You are on page 1of 12

CAPTAÇÃO DE ÁGUA SUBTERRÂNEA

IN-13

INSTRUÇÕES GERAIS:
• A Instrução Normativa CAPTAÇÃO DE ÁGUA SUBTERRÂNEA é pertinente ao licenciamento ambiental de obras hidráulicas para extração de água subterrânea através de poços profundos, classificados de acordo com o tipo ou método de perfuração empregado: poço tubular, poço cravado ou ponteira, poço escavado tipo cisterna ou cacimba, poço perfurado com ato d!água, trado, entre outros" # licenciamento ambiental será estendido aos poços de captação de água subterrânea novos e aos usos dos recursos h$dricos á existentes, %ue deverão regulari&ar situação unto a esta 'undação" A 'A()A coloca*se + disposição dos interessados para dirimir poss$veis d,vidas sobre esta Instrução Normativa" -empre %ue ulgar necessário a 'A()A solicitará estudos ou informaç.es complementares" # pro eto das instalaç.es de tratamento visará sempre o atendimento das /iretri&es de 0ançamento de 1fluentes 2l$%uidos, s3lidos e gasosos4 e dos 5adr.es de 6ualidade dos 7orpos 8eceptores, segundo 0egislaç.es, 1stadual e 'ederal e regulamentaç.es espec$ficas, em vigor" A 'A()A não assumirá %ual%uer responsabilidade pelo não cumprimento de contratos entre o interessado e o 5ro etista, nem aceitará como ustificativa %ual%uer problema decorrente desse inter*relacionamento" # pro eto depois de aprovado não poderá ser alterado sem %ue as modificaç.es se am apresentadas e aprovadas pela 'A()A" #s pro etos deverão ser subscritos por profissional habilitado, com indicação expressa do nome registro de classe, endereço completo e telefone" A empresa de perfuração de poços deverá estar obrigatoriamente, registrada unto ao 7onselho 8egional de 1ngenharia e Ar%uitetura de -anta 7atarina 9 781A" # en%uadramento desta atividade será de acordo com a 5ortaria Intersetorial n: ;<=;>, de ?>=;@=?;;> e /ecreto n: <AB?C, de ;?=;C=?;;;" /everão ser publicados em peri3dico regional todos os extratos das autori&aç.es e=ou licenças, e somente ap3s a entrega na 'A()A do comprovante da publicação, será concedida a autori&ação e=ou licençaA

• • •

• • • • •

DOCUMENTOS A APRESENTAR:
Requerimento: com vistas + obtenção ou renovação do licenciamento ambiental: Licença Ambiental Pré ia !LAP": declara a viabilidade do pro eto e=ou locali&ação de e%uipamento ou atividade, %uanto aos aspectos de impacto e diretri&es de uso do soloA Licença Ambiental #e In$talaç%& !LAI": autori&a a implantação da atividade ou instalação de %ual%uer e%uipamento, com base no pro eto executivo finalA

com base em vistoria. atividade ou serviço. 0AI ou 0A#4 2n: 2obtenção=renovaçãoDD4 para a atividade 2tipo de atividade4 de AAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAA AAAA AAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAA com instalaç.es em anexo 2ra&ão social4 com vistas a AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAA . AAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA processo4 AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA da 0icença AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA 20A5. AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA de AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA de AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA A 2local4 Nome: AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAA A Assinatura: AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA D 5reencher novamente este re%uerimento para cada 0icença solicitadaA DD Apenas a 0A# é renovávelA . AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAA . teste de operação ou %ual%uer meio técnico de verificaçãoA Modelo de Requerimento AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA re%uer a análise das informaç. n:.es 2previstas 2rua=avA. bairro4 4 + AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAA AAAAAAA AAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA no munic$pio 2nome4 de AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAA AAAAAAAAAAA (ermos em %ue pede deferimento.Licença Ambiental #e O'eraç%& !LAO": autori&a o funcionamento do e%uipamento.

