O Brasil precisa de seus quadrinistas O dinamismo do povo brasileiro é espetacular por que apesar de vivermos duras crises financeiras

e não temos um bom sistema de educação, hospitalar, transporte público, etc, ainda assim temos a esperança de dias melhores e somos muito otimistas mesmo quando tudo dá errado para nós, como dizem os ditados populares: “levanta e sacode a poeira”; “Bola para frente” entre tantos, essa é uma característica do povo brasileiro que devia ser explorada nas histórias em quadrinhos, não só os insucessos e nossos problemas com os políticos. Parece que algumas pessoas estão se acomodando e acreditando que o Brasil é assim mesmo e que a má qualidade da nossa política é algo normal, e que nunca conseguiremos mudar o nosso destino. Vamos mudar essa mentalidade nem que isso comece nas histórias em quadrinhos, vamos conscientizar a nossa juventude de que somos um país vencedor e que não precisamos emigrar do Brasil para o exterior para termos sucesso lá fora como muitos talentos artísticos brasileiros fazem, a começar pelos desenhistas de quadrinhos que chegaram a mudar seus nomes de origem brasileira para serem aceitos por países estrangeiros que discriminam imigrantes só explorando o seu trabalho artístico e depois os revendendo para o Brasil como se fossemos um país que não sabe valorizar os seus próprios filhos, os filhos dessa nação. Porque o Brasil só valoriza seus artistas depois que fazem sucesso no exterior? Deveríamos acabar com esse tipo de postura que só prejudica nossa imagem, acho que até esse comportamento poderia ser estudado em nossa cultura; o da depreciação de seus cidadãos que são sempre colocados como artistas de segunda categoria reputando como “bons” apenas os que estudaram no exterior e que de alguma forma conseguiram ter sucesso fora de seu país de origem.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful