MUTAÇÕES- EXERCÍCIOS Questões 1) (Unicamp 2001) Desde 1995 alguns estados norte-americanos estão excluindo o ensino da teoria

de evolução biológica dos seus currículos escolares alegando, entre outras razões, que ninguém estava presente quando a vida surgiu na Terra. Alguns cientistas defendem a teoria da evolução argumentando que, se é necessário "ver para crer", então não poderemos acreditar na existência dos átomos, pois estes também não podem ser vistos. (Adaptado da "ISTO É", 25/08/1999.) a) Apresente três evidências que apóiam a teoria da evolução biológica. b) A mutação gênica é considerada um dos principais fatores evolutivos. Por quê? 2) (Unesp 2003) A respeito das mutações gênicas, foram apresentadas as cinco afirmações seguintes: I. As mutações podem ocorrer tanto em células somáticas como em células germinativas. II. Somente as mutações ocorridas em células somáticas poderão produzir alterações transmitidas à sua descendência, independentemente do seu sistema reprodutivo. III. Apenas as mutações que atingem as células germinativas da espécie humana podem ser transmitidas aos descendentes. IV. As mutações não podem ser espontâneas, mas apenas causadas por fatores mutagênicos, tais como agentes químicos e físicos.V. As mutações são fatores importantes na promoção da variabilidade genética e para a evolução das espécies. Assinale a alternativa que contém todas as afirmações corretas. a) I, II e III. b) I, III e V. c) I, IV e V. d) II, III e IV. e) II, III e V. 3) (Unicamp 98) O metabolismo celular é controlado por uma série de reações em que estão envolvidas inúmeras proteínas. Uma mutação gênica pode determinar a alteração ou a ausência de algumas dessas proteínas, levando a mudanças no ciclo de vida da célula. a) Explique a relação que existe entre gene e proteína. b) Por que podem ocorrer alterações nas proteínas quando o gene sofre mutação? c) Em que situação uma mutação não altera a molécula protéica? 4) (UERJ) As mutações representam um importante mecanismo evolutivo para os organismos.Uma das conseqüências deste fenômeno está descrita na seguinte alternativa:

a) limitação da diversidade biológica b) criação de novas variantes de seres vivos c) extinção de espécies nocivas ao ambiente d) produção exclusiva de alterações benéficas. 5) (Cesgranrio 97) Analise as afirmativas a seguir, a respeito das mutações. I - Sempre que o ambiente se torna desfavorável, o ser vivo reage sofrendo uma mutação gênica. II - As mutações transmitidas às gerações futuras são aquelas que ocorrem em células germinativas. III - As mutações ocorridas em células somáticas são de grande valor adaptativo para a perpetuação da espécie Está(ão) correta(s): a) I apenas b) II apenas. c) III apenas. d) I e II apenas. e) II e III apenas. 6) (Unirio 95) A respeito das mutações, leia as afirmações a seguir. I - Ocorrem para adaptar o indivíduo ao ambiente. II - Ocorrem em células sexuais e somáticas. III - Podem alterar o número, a forma e o tamanho dos cromossomos. A(s) afirmação(ões) correta(s) é(são): a) somente a II. b) somente a I e a II. c) somente a I e a III. d) somente a II e a III. e) a I, a II e a III. 7) O que é mutação genética? 8) Por que a freqüência de mutações é baixa? 9) Comente sobre agentes mutagênicos. 10) O processo de mutação é benéfico ou maléfico? 11) O daltonismo tem herança ligada ao X. Um indivíduo anormal, com cariótipo 47, XXY, era daltônico. Seus genitores tinham visão normal para cores.

a) Qual genitor formou o gameta com 24 cromossomos? Explique. a) Evidências da evolução biológica: .existência de estruturas vestigiais. à exceção de alterações: a) b) c) d) e) na transcrição reversa desse RNA para DNA. o que determina a variabilidade dentro dos . .homologias. 14) As mutações podem ser induzidas por agentes físicos e químicos. . na autoduplicação do DNA que o originou na tradução dessa molécula de RNA moleculares em proteínas estruturais originadas desse RNA. 13) (PUC-RIO 2010) Como consequência de uma mutação hipotética em uma molécula de RNA mensageiro. . denominados genericamente de: a) Agentes gênicos b) Agentes mutagênicos c) Agentes Alelos d) Agentes evolutivos e) Agentes mutantes.fósseis. funcionais em proteínas enzimáticas originadas desse RNA. 12) Quais são os fenômenos biológicos responsáveis pela formação de organismos adultos haplóides? Dê exemplos. b) O erro correu na primeira ou na segunda divisão da meiose? Explique. b) A mutação gênica é a fonte de novos genes. . que originam novas versões de genes: a) Evolução b) Mutação c) Homozigoto d) mitose e) fecundação Gabarito: 1) . podemos esperar que ocorram diversas mudanças.embriologia comparada.bioquímica comparada. 15) São alterações do código bases nitrogenadas do DNA.

4) B 5) B 6) D 7) Qualquer modificação súbita ou hereditária no genoma de um organismo. o Raio X é largamente utilizado na medicina. que atuam danificando ligações químicas. que injetam parte de seu DNA na célula hospedeira. Radicais livres também atuam catalizando reações químicas danosas ao DNA. OS danos destes agentes são grandemente amplificados em presença de água e oxigênio. 9) É todo agente físico. Nem toda mutação é para o mal. 2) B 3) a) Gene é um segmento do DNA localizado nos cromossomos. fornecendo dessa forma meios para a introdução de novos elementos na população. citosina e timina). cujo espectro é absorvido pelo DNA. Também podem haver mutações por falhas de ordem genética. ou seja. vários agentes mutagênicos são aproveitados pela ciência. ou para melhor evoluirmos. atuando sobre tumores sem causar grandes danos ao organismo. a mutação assegura que a probabilidade de se chegar a qualquer ponto do espaço de busca nunca será zero. portadora do gene para daltonismo (d) situado no cromossomo X. Os agentes mutagênicos podem ser: • Físicos: radiação ionizante e raios UVC. • Químicos: inúmeras substâncias ditas cancerígenas. Ela trabalha alterando arbitrariamente um ou mais componentes de uma estrutura escolhida entre a descendência. em algumas pessoas do terceiro molar (ciso) na sua formação dentária. 11) a) A mãe. Outra radiação ionizante.grupos biológicos. em exposição às células. ou mesmo a não produção da proteína. sobre a qual age a seleção natural. Cada trinca de bases é capaz de codificar um aminoácido de uma proteína. radiações ionizantes (como raios alfa) também são empregadas no combate a tumores através da radioterapia. atuando como vetores de genes sintetizados em laboratório a serem injetados no organismo a ser modificado. b) Mutações são modificações na seqüência ou na composição das bases do DNA (gene) que podem causar a produção de uma proteína alterada. . ação da exonuclease e também porque a constituição do genoma humano é 97% de áreas não codificantes (íntrons) e 3% codificantes (éxons). pois algumas mutações leves podem nos tornar resistente contra um determinado microorganismo por exemplo. logo após o cruzamento. capazes de destruir as ligações químicas ente os nucleotídeos (mutações são mais raras nesses casos. um dano na molécula de DNA que não é reparado no momento da replicação celular. Depende muito do grau e de como ocorre à mutação. em quantidades mínimas. ou mesmo substituindo nucleotídeos normais por moléculas análogas. ocasionalmente integrando-a à cadeia de DNA do hospedeiro. um mesmo aminoácido pode ser codificado por diferentes trincas de bases. c) A substituição de uma base nitrogenada no DNA pode não causar nenhuma alteração na proteína produzida pela célula porque o código genético é degenerado. Possui um código químico representado por sequencias de bases nitrogenadas (adenina. pode causar mutação. químico ou biológico que. e é passado para as gerações seguintes. 8) Porque o DNA possui um sistema de reparo. Assim. guanina. Da mesma forma. e UVB. Vírus e bactérias são usados na engenharia genética para a obtenção de seres transgênicos. • Biológicos: ação de vírus e bactérias. como por exemplo a ausência. Apesar do efeito nocivo às células humanas. A seqüência de trincas determinará a seqüência dos aminoácidos de um polipeptídeo. pois a destruição da cadeia de DNA geralmente provoca a morte celular). Algumas substâncias mutagênicas são utilizadas na quimioterapia. 10) geralmente responsável pela a introdução e manutenção da diversidade genética na população. ou seja.

12) Meiose inicial (algas e fungos) e partenogênese (abelhas). S. provavelmente: a) um poliplóide de I. Por que a mutação é um dos mais importantes fatores evolutivos? 02. Apenas alguns grãos de pólen não-reduzidos foram produzidos pelo híbrido. b) um aneuplóide de II. sendo usados para fertilizar óvulos da espécie. S.b) Ocorreu na segunda divisão. Daí concluímos que na aveia comum o número cromossômico é igual a: a) 14 b) 21 c) 28 d) 35 e) 42 05. stricta – 56 II. S. O último cruzamento produziu . e) um híbrido poliplóide de I e II. Uma espécie de planta A (2n = 10) foi cruzada com uma outra espécie B (2n = 14). c) descendente de espécie diferente de I e II. A aveia comumente cultivada (Avena sativa) é um hexaplóide desta mesma série. d) apenas um gíbrido de I e II. 03. Quais são os fenômenos biológicos responsáveis pela formação de organismos adultos haplóides? Dê exemplos. 13) B 14) B 15) B EXERCICIOS . townsendii – 126 A espécie S. townsendii é. originando um híbrido C. O gênero vegetal Spartina é composto de várias espécies que apresentam o seguinte número de cromossomos em suas células meristemáticas: I. A aveia abissínia (Avena abyssinica) é um tetraplóide com 28 cromossomos. alterniflora – 70 III.MUTAÇÕES 01. 04.

plantas com: a) 10 cromossomos b) 14 cromossomos c) 19 cromossomos d) 24 cromossomos e) 32 cromossomos 06.Ceará) Qual das seguintes síndromes humanas é devida a uma monossomia? . Uma aneuploidia freqüente na espécie humana é a síndrome de Down. 08. a) Qual genitor formou o gameta com 24 cromossomos? Explique. era daltônico. é: a) aneuplóide b) haplóide c) diplóide d) triplóide e) tetraplóide 09. XXY. 10. Um indivíduo anormal. e) trissomia de um cromossomo sexual. b) ausência de um cromossomo sexual. c) trissomia do cromossomo 21. O daltonismo tem herança ligada ao X. Qual a origem dos organismos aneuplóides? 07. com cariótipo 47. também chamada de mongolismo. que se caracteriza pela: a) não-disjunção de cromossomos sexuais durante a gametogênese. A célula cujo núcleo está representado abaixo. d) monossomia do cromossomo 21. Seus genitores tinham visão normal para cores. b) O erro correu na primeira ou na segunda divisão da meiose? Explique. (UF .

para enganar a fome. sábios animais que se alimentavam do mais farto dos pastos. conseqüentemente. À noite a ração foi ainda mais escassa. Meiose inicial (algas e fungos) e partenogênese (abelhas). ou os sãos. C 06.. 02.EDILSON SOARES TEXTO PARA A PRÓXIMA QUESTÃO (Ufg 2000) O texto que se segue foi extraído de "Xadrez. o Ss apresenta anemia atenuada e o ss geralmente morre. Naquela tarde assaram trinta bois. 07. ou os sãos. Como o frio também aumentava. fizeram-se fogueiras para assar as últimas batatas e umas poucas raízes colhidas pelo caminho. que logo morreriam é falsa ou verdadeira? Justifique. e. A 09.2006 CURSINHO DOM BOSCO . que precisavam recuperar as forças para a luta? (TORERO.. já começavam a sobrevoar a ala dos estropiados quando o General mandou que acampassem. Porque provoca variações necessárias às modificações das espécies. Os abutres. "Xadrez. O indivíduo SS é normal. a) A afirmação os coléricos. 08. B LISTÃO DE EXERCICIOS . de José Roberto Torero. Resolução: 01. que logo morreriam... E 04. portadora do gene para daltonismo (d) situado no cromossomo X. quantidade ínfima para abastecer os homens que ainda sobravam. surgiu um impasse: quem ficaria perto do fogo: os coléricos. 03. (. b) Ocorreu na segunda divisão. Roberto. truco e outras guerras". . E 05.MUTAÇÕES . truco e outras guerras") 1.) os coléricos.. que logo morreriam. b) Justifique e exemplifique: Muitas doenças são hereditárias e sua manifestação está na dependência da ação de genes específicos ou de alterações cromossômicas. de hemácias que se deformam.a) Síndrome de Down b) Síndrome de Turner c) Síndrome de Klinefelter d) Síndrome de Kernicterus e) Síndrome da imunodeficiência adquirida. J. Servimos-nos de algumas de suas estruturas. O plano dos comandantes era assaltar fazendas da região e tomar-lhes o gado. a) A mãe. É condicionada por um alelo mutante s. que precisavam recuperar as forças para a luta? Muitas doenças podem provocar a morte. C 10... Gametas anômalos devido à não-disjunção na meiose. TEXTO PARA A PRÓXIMA QUESTÃO (Uel 97) A anemia falciforme ou siclemia é uma doença hereditária que leva à formação de hemoglobina anormal e. para introduzir a(s) questão(ões) seguintes.

