24-05-2013

A partir de dia 28 de maio

CTT vão utilizar bicicletas para distribuir correio
Os CTT – Correios de Portugal vão introduzir 122 bicicletas na sua rede como meio de transporte para a distribuição do correio. As bicicletas (na sua maioria elétricas) foram colocadas de norte a sul do país e produzidas em Portugal.

foram

Segundo os CTT, “esta aposta ecológica”, que representou um investimento de 245 mil euros, terá início no próximo dia 28 de maio, em Lisboa. A empresa prevê poupar 50 toneladas de CO2 por ano, assim como aumentar a eficiência na distribuição de correio, para além do conforto e segurança dos carteiros. “ Nas situações em que a bicicleta

assistida eletricamente substitui o giro apeado, os CTT preveem a redução do tempo de giro do carteiro e um aumento da quantidade de correio que é transportado, eliminando os abastecimentos durante o percurso”, refere à empresa em comunicado. Já “nos casos em que substitui um giro por motociclo, às vantagens são, sobretudo ambientais: redução dos gases emitidos para um décimo, abolição quase total do ruído. As bicicletas contribuem também para o descongestionamento do espaço viário ”. As bicicletas foram produzidas à
medida em Águeda, pela Órbita, que foi escolhida por concurso público. Os CTT e os carteiros levaram ainda a cabo vários testes no terreno, entre 2011 e 2012, com recurso a diversos modelos importados e tendo em conta a realidade do terreno em Portugal.

Fonte: http://www.transportesemrevista.com/Default.aspx?tabid=210&language=ptPT&id=6177

VIANA DO CASTELO

Transporte escolar de vai custar mais de 1,2 milhões
20 maio 2013

Quase 3.200 alunos serão cobertos no próximo ano letivo pelo Plano de Transportes Escolares da Câmara de Viana do Castelo, um investimento superior a 1,2 milhões de euros, disse hoje fonte municipal. Trata-se de um plano, explicou a mesma fonte, que define as regras relativamente à rede de transporte escolar no concelho de Viana do Castelo, "assegurando todas as condições de segurança previstas na legislação em vigor", além de obedecer "aos princípios da racionalização e da eficiência". Vai garantir, a partir do próximo do ano letivo, o transporte de um total de 3.188 alunos das escolas do concelho, nos diferentes níveis de ensino. Serão abrangidos pelo Plano de Transportes Escolares de Viana do Castelo 29 alunos do 1.º ciclo e 882 alunos do 2.º ciclo, ainda 1.198 alunos do 3.º ciclo e 972 alunos do secundário, representando um investimento global "de mais de 1.2 milhões de euros". O Plano de Transportes Escolares, aprovado este mês em reunião do executivo camarário, "dimensiona os meios de transportes em relação às necessidades" e "potencia soluções social e economicamente mais ajustadas", sublinha o município. Surgiu de uma "análise alargada promovida pelo município com as escolas, operadoras e entidades fiscalizadoras" e integra a política da autarquia de Viana do Castelo "de concretizar uma aposta no ensino de qualidade no concelho", tendo em conta "as necessidades intermunicipais de alguns alunos, residentes noutros concelhos, e vice-versa".

Fonte: http://www.dn.pt/inicio/portugal/interior.aspx?content_id=3229203_

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful