pelos cabelos. Tinham conseguido a muito custo uma nova pista sobre Jason numa cidade próxima a Tecate. a voz respondeu pausadamente.”. “Estou aqui como você desejou. Não a via fazia tanto tempo. A língua dela descia perigosamente pelo longo peito. de vez em quando ela mordiscava um dos mamilos. a desprezava com a mesma intensidade que a desejava. em seguida avançou para o pescoço dele passando a língua pela curva lateral até chegar ao queixo. mesmo depois de tudo o que aconteceu.” “Não sou Jessica. Ela parou de lamber e o encarou longamente ajoelhada na cama.Escravos do Amor – Segunda Temporada descobriu sobre o policial. Apesar de que a Autoridade não sabia que Jason era irmão de Sookita. em seguida sugou como fez nas costas. Sookita o soltou.

“Pare. Eric chegava perigosamente perto da mureta de ferro do mezanino. não sabia o quanto iria resistir com ela o sugando daquela maneira. ela disse entre dentes enquanto esmurrava com força as costas dele que antes sugou o sangue com tanta vontade. mas ele forçou o peso do corpo em cima dela para que não saísse e recomeçasse a morde-la.”.. O mesmo desespero que ele sentia desde que a conheceu e todas as mentiras que se seguiram.Escravos do Amor – Segunda Temporada entre as pernas.. Ele tentou se afastar novamente puxando a mão. e jamais havia esquecido o gosto do sangue. Ambos ficaram em pé ao lado da cama rapidamente. Sookita o empurrou com violência fazendo com que caísse no chão. cada vez mais com força. Para surpresa de Eric. desceu as presas no pescoço dela com firmeza rasgando a delicada pele. seus dedos entrelaçaram nos cabelos loiros de Sookita e os puxava sem gentileza. em vez disso exibiu o pescoço. Sookita não se afastou. “Me morda. Eric se aproximou de Sookita na cama.. Eric se desequilibrou por conta dos socos e ambos caíram na cama.”. “Pensou que iria continuar me atormentando sem consequências?”. a encarava friamente. Sookita continuava empurrando. Quanto mais a ouvia suspirar. as presas se soltaram do pescoço. sentia a respiração dela em seu peito. A vontade de puni-la pelo que fez com ele começava a tomar conta de suas ações. Eric rasgava a carne para sugar o sangue. Ela estava fora de si com o pescoço rasgado e o 211 . O sangue entrava quente e abundante em seu sistema. e era isso que ele faria. lambuzando-os de sangue. ela disse com a boca cheia de sangue enquanto passava a mão dele entre os seios. Com um movimento rápido na mandíbula ele exibiu as presas. Só iria terminar quando sentisse o coração dela batendo fraco de encontro ao seu peito. só que ela o estava envolvendo totalmente com aquele toque.. com a outra mão livre retirou os dedos dela da mão que ela mordeu. O vampiro estava confuso de onde surgiu tanta força. Ela pediu para ser mordida. Os olhos dela brilhavam raivosos. o prazer em seu corpo. o sangue dele espalhado pelos seios chamativos. teria que sentir dor e desespero. A veia a mostra o fez lembrar-se da única que vez que se alimentou dela. e ele a encarava de volta com a mesma intensidade. Só que nesse momento não iria ser gentil. Não queria que ela sentisse prazer.

é uma alucinação que não é. ele perguntou sarcástico. os vidros enterraram nas costas dele. ele balançou a cabeça confuso. “Não sei.“ 212 . Jessica segurou com força a barra de ferro. “Por acaso caiu aqui de cima?”. ele disse sem rodeios após se sentar no sofá. Ela parou por alguns segundos sorrindo. o virou de costas para ela e começou a tirar os cacos de vidro com agressividade. mais uma vez Sookita estava se intrometendo entre ela e Eric.. A dor da queda foi excruciante. perguntou confusa.”. nem o motivo do sangue de Sookita tê-la feito se sentir quase como se estivesse viva. “Aqui. mas em vez disso se deparou com o olhar assustado de Jessica. tentando dormindo. Ela sentou-se ao lado dele no sofá. “Você alguma vez já se perguntou o por que da telepatia dela? Se pode existir alguma outra coisa por trás disso.”. tentava controlar a fúria que estava sentido. antes que Eric pudesse reagir Sookita o empurrou com um golpe final em seu peito e ele caiu da mureta em cima da mesinha de centro de vidro no meio da sala. “O que ela veio fazer aqui?”.Escravos do Amor – Segunda Temporada sangue ainda escorrendo pelo corpo.”. Que tipo de poderes Sookita tinha? Ela pensou tão confusa quanto Eric. disse irritada. “O que está acontecendo?” “Onde você estava?”. ele perguntou de volta enquanto se levantava fazendo careta de dor. Jessica não havia descoberto nada de concreto sobre os poderes ainda.. Desceu as escadas velozmente indo na direção dele. “Está tentando me matar?”. olhou para os lados tentando encontrar alguém. Antes de você fazer o favor de me acordar. “Não tem ninguém aqui. “Fui empurrado. Olhava para cima esperando encontrar o sorriso maldoso de Sookita. disse furiosa.” “Sookita.” “Empurrado por quem?”.

“Ele não sabia muito. “Ela aparece de repente no meu quarto. disse distraída. Apenas lembro que eram seres que procuram a luz ou seres de luz.”.” Foi a vez de Jessica ficar pensativa. mas não custava tentar descobrir sobre esses tais seres obscuros.”. “Nunca conheceu outro telepata? Você é tão antigo. disse uma vez que existem seres perigosos para nós vampiros. O que isso tem a ver?”.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Existem tantos seres sobrenaturais. Poderia não ter nada a ver com Sookita. Ainda não havia se esquecido de quando experimentou a telepata. passou a mão no queixo algumas vezes. e podia sentir o cheiro dela na boca de Eric. ele colocou a cabeça entre as mãos.. parecia mais fraco. ele fez um movimento impaciente com as mãos. eu realmente nunca me perguntei o motivo. “Não. da primeira vez foi a mesma coisa. “Ele não mencionou que seres eram esses?”. Jessica o puxou pelos ombros e o beijou intensamente.” Ele demorou alguns minutos para responder. perguntou evitando demonstrar ansiedade com a resposta dele. queria a vivacidade do sangue de Sookita novamente em sua boca. 213 . nunca encontrei nenhum humano com poderes como os dela. só algumas coisas que o criador dele o alertou também.” “Já provou o sangue dela?” “Não. Afastou-se dele passando a língua nos lábios e se deliciando com aquele sabor. Tivemos essa conversa muitos séculos atrás. Mas sempre quando estou acompanhado. se não reparou ainda. “Sookita cheira muito bem. Mas notou que não tinha a mesma sensação de quando a sugou..”. “Que tipo de alucinação? Você fica sonhando acordado?”. minha memória é boa. Godric. meu criador. ele perguntou irritado se afastando do toque da vampira. mas não lembro de tudo que já vivi. e não eram metamorfos ou essas outras raças confusas. ele não mentiu sobre o acontecido. deve ter convivido com outros como ela. Só sei que ela provoca essas alucinações para me atormentar. era a melhor pista que tinha até o momento. perguntou confusa.

Bastava uma simples ligação. Não precisa gritar desse jeito. querida. Não que fossem namorados. já fazia dois meses que era a companhia habitual dele. Ela e Jessica haviam discutido várias vezes. voltou caminhando devagar até Eric e estendeu o telefone. não aturava mais as atitudes irritantes de Jessica. eram quase seis da manhã. sentia um gosto forte e metálico na boca e a cabeça parecia que iria explodir a qualquer momento. parecia que estava num furacão como se fosse em O Mágico de Oz.”. Ela olhou para o relógio ao lado da cama. mas depois ficou avermelhado e tomava conta de seu corpo. Os poucos momentos que o tinha para si eram quebrados pela presença nefasta da outra. principalmente quando o assunto envolvia a atenção de Eric. Jessica atendeu rapidamente antes que ele se movesse. Viu vislumbres de olhos azuis a 214 . e nem precisaria fazer muito esforço. Não entendia como Eric ainda saía com ela. Adorava como tudo se acertava e sem fazer muito esforço. Para sua sorte tinha a arma perfeita para atingir Jessica. havia se livrado de Sookita.Escravos do Amor – Segunda Temporada O telefone que ficava ao lado da televisão da tela plana de Eric começou a tocar.. Teclou rapidamente em seu celular.. Pam amaldiçoava todos os deuses por conta desse relacionamento sexual de seu patrão. Sem querer Sookita acabaria sendo de grande ajuda para afastar Jessica de Eric. Pam. Havia tido um pesadelo terrível. mas Jessica virava e mexia aparecia na boate ou o acompanhava até em casa. “Sua funcionária pegajosa quer falar com você. sua garganta ardia. mas o deixou cair nas garras da filha maldosa do prefeito. --------------------------Sookita acordou como se estivesse afogando. mas agora chegou o momento de se livrar de mais uma pedra em seu caminho. pensou feliz desligando o celular. esperou alguns segundos pela voz atender do outro lado. “Santiago? Tem tempo para uma conversinha com uma velha amiga?” Ela sorriu após ouvir a resposta.” --------------------------------------Pam desligou o telefone tremendo de raiva. Jessica fez uma careta para o telefone sem fio. o sonhou foi preto e branco. e tudo voltaria ao normal. Aturou o quanto pode. “O que você quer? Ele está ocupado se ainda não percebeu.

teria que se preocupar com esse ferimento doloroso em seu pescoço e como tinha sido vitima nas mãos de Eric. assim como o travesseiro. Seus dias eram ocupados trabalhando para Sam e cuidando dos preparativos de seu casamento. colocou a mão e sentiu uma abertura em sua pele. só que depois tudo sumia e era transportada para outro lugar. Levantou apoiando na pia. teria acordado na mesma hora. O expediente estava quase acabando no bar. acabou seguindo o conselho da vampira e desistindo dessa loucura. 215 . Acreditava que já estava curada da paixonite que sentia por ele. O papel quase queimava em sua mão. Levantou de uma vez notando que sua mão estava vermelha de sangue. Sentou-se desolada no chão gelado do banheiro imaginando que soubesse quem tinha feito aquilo. Por que só acontecia isso com ele? Que tipo de ligação tinham? Não o via fazia um tempo. ou pelo menos era alguém parecido ou ela o via por toda parte. dessa vez não tinha alternativa. quando tocava na carne lágrimas escorriam por sua face. Sam perguntou várias vezes se ela estava bem. Sookita desviou o assunto. mas havia se formado bolhas de sangue pisado. o cheiro não estava bom. estava preocupado com a palidez e as olheiras dela. passava lentamente a mão tentando retirar o sangue grudado. Usaria uma echarpe que tinha guardada no fundo do armário. se olhou no espelho. seu coração batia como louco ao imaginar indo até a casa dele. Deitou novamente na cama quando notou que seu pescoço estava molhado. Seu casamento seria dali duas noites. disse que era o nervoso do casamento. Quando pediu o endereço para Pam há dois meses. O sangue não estava escorrendo. teria que cobrir aquele machucado para trabalhar no dia seguinte. Agora era tarde demais para voltar atrás. seu patrão fechou o cenho quando ouviu a palavra. Não foi atacada por nenhum vampiro em sua casa. Mas. seu coração aos saltos quando viu pelo espelho dois buracos profundos no pescoço em carne viva. teria que encarar o monstro que a atormentava nos pesadelos. nem sabia mais o que pensar. soltou um grito de dor. chegou a vê-lo de relance algumas vezes no centro da cidade. Não tinha dúvidas de que havia acontecido novamente aquela coisa estranha com Eric. Correu desesperada para o banheiro.Escravos do Amor – Segunda Temporada encarando. Só de pensar que logo estaria casada um frio incomodo em sua barriga aparecia e não era de felicidade. Colocava a mão toda hora no bolso do short jeans para pegar o pedaço de papel com o endereço de Eric. e aquele machucado grotesco não iria melhorar da noite para o dia. seria o suficiente para esconder temporariamente. Ela chorava de dor conforme jogava água no machucado. o distanciamento foi benéfico para a confusão de sentimentos.

Para sua sorte a voz masculina que atendeu disse que Eric não foi trabalhar. Juan 216 . Olhou para o relógio em seu celular. “Eric. “O que tenho a dizer é importante. eram quase duas da manhã.”. Não entendia como um vampiro poderia morar num local tão aberto. até que resolveu ir até ele e tirar a limpo essa história. ele fechou a porta na cara dela. provavelmente ele tinha alguma proteção para as janelas. espere. Ela respirava fundo ao descer do carro e caminhar pelo pequeno jardim. Fazia semanas que tinha uma pessoa seguindo Sookita para todos os lados. tentou segurar a porta antes que fechasse completamente. chorou outras tantas vezes por conta do machucado. Contou até dez antes de bater na porta. O Senador Morales observava a cena atentamente junto de seu assessor Juan Carlos. apontou o ferimento para ele. provou várias roupas. quando fez menção em bater. em seguida tirou o curativo que tinha feito no machucado. Passou horas decidindo se viria ou não. Sabia que era sexta-feira e ele provavelmente estaria na boate.” Sookita retirou o echarpe que estava usando aquela noite. vários apartamentos de dois andares um perto do outro com janelas imensas. assim como o espião que mantinha na boate de Eric Colunga.” “Saia da minha propriedade. um sedã preto estava estacionado desde do momento que Sookita chegou na casa de Eric. “Precisamos conversar. “O que quer?”. mas fica se encontrando com outro?”. só que ligou antes para se certificar de que ele poderia estar lá ainda.” “Nada do que tem para me dizer é importante. ------------------------------------Do outro lado da rua.Escravos do Amor – Segunda Temporada Parou em frente à alameda que levava até o conjunto de apartamentos de alto padrão de Eric.”. ele disse cinicamente. “Ela vai se casar com o prefeito. senão já teria morrido. Ficou chocada com a construção moderna. a porta larga de madeira se abriu de uma vez e Eric apareceu do outro lado com cara de poucos amigos. “Pode me explicar isso aqui?”.

“Mulheres como ela não valem nada.Escravos do Amor – Segunda Temporada Carlos estreitou os olhos para observar a moça entrando na casa do vampiro. “O que iremos fazer?”. merecem ser punidas exemplarmente. “Não se preocupe.”. 217 . sei exatamente o que fazer. Juan perguntou se acomodando no banco.”. o senador comentou com um brilho nos olhos. ele bateu no ombro do motorista mandando que partisse.

But I wish you'd stop talking. I wish you were dead . I wish you'd stop prying and trying to find things out. 218 .no I don't mean that. That was silly and unkind.Escravos do Amor – Segunda Temporada Capítulo 28 Desencanto I wish you'd stop talking.

Pigarreou tentando chamar a atenção enquanto se apoiava no ombro do sofá de maneira desajeitada. “Quero saber primeiro o que aconteceu ontem a noite. obviamente para as visitas femininas que ele recebia constantemente. mantinha-se de costas para Sookita. talvez estivesse livre da minha presença. ele soltou uma risada debochada. fechou a porta pesada de madeira antes de continuar.”. “Por que me mordeu?” “Foi você quem pediu. ela disse friamente.” “Eu não controlo essas coisas. ela disse sentindo o suor escorrendo pela testa. não deixaria ele perceber que estava apavorada. Ela ficou surpresa por encontrá-lo sozinho numa sexta à noite e mais ainda por não estar na boate. Observou curiosa o loft onde ele morava. não estou pedindo muito. “Se você não tivesse me machucado.”. Deveria ter confiado nas palavras de Pam e jamais tê-lo procurado novamente. Ela adentrou com cuidado naquele ambiente hostil. ela disse com a voz firme.”. de vez em quando tomava um gole de TruBlood. para sua sorte. havia uma cozinha equipada com eletrodomésticos caros. ele disse virando de repente e cruzando os braços com uma expressão zangada.. já se encontrava a sala com móveis escuros. Ele sentou-se no banquinho em frente ao balcão que ficava no meio da cozinha. “Eu não sou eu nessas alucinações. não respondeu a pergunta que ela fez. iguais os que via nas novelas. Não sabia como iniciar a conversa.”. o frio em sua barriga demonstrava o quanto estava arrependida do que tinha feito. ele 219 .Escravos do Amor – Segunda Temporada Sookita notou que Eric abriu a porta a contragosto. ele frisou a última palavra como se sentisse nojo. por mais estranho que parecesse.”. “Fui agraciado novamente com sua presença em minha cama. muito impessoal para o gosto dela. não tenho culpa por aparecer na sua cama.” “Deveria aprender a controlar de uma vez por todas e me deixar em paz. “Fale de uma vez. “Será que não entende?” “Eu só quero me ver livre de sua presença.”. conseguiu se salvar antes de ser completamente drenada. ele não ouviria nada do que ela tinha para dizer. nem ao menos lembro o que aconteceu. em vez disso ele caminhou até a cozinha. Saindo da cozinha que ficava embaixo do segundo andar.”. Mas..

. “E por que? Vai me matar se eu chegar mais perto? “. “Venha até aqui. Sem contar que eu não teria a menor chance contra você. Se eu não fosse imortal.”. a mordida em seu pescoço não precisava de explicações. não sabia o que eram essas alucinações e também os motivos de ser com ele. mas não iria discutir com ele sobre isso.. Eric poderia ter razão sobre os desejos. ele fez um sinal para ela se aproximar. ela disse baixinho enquanto olhava para o outro lado focando na geladeira para evitar a tentação de fixar a visão no peito dele através da regata preta que estava usando. mas sua força foi equivalente a minha. a voz dele soou rouca. Eric olhou para o meio da sala onde a mesinha de vidro estava anteriormente que foi quebrada por conta da queda que ele levou do mezanino. Eric observava o machucado no pescoço de Sookita imaginando o que aconteceria se ele a atacasse ali mesmo.”.”. o cheiro do sangue era inebriante. Ela parou perto dele mostrando o pescoço machucado.. não arriscaria encará-lo para encontrar novamente aquele sorriso cínico que ele exibia sempre que tinha chance. e muito menos como tinha descoberto o endereço. “Como disse.Escravos do Amor – Segunda Temporada terminou de beber o sangue num gole só. em seguida exibiu as presas. eu não entendo. estaria presa nesse momento.”. não era eu.. Continuou encarando a telepata por mais alguns segundos. Não esperava que ela fosse a sua casa. tinha pensado nisso o dia todo.”.. “Não irei satisfazê-los.” “E só com você. 220 . “Como conseguiu meu endereço?”.”..” “Eu não sei o que você é. “Só me cure.” “Meu único desejo agora é que você tire esta coisa horrível do meu pescoço. ela havia pedido por isso. “Você fez isso antes do que eu. Sookita caminhou lentamente na direção dele. ele disse franzindo o cenho. ela perguntou levantando a cabeça em desafio. Obrigado por tentar me matar ontem a noite. “São seus desejos reprimidos. não posso ficar desse jeito.

se é isso que te preocupa.”. “As leis de vocês estão ultrapassadas. Sookita sentia as mãos geladas. Sookita fez uma careta de dor. ela apontou para Eric. isso eu não posso negar. Qualquer pessoa diria que estamos apaixonados. estava tão próxima dele que conseguia sentir seu cheiro.”. Agora que ele estava perguntando. Ao sentir o toque.” “Jason é estúpido. as leis dos vampiros mudaram. “Não sabia o que fazer. “De que forma eu poderia reagir?” “Por que eu devo ter piedade com seu irmão? É um traficante como qualquer outro.”. disse com a voz baixa.”. Sookita?” Ela engoliu em seco. novamente aquele perfume amadeirado. o sangue começou a escorrer.” “Protegê-lo com atitudes estúpidas uma atrás da outra? É isso que queria?”. “Eu só queria protegê-lo. Eric usou seu reflexo e conseguiu segurá-la pelo braço com firmeza. “Jason é meu único irmão. ele perguntou muito próximo do rosto dela. mas sendo preso pelos erros que cometeu. 221 ..”. o que fez com que ela se afastasse bruscamente dele. continuou passando o dedo no machucado até curá-la completamente. ela disse passando a mão no pescoço. “Me persegue em sonhos e na vida real. “Não sabia que uma simples mordida poderia machucar tanto.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Isso importa? Não irei mais perturbá-lo. ele se afastou dela. ela não sabia como responder.” “Humanos. Principalmente depois de vê-lo matando tantas pessoas sem piedade.. Não merece morrer nas suas mãos.”. sabia que não seria fácil convencê-lo. seu próximo tópico na conversa seria justamente o assunto delicado envolvendo Jason. sem perder tempo passou no machucado dela. ele mordeu o dedo indicador. “Por que mentiu.” “A Autoridade não permite que mate humanos.”.

”. ele deu uma risada e a puxou para perto de si.. sem pensar desferiu um golpe diretamente no nariz. “Você terá seu amado Bill. não queria enganá-lo. pegando o vampiro 222 . A força usada foi tanta que atingiu o rosto de Eric que cambaleou para trás por conta do impacto. Caminhou as cegas até ele. não poderia ir embora sem ter certeza do que ele pretendia fazer. O que vai fazer com Jason?”.” “É totalmente diferente.” “Diga que não vai matá-lo. Já curei o seu pescoço. ele segurou o braço dela com força. ele disse levando-a em direção a porta. “Eric. abriu a porta e a empurrou sem delicadeza para fora. disse enquanto tentava se soltar.. Sookita ignorou o comentário arrogante de Eric.”. ele disse fechando a porta. sabia que era perigoso. “Não gosto de melodramas. por favor. não foi minha intenção. Sookita adentrou novamente no apartamento empunhando as mãos na frente do rosto. deveria saber bem disso. cara Sookita. Eu não tenho mais ninguém. “Meus pais morreram. “Vou casar com ele. ela disse com os olhos marejados. eu cuidei de Jason minha vida inteira. depois minha avó.”. ela disse com a voz embargada.” “Tarde demais.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Foi Bill quem te disse sobre esse conto de fadas?” Sookita se aproximou um pouco mais. Tocou no braço dele levemente e disse num sussurro: “Eu não queria mentir.” Ele apenas balançou a cabeça de um lado para o outro. agora poderá se casar sem ter que explicar onde foi mordida. Ele só tem a mim e eu a ele.”. “Não quero te seduzir. mas logo ele saíra da toca. passou as mãos nos olhos evitando que as lágrimas caíssem. reuniu toda a força que tinha empurrando a porta. só estou tentando me desculpar de alguma forma.”.”. mas não teria outra alternativa. por favor.” “Não pense que me seduzir irá salvar o teu irmão. “Você e Bill o esconderam bem.

ela sentia a adrenalina percorrendo o seu corpo. Ela agarrou o cabelo dele com firmeza enquanto sentia o sangue sendo drenado sem carinho ou gentileza como da outra vez. “Aproveite e me mate também. ela disse afastando o cabelo para mostrar o pescoço. seu covarde. É tão macho me atacando em sonhos. Ou uma maneira de escapar do casamento usando a opção mais rápida. A mão que estava nos ombros desceu para a cintura forçando o quadril dela de encontro ao corpo dele. ele disse fechando o punho com força.”. Venha. Apesar da dor quase insuportável. Um tufo de cabelo loiro ficou na mão dela quando Eric pressionou mais ainda as presas na pele fina. estou avisando. Talvez fosse até ele desejando exatamente isso.”. Podia sentir a ereção dele conforme movia o corpo sendo guiada pela mão dele em sua cintura. Sookita ficou estranhamente excitada pelo que estava acontecendo.. “É tão macho querendo matar meu irmão. com uma das mãos segurou o rosto de Sookita e a outra apoiou perto do pescoço. quero ver se é macho agora.” “Quer me morder de novo? Me drenar completamente? Oh. “Sookita. me morda. além de matar Jason. procurando uma punição pelo sentimento perigoso que nutria. “Vamos.”. Pare!”. ela tentou acertá-lo novamente. “Se continuar me provocando. ainda mais quando viu o sangue escorrendo do nariz dele. Será que isso tinha acontecido ontem à noite? Ou ela estava alucinando novamente? Pensou enquanto as pernas amoleciam pela falta de sangue no corpo. mas Eric desviou sem dificuldade.Escravos do Amor – Segunda Temporada desprevenido. serei obrigado a terminar o que comecei ontem. “Está louca? O que deu em você?”. por favor. Aja como um homem. Com um movimento rápido as presas surgiram novamente e Eric a mordeu violentamente como fez na noite anterior. colocou a mão no nariz por causa da dor. Limpava a boca com as costas da mão ainda saboreando o 223 .. O que está esperando?” Ele cobriu a distância entre os dois com apenas um passo. Eric deixou Sookita cair no chão após se afastar batendo sem perceber no pilar perto da cozinha. se entregando para Eric de uma vez por todas. nem que isso significasse a morte. senhor vampiro.

“Não precisei. como se estivessem acordando de um longo sono.”. Colocou as mãos na bochecha sentindo o rosto quente. Sookita deu um tapa raivoso na mão que ele ofereceu. Sookita perguntou tentando ficar em pé. “Você ia mesmo me matar.”. mas se deixou cair novamente no chão pela fraqueza. mas agora tive certeza. ela meneou a cabeça várias vezes. Sentia-se culpada pelo prazer que tomou conta de seu corpo junto ao dele. não achou que ele levaria a cabo a promessa de matá-la. uma 224 . ele se aproximou dela tentando bloquear as sensações incríveis em seu corpo. Melhor beber logo. Esta seria a última coisa que aceitaria dele porque depois dessa noite não esperava nunca mais vê-lo pelo resto da vida. não teria forças nem para andar. para sua surpresa parecia até que respirava de tanta excitação que emanava de seu corpo.”. ele disse arqueando a sobrancelha. Sookita sentia uma vontade incontrolável de chorar.”. está mais branca do que um fantasma. se apoiou no batente sentindo calafrios pelo corpo. “Não. Por mais que o tivesse provocado. “Não entendo a sua surpresa. Ela se levantou com dificuldade ignorando a mão estendida dele.” Sookita pegou o pulso dele e bebeu sem vontade.”. “Vai demorar a se recuperar desse jeito. Não havia presenciado essa sensação quando experimentou o sangue dela anteriormente.”. Me dê agua e uma bolacha. apoiou um joelho no chão. se continuasse do jeito que estava. nada mais do que isso. mas dessa vez algo havia mudado.” “Sou o que sou. “Custei para acreditar. Caminhou até a porta cambaleando. “Por que não terminou o serviço?”. Já doei sangue antes. a ilusão que tinha de Eric finalmente encontrou a realidade. sabendo que a possível morte dela o excitou daquela maneira. “Beba de uma vez. Pela primeira vez em centenas de anos certas células reagiam dentro dele. disse com irritação. o pano caiu.”. precisava ir embora daquela casa o mais rápido possível.” “Jamais. já estou satisfeito com o que tive. “Beba para se recuperar. ele levou o pulso perto dos lábios dela. Lembrou-se que não se sentiu tão mal assim quando deu seu sangue para ele naquela vez. mordeu o pulso estendendo o braço.Escravos do Amor – Segunda Temporada intenso sabor do sangue dela. Você é mesmo um monstro. Algo havia se quebrado dentro dela.

