Objectivos da dissertação: Desenvolver um modelo teórico de medição, pré-implementação, do potencial sucesso de um Enterprise Resource Planning (ERP); Aplicação

prática do modelo, implementando-o em ambiente organizacional. É de crucial importância, dado o actual ambiente competitivo em que as organizações desenvolvem as suas actividades, que as suas decisões, especificamente no que concerne a uma nova implementação de ERP, venham a ser suportadas pelo melhor índice de retorno do investimento (Return on Investment – ROI) possível. Este estudo pretende criar um modelo de pesos percentuais de importância que combina Factores Críticos de Sucesso com Key Performance Indicators. É assim esquematizado o conjunto de factores que permitam, a priori, fazer uma análise sobre o cenário futuro da implementação do novo sistema de ERP, percebendo os pontos fortes a tirar proveito bem como os pontos mais críticos a evitar.
Suporte da Alta Administração Suporte Transversal a Toda a Organização SUCESSO NA Perfil dos Colaboradores da Organização IMPLEMENTAÇÃO DE UM NOVO SISTEMA ERP

Suporte Externo

Ajuste do Sistema ERP à Organização

Gestão Eficaz do Projecto

O resultado final será a aplicação do modelo criado recorrendo a duas ferramentas: o Microsoft Dynamics NAV e o Business Analytics. Esta última permitirá criar uma visão mais gráfica e intuitiva da análise.

MEGSI, Universidade do Minho, Ano lectivo 2008/2009 Orientador: Rui Manuel Dinis de Sousa; Aluno de Mestrado: Ana Isabel Queiroga; Empresa: Hydra iT – Tecnologias de Informação e Conteúdos, Lda. Email de Contacto: aqueiroga@hydra.pt; queiroga_ana@hotmail.com