abei

Associação para o Bem Estar Infantil De Vila Franca de Xira

PROJECTO PEDAGÓGICO Ano: 2013/ 2014

CRECHE

Educador: l!"dia #es"s Sala: 1 Ano

lia e a com"nidade.a carateri*ação do &r"po. ./ referida a forma como se processar! a a+aliação do tra(al)o desen+ol+ido.a or&ani*ação da sala 4espaço56 o tra(al)o em e0"ipa6 o tra(al)o com a fam.para a partir destas sinteti*ar de forma or&ani*ada ati+idades e estrat/&ias ade0"adas ao desen+ol+imento e aprendi*a&em das crianças e.os o(%eti+os 0"e propon)o 0"e as crianças atin%am.incl"i3se neste doc"mento. 2odas as aprendi*a&ens são pensadas e estr"t"radas para "m &r"po espec. Em s"ma.ficoapresentando para tal.de+e ter em conta as caracter. 7o final.sticas e necessidades de cada criança e do &r"po.este pro%eto foca as compet1ncias 0"e se pretendem tra(al)ar ao lon&o do ano. De forma a orientar o ed"cador na s"a ação. 2endo em conta 0"e são +!rios os fatores 0"e infl"enciam a moti+ação da criança para aprender.nios de desen+ol+imento.de acordo com diferentes dom.INTRODUÇÃO $ pro%eto peda&'&ico pretende ser "m doc"mento orientador de todo o tra(al)o a reali*ar com as crianças ao lon&o de "m ano leti+o.

m"ito not'ria"ma +e* 0"e t1m necessidades e caracter.com os mais +el)os. .so(ret"do as mais no+as.no+as pala+ras.com o desenrolar do tempo esta +ai3se tornando menos rele+antepois as crianças mais no+as +ão tendo "m a+anço no se" desen+ol+imento e +ão desco(rindo. As crianças. <er! sempre necess!rio ter em consideração este aspeto.no in. 7$9E DA :IA7. A.das 0"ais cinco meninas e sete meninoscom idades compreendidas entre os 8 e os 18 meses. >.de forma a respeitar o ritmo e as compet1ncias pr'prias de cada "ma.A A. F.na planificação de ati+idades e no decorrer das rotinas. B. 7o entanto.em(ora ten)am entrado no (erç!rio em diferentes per. <.cio.CARACTERI AÇÃO DO GRUPO $ &r"po / composto por do*e crianças. FiCam o ol)ar em o(%etos e se&"em3nos com o ol)ar 0"ando caem o" 0"ando os escondemos6 tapam e destapam . V.pelo 0"e manip"lam os o(%etos 0"e l)es são dados. =. A. 9.&ostos e eCperi1ncias.a&arrando3os e le+ando3os B (oca. 2odas as crianças fa*iam parte do &r"po no ano leti+o anterior. A (oca / a primeira forma de con)ecerem o m"ndo.sticas de desen+ol+imento m"ito espec. IDADE 49E<E<5 10 11 11 11 11 ? 13 1@ 1@ 20 20 20 Esta disparidade em relação Bs idades das crianças /.estão n"ma fase em 0"e a s"a principal ati+idade / o(ser+ar t"do o 0"e as rodeia.odos.ficas. I.