Sookita não queria se deparar com uma nova visão de Eric para estragar o casamento. exatamente como ela é. Pegou a echarpe que ficou em cima do sofá. sentia-se muito melhor agora. Lançou um último olhar para ele deitado na cama. só que dessa vez ele não tirou a roupa dela. era bem alta. A festa aconteceria novamente na mansão de Bill. Em frente à cama havia uma televisão de tela plana na parede. Incrivelmente ela não estava mais nervosa com o casamento que aconteceria em algumas horas. Haviam dormido mais uma vez juntos. Nesse ponto Bill escolheu perfeitamente. uma das maiores que ela tinha visto. Passou a mão no vestido de noiva de cor marfim. notou as milhares de mensagens de Bill deixadas em seu celular. Ela desceu a escada de madeira apoiando no corrimão. e mais uma vez não se lembrava. A última coisa que lembrava era ter quase saído da casa dele. era bem simples. depois tudo se apagou. ela levantou de uma vez observando o quarto. Ela não tinha dúvidas quem eram a maquiadora e a cabeleireira e logo mais estaria vestindo o belo vestido de noiva que Bill escolheu. inclusive Jessica recebeu vários avisos. Olhou para o lado e se deparou com Eric dormindo calmamente. o sono tinha sido o suficiente para se recuperar. Tentou criar coragem para continuar andando. Passou a mão no pescoço. provavelmente nem tinham se encostado enquanto dormiram juntos. mesmo que fosse a noite. juraria que tudo não passou de mais uma alucinação. ---------------------------------Sookita abriu os olhos encarando o teto. havia várias mulheres esperando do lado de fora. mas com poucos convidados. nem um pouco suntuoso. logo embaixo um móvel com livros e outras bugigangas que ela não se importou em olhar. um tomara que caia plissado com uma saia bufante um pouco abaixo dos joelhos. parecia tão calmo e tão diferente do que normalmente era quando estava acordado. os cabelos parcialmente presos e era o momento de ir para o grande momento de sua vida.Escravos do Amor – Segunda Temporada dor no estômago fazendo com que sentisse vontade de vomitar. respirou aliviada. Se não tivesse certeza de que foi até a casa dele. A cama dele era espaçosa. Tanto ela quanto Bill não queriam convidados indesejados. Ela estava maquiada. não tinha mais as marcas da mordida. Sookita dirigiu de volta para casa. 225 . mesmo que não fosse como esperava. diferente da enorme festa de noivado. mas caiu pesadamente no chão. Estacionou em frente à casa. ideal para se casar ao ar livre. tudo ficou escuro. mas não era o teto gasto de sua casa para seu susto.

ele disse após terminar de beijá-la nos lábios. Sookita caminhava com o pensamento distante entre os convidados que estavam sentados de cada lado da passarela. acreditou que Bill não iria aceitar e talvez fosse provocativo demais. Ela agradeceu com um aceno de cabeça. precisava agradecer por tudo que estava acontecendo comigo. inclusive estava agindo contra os princípios das leis dos vampiros ajudando um humano fugitivo. no caso Jason. O motorista de Bill lançou um olhar encorajador para Sookita através do espelho retrovisor. apertava fortemente o buquê de rosas de várias cores. ele era um monge franciscano. ergue a cabeça e começou a caminhar para dentro da casa. Desceu do carro tremendo de nervoso. Senhora de La Vega?”. não iria ser conduzida por ninguém até o altar montado no jardim. mas nada aconteceu. nem Sam e muito menos Tara.”. Baixou o delicado véu em frente ao rosto. Apenas alguns rostos conhecidos. a música que tocaria seria a tradicional de todos os casamentos. “Está feliz. Bill não andava em bons termos com a Autoridade. Sookita quase cometeu a loucura de sugerir que Santiago celebrasse o casamento.”. Não havia padrinhos no altar. “Muito. Havia treinado várias vezes durante a semana como seria a entrada. “Estava na igreja. “Até de madrugada?”. tentou soar o mais sincera possível. ela respondeu perto do fim da cerimonia fingindo alegria. agora além de trair. “Onde esteve na noite passada? Fui até a sua casa para saber se estava tudo bem. Agora era a Senhora de La Vega.”. Ela não poderia negar que o momento no qual a padre disse se alguém impedia esse casamento alguma coisa iria acontecer para salvá-la. “Sim.Escravos do Amor – Segunda Temporada O carro estacionou em frente à mansão que estava tomada por carros estacionados no entorno. pensou desolada. ao fundo era ouvido os aplausos dos convidados. tudo transcorreu sem problemas. Bill a observava sorridente parado no altar florido. Mas. ele perguntou apertando o braço dela enquanto a guiava 226 . apesar de não exercer por longos anos. também usava o nome de Deus em vão. afinal. o sorriso maldoso de Jessica sentada na primeira fila e o padre que era vampiro com uma expressão bondosa. mulher do prefeito da cidade.”. uma simples garçonete. ele sussurrou enquanto passavam pela passarela entre os convidados. nem Jason. pena que a realidade era outra. sorriu tentando demonstrar um pouco de alegria.

Nem precisa se preocupar com móveis. a sensação incomoda havia voltado e ela agora não saberia como reagir diante da situação.” “Fazer o que? Você não sabe o que está falando. acreditava que com o tempo amaria Bill novamente.”. “Os dois tem muito bom gosto. muito bonito. disse distraída. 227 . “Claro que irá se incomodar.”. ele fez um movimento mostrando a propriedade. dessa vez bem menor.”. sorriu para ele. ela quem me ajudou a escolher. Mas. e posso me mudar hoje mesmo. ele a beijou na testa. “Mandarei meus empregados empacotarem o que for importante.”.”. apenas os seus pertences pessoais. ela sussurrou no ouvido de Sookita apertando o abraço. “Sei o que andou aprontando. era um processo natural da vida. Receberam cumprimentos de todos. havia no máximo 60 convidados essa noite. Sookita soltou a vampira.”. “Encontrar-se com Eric.” Fez um sinal positivo com a cabeça. Como fará agora que está casada com meu ingênuo pai? Estou tão curiosa para saber. Jessica se aproximou e a abraçou como se fossem amigas de longa data. Os dois chegaram à tenda da festa. nos sonhos.Escravos do Amor – Segunda Temporada até a festa. a deixava em pânico. Nem estava pensando em Eric. Sookita ficou feliz quando Santiago a beijou no rosto. procurou não pensar na noite de núpcias durante os dias que passaram. só de pensar que daqui algumas horas ela estaria consumando seu casamento com Bill.”. “Engana-se pensando que vou me incomodar com isso.. “Quando mudará para nossa casa?”.”. até na hora mais importuna Jessica gostava de provocar.. se você quiser. ela respondeu baixinho. ela abraçou Sookita novamente. a única coisa que ainda não conseguia digerir era que tudo isso seria sem amor. “Agradeça Jessica também. “Perdi a hora. “Gostaria de agradecer pelo vestido. o encanto havia acabado. mas não havia sinal de Bastian para seu desapontamento. Não que tivesse medo.

Jessica deu um beijo estalado na bochecha dela. disse com desprezo. não queria ter a sua noite estragada com as provocações da vampira.” “Por que não me delatou?”. “Agora é minha mamãe querida. Sookita. Mesmo tendo te acobertado. Sookita respondeu dando de ombros. “Pena que não fui até o final.” “Acobertado o que?”.”. não teria escapado da punição. O está consolando através de sonhos também?” “Ele gosta de você. Jamais te deixarei em paz.”. “Que me atacou aquela noite. “Me deixe em paz. Jessica disse entre dentes.”.” “Mesmo que fosse.”. Não tinha mais dúvidas de quanto Eric era um canalha em contar as alucinações. Jessica.”. Sookita sentiu um nó na garganta por Jessica saber das alucinações com Eric. ele havia contado esse segredo.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Isso não é da sua conta. ela disse fingindo conversar normalmente. sendo que ele também não conhece esse seu lado. sei que foi você. ela disse com um sorriso de triunfo. ainda o trata dessa forma. ficaria muito decepcionado. Sua sorte foi ter me deixado viva. “Mas.”.” “Graças que me livrei daquele lobo fétido.”. tentou se soltar novamente dela. “Seu pai não merecia saber disso. Ela se afastou de Jessica caminhando para perto de Bill. não pense que não tenho coragem de te entregar para Santiago. Jessica olhou em volta procurando por ele. Jessica perguntou sorrindo para os convidados que passavam perto das duas. será que Pam também 228 . Jessica. “Alcide ainda está sofrendo por sua causa. “Fala que Bill é ingênuo por casar comigo.”. “Vou chamá-lo para você contar tudo em detalhes.” “Faça isso agora.” “Não te darei a satisfação de estragar o meu casamento.

uma armadilha. Mas. teria que se acostumar com aquela casa enorme. Sookita ficou confusa com a cena. não conseguiu evitar em abrir um leve sorriso. um dos seguranças de Bill bateu levemente no ombro dela. “Um rapaz pediu para falar com a senhorita. Caminhou ansiosamente para dentro da mansão. irei vê-lo o mais rapidamente. mas em vez disso viu dois guardas de Bill caídos desacordados em frente à porta. Lembrou-se rapidamente do soco que desferiu em Eric. -----------------------------------Jessica bebeu várias taças de sangue sintético. Desde a conversa com Eric. aquilo era sinal de perigo. Ela abriu a porta da frente esperando se deparar com o rosto sorridente de seu irmão. os vários quartos e cômodos. Ela passou pelo longo corredor que levava até a entrada. ainda mais por ter tentando matar Eric.Escravos do Amor – Segunda Temporada sabia? Cravou as unhas na palma da mão por causa do ódio que estava sentindo. ele ficou vermelho de vergonha quando viu que era a noiva. “Algum problema?”. Jason tinha arranjado um jeito de aparecer em sua festa. ele disse confirmando com a cabeça. Ultimamente suas emoções estavam à flor da pele. parecia outra realidade. Sua vontade era ter arrancado à cabeça da outra ali no meio de todo mundo para depois mandar empalhar e colocar como troféu na sala. “Senhorita Montenegro?”. não considerava isso uma atitude normal. Fechou a porta. “Muito obrigada. Está esperando na entrada. qualquer coisa a deixava extremamente irritada. Ainda não se via morando ali e cuidando de tantos empregados. mas ele recusou com veemência. nem na biblioteca enorme que seu pai mantinha na casa. Ela tinha certeza de que Sookita carregava algo ruim dentro de si. quase bateu de frente com um garçom que saiu apressado da cozinha. tentava se recompor depois da discussão que teve com Sookita. O jeito foi 229 .”. Tentou obrigar Eric a vir na festa. Sookita sentiu uma felicidade imensa invadindo seu corpo. não havia encontrado ainda nada importante. procurava desesperadamente informações sobre o que seriam esses seres que buscam a luz. ela perguntou preocupada olhando em volta. mas foi impedida por uma mão que agarrou o seu braço.”.

Ela havia esquecido Sam completamente. Não pretendemos estragar uma festa tão bonita. mas uma ordem. sem alarde. Jessica olhou para os vampiros assustada. um deles era enorme. odiando cada segundo do que presenciou.” “Infelizmente não é um convite. “Não pode me dizer ao menos o por que disso tudo?”.”. tudo voltou rapidamente ao normal.” “O que quer comigo. ele a encarou por trás dos óculos. e levaria tempo para reverter alguma coisa. “Senhorita Los Mares? É uma vampira difícil de encontrar.” “Ele será avisado no devido tempo. “Não está numa posição para barganhar. ele disse friamente. Jessica começava a ficar 230 . Se isso tivesse acontecido. Sookita talvez tivesse deixado Bill para cuidar do pobre Sam. “Vejo que não tenho escolha. A burrice de seu pai foi feita. “Mas. era apenas algo ruim de seu passado. Santiago?”. Mas. Peço que venha comigo calmamente. Admitia que não fosse mais só sexo com ele. Nossa intenção não é machucá-la. “Quero que me acompanhe até a Autoridade. ele juntou as mãos diante do peito. Não estava entendendo nada. Leroy e um outro vampiro ladearam Santiago. muito menos com Eric. esses dois últimos meses de convívio tinham sido interessantes. caminhou lentamente até ele. Senhorita Los Mares. ele fez um sinal.Escravos do Amor – Segunda Temporada vir sozinha.”. ela pensou irritada. seria levada a força para a Autoridade sem saber o motivo.”. Não queria Sookita com seu pai e nem com Eric. preciso avisar ao meu pai antes de ir com vocês. ela disse revirando os olhos. “E por que?”. respondeu no mesmo tom. olhou para ele balançando a cabeça.”. “E se eu não quiser?” “Eu recomendaria que não reagisse. ele estendeu a mão para ela.”.”.”. “Não tenho o que fazer naquele lugar. “Não vou a lugar nenhum com você se não falar o que está acontecendo. ficou triste por ele não ter ficado preso numa cadeira de rodas.

” “Não fiz nada e não sei do que está falando. era algo que só envolvia ela. “Isso é mentira! Não ataquei ninguém. sua cabeça estava a mil por hora. “Acredito que sabe o que fez. peço que venha conosco sem criar comoção. outros apenas trocava poucas palavras. as leis dos humanos pregam isso. Sabemos que atacou Sookita Montenegro.”..” “Não deve produzir provas contra si. se Bill não seria avisado. Talvez as duas estivessem juntas conversando dentro de casa ou passeando no labirinto. Mas. ele disse limpando os óculos embaçados com um lenço. ela é minha madrasta. Santiago. com luzes para todos os lados. ---------------------------------Bill caminhava entre os convidados. começou a procurá-las entre os convidados. não queria a festa de casamento arruinada como foi a de noivado. e não era isso que queria com ela. ele a segurou no cotovelo enquanto a conduzia na direção da mansão.Escravos do Amor – Segunda Temporada preocupada. Reparou que fazia certo tempo que não via sua esposa e muito menos sua filha. muito menos Sookita. “Só saberemos conforme a investigação avançar. O problema era que a tenda estava um pouco mais escura..” “Espero que tenha razão. Sookita teria mesmo contado a verdade para Santiago? Pensou com ódio. Vai se arrepender por isso. o problema é que corria o risco de se queimar. Apesar de que fez questão em deixar dois guardas fazendo vigilância na entrada do labirinto. não queria os mesmos acontecimentos da outra festa. ela disse tentando demonstrar indignação. Ainda mais as descobertas que fez ao ouvir a conversa de Jessica com Eric. Não tentou proibi-la de sair com Eric. o DJ começou a tocar e a pista de dança estava lotada. Dessa vez evitou contratempos com convidados indesejados como Eric.”.”. 231 . se o fizesse seria o suficiente para criarem atritos. Sua filha gostava de brincar com fogo. É inteligente o suficiente para perceber o que é. Mesmo assim não tinha sinal nem de Jessica ou Sookita. parava para conversar com alguns.” “Saiba que está pegando a pessoa errada.

” “Acho melhor você parar com os rodeios e dizer logo o que fez com ela. Senhor de La Vega. inclusive o senador era anti-vampiro e considerado grande inimigo da Autoridade. “No momento está segura. Bill ficou confuso por alguns segundos. Quando se deparou com a última pessoa que imaginava ver naquele momento. ele sentiu o perigo nas palavras do senador.”. Onde está minha noiva?”. o Senador Morales disse levantando da cadeira em que estava sentado e estendendo a mão para Bill. “Senador Morales. não imaginava quem poderia ser.. a que devo a honra da sua presença em minha festa?”. Não era coincidência essa visita inesperada. Morales colocou as mãos para cima. “Já estamos tão nervosos. “Continue.”. “Alguns assuntos pendentes que desejo dar um fim. Bill respondeu sério. ele disse apertando a mão do senador apreensivo. Bill disse indo em direção a poltrona do escritório onde sentou. abrindo a porta do escritório num estrondo. mas irá depender do quanto irá cooperar.”. “Estava procurando por ela antes de vir aqui. Seus amigos mais importantes estavam na festa.” “O que você quer?” 232 . Correu velozmente até a mansão. “Oh. pensei que soubesse as consequências em mexer com quem não se deve..Escravos do Amor – Segunda Temporada Um de seus assessores surgiu ao seu lado e cochichou sobre uma visita inesperada que esperava no escritório. “O que está insinuando?”.”. ele se inclinou para frente encarando Bill. ele se sentou novamente cruzando as pernas. e a Autoridade não iria interromper alguma coisa nessa noite. ele perguntou entre dentes. Os dois nunca tinham se encontrado antes. ele perguntou com um estranho brilho nos olhos.”. Senhor de La Vega. “Que assuntos têm a tratar comigo?” “Como pode deixar uma flor delicada como ela sozinha? Não tem medo de que algo possa acontecer?”. “Espero não ter interrompido a bonita festa em seu jardim. “Onde está a sua bela noiva?”.

algumas risadas. Enquanto esperava a pessoa atender do outro lado. “Quero que me diga onde está Sookita. mentiu. “Sim. uma ponta de medo percorreu seu corpo. o que fez com ela?”. “Sinto decepcioná-lo. “Quero que me diga por que tentaram me matar?” “Não sou eu quem cuida desses assuntos. “Não me machuque. Morales discou novamente no celular. depois foi aumentando gradativamente e se tornando desesperado. “Não desligue o celular. “Como posso ter certeza que ela está mesmo com você?”. “Por que querem me matar?”. mas não poderia se deixar levar pelas chantagens do senador. Do outro lado podia-se ouvir vários homens falando. Em seguida o som de algo cortante. ele desligou em seguida.”. Morales sorria cinicamente para Bill. “Eu conto tudo o que quiser. não poderia entregar os planos sigilosos da Autoridade.”. Se daqui a cinco minutos eu não ligar. sou eu. não a maltrate. discou várias vezes um número. mas sou imune aos truques baratos de vocês vampiros. Senador. Bill ouviu nitidamente o choro baixo de Sookita.” O senador tirou o celular do bolso da calça.”. ele piscou para Bill. Fui bem treinado.”. Não posso falar do que não tenho acesso. pelo amor de Deus. de repente todos se calaram.” O lamento de Sookita pedindo clemência para o sequestrador foi o suficiente para deixar Bill fora de si. “Já disse.”. Corte a moça.”. é assim que gosto. e os gritos apavorados dela tomaram conta do escritório.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Bom menino. ele estendeu o celular para Bill ouvir. Bill não conseguiu ver quais foram. por favor. encarava o senador intensamente enquanto o hipnotizava. demorou alguns segundos para ser atendido do outro lado. corte um dedo da moça. ele repetiu com o rosto sereno. Bill quase ajoelhou aos 233 . o senador se aproximou de Bill dando um tapinha no rosto dele. não sei o que te responder.

ela perdeu um dedinho..” “O nome dele é Santiago. algum você deve saber. Não precisamos mais nos alimentar de humanos. “Por que todas essas perguntas sobre Eric?” 234 . Nós humanos ainda somos a raça dominante.”.. Santiago. Bill respondeu sem paciência.” “Sempre a mesma ladainha. Se os humanos servem de alimento para sua raça.Escravos do Amor – Segunda Temporada pés do senador. agora é o V. ele é um vampiro muito antigo.. Também existem leis com os vampiros. ele é um Agente da Autoridade.” “Historinha da carochinha. “Sim.”. Bill colocou as mãos na mesa velozmente.” “As coisas mudaram. antes o problema era a cocaína. o sangue de vocês também deve ser usado como bem entendermos. “Nós sabemos que você é um dos principais envolvidos com o tráfico de V.” “Santiago. hoje já existe o sangue sintético.” “Ele realmente tem mais de mil anos de existência?” “Sim.. eu não sou um deles.” “Impossível. Quem comanda essa Autoridade?”. caro Vampiro. não é?”. não permitimos que usem nosso sangue para ganhar dinheiro sujo.” “Eric Henrique Colunga trabalha para a Autoridade. “Poucos vampiros sabem. Ninguém é controlado por uma força invisível.”. “O que você quer em troca de Sookita? Já respondi tudo o que sei... Me dê um nome de alguém que comanda. “Tarde demais. o senador perguntou coçando o queixo. esse ser tem sobrenome?” “Só Santiago. não imagino que sejam tão estúpidos assim. ele desligou o celular abafando os gritos dela. acredita quem quiser. não existe outro na Autoridade. ele perguntou ao sentar na cadeira.

” 235 . ela morre. não. ele soltou uma risada. Se vocês pedirem ajuda a essa Autoridade. ele disse pra si mesmo.”. “Sim.”.”. sua segurança pessoal piorou. “Não é você que irá entregá-lo.”. já pensou nisso?” “Ele se preocupa com a moça tanto quanto você. ignorou o que ele disse. caro Vampiro. ele disse calmamente cruzando os braços. o senador levantou e se aproximou de Bill.” “A situação é muito simples.” “Então. por favor. Se a polícia descobrir. mas temo que não seja fácil convencê-lo. Ligarei para você daqui uma hora. Digamos que seria uma pequena ajuda para motivá-lo.. Eric Colunga quem irá se entregar sozinho em troca pela moça. Gostaria de avisar desde que despediu o lobo. espero que esteja com ele. “Estava nos vigiando esse tempo todo?”.”. ela morre. Bill perguntou com curiosidade... Se ele for acompanhado. Bill disse se levantando.” “Não. Acho que isso diz muito. “Posso saber o que irá fazer se eu não conseguir entregá-lo?” “Não. o senador abriu a porta do escritório.”. “Vou falar com Eric hoje mesmo sobre suas condições. Ele pode escolher não se entregar. no momento ela ser salva era mais importante que a raiva que estava sentindo. Só eu imponho condições. “Se Eric não se entregar em dois dias.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Eu o quero em troca de sua amada esposa.” “Quero saber se ela está bem. “Estou indo agora.” “Sabia que não era uma boa ideia despedi-lo. “Aguardo sua ligação. “Está é sua condição?”. não. “Como tem tanta certeza disso?” “Vi a sua esposa passar a noite de ontem na casa dele. ela morre.”. Eric tem escolha. Morales encarou Bill intensamente..”. ela morre. me deixe falar com ela. ele fez um sinal com os dedos. não queria pensar na traição de Sookita.

O leão de chácara que ficava parado na porta de entrada não fez menção de impedi-lo de entrar quando viu quem ele era. querido. Pam. desviou da vampira e foi em direção ao escritório. afinal. nem fez questão de bater.”. Ele sentiu o cheiro forte do sangue sintético misturado ao sangue verdadeiro de humanos assim que pisou na boate. inferninhos como esse não faziam a sua cabeça. Fora o cheiro de hormônios por toda a parte. Para sua sorte a maioria dos convidados não deu à mínima. era sábado de madrugada. “Agora fiquei com medo. “Mato você se for preciso.”. ele não irá te atender. não seria diferente. Pertencia a outro círculo.” “Bill. Eric 236 .Escravos do Amor – Segunda Temporada ------------------------------------Bill parou em frente a boate de Eric que estava especialmente movimentada. ela soltou uma sonora gargalhada. Bill respondeu com os olhos faiscando de raiva. “O que faz aqui. “Já sabe o caminho.” “Ele não tem escolha. “Eric não está. Vá tirar a virgindade de sua esposa. A festa de casamento não foi interrompida. ele inventou uma desculpa dizendo que precisaria se retirar com Sookita. soltou o braço dela com um safanão. não tinha motivo para se misturar com as pessoas comuns.” Bill se dirigiu a porta onde ficava o escritório de Eric. “O segurança me disse que ele estava.”. Preciso falar com Eric. “Não tenho tempo para discutir agora.” “E irá fazer o que? Me atacar na frente de todo mundo?”. prefeito? Cansou de sua festa de casamento?”.”.”. entrou de supetão assim como o outro gostava de fazer quando ia visitá-lo. não perca seu precioso tempo. ela sorriu para ele. Pam perguntou parando em frente a ele. vou entrar naquele escritório de qualquer jeito. “É melhor você não me impedir. Foi poucas vezes ao estabelecimento de Eric. continuaram se divertindo na pista de dança. ela estava muito cansada. ela respondeu segurando o braço dele.

“Avisou a Autoridade?”. ela morre. fechou rapidamente os vários livros que estavam em cima da mesa.”. não conseguiu evitar. “Assim como a minha mansão. “Ele quer você. Eric respondeu cinicamente.”. Bill continuou em pé. o seu ódio só aumentava. Bill se aproximou da mesa de Eric indignado. Ela está correndo risco de morte. ele encarou Bill longamente.” “Como ele nos descobriu?”. “Ele tem espiões por toda parte.”. “O que tenho a ver com isso?”. Eric deu de ombros escondendo a surpresa em seu rosto. “Deveria procurar a polícia.”. tentava manter a calma. “Ninguém poderá interromper.” “Os únicos que sabem disso são eu e você.” “Fique a vontade. Eric não gostava de fazer tantas perguntas para Bill. Ficou quieto por alguns minutos imaginando quem poderia ser o espião em sua boate.” Eric desferiu um soco na mesa. mas estava tão confuso e curioso. “O Senador Morales está com Sookita. veio no lugar errado. “Não entendeu o que eu disse? Sookita foi sequestrada!”. 237 . meu escritório é o seu escritório. Bill se virou para porta e girou a chave.” “Não tentou hipnotizá-lo?”.”.”. Bill respondeu com a voz baixa esperando a reação do outro.Escravos do Amor – Segunda Temporada levantou a cabeça ao ver Bill entrar. não posso contar a mais ninguém. “O que ele quer comigo?” “Ele quer você. “Ninguém pode saber. “Preciso falar com você. Eric perguntou confuso. passou as mãos nervosamente nos cabelos. ele fez um gesto com as mãos indicando o local. sua boate não é segura. mas o cinismo de Eric o irritava profundamente. em troca da vida dela.

” “O que você sugere?” “Não irei até ele. ela morre. “Não sei o que ele quer com você. Bill tentava a todo custo convencê-lo.”. “Não posso me expor ao inimigo dessa maneira. mas ele é imune a hipnose.” “Você não tem nada que possa ser do meu interesse. Se quiser. usando a lógica. o senador virá até mim.” “Pelo que entendi.” “Ele irá matar nós dois. “Ela foi torturada.”. Não irei até ele. Eric dobrou os braços atrás da cabeça. “Por acaso teve alguma prova de que ele está realmente com ela?” “Claro que sim. teria que apelar para meios extremos se fosse preciso.”.”. foi muito bem treinado. “Ela quem procurou isso. terei que me sacrificar pela pobre Sookita.”. “Sei onde está Jason. “O senador fez uma ligação quando estava comigo. Bastava eu tê-lo matado na missão e nada disso estaria acontecendo. Eric disse com um olhar distante.” “Vai deixar ela ser morta? Essa é sua palavra final?”..” 238 . Bill gritou se aproximando perigosamente de Eric.”. ele tremeu ligeiramente. consegui escutar a voz dela. respondeu com irritação. Sookita não tem a menor chance contra ele. e mesmo se perguntasse ele não me diria. não sou idiota. ele não se incomodou com os gritos do outro. A culpa disso tudo é da própria Sookita.. ele encostou-se na cadeira pensativo. eu sei muito bem.” “Se você não aparecer em dois dias. Minha consciência está tranquila. Se me ajudar em relação a Sookita.” “Se você não sabe lidar com covardes. digo onde poderá encontrá-lo.”. Mas. é a minha palavra final.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Sim. “Eu tenho algo que possa te interessar. você sim.

“Eu sabia que estava envolvido com o sumiço dele. o paradeiro do rapaz não servirá de nada. minha intuição nunca falha. Além de covarde. Bill disse com um sorriso cínico. não tenho tempo para brincadeiras. Ele sabia o que isso significava. ele cruzou os braços. Bill. sua mão tremia quando atendeu. se aproximou rapidamente de Bill e o segurou pelo colarinho da camisa por baixo do terno que usava. Eric caminhou em direção a porta.” “Vou fazer sempre o que for preciso para proteger a minha esposa e a família dela”..”. “Acredite. “Se você ficar de joelhos e implorar.”.” “Eric. infelizmente ainda não terei essa sorte. E se para isso precisarei fazer essa troca. quem sabe. Eric respondeu se afastando. “Você não vai morrer. “Apenas farei a troca se resgatar minha esposa. retirou as mãos de Eric com um movimento rápido.”. Eu sou muito difícil de convencer.”. o celular de Bill começou a tocar de maneira insistente.Escravos do Amor – Segunda Temporada Eric levantou de uma vez.” “Não deveria provocar com a vida de Sookita em jogo.” “Só que isso não é problema meu. é um traidor. “Senador?” 239 . Jason será todo seu. só o traficante me interessa. Nós temos um trato? Se fizer isso.” Antes de Eric responder. “Mas.” “Se eu morrer.. eu farei. nesse momento a vida dela é o que importa.

you wish to know something of your destiny. 240 . We shall see what the fates have in store.Escravos do Amor – Segunda Temporada Capítulo 29 Arraste-me para o Inferno So. Very good.

chorou baixinho. pegou o telefone da mão do prefeito sem gentileza. Bill estendeu o telefone para Eric com raiva contida. “Para você. ele não tinha dúvidas de que era Sookita. a voz distante de Sookita foi ouvida. raramente sentia alguma. um tapa foi desferido.” 241 . Não poderia negar a eficiência de Bill em esconder o rapaz durante vários meses e sem deixar pistas.. “Utilize um carro para vir até mim.”. e a descoberta óbvia de que Bill ajudou Sookita em esconder Jason. Ele não era acostumado a sentir esse tipo de emoção. ele cortará o meu braço. Balançou a cabeça tentando esquecer a missão fracassada. “Dependerá apenas de você. venha me salvar em troca de sua rendição. criava-se um estranho vínculo que poderia durar dias e até meses. só que depois foi crescendo.”. cortará minha garganta. ele ficou em dúvida se fez uma pergunta ou uma afirmação. isso ele tinha certeza. Eric cada vez mais se surpreendia com o adversário perigoso que tinha no prefeito.. Eric lançou um olhar de desconfiança. Colocou no ouvido e só ouvia uma respiração baixa do outro lado. Fazia algumas horas que sentiu uma apreensão tomando conta de seu corpo. se trouxer ajuda. Você sabe onde me encontrar.Escravos do Amor – Segunda Temporada Eric não havia se recuperado da surpresa trazida por Bill. mas nada ligava Eric à história de Julian. Eric sabia que esse era um dos efeitos colaterais de beber o sangue direto da veia dos humanos. o seu corpo dizia que ela estava machucada. como eu voltarei para casa. principalmente na história falsa de Julian e Ramona Castela. e se tornando desespero. iria se focar no que importava. e descobriu durante a missão. “Ele te machucou. pensou franzindo o cenho. “Em dois dias. O toque do telefone de Bill o tirou do devaneio. ela falava pausadamente..”.. Alguma ponta solta tinha ficado na missão.. explodiria a qualquer momento.”.. Não imaginava que o senador fosse tão eficiente em descobrir o paradeiro de Sookita e o dele. se atrasar. “Eric. se voar. ele cortará uma perna. ele forçava a mente para se lembrar exatamente de tudo o que aconteceu.. E Sookita não contou nada. Talvez não fosse mais o momento de subestimá-lo. dependia da intensidade e do prazer sentido pelo vampiro.. Tanto ele quanto a Autoridade tinham sido tão cuidadosos em todos os aspectos.. Ele sabia que o senador não teria dificuldade em descobrir a farsa.... fazendo com que voltasse ao presente. Mas. imaginou que fosse o horror dela em estar casando... em pedaços ou inteira. mas a sua mente mandava não se envolver. podia-se ouvir uma voz ditando o que dizia.” ela pausou novamente.

ele bateu com o punho na mesa. não pode simplesmente desistir dela.” “Não comece a rezar e pedir em nome de Deus.”. “O local onde ele os levou da outra vez. o olhar distante e confuso. Eric disse entre dentes. Achei que não era religioso. “Ele é sádico o suficiente para não fazer isso antes que chegue. 242 . ela não pode morrer!” “Eu não sou o cavaleiro de armadura prateada. “Sookita estará viva quando chegar.”. Bill cruzou os braços encarando Eric longamente. o prefeito perguntou apreensivo. qualquer coisa. “Como pode confiar cegamente num homem como Morales? Ele quer me pegar. estou dando algo em troca. “Perto de Tijuana.”.”.”.Escravos do Amor – Segunda Temporada O telefone ficou mudo.”..” “Por que fará o sacrifício se acha que ela não voltará viva? Você precisa tentar alguma coisa. Uma fazenda abandonada. ele respondeu rapidamente.”. acredito que ela ainda estará viva. Bill falou indignado. Eric respondeu desviando o olhar. “Alguma coisa tem que ser feita. demorou a notar que Bill tocava em seu ombro.” “É uma emboscada.. “Onde irá encontrá-la?”. Bill. Farei o que for suficiente. não o meu. esse será o meu sacrifício. apenas o silêncio caiu na sala.” “Vou matar o senador.” “Você fará o que for preciso. esse é o seu papel. está apenas usando Sookita como marionete. ele disse impaciente. Não vou ficar de mãos vazias.” “Isso não está em discussão agora. Eric devolveu o telefone para Bill e sentou-se pesadamente na cadeira. não espere ela voltar viva. “Essa troca não está condicionada a sobrevivência de sua esposa.