mas não o de eliminar os resíduos. realizando cada qual um gesto que nada tinha de aterrador. tecnologia.b) apenas II. certamente. Poderia produzir venenos. O equivalente tecnológico da separação dos saberes foi a linha de montagem. mas não possui mais o saber que lhe permitiria dar-se conta de que seu produto irá provocar um buraco na camada de ozônio. os massacres do Camboja e assim por diante.e) inversão de um par de bases no DNA. hemorragias. o tabagismo e a dependência de outras drogas são exemplos de causas que podem resultar em doenças. Esse fenômeno está intimamente ligado ao fato de ter sido neste século que os homens colocaram mais diretamente em questão a sobrevivência do planeta.contaminantes biológicos. (02) Doenças genéticas são aquelas causadas por alterações do patrimônio genético e podem passar de pais para filhos. podem interferir no funcionamento dos seres vivos.impedir o funcionamento dos ácidos nucléicos.c) inversão de um par de bases no DNA. Encontramos o meio de eliminar a sujeira. tanto mais fácil submeter a ciência aos cálculos do poder. que podem transformar as águas em fontes de transmissão de doenças. E rápido. 4. e os hormônios humanos. Hoje.III . que é um agente mutagênico. através do material genético. É bom que tudo se tenha resolvido no espaço de trinta anos. TEXTO PARA A PRÓXIMA QUESTÃO (Ufsc 96) Na(s) questão(ões) a seguir escreva nos parênteses a soma dos itens corretos. Ciência. O século que chega ao fim é o que presenciou o Holocausto. como o benzeno. os regimes dos Grandes Irmãos e dos Pequenos Pais. Não é um balanço tranquilizador.Considere os segmentos de DNA a seguir: Trata-se de um caso de mutação pora) perda de um par de bases no DNA. Estamos em via de viver a tragédia dos saberes separados: quanto mais os separamos. Aperta-se um botão e um país inteiro explode. podendo resultar em fratura de ossos. Mas a linha de montagem permite também fabricar aspirina em quantidade para o mundo todo. O Holocausto foi possível porque se podia aceitá-lo e justificá-lo sem ver seus resultados. Hiroshima. com alteração do aminoácido codificado. mas não da proteína correspondente.permitir o surgimento de novos alelos. O esquema a seguir mostra a seqüência do DNA que leva à formação da hemoglobina normal e a que leva à formação da hemoglobina alterada. O século está estressado porque não sabe de quem se deve defender.aumentar as taxas de mutação em todos os seres vivos. Tudo o que aconteceu de terrível a seguir não foi se não repetição. milhões de outros puderam colaborar à distância. e em algumas décadas se passou do dirigível ao avião.II . que. II e III. assistiu-se ao triunfo das teorias revolucionárias de Einstein e a seu questionamento. este século soube fazer do melhor de si o pior de si. (04) Doenças traumáticas são aquelas que se originam de acidentes. herdamos do passado o hábito de brandir a ameaça de um complô judeu para desviar o descontentamento dos explorados. ação à distância. enquanto a eritroblastose fetal é uma doença congênita. Poderíamos destruir o planeta num dia.. A perseguição racial e o genocídio não foram uma invenção de nosso século. O benzeno. . ao passo que os resíduos (inclusive os radioativos) nascem do bem-estar que ninguém . o químico que aplicava os gases asfixiantes não julgava necessário ter opiniões sobre a antropologia física. por alterar a seqüência de nucleotídeos do DNA.d) inversão de um par de bases no DNA. triunfo das massas. sem alteração do aminoácido codificado. não apenas no homem.compostos orgânicos que. Nosso século foi o da comunicação instantânea. nem como: somos demasiado poderosos para poder evitar nossos inimigos. da hélice ao turborreator e daí ao foguete interplanetário. Tudo se passa num ritmo acelerado. (16) Doenças transmissíveis são as transmitidas por patógenos ou por seus produtos. A ação à distância salva numerosas vidas. aparece a verdadeira doença do progresso. Privado da satisfação de ver o produto acabado. Holocausto: através das metáforas e das realidades que marcaram esses cem últimos anos.e) I. (08) Doenças funcionais resultam do mau desempenho ou da perda de um órgão ou sistema. O custo dessa aceleração da descoberta é a hiperespecialização.d) apenas I e II. desconhecido dos séculos anteriores. aperta-se um botão e entra-se em comunicação com Pequim. O século do triunfo tecnológico foi também o da descoberta da fragilidade. por ser mutagênico. como a Grande Muralha da China. Soma ( ) TEXTO PARA A PRÓXIMA QUESTÃO (Ufsm 2004) A qualidade da água pode ser alterada por vários fatores: . que podem ser exemplificados pelos esteróides.2. Um excelente químico pode imaginar um excelente desodorante. com alteração do aminoácido codificado e da proteína correspondente. deveI . Nesta. Além de um número. velocidade. sem alteração do aminoácido codificado. princípio da linha de montagem: tudo isso tornou possível o Holocausto. Nosso século é o da aceleração tecnológica e científica. presenciou o triunfo da ação à distância. Mas o que torna tão terrível o genocídio nazista é que foi rápido. comunicação.c) apenas III. de pessoas responsáveis e de executantes diretos (sádicos e loucos). Um moinho de vento podia ser reparado.b) adição de um par de bases no DNA. cada um conhece apenas uma fase do trabalho. Foram necessários milhares de anos para passar do barco a remo à caravela ou da energia eólica ao motor de explosão. Em algumas dezenas de anos. comunicação. sem grande inovação. mas irresponsabiliza o crime. linha de montagem. tecnologicamente eficaz e buscou o consenso servindo-se das comunicações de massa e do prestígio da ciência. Sem essa aceleração. é CORRETO afirmar: (01) O alcoolismo. que podia ser reduzida. cada um é também liberado de qualquer responsabilidade. Foi fácil fazer passar por ciência uma teoria pseudocientífica porque. Com relação a esse tema. num regime de separação dos saberes. sem alteração do aminoácido codificado. mas o sistema do computador não tem defesa diante da má intenção de um garoto precoce. Assim. mas pagamos o preço dessa rapidez. que se operou e continua a se operar em ritmos antes inconcebíveis. Ela pode ter inúmeras causas e variar de intensidade e manifestação. etc. sem que o soubesse . mesmo em baixas concentrações. 3. o Muro de Berlim poderia ter durado milênios. Mas o horror desses acontecimentos não reside apenas na quantidade.e isso ocorre com freqüência. afinal restrito.. especialmente durante a transcrição e a tradução. é assustadora. Aperta-se um botão e um foguete é lançado a Marte.Está(ão) correta(s)a) apenas I. Porque a sujeira nascia da indigência. TEXTO PARA A PRÓXIMA QUESTÃO (Puccamp 99) Ação à distância. (32) O mongolismo é um exemplo de doença hereditária. Doença pode ser definida como um desequilíbrio do organismo ou ausência de bem-estar físico e mental.

