P. 1
São Bernardo - Toda a carne verá a salvação de Deus

São Bernardo - Toda a carne verá a salvação de Deus

|Views: 7|Likes:
Published by Valtair Miranda

More info:

Published by: Valtair Miranda on Jul 10, 2013
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOC, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

06/24/2015

pdf

text

original

1

DOS SERMÕES DE SÃO BERNARDO, ABADE Leitura para o 2º domingo do Advento - ano C Toda a carne verá a salvação de Deus Repara bem no tempo em que veio o Salvador. Pois ele não veio no início, nem no meio, mas no fim dos tempos. Isto não foi feito de modo fortuito, mas a divina Sabedoria dispôs sabiamente trazer o seu auxílio no momento mais necessário, não ignorando a tendência dos filhos de Adão à ingratidão. Já se fazia tarde e o dia declinava, o Sol de Justiça se havia posto quase por completo, tornando-se muito fraco o seu brilho e o seu calor na terra. Também a luz do conhecimento de Deus se tornara fraca, e a abundância da iniqüidade havia esfriado o ardor da caridade. Já não aparecia nenhum anjo, nem profeta algum falava; retiraram-se, vencidos pelo desânimo ante a excessiva dureza e obstinação dos homens. Então eu, o Filho, disse: Eis que eu venho (Sl 39,8). A eternidade interveio oportunamente, quando mais prevalecia o mundo temporal. Pois, para não falar de outras coisas, a paz do mundo era tão grande naquele tempo, que para o recenseamento de todo o orbe bastou o edito de um único homem. Já conheceis tanto a pessoa que vem, como seu lugar de origem e sua destinação; tampouco ignorais o motivo e o momento de sua vinda. Resta saber uma coisa: o caminho por onde vem, e isto merece ser investigado com igual diligência, para que possamos dignamente acorrer ao seu encontro. Contudo, do mesmo modo que veio uma vez sobre a terra, visível em sua carne, para operar a salvação, assim também ele vem todos os dias, invisível e em espírito, para salvar as almas, como está escrito: o Cristo Senhor é um espírito diante de nós (cf. Lm 4,20). E para saberes que este advento espiritual é oculto: À sua sombra viveremos entre as nações. Por conseguinte, convém que o enfermo, se não pode ir tão longe ao encontro do médico, ao menos procure erguer a cabeça e levantar-se à sua chegada. Não te é necessário, ó homem, atravessar mares, penetrar nas nuvens ou transpor montanhas. Não é muito longo o caminho que te é mostrado: corre ao encontro do teu Deus dentro de ti mesmo. Pois ao teu alcance está a Palavra, em tua boca e em teu coração (Rm 10,8). Avança até à compunção do coração e à confissão dos lábios, para que ao menos saias do lamaçal de tua mísera consciência, pois não é lugar digno de que nele entre o autor da pureza. Estas coisas são ditas com relação aquele advento pelo qual cada alma é iluminada com um poder invisível.

You're Reading a Free Preview

Download
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->