You are on page 1of 1

Saber mais

migrações
Migração Internacional é a deslocação de pessoas entre fronteiras internacionais, resultando numa mudança do país de residência habitual e do estatuto jurídico. Portugal é dos países com melhor classificação na atribuição de direitos e serviços aos estrangeiros residentes [ONU, Relatório de Desenvolvimento Humano de 2009] 440.227 é o número de cidadãos estrangeiros residentes em Portugal.

O tratamento equitativo dos migrantes não só está de acordo com as noções básicas de justiça mas traz também benefícios úteis às comunidades de destino. As deslocações, tanto dentro dos limites de uma nação como entre diferentes nações, são predominantemente motivadas pela procura de melhores oportunidades.

Existem actualmente 214 milhões de migrantes internacionais, o que equivale a 3,1% da população mundial. Anualmente mais de 5 milhões de pessoas atravessam fronteiras internacionais para irem viver num país desenvolvido. 37% das migrações de todo o mundo são de países em desenvolvimento para países desenvolvidos. A maior parte das migrações ocorre entre países com o mesmo nível de desenvolvimento.. A maior parte dos migrantes, internos e internacionais, consegue alcançar melhores rendimentos, melhor acesso à educação e à assistência médica e melhores perspectivas de vida para os seus filhos. A inclusão e a integração são aspectos importantes da perspectiva do desenvolvimento humano .

Em 2008 existiam cerca de 14 milhões de refugiados, 7% do total de migrantes internacionais. Estima-se que em 2009 o número de deslocados internos tenha atinjido os 26 milhões, incluindo 4,9 milhões no Sudão, 2,8 milhões no Iraque e 1,4 milhões na República Democrática do Congo. Existem 26 milhões de deslocados como resultado de conflitos.

Fontes: ONU, OIM, SEF, ACIDI