em Goiânia. antropologia e à pesquisa acadêmica em diversas áreas do conhecimento. dois nasceram cegos. (Adaptado de Umberto Eco. vida mais longa. A um ritmo de STRESS.IV . onde foi abandonada uma cápsula contendo pó de Césio-137 e que foi aberta por pessoas desavisadas. (16) Os genes que condicionam o "xeroderma pigmentosum" são característicos de células epidérmicas. No texto.a) Apenas I e II. Um canil.d) Apenas III. que parecem resultar da morte prematura de células nervosas. Observou-se. O temor da população em relação aos radioisótopos relaciona-se à capacidade desses elementos produzirem mutações nos seres vivos.e) I. condição genética autossômica recessiva. descoberta. tempo. III. (02) A falha em mecanismos celulares que preservam a fidelidade da mensagem genética predispõe ao câncer. esse fato pode ser explicado porque houve: (01) Heterose.quer mais perder. 1993). hidrologia. entretanto. crítica. Alguns desses pacientes também desenvolvem anormalidades neurológicas.As células humanas estão adaptadas a receber energia com os comprimentos de onda do Césio-137.c) Apenas II e III. Estudos genéticos. indústria. dos oito cãezinhos. 25 anos. em células epidérmicas.Considere as seguintes afirmativas:I . indignação. alcançando um número razoável de células e estabelecendo uma rede de vasos sangüíneos que passa a alimentá-las. que.O comportamento celular descrito na última frase do texto é chamado metástase.b) geram as adaptações.. apesar de temidos pela população que os associa a acidentes nucleares e danos ambientais. Nosso século é o do enfarte.II . devolveram essa energia para o ambiente. (08) A morte prematura de células nervosas resulta dos efeitos do acúmulo de lesões na molécula de DNA. exercem importante papel na sociedade atual. seja por atuarem como traçadores radioativos. tudo em altíssima velocidade. escolheu dois irmãos de uma ninhada e os cruzou. deram-se as seguintes explicações:I . que permitem a sobrevivência das espécies. Soma ( ) TEXTO PARA A PRÓXIMA QUESTÃO (Puccamp 2004) Os radioisótopos. determinado assim uma acentuada queda na sobrevida do indivíduo. p. tais como radiações solares e agrotóxicos. Rápida Utopia. São hoje praticamente indispensáveis à medicina. (GARDNER.As células reagiram e. (64) A precisão dos sistemas de reparo do DNA inviabiliza o processo evolutivo. crime. o autor menciona que não conseguimos eliminar os resíduos radioativos do ambiente. II e IIIe) II. principalmente na face.Dessas explicações. fixando aleatoriamente alguns genes. escreva no espaço apropriado a soma dos itens corretos.Para tais conseqüências.A inativação dos oncogenes é uma das condições essenciais para que as células citadas no texto se multipliquem desordenadamente. ou como fontes de radiações. Desse cruzamento resultaram oito filhotes que. São Paulo. estão corretas SOMENTEa) I e IIb) I e IIIc) II e IVd) I. apresentam.d) são responsáveis por extinções em massa.. se algumas células mutantes se tornam invulneráveis elas podem se multiplicar. em células de organismos afetados. VEJA. esquecimento. 307-8 .II . especializado na criação de dálmatas. (02) Efeito genético da consangüinidade. No entanto. (04) A condição genética dos indivíduos com "xeroderma pigmentosum" é determinada pela exposição à radiação ultravioleta. informação.c) permitem a origem de novas espécies cada vez melhor adaptadas. espera-se que aquelas produzidas com defeitos sejam destruídas pelo sistema imunológico. 6. (04) Herança ligada ao cromossomo sexual. Indivíduos portadores da doença "xeroderma pigmentosum". Espaço. soma = ( ) 9. (32) A ocorrência de alterações em células nervosas e em células epidérmicas pode estar relacionada à sua origem embriológica comum. apresentaram as mesmas características dos pais.III . sob a forma de calor. TEXTO PARA A PRÓXIMA QUESTÃO (Ufpr 95) Na(s) questão(ões) a seguir.Agentes ambientais. (08) Segregação monogênica dominante. podem provocar alterações genéticas nas células. resultando em alta freqüência de câncer de pele. as mutações ocorrem naturalmente e têm uma grande importância evolutiva porquea) geram a variabilidade sobre a qual a seleção natural pode agir. No entanto. engenharia.III .A energia provocou alterações nos compostos químicos das células. 7. (32) Semiletalidade. morte. absolvição. À luz dos conhecimentos de genética.Assinale a opção que contém a(s) afirmativa(s) verdadeira(s). arrependimento. (Ufes 2000) Quando as células do corpo humano se multiplicam. reduzindo o vigor da ninhada. castigo. 5. (16) Deriva genética. . Reflexões para o futuro. nascimento. II. efeitos nocivos que podem surgir devido a genótipos recessivos produzidos através do cruzamento entre indivíduos aparentados. como a dos trilobitas.adaptação) Uma análise da situação apresentada anteriormente permite afirmar: (01) Agentes mutagênicos incluem fatores físicos que alteram a estrutura da molécula de DNA. na sua maioria. que sofreram graves danos em conseqüência desse ato. 8. tornando-as invulneráveis à ação do sistema imunológico. extrema sensibilidade à luz solar. Um exemplo ocorreu em 1987.As emissões radioativas introduziram energia nas células. III e IV TEXTO PARA A PRÓXIMA QUESTÃO (Ufba 96) Na(s) questão(ões) a seguir escreva nos parênteses a soma dos itens corretos. o qual pode ser determinado pela perda da inibição por contato nas células. Eis porque nosso século foi o da angústia e da utopia de curá-la. Após essa fase várias dessas células podem cair na corrente sangüínea e invadir outros órgãos. ou seja. revelam a existência de defeitos no sistema enzimático responsável pelo reparo de moléculas de DNA danificadas pela exposição a agentes mutagênicos.e) são o único processo evolutivo agindo atualmente no homem.b) Apenas I e III.

de um organismo com 2n=6 cromossomos. pois estes também não podem ser vistos. (Ufc 99) Uma mulher com a idade de 40 anos está grávida do primeiro filho. b) A mutação gênica é considerada um dos principais fatores evolutivos. XO. como serão as células resultantes de um processo de divisão com essa alteração? c) Dê um exemplo de anomalia que seja causada por este tipo de alteração na espécie humana. com o sistema XX/XY de determinação sexual.) a) Apresente três evidências que apóiam a teoria da evolução biológica. A cariotipagem pré-natal é o exame mais indicado para esclarecer estas dúvidas na fase uterina. 13.Klinefelterc) masculino . Em gatos domésticos. (Adaptado da "ISTO É". a pelagem de cor preta (dominante) e amarela (recessiva) são determinadas por alelos de um gene localizado no cromossomo X. A constituição cromossômica desses gatos é a) 37. um dos cromossomos X é inativado aleatoriamente em todas as células do organismo.Downd) feminino . 12. então não poderemos acreditar na existência dos átomos. Alguns cientistas defendem a teoria da evolução argumentando que. YO. O cariótipo é de um indivíduo do sexo com síndrome de __________. entre outras razões. b) Que tipo de alteração aparece em uma das figuras? Em relação ao cromossomos. No desenvolvimento embrionário de fêmeas. Ela sabe que.Turnere) masculino . e) 39.Turner 11. XX. devido à sua idade. 25/08/1999. XXX. que ninguém estava presente quando a vida surgiu na Terra.10. esquematizadas a seguir e responda: a) Que fases estão representadas na figura A e na B? Justifique. Por quê? .Klinefelterb) masculino . 14. d) 39. Um geneticista colocou um anúncio oferecendo recompensa por gatos machos manchados de amarelo e preto. cujo número normal de cromossomos é 2n=46. o bebê tem maior probabilidade de ser portador de alguma anomalia cromossômica.a) feminino . se é necessário "ver para crer". b) 37. XXY. (Pucrs 2001) Responder à questão com base no cariótipo (conjunto de cromossomas) humano representado abaixo. (Unicamp 94) Considere as duas fases da meiose. c) 38. (Unicamp 2001) Desde 1995 alguns estados norte-americanos estão excluindo o ensino da teoria de evolução biológica dos seus currículos escolares alegando. Pergunta-se: a) Em que consiste este exame? b) Que exemplos de anomalias cromossômicas podem ser detectadas através deste exame (cite dois exemplos). (Unifesp 2006) Os gatos possuem 38 cromossomos. Fêmeas heterozigóticas para cor da pelagem são manchadas de amarelo e preto.