243 . sempre quis tudo o que é meu. já que sua real intenção aquela noite foi salvá-la.”. Eric disse cuspindo sangue da boca. nada feito.. Eric respondeu caminhando na direção da porta.”.”. Sem isso. Bill disse com deboche.” “O trato só vale se trouxer Sookita. Bill disse enquanto passava a mão que tremia no bigode. “Não sabe nada. Bill disse saindo do escritório.”.”. Pam não perdeu tempo e entrou rapidamente no escritório para falar com Eric. “Conto com sua eficiência. Desferiu um soco poderoso no rosto do vampiro. “Não é só o senador que o tem como inimigo.”.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Sookita não é tão insignificante assim pra você. Assim que viu Bill se retirar da boate.” “É assim que agradece quem salvou a sua vida. sei o que aconteceu entre os dois ontem a noite. Eric arqueou a sobrancelha por Bill saber da escapada noturna de Sookita. “Se me machucar. “Presumo que Sookita tenha feito isso em meu lugar.” “Não tenho culpa se suas mulheres se jogam aos meus pés. “Não pense que me engana com esse papo. Não seria diferente agora. “Se eu não voltar. “Não teria graça você ser morto pela Autoridade. Eric bateu com força na parede onde ficava o seu quarto secreto. não a mim. Bill.”.. ele se levantou batendo as mãos na calça jeans. nós dois sabemos que é capaz. avançou na direção dele o puxando pelo colarinho. Pam irá cumprir o trato. Se soubesse o que realmente aconteceu saberia o que ela realmente significa para mim.” “Está contando com a sorte.”. ele abriu a porta apontando a saída. “Espero que não volte sem ela. Eric soltou uma risada. Bill não se conteve diante da provocação barata de Eric. sua esposa não será salva. ele disse raivoso.”.”.

Eric a encarou com um olhar distante.Escravos do Amor – Segunda Temporada “O que aconteceu?”. Eric. Pam apontou na direção da porta. ele disse puxando a mão levemente. ele disse sem olhar para ela. ela disse cruzando os braços. “Do que isso irá adiantar se morrer para salvar aquela idiota? Nada. tudo mudou. “Para o senador. ele disse balançando a cabeça. já não posso dizer o mesmo da dela.”.”..” “Como assim?”. em troca da vida dela.” “Pelo jeito é assim que irá se enganar.” 244 . “Você e suas conclusões infundadas.”. é a mim que ele quer.”. “Não existe nada disso.”.”.” “Farei o possível. “Ele exigiu que eu me entregasse.. ela perguntou como se sentisse uma pontada no peito. como eu já imaginava. acredito que aceitou. não pretendo morrer assim tão fácil... Não entendo porque não assume o que sente de uma vez por todas. “Minha vida será mais fácil de salvar.” “Eu não vou tentar mudar sua cabeça. “Desde que essa telepata entrou em nossa vida.”. ele sorriu pra ela. matar o senador. ela o encarou com pesar.”. simplesmente nada. “Por conta dessa sua cara de velório. ela apertou a mão dele exasperada.”.”. tudo. ela perguntou não contendo a curiosidade. só espero não te perder para sempre. Bill só veio me passar o recado. “Prometo. Bill está com ele.”. ela sentou na outra poltrona puxando a mão dele.” “Promete?”. ele disse sentando na poltrona em frente a mesa ainda sem conseguir encará-la. “Aceitei em troca do irmão dela. “Ainda quero aturar seu mau humor por longos e longos anos. “Sookita foi sequestrada pelo Senador Morales. ela se aproximou dele. já está tudo decidido. “E o que você tem com isso? Ela agora é problema do prefeito. “Preciso aproveitar a oportunidade e fazer o que já deveria ter feito antes.

e não acredito que Tara trabalhasse para ele. e não ficou amiga sem querer de Tara.” “O seu rosto diz o contrário. O pior que Ágata foi várias vezes até a casa de Eric. Parecia uma garotinha ganhando um doce do vendedor da esquina. ele a tirou do colo e se levantou. “Quantas pessoas contratamos nesses últimos meses?” “Tara e Ágata. Não demorou em achar a garçonete servindo uma mesa. talvez fosse o último beijo. precisava senti-lo como tanto tempo não sentia. “Vá atrás de Tara. “Ágata não aparece por aqui desde a semana passada. Pam disse friamente. mas para ela não seria o suficiente. pensou sentindo o gosto do sangue quando as presas tocaram a língua dele.. caminhou até Tara e a puxou pelo braço. só isso. vamos até o escritório”. “Sim. deixou a língua tocar cada parte da boca de Eric. tudo estava desabando em sua cabeça. de suas palavras. por que?” “O senador estava nos espionando. Talvez nem o visse mais.”. “Precisamos conversar. fala como se eu estivesse indo em direção a forca. Sentou-se na 245 . ele abriu os braços.”.Escravos do Amor – Segunda Temporada Eric a puxou para junto de si.” Pam saiu do escritório sentindo-se completamente impotente. as duas parecem muito amigas. depois um possível espião trabalhando na boate. Primeiro Eric correndo risco com o senador.”. Ele deu um leve beijo nos lábios. Ela agarrou o pescoço dele não deixando que o beijo acabasse. como ela necessitava daquele contato. ela disse encostando a cabeça no peito de Eric. “Também não é assim. ela disse com um olhar desconfiado. voltou para o escritório encontrando Eric pensativo sentado novamente em sua cadeira atrás da mesa. A vampira não esperou por Tara.” “Fui pego de surpresa. Pam caiu desajeitada no colo dele e o encarou intensamente.”. quero falar com ela. “Vou sentir a sua falta. terminou o que estava fazendo antes de seguir a ordem de Pam. estou indo.”.. mandou avisar por Tara que estava doente.

Eric perguntou atraindo a atenção de Tara novamente. “Aconteceu alguma coisa com ela?” “Por enquanto nada. Ágata é muito discreta.Escravos do Amor – Segunda Temporada poltrona cruzando as pernas esperando pela chegada da outra. “Acho que está na casa dela. ele disse seriamente. “O que ela fez?” “Responda as perguntas primeiro. pois Tara entrou na sala lembrando vagamente de quando esteve ali na última vez. ela mexeu-se na poltrona. o casamento dela com Bill.” “Nada demais. “Por 246 .”.”.” “O que seria o suficiente pra você?”. “Onde está sua amiga Ágata?”. Pam respondeu. todos os detalhes. ela respondeu desconfiada.”. não sabia o que esperar. ele perguntou a encarando. Ele apontou a poltrona ao lado de Pam. ela perguntou timidamente. eu contava o que acontecia na minha vida. ela respondeu evitando olhar para ele. “Quero saber o que andou conversando com ela. ela voltou-se para Pam.. “Falou sobre Sookita com ela?”. “Apenas o suficiente.. eu quem falava. Tara sentou-se com cuidado. fica umas três quadras daqui. “Ágata demonstrava interesse no assunto? Perguntava sobre Sookita pra você?” “Não. “O que desejam?”. Eric olhou de Pam para Tara.”.”. não foi nada demais. “Ela não vai dizer nada.” “Sabe onde ela mora?” “Num cortiço aqui perto. Eric não teve tempo de responder. “Minha amizade com Sookita. Pam disse com um sorriso de canto.”.”. coisas de amigas.

”. “Nunca consegue ficar calada.” “Preciso fazer isso agora?”. Pam perguntou levantando da poltrona. nós teremos uma conversa. Pam bateu com as mãos nos encostos da poltrona. Tara interrompeu olhando de um para o outro. “O que ele quer com ela?”. Tara disse encarando Eric. será perda de tempo. Eric respondeu perdendo a calma.” “Vá e descubra o que for necessário. ele disse calmo. deve saber muito mais do que Tara. “Ágata estava espionando a boate para o senador e ele pegou Sookita. não disse nada de importante sobre Sookita.. ela sorriu falsamente para a funcionária. Eric disse severamente para Pam. “Nada irá acontecer. “Duvido que ela ainda esteja lá.. Nada demais.”.Escravos do Amor – Segunda Temporada favor.”. ele perguntou um pouco impaciente. apesar de já imaginar as intenções do senador. Pam deu de ombros. “Eu não tenho culpa. “Se ela ainda estiver nesse local que falou. 247 .”. “O senador Morales? Aquele que quase matou Sookita?”. Tara colocou uma mão no rosto perplexa. o que está acontecendo aqui? Por que todas essas perguntas sobre Ágata?”. “Pela última vez.”. ele perguntou passando as mãos nos cabelos. o que está acontecendo?” “Se Ágata era discreta. só esta usando Sookita. Não estou pedindo. como chegaram a esse assunto?”.”. O senador me quer.” “Eric. “Fugindo do que?”. acho que você está fugindo do assunto.”. “Você se alimentou de Ágata várias vezes. Jamais trairia uma amiga. “Não tinha motivos para contar sobre a vida de Sookita a uma desconhecida. “Quero que vá com Pam até a casa de Ágata. Eric respondeu tentando evitar um ataque de histeria da moça.”. Tara perguntou assustada.

” O guarda deu de ombros ignorando o pedido mal educado dela. Ali havia celas espaçosas e um tratamento diferenciado. Ele chegou onde ficava as celas no terceiro andar. diferente de onde ele ficou no tenebroso quinto andar. sem torturas e bizarrices. esperava apenas uma arruaça normal de vampira jovem. “Não fui eu quem atacou Sookita aquela noite. Pam disse sem vontade para Tara.. Não fazia ideia do que Jessica poderia ter feito. levou a sério as ameaças feitas pelo senador. “Pai. ele sentou-se na ponta da cama.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Vamos. estão me acusando de algo que não fiz.”. Não havia contado para ninguém sobre o sumiço de sua esposa. voltou a ler a revista de fofocas. Tomou um susto quando ouviu o pigarro de Bill chamando a sua atenção. Sem querer esse acontecido com Jessica ajudaria a esconder Sookita.”. sempre foi uma boa mentirosa. estou com fome. me traga sangue. “Abra a cela. Após o desaparecimento de Sookita na noite anterior não demorou muito para receber a notícia de que Jessica foi detida na Autoridade. -----------------------------------Bill caminhava cabisbaixo pelos corredores da Autoridade. 248 . “Hey. Ele encontrou Jessica deitada na cama com cara de poucos amigos. conforme chegou perto. disse ela com a voz chorosa. a ouviu dizendo palavrão para o guarda de plantão.”. apoiou a cabeça na cadeira pensando em como voltaria junto de Sookita. ele acreditava piamente nisso. resolveria rapidamente e daria um belo castigo. ele perguntou carinhosamente. sua bicha. Bill pediu apontando para a sala de Jessica. Bill entrou recebendo o abraço caloroso dela.. “Estão te acusando disso? Tem certeza?”. Eric observou atentamente as duas saírem do escritório. ultimamente cada nova visita que fazia era por algo ruim. ela esperava que seu pai acreditasse.”. Em poucos dias ela voltaria sã e salva. “O que você não fez?”. Em questão de segundos a cela de Jessica estava aberta.

sua esposa. ele disse com um nó na garganta. “Nós a detemos para averiguação.” “Isso. Santiago está passando dos limites.”. Santiago disse sem provocação. “Jessica. Ele precisa saber com quem se meteu. “Chegou rápido. ela disse com a voz alterada. Santiago me abordou no casamento. Tive que sair da festa escoltada por ele e outros vampiros. chame Santiago. o guarda voltou acompanhado de Santiago que entrou em seguida na cela. não podemos manchar nossa tão complicada reputação. ele perguntou levantando da cama. se aproximando de Santiago. o que te faz pensar que esta pessoa esteja falando a verdade?”.”.”. ela disse empinando o nariz. “Por que está acusando Jessica?”.”. “Sem a minha permissão. os dois se sentaram na cama. ele perguntou desconfiado. “Eu juro. “Nunca faria nada para magoá-lo.” 249 .”.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Sim. disse pegando as mãos dele. tomando uma distância segura de Jessica e Bill. isso é inadmissível e um abuso de autoridade. “Traga Santiago aqui. meu caro prefeito. Bill. “Jessica se declarou inocente. Mas.” “Quem a acusou? Por acaso essa pessoa tem provas do que disse?” “Não posso revelar quem é a testemunha. ele olhou para Jessica. eu diria que tem convicção na acusação e dispensou muitos detalhes. “Não podemos fechar os olhos para uma investigação. “Sua filha foi acusada pela responsabilidade do ataque a Sookita.” “Eu irei até o fim para te livrar dessa falsa acusação. Santiago ficou nas pontas dos pés para encarar Bill.”. Vocês sabem o quanto é grave atacar humanos. Quando Bill terminou a frase. você jura em nome de todo o amor que sinto por você que é inocente?”. ele saiu da cela e falou irritado para o guarda.”.”.

Escravos do Amor – Segunda Temporada “Minha filha sabe quais são as consequências de quem ataca humanos. o abraçou e começou a chorar desesperadamente. por favor.. Bill. ele sorriu timidamente para os dois.” “Não.. Além do mais. “Não pode mantê-la sob custódia sem ter provas. “Eu posso vigiá-la em casa. ela enfatizou o jamais dando veracidade as suas palavras.”. Bill se aproximou mais um pouco dele mostrando as presas.” “Você não faria isso. “Vou levá-la comigo. “Acredito que seja de seu interesse descobrir quem machucou sua esposa..”. ela e minha esposa se dão muito bem. eu jamais faria mal para ela. Não pode me deixar aqui.”.” 250 .. Jessica não irá fugir das obrigações. “O Executor só é chamado em casos extremos. jamais. ele não se intimidou com a aproximação de Bill.” Jessica concordou rapidamente com a cabeça e se colocou atrás de Bill encarando Santiago de maneira hostil. Bill disse de maneira arrogante.” “Não é de bom tom atrapalhar uma investigação.. “Eu acredito nesse carinho. eu posso convocar o Executor.” “Totalmente.e sabemos que não é a melhor opção. esta pessoa não é Jessica. “Não posso abrir essa exceção. mas se fosse necessário. acredito na palavra dela. “Pai.”. ele ignorou o olhar de Jessica voltando-se para Bill. Sinto decepcioná-los. é a minha palavra final.. Mas.”. mas temos que averiguar. serei obrigado a tomar essa medida extrema. “Ela vai cooperar com as investigações.”.”.” “Se atrapalhar essa investigação. Santiago comentou num tom ameaçador.” “Se fizer isso. Não gostaria de tê-lo por aqui. ele disse se voltando pra ela esperando um sinal de concordância.”. “Sookita é a minha madrasta.” Jessica se aproximou de Bill o puxando delicadamente pela roupa.

Escravos do Amor – Segunda Temporada “Deixarei vocês juntos por meia-hora. depois deverá ir embora. ela perguntou deprimida.”. “Leroy ficará de guarda para escoltá-lo até a saída. mas não conseguiu pela décima vez. Morales sorriu tirando o cachimbo da boca e disse para seu assessor: “Por que se preocupa tanto com esse aparelho? Já está tudo arranjado. “Eles não irão te fazer mal. você chama isso de bom tratamento?”. Juan perguntou tremendo ligeiramente a voz. minha querida. Estamos lidando com um vampiro antigo e perigoso. ele se afastou quando Leroy parou perto da cela. “Não dê motivos para isso. “Está na hora. ele a beijou na testa delicadamente. Preparamos meticulosamente cada parte desse plano. 251 .” “Decidiu o que fará com a moça?”. ela fez um gesto com as mãos de forma dramática. “O mais rápido que conseguir. “Logo a tirarei daqui. Leroy disse friamente. ele passou as mãos nos cabelos longos dela. “Você disse isso tantas vezes. Sei o quanto é impulsiva. Santiago saiu da cela lançando um último olhar para Bill e Jessica abraçados.”. as ameaças de Santiago não metem medo.”.”. Juan respondeu quase jogando o celular do outro lado da sala. tenho os meus contatos.”.”.. por favor.”. Se comporte..” “Não é para dar errado como da outra vez. --------------------------------O senador estava sentado no escritório improvisado na antiga fazenda abandonada nos arredores de Tijuana. Bill acenou para sua filha enquanto caminhava para fora. “Estou sem me alimentar desde que cheguei aqui.”. Jessica deitou-se na cama chorando alto. Juan Carlos tentava desesperadamente fazer o celular funcionar. ele apontou para Bill.” “Quanto tempo até isso acontecer? Sou capaz de morrer aqui dentro.

ele sorriu novamente observando do segundo andar a floresta que circundava a fazenda. ele caminhou na direção da janela. não precisa se preocupar. não para morrer.. “É tão bom esse doce sabor da vingança. o senador perguntou olhando de lado para Juan.”.. “Não deve valer o esforço. Passou a mão no bolso da calça algumas vezes antes de tirar 252 ..: “Vou subir no terceiro andar para essa recepção melhorar. ele disse colocando o cachimbo em cima da pequena mesa no centro da sala.” “Ela parou de sangrar?”. precisamos estar preparados para tudo. ele ficou satisfeito com o que viu. qual o nome dela mesmo?”. “Ela está bem. “Não quero que ela morra antes do tempo porque perdeu muito sangue. ele teria que se manter completamente concentrado no que aconteceria essa noite.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Guardarei uma parte dela eternamente comigo. Juan respondeu meio displicente.”.” Juan Carlos apenas balançou a cabeça concordando. “Só peço que não perca o foco. “Ágata.”.” “É para falar com aquela sua amante. Não te pago para foder com funcionárias. Fiz questão de averiguar isso.” “Bom rapaz.. senhor. “Veja se o rapaz lá em cima está preparado. não queria o senador se preocupando com bobagens.” O senador sabia que estava provocando Juan. ele respondeu tentando evitar que o assunto estendesse. Juan concordou obediente. A movimentação continuava intensa nos arredores da fazenda. o senador perguntou preocupado.” Juan saiu da sala apressadamente deixando o senador sozinho. “Eu sei disso. “Ela não perdeu sangue o suficiente.”.”.”. voltou a mexer no celular tentando novamente um sinal. reparou que todos os homens estavam a postos esperando a chegada do vampiro.

menina?.”. mas o pior era o senador continuar vivo após tudo isso.”. fez um sinal para o homem armado que montava guarda se afastar e entrou na porta que ficava em frente. não demorou a chegar ao corredor do segundo andar. Meus homens cortaram seu belo dedo sem minha permissão.”. ele disse calmamente. pelos e a pele sensível ao toque. ele 253 .” “Ele sabe que é uma armadilha. Caminho para perto da escada. ele disse piscando pra ela. o dedo indicador estava faltando. mas ainda belo para ele. ela disse com dificuldade. “Tenha um pouco mais de paciência. ela não tinha dúvidas de que seria morta. meu marido é Bill. “É um idiota por deixá-la se casar com aquele prefeito pedante. ela disse balançando a cabeça. ela disse pesarosa. havia um enorme curativo na mão esquerda dela.”. “Ah. Ela se encolheu quando ele sentou na cama de solteiro que ficava no quarto. “Se eu fosse mais jovem você não me escaparia. ela não tinha por onde escapar.” “Está enganado se pensa que tenho algo a mais com ele. eu cometi um erro em te usar como isca? Fui o bobo da história. ele disse frisando a última palavra. não confia no poder do amor.”. ele virá. “Não tenha medo. Guardou a caixa com cuidado no bolso.”. Deparou-se com Sookita ainda vestida de noiva sentada no chão com algemas nos pulsos. fechou a caixa quando sentiu a ereção.” “Não vou matá-la. “Eric não é idiota.Escravos do Amor – Segunda Temporada uma pequena caixa de madeira pintada de preto. Demorou alguns segundos para abrir como se estivesse admirando o que continha ali dentro. “Eric não virá me salvar. “O que está esperando para me matar?”. ainda. O bonito vestido estava encharcado de sangue para desgosto do senador. Ele passou a mão delicadamente.”. sentindo cada poro.”. saiu da sala a passos largos. sem cor por conta da falta de sangue. Exibiu um largo sorriso quando viu o dedo que estava ali. ele sorriu. não será tão ingênuo assim. menina. as janelas estavam fechadas com pesadas placas de madeira. A unha ainda mantinha a cor rosa. “Então.

”.”.. ele disse se aproximando dela.Escravos do Amor – Segunda Temporada disse com um sorriso de canto.” “Tem certeza?”. “Não tenho forças. não seja gulosa. não tem motivos para se entregar. “Sim.. mate-me de uma vez.”. “Isso não importa mais. “Mas. ele disse desabotoando a calça.”. Sookita não respondeu. “Estou cansada demais para gritar. ele disse colocando a mão entre as pernas dela. a lâmina era brilhante e serrilhada na parte de cima. uma lágrima escorreu silenciosa de seu rosto. ele perguntou surpreso.”. ela disse soltando o peso do corpo. “Eu imploro. ele não a machucou dessa vez. “. ele guardou a faca e deu um tapa na cara dela. “Por favor. “Não tão rápido.. ela disse com um fio de voz.”. ela entra no corpo procurando desesperadamente o prazer... “Faça logo. “Não irá lutar e dizer que quer se manter pura?”. “Uma faca é tão sexual. “Eric não gosta de mim.”.”. “Quero que grite muito. temos que nos divertir um pouco. disse com a voz embargada. mas cortou boa parte do vestido usando a faca.. Sookita reconheceu a faca que ele a machucou da primeira vez que se encontraram na fazenda.. Puxou o que sobrou do vestido para cima abrindo as pernas dela. eu gosto. ele disse a levantando do chão.. Morales passou a faca do pescoço dela até chegar perto das coxas.. Ele a pegou com força pelo braço e a jogou de bruços na cama.”. ela não se afastou..”. ela disse jogando a cabeça pro lado sem 254 . o tapa fez com que caísse no chão pesadamente. com tanta dor que irá sentir. “Está fingindo para me irritar.” Ele tirou uma faca do bolso de dentro do paletó.

a algemaram para que ficasse mais obediente. Quando o senador obrigou que passasse o recado para ele. namorando vários rapazes e até perdendo a virgindade. Uma batida foi ouvida na porta. que fosse rápido. longe disso. de vez em quando acertou socos quando se aproximavam. Algo estava acontecendo. se arrastou até o outro lado do quarto para pegar a calcinha. Juan Carlos gritava pelo senador. se divertido com Tara e Jason. ela se aproximou da porta tentando ouvir o que podia. Encontrou dificuldade porque ainda tinha as mãos algemadas. não daria esse gosto para ele ou para qualquer outro daqueles 255 . mas respirou aliviada por ele ter ido embora. sonhava para que Eric viesse salvá-la e aquele horror terminasse logo. Por conta disso. Rezou tanto para que algo acontecesse e o impedisse de machucá-la daquela maneira. Iria morrer mal tendo aproveitado a vida. Ele puxou a calcinha com violência jogando do outro lado do quarto deitando em cima dela de maneira desajeitada. Não sabia o milagre que o havia afastado. Sookita começou a chorar desesperadamente. Se fosse Bill quem o senador queria. “Você teve muita sorte. Ela juntou as pernas deitando a cabeça nos joelhos. Quando ele saiu pela porta. A empurrou para fora do quarto. Desde então se preparou psicologicamente para o que aconteceria e pediu apenas para não sofrer muito. um dos capangas a pegou pelo braço sem gentileza. menina. No fundo. Ela manteve o passo firme. talvez desejasse que ela caísse e morresse de uma vez. Sookita teve certeza que iria morrer. Suspirou alto enquanto ouvia a movimentação do lado de fora do quarto. ela não tinha dúvidas de que seria salva. Não que desejasse a morte de Bill. continuou deitada de bruços na cama. sentindo o corpo todo tremer. não esperaria esse tipo de atitude de Eric. O homem a empurrou degrau por degrau. Mas. Ela faria o mesmo se fosse o caso. Ainda se lembrava da dor terrível quando um dos capangas decepou boa parte de seu dedo indicador para que gritasse e chorasse de dor.Escravos do Amor – Segunda Temporada encarar o senador. Voltou para a posição que estava e ficaria esperando pelo fim que teria nas mãos do senador. mas sabia o quanto ele a amava. ela quase tropeçou e caiu na longa escada que levava ao primeiro andar. Sentou-se na cama sentindo a cabeça latejando pelo soco. mas só escutou passos de um lado para o outro e vozes abafadas.” Ela não reagiu ao soco. Morales deu um soco na cabeça de Sookita e se levantou abotoando a calça. Tentou escapar várias vezes de seus sequestradores gritando o máximo que podia. A porta se abriu de uma vez.

o senador apontou no carro que estava estacionado. estou com a moça.”. Ela notou que estava escuro.”. o senador apertou Sookita contra o corpo dele. mas a distância só fez com que enxergasse o brilho azul que emanava do rosto de Eric. ela não reconhecia de quem era. “Não. liberte a garota. “Pronto. mas não achou prudente tomar uma atitude dessas. sentindo os pés descalços de encontro à terra fofa. mas não se importava. ir embora.”. vou matá-la agora. Eric repetiu mais alto. vampiro.”. queria ficar longe o máximo possível do senador. esse é o trato. “Vou me entregar.Escravos do Amor – Segunda Temporada idiotas. ele a empurrou com força. Ele a segurou pelo braço e manteve a arma embaixo do outro quando a levou para fora. Ela correu rapidamente. 256 .”. O senador a puxou segurando pela cintura e a mantendo na frente dele.”. mesmo que fosse só para salvar a própria pele. “Corra naquela direção. “Só quando a libertar. “Siga pela estradinha até encontrar a rodovia. Sookita quase correu na direção de Eric. as pedrinhas machucando. Um carro estava parado a vários metros da casa. Lançou um último olhar na direção de Eric. esperava que tivesse algum. o senador gargalhou.”.” Eric surgiu vários metros distante de onde estavam. Mas. Pode aparecer. Sookita sentiu vontade de gritar para ele sumir.”. tem minha palavra. “Tem que se entregar primeiro. seu coração começou a bater acelerado. Tentou olhar nos olhos dele. “Não precisa ter medo. se misturava com o breu da noite. não teve forças para fazer isso e colocar a perder qualquer plano que ele tivesse.” “Então. mas ele continuava focando no senador. “Você sabe que não estou blefando. seria bem provável que os dois morressem com aqueles capangas armados. o senador exibiu a faca novamente. o senador gritou. vestido de preto da cabeça aos pés. havia vários homens armados a volta deles como proteção. Sookita reconheceu a voz de Eric. que era uma armadilha. Apareça para negociarmos como homens de negócios que somos.