es 2previstas4 2rua=avA. n: e bairro4 + AAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAA no munic$pio de AAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAA . AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA de AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA de AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA A 2local4 Assinatura: AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA 2outorgante4 D 8epresentante do empreendedorA . 2rua=av e n:4 no munic$pio de AAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA para representá*lo unto + 'undação do )eio Ambiente 9 'A()A na obtenção do 0icenciamento Ambiental AAAAA AAA AAAAA AAAAAAAAAA AAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA do 2atividade a ser licenciada4 com instalaç. bairro4 + AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAA AA AAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA no munic$pio de AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAA AAAAA AAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAA AAAAA nomeia e constitui seu procurador 2outorgado4 o -rA AAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAA AAA AAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA residente AAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAA AAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA +.Modelo de Pro!ur"#$o 5elo presente instrumento particular 2outorgante4 AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAA AAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA o -rA AAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA da empresa 2cargo4 residente 2rua=avA. n:.

%N&ORMAÇ'ES PARA (%CENÇA AMB%ENTA( PR)*%A +(AP. I#enti(icaç%& #a Em're$a 8a&ão social: Nome fantasia: Inscrição estadual: 1ndereço para correspondFncia: Gairro: 715: )unic$pio: 7N5E=75' n:: 1ndereço da unidade a ser licenciada: Gairro: 7ontato unto + 'A()A: 'ax n:: 715: )unic$pio: (elefone: 1*mail: 73digo da atividade 2preenchido pela 'A()A4: L&cali)aç%& #a *rea Localização de acordo com Legislação Municipal: ¨ Hona Irbana: ¨ )ista ¨ 8esidencial ¨ Hona 8ural ¨ 7omercial ¨ #utraA 1specificar Caracter+$tica$ #a *rea (opografia: 8ecursos h$dricos 2nascentes. cursos dJágua. etc4: Keologia=hidrogeologia=geotecnia: 7obertura vegetal: . olhos dJágua. COM D%SPENSA DE (%CENÇA AMB%ENTA( DE %NSTA(AÇÃO +(A%.

lar Pr&(. residFncias.b.bterr/nea ¨ água 1xplotação da ¨ 5ie&Ometro 8ecarga a%Nifero ¨ do ¨ #utro U$&$ #a *-.a S.a S. necessidade. condiç.i#r&-e&l&-ia #a Ca'taç%& #e *-.n#& ¨ 8oto*5neumática ¨ 5ercussão ¨ 8otação 0inali#a#e$ 'ara Utili)aç%& #a *-.bterr/nea 7oordenadas I() 2N4: Gacia Midrográfica: A%N$fero2s4 explotado: Ti'& #a Obra #e Ca'taç%& 7oordenadas I() 214: 8egião Midrográfica: ¨ 5oço tubular profundo ¨ 5oços cravados ou ponteiras ¨ 5oço perfurado a trado ¨ 5oço perfurado com ato dJágua ¨ 5oços escavados tipo cisterna=cacimba ¨ #utros 1specificar: Ti'& #e S&n#a-em Em're-a#a n& P&ç& T.a ¨ Abastecimento /oméstico ¨ Industrial=-anitário ¨ -uinocultura ¨ #utros 'ins 21specificar4 ¨ Abastecimento 5.Acessos 2alternativas. etc4: Lreas protegidas por lei: Lrea de faixa )arginal a 7ursos dJágua e 0agoas 2m?4: Lrea com declive superior a >B: 2m?4: #utras áreas de preservação permanente 2m?4: Da#&$ #e L&cali)aç%& e .es de tráfego.blico ¨ Industrial=5rocessamento ¨ Avicultura ¨ 8ecreação ¨ 7riação animais em geral ¨ Irrigação=Agricultura . áreas de interesse ambiental. etc4: 7aracter$sticas do entorno 2uso do solo.

a veracidade das informaç. sob as penas da 0ei.DECLARAÇ1O DE RESPONSA2ILIDADE Nome: 7argo: /eclaro. em AAAAAAAAAAAAAAAAAA / AAAAAAAAAAAAAAAAAA = AAAAAAAAAAAAAAAAAA A 2local4 Assinatura: AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA 7arimbo da empresa: AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA .es prestadas na presente Instrução NormativaA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA .

I#enti(icaç%& #a Em're$a 8a&ão social: Nome fantasia: Inscrição 1stadual: 1ndereço para correspondFncia: Gairro: 715: )unic$pio: 7N5E=75' n:: 1ndereço da unidade a ser licenciada: Gairro: 7ontato unto a 'A()A: 'ax n:: 715: )unic$pio: (elefone: 1*mail: 73digo da atividade 2preenchido pela 'A()A4: Caracteri)aç%& #a ati i#a#e !#a#&$ 'reliminare$" Localização da Captação Coordenadas Geográficas e UTM: 0atitude: 0ongitude: I() 2N4: Da#&$ C&n$tr.raç%& #& P&ç& Intervalo 2profundidade4 In$cio 2m4 Até2m4 /iâmetro 2especificaç.%N&ORMAÇ'ES PARA (%CENÇA AMB%ENTA( DE OPERAÇÃO +(AO.es4 /iâmetro 2mm4 /iâmetro 2polegada4 -ondagem )étodo 1mpregado )aterial empregado durante a 5erfuração 0egenda: )aterial empregado na 5erfuração: IA Pleos=graxas IIA Gentonita IIIA Lgua IQA )istura )étodo da 2a4 8oto -ondagem: percussão 2b4 5ercussãoA 2c4 8otação simples 2d4 8otação reversa .ti &$ #& P&ç& 5rofundidade do poço: (ubo da boca: 5rofundidade 2m4: /iâmetro 2m4: 1spessura 2mm4: I() 214: Da#&$ $&bre a Per(.

mero de fam$lias a serem abastecidas: Qa&ão m$nima re%uerida: 7apacidade da caixa d!água a ser instalada 2m@4: 0ic3a Ca#a$tral #e P&ç&$ !. anos Qolume de água consumido diariamente 2l4: ¨ <.ra#&$" 6 Preenc3er t&#a$ a$ in(&rmaç7e$ N: do poço: )unic$pio: 0ocal: 5roprietário: 1mpresa 5erfA: N$vel 1stático 2m4: N$vel /inâmico 2m4: (ipo de estabelecimento: 5rofundidade: Qa&ão de bombeamento 2l=h4: 5er$odo de bombeamento diário 2h4: /ados Midrol3gicos 'uturos: Qa&ão máxima captada 2m@=h4: /ispositivos Instalados para )edição: ¨ B*<.*<B anos h=da dia=mFs N$vel d!água 2m4: Qa&ão 2m@=h4: (ipo: (ipo: 5oço: ¨ 5rodutivo ¨ Improdutivo 5erfil Keol3gico do 5oço: Análise da Lgua: ¨ -im ¨ Não Ob$: -e possuir anexarA DECLARAÇ1O DE RESPONSA2ILIDADE Nome: 7argo: /eclaro.tili)ar e$te e$'aç& 'ara '&ç&$ 45 'er(. em AAAAAAAAAAAAAAAAAA / AAAAAAAAAAAAAAAAAA = AAAAAAAAAAAAAAAAAA A 2local4 Assinatura: AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA 7arimbo da empresa: AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA .U$&$ Preten#i#&$ #a *-. a veracidade das informaç.es prestadas na presente Instrução NormativaA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA . sob as penas da 0ei.a #& P&ç& N.