b) CITE o nome da estrutura indicada pela seta e JUSTIFIQUE a existência da estrutura nessa célula. resultante de mutação no gene que codifica PX. (Ufmg 94) Esta figura representa uma célula humana na qual uma estrutura está indicada pela seta. com base na forma da proteína presente nos grupos de animais I. d) DENOMINE a síndrome que designa o indivíduo cujo sexo é compatível com a presença da estrutura indicada. resultante de mutação no gene que codifica P. teremos:a) sexo masculino. mas não a possui.15. . Responda: a) Quantos cromossomos X tem esta mulher? b) Se ela se casar com um homem normal. revelou a existência de duas cromatinas sexuais em todos eles.e) estatura elevada. A ocorrência dessas mutações pôde ser localizada nos pontos indicados pelos retângulos escuros na árvore filogenética. fenotipicamente normal. presente em praticamente todos os animais. ocorre em três formas diferentes: a forma P. IV e V. (Unesp 93) A análise dos núcleos interfásicos de células da mucosa oral de uma mulher. Com base na figura e em conhecimento sobre o assunto. (Fuvest 2006) Um determinado tipo de proteína. c) Utilizando a letra A para designar um conjunto de autossomos e as letras convencionalmente usadas para representar os cromossomos sexuais. 17. Indique a alternativa que mostra as proteínas encontradas nos grupos de animais I a V. e a forma PY. II. a) CITE o nome da célula representada e sua principal função.b) caracteres sexuais desenvolvidos. qual a probabilidade de ter uma filha com constituição cromossômica igual à sua? 18. 16.d) ausência de cromatina sexual. III. (G2) O esquema a seguir mostra a formação dos gametas responsáveis pela produção de um indivíduo com alteração do seu número cromossomial. Entre as características que esse indivíduo passará a apresentar.c) cariótipo normal. CITE o número cromossômico dessa célula caso ela pertença a um indivíduo normal e um indivíduo cujo sexo não é compatível com a presença da estrutura indicada. a forma PX.

contudo um deles era menino e o outro menina. ACG.GTG . possa ser alterado em presença do Benzo[a]pireno.ACA .ARGININA . ao ver as cores preta e amarela do animal. d) um cromossomo X quando da divisão mitótica do zigoto.CAC ..CGT .CISTEÍNA . Essa pequena diferença é suficiente para determinar que uma pessoa portadora de hemoglobina S sofra de anemia falciforme. X ou Y. a) O que é e qual o tipo de aneuploidia que o gato de José apresenta? b) Qual a explicação dada pelo veterinário relacionando a anomalia com as cores do animal? 21. (Ufrj 95) Na espécie humana há dois tipos de hemoglobina. 25.CTU .TGT .GUU. o polipeptídio sintetizado passou a apresentar duas argininas. GUG. serão anômalas? Justifique sua resposta. Tal fato deve-se à perda de a) um cromossomo X na gametogênese da mãe das crianças.GGAd) UAU .GGUb) TUT . Os códons de RNA-m que codificam esses aminoácidos são: valina . Considere que o RNA mensageiro seja formado a partir das trincas mostradas no esquema da figura 1 a seguir. ACA prolina . Hemoglobina S: .. b) um cromossomo Y na gametogênese do pai das crianças. O Benzo[a]pireno.valina-histidina-leucina-treonina-prolina-x. Indique as alterações que ocorrerão na síntese da proteína X quando a mutação for localizada nos diferentes sítios. A análise cromossômica dos gêmeos indicou que o menino era normal.CGU . porém a menina era portadora da síndrome de Turner.GGUc) CGT . (Fuvest-gv 94) A composição química de uma proteína pode ser alterada sea) durante sua síntese houver variação dos tipos de aminoácidos disponíveis no citoplasma.c) sua síntese ocorrer no retículo endoplasmático liso e não no rugoso. (Puccamp 99) Considere o seguinte segmento de uma cadeia de DNA e o polipeptídio sintetizado a partir dele: ATA . GUC. CCG.HISTIDINA .CCTTIROSINA .CCU. um dos principais agentes carcinogênicos presentes na fumaça do cigarro. (Fgv 2005) O médico confirmou que se tratava de gêmeos monozigóticos. c) um cromossomo sexual.valina-histidina-leucina-treonina-prolina-ácido glutâmico. 20.CGT . b) Por que podem ocorrer alterações nas proteínas quando o gene sofre mutação? c) Em que situação uma mutação não altera a molécula protéica? ..GCA . e o malhado apresenta os dois genes (A e P). que diferem apenas em um aminoácido: Hemoglobina A: .TGT .CAC .GGA 22.TGC TGC .GAG. José procurou um veterinário que. b) Todas as células.TTAe) UAU .CAU..UUG. (Unicamp 98) O metabolismo celular é controlado por uma série de reações em que estão envolvidas inúmeras proteínas. justificando cada resposta com a utilização do código genético da figura 2: 23.CTU . As cores nos gatos domésticos são determinadas por um gene A (cor amarela) e outro gene P (cor preta). no lugar do ácido glutâmico? Justifique sua resposta. ACC.CGC .d) uma base púrica substituir uma pirimídica no RNA mensageiro que a codifica.CAC ..19. O hábito de fumar expõe os fumantes a substâncias com atividade carcinogênica..CGT . CCC. tem a capacidade de promover mutações no DNA levando a mudança da base Guanina para Timina.. na hemoglobina S. GUA histidina . a) Explique a relação que existe entre gene e proteína. imediatamente fez o seguinte diagnóstico: trata-se de um caso de aneuploidia de cromossomos sexuais. Suponha que um trecho da fita molde de DNA do gene X. Um de seus gatos apresenta hipoplasia testicular (testículos atrofiados) e é totalmente estéril. na gametogênese do pai ou da mãe das crianças.b) durante sua síntese houver variação dos tipos de RNA transportadores. em um dos dois sítios indicados na figura 1. (Uff 2004) O fumo está relacionado ao aumento de risco para o câncer de pulmão. a partir da célula que sofre a mutação. CCA ácido glutâmico . levando a mudanças no ciclo de vida da célula. (Unesp 2003) José é uma pessoa muito interessada na criação de gatos.GLICINAApós a substituição de uma única base nitrogenada no segmento de DNA. GAA A mutação pode ocorrer no ADN como mostra o esquema a seguir: a) Qual é o aminoácido que aparece.ACU.CGU .e) O DNA não se duplicar durante a interfase. ambos ligados ao sexo. Uma mutação gênica pode determinar a alteração ou a ausência de algumas dessas proteínas. e) um cromossomo Y quando da divisão mitótica do zigoto. CAC leucina .A seqüência de trincas no RNA mensageiro que pode ter codificado esse polipeptídio alterado éa) CUC . representado a seguir. UUA treonina .. 24. conhecidas como hemoglobinas A e S.

a) 2n = 7b) 2n = 10c) 3n = 7d) 3n = 10e) 4n = 14 32. (G2) A constituição genética dos indivíduos com síndrome de Klinefelter é:a) 45A XXb) 44A XYYc) 44A XXYd) 45A XOe) 47A XXY 29. sendo fecundados.26. mau desenvolvimento dos caracteres sexuais secundários. Assinale a opção que relaciona o nível de ploidia e o número de cromossomos da descendência. 3 e 4 se originaram da espécie 1.a) 2n = 7b) 2n = 14c) 3n = 14d) 3n = 10e) 4n = 14 33. a) Quantos nucleotídeos são necessários para codificar a seqüência de aminoácidos nas espécies 1 e 2? Justifique. (G2) Se na ovulogênese. produz alguns grãos de pólen que foram utilizados para fecundar óvulos da espécie B. poderão dar origem a casos dea) síndrome de Turnerb) síndrome de Klinefelterc) síndrome de Downd) síndrome de Pataue) a e b são possíveis 31. c) Considerando que as espécies 2. Assinale a opção que relaciona o nível de ploidia e o número de cromossomos da descendência. produz alguns grãos de pólen que foram utilizados para fecundar óvulos da espécie B. os óvulos correspondentes. (G2) Duas espécies de plantas A(2n = 8) e B(2n = 10) foram cruzadas produzindo um híbrido interespecífico que. (G2) A figura a seguir representa uma sinapse (pareamento) anormal observado quando ocorre a mutação cromossômica estrutural denominada:a) inversão pericêntricab) translocaçãoc) duplicaçãod) deleçãoe) isocromossomos 34. germinando. não houver disjunção do par de cromossomos sexuais. (G2) Monossomia do cromossomo X. b) Pode-se dizer que seqüências idênticas de aminoácidos são sempre codificadas por seqüências idênticas de nucleotídeos? Justifique. (G2) A figura a seguir representa uma sinapse (pareamento) anormal observado quando ocorre a mutação cromossômica estrutural denominada:a) inversão pericêntricab) translocaçãoc) duplicaçãod) deleçãoe) isocromossomos . (G2) A síndrome de Down ou mongolismo é uma anomalia causada por:a) uma mutação gênicab) uma deficiência cromossômicac) uma diminuição do número de cromossomos no genomad) um aumento do número de cromossomos do genomae) uma inversão cromossômica 30. em quatro espécies próximas. Cada letra representa um aminoácido. (Unicamp 2000) Abaixo estão esquematizadas as seqüências de aminoácidos de um trecho de uma proteína homóloga. entre outros. que tipo de mutação originou cada seqüência? 27. germinando. (G2) Duas espécies de plantas A(2n = 8) e B(2n = 6) foram cruzadas produzindo um híbrido interespecífico que. baixa estatura são. dados que podem ser relacionados com a síndrome:a) de Marfanb) de Klinefelterc) de Downd) de Turnere) de Patau 28. ovários rudimentares.

mais vantajosos economicamente.b) haploidia. (Ufsc 96) Numa dada espécie. (Cesgranrio 93) O esquema a seguir representa a formação dos gametas responsáveis pela produção de um indivíduo com alteração do seu número cromossomial. por esse motivo. tais como: presença de um cromossomo 21 a mais. leia as afirmações a seguir. (Unitau 95) As alterações do número de cromossomos.d) 130 .e) 130 . inversão pericêntrica. Na tabela a seguir são dados cinco casos cuja veracidade você deverá analisar. Qual o número de cromossomos que deve ser encontrado em um espermatozóide normal nessa espécie? 42.e) a I. ocorrem casualmente na natureza. 47 cromossomos.Ocorrem em células sexuais e somáticas. Esses vegetais podem ser reproduzidos pelo homem. de a) haploidia.130.e) Klinefelter. dando origem a indivíduos adultos.e) monossomia. .b) 65 . inversão paracêntrica. temos exemplos.b) inversão cromossômica. Turner e Down.c) 70 . Como exemplo.e) translocação cromossômica. teremos:a) sexo masculino. b) E é possível pela via da reprodução assexuada? Justifique sua resposta. Assinale nos parênteses V se for verdadeira ou F se a afirmação for falsa.c) somente a I e a III. translocação.d) monossomia. resultante do cruzamento entre duas espécies. 43. Turner e Klinefelter.c) estatura elevada.b) cariótipo normal. inversão pericêntrica. III e IV.I .35. translocação.Podem alterar o número. Suponha que os zigotos podem crescer normalmente.III . em I.c) Turner. 65. artificialmente. 60. 37. translocação. (Ufes 96) Na figura a seguir. sendo dois X e um Y e 45 cromossomos. inversão paracêntrica.e) ausência de cromatina sexual. (Fuvest 95) Suponha que o seguinte processo ocorre em uma comunidade onde convivem diferentes espécies de gramínea:Qual das alternativas a seguir indica corretamente o valor de 2N dos híbridos III e IV do processo esquematizado? III IVa) 65 . simplificadamente. que induz àa) haploidia. Turner e Klinefelter.d) caracteres sexuais desenvolvidos. (Unirio 95) A respeito das mutações. um indivíduo trissômico apresenta um cariótipo contendo 97 cromossomos. inversão paracêntrica. usando técnicas de melhorando genético. 65.II . (Ufrj 95) O esquema a seguir mostra.c) monossomia. 39. Klinefelter e Turner.d) Down.b) somente a I e a II. tendo apenas um X. (Ufes 96) Vegetais maiores. a) É possível a reprodução dos zigotos pela via da reprodução sexuada? Justifique sua resposta. Entre as características que este indivíduo passará a apresentar.Ocorrem para adaptar o indivíduo ao ambiente. 40. respectivamente.d) recombinação gênica. translocação.A(s) afirmação(ões) correta(s) é(são):a) somente a II. a formação de um zigoto híbrido. mais vigorosos e. podemos citar o uso da Colchicina. Em II. a II e a III. determinam. temos uma célula diplóide 2n = 6 cromossomos. respectivamente. Down e Morgan. 36. 130.c) poliploidia. translocação. as síndromes de:a) Down. 38.b) Morgan. 41. (Ufpe 96) Muitas aberrações cromossômicas humanas se manifestam como síndromes bem definidas e de fácil constatação pela análise do cariótipo. a forma e o tamanho dos cromossomos.d) somente a II e a III.

ZWb) 20. (3) As aberrações cromossômicas numéricas causam grandes alterações no funcionamento celular. J.b) daltonismo. (Ufrs 96) Uma pesquisadora analisou células da mucosa bucal de frentistas de postos de gasolina.b) substituição. (Cesgranrio 91) Por razões pouco conhecidas.e) Síndrome de Klinefelter.b) monossomia e poliploidia. (1) As fibras do fuso acromático são importância fundamental para as migrações cromossômicas características da anáfase. e já fora tão bom.c) deleção." (ROSA. miúdo e resignado. e ao processo de origem da mula. ZWWd) 19. Conceição do Serro. (2) Os erros na distribuição de cromossomos que levam às aneuploidias são freqüentes no processo de meiose e raros nas mitoses.c) hemofilia. ZZW 49. vindo de Passa-Tempo.d) Síndrome de Turner.b) Tem características morfológicas idênticas às de um dos pais. 45.d) presença de um cromossomo Y e dois cromossomos X.c) nulissomia e trissomia. podemos supor que se originaram a partir dea) translocação. causadas por não-disjunções cromossômicas. (Pucmg 97) O número de cromossomos de uma espécie é 2n=20. Em relação a esses três animais. Chamava-se Sete-de-Ouros.b) ausência de um cromossomo autossômico nŽ 21. respectivamente. (Puccamp 94) Num dado organismo.d) nulissomia e poliploidia. durante a meiose pode ocorrer a não-disjunção de um determinado par de cromossomas. ou não sei onde no sertão. (Udesc 97) A mula é um animal oriundo do cruzamento da égua (2n=64) e do burro (2n=62). são exemplo de trissomia e de monossomia. 51.c) presença de um cromossomo X e dois cromossomos Y. produzindo doenças graves e até mesmo a morte. como outro não existiu e nem pode haver igual.d) deslocação. O sistema de determinação do sexo é do tipo ZW.)Todas as alternativas apresentam características biológicas do burrinho referido nesse texto. ZOe) 21.d) Produz gametas inviáveis. do tipoa) monossomia e trissomia.e) bipartição. ZZc) 30. foram encontradas células somáticas normais com seis cromossomos (I) e células aberrantes (II e III) cujos cariótipos estão esquematizados a seguir. A respeito desse tema. 50.44. EXPLIQUE os motivos que levam a tal esterilidade.Quanto a esses micronúcleos. (4) As síndromes de Down e de Turner. (Unb 98) A figura abaixo esquematiza a não-disjunção cromossômica. 47. julgue os itens abaixo.e) ausência de cromossomos sexuais. O cariótipo que representa uma euploidia é:a) 20.c) É um típico exemplo de animal híbrido. RESPONDA: a) Qual o número de cromossomos encontrado nas células sexuais normais da égua e do burro? b) Qual o número de cromossomos encontrado nas células somáticas da mula? Como essas células se originam? c) Apesar de a mula apresentar uma alta capacidade de realizar trabalho. 46. "Sagarana". além do núcleo.e) nulissomia e monossomia. 48.Guimarães. As aberrações cromossômicas dos cariótipos II e III são. ela é estéril. . (Ufmg 99) "Era um burrinho pedrês. apresentavam micronúcleos originados em cromossomos defeituosos. Como exemplo de anomalia cromossomial autossômica temos:a) mongolismo. (Fatec 92) A síndrome de Klinefelter é uma anomalia genética devido à:a) presença de três cromossomos autossômicos nŽ 21. Foram encontradas muitas células que. EXCETOa) É resultante do cruzamento de égua com jumento. acarretando anomalias cromossomiais.