Os outros batimentos eram ritmados. ela reconheceu a voz de um dos capangas do senador. Desejava ardentemente que Eric escapasse. Dois homens desceram. Só importava a sua boate cheia justamente pela curiosidade dos humanos em encontrar vampiros. fora isso. Estancou de uma vez no meio do caminho. não iria correr o risco de chegar desprevenido no local do encontro e ser surpreendido. por mais que não gostasse disso. apenas um tiro ecoando na noite. Olhou para trás esperando algum sinal de Eric. Será que Eric tinha matado todos tão rapidamente? E por que não chegou até ela? Quando ela ouviu um barulho alto. Ela não queria carregar esse fardo. não tinha sinal de que estava sendo seguida. Teria que ter certeza da segurança de Sookita antes de agir ao matar todos. mas não em troca da vida dela. Não compartilhava essa visão medrosa da Autoridade. tirando a força letal dos vampiros para compensar a Grande Revelação. ela tinha certeza que ouviria alguma coisa. sabia que havia em torno de 20 pessoas no local. suspirou aliviada. Não entendia o quanto essa história tinha escapado de suas mãos.Escravos do Amor – Segunda Temporada Continuava correndo pela estradinha de terra. Ele observava atentamente a movimentação na fazenda. apenas aquele incomodo estrondo. Antes que pudesse alcançar a beira da rodovia. como o da maioria das pessoas enquanto trabalhavam em funções automáticas. Morresse por qualquer outro motivo. “Onde pensa que vai?”. sentindo-se culpada pelo resto da vida. mesmo que o desprezasse não o queria morrendo por causa dela. O batimento mais acelerado deveria ser de Sookita. estava chegando perto da rodovia. mas estava incomodada com o estranho silêncio a sua volta. Tudo o que sabia do senador havia sido passado pela Autoridade. mas nada aconteceu. 257 . em serem sugados e sentirem medo. o quanto ele tinha cometido erros tolos. um carro parou em frente dela. -----------------------------Eric partiu para Tijuana na noite seguinte após a conversa com Bill. seu coração voltou a bater acelerado. não estava acostumado em ter a desvantagem. que não exigiam muito esforço mental. escondia-se na floresta e através dos batimentos cardíacos. Eric não se importava com políticos ou com a busca de uma imagem positiva dos vampiros. Ainda mais pelo sentimento que nutria por ele. ela notou que estavam armados. ele sentia a descarga de adrenalina mesmo distante. Não ouviu mais nenhum tiro. Começou a ouvir o barulho de carros. Nada havia acontecido na fazenda. ele não duvidava de que o senador era capaz de matá-la em represália.

pois estava alugada para uma família. e nem fazia isso para se sobressair a Bill ou pelo irmão traficante. Mataria Jason a revelia da Autoridade. não queria perder o controle no meio de uma situação como essa. Sookita estava ao lado dele. Pensou várias vezes que só estava fazendo isso para matar o senador. mas mantinha uma distância segura. Eric dirigiu o carro pela estradinha de terra. arrombou uma casa a beira-mar que não tinha ninguém. seria o suficiente para atacar rapidamente quando Sookita estivesse livre. não a deixaria morrer porque não era um covarde. e nessa batalha contra o senador. Não poderia negar que matar Jason continuava em seus planos. Alugou um carro no aeroporto de Tijuana. pois acabariam descobrindo a troca feita entre os dois por conta do senador. o que seria uma vantagem para ele que não tinha problemas em se locomover no escuro. E a contragosto foi obrigado a comprar comida dos humanos. A ironia do destino é que pelo menos duas que deu errado envolveram Jason e Sookita. Sookita seria apenas consequência.Escravos do Amor – Segunda Temporada Passou o dia em Rosamar. A velha fazenda tinha poucas luzes acesas. Santiago não atrapalhou as buscas. o mesmo lugar que utilizou da outra vez. E nem poderia entregar Bill também. mas exigia o rapaz vivo. e Eric não iria deixar a oportunidade passar. Notou que estava sendo seguido por outro carro. ele nunca deixou ninguém para trás numa batalha. 258 . por sorte nunca esquecia o cheiro dos lugares que visitava e não encontrava dificuldades em encontrá-los novamente. várias embalagens brilhantes com produtos estranhos e o refrigerante de cola mais popular. Eric parou o carro uns trinta metros de distância da fazenda. poderia contar nos dedos de uma mão as matanças fracassadas. Apenas porque era o correto. Dizem que os japoneses partiram dessas tentativas na criação do sangue sintético que tirou os vampiros das sombras. ele pegou alguns enlatados. Ficou surpreso por Bill barganhar a vida do irmão de sua amada esposa dessa maneira. Raramente isso tinha falhado antes. iria seguir mesmo que sem vontade as exigências do senador. faria o que mais sabia fazer. Não pode usar a mesma casa. matar o máximo que pudesse. Dessa vez. ele riu alto com esse pensamento. Ele até se lembrava quando essa bebida foi lançada. um refúgio seguro e lotado de turistas americanos. novamente seria o suficiente para uma fuga rápida e passar uns dias até a poeira abaixar. alguns vampiros até experimentaram numa tentativa de substituir o sangue ao seu vício num produto tão forte. Ele não tinha um super plano para se livrar do senador. e sempre teve certeza de que Bill estava envolvido no sumiço do rapaz. apenas o luar deixava iluminada. a intenção maior era essa. Comprou um bom estoque de TruBlood para não depender do sangue de Sookita.

Eric fez um movimento sutil com as pernas quando notou algo brilhando no telhado da fazenda. não havia reparado anteriormente.”.” “Não tão fácil assim.” “Não quero me sujar de sangue. se a minha conta estiver correta.” Juan fez um sinal para um rapaz se aproximar. Juan Carlos se aproximou do senador com uma estaca e estendeu para ele. e foi jogada aos pés dele. o vampiro não percebeu que era um alvo ambulante. Antes que pudesse esboçar uma reação. batia palmas sem parar enquanto observava o vampiro caído.. O senador não se continha de felicidade. “Agora sim está gritando como eu queria. venha me pegar. doce Julieta?”.. Sookita foi apenas à distração que precisou naquele momento. estendeu a estaca e deu a ordem para matar o vampiro o mais que rápido que puderem.Escravos do Amor – Segunda Temporada Os olhos dele brilharam quando o senador surgiu junto dela. vampiro. ouviu um som alto rasgando a noite e tudo se apagou. Ficou parado perto do carro observando pelo canto de olho Sookita correndo rapidamente na direção da estrada. ele a pegou pelos braços. exigiu que a libertasse. Ele gritou para o senador quando ela estava fora de perigo: “Estou aqui. ele levantou o queixo dela com o indicador. ela perguntou olhando em volta apavorada. só iria se entregar quando isso acontecesse. Sookita foi trazida aos berros um pouco depois do tiro. o senador fez um sinal com a mão. nem o vampiro mais rápido conseguiria fugir de um tiro certeiro.”. a bala o deixará sem ação por uns quarenta minutos. “O corajoso salvador de sua honra?” 259 . “O senhor precisa matá-lo agora. Juan Carlos havia bolado o plano perfeito ao utilizar o atirador de elite. ------------------------------O senador estava exultante. Aproxime-se. mande outro fazer isso. “Onde está Eric?”. pagamos caro para fazerem o trabalho sujo. nada havia saído errado e ainda teria a moça para se divertir antes de matá-la. “Quer encontrar o seu Romeu.

só que dessa vez com mais força. ele perguntou enquanto retirava a faca do paletó. Ela balançou a cabeça várias vezes como se negasse o que estava vendo. saiu correndo na direção do corpo inerte de Eric. O senador a levantou forçadamente. o amor cega as pessoas. Morales puxou a faca pela última vez e a jogo no chão ao lado do vampiro morto. Aceitaria resignada o que o destino estava impondo. sentindo as lágrimas escorrendo quente. Sookita conseguiu se desvencilhar do senador o empurrando com força. “Nunca viu um vampiro morto antes?”. acho que deve ir junto de seu Romeu. o senador passou a mão nos cabelos dela a trazendo junto de si. mas que pelo menos o senador seria morto.Escravos do Amor – Segunda Temporada Ele a puxou pelo braço caminhando devagar para perto do carro de Eric. Morales ordenou numa voz cavernosa que saíssem dali. passando a mão novamente nos cabelos dela e obrigando que encarasse Eric morto no chão.” Ele levantou a faca e desferiu um golpe acima do umbigo de Sookita. Ela tropeçou pelo caminho. Havia vários capangas vendo alguém caído no chão. o corpo dela amoleceu encostado ao seu. Ele a abraçou por trás. “O que irá fazer. “Mas. Ele parecia mesmo morto. Longos minutos se passaram.. sentindo uma excitação crescendo em seu corpo.”. sentiu a ereção voltar. ela bateu de leve no rosto dele. pareciam mais tempo do que o normal. nem como vítima. Ela apenas meneou a cabeça. sangue escorria de um pequeno buraco na testa. gemeu várias vezes.. se ajoelhou sem ainda acreditar no que estava vendo. “Eric. “Foram tão ingênuos essa noite. sabia?”. Ela colocou a mão por cima da dele no cabo da faca tentando tirá-la. Você não me serve de nada. não tinha mais o que fazer. mas ele continuou puxando. O olhar de Sookita foi direto para a visão de Eric no chão com uma estaca no peito. O senador retirou a faca com um pouco de dificuldade. Por um momento acreditou que sairiam dali como da outra vez. ela não esboçou nenhuma reação. Desferiu o segundo golpe perto do primeiro dando uma leve torcida conforme a faca entrou. Morales perguntou debochando. o sangue escorreu quente na mão dele. Julieta? Morrer junto do amado?”. em seguida começou a limpar 260 . para o ódio dele. Pegou um lenço do bolso do paletó. Ele estava mais pálido do que nunca. mas não gritou uma vez sequer. o senador a empurrou na direção do carro.

“Enterrem a moça.. “Deixem que ele apodreça. um dos capangas disse preocupado. 261 . Do que a de Julieta e a do seu Romeu. “Ela ainda está respirando. ele olhou em volta procurando por Juan Carlos para confirmar. Fez um sinal para seus homens se aproximarem.”. perguntou o outro homem que segurava no braço de Sookita.”. Lançou mais um olhar para o corpo dela sendo arrastado pelos dois homens. o senador respondeu friamente.”. mas não o encontrou. só cuidem da moça. “E o vampiro?”.”. Olhou para o vampiro e depois para Sookita com o vestido de noiva sujo e coberto de sangue.Escravos do Amor – Segunda Temporada minuciosamente o sangue da faca.. “Jamais história alguma houve mais dolorosa. não é?”. apontou para o corpo dela enquanto guardava a faca. ele colocou a mão no bolso apertando a caixinha com o dedo que guardaria de lembrança. “Eles levam um tempo para apodrecer. ele citou a frase final da peça de Shakespeare fazendo uma reverência pomposa no final com o lenço do sangue de Sookita.

Escravos do Amor – Segunda Temporada Capítulo 30 O Último Refúgio Times have sure changed. 262 .

”. o senador deu um soco na outra mão enquanto subia para o segundo andar. como se estivesse esperando por algo. “Não deixe a coisa entrar aqui dentro. Passou a mão na testa após a bala que o atingiu ter saído. não havia ninguém por perto. o homem respondeu fechando a porta principal. Temia que essa coisa fosse Eric Colunga. Em seguida. Tinha que beber sangue o mais rapidamente para se recuperar do buraco deixado pela estaca. dessa vez não foi surpreendido. Usando a velocidade vampírica ele se moveu entre as árvores da enorme floresta que circundava a fazenda.”. o senador disse apavorado correndo para dentro da casa. o senador estava parado na entrada se movendo de maneira impaciente. Ele jogou o corpo no chão sem se preocupar em esconder. o sniper usado pelo senador passou batido. “Onde está Juan Carlos?”. “Faz uns quinze minutos que ele saiu para a cidade. Eric virou para trás instintivamente não querendo ser surpreendido de novo. lembrou-se imediatamente de quando invadiu o galpão dos traficantes e foi surpreendido pelo tiro de Jason. ele disse para o homem parando no alto da escada. Virou a cabeça de um lado para o outro. não imaginava de onde o tiro tinha vindo e muito menos quem tinha disparado. as cabeças voaram alguns metros parando perto do senador. Agora Eric tinha a vantagem em agir. 263 . a primeira coisa que reparou a lua começando a sumir entre as nuvens.”. “Quem está fazendo isso”. Ele levantou num salto para frente jogando a estaca no chão. atacou mais dois homens perto da entrada. Um capanga armado passou algumas vezes perto de onde Eric estava escondido. não percebeu quando foi puxado e teve a garganta dilacerada por presas esfomeadas. Eric havia perdido a conta de quantos homens sugou o sangue e destroçou os corpos.Escravos do Amor – Segunda Temporada Ele piscou várias vezes antes de abrir completamente os olhos. faltou pouco para morrer. Eric não conseguia afastar a incomoda sensação de que só continuava vivo por um golpe de sorte. Olhava no chão a sua volta. gritou um homem alto armado até os dentes. pisou em braços e pernas. Ele contou pelo menos quinze homens em torno da fazenda. Do lado de fora. Mesmo com todo o estudo que fez do lugar. “Tudo por causa daquele maldito celular. os restos dos outros e apenas cinco batimentos cardíacos restantes. só havia ele. Mas. sem barganhar por refém ou ser surpreendido por um tiro de covardia. não tinha noção de quanto tempo ficou apagado. Eric tirou a estaca enfincada em seu mamilo esquerdo com um movimento rápido.

Eric se moveu lentamente para não correr o risco de cair. Nem precisou soprar a porta para derrubá-la como o lobo mau na historinha para crianças. Abriu uma porta no corredor que levava para o terceiro andar. Não houve nenhuma resposta. Eric se aproximou do senador que continuava apoiado na janela. Girou a maçaneta com cuidado. Ele deu um salto na direção do homem armado. especialmente o coração do senador batendo em desespero. “Devo dizer que o sniper foi um toque de mestre. Encontrou um pequeno corredor com uma porta no final que dava para o sótão. Sem muito esforço quebrou o pescoço do homem como se fosse um graveto.” 264 . evitando que a escada rangesse e denunciasse que estava ali. “Onde pensa que vai. “Só faltou um pouco de sorte para o seu plano ser perfeito.”.”. Eric disse numa voz forte. subiu devagar. eu tinha certeza. viu o senador correr como um rato para se esconder lá dentro. não aqui. puxou a arma com violência jogando do outro lado da sala.. pelo menos não foi atingido como antes. O Senador Morales encarou o vampiro apertando as mãos no peito. Começou a farejar o ar procurando por Morales.”. Ouviu um barulho no andar de cima. não teve dificuldade em se desviar. Foi recebido com vários tiros.. ele apontou para o tórax. “O coração fica aqui. Com apenas um pulo chegou ao segundo andar. Sentia o medo do outro. Morales continuava apertando o peito.. tossiu algumas vezes e disse baixinho: “Como. Eric entrou abaixando a cabeça para não bater na viga de madeira que sustentava o telhado.. forte e que excitava mais ainda na busca pela presa. ele soltou um uivo alto. era um cheiro diferente. eu vi.. porquinho?”. colocou primeiro a cabeça e perguntou num tom zombeteiro: “Tem algum porquinho aqui?”. a madeira sacolejou embaixo de seus pés por conta do peso..”. como ainda está vivo?” “Seus homens faltaram na aula de anatomia. os vidros do sótão vibraram. fez um movimento dramático quando colocou a mão no peito esquerdo.Escravos do Amor – Segunda Temporada Eric caminhou na direção da casa. bastou um chute poderoso para a porta se dobrar em pedaços. Viu com o canto do olho um movimento atrás dele. “Mas. virou rapidamente pegando o senador tentando pular para o telhado do segundo andar.

apesar de que um deles tinha um batimento bem fraco. mas Eric não se importou. só sentiu um pouco de pesar ao voar pela janela de que o senador já estaria morto. já estava coberto de sangue da matança proveitosa que teve essa noite. 265 .. sem dúvida aquela pessoa morreria logo. Ele sacudiu a cabeça desviando os pensamentos negativos. Conforme avançava na floresta em busca dos homens a que faltava matar.”.. Quando se deu por satisfeito.. o jogou longe com um forte golpe nas costas. “Como estou de bom humor. Havia um corpo no fundo com uma boa quantidade de terra em cima. não iria se dar ao trabalho de matar mais um. como um bom porco quando é abatido. ainda ouvindo o guincho dele ecoando na noite. “Melhor. Ele posou ao lado de Morales que caiu de costas. Puxou o outro pela garganta mordendo a jugular.. que algo poderia ter acontecido com Sookita. parecia perdido em pensamentos. Eric ouviu a voz de dois homens conversando baixinho e o barulho de pá pegando terra.”. a adrenalina de continuar vivo e poder matar essa noite o desviou de sentir qualquer coisa além disso. Eric coçou o queixo. voltar sozinho não estava em seus planos. Ele pegou o senador pelo pescoço que tentou se desvencilhar do toque. Ele surgiu por trás de um deles. ele olhou para baixo ouvindo o batimento fraco vindo dali. Com a outra mão Eric puxou as pernas de Morales. jogou o corpo na direção do primeiro. Um jato de sangue o atingiu. “A sorte está mesmo do meu lado. sentiu um peso de que talvez a sorte não tivesse tanto assim ao seu lado. o osso aparecendo através da pele. por mais que tivesse tido sucesso em matar o senador.”. Não a sentia por perto desde que acordou do tiro. ouviu o barulho dos ossos do rapaz quebrando. Eric deu um sorriso quando viu os olhos arregalados do senador e o quanto ele continuava bem vivo. Ainda faltavam três capangas para serem mortos. Reparou que a pá que o segundo rapaz segurava caiu dentro de uma cova. te dou dez minutos.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Eu. te dou quinze minutos de vantagem para tentar fugir. Por alguns segundos Eric pensou no pior. vi. o senador não olhava para o vampiro a sua frente.” Morales encarou Eric com um olhar distante e se jogou do parapeito da janela batendo com o corpo no pequeno telhado do segundo andar e rolando para encontrar o chão de terra fofa. Não havia mais o que fazer ali. sugando o sangue rapidamente. Notou que uma perna estava virada de um jeito estranho. Jogou longe as duas partes do senador... Eric não se surpreendeu com a atitude do outro em se jogar. separando a parte de cima da de baixo.

Ele dirigia velozmente pela rodovia que levaria para a pequena comunidade praiana. Não tinha como continuar dando o sangue para ela sem ficar fraco. a atitude puritana. A mão esquerda de Sookita estava enfaixada. Não teve dificuldades em tirá-la da cova. estava mais uma vez utilizando um carro popular entre os americanos para se misturar perfeitamente. Após o guincho da morte do senador. Eric forçou o pulso na boca dela. ele começou a revirar a terra em desespero. Sookita não reagia. logo amanheceria e não poderiam continuar ali. olhou para o horizonte pelo retrovisor. mesmo que fosse depois diretamente para Bill. ainda estava escuro. só se ouvia o lamento de Eric na floresta. não demorou em morder o pulso e ver o sangue escorrer pelo braço. Ele soltou um lamento alto por não tê-la salvo assim que acordou. Olhava a todo o momento para o retrovisor 266 . o corpo tão frio quanto o dele. começou a tirar a terra com a mão temendo que encontrasse ali o que não queria ver jamais. mas nada novamente. ele pensava freneticamente. nesse momento já era para ela ter levantado. Os passarinhos começaram a cantar em volta deles. tinha alguma coisa errada e ele não tinha ideia do que seria. Com a outra mão abriu delicadamente os lábios dela e deixou o sangue pingar dentro da boca. Ele abriu um rasgo maior no pulso com a unha para o sangue escorrer abundantemente. Retirava a terra do rosto dela.Escravos do Amor – Segunda Temporada Mas. querendo ganhar forçar como se tivesse lutando. Ele não queria que ela morresse. Naquele momento só ela voltando à vida seria o suficiente para ele. Em seguida. ele não tinha dúvidas de que ela fora esfaqueada. sentou-se na direção. Eric sabia o que isso significava. Pulou devagar dentro da cova. Os olhos dela continuavam fechados. assim como havia dois furos de quase três centímetros um pouco acima do umbigo. com um salto sentou-se perto da cova com ela em seu colo. retirou a jaqueta e pressionou em cima dos ferimentos na barriga dela. Não demorou muito para se deparar com o rosto pálido de Sookita. o olhar cheio de acusações. precisava tirá-la dali de qualquer maneira. sua visão foi atraída para alguns fios de cabelos loiros misturados a terra. Pousou a mão livre no peito dela para sentir o coração ganhar força. queria ouvir a voz petulante dela. ouvia o batimento fraco. Colocou-a gentilmente no banco de trás. tentando fazer com que sugasse um pouco. Eric não se conformava por seu sangue não surtir nenhum efeito. nem fazia movimento por conta do sangue dele em seu corpo. mas nada acontecia. tendo que chegar a Rosamar e o sol quase nascendo. encostou a cabeça dela em seu peito. Levantou do chão carregando Sookita no colo. fez o caminho de volta para a fazenda velozmente.

mas respirou fundo dizendo para si mesma que o pior tinha passado. mesmo dobrando corpo por causa do golpe. correu velozmente na direção da casa abrindo a porta num estrondo e fechando atrás de si. Tudo a sua volta estava girando. Ela imaginou que talvez estivesse morta. apenas o escuro. O braço dele estava em carne viva. Saboreou a sensação em ter aberto os olhos sentindo os raios de sol no rosto e vendo os cabelos loiros de Eric no banco da frente.”. pareceu que estava fora do corpo como se visse um filme.. por sorte não tinha dificuldade em desviar dos carros. mas o cheiro da carne queimada dele deixou claro que estava viva. ele bateu com raiva no volante. “Merda!”.” Ele balançou a cabeça com apenas uma parte que continuava intacta. Ela se apoiou na porta para ficar em pé. Virou o carro com tudo numa curva onde se via escrito Saída-Rosamar... Ele entrou numa alameda cercada de casas luxuosas. O sol estava forte. a última coisa de que se lembrava em ter caído ao lado de Eric e fechado os olhos tendo a certeza de que jamais o veria novamente. deu uma leve cambaleada. a dor não cessou. 267 . se misturando com o tom escuro da noite que estava indo embora. entre. “Vá. assim como uma parte do rosto. estacionou numa garagem aberta que pertencia a uma casa térrea de frente para o mar. seus reflexos eram de grande ajuda... mesmo sentindo as aberturas na pele feitas pela faca.Escravos do Amor – Segunda Temporada esperando os primeiros raios de sol. sua mão começava a queimar. Alguns pequenos raios de luz surgiram. “Sol. “Estou bem. ele acelerava o máximo que podia. Eric não teve tempo de reagir por ela não ter morrido. cheiro da areia e o cheiro de que continuava viva. Quando sentiu a segunda pontada foi como se partisse ao meio. mais um pouco e capotaria o carro. o sol já começava a bater nos olhos de Sookita. A roupa que usava começava a se misturar com a carne que queimava.” Ele ouviu uma voz fraca vindo do banco de trás. Eric soltou um grito de dor quando se levantou do banco para sair do carro. Depois não viu mais nada. Sookita apertou a jaqueta de encontro ao corpo fazendo força para se levantar. Um tom laranja começou a surgir no céu. fez um movimento para tirar Sookita do carro. Ela abriu a porta do carro sendo atingida pelo cheiro do mar. ela disse apontando para a casa. Não percebeu quando levou a primeira facada na barriga.. o barulho das ondas ao fundo era calmante.

Ela deu alguns passos na direção dele ainda cambaleante. sujo de terra. Algumas pessoas caminhavam na praia. Quando ele estendeu a mão para ajudar. Eric apoiou o queixo na cabeça dela enquanto descansava uma das mãos na nuca dela. Sookita escorregou para o chão gelado abrindo a tampa da privada e vomitando algo escuro e viscoso. Sookita abriu a porta da sala devagar. Ainda não se sentia casada. Ela observava as venezianas fechadas. e muito menos no amplo sofá com uma televisão extremamente fina na parede. apenas abriu um sorriso. Na porta do banheiro de um dos quartos da casa. “Obrigada. parou um pouco para recuperar o fôlego. Ela não tinha dúvidas de que estava em Rosamar. não se sentia pertencendo a Bill.”. Observou a praia que se estendia alguns metros à frente da casa. apoiado com a cabeça na parede. 268 . Sookita colocou a mão na boca sentindo náuseas. ele a levantou do chão com apenas uma mão para carrega-la no colo. Contou até dez para recomeçar a andar. na longa mesa de jantar.”. nos móveis entalhados de madeira.Escravos do Amor – Segunda Temporada Ela caminhou até a frente do carro. derrubando a jaqueta que segurava no chão. Ele nada respondeu. mas dessa vez numa casa diferente e acreditava que agora livres do Senador Morales. se apoiava no carro enquanto dava a volta até a entrada da casa. Sentia-se apenas feliz por estar viva e não se arrependeria de mais nada daqui pra frente. ela disse calmamente. outras se arriscavam nas ondas e talvez até ouvisse risadas de crianças. a sala escura e lágrimas desciam do seu rosto. O vestido de noiva ensanguentado. Sookita apertou o braço dele com a mão boa. Eric caminhou com uma expressão preocupada até o meio da sala parando entre o sofá e a televisão. Não se importou com o cheiro de queimado com sangue. “Não estou me sentindo bem. apertou mais ainda a jaqueta no corpo.”. não reparou na sala espaçosa. ele balançou a cabeça. apenas puxou para junto de si e descansou a cabeça no peito dele. Ele se levantou assim que a viu entrar na sala. ela não sentiu se estava gelada. Sookita fechou a porta encostando-se a ela para descansar mais um pouco. ela tentou sair do abraço dele. Ela apenas reparou no vampiro sentado no chão do outro lado. ainda se recuperando das queimaduras e bebendo o resto de uma garrafa de TruBlood. “Eu não posso te levar no hospital. rasgado. não se importou se ele entenderia aquele gesto de maneira errada. ela apenas estava feliz por estar ali com ele. a fazia se lembrar do que quase deixou para trás.

“Não sei o que acontece. Sempre ouviu falar dos milagres produzidos pelo sangue deles. “Beba. Pelo menos a vontade de vomitar tinha passado. apertou a abertura com a outra mão fazendo com que o sangue pingasse devagar em cima da barriga dela. ele estendeu a garrafa. alguns tratavam vampiros como divindades. “Pelo menos superficialmente funciona. não aguentaria tomar aquilo por muito tempo. esperando a chance de terem o sangue no corpo para curar todos os males. o cheiro não era agradável. não fazia ideia do motivo de não aceitar sangue de vampiro. Ele começou a tirar a bandagem.”.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Você não se curou com meu sangue. Colocou a garrafa de lado. Ele puxou a mão dela com um pouco de força. os capangas do senador queimaram a carne para que o sangue parasse de escorrer. Ele passou um pouco do sangue ali também.. Com as pontas dos dedos fez movimentos circulares em cima dos machucados que foram fechando devagar. só restava o gosto ruim na boca do sangue de Eric misturado ao sintético. ele disse com um sorriso de canto. e bebeu alguns goles do sangue sintético. perdeu muito sangue. “Não aguento mais. ele disse preocupado se lembrando do último encontro que tiveram quando ela também passou mal após beber do sangue dele. Eric mordeu novamente o pulso. 269 .”. mais um pouco e começaria a lamber o sangue que escorria na barriga.”. ela respondeu puxando a mão mutilada para perto do corpo. ela deitou novamente no chão. o cheiro de sangue também estava forte. Sookita se apoiou de maneira desengonçada na parede.”.. ela respondeu passando as costas da mão na boca. A metade do dedo indicador foi cortada.” Ela deitou-se no chão do banheiro gemendo de dor. Fechou o ferimento o mais rapidamente. Eric teve que refrear a vontade de sugar aquele sangue. puxou o vestido de noiva na altura dos seios.”. Havia sangue junto de terra em cima das duas facadas. reaparecendo em seguida com uma garrafa de TruBlood na mão. “O que fizeram na sua mão?” “Cortaram uma parte do meu dedo. assim como o que tinha na barriga dela. “Ainda está doendo tudo. Sookita soltou um resmungo de dor. fez uma careta por conta do gosto ruim. Eric sumiu por alguns segundos. Ele se ajoelhou ao lado dela. Ela levantou um pouco a cabeça para ver o que estava acontecendo.”. as curas de doenças.

”. desejava tirar todo o cansaço e desespero do corpo com um banho.. você já fez muito por mim hoje. mas depois mudou de ideia. Sentiu-se por alguns minutos como uma heroína de algum romance de Jane Austen. Era um mistério não se curar internamente com sangue de vampiro.. iguais a que ela tinha visto em filmes de época ingleses. apenas a camiseta. as geladeiras atuais não eram como as de antigamente. soltou outro gemido de dor.”. A calcinha que tinha usado ainda estava molhada e não tinha como secar. havia uma cama de madeira com dossel.”. Não era tão chique e moderna quanto à outra. O quarto era espaçoso. O problema era que não tinha roupa de baixo.Escravos do Amor – Segunda Temporada Sookita retirou a mão quando ele terminou.”. Sookita perdeu a noção do tempo quando saiu do banheiro enrolada numa toalha. “Seu bom humor continua intacto. por sorte o banheiro era espaçoso.”. ele deixou para ela vestir. ainda sentia dores. assim como era incrível ter sobrevivido a tudo o que aconteceu na noite passada e estar ali ao lado de Eric. ela apertou a barriga quando fez um movimento brusco para se levantar. Caminhou devagar até a porta do quarto 270 . ele disse rindo. “Preciso tomar banho. Ela não tinha dúvidas de que pertencia a Eric. E nem cogitaria em colocar no micro-ondas. “Precisa de ajuda para tomar banho? Consegue fazer sozinha?” “Não. Ele abriu os braços saindo do banheiro e fechando porta.” “Alguma camiseta minha deve servir. Sookita lançou um olhar cobiçoso para a banheira. Sookita desabou de novo no chão. “Não posso colocar esse vestido sujo de novo. Talvez se usasse a técnica antiga de colocar para secar atrás da geladeira. ele se levantou rapidamente. mas tinha o seu charme. Sookita puxou o vestido para baixo o máximo que conseguiu. ela disse rapidamente evitando que ele se aproximasse de novo. Ela vestiu a camiseta que quase chegou até os joelhos. ela cruzou os braços. apoiou-se nos cotovelos para se sentar. “Tem alguma roupa para eu vestir?” “Só tenho as minhas. mas se arrependeu em seguida. o sol não entrava na casa durante o dia.” Ele lançou um olhar para o corpo dela. Passou a mão na barriga e respirou aliviada por não ter mais os ferimentos. Seu olhar foi atraído por uma camiseta preta em cima da cama. “Vejo que não usa mais as calcinhas de sua avó. Dessa vez conseguiu reparar no quarto principal da casa alugada por Eric.

não vamos repetir o mesmo drama da missão. Seria estranho acostumar sem uma parte do dedo. como deveríamos ter feito na missão. Pode ir ao outro.”. ele respondeu exasperado saindo do quarto velozmente. a última coisa que estou pensando nesse momento é em sexo. De repente a divisão se tornou um grande problema. havia outro quarto ao lado do principal. ela sorriu apertando as mãos no colo. Ela abriu a porta lentamente encontrando Eric ainda acordado deitado com os pés para fora numa cama de solteiro. estou sem calcinha.”.” Ela fechou a porta com força. ela estancou no lugar antes de se deitar. ele sentiu sangue escorrendo do seu nariz. sentia-se constrangida de dormir assim tão perto dele. “Não mudei.”.”. “Vejo que mudou de ideia. apoiando uma das mãos no dossel. “Você vai dormir nesse quarto?” “Sim. “Eu até pensei em te emprestar uma cueca. “Eu. o movimento fez com que dobrasse o corpo para frente.”. Eric estava parado ao lado da cama. lembrou-se que não estava de calcinha.” Ela deu de ombros enquanto caminhava para o outro lado da cama. Saiu para o corredor acarpetado. ela pensou quando tocou na mão esquerda.. não cabe nessa cama. ela disse sentindo o rosto queimar. ele disse antes que ela desse meia volta. não tinha motivos para negar. “Amanhã à noite daremos um jeito nisso. deixei minha calcinha secando.” “Mas. ela não acreditava na conversa surreal que estavam tendo.” “Eu estou recuperado. mas acho que não serviria. dividir a cama seria o menor dos problemas.Escravos do Amor – Segunda Temporada procurando por Eric. Vamos dividir a cama. 271 . “Sookita.” “Sookita. “Só a camiseta já está bom. você ainda não está bem. antes de fechar a porta um vulto passou por ela. já tinham passado por tanta coisa juntos. Horas antes tinham quase morrido.” “Eu durmo aqui.. mas ele estava certo. já estava tempo demais acordado. Mas. e agora falavam sobre roupas de baixo.”. Ela caminhou de volta para o quarto principal. ainda não estava mesmo recuperada. Odiava admitir.

Balançou a cabeça afastando o lençol.”. ela disse. Ele os colocou de atravessado no meio da cama. 272 . ele pareceu feliz em vê-la. ele não respondeu ao agradecimento. “Obrigada. queria ter certeza de que estava bem.”.” Ela sentiu um nó na garganta quando o ouviu dizer isso. Juan Carlos apertou a buzina e quase abriu a janela para xingar o outro motorista. Ágata se mostrou tão capacitada em descobrir sobre Eric e Sookita. sexo era realmente a última coisa que precisavam nesse momento. aquela beleza morena foi o suficiente para tirá-lo da vida tediosa que tinha em casa. que jamais trairia a esposa e ir contra os preceitos da igreja. mas seria inútil. quando colocou os olhos em Ágata. Um carro que também estava em alta velocidade quase o atingiu perto da entrada que levava ao caminho até a fazenda. ele disse se jogando no lado dele na cama. ainda mais quando ele saiu do quarto. ------------------------------------Juan Carlos dirigia pela estrada que levava de volta para a fazenda em alta velocidade. acontecer. “Assim que acordar a noite farei isso. Igual quando se abraçaram horas antes. estava machucada. não sabia se conseguiria pegar no sono. “Pronto. Em seguida. agora podemos dormir sem drama. Eric quem tinha que lembra-la de que tinha um marido. mas não deixava nada. Ele se julgava um homem de sério. “Você precisa avisar o seu marido de que está bem. E não poderia reclamar de que tudo tinha dado certo. Ela tinha dificuldades em entender esse comportamento. o outro carro estava tão veloz que não faria diferença. foi o único lugar onde conseguiu recepção do celular. Havia saído de um posto de gasolina que ficava cerca de 30 quilômetros. ela se recriminou pelo pensamento.Escravos do Amor – Segunda Temporada Ela sentiu um leve desapontamento com a resposta. ela respondeu num fio de voz fingindo que fechava os olhos para dormir. desde que voltou a vida. além disso.”. mas não teve resposta. e ele era Eric. Ela era comprometida. Mas. mal pensou em Bill. Eric voltou para o quarto segurando dois travesseiros na mão. sã e salva na capital. Seus temores foram colocados de lado após ela atender do outro lado da linha. não teve como evitar. não era o momento para pensar nesse tipo de coisa. Falou por quase uma hora com Ágata. foi mais rápido do que todos esperavam.

não tinha como evitar em se envolver nessa história de Ágata. dessa vez ele não segurou e vomitou no sótão. --------------------------------------- Tara não se sentia confortável nessa pequena aventura junto de sua chefa. restos de órgãos espalhados pelo chão. Pam parou o carro de Eric em frente ao conjunto de casas velhas que não ficavam muito longe da boate. notou uma janela aberta. Mas.Escravos do Amor – Segunda Temporada Para sua surpresa. Subiu as escadas. ele não queria pensar na hipótese do senador ter morrido naquela cena grotesca. Ele olhou da janela e viu algo que gelou a espinha. Ele não tinha dúvidas de que o vampiro tinha feito tudo aquilo. fez questão de vê-lo com a estaca no peito antes de sair. Juan caminhava de um lado para o outro sentindo as lágrimas escorrendo. ele olhou para o chão se deparando com algo que parecia um intestino humano. olhou em todos os quartos. ele também estaria morto. Juan segurou a vontade de vomitar diante daquela visão. Alguma coisa de errado tinha acontecido. “Tem certeza que ela mora aqui? Não quero perder meu tempo procurando no lugar errado. não tinham mais nada. Perdeu o equilibrou quando pisou em algo mole. Ele tinha tanta certeza de que o vampiro estava morto. algo não estava bem. Caminhou pela grama rala e ainda molhada do sereno da noite.”. Pam disse impaciente descendo do carro com uma careta de nojo. Certas coisas não se misturam ainda mais chefe e funcionário fora do ambiente de trabalho. ele saiu do carro com cuidado. Juan correu em direção a casa. mas não tinha sinal nenhum do senador. O plano tão meticuloso e perfeito tinha ido por agua abaixo. O torso do senador estava jogado num lado da casa e a parte de baixo no outro lado. Mesmo tendo raiva de Sookita por ser tão estúpida em relação a Jason. não queria imaginar em perder a amiga. pernas. o carro do vampiro não estava estacionado no fim da estrada. O sol começava a nascer. esperava encontrar alguma pista. Será que corria algum risco? O que deveria fazer? E o que faria sem o senador? Como explicaria a morte dele? Se não tivesse ido atrás de Ágata. mas ela se recusava a andar com saltos caros naquelas ruas sujas e esburacadas. viu a porta destroçada e um capanga com a cabeça virada para o lado. viu cabeças. braços. Ele parou o carro sentindo um pavor em seu corpo. Ainda mais por ela ter falado mais do que deveria para uma espiã. conforme olhou em volta. Pam. Quando chegou ao sótão. 273 . Não sabia se eram de felicidade por ter escapado ou pela morte do senador que considerava como um pai.

” Tara pensou em fazer um comentário maldoso sobre Eric não controlar a cabeça de baixo. ela bateu o salto do sapato com raiva no chão. 274 . mas apenas concordou com a cabeça. Não era só Tara que foi uma péssima amiga. “Como eu disse. “Você também é pobre assim?” “Divido um apartamento com colegas da faculdade. pensou que Santiago ficaria orgulhoso com essa resposta padrão da Autoridade. “Eu sempre falei para Eric que tínhamos que melhorar nosso sistema de contratação. Pam não teve a mesma paciência.”. Pagavam muito bem na boate. ela nunca tinha pensado mesmo. Pam olhou dentro da casa vendo se tinha algum movimento.”. Tara respondeu entre dentes.”. As casas eram geminadas. “Pensei que fosse íntima de Sookita. não queria perder o bom emprego que tinha. Não se pode contratar alguém só porque tem um belo par de pernas. nós vampiros não matamos humanos. “Vocês irão matar Ágata?” “Claro que não. “Tenho certeza disso.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Eu vim algumas vezes. a outra casa ao lado parecia estar vazia. ela disse para si mesma caminhando sem vontade pelo corredor sinuoso e cheio de pedregulhos.. Tara bateu algumas vezes na porta. não confiava em Pam e muito menos em Eric.”. “É aquela casinha no fundo.. “O que eu não faço por ele.”. ela mora sozinha naquela casinha. algum dia a tinta tinha sido branca. fez uma careta ao se lembrar da discussão que tiveram. Pam provocou olhando de lado para Tara.”. ela respondeu cinicamente. mas isso não significava que eram bonzinhos. Talvez ofendesse Pam que era quase uma irmã siamesa dele.”. Tara tinha que segurar a língua para responder. não tem ninguém nessa porcaria.”. talvez Sookita não fosse tão amiga como dizia. mas não houve nenhum movimento. não quero perder tempo aqui.”. “Pode ser. nunca pensei sobre isso. Tara respondeu rapidamente. Tara apontou uma casa no fim do corredor com os muros manchados de sujeira. “Não tinha dúvidas.. empurrou Tara e quebrou a maçaneta com um simples movimento. e ladra de namorados.”..

-------------------------------Alcide ficou surpreso com a visita repentina de Bill em seu apartamento. observando com curiosidade a casa do lobo.”. “No que eu puder ajudar. fiquei a vontade. Sempre fazia algum comentário colocando tudo a perder. “Senhor Bill. “Já vimos que não tem ninguém aqui. Senhor Bill.”. Pode perguntar. Sookita a alertou sobre isso tantas vezes. nada sabem. “Eu preciso que confirme algo para mim. tenho milhares de pares e a eternidade para colecionar. “Esses jovens de hoje em dia..” “Só isso? Não vamos procurar por nenhuma pista?” “Por acaso eu tenho cara de Sherlock Holmes? Nem estou vestida de maneira apropriada para remexer nessa sujeira.”. e sentou do outro lado na cozinha minúscula. Bill sentou-se cruzando as pernas.. Não tinha sinal da espiã que não deveria ser burra em deixar pistas para ser encontrada. Quero a verdade.”.”. Bill nunca esteve antes em sua casa. aquele ambiente não era o que Bill estava acostumado. Pam deu de ombros observando a sala que era quarto e também cozinha. vamos embora. Alcide sabia disso. Pam resmungou fazendo o caminho de volta. só poderia ter vindo ali com algum motivo forte. Alcide não perdeu tempo com formalidades. “Mas. Indicou a cadeira em frente à mesa para Bill. Convidou o ex-chefe timidamente para entrar.” “Quem?”. “Não se preocupe. mas em seguida se arrependeu. Tara disse zombando. ela gritou raivosa quando percebeu o salto afundado nas fezes de algum cachorro. um banheiro minúsculo perto da entrada. e para horror dela. “Que merda!”. se quiser. bagunçado e com móveis caindo aos pedaços. ele disse franzindo o cenho. Pam levantou um vaso empoeirado numa mesinha ao lado da porta e jogou no outro lado da sala. Essa busca havia sido mesmo uma perda de tempo e de sapatos. O apartamento era pequeno. aconteceu alguma coisa?”. Watson. somente isso e nada mais. Alcide era tão grande que tomava boa parte do espaço e da mesa. Tara perguntou confusa enquanto andava até a cozinha.” 275 .Escravos do Amor – Segunda Temporada “Não bata tanto assim senão irá estragar esse lindo sapato.

”. ele balançou a cabeça. Se antes Jessica o desprezava. eu prometo. agora não tinha mais volta.. Alcide levantou a cabeça esfregando os olhos vermelhos com as mãos. sem mais e nem menos.. por favor. eu amo a sua filha.” “O que eles irão fazer com ela?”. “Jessica perdeu o controle quando descobriu sobre o que Autoridade fez com o senhor. “Ela foi até a casa de Dona Sookita e a atacou. “A Autoridade descobriu essa história de alguma maneira. não queria entregar Jessica. mas agora tudo deu errado. não a chamava dessa maneira desde Tijuana. Senhor Bill. “Sua reação é a resposta que eu precisava.” “Descobriram quem foi o vampiro?”. Só não a matou porque foi interrompida por Tara. quase partindo no meio.. “Foi Jessica?”. Bill balançava a cabeça de um lado para o outro. não me force.”.. Acredito em sua discrição. Bill se segurava para não perder o controle. Eu não posso ser surpreendido dessa maneira. eu só pensei nela naquele momento. eu estou imensamente agradecido.. “Só que não deveria ter escondido de mim.” “Nada irá acontecer com você. se mexendo nervosamente na cadeira. que conseguiu acobertar Jessica.”. Senhor Bill. 276 . não ousava levantar a cabeça e encarar Bill.. ele tinha certeza disso.”. agora iria odiá-lo. Alcide. Bill perguntou fazendo com que Alcide pulasse da cadeira. “Um pequeno surto que pode custar muito para Jessica. Alcide bateu com força em cima da mesa.”. Não quero força-lo a contar a verdade utilizando outros métodos.. Bill disse de uma vez. Ele tinha falhado mais uma vez.” “Eu sei que acobertou Jessica com as melhores intenções. Mas.” Alcide respirou fundo. Sei que não é correto assumir isso. ela culpou Dona Sookita. “Exatamente o que Dona Sookita contou.. “Menina.. Quero apenas que me diga a verdade. sei que é errado.”. ele perguntou sentindo a garganta seca. Um pequeno surto. a valorosa amiga de Dona Sookita.”. exijo isso em nome de nossa amizade.. sei que não foi você.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Quero que me diga o que aconteceu quando Sookita foi atacada naquela noite. não me force. Ele acreditou que a verdade jamais viria à tona.” “Eu.” “Eu não posso falar. não aceitou a punição. eu te ensinei a se defender da hipnose. tenho que saber como agir quando a situação sai do controle. “Alcide. não queria que sofresse por um pequeno surto. o lobo respondeu sentindo o suor frio escorrendo pela testa.

não iria envolvê-la ainda.”. Senhor Bill?” “Não dessa vez. Alcide perguntou com uma ponta de esperança. Santiago deveria estar rindo as suas custas nesse momento. 277 .. depender de Eric para salvá-la. Alcide respondeu olhando para o vazio. tenho certeza disso.. “Eu não posso pedir para ser punido no lugar dela..”. “Eles não irão aceita-lo..”. a troca feita por Jason e agora Jessica. Bill não ousaria usar a carta que tinha na manga nesse momento. não tem como isso dar certo. Bill disse encarando Alcide. Mas. Seus guardas também não iriam contar nada. caminhou na direção da sala. ninguém poderia saber do contato que tinham.”.. eu encobri o ataque. Sookita não era mais a mocinha ingênua e bondosa que conheceu anos atrás. “Sookita sabe que foi atacada por Jessica?” “Sim. O sequestro de Sookita. o senhor é um vampiro de sorte. estava com a cabeça cheia de tantos problemas. Alcide.” “Ela não te pertence. “Dona Sookita é boa demais. É um lobo. Parabéns pelo casamento. ele perguntou levantando de uma vez e se aproximando de Bill na pequena cozinha.” “Posso ser punido se Jessica pertencer a mim.” Bill apenas concordou. Bill levantou incomodado com a presença do outro. Passou a mão no celular dentro do bolso sentindo vontade de ligar para ela e pedir ajuda.. Sorte que tinha funcionários capacitados tomando conta dos assuntos políticos. “Ela jamais iria falar de Jessica para a Autoridade. Essa é a lei dos meus. “Não pode usar sua influência. não tinha como conciliar as duas coisas nesse momento.”.”. Santiago jamais deixaria. infelizmente. teria que fazer outra coisa para ajudar Jessica. mas ele não tinha tanta certeza assim. ainda mais pela insistência em não liberar Jessica. alguém vazou essa informação e ele iria descobrir quem foi.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Dependerá se Santiago estiver num bom dia. eu já fui punido por Sookita. não punimos a sua raça. “Eu não posso ser punido no lugar dela? Tenho tanta culpa quanto.”. não poderia se expor. e a de vocês também. Bill estava possesso pelo papel de idiota que fez ontem na Autoridade. “Tem alguma coisa que podemos fazer por Jessica?”.

acreditou que tinha controle de tudo. Bill levantou caminhando em direção à porta.Escravos do Amor – Segunda Temporada Alcide correu até o outro cômodo. Alcide respondeu desviando o olhar. Bill jogou o celular de volta para Alcide. “Desculpe.. Mas. ele perguntou com dificuldade.”. quando isso aconteceu?”.”.. Reapareceu na sala com o rosto vermelho de excitação e estendeu um celular para Bill.” Bill estendeu a mão para Alcide. Bill perguntou prevendo qual seria a resposta.. ele sentou-se na poltrona. o ataque. “Jessica me hipnotizou para leva-la junto até Tijuana. Ela queria vigiar Dona Sookita e o Vampiro Eric. A cabeça de Bill começou a rodar.” “Você sabe que não pode ser hipnotizado. o lobo apertou de volta. sua raça?”. Senhor Bill. sentiu uma vontade imensa de matar o lobo por fazer isso.”. as mãos começaram a tremer conforme passava as fotos de Jessica nua em várias posições sexuais junto de Alcide... espero que me perdoe. Está disposto a passar por tudo isso?” “Eu prometi que sempre faria tudo pelo senhor e por Jessica. Tijuana e o fato de que possivelmente teria sua filha casada com um lobo. Ele saiu para o corredor tentando tirar de sua mente o sorriso alegre de Alcide na despedida. senhor. “Precisará de algum ritual para ela se tornar sua de acordo com. “Jessica está presa. isso seria impossível.”... Bill sentou-se no sofá desolado. “A audiência ainda não foi marcada. nunca imaginou que tanta coisa aconteceu sem ele saber. demorou vários minutos para voltar. talvez isso fosse o suficiente para salvar Jessica. teremos tempo para pensar.” Bill pegou o celular. “Um casamento. “Como. Jessica não sabia disso e ela ficaria enfurecida se descobrisse.”. ele bateu no peito guardando o celular em seguida no bolso. as fotos. Talvez fosse a punição que Jessica merecia por se meter em tantas confusões.”. ------------------------------278 . “Eu sei. mas teria que controlar seus instintos. de repente o lobo não era tão tapado como parecia. “Não gostaria de mostrar isso. “Não sei se isso será o suficiente..

Quando fechou a porta do armário descobriu de onde vinha à sensação.Escravos do Amor – Segunda Temporada Sookita acordou sentindo a cabeça doendo. teria que limpar mais tarde. Esse era um aspecto sombrio de dormir ao lado de um vampiro e teria que se acostumar quando fosse com Bill. Não se ouvia mais barulho de passarinhos. “Há quanto tempo está parado aí?”. Deu um longo suspiro de alivio quando viu um biquíni e um vestido de estampas geométricas. ele caminhou na direção da porta. 279 .”. não conseguiu abaixar para cuspir a agua na pia quando sentiu uma pontada na barriga. ela perguntou num tom de voz mais irritado do que gostaria. infelizmente não estava recuperada o quanto gostaria. o som era relaxante. “Emprestado como?”. Não tive dificuldades em pegar emprestado com uma moça prestativa. não conseguiu dormir direito.” Sookita abriu a sacola sem esconder a curiosidade. “O suficiente.. Caminhou até o banheiro na suíte. esparramas no chão. apenas uma pasta meio ressecada. parecia realmente morto. acordou assustada em vários momentos. balançou a cabeça quando não viu escova de dente. Sookita sentiu o coração acelerar ao imaginar que ele provavelmente viu o malabarismo que fez para escovar os dentes. Enxaguou a boca várias vezes. Ela puxou a camiseta pra baixo virando-se de frente. Já era à noite. ele se aproximou colocando uma sacola em cima do balcão. não havia sinal dele. o problema era que ela não estava relaxada.. uma sensação incomoda. No desespero Sookita colocou um pouco da pasta dura no dedo. ele disse com um sorriso de canto. apenas as ondas do mar batendo na praia. olhava para o lado e Eric dormia como uma pedra. ainda mais com Eric o tempo todo ao seu lado.”. não movia um músculo. Ela não queria descobrir como elas saíram dali. pois notou que estava sozinha no quarto. o chão ainda tinha o sangue dela. “Onde conseguiu isso?” “Um bando de americanos estão dando uma festa na casa que aluguei ano passado. Só queria descobrir onde Eric estava. pois viu através do espelho Eric encostado no batente da porta segurando algo na mão. “Um presentinho. Ela sentiu um arrepio na espinha. Sem a luz do sol não tinha noção de nada. passou embaixo da agua e esfregou nos dentes. Assim como as almofadas no meio dos dois. não tinha ideia do que poderia ser. Abriu o armário. “Não pode continuar desse jeito pela casa.”.

.” 280 . mas que sua avó aprovaria. ela pensou enquanto colocava um papel higiênico no forro da calcinha. Só isso que me importa. Eric disse que você foi ferida. “Sookita.. meu amor. “Amanhã à noite você estará de volta para mim. deu um grito de dor pelo movimento brusco e se arrependeu em seguida. O vestido não era tão vestido assim. saiu do quarto em seguida. Ele estava parado do outro lado da cama olhando pela janela aberta para a praia.. ela fez uma careta de nojo.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Digamos que ela causará um alvoroço quando sair do quarto. Não queria ter contato direto com algo usado por uma estranha. Eu pedi para Eric fazer de tudo para salvá-la. Só tem poderes curativos. assim espero. mas já estou recuperada. ele perguntou preocupado do outro lado da linha. “Sim. “Então. Deu uma olhada no espelho.. Só acordei quando estávamos a salvo. “Bill. Ela saiu do banheiro sentindo-se um pouco mais a vontade.”. pelo menos ficaria mais decente.”.” “Não vou usar roupas intimas de uma desconhecida. era apenas uma saída de praia. “Seu marido”. Sookita caminhou devagar até a porta fechando com força. Até o momento nada do que aconteceu foi descoberto. Avisarei se encontrarem o corpo do senador ou algo pior. ele só a estava poupando de constrangimentos. eu não vou reclamar.”. ele não reparava nas roupas que as mulheres usavam. está tudo bem mesmo?”. por sorte a saída de praia era maior e mais confortável do que a camiseta dele. Para Eric vestido e saída de praia deveriam ser a mesma coisa. A parte de cima era minúscula e a de baixo cobria toda a bunda.”.” “Eu não lembro em ter bebido o sangue dele. ele disse saindo do banheiro. “Não fique chateada por ter bebido o sangue dele. ela respondeu rapidamente apertando o telefone até os dedos ficarem esbranquiçados.”. nada demais. Ela de uma olhada no biquíni nada atraente. longe daquele inferno. ele se virou para encará-la estendendo o celular. minha querida. continue andando seminua pela casa. ela respondeu num fio de voz sabendo que estava mentindo. ela já está aqui. “Sim.”. O pior já passou. ela disse com um aperto no peito.

“Eu queria agradecer por tudo que você fez. ele pegou o celular da mão dela num movimento rápido. não tinha o direito de sentir ciúmes. ele disse dando de ombros. “Falou com seu marido?”. mas iria se forçar a amá-lo de qualquer maneira. Quando chegou perto da escada privativa que levava a praia. se deparou com Eric parado com os braços cruzados observando o mar. Ela ouviu Bill dizer o quanto a amava. ela engoliu em seco. era o mínimo que poderia dar em retribuição. ele disse sem se virar. Eric não estava lá. Sentia curiosidade em descobrir o que Eric comprou para ela comer. “Sim. muita fome. Ela foi até a sala de estar.”.Escravos do Amor – Segunda Temporada Ela não se lembrava com clareza do que aconteceu depois que viu Eric morto ou quase morto.”. “Já fiz o que tinha que fazer lá. ela perguntou exasperada. Lançou um olhar para a cozinha. Praguejava baixinho por enganar uma pessoa tão boa quanto ele.. já estava de biquíni mesmo. A vontade de cair naquela agua azulada tomou conta de seu corpo. “Não merece o que?”.. Não se lembrava da última vez em que se alimentou. O que custa aceitar um agradecimento?”.. agora começava a sentir fome. ela não se afastou. Talvez na festa de casamento quando beliscou alguma coisa no jantar. Eric se virou de repente quase batendo de frente com ela. “Seu celular. ela respondeu rapidamente e desligou.”. ela disse esfregando o dedo que faltava timidamente. ela estendeu a mão segurando o aparelho. “Não entendo porque reage dessa maneira. diziam que a agua do mar era curativa. sentiu o vento quente vindo do mar.” “Tudo bem.”.”. Assim que abriu a porta da entrada. “Achei que tinha voltado para a festa. “Eu também espero voltar logo e esquecer toda essa história. ele não deveria ser acostumado a lidar com essas coisas humanas.”.. Será que tinha voltado à festa e para a moça prestativa que agora estava nua? Ela pensou sentindo uma pontada de ciúmes.”. A sua mente ficou escura até o momento que voltou com os raios de sol no rosto. Ela sorriu diante desse pensamento. mas afastou esse pensamento. ela perguntou se aproximando. “Eu não mereço. 281 . pelo menos era o que tinha lido uma vez numa revista. Quem sabe a sua dor passava um pouco.

ela sentiu o gosto metálico do sangue. as presas roçavam na língua de Sookita. ela não queria que a beijasse. “Eric. O cheiro do mar. ela agarrou o braço dele. Sookita respirou com dificuldade tentando desviar o olhar o máximo que podia. Tenho o direito de saber. Ela não ousaria pensar em algo mais profundo ou ousaria? O seu corpo ansiava pelo que ele poderia fazer. Ela já sentia o formigamento entre as pernas. ele disse se afastando. ela gritava o máximo que conseguia descendo a escada atrás dele. Ele desceu a escada cegamente. um beijo. Ela recuperou o folego contando até dez. Quase perderam o equilibro e caíram no chão. mas Eric a puxou novamente colocando uma perna dela em volta da coxa dele. você quem não gosta de segredos. aquela sensação tão familiar que só ele a fazia sentir.” Ele retirou o braço apertando a mão dela entre as suas. 282 . O rosto dele foi se aproximando lentamente. tudo misturado com o toque dela na pele fria do vampiro. Os sentimentos estavam vazios desde que ele a mordeu.. mesmo com o vento noturno forte como estava. mas ao mesmo tempo desejava desde aquele dia que ele esteve em sua casa. “Não.. o olhar perdido como se não a conhecesse. “O que houve?”. o vento quente. o rosto estava pegando fogo. Ele a beijou apertando o corpo dele contra o dela. “Faço o que eu quiser..”. não queria que ele parasse.”. me crucificou por defender o meu irmão. “Não faça isso. ele olhou para a mão dela.”.”. dessa vez não. A língua dele começava a ficar cada vez mais possessiva.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Não vai querer saber. A puxou para junto de si forçando que o encarasse... o beijo se tornando mais intenso. ela queria tudo o que ele pudesse oferecer. Balançava a cabeça de um lado para o outro..”. “Eric. ela perguntou desesperada. ele disse enquanto a soltava. só restava o desejo físico. desejava tanto que até doía. resmungando baixinho. Eric. um toque.