%! se +ai deslocando no espaço da sala.repetirem.como di*er ade"s com a mão6 (ater palmas. 7o entanto. $ He&ocentrismoI começa a estar m"ito presente entre as crianças.&ostam m"ito de atenção.são crianças m"ito mei&as e ape&adas aos ad"ltos com 0"em se relacionam diariamente. F"anto Bs crianças mais +el)as.&ostam de comer sem a%"da. 7o entanto. As crianças 0"e t1m entre 8 e 10 meses %! se sentam sem apoio mas s' d"as o fa*em sem a%"da. Ainda não &atin)am.por +e*es )ostis em relação Bs o"tras crianças. :econ)ecem o se" pr'prio nome e o de al&"ns ad"ltos e crianças 0"e com elas con+i+em. Ao n.tentando impor as s"as +ontades. Dma das crianças imita &estos con)ecidos.a de 10 meses. onse&"em demonstrar a&rado o" desa&rado em relação a pessoas e o(%etos e locali*am pessoas familiares. Interessam3se m"ito por li+ros e ima&ens e &ostam 0"e l)es apontem as coisas e di&am o nome das mesmas para.a(rem portas.cio das s"as capacidades +ocais.+iram3se e mant/m3se de p/ com a a%"da do ad"lto. Demonstram &rande interesse no eCerc. #! re+elam al&"m e0"il. O!JETI"OS PEDAGÓGICOS DO PROJETO . >erce(em a pala+ra HnãoI e *an&am3se 0"ando são contrariadas o" l)es tiram "m (rin0"edo. Aostam de fa*er &estos de carin)o como festin)as.o" se%acon+ersa. Identificam fi&"ras familiares nos li+ros e &ostam de o"+ir )ist'rias. Entre&am o(%etos familiares 0"e se l)es pedem6 &ostam de (rincar com caiCas de diferentes taman)os e de as encaiCar.c)"tam (olas.estendendo os (raços para a0"elas 0"e con)ecem.se&"ram no l!pis com al&"ma destre*a.sendo. #! (e(em pelo copo e se&"ram na col)er para comer.correm.raste%ando. Estão n"ma fase em 0"e fa*em t"do para nos c)amar a atençãopois t1m ciJmes das crianças mais no+as e da atenção diferenciada 0"e temos 0"e l)es dar de+ido Bs s"as necessidades. Apenas "ma.sorrisos.+el motor %! demonstram a"tonomiaG andam.re+elando %! &rande a"tonomia neste aspeto.todas comem sopa com carne e papas e a criança de 10 meses %! começo" a comer os s'lidos no prato.a s"a principal ati+idade consiste na eCploração do m"ndo ao %! conse&"ir deslocar3se sem a%"da.o 0"e se +erifica atra+/s da di+ersidade de +ocali*açEes e sons 0"e prod"*em. #! começam a demonstrar o se" sentido de )"mor e &ostam de fa*er &racin)asso(ret"do 0"ando se +1m ao espel)o.entre o"tros. #! são capa*es de di*er al&"mas pala+ras6 recon)ecem o(%etos +ariados e pessoas con)ecidas6 identificam com as mãos al&"mas partes do se" corpo.assim como (rincar com instr"mentos m"sicais.em(ora ainda prefiram fa*13lo com as mãos. Adoram o"+ir mJsica e dançar ao som da mesma.de se&"ida.(rio e controlo do se" corpo.cias "ma constante.colo e "ma &rande afeti+idade. Esta t1m dific"ldade em partil)ar com os o"tros e eCi(em sentimentos de ri+alidade. :elati+amente B alimentação.a(raços e (ei%in)os. <ão crianças m"ito receti+as ao ad"lto.caiCas.saltam.sendo as trocas de car.

>ara tal.o dese%o de eCplorar e desco(rir.-ia& ( #e&e& .sicos.pretendo con)ecer e compreender t"do a0"ilo 0"e confi&"ra a realidade 0"e est! ao alcance da perceção e eCperi1ncia das crianças e.-ia& 3 Esconder os (rin0"edosdespertando3l)es interesse em proc"r!3 los 3 Fa*er pe0"enos passeios 3 Fa*er pe0"enas corridas com elassim"lando ir atr!s delas E&'ra'.-ia& 3 oloc!3las em posiçEes +ariadasG 3 <ent!3las. Dma +e* 0"e a criança / constr"tora do se" pr'prio desen+ol+imentotransformando e ampliando as s"as aprendi*a&ens.moti+adoras e si&nificati+as.de acordo com os diferentes dom.(rincando com ela.0 1e&e& Ob)e'i*o& E&%ec$+ico& 3 >assar da posição de deitada para a de sentada 3 <entar (em 3 Aatin)ar rapidamente 3 onse&"ir le+antar3se so*in)a0"ando apoiada 3 Andar a&arrada por "ma o" d"as mãos Ob)e'i*o& E&%ec$+ico& .Bs relaçEes sociais e a o"tros Km(itos 0"e se encontram li&ados aos se"s interesses e pro+ocam a c"riosidade. 7o entanto.com e sem apoio6 3 oloc!3las em p/com e sem apoio.om este >ro%eto >eda&'&ico./ a . Do#$nio %&ico#o'or Ob)e'i*o& E&%ec$+ico& 3 <entar so*in)a no c)ão d"rante al&"m tempo 3 Virar o corpo para ol)ar para os lados.o con%"nto de o(%eti+os peda&'&icos a atin&ir ao lon&o do ano leti+o.+ariam de acordo com a idade.para apan)ar (rin0"edos 3 Aatin)ar o" arrasta3se no c)ão para se deslocar 3 Bater alternadamente e intencionalmente os p/s.o(ser+ando as s"as e+ol"çEes e estim"lando as s"as a0"isiçEes.partiremos das compet1ncias 0"e %! ad0"iriram. E&'ra'. 3 olocar (rin0"edos fora do se" alcance para 0"e se deslo0"e a eles E&'ra'.nios do desen+ol+imentoG D$9L7I$ ><I $9$2$: >retendo a%"dar a criança a desen+ol+er as s"as capacidades motoras.0"e +ai desde a s"a identidade ao am(iente 0"e a rodeia e o(%etos f. Apresento a(aiCo os o(%eti+os espec.para ad0"irir no+as e consolidar as primeiras./ necess!rio 0"e participem em eCperi1ncias pr!ticas.ficos inerentes ao pro%eto.dos se"s interesses e necessidades.as necessidades e os interesses do &r"po.

0 a /2 1e&e& 3 Ficar em p/ so*in)a sem apoio e andar so*in)a 3 Fol)ear re+istas e li+ros 3Intercalar ati+idades tran0"ilas e a&itadas 3 Acompan)ar mJsica com o corpo e eCec"tar mo+imentos ritmados 3 :e+elar interesse na manip"lação de o(%etos 3 Ad0"irir destre*a man"al 3 9o+imentar3se "tili*ando o espaço 3 oordenar o mo+imento da mão 4fino5 3 Acompan)ar o andar com o ritmo 3 :as&ar.rolos.+el da teCt"ra e formato 3 :eali*ar pint"rasdesen)os.etc.5 Ob)e'i*o& E&%ec$+ico& 3 on)ecer e +oltar3se 0"ando o"+e o se" nome 3 Bal("ciar incessantemente 3Demonstrar 4 atra+/s do se" comportamento5 0"e compreende al&"mas pala+ras no se" conteCto )a(it"al 4nome pr'prio.amac)"car.dançasimitação 3 Ati+idades com (olas(locos..di&itintamassa de cores 3 Disponi(ili*ar li+ros e re+istas 3 Acompan)ar cançEes com palmas e (ater de p/s D$9L7I$ DA =I7ADAAE9 A lin&"a&em / "m instr"mento indispens!+el nas ati+idades.nome de ( 1e&e& .fec)ar 3 olocar e tirar o(%etos de "ma caiCa 3 Brincadeiras.encaiCares+a*iar. Do#$nio da lin-ua-e# Ob)e'i*o& E&%ec$+ico& 3 Vocali*ar deli(eradamente como meio de com"nicação interpessoal 3Bal("ciar melodicamente repetindo s.a(rir.enc)er.caiCascolc)Ees.das cores do 0"e est! a +er e a fa*er 3 antar e fa*er &estos en0"anto cantamos 3 ECplorar as ima&ens dos li+ros E&'ra'./ a .dos (rin0"e3 dos.-ia& 3 >rod"*ir sons 0"e a criança possa imitarcomo as +o*es dos animais 3 olocar mJsica calma 3 Dar ordens simples .la(as em se0"1ncia 3 ompreender o HnãoI e o Hade"sI 3 2entar imitar o som dos ad"ltos 0"ando (rincam com ela 4o som de dar (ei%os.tossir.-ia& 3 Falar m"ito e diretamente com cada criança.pap/is 3 ECplorar materiais di+ersificados a n.0 1e&e& E&'ra'.

poesias D$9L7I$ $A7I2IV$ A criança +ai aprendendo e desen+ol+endo o pensamento l'&ico e a noção de tempo e espaço.HpassearI.Hr"aI.0 a /2 1e&e& Ob)e'i*o& E&%ec$+ico& 3 E+ol"ir a lin&"a&em +er(al e ampliação do +oca("l!rio 3 :epetir "m som 0"e o"+i" 3 Imitar r".atra+/s das rotinas di!rias e das eCperi1ncias 0"e +i+e no dia3a3dia.sticas do (rin0"edo e deiCar a criança manip"l!3 lo li+remente 3Esconder os (rin0"edos e fa*13 los aparecer E&'ra'.HcãoIHcarroI.al&"m familiar.sentimentos e pensamentos 4H (ate palmin)asIHdi* ade"sI5 3 Fa*er per&"ntas e esperar 0"e a criança responda 4Honde est! a (olaMI5 E&'ra'.dos 3 om"nicar/transmitir +er(almente as s"as necessidadesdese%os.-ia& 3Fa*er pe0"enos %o&os de constr"çEes e Ob)e'i*o& E&%ec$+ico& 3 Apan)ar com precisão pe0"enos o(%etos .-ia& 3 Brincar com as crianças 3 9ostrar todas as caracter.-ia& 3 Incenti+ar o desen+ol+imento da fala para 0"e a criança eCpresse os se"s dese%os e "tili*e cada +e* menos 0"e ela se manifeste por &estos 3 >roporcionar o contacto com li+rosdesen+ol+endo o &osto e o respeito pelo mesmo 3 $"+ir )ist'riasrimas.5 3Imitar as +ocali*açEes dos ad"ltos0"ando (rincam com elas . Do#$nio co-ni'i*o Ob)e'i*o& E&%ec$+ico& 3 9anip"lar os o(%etos com interesse ( 1e&e& E&'ra'.etc.

Do#$nio S3cio a+e'i*o Ob)e'i*o& E&%ec$+ico& 3 Distin&"ir os estran)os dos familiares 3Desco(rir "m (rin0"edo parcialmente escondido 3 Desen+ol+er relaçEes com o meio 0"e a rodeia e&'ra'.podendo demonstrar prefer1ncia por "ma delas 3 Identificar e nomear al&"mas partes do corpo 3 :eprod"*ir açEes para ca"sa/ efeitos Ob)e'i*o& E&%ec$+ico& 3 on)ecer.0 a /2 1e&e& mo+imento 39omentos calmos com )ist'rias e li+ros 3 Dar (rin0"edos cada +e* mais pe0"enosmas se&"ros.como carros E&'ra'.identificar e nomear al&"ns animais 3 2omar consci1ncia do se" pr'prio corpo e dos o"tros 3 Aprender a distin&"ir e recon)ecer al&"mas cores (!sicas 3 onstr"ir as noçEes e conceitos de o(%etos.-ia& 3 Fa*er Hc"3c"I 3Esconder (rin0"edos e fa*13los aparecer 3 olocar e retirar (rin0"edos de cestos e de pe0"enas caiCas ( 1e&e& .consci1ncia de si pr'prias e dos o"tros./ a .de forma a tomarempro&ressi+amente.0"er na relação com o ad"lto 0"er com as o"tras crianças.0 1e&e& 3<a(er onde ir ("scar (rin0"edos 0"e desaparecem do se" campo +is"al 3 Apontar os o(%etos 0"e l)e interessam 3 Dtili*ar as d"as mãos..espaço e tempo atra+/s da ação e mo+imentos 3 $"+ir com atenção pe0"enas narrati+as (aseadas em &ra+"rasli+ros coloridos e il"strados 3 $"+ir com atenção e d"rante "m per.sticas 3 Fa*er "so das cores em determinadas ati+idades 3 $(ser+ar o se" corpo e o dos o"tros.odo de tempo maior .apontar para as diferentes partes do corpo e identific!3las 3 $"+ir )ist'rias mais lon&as D$9L7I$ <$ I$ AFE2IV$ <ão importantes as +i+1ncias e eCperi1ncias 0"e possi(ilitamos Bs crianças.-ia& 3 $(ser+ar ima&ens de animais e falar so(re as s"as caracter.para 0"e a aprenda a a&arrar s' com os dedos 3 32er na sala (rin0"edos com teclas e cordEes 0"e "ma +e* acionados prod"* ação.

