You are on page 1of 2

Hebreus - Capítulo 10 Curtir Avaliação do Usuário: /0 Pior Melhor Avaliar

Escrito por G.O. Sopro de Deus

Seja o primeiro de seus amigos a curtir isso.

Ter, 13 de Dezembro de 2011 11:19 Tw eetar 0 Share

Estudo da carta aos Hebreus, capitulo 10. Os sacrifícios feitos pelos judeus acabaram se tornando um costume. E quando achamos que um costume é bom, dificilmente iremos parar de praticar. Esse ritual, após Jesus Cristo, não significa mais nada, pois era utilizado sangue de cabritos, mas o próprio Jesus Cristo, o filho Unigênito de Deus tinha dado o seu sangue para que os nossos pecados fossem perdoados. Esse ritual, na verdade, acaba sendo uma lembrança de que você é pecador, pois todo ano (Yom Kipur), você pede perdão pela mesma coisa e acaba não se livrando desse pecado. Jesus Cristo vem nos remir, e o que é remissão? Remissão vem do latim "remissio". Quando Roma conquistava um território, aquelas pessoas que não quisessem se submeter aos seus poderes, se tornava escravos. Em um dia especifico, fazia-se uma feira de escravos, onde eram escolhidos por suas determinadas especialidades. Por exemplo, se uma pessoa estava atrás de uma domestica, procura por mulheres com experiência nessa área. Os grandes homens, não andavam com dinheiro, depois de conversar, compravam os escravos e combinavam o preço e o local onde seria pago. Aquele escravo continuava ali, porem colocavam uma placa escrita REMIDO (do latim “redimere” = “re”+ “emere” = comprar novamente. O que foi resgatado, mediante o pagamento da taxa estabelecida). Que na verdade significa que aquela pessoa tem dono, que foi comprada. E é assim com Jesus, Ele nos remiu com o seu sangue, de fato fomos comprados e por preço muito alto. Jesus agora é o nosso senhor, temos de servir e fazer tudo o que Ele nos disser. Pois Seremos julgados pelas nossas obras e não pela pessoa. Somos comprados e direcionados por Jesus. Na nossa vida, essa plaquinha é o nosso batismo. Quando estamos nos caminhos errados, a resposta é “Eu tenho de voltar para Deus”, pois Jesus não vai morrer de novo para nos salvar. No nosso batismo somos como ovelhas do pastor, nos tornamos filhos. Se Jesus não é o meu pastor, se eu não ando de acordo com Ele, Jesus não vai me proteger, Jesus não vai me garantir e a minha vida vai desandar. O verdadeiro sacrifício é querer ouvir, entender de Deus; Nós não temos que ter medo de nenhum trabalho espiritual sujo feito contra nós. Nós temos que ter medo de desagradar a Jesus Cristo, porque Ele vai nos garantir. Medo tem que ter aqueles que não seguem a Deus. Podemos colocar tudo isso entregue a uma adoração, missa, terços. Porque purifica. Não há poder maior do que o dEle “para que ao nome de Jesus se dobre todo joelho no céu, e nos infernos. E toda língua confesse para a glória de Deus Pai, que Jesus Cristo é o Senhor.” (Fl 2, 10-11). Se Jesus não é o Senhor na tua vida, então quem é? Tudo o que tem poder sobre nós, nos atinge e o inimigo usa desses poderes para criar o império dele na nossa vida. Nós temos que entregar esses poderes a Jesus, para que Ele possa ser o Senhor nessa situação. Jesus nos comprou para que sejamos pessoas boas. Quando caminhamos para Deus, Ele nos dá uma nova direção, um novo rumo. Não basta irmos somente à confissão, pois o pecado deixa marcas que tem que ser limpas. Por isso temos a missa. Uma mácula é algo que está ferido. Nós precisamos nos aproximar de Jesus para querer aquilo que Ele tem para nos dar. Quando comungamos por aparências, enganamos a todos e a nos mesmos, mas não a Deus. A mácula continua e não recebemos graças. Por isso precisamos estar atentos aos nossos irmãos, não temos que tomar conta da sua vida, mas tomar contar para não errar. Quem está com Jesus o acompanha, quem não esta