Escravos do Amor – Segunda Temporada Capítulo 31 . although you need kissing.E o Vento Levou No.. You should be kissed and often. That's what's wrong with you. I don't think I will kiss you. badly. 283 . and by someone who knows how..

e provocar Bill. pode ir embora. Ela notou que se afastavam cada vez mais da casa e não queria ser pega de surpresa por causa de uma chuva. ele disse caminhando atrás dela.” Ela parou e virou-se para encará-lo.. “Ouvi você gritar. Já matou o senador. não tem motivo para ser diferente. “Esperou que eu te salvasse desse casamento arranjado?”.. o vento batia forte. nada mais te prende aqui. o vento não estava tão quente como antes. ela disse virando o rosto para o mar. “Jamais. sentiu uma pontada de dor na barriga. o que você espera de mim?” “Eu já esperei.” 284 .”.. mas como estava descalça tropeçava de vez em quando na areia fazendo com que ele se afastasse mais e mais. não espero mais. ela parou para respirar..”. Não fazia ideia de tantas coisas ultimamente e pela primeira vez ela não quis que ele parasse. Não fazia ideia do motivo de Eric ter parado de beija-la. Não iria continuar correndo atrás de Eric para não chegar a lugar nenhum. “Não se pode ter um minuto de paz ao seu lado. Ele era um caso perdido. A praia estava vazia.” Ela chamou várias vezes. não aconteceu nada. ele afastou os fios de cabelos dos olhos. Sookita apertou o passo para alcança-lo. Bastou pensar isso para sentir um pingo na cabeça. queria que continuasse até que o desejo que ela sentia acabasse de uma vez por todas. ela passou ao lado dele continuando a caminhar.”.” “Sookita. sentiu vontade de tirar o sorriso cínico do rosto dele. ela soltou um grito de raiva. mas sem sucesso. “A sua diversão é brincar comigo. não se via uma estrela sequer. essa é a última coisa que eu esperaria de você. pouco iluminada e as ondas chegavam fortes na areia.. Passou os braços em volta do corpo.. “Você só vem atrás quando a donzela está em perigo. ele surgiu em sua frente com uma expressão preocupada. girando nos calcanhares para fazer o caminho de volta. “Nada.” “Desde que te conheci sempre foi assim. se dou tanto trabalho. O céu estava carregado de nuvens. “Eric.”. “O que houve?”.Escravos do Amor – Segunda Temporada Ela andava com dificuldade na areia fofa. forçando com que tirasse o cabelo a todo momento do rosto.”. ela soltou uma gargalhada. “É só isso que escuto de você.

Nada vinha de bom quando Eric falava a verdade. “Sou antigo.”. “Eu não sou tão complexo assim. Nesse momento ela desejou não ter sido salva por ele. mais até do que ela voltando à vida. Ela não estava surpresa por ele saber disso. Desça do pedestal.”.”. Soltou um gemido alto pelo esforço. ela disse sem rodeios. envergonhada por admitir algo tão profundo. “Não quero te dar a satisfação em me dizer. “Beije-me agora como parte desse seu jogo de sedução. ele abriu um sorriso. por ter ficado feliz em vê-lo vivo. era uma marionete nas mãos de um hábil mestre. ele recomeçou a caminhar só que para o lado oposto da casa. Apenas não coloco uma máscara e finjo ser o que não sou. o seu marido sabe muito bem quais são. mas nada sábio. “Não quer saber que troca foi essa?”.” Ela sentiu uma dor no peito.”. “Deseja tanto que se eu te beijar novamente.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Eu não quero cometer os mesmos erros do passado. Ele sempre arranjava uma maneira de puni-la. 285 . em seguida se afastou dele.. você não irá fazer nada para impedir. ela disse num tom de voz magoado. ele perguntou parando novamente.. ela sentiu os pingos da chuva fraca começarem a cair.” Ela confirmou com a cabeça. Já perdi tempo demais tentando entendê-lo.”. Sookita deu um murro no peito dele. “Eu não te salvei porque sou o príncipe encantado. o corpo dela nunca demonstrou o contrário. eu desejo.” “Sim.. “Minha intenção era apenas matar o senador. muito maior do que a que sentiu com as facadas. mas não conseguiu.”.. ela disse furiosa tentando limpar as gotas de chuva que caíam insistentes no rosto.” “Está insinuando que não sou o que sou?”. mesmo ela não fantasiando mais sobre ele desde aquele dia no apartamento quando a atacou sem piedade. ela caminhou atrás dele. ela tentou se controlar. fiz uma troca para te salvar. Sei pouco sobre essas questões filosóficas. ou me morda como fez da outra vez. “Por que você não merece agradecimentos? Por que esses segredinhos?”. ele caminhava olhando para baixo. Você sempre usa esse seu poder barato para sair por cima. Sookita. “Você deseja isso tanto quanto eu.

Será que nadaria pelado? Afinal. ele se aproximou tocando no ombro dela. Ela continuou na frente da casa forçando os olhos para vê-lo nadando. ele soltou uma gargalhada sumindo na noite. Estava um pouco molhada. mas por sorte a saída de praia secaria rápido. ela se afastou do toque dele. ela disse fechando os olhos após um raio cortar o céu. salvei mais uma vez a donzela. Ele a pegou pela cintura.”. ela queria apenas comer alguma coisa. estava tão acostumada a comer isso. ela 286 . Foi até a cozinha mexer na comida que Eric comprou.”.” “Mas. despejou numa panela com uma careta.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Não posso continuar com isso.. “Doeu admitir? No inicio dói. está chovendo. não quero isso. tomou tão rapidamente engasgando algumas vezes com as bolinhas de ar. O macarrão já estava pronto. ele estava usando calça jeans e camiseta.” “Claro que tenho culpa. “Sou um vampiro. ainda mais com todo aquele sal e areia. os raios. era apenas o barulho da chuva no telhado. ela colocou as mãos na frente dos olhos. A chuva começou a cair forte.”. Ela não soube se foram voando ou correndo quando ele a colocou no chão. ele disse se afastando novamente na direção da praia. Jason. Fez isso várias vezes. mas foram todos alarmes falsos que desistiu. Sookita não conseguiu ver nada.”. não morrerei eletrocutado.. Depois daquela conversa estressante. mas depois passa. Basta você me tocar. Deu meia volta abrindo a porta da casa. Ela abriu uma latinha de refrigerante.. Não seria muito confortável. “Isso é culpa. Ela balançou a cabeça imaginando a cena de um vampiro daquele tamanho nadando nu embaixo de uma chuva torrencial. sentiu-se decepcionada. Toda vez que fecho os olhos eu vejo Bill..”. como odeio isso. qualquer barulho que ouvia ela voltava para a sala esperando encontrá-lo. Pegou um macarrão instantâneo.. antes que ela pudesse dizer algo. já estavam na frente da casa. “Aonde você vai?” “Dar um mergulho.”. Não era o momento de sucumbir.. ainda mais debaixo daquela chuva forte... minha avó. Sem dúvida faria a alegria da mulherada da casa onde ele pegou emprestado o biquíni e a saída de praia. “Pronto. ela gritou com toda a força.

Ela estava tão tranquila assistindo o filme. e tudo voltava a ficar de cabeça para baixo. “Vejo que não foi atingido por um raio. só que no caso dela a confusão era por causa de um vampiro. sentiu a eletricidade no corpo com as palavras dele. Passou por ela na sala usando apenas uma calça de moletom caminhando até a cozinha. Colocou o prato e a latinha em cima da mesinha de centro quase derrubando tudo no chão. “Achei que estaria dormindo a essa hora. “Continuo mais inteiro do que nunca. saboreando cada momento ruim daquele macarrão sem gosto. até havia esquecido ele por um tempinho.” “Estou sem sono. Sookita demorou propositalmente na cozinha. mas bastava reaparecer. Ele sorria feliz como uma criança enquanto sacodia a cabelereira loira espalhando agua por todo o lado. As mãos dela tremiam. Deixou num canal de filmes antigos. vestindo apenas uma cueca boxer preta apertada mais do que deveria. Caminhou até a cozinha levando a latinha e o prato. sendo que ele continuou confortavelmente provocando. ela sentiu vontade de tacar o controle na televisão. Em alguns momentos ela até se relacionou com a história. Ele estava molhado. como desejava que ele não tivesse esse efeito. ela não teve dúvidas pelas roupas e o estilo inconfundível da época. passava um filme dos anos 80.” “Eu também estou. ela pensou não conseguindo desviar o olhar do volume na cueca. ele respondeu saindo da sala na direção do quarto. Ligou a televisão. O que ela esperava exatamente? Ainda tinha esperanças de alguma coisa depois da péssima conversa que tiveram? Onde apenas ela se expôs. enquanto isso se focava no filme que contava a história de um homem envolvido numa confusão por causa de uma mulher. Mas. a segunda latinha na outra. zapeou os canais enquanto a comida esfriava. Eric abriu a porta da sala num estrondo. ela perguntou colocando o resto do macarrão de uma vez na boca.”.”. não havia sinal dele. assim que voltou a sala estava vazia. para a sua decepção. por pouco ela não derrubou a comida no chão pelo susto. ela sentiu o cheiro amadeirado tão familiar. Ela ouviu o barulho do micro-ondas. Bebia o refrigerante em seguida para compensar. estava com receio do que iria encontrar quando voltasse para a sala. ele a encarou jogando as roupas molhadas no chão. Ela comia devagar. Ele voltou enxugando os cabelos com uma toalha. mas o 287 . Ela sentou-se apoiando o cotovelo no encosto do sofá tentando se concentrar novamente no filme. Ela bebeu o resto do refrigerante rapidamente.”.Escravos do Amor – Segunda Temporada caminhou até a sala com o prato fundo queimado a mão.

Eric era maldoso... nada iria acontecer. Aquele clima tranquilo. Sookita se remexeu sem graça no sofá assim que começou uma cena de sexo. 288 . só iremos embora amanhã à noite..”. não vou mudar porque você chegou agora.” “Acho que vou dormir. eu cheguei aqui primeiro. focou a visão na televisão fazendo uma careta. ele abriu os braços. Nada iria acontecer. basta eu dizer uma palavra que você não goste. algo tão raro. “É tão estranho. ela disse de maneira desafiadora. Mantinha uma distância segura dela. Ela se lembrou do momento antes dele descobrir sobre Jason.”. Eric abriu um largo sorriso. “Filme chato. ela disse mudando de canal. “Que porcaria é essa que está assistindo?” “Um filme.”. mas ao mesmo tempo carregado de excitação. “Por que mudou?”. estendeu as longas pernas e cruzou os pés.” “É mesmo? Faça um teste.” “Ainda está cedo. Ela achava constrangedor assistir um filme com outra pessoa quando acontecia uma cena desse tipo.”.”.” Ela fez menção em se levantar. mas mudou de ideia. ela disse aliviada pela conversa não ter tomado um rumo mais intenso. sentiu-se arrependia de não ter trocado de canal. colocou a mão no peito tentando manter a calma. queria matar Jason e a salvou por obrigação. Eric sentou no chão encostando-se ao sofá. “Daqui a pouco começaremos a discutir. Sookita aumentou o volume da televisão quando avistou ele retornando para a sala com a toalha em volta do pescoço e um TruBlood na mão. “Pois vai ter que assistir. Ele não respondeu. quando não estamos discutindo. continuou bebendo o sangue assistindo a contragosto. “Odeio assistir filme que já começou. ela deu de ombros apertando o controle remoto.Escravos do Amor – Segunda Temporada barulho do seu coração era ainda maior. ele bebeu outro gole olhando de lado para ela.”. ela imaginou que ele estava adorando essa situação. “Bem na hora que estava ficando interessante. ela disse jogando as pernas na mesinha de centro e encostando a cabeça no sofá macio. o ambiente entre os dois estava tão amigável. Ele bebeu um gole da garrafa.. Estou assistindo.

“Tenho esse efeito nas pessoas.. não queria demonstrar o quanto estava desconcertada com o rumo da conversa. “Agora é a minha vez. ela disse não contendo a curiosidade. dessa vez não iria se irritar por mais que ele a provocasse.”. Talvez todo esse sofrimento que sentia era a negação desse sentimento que ela tentou de todas as maneiras se livrar. Sookita engoliu em seco com as palavras dele. mas não era. “Vou perder com o homem que amo. agora foi a vez dele gargalhar ao seu lembrar dela tentando dançar de maneira sexy. Tentaria faze-lo perder o controle. ela soltou uma gargalhada. “Foi injusto.”. Lá estava ela sentada ao lado dele. gostaria de gritar que era mentira.. “Eric.” “Sua vez. ele mudou de posição se aproximando um pouco dela.. pela primeira vez ela ousou pensar em amor e não sentiu que era loucura.. ela cruzou os braços emburrada.” “Quem é ele?” “Você sabe bem quem é.” 289 . bem mais terrível.” “Não me faça lembrar isso.”. “Uma pena. ela disse passando o dedo no anel.” “Tente. mas foi apenas um engano temporário. “Agora é a minha vez. como ele fez com ela na praia.” Ela balançou a cabeça de um lado para o outro. nunca vi ninguém dançar tão mal.”. Acreditou que quando a atacou tudo terminaria.” Ela contou até dez mentalmente tentando manter a respiração. sabendo que jamais encontraria a cura para o que sentia. A realidade era pior. ele disse virando o rosto para encará-la com os olhos azuis brilhando. “Virgindade.”. Você me deixou apavorada.”. acho que não tem mais efeito.”.”. “É só me pedir.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Sexo. não é assim que funciona. ele estava jogando pesado e ela não queria imaginar onde estava conversa terminaria. “Dançarina. ela se apertou perto do encosto do sofá. que ele a estava seduzindo.

pelo amor de Deus.” “Você ainda é inocente. ela perguntou num fio de voz. ele se levantou de uma vez. ele se aproximou mais ainda no chão. ela levantou se colocando na frente dele. “Sou eu. ele se afastou. “Não ouse sair dessa sala sem me responder.” “Você nunca irá entender. pelo menos uma vez. ela bateu no peito.” “Por que?”.”. nada disso estaria acontecendo.”. “Não é você que estou punindo. Está fazendo isso para me punir.”. ele olhava para o chão.. tente. “Eu posso tentar. um dia irá passar. “Você sabe o que? Desde quando tem sentimentos?”.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Diga como é que funciona. Não consegue se controlar. não sabe exatamente o que sente.”. “Meu erro foi ter se apaixonado.”. ele desabou no sofá colocando a cabeça entre as mãos. “Não tenho motivo para te punir. ela sentiu vontade de sacudi-lo.” “Eric. “Você sabe que não é. ele disse tirando a toalha do pescoço num movimento brusco. os ombros caídos. “Jason. ele passou a mão no cabelo com um leve tremor.. “Tente. “Não irá funcionar. “Você realmente acredita que funciona entre um vampiro e uma humana? Que é igual nos contos de fadas? Que esse seu casamento de fachada durará por muito tempo?”. “Por que precisa mata-lo?” “É necessário. Eu mais do que ninguém sei disso.” 290 .” “O que tem ele?”.” “Tentar o que?”.”. Você está me machucando desde que descobriu sobre a dançarina. não dessa maneira. ele desviou o olhar.”.”. ele balançou a cabeça de um lado para o outro.

“Você não sabe o que irá acontecer. ele a contemplou pensativo. não se movimentou. “Medo. sou comum demais para um vampiro como você. “Você é humana. Eric. “Você não se curou com o meu sangue.. “Bem-vindo ao mundo real.” “Medo do que?”. ela virou de costas incomodada com o olhar dele. ele disse nervoso..”..”. temos que conviver com isso todo dia que abrimos os olhos. ele disse baixinho.”. “Eu senti. acreditei que iria morrer”. “Eu também sei disso tudo.”.. como se tivesse vivido algo assim antes... olhando para a cabeça baixa dele. continuou na mesma posição. irá morrer como qualquer outro... “Jamais. nunca muda. ele levantou a cabeça após um longo tempo para responder. ela perguntou novamente com medo da resposta.”. ela sentiu a voz falhando como a dele.. ela disse se afastando.. as nossas alucinações. ela se postou em frente a ele no sofá. não conseguia conter a tensão. Ele não respondeu. onde nem tudo pode ser curado ou consertado. em seguida se levantou. ela não teve coragem de se virar para encara-lo..” “Minha telepatia. Sookita sentia o coração bater acelerado... é você?”.” “Sim.” “Você pode ser tudo. 291 . ele disse com a voz falhando.” “Espera ouvir que essa humana.” “Já se apaixonou por uma humana antes?”.... ainda. ela continuava de costas para ele. “Sentiu o que?”.. ela enxugou uma lágrima que insistiu em escorrer. mas não é o suficiente para o final feliz.”. não tem nada escrito. “Você já se apaixonou por uma humana?”. Diferente de vocês.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Você irá tentar. é sempre o mesmo discurso otimista. “Falou com tanta propriedade do final infeliz. menos uma humana comum.. a respiração forte... “De você morrer. eu já sei disso tudo. como todos os humanos dizem.”.

quando deu por si. Ele afastou uma das pernas dela fazendo um movimento vigoroso para frente com o quadril entre elas. ele disse sem se virar.”. cada músculo tocando no tecido do vestido.. ele parou de andar.”. A dor insistente na barriga se misturava com o prazer subindo pelo corpo. ela disse.”. “Agora sabe como estou me sentindo. ele disse encostando os lábios no ouvido dela..”.” “O que você está sentindo?”.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Está dizendo. Ele estava parado em frente à janela observando o mar e a chuva caindo fraca no lado de fora. Ela tentou responder. a não ser pela luz da televisão. O silêncio continuou na sala.. ele disse com a voz rouca passando a língua no pescoço. o silêncio caiu na sala que estava quase na penumbra. ela quase gritou na sala.”. ela perguntou timidamente se aproximando dele. Ele se moveu sem que ela percebesse. passando as pernas em volta na cintura dele.. Eric pressionava o corpo contra o dela. “Não quero passar por tudo aquilo de novo. a sensação era tão intensa que é como se ela sentisse na pele. “Não vou matar Jason. ele caminhava de um lado para o outro passando a mão nos cabelos. “Nunca irei entender esse seu pavor. Ele apertou a bunda dela com uma mão.” “Pena é a última coisa que estou sentindo agora.. mas ainda não ousava encara-lo.. Sookita encostou mais ainda o corpo nele.. “Não pare. ela enfincou as unhas nos ombros nu dele. com a outra segurou os cabelos dela para trás forçando para que o encarasse. mas só conseguiu soltar um gemido alto quando sentiu o volume dele entre as pernas. 292 . “Não quero perder. sentiu a parede nas costas.. admitir isso. Sookita tocou no ombro dele esperando por alguma reação. Ela se virou lentamente com medo do que iria encontrar.”.”. “Não me mande parar.” Ela percebeu que ele tinha parado de andar.”.”. ela não continha a sensação no peito. “Que sente algo por mim? É isso?” “Não pense que é fácil. “Não faça isso por sentir pena. “Não vou a lugar nenhum.

que se intensificou ainda mais quando ele parou em pé em frente à cama. ele disse descendo a mão até a calcinha do biquíni. “Não goze ainda. naquela dança tão íntima.”. “Eric. de repente ela sentiu um pânico ao se imaginar nua na frente dele.. Ela começou a sentir o corpo amolecer conforme o prazer foi se tornando incontrolável.”. Ambos estavam vestidos. O gosto da boca dele levemente salgada. Ela deslizou para trás sentando de maneira desajeitada. “Nunca viu um ao vivo antes?”.”. seus pensamentos confusos foram esquecidos quando ele fez um movimento para tirar a calça de moletom.” “Eu não tenho certeza nenhuma. “Claro que não vi.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Tem certeza?”. tudo milimetricamente no lugar.” 293 . mas a dor que sentia e o prazer mostravam que tudo era bem real.” Ele a beijou como se fosse a primeira e a última vez que se viam. como se só existissem os dois naquele momento.. sentindo a excitação dela com os dedos. Eric a encarou por alguns minutos que pareceram eternidade. “Depois não terá mais volta. Ele sabia do efeito que provocava e a estava levando ao limite.. o colar que usava balançou de um lado para o outro de uma maneira hipnótica. não se comparava ao tipo de mulheres que ele estava acostumado. Ele abriu um leve sorriso quando seguiu a direção do olhar dela para o meio das pernas dele.” Após dizer isso. Mas. Eric a imprensava de encontro à parede. tão bonito e tão perigoso. ela passou a mão no rosto dele. “Tem que sentir por inteiro. Eric a carregou velozmente até o quarto. Ela o agarrava no pescoço com receio de que tudo não passava de um sonho.. “Eu desejo isso faz tanto tempo. Tirar a roupa? Gritar? Rezar pela sua alma? Ela pensou sentindo um frio na barriga.”. Depois pegou a mão dele que segurava o seu cabelo e a beijou gentilmente. ela saboreava cada movimento que ele fazia com a língua. mas é como se não tivessem. Ela não conseguia desviar o olhar daquele corpo definido. ele não conseguia esconder o desejo que sentia. Por mais que se achasse bonita. não fazia ideia do que deveria fazer. “Por favor. ela implorou com o olhar. ele se aproximou da cama lentamente. ela meneou a cabeça se afastando dele até bater no encosto da cama. Ela não conseguiu conter um som na garganta quando ele ficou nu. os corpos se mexendo para cima e para baixo em perfeito ritmo. acomodou-a na beirada da cama.

“Pare. Sookita pela primeira vez o viu completamente rendido. Ela estava confusa sobre o que fazer com as mãos agora que ele estava nu diante dela. deixava o corpo dela em polvorosa. senão eu. ela passou a língua pelos lábios.. ele apoiou um joelho na cama e segurou com uma das mãos no dossel.” Ela sentia a respiração ofegante. Ela não tentou impedi-lo. “O que foi?”. ela desviou os olhos sentindo o rosto quente. ela apontou para ele e depois agarrou o lençol. Foi a vez dele soltar um gemido alto que ecoou pelo quarto quando a mão dela se fechou.. traçando o caminho nos pelos loiros com o dedo até encostar no membro ereto. “Não tenha medo. sim. ele puxou a calcinha jogando do outro lado do quarto. mas os olhos dele revirando provaram que estava tão no limite quanto ela... Ele passou a mão na linha do queixo dela..”. já tinha ouvido Tara comentar o quanto os homens gostavam de se masturbarem. Com a mão por cima da dela. “Mas. 294 . A mão dela estava tão quente que nem sentia a pele fria dele. quem comandava a situação. ele disse tirando a mão dela do lençol e guiando até a calcinha.”. Era um pouco estranho não sentir o mesmo do corpo dele. nenhum como. “Não. Mas. “Agora é a minha vez. “Sim. ele perguntou sussurrando.. Ela tirou a mão dele que a estava segurando e continuou sozinha dando prazer a ele. Ele pousou a mão sobre a dela fazendo com que mexesse vigorosamente para cima e depois para baixo. Não tinha mais como voltar atrás e nem queria isso. “Não quero tirar. chegando até a ponta do vestido. Sookita segurou o pulso dele. ele disse com um sorriso de canto. por mais que estivesse com vergonha. Nunca imaginou que aprenderia a fazer isso tão facilmente.”.. o peso do corpo todo em cima dela.”. mas resolveu arriscar ao passar a mão no peito dele. Ele a empurrou para trás fazendo com que caíssem na cama.. o seu..Escravos do Amor – Segunda Temporada “Nem no livro de biologia na escola?”. inclusive Jason teve a fase que nunca saia do banheiro. agora era ela quem causava um efeito.”. Eric puxou para cima devagar até os seios dela. o suor escorrendo pelo corpo. ela engoliu em seco. “Meu corpo não é tão frio assim. poder fazer isso por Eric...”.”. ele disse com a voz entrecortada. forçando novamente o vestido para cima. Com o susto ela largou o que estava fazendo e tremeu ligeiramente quando ele se acomodou entre as suas pernas.. forçando o vestido para baixo.

mas estava lá junto com a das facadas. Os gemidos dos dois se misturavam. Ele diminuiu o ritmo de repente. apertava um dos seios com a mão. ele a beijou novamente com a mesma vontade de antes. que talvez o tivesse decepcionado ao não ficar nua. enquanto os corpos se moviam como se fossem um só.. Sookita soltou um gemido angustiante. Só que parcialmente. Eric moveu o quadril escorregando para dentro dela. Até que ela notou que o ápice do momento para ele estava 295 . Cada movimento era como se pudesse ver a alma dele. mas depois desviou quando sentiu que não se entregou da mesma maneira que ele. ele saia. Ela levantou a cabeça encontrando os lábios e agarrou os cabelos dele. ela respirava. não era o momento para chorar. passou a língua nos lábios dele. ele balançou a cabeça parecendo irritado. Sookita quase gritou quando o sentiu se movendo devagar.”. ela não teve coragem de se entregar totalmente. Ele começou a acelerar o ritmo. curioso para saber como ela estava se sentindo. ela era apenas um lapso em toda a longa vida dele como vampiro. contava tantas histórias.. Ela sentiu um pouco de tontura. Agora não havia mais delicadeza. Os olhos dele se cruzaram. Mas. Ela mordeu os lábios quando o membro dele rompeu a última barreira que faltava.. Instintivamente ela também moveu o quadril fazendo com que se encaixassem. Abriu novamente e ele a observava com os olhos azuis brilhando. O ritmo era forte. Ele entrava e saia. forçando cada vez mais de encontro a ele. apenas a sensação dele se movendo cada vez mais. foi quando ela percebeu o que realmente estava fazendo. abriu e fechou os olhos várias vezes. agora ela entendia o que ele quis dizer anteriormente. Ela esperava ansiosa o momento que perderia a virgindade. ela voltava a respirar. Uma lágrima escorreu do seu olho. o apertou fortemente quando ele recomeçou a se mover.. ele entrava. ela segurava a respiração. Ela sustentou o olhar dele o máximo que conseguiu. ele a beijava no pescoço. o nível de intimidade e confiança que tinha que ter. Ela implorou com os olhos para que não a forçasse. ela esfregou no travesseiro fazendo com que sumisse. Ela fechou os olhos tentando recobrar a respiração. O olhar dele era tão profundo. como se não estivesse mais em seu corpo. antigo. mas ele colocou a mão no quadril dela guiando suavemente para que a dor começasse a diminuir. ele tocou no rosto dela para que o encarasse. ela apertava as pernas em volta dele para que penetrasse cada vez mais fundo.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Não é isso. assim como ele via a dela. nada disso importava.” “Sookita. pois ele voltou a aumentar o ritmo. o medo ainda era o inimigo principal. igual Eric era como vampiro. Tara sempre disse que era o momento mais importante e doloroso. a dor não era intensa. ela sentiu uma pontada no ventre. Ela o abraçou trazendo para junto de si. ele apertava a cintura dela.