0 1e&e& .tio correto 3 orri&ir a criança 0"ando necess!rio 3 Incenti+ar as crianças a di*er Hol!6 ade"sN5 3 Incenti+ar as crianças a fa*erem as coisas so*in)as 3 >edir Bs crianças 0"e +ão ("scar as s"as peças de ro"pa e .dimin"indo manifestaçEes de ciJmesri+alidade./ a .3 riar "ma relação +inc"lati+a com o espaço e afet"osa com os ad"ltos e as restantes crianças Ob)e'i*o& E&%ec$+ico& 3 Be(er pelo copo com a%"da 3 Dsar a col)er d"rante a refeição mesmo 0"e ainda não consi&a comer com ela 3 A%"dar a +estir3se estendendo o (raço para enfiar a man&a e o p/ para calçar o sapato 3 Di*er ade"s e (ate palmas em imitação o" espontaneamente. Ob)e'i*o& E&%ec$+ico& 3 Aprender a comer so*in)a e (e(er pelo copo 3 omeçar a sociali*ar3se com as restantes crianças.-ia& 3Introd"*ir os alimentos s'lidos 3DeiCar pe&ar a col)er e tam(/m comer com as mãos.incenti+ando para 0"e o faça cada +e* menos 3 Valori*ar todos os pro&ressos E&'ra'.eCplorar e respeitar o m"ndo 0"e a rodeia 3 Desen+ol+er o sentido de pertença a "m &r"po e de respeito pelo o"tro 3 Ir tentando desen+ol+er o sentido de partil)a 3 Ad0"irir )!(itos sociais.comoG sentar B mesa e recon)ecer o se" l"&ar no refeit'rio6 sa(er estar B mesa6 comer so*in)o6 c"mprimentar as pessoas6 3 :econ)ecer os se"s o(%etos pessoais 3 Ad0"irir )!(itos de )i&ienecomo la+ar as mãos e a cara 3 #o&o sim('lico .)ist'rias e (rincadeiras em &r"po 3>articipar na arr"mação da sala e colocar os materiais e o(%etos no s.-ia& 3 Valori*ar todos os se"s pro&ressos 3Brincar e falar diretamente com a criança 3 Incenti+ar a criança a (rincar com os cole&as da sala e com as crianças do restante e0"ipamento 3 >artil)a de (rin0"edos e materiais 3 #o&os.0 a /2 1e&e& E&'ra'.e a&ressi+idade 3 on)ecer e con+i+er com os o"tros 3 on)ecer3se a si pr'priatomando consci1ncia do pr'prio corpo 3 Aceitar e respeitar pe0"enas normas e re&ras 3 on)ecer.

