You are on page 1of 49

Escola 2,3 Piscinas - Lisboa

Traçados geométricos lineares

Educação Visual

Prof. João Sousa


O que é a Geometria?

Régua & Esquadros

Mediatriz

Ângulos

Bissectriz

Circunferência

Divisão da Circunferência em três partes

Divisão da Circunferência em quatro partes

Pentágono

Hexágono

Divisão da Circunferência em 7 partes iguais

Divisão da Circunferência em 8 partes iguais

Traçar polígono a partir do lado


EDUVIS
O que é a Geometria?

A geometria é a parte da matemática

OBJECTIVO

Estudo do espaço e das figuras que podem ocupá-lo.

A geometria permite-nos o uso dos conceitos elementares


para construir outros objectos mais complexos.

Definição
EDUVIS
Origens da Geometria

Igualmente, a origem da geometria, do grego:

GEO = terra + METRIA = medida


ou seja,

“medir terra”

Definição
EDUVIS
Origens da Geometria

A matemática surgiu de necessidades básicas, da necessidade económica de


contabilizar diversos tipos de objectos.
A Geometria está ligada à necessidade de melhorar o sistema de arrecadação de
impostos de áreas rurais, e foram os antigos egípcios que deram os primeiros passos
para o desenvolvimento da disciplina.
Todos os anos o rio Nilo extravasava as margens e inundava o seu delta. A boa notícia
era a de que as cheias depositavam nos campos de cultivo lamas aluviais ricas em
nutrientes, tornando o delta do Nilo numa terra fértil. A má notícia consistia em que o rio
destruía as marcas físicas de delimitação entre as possessões de terra. Dessa forma,
existiam conflitos entre indivíduos e comunidades sobre o uso dessa terra não
delimitada.
Os antigos faraós resolveram passar a nomear funcionários, os agrimensores, cuja
tarefa era avaliar os prejuízos das cheias e restabelecer as fronteiras entre as
diversas posses. Foi assim que nasceu a geometria. Estes agrimensores, ou
esticadores de corda (assim chamados devido aos instrumentos de medida e cordas
entrelaçadas concebidas para marcar ângulos rectos), acabaram por aprender a
determinar as áreas de lotes de terreno dividindo-os em rectângulos e triângulos.

Definição
EDUVIS
Régua & Esquadros

Régua

Esquadros

EDUVIS
Régua & Esquadros

EDUVIS
Linhas Paralelas

Utilizando a régua e o esquadro


em simultâneo, podemos traçar
rectas perpendiculares e
paralelas.

Começamos por traçar uma recta;


de seguida fazemos coincidir o
esquadro com a recta; depois
colocamos a régua encostada ao
esquadro e fixamo-la; finalmente só
temos que fazer deslizar o esquadro
(para um lado ou para o outro) e
traçar a recta paralela à primeira.

EDUVIS
Linhas Perpendiculares

Utilizando a régua e o esquadro


em simultâneo, podemos traçar
rectas perpendiculares e
paralelas.

Traçamos uma recta; de seguida


fazemos coincidir a régua com a
recta traçada, fixando-a; depois
colocamos o esquadro sobre a
régua (e deslizando sobre ela)
traçamos uma perpendicular (ver
figura).

EDUVIS
Mediatriz

EDUVIS
Divisão Segmento de recta em partes iguais

EDUVIS
Divisão Segmento de recta em 6 partes iguais

EDUVIS
Ângulos

Ângulo é a região de um plano concebida pela abertura de duas semi-retas que possuem uma origem em
comum, chamada vértice do ângulo. A abertura do ângulo é uma propriedade invariante e é medida em radianos
ou graus.

Angulo Agudo Angulo Recto Angulo Obtuso

Angulo Raso Angulo Giro

EDUVIS
Ângulos

Ângulo de 30º com Esquadros

EDUVIS
Ângulos

Ângulo de 60º com Esquadros

EDUVIS
Ângulos

Ângulo de 45º com Esquadros

EDUVIS
Ângulos

Ângulo de 75º com Esquadros

EDUVIS
Bissectriz

EDUVIS
Bissectriz

EDUVIS
Compasso

EDUVIS
Circunferência

Circunferência é uma linha curva plana fechada, que tem todos os seus pontos a igual
distância de um ponto interior chamado centro.

EDUVIS
Divisão da Circunferência em três partes

Metodo A
EDUVIS
Divisão da Circunferência em três partes

Metodo A
EDUVIS
Divisão da Circunferência em três partes

Metodo B
EDUVIS
Divisão da Circunferência em quatro partes

EDUVIS
Divisão da Circunferência em quatro partes

EDUVIS
Pentágono

Metodo A
EDUVIS
Pentágono

Metodo A
EDUVIS
Pentágono

Metodo A
EDUVIS
Pentágono

Metodo B
EDUVIS
Pentágono

Metodo C
EDUVIS
Pentágono

Metodo Durer
EDUVIS
Pentágono

Metodo Durer
EDUVIS
Hexágono

Metodo A
EDUVIS
Hexágono

Ver Animação

http://agavelar.no.sapo.pt/Flashs/hexagono.swf

Metodo A
EDUVIS
Hexágono

Metodo A
EDUVIS
Hexágono

Metodo B
EDUVIS
Divisão da Circunferência em 7 partes iguais

Metodo Geral
EDUVIS
Divisão da Circunferência em 7 partes iguais

Ver Animação

http://agavelar.no.sapo.pt/Flashs/heptagono.swf

Metodo Geral
EDUVIS
Divisão da Circunferência em 7 partes iguais

Metodo Geral
EDUVIS
Heptagono

1. Começamos por traçar a


circunferência dado o
diâmetro, determinou-se
sobre ela os pontos A e
B.

2. Na próxima etapa, vamos


traçar o arco de raio AO
centrada em A, que nós
determinamos, sobre o
círculo, os pontos 1 e C.

3. Unindo os Pontos 1-C


vai ter o ponto D, que é
o ponto médio do raio
AO.

4. O segmento 1-D é o lado


do heptágono inscrito.

Metodo B
EDUVIS
Divisão da Circunferência em 8 partes iguais

Metodo Geral
EDUVIS
Divisão da Circunferência em 8 partes iguais

Metodo Geral
EDUVIS
Divisão da Circunferência em 8 partes iguais

Metodo Geral
EDUVIS
Traçar polígono a partir do lado

EDUVIS
Traçar polígono a partir do lado

EDUVIS
Traçar polígono a partir do lado

EDUVIS
Traçar polígono a partir do lado

EDUVIS
FONTES

LIVROS:

• Carrilho da Graça, Cristina/Trindade, Maria Julia; Ver e Desenhar; Lisboa; Lisboa Editora
• Sousa, Isabel/Castro Lobo, Raul/Rodrigues, Francisco; Visualizar; Lisboa, Texto Editores

NET:

• http://arnaut.no.sapo.pt/geom/index.html
• http://www.isftic.mepsyd.es/w3/recursos/bachillerato/tecnologia/manual/geometria/traz.htm
• http://es.geocities.com/juliopablo38/p38b/geoplan/circ/circ.htm
• http://es.geocities.com/juliopablo38/p38b/geoplan/lado/lado.htm

EDUVIS