. ela mal estava recuperada do que fizeram. Ele fez um som gutural. ela disse num tom nervoso. quando começou a sentir a língua invadindo dentro dela de maneira suave.” “Como.”.. ele roçou a presa na coxa dela.”. puxou-a pelas pernas para que ficasse perto dele. quase disse que algo assim não era cristão. ele sorriu com os olhos faiscando. Encolheu-se debaixo dele. “. Ele apoiou num dos cotovelos. “Vai doer muito menos. ela olhou para o meio das pernas. passando pelo vestido e o levantando acima do umbigo.Escravos do Amor – Segunda Temporada chegando quando sentiu o membro pulsando. ela imaginou que talvez fosse ser mordida. “Nem pense nisso. “Eu sou um vampiro. animalesco.. ela agarrou os ombros dele como uma tábua de salvação para receber o impacto.”. um desconforto que acreditava que logo passaria. em vez disso Eric percorreu o corpo dela com uma das mãos. ela engoliu em seco.”. E ela estava cometendo tantos pecados nessa noite.. não se esqueça disso. ela balançou a cabeça. mas fazer sexo sem procriar já era um pecado. “Eric. “Preciso tomar um banho. Ela passou a mão na testa sentindo o suor escorrer. ainda sentia as pontadas no ventre.”. “Esse cheiro é inebriante. em seguida deitou em cima dela forçando todo o peso. ele fez com que ela se deitasse novamente.. Sookita continuava com olhos fechados. “É nojento.”. Ele sorriu enquanto ajoelhava no chão em frente à cama. Ele levantou a cabeça e a encarou exibindo as presas. bem mais suave do que o membro dele fez anteriormente.”. “Não posso ver isso.. já estava sangrando e imaginou o efeito que causou nele. colocou um dos longos dedos entre as pernas dela. não tinha coragem de encará-lo.”. Ele massageava com a língua e sugava ao mesmo 296 .”. fará isso?” “Lambendo. Mas. aliviando um pouco o peso do corpo e exibiu o dedo manchado de sangue. ele farejou o ar. fez um movimento circular. não vou deixar que faça isso. Sookita não conseguiu evitar um som sufocado saindo da garganta. “Faça de uma vez.”. não tinha boas lembranças da última vez que aconteceu.. “Vou limpar para você. ele começou a deslizar pela cama. “Seu pedido é uma ordem.”. ela disse tampando os olhos.” Ela continuava com os olhos fechados. ela respirava com dificuldade..

fazendo com que a boca dele alcançasse cada parte. naquele instante ela não teve coragem de se expor como ele fez. Até que soltou o grito final de prazer. apertando a cabeça dele para baixo. ela não entendia como ele conseguia fazer isso. não deveria ser normal fazer sexo usando roupa. Sangue era tão poderoso quanto o sexo para os vampiros. ela se contorcia na cama. encarando o teto da cama. seus pensamentos sumiram quando a língua dele chegou ao clitóris. apoiando a cabeça nas mãos. mas não o seu corpo. ele perguntou encostando o queixo no ombro dela. geralmente só aconteciam histórias e lembranças ruins. Ela temia que ele tocasse nesse assunto. sentia-se tão cansada.Escravos do Amor – Segunda Temporada tempo. 297 . Sentia a língua entrando cada vez mais fundo. mentalmente e fisicamente. ela demorou alguns minutos para se recuperar. “Por que não tirou a roupa?”.”. Virou-se de lado. Ele se aproximou. talvez só um pouco da dor do sexo intenso. mas não havia nada. Sookita abriu os olhos. ele limpou lentamente com a mão sem desviar o olhar. Ele passou as mãos por baixo das pernas. Agarrou os cabelos dele. ele não deveria estar acostumado. onde só tinha prazer e nenhuma dor. seu corpo se contorcia novamente de um lado para o outro. ele apertou com as mãos as pernas dela. Eric levantou a cabeça assustado com a reação dela. Sookita balançou a cabeça antes de responder. um prazer tão intenso que o corpo dela tremeu por alguns instantes. Um lugar onde só ele e ela existiam. Mas. quando sua mente se apagou. “Você entregou a sua inocência. precisava recuperar algum tipo de controle. separando mais ainda uma da outra. ela notou um liquido estranho no chão quando ele se levantou. A boca dele estava suja de sangue. Ela desabou na cama. ele limpou com maestria. Mas. só via a cabeça loira dele se mexendo sem parar. Levantou a cabeça e o encarou com um olhar sonhador. ele disse se afastando. Era como se tirasse toda a dor da primeira vez. Sookita mexia o quadril sem parar. Ela levantou para observá-lo. Mas. colando o corpo no dela. Ela forçou o quadril para cima. à sensação de formigamento tomou proporções que ela nunca sentiu antes. estava quase rasgando o vestido de tanto que o puxava. Imaginou que tinha sorte em ter um parceiro tão hábil para a primeira vez. novamente parecia que estava saindo do corpo e pairando em outro lugar. segurando a bunda dela até que ela atingisse o orgasmo. o barulho do mar e da chuva ficaram distantes. de vez em quando a presa roçava na pele. Havia gozado junto com ela. Ela se sentou na cama esperando encontrar algum resto de sangue.

fechou os olhos esperando que tivesse sonhos bons. “Medo. Ela passou o dedo nele devagar. eu tive medo.”. dormia como uma pedra... mas o encontrou com os olhos fechados. Agora que o prazer tinha passado. era uma mulher casada por lealdade. Ele não reagiu ao toque. teve sonhos confusos e assustadores. Demorou em perceber onde estava. ela se virou para encará-lo. apoiado na coxa. Eric também estava nu. restaram apenas as dores da primeira vez. Agora ela estava nua. não sabia quando faria isso novamente. Recolocou a saída de praia e a calcinha que tinha deixado secando do dia anterior. a realidade estava começando a pesar entre eles. Nem percebeu quando as persianas se fecharam automaticamente por conta da luz do sol. estava completamente perdida. ----------------------------Ela voltou para o quarto após tomar um banho revigorante.. Tinha certeza de que jamais seria a mesma depois dessa noite. acreditou que ainda tinha algum controle sobre eles. Sookita puxou o ar ao se sentar na cama. ainda mais para ele. parecia tão tranquilo dormindo e nada amedrontador. Abriu um sorriso quando viu o membro dele tão sem vida quanto ele. mas o fez assim mesmo. Ela respirou fundo ao imaginar que sentiu aquele corpo. que o sentiu dentro dela. Deitou-se ao lado dele. Por mais que tivesse esses sentimentos confusos. Ela não percebeu que Eric abriu os olhos e a observou atentamente enquanto caminhava para o banheiro. Eric continuava dormindo profundamente. lembrei as suas palavras. 298 .. sem medo do olhar dele ou das consequências. sobre humanos e vampiros. gemeu baixinho ao sentir a pontada na barriga e no ventre. Foi do prazer intenso a angústia em questão de minutos. Tanto havia acontecido em tão pouco tempo. Só que não tinha. Sookita acordou ouvindo o barulho do mar. Ele a tinha salvo do senador. Levantou-se com dificuldade. O que ele faria quando acordasse? Como ela o iria encarar? Tudo voltaria ao normal? Ela sentou ao lado dele na cama com a mente fervilhando de pensamentos. havia sido mutilada e quase morta e perdeu a virgindade com um vampiro que não tinha certeza do que sentia por ela. mesmo dizendo que não merecia. caminhando devagar na direção do banheiro. estava dormindo. Ela nunca imaginou que se entregaria dessa maneira para uma pessoa. Já havia parado de chover.Escravos do Amor – Segunda Temporada Ela segurou as lágrimas ao ouvir as palavras dele. O universo paralelo no qual estavam se tornaria apenas um sonho. Sookita encostou no peito dele com a ponta do dedo da mão que não foi mutilada.

mas não o tempo todo. A cortina estava aberta e ela viu o céu estrelado lá fora. apertando a saída de praia no corpo. Ela balançou a cabeça afastando esses pensamentos.Escravos do Amor – Segunda Temporada Tudo voltou de uma vez em sua mente quando se lembrou do que fez na noite anterior. “Eu já estava ficando desesperada. Ela caminhou para a sala. tinha conseguido o que queria. ligou a televisão zapeando pelos canais. mas notou que ele estava tão sem graça quanto ela. não poderia reagir dessa maneira sempre que o visse. “Vamos embora daqui a pouco. guardaria para sempre essa roupa. ele disse sem se mover. olhou em volta notando que ele não havia bebido TruBlood. Ouviu o barulho do carro parando no lado de fora. Não havia sinal dele. Apenas queria que tudo aquilo se repetisse. reação ou ação. “Comprei algumas roupas. ela sorriu tentando demonstrar calma. Ainda mais quando ele abriu a porta da frente. Percebeu algo 299 . Talvez estivesse pensando nas consequências do que fizeram.”.”. Olhou para ele esperando por alguma palavra. Era uma mistura de sentimento. se afastando na direção da porta.” O coração dela quase parou. “Sim. Foi até a cozinha. mas ele era um vampiro. ele estendeu para ela uma sacola onde se via escrito Walmart. estava tensa imaginando onde ele poderia estar. que ele a beijasse e dissesse que tudo acabaria bem. abriu uns salgadinhos. afinal. “Melhor se vestir. seria uma lembrança eterna. ela disse de maneira automática. Ela se levantou lentamente sentindo os joelhos tremendo. Eric era um monstro quando queria.”. Imaginou que ele deveria ter feito compras no mesmo lugar que ela fez meses atrás. pensamentos loucos surgiram em sua mente de que talvez ele tivesse ido embora. mas Eric não estava mais lá. Só que ela ainda não tinha pensado em nada. vou me trocar. Apertava o controle remoto com a mão tremendo. Ela se levantou com um pulo. O sangue dela tinha sido o suficiente. Ela não tinha ideia do que aconteceria. Ele fez um leve movimento com a cabeça. o coração dela pulou novamente. Ela sentiu um arrepio no corpo quando se lembrou da maneira que ele a sugou. o coração estava disparado ao imaginar que iria encontrá-lo. Sookita sentou-se no sofá. não tinha sido tão errado. comeu tão rapidamente que engasgou várias vezes. Ela olhou para o lado. apenas o medo latente de que a ignorasse e fingisse que não houve nada. Bebeu a latinha de refrigerante. sentia vergonha ao se lembrar.”.

ela perguntou imaginando qual seria a resposta. “E o que seria isso?”. Ela ficou aliviada por conseguirem manter uma conversa minimamente normal.”. Lançou um último olhar para o quarto.” 300 . mesmo com o tempo se tornasse um sonho lembrado pela metade. Tudo havia mudado. “Eu não tinha o direito de fazer o que fiz. Ele se endireitou quando ela se aproximou. “Não estou arrependida. Uma coisa ela tinha certeza. queria manter aquela última imagem como lembrança. Abriu a porta da frente. não teve coragem de se olhar no espelho.. Ela sentou-se na cama quase chorando de tanto rir. ele comprou uma saia preta e uma camiseta de estampa de gatinhos. ela disse de uma vez. “Muito bonita a camiseta que comprou.”. ele não conseguiu devolver o olhar. “Não posso forçar o que não acredito.” “Eu quis tanto quanto você. “Escolhi a dedo. ela tocou no rosto dele. parecia pensativo. entrando no carro logo depois dele. ele afastou a mão dela. ela disse morrendo de rir por dentro. o encontrou parado ao lado do carro. totalmente destruído. levava na sacolinha o biquíni e a saída de praia.Escravos do Amor – Segunda Temporada diferente nele. ela pensou caminhando para o quarto. O vestido de noiva estava no lixo. “Eu sei. Passou a mão nos cabelos tentando arruma-los. “Precisamos conversar.”. “Ficar com uma humana. ela disse com um nó na garganta. mas o tom de voz deixava claro.”.” “Eric. Deu a volta pela frente. estava sem maquiagem.. Ela se trocou lentamente.”. não deveria ser uma bela visão. ele disse abrindo a porta do carro. algo havia mudado. Não tinha coragem de perguntar se ele estava arrependido. Pelos menos conseguiu aliviar um pouco da tensão em seu corpo.”. ele não tinha noção nenhuma de como uma mulher se vestia. Dessa vez não estava ferida no banco traseiro. Ela não gostaria de guarda-lo como lembrança.”. ele disse apertando a mão no volante. Provavelmente iria parecer uma adolescente.

Ele não dizia nada.” “Não estou dizendo. Ela sabia que estava casada com Bill. não sou tão desesperada. ela acabou fazendo o testdrive que Tara tanto falou. Foi até a porta. fez um 301 . ela passou o dedo lentamente na aliança. medos e receios. A viagem de volta foi um suplício para Sookita. ela apontou para a estrada. ele estacionou em frente à varanda. Virou a chave. sabia que fez por Bill ser tão bom para ela e acreditou que um dia acabaria amando tanto quando ele a ama. e muito menos ela. ele falou pela primeira vez desde que saíram de Rosamar.”.” “Você é covarde. sempre deixava ali para Jason usar quando ela estava fora. ela limpou com a mão rapidamente antes que ele visse. Mas. Ela jurava que viu um brilho estranho nele. De vez em quando sentia o olhar dele sobre ela. não aguentaria vê-lo e sabendo que não o teria.” Ele concordou com a cabeça. foi uma maneira de ter algo dele com ela. O único alento que tinha era o sexo que tiveram. ele virou o rosto para o outro lado. ele não queria nada com humanos. “Leve-me para minha casa. “Se isso te faz sentir-se melhor. o medo dela foi comprovado. O olhar de Eric foi diretamente para a mão dela. estou afirmando. O que ele tinha tido havia sido o suficiente. “Não a de Bill.”. Só que não foi um teste. Tanto dela quanto dele. Mas. “Você continuará casada com Bill.”. não vou contestar.. Sookita abriu a porta do carro sem dizer nada. Apertava a sacola nas mãos que estavam tremendo.. ela disse cruzando os braços no peito.”. “Não me diga o que devo fazer. Havia um mundo de problemas entre os dois. ele deu partida no motor saindo em alta velocidade. Ela subiu os degraus da varanda esperando ouvir o carro se afastando.”.. confusões.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Não estou pedindo que fique comigo. ao ter esse pensamento. ela disse sentindo as lágrimas escorrendo no rosto. sabia que fez por lealdade. para se lembrar quando estivesse no escuro.. como se quisesse dizer alguma coisa. Ela sabia que cometeu um erro ao se casar. o olhar dos dois se cruzou rapidamente. um mundo de mentiras. “Estamos chegando. Não olharia para trás. ela não daria uma nova chance para ele.”. igual quando o viu na sala horas antes. também sabia que jamais existiria algo real entre ela e Eric. Não demoraram a chegar a casa. e já haviam se passado quase quatro horas de viagem. mas ele continuava lá. A música alta no rádio quebrava o silêncio no carro. procurou a chave no vasinho ao lado.

Eric passou ao lado dela. sentiu o peso de tudo que passaram juntos. colocou a mão a nuca dela. 302 . ele disse se aproximando dela. balançou a cabeça de um lado para o outro confuso. mas parou em seguida. como se fosse para si mesma. Minutos depois ele surgiu parando em frente a ela na porta. ela disse baixinho.”.”. Ela olhou para trás. mas foi impedida por um vulto que passou empurrando a porta. Ele parou antes de entrar no carro. Sookita perdeu a conta dos minutos que ficaram abraçados. ela baixou a cabeça dando espaço para ele passar. Ele a beijou na testa e se afastou em direção ao carro. em seguida fechou a porta. Eric não estava no carro. Entrou no carro segundos depois saindo em disparada. Ele a puxou para junto de si. Ela o abraçou na cintura.Escravos do Amor – Segunda Temporada movimento para entrar na casa. “Eu te amo. era isso o que importava. “A casa está segura. “Acho que já pode ir. Ainda estava vivos.”.

people don't change. 303 .Escravos do Amor – Segunda Temporada Capítulo 32 Grandes Esperanças We are who we are.

mas aqui não é o lugar ideal para discutirmos esse assunto. Ainda mais quando está sendo acusada de atacar minha esposa. eu não quis te magoar..” “Não estou negando. ele disse olhando para os lados. não. encostando a cabeça no ombro. eu juro. não pode negar isso. “Você era a última pessoa que eu esperava que me magoasse dessa maneira. “Não ouse repetir isso perante os outros. o gosto é incrível.”.”.”.”.”.” 304 . “Sookita casou comigo.” “Não..” Bill segurou com força nos ombros de Jessica. e não tem lugar melhor do que aqui na Autoridade.”.”. ela agarrou o paletó dele. “Eu não acredito que não experimentou ainda. “Você é a minha filha. querido pai. ela agarrou o braço dele. “Só que ela tem algo diferente.” “Não sou uma inimiga. Você está querendo nos colocar em problemas se continuar brincando dessa maneira. não faça isso comigo. “Pare com esses disparates.. Até afastei Eric de Sookita. “E fará exatamente como combinamos.. Jessica abaixou a cabeça quando ele parou de sacudi-la. eu pediria.. ele fechou os olhos com uma expressão de dor.” “Eu não quero ser deixada novamente.” “Repetir o que? O sangue de Sookita ser especial?” “Não é especial..”. e você quer me tirar tudo. pai. cada vez mais aumentando a força. Jessica disse para Bill enquanto caminhava atrás dele num dos longos corredores na sede da Autoridade. e aos poucos você está fazendo parte deles. meu sangue está em você.” “Problema nenhum. nunca mais.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Ela me fez sentir viva.. Se eu precisasse de sua ajuda. por favor. “Jessica. ele disse entre dentes. Eu te dei tudo. nunca corri risco de perdê-la para Eric. ele a abraçou. só assim irá acreditar em mim. e a sacudiu várias vezes. ele a afastou e a encarou nos olhos. Sookita precisa ser estudada. Não quero ser trocada por ela. “Eu tenho muitos inimigos. minha querida. Só peço que pare de agir pelas minhas costas.”. por causa de um ciúme bobo.” “Se entrar lá dentro e contar essas mentiras sobre Sookita..

faria com que pagassem de alguma maneira por esses maus tratos quando ela fosse liberada. apertou o ombro dela e se afastou sentando numa cadeira na outra extremidade da sala. só que com sangue e pessoas sendo mordidas.” 305 . Até viu algum dos olhos se mexerem numa das pinturas. Bastian se recostou na cadeira se divertindo com a situação. Jessica fez uma careta quando se aproximou. “Deixe-me refrescar sua memória. essa reunião está sendo filmada e gostaríamos que confirmasse que está ciente do crime o qual foi acusada?”.” Bill se mexeu impaciente na cadeira ao ouvir a resposta malcriada de Jessica. A sala era larga e longa. e muito menos entendia a estranha língua que falavam. Só sabia o básico e as leis enfadonhas atuais de não atacar humanos e outras baboseiras. Ela passou a mão no rabo de cavalo. Santiago passou a mão na cabeça careca visivelmente nervoso. Ainda sentia-se fraca pela pouca alimentação que recebeu esses dias. só que ele não sorriu de volta como ela esperava. Delilah disse encarando Jessica com o cenho franzido. Ela não conhecia a Autoridade a fundo como seu pai. Não te criei tão errado assim. “Não estou ciente porcaria nenhuma.”. Santiago disse num tom pomposo. Ela viu Santiago ladeado de Bastian e Delilah. encarando Santiago e ignorando Bastian e a outra vampira. Pararam em frente uma porta dupla que estava ladeada por dois seguranças armados. Jessica sentiu como se fosse observava pelos retratos pendurados nas paredes. “Está sendo acusada de atacar Sookita Montenegro por motivo fútil. não tinha noção dos rituais. Um deles abriu a porta obrigando Jessica a entrar depois de Bill. estava cansada desses excessos da Autoridade. “Sei que fará o certo. Um novo corredor levava a outra porta dupla. ela recomeçou a caminhar no corredor. Ela parou em frente à mesa. conforme caminhou até eles. novamente com dois seguranças armados. Havia cadeiras e outras mesas. O teto em abóbada era todo pintado com imagens que lembravam a Capela Sistina.”. ele disse a alcançando com alguns passos. “Senhorita Los Mares. Bill parou ao seu lado. ela pensou dando de ombros. abriu um sorriso. no fundo havia uma mesa com três pessoas sentadas. Jessica ficou surpresa com a suntuosidade da sala que adentraram.Escravos do Amor – Segunda Temporada “E se eu não fizer?”.

Eu queria tanto aquele Jimmy Choo 1 que ela ganhou do meu pai. ela apontou o dedo para Jessica. Pam. esperou o outro se sentar para continuar. Pam cruzou os braços. “Eu estava prestando uma visita para Sookita. Pam sorriu quando se sentou e cruzou as pernas apoiando o braço nelas. Bill perguntou se levantando. Pamela quem se ofereceu para depor..”. “Ela está fazendo isso porque Eric Colunga está me comendo. que é muita amiga de uma de minhas funcionárias. fez um movimento com as mãos indicando que Jessica não batia muito bem da cabeça. Jessica revirou os olhos na direção de Pam. Delilah disse.”.”. “Não fui avisado sobre isso. Santiago disse limpando os óculos com um lenço. “O que ela faz aqui?”. só chamarem o lobo para depor. estou ciente. Santiago apontou novamente a cadeira para Bill.”. Senhorita Lerõnho?”. eu vi Jessica..”.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Sim.. a filha do prefeito. Bill respondeu não contendo o nervosismo. “Quando cheguei lá me deparei com a terrível cena do ataque. “E o que fazia lá. Tara salvando a amiga e o lobo que é guarda-costas dela limpando a cena do ataque.”. atacando Sookita Montenegro.” “Vão acreditar nessa ridícula?”. digo.”.” 1 Famoso designer de sapatos 306 . poderia descrever o que presenciou na noite do dia 19?” “Com prazer.. “Senhorita Lerõnho. Bastian perguntou apoiando o queixo numa das mãos. “Pamela Izabelita Lerõnho é a testemunha principal do caso contra sua adorável filha.” Pam balançou a cabeça com um sorriso cínico.”. “Se não acreditam. Pam disse olhando de Bill para Jessica. ela soltou uma gargalhada. graças a minha funcionária Tara que Sookita continua viva. “Sempre estou disposta a ajudar. “Podemos começar?”. Santiago fez um movimento com a mão para o guarda do outro lado da enorme sala que prontamente abriu a porta. O salto de Pam podia ser ouvido conforme caminhava de maneira petulante até onde todos estavam. “Nem nós. Santiago indicou uma cadeira perto de Bill para que ela se sentasse. “Eu vi com meus próprios olhos Jessica atacando Sookita. ela fez uma pausa dramática.

só ergueu a cabeça quando parou perto de Jessica.”. Em seguida ele voltou à atenção para Pam. resolveu contar sobre o ataque?” “Jessica é filha do prefeito.”. “Bastian tem uma coleção de calcinhas minhas. Jessica tinha algo que tirava as pessoas do sério. Pam confirmou com um largo sorriso. Bastian deu um salto com o susto que levou diante das palavras de seu criador. ele mesmo. queremos que diga a verdade sem nos obrigar a hipnotizalo.”. caminhava cabisbaixo. Alcide entrou na sala sendo empurrado por um dos guardas. “Tragam o lobo. Estou sendo difamada por causa de mulheres mal comidas.”. esse conselho não é muito decente para me julgar. Bastian se encolheu na cadeira. raramente o via perder a linha. não seria justo com Sookita que nada fosse feito. ele abriu os braços negando com as mãos.”. Santiago apontou para frente. Santiago disse severamente. Ele olhou para o jovem vampiro como se fosse esgana-lo a qualquer momento. Mas. tantos meses depois. Santiagou voltou-se para Pam. O lobo não ousava encara-la. eu não sei do que ela está falando.. eu temia algum tipo de represália ao meu estabelecimento.”.. ela passou a mão nos olhos marejados. Santiago disse batendo a mão na mesa. “Eu. Bill observava a cena calado. Jessica se mexia incomodada ao lado de Alcide. “Senhorita Los Mares tenha decência perante todos nessa sala.”.Escravos do Amor – Segunda Temporada “O idiota do Alcide não sabe de nada. Jessica disse soltando uma risada que ecoou pela sala.”.”. Ela deveria ter ficado em casa sendo vigiada quando descobriu que 307 . Santiago disse olhando para o lobo. “Menina Jessica atacou Dona Sookita porque eu falhei em mantê-la longe dos problemas. “Por que só agora. esperava que Alcide cumprisse o que haviam combinado. Bill deu um soco na outra mão diante da atuação de Pam. “Senhor Nóbrega. Ele tentava controlar a irritação e a vontade de dar um fim nessa reunião patética. “Não é Bastian que está sendo acusado. “É esse o lobo de nome Alcide Carlitos de Nóbrega que foi visto na cena do ataque?”. Jessica ergueu a cabeça desafiadora. “Sim.

senhorita Los Mares. Só não aconteceu porque ela foi presa. Mas. olhando preocupado para Jessica que não parava de chorar. “Sim. pois pertence à outra raça. Santiago disse impaciente. eu não tenho nada com esse lobo. só continuaria feliz quando ele voltasse. Santiago disse. somos muito íntimos. “Senhor Nóbrega confirma que mudou a cena do ataque para proteger a Senhorita Los Mares?”.”. “O lobo Alcide não podemos punir. Santiago encarou Jessica. Era o primeiro momento de alegria que tinha desde a partida de Eric. ela ergueu a cabeça enxugando as lágrimas de sangue com as mãos. Nunca tive e jamais terei. “Repetindo. “Não tem motivo para isso. Bastian perguntou recebendo um leve cutucão de Santiago por baixo da mesa. a acusada negou qualquer vínculo com o senhor. “Então.”.”. nervosa e desesperada pelo que aconteceu com meu pai..” “Não.”.”. “Jessica e eu iremos no casar. “É mentira. ele disse de uma vez.” “Entendo que queria fazer de tudo para ajuda-la. 308 . Alcide respondeu envergonhado. foi culpa de Alcide. fez isso por que os dois tem um caso?”.”. Santiago voltou a perguntar. Eu estava descontrolada. ela colocou a cabeça entre as mãos chorando copiosamente. caro rapaz. Alcide confirmou com a cabeça.” “Qual é a natureza de sua relação com a acusada?”. Alcide se colocou em frente à Jessica. A senhoria será punida exemplarmente pelo ataque sem motivo que fez contra Sookita Montenegro. “Bem. foi a vez de Delilah perguntar.. “Então.”.Escravos do Amor – Segunda Temporada o pai foi punido pelos senhores. “Intima.” Pam balançou a cabeça controlando o riso diante da péssima atuação de Jessica. “Sim. o senhor confirma?”. eu serei punido no lugar dela. “Eu agi sem pensar. não tem mais como negar o ataque. isso é irrelevante. Santiago respondeu fazendo um movimento dispensando Alcide.”.”. parou alguns segundos para recuperar o fôlego. O homem responsável pela sua segurança está assumindo o ocorrido.

O vampiro forçou a vista para ver o conteúdo. Bill se aproximou de Jessica.. Alcide mentiu sobre o casamento. Jessica quase desmaiou quando viu o celular que desapareceu em Tijuana nas mãos de Alcide. “Senhorita Los Mares será punida com as presas sendo removidas. Tinha acontecido de tudo um pouco.”. Jessica não parava de chorar.”..”. isso já está estabelecido.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Eu tenho como provar. ela balançava a cabeça inconformada. Alcide era para ser punido. não vou casar com ele. como se a ninasse.” Jessica soltou um grito de desespero. “Bem. Como tinha sido ingênua ao pensar que o lobo era um tapado.” Um estremecimento passou pela sala. querida.. quase todos ali sabiam o que significava essa punição e o quão extrema era. ela tinha ouvido histórias aterradoras de vampiros que tiveram as presas arrancadas e sofreram diariamente durante 3 meses até voltarem ao normal. segurou-a nos braços. “Pai. Santiago encostou a cabeça na cadeira sem acreditar no quanto essa reunião foi surreal. arregalou os olhos com o que viu.. ela disse encostando a cabeça no peito dele. tudo tinha saído errado. Passou o celular para Delilah que sufocou o riso. ele apontou para Alcide e Jessica. em seguida Bastian pegou o celular e apertou o aparelho nas mãos conforme passava as fotos. deveria ter me ouvido. “O Senhor Nóbrega enfrentará a Dama de Ferro. o lobo estufou o peito tirando um celular do bolso. Irão se casar quando saírem daqui. ergue o rosto marejado de lágrimas para ele. diga que não é verdade. Bill apoiou a cabeça nas mãos chocado com o que presenciava na sala.”. seria motivo de chacota de seus superiores que assistiam a tudo. não restando dúvida da culpa de ambos. ele balançou a cabeça. que não irão fazer isso comigo. Ele havia roubado. “Infelizmente.”.” “Deveria ter me ouvido. mas não de maneira rigorosa e Jessica era para ter escapado.” 309 . sem usar artifícios.. “Eu. Pelo menos uma vez. Alcide estendeu o celular para Santiago. Agora as lágrimas de sangue escorriam sem parar pelo seu rosto. dessa vez com intenção. Ela tinha sido passada para trás. Teria que tomar uma atitude drástica.. “Diante de tudo que foi apresentado. o jovem vampiro disse guardando o celular no bolso rapidamente. o aparelho terá que ser confiscado para averiguação.

“O que é isso?” “O pagamento pelos serviços prestados. Santiago disse irritado se levantando da mesa e sendo seguido por Bastian e Delilah. está ocupado salvando mais uma vez a tua pele.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Você já sabia?” “Sim. mas foi impedido. “Entregue isso para ele. Estava com pena do pobre lobo que se casaria com uma moça desmiolada como a filha do prefeito. “Foi proveitoso te encontrar aqui. ele abriu os braços para ela. por alguns momentos parecia que estava assistindo a cena de uma novela. e Pam raramente sentia pena dos outros. ela se afastou dele chocada.” “Sua amizade com Santiago não irá salvá-la todas às vezes. puxaram os dois sem gentileza pela sala. está compensando o erro que cometeu na missão. mas Jessica continuou se afastando dele. Se livrar de Jessica tinha saído melhor do que imaginava. Os guardas se aproximaram de Alcide e Jessica. “Levem-nos daqui. 310 .”. A reunião está encerrada. “Não faz mais do que a obrigação. Bill a puxou pelo braço impedindo que continuasse a caminhar para a saída da sala.”. vossa excelência.”. ela colocou as mãos na cintura.”.”. Bill tentou dizer algumas palavras para Alcide.”. me poupou em ir naquela espelunca. “Não é isso. Aproximou-se de Pam e disse baixinho: “Foi Eric quem te mandou bancar a dedo duro?” “Ele nem sabe que estou aqui. Pam passou por Bill com um leve sorriso.” “Está me mandando embora. ela abaixou novamente a cabeça. foi a minha tentativa desesperada em te poupar dessa punição.”. como eu imaginei. Bill estendeu um celular. ela abaixou a cabeça como se o reverenciasse.”. ele ajeitou o paletó. “Espero ser convidada para o casamento de sua filha. Se tivesse se comportado como eu pedi.” “Está me ameaçando?”. sem querer banquei o cupido. Só restaram ele e Pam na sala. e passou a mão no bigode.” “Sempre um prazer fazer negócios com vossa excelência. ele a soltou.

” Pam só ouviu a porta batendo após a saída dele. Ele fechou os olhos tentando se lembrar de tudo que tinha acontecido nesses dias que ficou fora. Só que continuava ali. Bill agarrou o pé dela virando para o outro lado. alias tudo o estava irritando desde que deixou Sookita horas atrás.” Pam usando a velocidade vampírica derrubou Bill com um chute nas costas. Bill a pegou pelo pescoço e a levantou vários metros do chão. ela segurou na mão dele.”. “Eu só preciso apertar. “Eu só preciso gritar. Ele passou a mão nos cabelos tentando recobrar a compostura. Ela saltou ao lado dele apoiando o salto no peito de Bill. já tinha feito isso com tantas outras. Pam caiu de cara no chão. reunindo toda a coragem que tinha enfiou o osso que saltou para fora com a mão. como se o estivesse confrontando. Não queria que os outros a vissem tão vulnerável. não vale a pena me sujar por tão pouco. “Eu te esmagaria como um inseto. O osso estalou e uma parte saiu na pele. 311 . Usando uma mão.”. “Só não pense que esqueci o que fez com Jessica.”. O vampiro escorregou pelo chão de mármore. A dor na perna era insuportável. Só que se sentia estranhamente ligado a ela. Levantou-se com dificuldade. “Agora eu só preciso arrancar. no fundo. a música da boate estava especialmente alta nessa noite. estava em ponto de explodir e gritar para desligarem aquele som. ele apertou os dedos com força. ele passou por ela caminhando para a saída. Nunca esteve tão perto de morrer como dessa vez e nunca esteve tão perto de sucumbir para uma pessoa depois de tanto tempo. Soltou um grito de raiva misturado com dor. e tinha um monte de papéis jogados em cima da mesa. ele acreditava que essa sensação passaria depois do que fizeram. ela furou com o salto a camisa branca que ele usava. ----------------------------------Eric sentou-se na cadeira do escritório irritado. Ele a jogou de encontro à parede. não é de meu interesse. Mas. Não estava arrependido em ter tirado a virgindade de Sookita. Deu de ombros arrumando o paletó para esconder o furo na camisa. não teria dificuldades em arrancar a cabeça dela. batendo a cabeça na pesada porta de madeira.”. Não havia sinal de Pam. esperaria se recuperar antes de ir embora. uma verdadeira bagunça.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Você é peixe pequeno. Mesmo depois do sexo.

Escravos do Amor – Segunda Temporada Abriu os olhos tendo a certeza de que a continuava desejando muito mais do que gostaria de admitir para si mesmo. “Não está feliz por me ver de volta?”. “Na Autoridade. encontrou Pam com cara de poucos amigos. Teria que descobrir uma maneira de lidar com esse desejo. Ele não poderá oferecer o tal amor que ela acredita sentir. Ele repetiu várias vezes como se fosse um mantra.”. Godric o havia ensinado tão bem a fechar os sentimentos para os humanos. ele perguntou surpreso ligando o aparelho. “Seu amigo Bill mandou te entregar. Roubar Sookita de Bill era muito pequeno e mundano para o seu gosto. nem ele tinha certeza de que realmente sentiu algum tipo de amor. a perda da individualidade. Virou quando sentiu um toque no ombro. “Eu sabia que voltaria. estava tão absorto em seus pensamentos. e como disse para ela na praia. Não poderia se sentir como um adolescente. Ele não acreditava que ela não estava arrependida como disse no carro. o passado se confundindo com o presente. o cheiro. era como andar constantemente pisando em ovos. e ele foi um excelente aluno. até pensar como um. provavelmente foi apenas paixão. ele só amou duas vezes e não teve final feliz.”. Pam deu um tapa no braço dele e sentou-se na poltrona passando a mão na perna dolorida e depois arrumando o cabelo.” “Onde o encontrou?”. a pele delicada. nada mais do que isso. não tinha como conciliar a crueza de ser um vampiro e amar intensamente ao mesmo tempo. ela estendeu o celular para ele. Para um vampiro tão antigo quanto ele era a mesma coisa que abdicar da imortalidade. sem dúvida não faria novamente. Além do que. provavelmente estava nesse momento se autoflagelando por ter perdido a virgindade com um vampiro como ele. Não percebeu quando a porta do escritório abriu e fechou. Ela era correta demais para aceitar ter um caso com ele. Não entendia como sobreviver com esse tipo de sentimento por muito tempo. ela fez uma careta de dor. ele pensou girando a cadeira. não queria cometer os mesmos erros do passado. Eric riu diante desse pensamento. Passou a língua nos lábios. tivesse algo que o prendesse. 312 . Talvez o sangue dela fosse especial. Eric se colocou em pé de uma vez. Ainda mais que era um pecado mortal para a Igreja dela. não é novidade. ainda sentia o gosto dela. tinha algo de errado com ele. mesmo tendo traído Bill uma vez. Ele não se sentia bem com a sensação de entrega total ao outro. ele perguntou abrindo os braços. Sookita era só mais uma em sua longa vida como vampiro.

Não se importava com quem tinha atacado a noivinha do prefeito. ela abriu um sorriso diante da expressão assustada dele. “Eu sempre temi o dia que você faria isso. ele sentou-se na cadeira dando risada.”. ela gritou cravando a unha na palma da mão antes que enfiasse a mão na cara dele.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Aconteceu uma festa e você foi me representar?”. você sabia o tempo todo.” “É um círculo vicioso.”. apenas isso. nada de muito importante. você estava completamente distraído comendo Jessica.. “Mais uma vez se divertiu as minhas custas. Eu quem não vou mais aturar suas atitudes estúpidas quando se envolve com mulheres. ele deu um soco na mesa. mas Pam saiu velozmente do escritório não dando tempo dele dizer mais nada. das coisas. ela se levantou. porque sou tão burra quanto você. “Acho que eu precisava disso para acordar de uma vez por todas. “E o que você tem com essa história?” “Eu vi quando Jessica atacou Sookita naquela noite. esquecendo-se de Pam por alguns segundos. Eric desabou na poltrona...” “Eric.” “Nada de muito importante.”. “Apesar de que seu visual não é dos melhores” “Não.”. “Se usasse menos o seu pinto e mais a sua cabeça. “Nunca é tarde para mudar. Usei as armas que tinha a disposição”. ele apontou a porta. Sempre convivi com esse pavor. ela o encarou friamente.” “E por que você se importou o suficiente para ir até a Autoridade?” “Eu estava cansada daquela mimada dando ordens por aqui como se fosse a Primeira-Dama e você nada fazia para mudar isso. tudo estava de 313 . ele bufou de raiva.”.”.. a saber.” “Como sempre sendo o último.”. “Não estou com disposição para aturar suas provocações. tudo sempre levava a Sookita.” “Eu fico por quero. meu adorado criador. “Não pense que fiz isso com boa intenção. ele disse para si. sabe bem disso. Fui testemunhar no julgamento do ataque de Sookita. as lágrimas começaram a descer pelo rosto dela. “Não é obrigada a ficar aqui.”.” Ele levantou se aproximando dela.” “Saia daqui.

Mas. por sorte nada aconteceu.”. Pelo jeito andava muito carente para não ter percebido.”. Irmãos siameses. não cumprimentou nenhum funcionário e se trancou no escritório. ele disse apontando com a cabeça para o escritório. Imaginou que poderia perder o emprego quando Pam perdeu os sapatos na saída do cortiço por conta da sujeira deixada por algum cachorro. já fiz isso uma vez pra Ágata e ela não cumpriu o que prometeu. igual Eric fez.”.. Eric pegou o aparelho e se deparou com um ponto vermelho num mapa. nem pensar. O celular que Bill deu começou a apitar. não é novidade. Tentou se distrair atendendo algumas mesas. mas igualmente irritado como sempre. Não se conformava por ter sido tão ingênua e contar tudo sobre sua vida particular. A música estava alta. -------------------------------Tara continuava trabalhando na boate. “E voltou com aquele humor. Passou por todos. e agora admitia que sentia falta de Sookita.” “Eu não saio com vampiros. se movendo devagar.” “Quero saber o que estão falando. a boate lotada e Tara equilibrava a bandeja na mão quando chegou ao balcão. quando sua atenção foi novamente atraída pela chegada de Pam. bonito como sempre. com sangue no canto da boca e mancava. “O patrão voltou.”.”. o barman bonito que a paquerava se aproximou com um sorriso de orelha a orelha. Mariano. não muito longe dali. “E ela te prometeu o que? Um boquete?” “Não. estava descabelada.. mesmo após a fracassada visita a casa de Ágata com Pam. Entrou no escritório batendo a porta. ela cruzou os braços no peito. os olhos castanhos dele se estreitaram... Sua chefa parecia que tinha voltado de alguma briga. arranjar um encontro com você. “Estão brigando. Ela só não tinha mais a companhia de Ágata. Ela sentiu calafrios quando Eric surgiu na boate. tudo voltou ao normal como sempre foi. Você consegue ouvir. ela apoiou os braços no balcão se aproximando dele. Será que Sookita estava bem? Ela pensou torcendo as mãos. 314 . “Não. e agora havia brigado com Pam porque era orgulhoso de admitir que precisava dela ao seu lado. Tara pensou com um sorriso de canto.Escravos do Amor – Segunda Temporada cabeça para baixo. Esperava que tudo desse certo com o resgate feito por Eric. ela sorriu sem graça para ele.

Estou aqui desde que abriu. “Só uma vez e nada mais.” “Tenho que ir. “Ninguém é como Eric. Ela tinha certeza de que tinha sido um vampiro. No máximo falariam sobre a boate e depois ela manteria a amizade que tinha com ele. Tara apontou para ele. uma tia minha ficou doente agora.”. Tara queria esclarecer o que tinha acontecido naquela 315 . “Se Sookita estivesse morta.. ainda mais depois da conversa tensa entre Eric e Pam. e o nosso encontro?” “Depois combinamos. Só que dessa vez faria o esforço.” Ela queria ouvir algo sobre Sookita. sentiu o sangue ferver de raiva. forte. nunca vi isso acontecer antes.”. usava só camisetas regatas expondo os braços torneados.” “E como você ficou sabendo disso?”. Mariano ficou quieto.”. “Agora desembuche. “Não sei. não teria nada demais em sair algumas horas com ele. era um vampiro e Tara não queria cometer os mesmos erros de Sookita. Isso significava que tinha sido hipnotizada.”. ele empinou a cabeça deixando à mostra a linha perfeita do queixo.” “Essa Sookita parece ser bem importante. ela jogou um beijo e foi abrindo caminho entre os clientes. fez um movimento com a cabeça e Tara viu Pam sair correndo do escritório de Eric. Tara ficou horrorizada em descobrir que foi Jessica quem atacou Sookita. “Hey. ele teria tido.”.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Eu sou um vampiro legal. ela bateu no balcão. Não queria mais adiar em encontrar a amiga. não sou como nosso patrão.”. ele perguntou debochando.” “Só conto se você sair comigo.” Mariano contou pausadamente a discussão entre Pam e Eric. qualquer coisa que indicasse que tivesse viva. claro que teria. “Por telepatia. não se importava que estivesse tarde e que fosse perigoso andar na estrada escura até a casa. Ela olhou para Mariano que era bonito. “Ela vai embora mesmo?”. as lembranças daquela noite eram de um vampiro. ela fez uma careta.” “A curiosidade matou o gato. por mais que forçasse a mente. ele parecia tão chocado quanto ela. Tara pegou o ônibus que parava perto da casa de Sookita. “Você está falando tudo isso para não contar o que eles estão falando.. alto. ela perguntou chocada. Mas.

. Sookita estava parada encostada na porta. o que aconteceu?”.. Remexeu em cima de uma mesinha que ficava perto da porta procurando pela chave do carro.”. Resolveu arriscar e tocou a campainha várias vezes. “É só uma dor de cabeça”.”. ela disse tentou andar e cambaleou. deveria se mudar para o centro ou um bairro mais movimentado. Esperou alguns minutos. “Obrigada pelo elogio.”.” “Vou te levar para o hospital.. Tara quase a derrubou com o susto que levou. suando e com o rosto pálido. Tara a segurou antes que caísse no chão. Demorou alguns minutos para encontrar. ela olhava boquiaberta para a mão esquerda de Sookita. “E fez muito mais do que isso... quando voltou para a varanda encontrou Sookita desacordada. Tara puxou o braço de Sookita colocando em volta do ombro. pelo que estou vendo. alguns buzinavam e ela apontava o dedo do meio. assim.”. “Senador fez isso. Tara ouviu barulho de chave a porta escancarou. Meia hora depois ela caminhava pelo acostamento da estrada. Mas.”. Só não esperava te encontrar nesse estado deplorável. Tara puxou forte o ar quando subiu a varanda da casa. Tara perguntou se aproximando. Será que ela já estava morando na mansão? Tara bateu na cabeça por ter se esquecido desse detalhe. ela bateu de leve na testa.” “Eu estou bem.Escravos do Amor – Segunda Temporada noite do ataque.” Tara sentou Sookita numa das cadeiras da varanda e caminhou até a sala. estou muito bem. “Meu Deus.. “Só essa que me faltava. Respirou fundo ao imaginar que perdeu esse tempo e ainda arriscou saindo do emprego mais cedo. 316 . uma vez havia dito que era perigoso ela morar num lugar tão isolado assim. “Não queira saber o que aconteceu. “O seu dedo. não gostava da sensação de perda de controle em ter sido hipnotizada. de vez em quando passava um carro. não houve resposta.. Ela apertou o passo para chegar logo na casa de Sookita. estava tudo apagado.. Sookita deu de ombros e disse que não deixaria a casa que cresceu. Sookita respondeu numa voz fraca. “Você está um lixo. cadê o seu dedo?”. Sookita disse numa voz pastosa.”. foi em vão.” “Eu sei que Eric foi te salvar. “Talvez eu não esteja tão bem. Pediria para Sookita tentar reverter os efeitos da hipnose.

ela avançou de encontro à cela. pois ela o acabaria matando por conta da convivência forçada. Ele a estava punindo da pior maneira possível. “Não agora. até derruba-lo no chão. Sabia que a outra pretendia alguma coisa. Mas... quase batendo numa árvore que fica no lado de fora.”.. os olhares invejosos que a seguiam toda vez que estava ao lado de Eric. antes de acabar com Pam. ----------------------------Jessica não conseguia parar de chorar.”. Bastian se abaixou sem graça pegando o celular rapidamente..” “Já bati tantas que perdi as contas..” Tara deu partida no carro que teimou várias vezes em funcionar.”. ele se aproximou da cela.”. perguntaria como ficou sabendo do ataque. o carro funcionou. “Eu também..Escravos do Amor – Segunda Temporada “Senti sua falta. ele. colocando os dois braços para fora tentando alcança-lo.. Ela fez uma manobra para sair da garagem. 317 . primeiro tenho que salvar o seu rabo. considerava uma traição ter que se casar com Alcide. “Seu maldito. tem que avisá-lo. Tinham que chegar logo no hospital. Sookita disse baixinho.”. Esfregava as lágrimas de sangue quando ouvi uma voz mandando o guarda sair. E também pensava numa maneira de se vingar de Pam. assim outros babacas poderão se masturbar igual você com minhas fotos. me buscar. Ele segurava o celular dela nas mãos. “Bondade de sua parte. “Eu poderia fazer uma grana vendendo essas fotos para algum site pornô. “Bill.. Ela se colocou em pé numa fração de segundos e deu com rosto sorridente de Bastian. Será que estava armada com Sookita de alguma maneira? A cabeça de Jessica fervilhava de perguntas sem respostas. Seu coração estava pesado diante da traição de Bill. Seriam apenas alguns anos.. Depois de algumas tentativas e tapas no painel. ela disse deslizando o corpo no banco e encostando a cabeça para descansar. o capacho de Eric. ela preferia ter as presas arrancadas milhares de vezes do que passar alguns anos junto do lobo. virava de um lado para o outro na cama dura na cela que se tornava cada vez mais incomoda. ele fez um olhar sonhador.. fazia malabarismos com o aparelho.”. Tara respondeu com um sorriso levando a amiga até o carro. Sookita balbuciava algumas palavras que Tara não entendia.

”. Ele jogou o celular na cela que parou perto do pé de Jessica. “É verdade que pode me tirar daqui?”.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Poxa. ela falou de maneira sedutora o forçando a se virar. faça as contas. Se eu quisesse. “Deixe-me em paz. passou novamente a mão no rosto. Ela pegou o aparelho e o amassou com a mão. Se antes não tinha chance. “Você não merece. ela abriu os braços.” “Por quê?”. ele disse correndo o dedo na tela do celular. ele deu um chute na cela fazendo com que Jessica desse um salto.” ela gritou quando o viu caminhando para a saída. mas não vou fazer isso. ele disse sem se virar. “Só que sou bem mais do que Eric. então. Já me meti em problemas quando fui aquele dia na sua casa. “Volte aqui. você sairia daqui sem que ninguém soubesse.. “Posso.” “Contou para Eric sobre o policial.” “Sirvo para muita coisa. ele deu uma piscadela. “Eu não fiz nada. ele cruzou os braços ofendido. ele a encarou ainda mantendo distância.” Ela se sentou na cama.” “Eu não dei a sua punição.. “Duvido.. “O que quer?”. “Não quero essa porcaria.”. só quando me transformou.”. “Você não serve para nada mesmo.”. Em seguida se levantou e segurou nas barras da cela que a separavam de Bastian e da liberdade.”.”. pivete. foi Santiago. imaginava que estaria todo sujo de sangue. depois do que me fizeram não terá nunca mais.. você é apenas o menininho daquele pedófilo do Santiago.” “Ele nunca encostou um dedo em mim.. eu vim aqui devolver o celular e me trata dessa maneira?”..” “Eric parece ser mais dotado que Alcide.. ela perguntou escondendo a ansiedade na voz.. ele estava com uma expressão carrancuda. “Não está mais aqui quem falou. pode enfiar. ele balançou a cabeça se afastando dos braços dela. 318 .”.

Bill havia deixado que voltasse para o Vale uns dias antes para visitar Sookita. sem falar com ninguém. ela sentou-se na cama torcendo para que o plano de fuga que tinha montado durante a conversa com Bastian funcionasse. ela gritou. “Ah sim.”. Jessica jogou a calcinha com um sorriso. Ela pacientemente repetiu.” “Você não combina implorando. posso pensar em te ajudar.. você será uma linda vampira banguela. estou brincando com você.Escravos do Amor – Segunda Temporada “E por causa disso brigou com seu namoradinho?” “Adeus.” “Seja um bom menino. por favor.”. sem reclamar uma vez sequer.". “Se for verdade.” “Te dou a que estou usando e o policial. só tenho as suas calcinhas como lembranças vazias.”. Ele não está muito longe daqui. “Podemos fazer uma troca. só se sexo for 319 . Apesar de que não conversaram muito. Ele mantinha em segredo contato regular com Jessica por e-mail. “Eu sei onde ele está. pode ter mais do que isso. ----------------------------Jason andava de um lado para o outro no pátio ao lado do La Puta Madre. Bastian abriu um sorriso de canto ao se virar novamente. “Uma mãozinha sua cairia bem agora. Bastian fez um movimento com a cabeça e se afastou em direção a saída.”. Eu te digo onde ele está e você me dá uma mãozinha. pediu para repetir algumas vezes.. “Bastian.. Quando o viu saindo. ele se aproximou. “Se me ajudar.”. mudando de cidade e conversando só com Bill através do telefone.. ela começou a falar onde poderia encontra-lo. faltou à calcinha.”. ela tirou a calcinha que estava usando por baixo do vestido. Posso te falar. mas deveria ficar escondido.” “Não caio mais nas suas promessas. Ele anotou mentalmente tudo que ela disse. A vampira havia dado um jeito de conversarem na mansão antes dele ir embora da cidade. “Só o policial está bom. Só que Jason não aguentava mais viver se escondendo.. Bastian. ele deu de costas.”. ela juntou as duas mãos. ele passou a língua nos lábios. ruiva.”. por favor.. ele disse estendendo a mão.

levantou a tampa em câmera lenta. Não havia sinal do vulto. Ele se encolheu perto do poste. algo correndo como se fosse o vento. Agora o jeito era encontrar uma solução para se livrar desse último obstáculo que restava. Olhou para o relógio no pulso. Não negou quando ela se ofereceu para ele. não custava fazer um último favor. não era uma ideia brilhante se esconder ali.Escravos do Amor – Segunda Temporada considerado conversa também. Ele só não entendia porque até hoje Bill nunca tentou se livrar de Eric. Sua irmã já tinha feito tanto. segurando a respiração e caminhando o mais devagar possível. E também nunca se considerou um bom policial. Esperava que Lafa tivesse alguma ideia brilhante. estava bem encaminhada. Ele sentiu raiva da irmã por tê-lo entregado para Bill. Ele sentiu um nó na garganta. Para Jason teria sido perfeito se algo acontecesse ao seu algoz. ele iria aproveitar a situação para resolver o que tinha pendente. Jason viu uma movimentação estranha. e Eric já sabia sobre ele. mas com o passar do tempo. Ainda mais se queria ele de volta na cidade em definitivo. O que mais queria era abraça-la e pedir desculpas verdadeiras por toda merda que fez. entendeu que foi para o seu bem. ainda mais em não confiar em bandidos idiotas que eram parentes de uma prostituta. Talvez Sookita pudesse ajudar de alguma maneira. olhou para os lados procurando um lugar para se esconder. perto do puteiro. mas pelo menos o vampiro não sentiria o seu cheiro no meio de tanta sujeira. O irônico era ser policial e supostamente não ter medo de nada. não queria correr o risco. Ele se esgueirou pela parede. agora não teria mais problemas de dinheiro. Do outro lado da rua. eram quase uma da manhã e Lafa ainda não tinha vindo encontra-lo. nem Lafa e os outros amigos que tinha. claramente os dois eram inimigos e se odiavam. além do que foi uma boa diversão no meio dessa confusão toda. Mas. Jason não iria mais cometer besteiras. ele sabia muito bem que só vampiros se movimentavam daquela maneira. No beco ali perto havia uma enorme lata de lixo. fazia dois meses que não via Sookita. tinha aprendido a lição. mas certas coisas não tinha como evitar. O V tinha sido perdido. ela odiava Eric tanto quanto ele. rezando 320 . Ele andou pé ante pé se aproximando da lixeira. Só que ele estava no limite. Jason tinha receio de lugares escuros e nunca gostou da localização do puteiro de Lafayette. Sookita havia se casado. mas que dessa vez funcionasse. de repente o vampiro só deve ter passado e não pretendia pegá-lo. ele pensou animado. Acreditava que tinha sido punido o suficiente e agora que Bill deixou que voltasse temporariamente.

havia tido uma perda grande de sangue e uma estranha marca vermelha na barriga. pronto para pegálo assim que fizesse algum movimento brusco. Ficou chocada em descobrir o estado da amiga. teria sido melhor continuar se escondendo. não estava pronto para rever seu pai e sua mãe no outro lado. torcendo para que não fosse encontrado. Ele começou a rezar desesperado. apenas isso. ele viu uma laceração na parte interna. A tampa da lixeira saiu voando. “Olá. Ficaria pelo menos meia-hora escondido. Mas. Havia uma mensagem de Lafa avisando que demoraria ainda uns quinze minutos. algo dizia que a coisa estava lá fora atrás dele. ele pegou rapidamente se movimentando de maneira estranha na lixeira. queria ser uma boa pessoa. cada vez que ouvia. Jason respirou aliviado. em seguida os sacos de lixo saíram voando. Jason enfiou a cabeça embaixo de sacos de lixo. Jason respondeu mandando ele se danar. Ele não queria morrer. só restava ele tendo que encarar o que tinha ali fora. depois sairia. Ele sentiu a espinha gelar. Jason! Você é difícil de encontrar. O médico disse que estava severamente desidratada. ---------------------------Tara estava sentada na ponta da cama do hospital observando Sookita dormindo enquanto recebia soro na veia.” Ele ouviu uma voz zombeteira. que já estava cansado de ficar esperando como um idiota. foi uma má ideia voltar. se não fosse tratada em 321 . que o deixasse em paz. Só que tinha ocasionado uma infecção no sangue. Mas. Através de um raio-x.Escravos do Amor – Segunda Temporada para que não rangesse. De repente. Tinha alguma coisa ali no lado de fora e ele não queria descobrir o que era. que não o assombrasse. vir até Lafa foi muito perigoso. não queria que o encontrasse. Depois tomaria vários banhos para se livrar do cheiro. o barulho continuou. Estava tão distraído apertando a tela que nem percebeu um barulho perto da lixeira do lado de fora. mesmo sentindo aquele cheiro fétido. Afundou mais ainda no lixo. Ele soltou um grito de pavor que ecoou pela noite. abriu os olhos lentamente e encarou a última coisa que gostaria de ver. Ao longe um gato respondeu com um lamento o grito ouvido. nunca sentiu tanto medo na vida antes. Que a coisa lá fora fosse embora. Um som forte chegou até ele. Para sua sorte não fez barulho. se apoiou na beirada e se jogou lá dentro caindo num amontoado de lixo fedorento. indo parar do outro lado do beco. O celular vibrou no seu bolso. um barulho de unhas arranhando no metal. não tinha feito nada de importante ainda na vida. Queria compensar Sookita por tudo que fez de ruim. o seu coração acelerava. Só não queria morrer. mas que não era grave.

será demorado esquecer tudo.” “Vou chamar o médico. “Raramente. tirou a pressão e assegurou que estava tudo bem... a enfermeira observou Sookita.. uma enfermaria apareceu rapidamente. “Por que não?” “Quando eu olhar isso. sorte que estamos no hospital. “Não.. ela levantou a mão olhando para o dedo indicador pela metade. ela passava a mão no peito. Tara explicou o que aconteceu.” “Sim.”.”. mas estava bem cauterizado. dizendo que foi quando criança. mas. Tara disse tentando amenizar o ambiente. poderia piorar o quadro. Recolocou o soro e saiu da sala dizendo que o médico voltaria dali uma hora. Eu não sei como foi.” “Deve ser trauma de tudo que você passou. o soro que estava espetado se soltou bruscamente fazendo com que o sangue escorresse do braço dela. e era o menor dos problemas que ela tinha nesse momento. O médico ainda perguntou como Sookita havia perdido uma parte do dedo. “O que sonhou?”. “Sorte que seu marido é rico e poderá comprar uma prótese perfeita para o seu dedo. Ela suava muito. ela virou o rosto para o outro lado.” Tara apertou o botão. nunca me recordo. mas pelo que o médico disse você estava mesmo um caco.”.. apesar de achar o ferimento parecendo recente. Ela ficaria uns dias no hospital para se recuperar.”. Tara deu um pulo de susto quando Sookita sentou-se na cama dando um grito. “Você costuma ter pesadelos como se estivesse num filme de terror? Quase me matou do coração.” “Não quero. “Só não entendo essa dor. O médico não questionou. só depois receberia alta. Sookita apertava a mão no peito. Tara perguntou obrigando Sookita a se deitar. foi só um pesadelo..”.”. Tara correu para apertar o botão que ficava na cabeceira da cama. o peito subia e descia com a respiração acelerada. mas está doendo o meu peito. “Vou chamar o médico. Tara inventou uma história qualquer.Escravos do Amor – Segunda Temporada tempo. não quero saber.” 322 . não sei explicar. sempre irei lembrar que ainda estou viva. “Não lembro.

ele apontou para a porta.” 323 .”. Senti falta de seus xingamentos.”. tinha comprado um café e um salgadinho naquelas máquinas.”. No fundo. Quando Sookita se recuperasse teria uma conversa séria com ela sobre esse casamento.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Espero que me conte tudo o que aconteceu. fez proposital.. o médico voltou e garantiu que tudo estava bem. Tara disse e Sookita sorriu alegremente. Tara disse com um aceno de cabeça. só de imaginar em te perder... Mas.. “Sookita ainda está dormindo. sentia-se arrependida de não ter tentando impedir o maior erro da vida da amiga. Ela demorou em avisar Bill..” “Para que?”. eu.. mas ele parecia preocupado com Sookita e até se arriscava em vir tão perto do amanhecer... ele disse evitando o olhar dela.”. ela pegou o celular e viu que eram cinco da manhã...”. “Eu também fui uma péssima amiga. “Ela ficará bem. mas.”. ela segurou na mão de Sookita. Tara andava pelo corredor do hospital. Sei que não fui uma boa amiga nos últimos tempos.. “Algo aconteceu. ela tocou no braço dele tentando confortálo. Ao se aproximar do quarto se surpreendeu em ver Bill parado em frente à porta. “Sim. ela está descansando.” “Sua vaca. ele baixou a cabeça. “Bom dia. “Bill. “Preciso de sua ajuda. Por alguns segundos pensou que talvez pegasse pesado demais com Bill por conta de sua aversão por vampiros. Estava perto de amanhecer. Falou com o médico?” “Uma enfermeira me deixou a par do estado dela.. não quero que fique longe de mim. “O que?” “Não sei como dizer pra ela. Horas depois.”. dizer o que?” “Jason. ela não fazia ideia em que poderia ajuda-lo. Sookita voltou a dormir profundamente depois do pesadelo que teve.”. ele apertava o celular na mão. não corre perigo.

Tara sentiu o corpo mole.Escravos do Amor – Segunda Temporada “Ele foi preso?”. 324 .”. espalhando para todo o lado. “Não. ele está morto. Jason teria que pagar pelo que fez. não esperava ouvir algo assim. não depois de tudo que Sookita passou. Ela derrubou o copo de café no chão. ele respondeu olhando para o vazio. Não era surpresa isso acontecer. Tara não entendia o motivo da aflição de Bill.

Flinch AC/DC .There's no other way Michael Jackson .You know.Is It Scary Echo &amp.Rescue Madonna .Advice for the young at heart Interpol .Eletrical Storm Empire of the Sun .Escravos do Amor – Segunda Temporada Trilha Sonora da Segunda Temporada (com link para download) Download da Trilha Sonora Cap Cap Cap Cap Cap Cap Cap Cap Cap Cap Cap Cap Cap Cap Cap Cap 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 Tears for Fears . the Bunnymen .All fired up Blur .Disposition 325 .Too much of not enough Muse .This house is a circus Silverchair .Dead Memories Artic Monkeys .Frozen Amy Winehouse .Walking on a dream Tool .Time is running out Alanis Morissette . I'm no good Slipknot .Hells Bells U2 .

You're Reading a Free Preview

Download
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->