Sendo casada com um homem cromossomicamente normal.b) mutação de um gene do cromossomo X. em esquema. Considerando a ocorrência de tal não-disjunção.daltonismo e hemofilia são alterações gênicas e não cromossômicas. "CIÊNCIA HOJE".d) 25% dos descendentes cromossomicamente normais e 75% cromossomicamente anormais.c) triplóide.III. a) Em quais momentos ela pode ocorrer? b) Utilize os contornos a seguir para representar uma das duas possibilidades.III .XY. (Ufrrj 99) Tendo um homem ingerido uma substância que causa erros na divisão meiótica da gametogênese.e) 75% dos descendentes cromossomicamente normais e 25% cromossomicamente anormais.I.c) 50% dos descendentes cromossomicamente normais e 50% cromossomicamente anormais. O esquema a seguir apresenta quatro eventos da divisão celular.e) falta de um cromossomo X.e) II e III. com a indicação do número de cromossomos autossômicos (A) e dos tipos de cromossomos sexuais (X e Y). Que tipos de anomalias cromossômicas poderão ser formadas se esses espermatozóides fecundarem ovócitos normais? Justifique.. analise as afirmações abaixo:I . presentes em cada uma delas. Entretanto.d) haplóide. 57. foram feitas as afirmações seguintes. (Unesp 2002) Os quadrados a seguir representam. a não disjunção do cromossomo X e a geração de espermatozóides defeituosos. 26Os casos de aneuploidias citados no texto incluìam daltonismo e hemofilia. 59. responda. (Uel 99) Na espécie humana. essa mulher terá chance de apresentara) apenas descendentes cromossomicamente normais. 55.c) existência de um autossomo extra. (Unifesp 2002) A Síndrome de Down caracteriza-se pela presença de um cromossomo 21 a mais nas células dos indivíduos afetados. comenta em um dos seus artigos:". Em relação a estes indivíduos. apenas. numerados de 1 a 6. e às células representadas. (Uerj 99) Pela análise dos cromossomas. podem-se perceber erro conceitual grave.II.Estão corretas as afirmações:a) I. Os indivíduos 3. apenas. Rev.c) I e II. indicando na lacuna pontilhada qual delas foi escolhida para ser representada.o livro confunde herança ligada ao sexo com . células de seis indivíduos. um indivíduo anormal foi identificado na população e seu cariótipo foi representado pela seguinte forma: Considerando-se os dados anteriores. preconceito e tautologia em uma única linha. Os eventos possíveis da meiose que levam à síndrome de Down são os de número:a) 1 e 4b) 1 e 3c) 2 e 3d) 2 e 4 53. é possível detectar a anomalia que caracteriza a síndrome de Down. os machos normais apresentam complemento cromossômico igual a 2n=6.e) monossômico. pode-se afirmar que o indivíduo é:a) trissômico. (Ufrrj 2001) FALHAS NO ENSINO DE CIÊNCIAS"ERROS EM LIVROS DIDÁTICOS AINDA PERSISTEM EM ESCOLAS DE MINAS E SÃO PAULO" Nélio BizzoO autor. Abril 2000: nŽ 159.d) existência de um cromossomo X extra. apenas. Nélio." BIZZO.52. 56. A célula do indivíduo 2 pode ser igual a de um gameta do indivíduo 1.II tanto o homem quanto a mulher podem ser portadores de aneuploidias. observou-se. mas apresenta a doença quando afetado. neste indivíduo. como por exemplo: explique por que o homem não é portador de aneuploidias. Em função do comentário do professor.b) II. p.d) I e III. (Ufv 99) Em uma certa espécie de animal selvagem. O indivíduo 4 pode ser do sexo masculino ou do sexo feminino. apenas. 58.b) apenas descendentes cromossomicamente anormais. 5 e 6 são normais e pertencem à espécie humana. apenas. (Pucsp 2001) Uma mulher triplo-X é fértil e produz óvulos normais e óvulos com dois cromossomos X.b) poliplóide. a anomalia conhecida como síndrome de Down ou mongolismo deve-se àa) mutação de um gene autossômico.. 54. em alguns casos. Esse problema pode ser decorrente da não-disjunção do cromossomo 21 em dois momentos durante a formação dos gametas. professor da Faculdade de Educação da USP.

ou por análise do DNA. representa-se esquematicamente uma alteração estrutural de um cromossomo que serve de exemplo para o fenômeno denominadoa) duplicação. (Pucmg 99) O daltonismo é um caráter ligado ao sexo na espécie humana.b) Células presentes no líquido podem ser utilizadas para a determinação de anomalias cromossômicas. A seguir estão representados os cariótipos de cinco indivíduos que apresentam uma anomalia cromossômica numérica.aneuploidias. Nesse líquido são encontradas proteínas e células que se soltam da pele do feto e dos revestimentos das vias gastrointestinais.a) O líquido amniótico funciona como amortecedor de choques mecânicos e propicia um ambiente adequado para o desenvolvimento do feto. além de serem todos daltônicos. EXCETO:a) O gameta com um cromossomo a mais que deu origem ao indivíduo I foi produzido por não-disjunção na segunda divisão meiótica da gametogênese masculina.c) translocação.d) Se o pai do indivíduo IV não for daltônico. ( ) afeta indivíduos que têm um autossoma extra. 61. como o da rubéola. 63. a não-disjunção que resultou na anomalia ocorreu na gametogênese feminina. para as quais é maior o risco de terem filhos com Síndrome de Down. (Ufpe 2000) Na Síndrome de Down.b) Ao pai do indivíduo II é obrigatoriamente daltônico. (Ufal 99) Considere o cromossomo a seguir esquematizado.c) O processo pode ser indicado para gestantes com idade avançada. A técnica consiste na remoção de uma pequena quantidade de líquido amniótico (que banha o feto durante o desenvolvimento embrionário) para análise. Todas as afirmações a seguir referentes aos indivíduos representados são verdadeiras.c) Se o pai do indivíduo III não for daltônico. Com base em seus conhecimentos e no texto acima.e) A mãe do indivíduo V pode ou não ser daltônica.b) fecundação de um gameta feminino diplóide por um gameta masculino haplóide.c) senilidade dos ovócitos em mulheres com idade a partir dos 35 anos. ou um segmento do cromossomo 21. não levando à aneuploidia em seus filhos. utilizado para diagnóstico pré-natal de doenças genéticas. ( ) os portadores têm uma cópia extra do cromossomo 21. ( ) nos homens.d) transdução. a não-disjunção que resultou na anomalia ocorreu na gametogênese feminina. 62.d) fato de as células autossômicas dos portadores terem 46 cromossomos.d) A cariotipagem pode ainda ser utilizada para a detecção de erros inatos do metabolismo como. isto é. Sobre o processo acima descrito são feitas várias afirmações. 60. (Pucrs 99) Acima. uma aneuploidia autossômica. o fenômeno ocorre quando os cromossomos não se separam durante a primeira divisão meiótica.d) I. também conhecida como trissomia 21: ( ) a causa é a não-disjunção. e a não-disjunção que resultou na anomalia pode ter acontecido na gametogênese feminina. a hemofilia. ( ) o longo período de intervalo entre o início da meiose do tecido ovariano (durante o desenvolvimento fetal) e seu término (na ovulação) é a mais provável razão para a incidência aumentada em mães mais idosas. Essas culturas podem ser analisadas citologicamente.e) inversão. apontam para possibilidade de más formações congênitas na criança. 65. por exemplo. Assinale a alternativa que representa esse cromossomo após um rearranjo do tipo inversão. caracteriza-se pela trissomia do cromossomo 21 e decorre do(a)a) erro de disjunção do cromossomo 21 durante a formação dos gametas.b) deleção. assinale a alternativa que apresenta um ERRO conceitual ou processual.Pode-se afirmar quea) I e II estão corretas.c) II e III estão corretas. a produção de espermatozóide ocorre durante todos os anos reprodutivos. translocado para outro cromossomo. 64. II e III estão corretas. (Pucmg 99) A figura a seguir ilustra o processo denominado AMNIOCENTESE. As células imersas no líquido podem ser coletadas por centrifugação e utilizadas para estabelecer culturas de amniócitos. . respiratórias e genito-urinárias. por conseguinte.b) I e III estão corretas. (Ufrn 2000) A Síndrome de Down.e) A presença de alguns vírus. não existindo não-disjunção e.e) I está correta.

