You are on page 1of 1

OK!

Eis as informações,

Lembrando a vocês que nós do ministério respeitamos a autonomia universitária conforme a Lei de Diretri es e !ases da Educaç"o #aciona$ LD!E#, esta $ei foi criada depois do %overno ditatoria$ que define para universidades, uma %est"o aut&noma dos investimentos rea$i ados para as instituições' (ntes disso, o )E* que diri%ido por mi$itares e simpati antes da ditadura, bai+ava condutas obri%atórias da ap$icaç"o dos recursos na base da press"o' Dei+ando de $ado ar%umentações sobre recursos para pesquisa, e+tens"o, e+pans"o como também na assistência estudanti$, que era praticada somente em dois ei+os, a$imentaç"o via bande,"o e moradia estudanti$' #o caso do -#(E. e+istem nove itens para ap$icaç"o dos recursos e atendendo a Lei, dei+amos que as universidades a$oquem recursos mais em uma aç"o do que em outras, conforme as necessidades das instituições'

Os va$ores aqui divu$%ados é de con/ecimento p0b$ico previsto em Lei, mas n"o é por isso que esse assunto deverá parar nos ,ornais, é somente para que os a$unos fiquem sabendo dos recursos enviados do )ec para no -#(E. que é para a$unos em vu$nerabi$idade socioecon&mica das c$asses *, D, e E'

dos quais foram e+ecutados somente restante foi devo$vido ao )E*, resta uma possibi$idade de recomposiç"o do que vo$tou, um encontro do 1eitor so$icitando a recomposiç"o destes recursos com a .ecretária da .esu'

-#(E. dos quais foram e+ecutados somente restante deverá ser e+ecutado até o fina$ deste ano sendo que o que vo$tar irá para os cofres da 2ni"o sem c/ances de recomposiç"o'

-orque foi devo$vido3 E+iste o p$ano de contas do )inistério da 4a enda que trata das rubricas ou os códi%os que devem ser co$ocados em cada despesa, tanto para custeio como para capita$5materia$ permanente ent"o a que estava em mudanças de 1eitoria e aque$a tra,etória de esc6nda$os, n"o tin/a equipe dispon7ve$ para e+ecuç"o orçamentária ent"o os recursos foram devo$vidos ao )E*'