sticas.cio. om crianças pe0"enas.mais importante do 0"e transmitir con)ecimento.sãoG 4Go&'o da Crec5e6 .consoante os interesses e as aprendi*a&ens das crianças. O necess!rio 0"e a criança aprenda as pr'prias emoçEes e a e0"ili(r!3las.casa de (an)o e refeit'rio5 e ad"ltos e.pois s' assim conse&"irão esta(elecer relaçEes positi+as e con+i+er com os o"tros de forma )armoniosa.3 Introd"*ir &rad"almente o (aciopara mais tarde controlar os esf.as propostas e estrat/&ias "tili*adas no decorrer dos mesmos +ão sendo adaptadas Bs caracter. 4"ou a%render co# o& a+e'o&6 Este pro%eto pretende dar 1nfase Bs relaçEes.ncteres e por fim deiCar a fralda sapatos6 (acio 3 Incenti+ar a criança a pedir para fa*er CiCi De+o salientar 0"e o pro%eto pode sofrer alteraçEes ao lon&o do tempo. >retende3se 0"e o espaço se%a acol)edor. Este tem como o(%eti+o. Estes a(ordam diferentes campos de eCperi1ncias de modo artic"lado. 1INI PROJETOS Ao lon&o do ano +ão s"r&indo mini pro%etos 0"e serão desen+ol+idos em pe0"eno o" &rande &r"po.pelo 0"e considero importante 0"e comecem por ter sempre consi&o al&o se".na decoração das almofadas."ma +e* 0"e o se" desen+ol+imento ocorre se0"encialmente mas a ritmos indi+id"ali*ados.de in.tanto com o m"ndo 0"e rodeia a criança como entre pares./ o se" desen+ol+imento socio afeti+o.facilitar a s"a adaptação aos mesmos. <endo assim. O f"ndamental tam(/m 0"e se estreitem laços com a fam.m(olos de afeti+idade e a%"dam3na a crescer feli* 4Treino do bacio6 .com o o(%eti+o de 0"e as crianças reali*em propostas di+ersas mas inte&radas entre si. <' o pro%eto I2reino do BacioI / destinado apenas B faiCa et!ria correspondente B a0"isição desta compet1ncia.este pro%eto conta com a participação dos pais 0"e esti+erem dispostos.no sentido de ir ao encontro das necessidades do &r"po.em(ora ten)am idades m"ito diferenciadas.necessidades e compet1ncias das crianças. Dm a(raço o" apenas o pe&ar ao colo pode si&nificar t"do para "ma criançapois são s. $s mini pro%etos a desen+ol+er.de forma a criar relaçEes +inc"lati+as e de confiança.ed"cando pela afeti+idade. Destinam3se ao &r"po de crianças na s"a totalidade.o" se%a.lia das crianças.moti+ador e familiar.familiari*ar a criança com os espaços 4sala.