com Ele, esta contra Ele “Quem não esta comigo, esta contra mim; quem não se recolhe comigo, espalha” (Lc 11, 23). Para sabermos que fomos perdoados nós temos os sintomas da graça, que são os benefícios quando conseguimos vencer certas coisas, quando acontecem realizações , quando tudo começa dar certo. Quando andamos no caminho de Deus, Ele limpa e realiza obras em nossas vidas. Se eu sigo esse Senhor, eu devo obedecê-lo, morar com Ele, buscá-lo, pois eu não estou livre, estou presa a Jesus Cristo. E se você não gosta de estar perto de Deus, peça isso a Ele. Deus nos dá, a cada dia, uma nova chance de sermos santos. Ele nos alimenta com o pão de cada dia para nos santificar. Jesus nos libertou para segui-lo, se nós não o seguimos e vivemos de forma “livre” teremos conseqüências que podem nos levar ao inferno. Nós fomos comprado, devemos levar nossas vontades ao seu Senhor para saber se essa é vontade dEle. Assim é o nosso Deus, Ele quer estar presente na nossa vida, ser aquele amigo, quer participar de nossas ações e quando entregamos tudo para o Senhor, sabemos que haverá motivos bons até nas situações ruins, ao contrário, se não entregamos nossa vida a Deus, quando algo nos decepciona, resmungamos, murmuramos. Temos que ter uma vida moldada em Deus. Temos que comungar para ter comunhão com Jesus Cristo, pensar como Jesus pensa, sentir como Jesus sente, é somente estar em união com Deus. Porque quando pecamos, é desgraça que entra em nossa vida. Temos que ter em nossas mentes que quando temos dúvidas em relação a Deus, pode ser falta de amor e nós escolhemos as conseqüências, quando dizemos sim, nossa vida é repleta de bênçãos, pois demonstramos que temos muito amor por Deus. E com isso nós temos o céu aberto para nós, temos uma vida livre de assaltos, acidentes e tudo de mau que nos possa acontecer. E essa resposta, quem tem que dar é você, sou eu, somos nós. É algo particular. Nossa resposta irá nos definindo e nos moldando. Nós temos que ser verdadeiros, ter postura em todos os lugares, falar forte e é em casa onde somos desmascarados, onde mais seremos julgados por nossas atitudes. Em nossa casa, é onde está a nossa verdadeira obra. Precisamos ter uma vida santa, uma vida agradável a Deus, para vivermos bem. Para que na hora em que chegue uma situação difícil seja apresentado a Jesus e não te abale. Deus não permite que chegue dores maiores do que você possa suportar. Mas quando nossa vida é repleta de pecados, fazemos tudo da nossa maneira, por mais que nós oremos, não passa. Jesus disse: "Se me pedirdes alguma coisa em meu nome, eu o farei" – (Jo 14:14). Porém, precisa-se de obediência. Deus quer que lutemos pelo bem, quer que o tenhamos em nossa vida, quer que ouçamos a sua palavra. E o que mais agrada a Deus é um filho que vive dessa forma. Se você não tem gosto por essa vida, peça a Deus. Siga a Jesus, porque Ele vai te garantir em suas atitudes. Persevere na liberdade que lhe foi dada, porque você vai alcançar as bênçãos, basta procurar Jesus. Se você quer ser salvo, tenha uma vida melhor, siga os passos desse Senhor. Ao final de cada dia, pergunte a si mesmo: “O que eu fiz de bom hoje no meu colégio, no meu trabalho, na minha casa?” Tudo é um motivo para agradar a Deus, e ao invés disso, resmungamos. Se você quer ser grande aos olhos de Deus, comece a vibrar com sua presença, como João

mas se não somos elogiados pelas nossas atitudes.Batista ainda no ventre da sua mãe. ou são pessoas ingratas ou não estamos fazendo por merecer. Você é sal e luz nos seus ambientes? No trabalho? Deus nos quer acreditados dele para que outros possam acreditar nEle através de nós. Tw eetar 0 Share Próximo > . Precisamos ser sal e luz. Amém. É muito bom sermos reconhecidos pelas nossas obras.

Related Interests