industriais. se poss$vel.S" Apresentar a locali&ação do poço tubular em 7oordenadas I(). porta guarnecida de fechadura ou cadeado. COM D%SPENSA DE (%CENÇA AMB%ENTA( DE %NSTA(AÇÃO +(A%. contendo os cursos dJágua. dados em geral sobre o mane o de recursos h$dricos regionais e=ou locais 2tratamento de águas.A.. esgotos.<=TV 9 0ei de 8ecursos M$dricos" /ocumento expedido pela 5refeitura )unicipal declarando %ue a atividade está de acordo com as diretri&es de uso do solo do munic$pio 27onsulta de Qiabilidade de Iso do -olo. entre outros. deverão ser identificadosA 9:9" 9:<" 9:=" 9:>" 9:?"  9:@" Identificar as áreas definidas para proteção ambiental do poço 2&ona de proteção imediata4 %ue deve abranger um raio de <B 2%uin&e4 metros em área rural ou urbana... na escala: <:B. entre poços existentes e a serem perfurados deverá ser mantida e resguardada. deverão ser anexados aos documentos apresentados" -elecionar previamente um n. com base nos estudos hidrogeol3gicos prévios reali&ados na observância da 0ei n: TA>@@=.@ 2trFs4 locaç. 2noventa4 dias4 e 9:A" 9:B" . cu o local será cercado com telas resistentes de arame.. com a plotagem de outros poços de captação.. animais ou %uais%uer poss$veis poluentes" Ima distância m$nima.es indicadas pela Associação Grasileira de Normas (écnicas 9 AGN(: R5ro eto para 7aptação de Lgua -ubterrânea 9 NG8 <??<?=NGBCCS e R7onstrução de 5oço para 7aptação de Lgua -ubterrânea 9 NG8<??>>=NG<?T. atividades agropecuárias.DOCUMENTOS A SEREM ANE8ADOS: -. informando as respectivas coordenadas I()" 7aracteri&ação da área em planta plani*altimétrica 2plantas georefenciadas4 de situação. a partir da sua captação." Apresentar o pro eto e a construção do poço pretendido de acordo com as orientaç. os arruamentos no entorno da área. referenciando o /A(I) -A/*UT" 8egistro 'otográfico: anexar ao documento uma fotografia detalhando o local de perfuração do poço ou da obra de captação pretendida e uma outra reportando a área de entorno do poçoA #s negativos do filme fotográfico ou dis%uete 2câmara digital4 relativos +s fotografias. (%CENÇA AMB%ENTA( PR)*%A +(AP. 2IGK14 e de locali&ação na escala: <: ?A. se existentes. interagindo com as águas subterrâneas do a%N$fero2s4 local" os agentes causadores dos impactos. dunas.es alternativas para a implantação do poço tubular pretendido. utili&ando um receptor K5-. como efluentes l$%uidos gerados. residFncias.mero m$nimo de . além de pontos de referFncia conhecidos:  avaliação da possibilidade de agentes contaminastes na área de influFncia direta e indireta do poço tubular profundo.: 9:.es e demais atividades potencialmente contaminadoras de águas subterrâneas4. impedindo deste modo a entrada de pessoas alheias.C=.. na escala <: ?A.. máximo T. uso do solo. bos%ues. certidão atuali&ada.. mangues e outras áreas protegidas por 0ei" Indicar na planta. aterros de res$duos s3lidos. lix. restingas.

