You are on page 1of 1

Os humanos são meus amigos Mas os vegetarianos sempre criam caso quando critico sua doutrina alimentar Juro

que não queria escrever sobre vegetarianismo outra vez. Primeiro porque já escrevi duas colunas sobre o assunto e não gosto de me repetir. Segundo porque aprendi, em quatro anos fazendo esta coluna, que não se pode discutir a exist ncia de !eus "s op#$es pol%ticas de cada um &...' mas basta questionar um vegetariano para sentir na carne as duras consequ ncias. (mea#aram at) fazer sas*imi da min*a estimada mãe e oferec +la aos tubar$es... (contece que "s vezes o tema insiste em voltar, toca a campain*a, liga nos telefones fixo e celular, manda cartas, e+mails, mensagens em son*os e me sussurra no ouvido. ,omo um simples operário da inspira#ão, nada me resta a não ser respeitá+la. -a boa, pouco me importa se voc come carne, rabanete ou sorvete de pistac*e. ,ada um faz o que quer. S. não me ven*a com argumento que vi no adesivo de um carro outro dia/ 01s animais são nossos amigos, não comida0, com o desen*o de uma vaquin*a, uma galin*a e um peixin*o, todos sorrindo felizes e contentes. Min*as queridas, não nos iludamos, os animais não são nossos amigos. Pelo contrário, estamos todos os seres vivos numa intensa competi#ão, cada um come quem consegue e salve+se quem puder. 2magine se voc está no meio do mato e aparece uma on#a faminta, o que voc vai dizer3 1i, oncin*a, voc viu o 4ltimo paredão do 5ig 5rot*er3 Posso te adicionar no 1r6ut3 ,laro que, durante a evolu#ão, algumas esp)cies desenvolveram parcerias. 7emos desde as bact)rias no intestino, por exemplo, que nos ajudam na digestão, ao cac*orro do quintal, que nos acompan*a em nossa solidão em troca de comida e um cafun) de vez em quando. 7udo bem. Mas o fato de precisarmos ou nos afei#oarmos a uma ou outra esp)cie não significa que todos os bic*os são nossos amiguin*os. 8 imposs%vel ficar amigo de uma galin*a, de uma vaca, de um peixin*o dourado. 9oc pode at) tentar, mas garanto que vai ser uma amizade de mão 4nica. 7e asseguro que, mesmo que voc convide uma galin*a todo dia para comer na lanc*onete da esquina, ela não aparecerá, nem a querida vaca responderá a seus e+mails. 1s animais nos são 4teis não s. como fonte nutricional, mas como cobaias em pesquisas cient%ficas. Para salvar vidas *umanas, sacrificamos mil*ares de camundongos. :uem ) contra matar ratos para salvar pessoas está lidando com uma l.gica absurda/ defende que se mate gente para salvar roedores; Se a moda pega, daqui a pouco terei de andar por a% com camisetas dizendo/ 01s *umanos são meus amigos. Salvem os *umanos;0 -ão te parece meio absurdo3 <(nt=nio Prata. Capricho, n> ?@A.B