om o o(%eti+o de 0"e se familiari*e com a "tili*ação do (acio.comecem a intera&ir com o am(iente e com as o"tras crianças.sendo por isso.o espaço da sala / conce(ido em f"nção das ati+idades di!rias 0"e a.a com"nicação.esta(elece3se como fio cond"tor Has mãosI para 0"e. onsidero 0"e a sala de+e pri+ile&iar "ma or&ani*ação acol)edora.intera&ir e aprender. Em s"ma.compet1ncias co&niti+as e interaçEes sociais.$ pro%eto di* respeito Bs crianças mais +el)as da sala 4 P1@ meses5.o 0"e l)es possi(ilita ter a noção do 0"e eCiste na sala. A sala / ampla. .independ1ncia e compet1ncias. ORGANI AÇÃO DA SA9A: ESPAÇO E 1ATERIAIS A sala ir! oferecer "m am(iente (em pensado e centrado na criança. Estão tam(/m ao alcance das mesmas.n"m espaço de li(erdade prop.portanto essencial 0"e este per.+eis. 2endo em conta isto. O.+eis são moti+adores. 417o8in5a&6 As mãos são a primeira parte do corpo 0"e as crianças desco(rem.em primeiro l"&ar. se desen+ol+em. $ controlo dos esf. <ão essas mãos 0"e o le+am a con)ecer o m"ndo e a senti3lo.de forma a reforçar a s"a cond"ta.de forma a fa+orecer as relaçEes entre crianças e ad"ltos.sico.principalmente.a partir do recon)ecimento desta parte do corpo.com o m.ncteres / "m dos o(%eti+os mais importantes no 0"e di* respeito aos primeiros passos na con0"ista da s"a a"tonomia.mostrando desse modo as s"as emoçEessentimentos e a forma como interpreta a realidade.odo se%a +i+ido sem pressas e apenas 0"ando a criança esti+er preparada para o fa*er.estaremos a +alori*ar a a0"isição de a"tonomia. <e o &r"po se sentir n"m clima )armonioso ir! sentir3se mais moti+ado para eCplorar. A retirada da fralda começa 0"ando a criança se aperce(e 0"e tem a fralda s"%a e identifica o momento em 0"e est! a fa*er Hc)ic)iI o" Hcoc'I.de forma a dar resposta Bs necessidade e e+ol"çEes das crianças e a incenti+ar eCploraçEes e desco(ertas da s"a parte.preparado para ser fleC. Esta possi(ilidade de escol)a fa* com 0"e ten)a oport"nidade de pQr em pr!tica as s"as ideias.para ir ad0"irindo confiança em si mesmas e nas s"as pr'prias )a(ilidades.fa*3se assim atra+/s do corpo e. Arande parte da aprendi*a&em.cio Bs desco(ertas e eCperi1ncias das crianças.tocar6 a&arrar e eCplorar todo o tipo de o(%etos./ f"ndamental 0"e felicitemos a criança sempre 0"e isso s"ceder.+ariados e estim"lantes.por forma a promo+er o desen+ol+imento f. Desta forma.+el B m"dança. Ficam mara+il)adas ao +er todas as coisas 0"e com elas podem fa*erG mo+13las6 sac"di3las6 apla"dir6 fa*er sons e o mais importante.pois as crianças necessitam de se mo+imentar li+remente.da eCploração constante 0"e fa*em com as s"as mãos.podendo assim ter a iniciati+a de os ir ("scar para eCplorar.com"nicar. $s materiais dispon.no sentido de potenciar e encora%ar a lin&"a&em eCpressi+a da criança.nimo de o(st!c"los poss.na fase em 0"e as crianças se encontram.