caixa dJágua. /ure&a de 7arbonatos. escala <:?A. recal%ue. 7humbo. #dor. NitrogFnio Amoniacal. )agnésio. 7. /i3xido de 7arbono. 1(AJs. . 'erro. e=ou mantém proximidade de aterros sanitários de res$duos s3lidos urbanos. outros poços. contendo no m$nimo a documentação e procedimentos abaixo relacionados:     fundo do poço"    c3pia do 0audo Anal$tico da Lgua" ficha técnica do %uadro de comando" instalação na sa$da da boca do poço. de dispositivos com registros e válvulas de entrada. 7obre. lix. 7ádmio. -3lido (otal /issolvido 2-(/4.: <:. Nitratos.es ou %ual%uer outra atividade exercida %ue ofereça risco de contaminação aos a%N$feros sub acentes" 9:. cota do N/. 5otássio. 1(1Js. -ulfatos. os arruamentos e dados gerais de referFncia da área urbana ou ruralA perfis geol3gicos e construtivos do poço" descrição geol3gica dos materiais do poço" c3pia do 1nsaio de Gombeamento" cota de boca do poço.C" Anotação de 8esponsabilidade (écnica 9 A8( do pro eto e relat3rio apresentados. Nitritos. cota do  <:9" Apresentar laudos de análises f$sico*%u$micas e bacteriol3gicas atuali&ados da água de captaçãoA #s parâmetros selecionados como indicadores da %ualidade de água subterrânea são os seguintes:  P"r0metro1 231i!o4qu3mi!o1: Alcalinidade de Gicarbonatos. hospitalares. (%CENÇA AMB%ENTA( DE OPERAÇÃO +(AO.se está a montante ou a usante do local de captação de água para abastecimento p. 7ondutividade. (urbide&"  P"r0metro1 5"!teriol67i!o1: 7ontagem (otal de Gactérias. sem o retorno das águas a partir do tan%ue de arma&enamento ou caixa dJágua" ficha da bomba e caracter$sticas do e%uipamento instalado" e  planta plani*altimétrica de locação de poço. os impactos ambientais e suas áreas de proteção. 7ontagem de 7oliformes (otais 2N)54 e 7ontagem de 7oliformes 'ecais 2N)54" <:<" itens: Apresentar Pl"no de Controle Am5ient"l sucinto. contendo os seguintes .. %ue permitam a coleta de amostras de água vinda diretamente do ponto de captação subterrânea. destacando*se as redes hidráulicas. com competFncia espec$ficaA /. 7or.. Pxido de -il$cio 2-$lica4. pM Win naturaWa ?.blico. 'enol.. Alcalinidade de 7arbonatos. industriais." Apresentar 8elat3rio (écnico 'inal da #bra de captação. -3dio. 7álcio. cota do N1. 7loretos. #rto* 'osfato.

bem como de medidas preventivas e de proteção dos poços enunciados previamenteA 8. RENO*AÇÃO DA (%CENÇA AMB%ENTA( DE OPERAÇÃO +(AO. acompanhamentos dos per$metros de segurança.es4 2coordenadas I()4 do2s4 poço2s4 a serem abandonado2s4. %ue numa primeira instância. informando a2s4 locali&ação2. e também de avaliação da eficiFncia do uso da água" Apresentar laudos de análises f$sico*%u$micas e bactereol3gicas atuali&ados da água e captação do tan%ue de arma&enamento ou caixa dJágua 2Item ?A@ da 0A#4" Apresentar 1nsaio de Gombeamento. como: análises de %ualidade das águas subterrâneas no poço e caixa dJágua. ou com uma va&ão deficiente aos prop3sitos re%ueridos. medição mensal de N1 e N/.: =:. -eção II 9 /os 5oços Abandonados" e  Anotação de 8esponsabilidade (écnica 9 A8( dos documentos solicitados e de acompanhamento e execução da atividade de perfuração. fato este %ue deverá ser comunicado + 'A()A pelo empreendedor e=ou pela empresa de perfuração. se propostas"     considerando*se %ue o poço perfurado se apresente improdutivo 2seco4. média da va&ão mensal com base em boletim de dados semanais ou diários. hidrogeol3gicos e ambientais obtidos com a perfuração do poço tubular" deverão ser feitos periodicamente levantamentos. cu o procedimento será o de tamponamento ou lacramento deste2s4. deverá obedecer as Normas do 5lano de 8ecursos M$dricos de -ão 5aulo: 7ap$tulo Q." 8elat3rio de avaliação da eficiFncia das medidas mitigadoras propostas no monitoramento de programas ambientais apresentado na 0icença Ambiental de Instalação 20AI4. segundo normas técnicas atuais. pro etos implementados para a execução de medidas mitigadoras dos impactos ambientais propostos pelo 87A e com base nos dados técnicos. atuali&ado" e Anotação de 8esponsabilidade (écnica 9 A8( do acompanhamento e =:9" =:<" =:=" execuçãoA . etcA" medidas cu a adoção foi determinada pela 'A()A por ocasião do licenciamento prévio e=ou posteriormente" cronograma de implementação e operação da obra e das medidas ambientais.