You are on page 1of 1

TICA, MDIA e RESPONSABILIDADE SOCIAL Na chamada era do conhecimento em que os recursos tecnolgicos crescem geometricamente e a difuso de imagens e notcias

instantnea, no se pode olvidar o grande poder de influncia e interferncia que a mdia possui na sociedade. O impacto, a solidariedade, a mobilizao e at o pnico que uma imagem forte pode causar so evidentes, tome-se o exemplo marcante das brutais e explcitas cenas de tortura infantil que foram exibidas (e exploradas$$$) h dias atrs sem critrio algum. Outro exemplo emblemtico a veiculao de matrias sobre o uso de drogas que muitas vezes chega a ser instrutiva e incentiva indiretamente o seu consumo, isso sem falar nos programas em que a violncia e o crime so a tnica. Cria-se uma aura mgica em torno das prticas desviantes que serve de estmulo para os influenciveis. Nesta ordem de consideraes podemos relacionar o poder capacidade de influir e de mudar uma situao, ou seja, Informao Poder. desta fora que advm a responsabilidade para com a sociedade que se desdobra no respeito para com a cidadania e os direitos humanos j que a banalizao de um ato desviante o torna corriqueiro e normal. indiscutvel que o direito de informar deve ser respeitado porque representa uma democratizao do poder, mas este mesmo direito de informar - e at o dever de informar limita-se com outros direitos a serem igualmente respeitados. A questo dos limites fundamental: saber onde colocar os limites. No se trata de apoiar a volta da censura. A liberdade de expresso um direito poltico, mas devemos preserv-la e proteg-la contra seus prprios eventuais abusos e o freio para estes abusos est na valorizao de princpios ticos fundados em valores universais consensualmente aceitos. Clama-se por tica em toda a sociedade, alis, a tica foi a preocupao de vrios filsofos como Scrates, Aristteles, Plato, Spinoza, Kant e Hegel. Na experincia tica, a pessoa regida pela sua prpria liberdade e opes, o que para muitos mais difcil do que refrear-se por presses externas. Mas o que a liberdade com responsabilidade seno a liberdade com os limites que o conviver impe?

PEDRO LUCIANO EVANGELISTA FERREIRA Advogado e professor de Criminologia e Direito Penal da Escola da Magistratura e Curso Prof. Luiz Carlos. Mestre em Criminologia e Direito Penal pela UCAM/RJ.