o 0"e eCi&e "ma refleCão por parte do ed"cador e da restante e0"ipa peda&'&ica.o di!lo&o.a compreensão. TRA!A9HO CO1 A CO1UNIDADE . 2oda a ação peda&'&ica / assim centrada em interaçEes.nas 0"ais a com"nicação a(erta e a )onestidade desempen)am "m papel primordial. om a e0"ipa pretendo disc"tir 0"estEes relacionadas com a planificação e a+aliação do tra(al)o desen+ol+ido com as crianças.TRA!A9HO E1 E:UIPA $ tra(al)o em e0"ipa / al&o 0"e infl"encia diretamente o f"ncionamento do esta(elecimento ed"cati+o e a 0"alidade da resposta ed"cati+a prestada Bs crianças e Bs fam.lia central para a aprendi*a&em da criança e de+endo participar ati+amente em toda a ação ed"cati+a.lias. >ara facilitar esta com"nicação. 7este sentido.da das crianças da s"a casa para a crec)e./ sempre "ma sit"ação 0"e pode ca"sar &rande ansiedade em al&"mas crianças e nas fam.lias.em con%"nto. <endo a fam.constr"indo e interpretando.na medida em 0"e ir! tran0"ili*ar a fam. Em s"ma.constit"i "m processo 0"e se +ai constr"indo.lia. TRA!A9HO CO1 A .dando s"&estEes em relação a atit"des e estrat/&ias para 0"e 0"er as crianças 0"er os pais se adaptem de forma pro&ressi+a e tran0"ila a esta sit"ação.a troca de informação.+el a partil)a de aprendi*a&ens e con)ecimentos.ficaspretendo criar relaçEes 0"e permitam "ma no+a forma de pensar as 0"estEes da ed"cação de infKncia. Atra+/s de re"niEes de e0"ipa ed"cati+a6 de re"niEes informais para troca de ideias e refleCão em con%"nto6 de re"niEes de pais e6 do contato com o"tros profissionais 49/dica >ediatra5.pretendo proporcionar oport"nidades de interação e (rincadeira com os restantes &r"pos 0"e compEem o e0"ipamento.em 0"e se%a poss. 7o 0"e di* respeito Bs crianças.contri("indo na reali*ação de al&"ns tra(al)os %"ntamente com o se" fil)o e na recol)a de informação6 este%a presente e participe em e+entos especiais o" em ati+idades em 0"e se%am solicitados./ f"ndamental para se efet"ar "m tra(al)o positi+o em parceria.partil)ar sa(eres.pretendo 0"e esta cola(ore ati+amente nos pro%etos a reali*ar.sendo f"ndamental 0"e se tentem encontrar as mel)ores formas de promo+er a s"a participação.A1<9IA A sa. $ papel da e0"ipa peda&'&ica / assim de eCtrema importKncia.no sentido de a a%"dar a "ltrapassar esta fase.o en+ol+imento dos pais no processo ed"cati+o.os o(%eti+os ed"cacionais.para aprof"ndar e desen+ol+er con)ecimentos em !reas espec.or&ani*ar e reform"lar a ação ed"cati+a./ importante reforçar %"nto dos pais a importKncia do "so da caderneta da criança como instr"mento indispens!+el de troca de informação so(re a mesma.con)ecimentos e sentimentos.se necess!rio.a disc"ssão de ideias e o respeito pela sin&"laridade de cada "m.

em relação a al&"m tema o" pro%eto em c"rso possa tra*er al&o o" al&"/m at/ estes.para 0"e todos partil)em eCperi1ncias e se complementem nos esforços desen+ol+idos 0"e +isam o (em3estar social e a ed"cação das crianças.indi+id"almente.assim como +erificar a ade0"ação dos o(%eti+os e estrat/&ias. >ara 0"e a pr!tica peda&'&ica se%a +!lida e coerente tem 0"e )a+er tam(/m "ma refleCão partil)ada por todos os inter+enientes ao lon&o do processo ed"cati+o.fa*endo3as refletir so(re as s"as dific"ldades e como as s"perar.+el o se" contato direto com a com"nidade."tili*ando +!rios instr"mentos e s"portes para diferenciar os o(%eti+os en"nciados dos 0"e foram realmente concreti*ados.a(ordando temas como o tra(al)o desen+ol+ido com as crianças.Defende3se "m tra(al)o de cooperação e cola(oração com a com"nidade. Estes o(ser+am e re&istam sistematicamente.não ser! poss. A a+aliação das crianças. .trimestralmenteatra+/s de fic)as 0"e incidem em diferentes dom.nios e respeti+as a0"isiçEes.o tra(al)o em e0"ipa.iremos refletir acerca da nossa pr!tica peda&'&ica.ser! tam(/m feita.atra+/s de doc"mentaçãoG portef'lios das crianças.dos pro%etos e dos ed"cadores. A a+aliação com as crianças / "ma ati+idade ed"cati+a 0"e as implica na s"a pr'pria aprendi*a&em. <' assim se conse&"e detetar as fal)as. 2am(/m atra+/s dos relat'rios trimestrais. A"A9IAÇÃO $ planeamento e a a+aliação serão feitos com as crianças e com a e0"ipa ed"cati+a.lias e com a com"nidade. <endo as crianças m"ito pe0"enas.com as fam.a não ser 0"e al&"ma iniciati+a da nossa parte.