You are on page 1of 1
MANIFESTO COLETIVO DOS MEMBROS DA COMISSAO DA ASSOCIACAO DOS ADQUIRENTES DE APARTAMENTOS DO CONDOMINIO TORRES DA MOOCA ‘So Paulo, 15 de agosto de 2009 Ao Ministério Publico do Estado de Sao Paulo Rua Riachuelo, 115 01007-904 - Centro - Sao Paulo - SP Att. Promotor de Justi¢a José Carlos Blat Caro Promotor, Através deste manifesto desejamos lhe agradecer pelo empenho da Promotoria Criminal de Sao Paulo, no inquérito que esta sendo conduzido com grande maestria por sua pessoa, soubemos de seus problemas médicos no ano de 2008, e também do periodo de recupera¢o e tratamento que foi submetido apés intervencao cirdirgica, também soubemos e estamos cientes que nem por isso abandonou ou deixou de lado o CASO BANCOOP, acompanhando até mesmo nos momentos mais criticos do tratamento quimico terapico este caso, e seus desdobramentos, mantendo contato constante com membros de associacdes que em varios momentos the procuram. Saiba caro promotor que seu competente trabalho aliado a grande capacidade deste grande professor de direito penal, ja ajudou e com certeza vai ajudar ainda mais as vitimas da Bancoop, reconhecemos os tramites do inquérito e sabemos que passos tem que ser dados para que a conduta seja a mais responsavel possivel e logicamente eficiente, dentro deste cenario castico enfrentado pelas vitimas. Estamos certos que os passos sdo bem estudados pelo promotor, e que sua grande competéncia vai elucidar os fatos mostrando a verdade sobre a conduta da Bancoop, sendo assim os diretores da Associacdo de Adquirentes TORRES DA MOOCA, sé tem elogios a fazer certos de que o inquérito esta em boas e competentes maos, que costumam prezar pela justica e bem estar da sociedade! ~ ph Sem mais, Membros do Conselho da Associa¢ao dos Adquirentes de Apartamentos do Condominio Torres da Mooca.