A que se deve esse fato?a) Ao cromossomo X ser um dos menores cromossomos do conjunto haplóideb) Ao cromossomo X ser basicamente formado por heterocromatina com poucos genes estruturaisc) Ao cromossomo X não ter uma pequena parte homóloga ao cromossomo Y. às vezes. (G2) A estrutura química de uma proteína poderá ser modificada sea) durante sua síntese houver variação dos tipos de aminoácidos disponíveis no citoplasma celular. G. Pessoas com síndrome de Klinefelter possuem 47 cromossomos. SP. I. (Puccamp 2002) Observe o cariótipo a seguir. 2002. 70. (G2) A mutação gênica. 46 cromossomos. (Unicamp 93) Em um segmento de DNA que codifica determinada proteína.b) com síndrome de Down. Mutações podem ocorrer espontaneamente ou serem induzidas. .c) a ocorrência do fenótipo mutante é resultado de um cromossomo extra. "descontrole dos mecanismos de divisão celular" e "câncer". entre os quais.d) a fecundação de um óvulo X por um espermatozóide XY dá origem a um indivíduo Klinefelter. b) Dê exemplos de um agente de natureza física e de um agente de natureza biológica que podem aumentar a taxa de mutações gênicas. esterilidade e pescoço alado. b) um nucleotídeo é substituído por outro. R. nos organismos eucariontesa) constitui a principal fonte de variabilidade genética.e) com polidactilia. e que 30% das células apresentavam um cariótipo normal. 72.e) o DNA não se duplicar durante a intérfase. Sua análise permite afirmar que ele pode pertencer a uma mulhera) normal. por exibirem a trissomia do cromossomo 21. que é um dos menores cromossomos da espécie. (Ufrj 2006) Ao analisar o cariótipo de células obtidas de uma criança com síndrome de Down. a) Que relações podem ser estabelecidas entre as informações I e II? Inclua na sua resposta os conceitos de "mutação gênica".Com base nessas informações e outros conhecimentos sobre o assunto. é conhecida a trissomia do cromossomo 21 (síndrome de Down). "agentes mutagênicos".A afirmativa está CORRETA em:a) I. Esta Síndrome pode ser classificada como exemplo dea) Nulissomia. ou seja. sobreviver e morrer. obtido a partir de células diplóides de uma pessoa. (Unesp 2006) Analise as seguintes informações.e) Triploidia. (Ufu 2004) A ilustração adiante mostra o cariótipo de um indivíduo do sexo masculino com Síndrome de Down.b) durante sua síntese houver variação dos tipos de RNA transportadores.b) ocorre exclusivamente pela ação de agentes mutagênicos. Responda se o fenômeno da não-disjunção do par de cromossomos 21 ocorreu antes ou depois da formação do zigoto. II e III. Certo ou errado? Justifique. São Paulo: Moderna. (G2) A substituição de uma única base na molécula de DNA leva necessariamente à substituição de um aminoácido na proteína a ser sintetizada pela célula. Mutações constituem um fator causador de variabilidade. A renovação dos tecidos requer um controle complexo para coordenar o comportamento de células individuais e as necessidades do organismo como um todo. Um aumento significativo no número de casos de câncer na região tem sido associado à exposição dos moradores a essas substâncias. Em 2001 a indústria Shell do Brasil S.c) com síndrome de Klinefelter. com resíduos de Endrin. (Ufmg 2003) O número de cromossomos da espécie humana pode. como aquelas provocadas pelos raios X.c) sua síntese ocorrer no complexo de Golgi e não no retículo endoplasmático rugoso. Justifique sua resposta. 76. os cromossomos sexuais são representados por XXY. manter uma especialização característica apropriada e ocupar o lugar apropriado. o que evita a permuta gênica entre elesd) Aos cromossomos X menos um serem inativados ainda na fase do desenvolvimento embrionárioe) Ao cromossomo X ser o cromossomo com maior quantidade de ADN repetitivo. (Pucmg 97) Leia as afirmativas a seguir:I. de modo que podemos esperar baixa variabilidade na sua população. (Unirio 2002) Na espécie humana. As células devem dividir-se e conter a divisão. com 47 cromossomos.e) origina somente combinações gênicas adaptativas.b) Monossomia. A situação "a". sem trissomia do 21. foi responsabilizada pela contaminação das áreas em torno de sua fábrica de agrotóxicos em Paulínia. 67.c) Trissomia. sempre de acordo com as necessidades do organismo. observou-se que 70% das células apresentavam 47 cromossomos.c) II e III apenas. 77. é INCORRETO afirmar quea) os pais de um indivíduo Klinefelter têm número normal de cromossomos nas células somáticas. é mais drástica que a situação "b". Adaptado de Amabis. 73.66. apresentar alterações.d) I apenas. aumentando assim a probabilidade de desenvolvimento de câncer.e) II apenas.b) I e II apenas.d) uma base púrica substituir uma pirimídica no RNA mensageiro que a codifica. o chamado ADN lixo 68. As cianofíceas reproduzem-se apenas assexuadamente. tetrassomia e até pentassomia desse cromossomo. 74. Explique por quê. 75.d) com daltonismo. a) Qual é a aneuploidia existente na Síndrome de Down? b) Quais são os mecanismos responsáveis pelo aparecimento desta aneuploidia? c) Qual é a relação existente entre idade materna e a Síndrome de Down? 71.II. II. Sabe-se que essas funções são geneticamente controladas.b) a presença de dois cromossomos X impede a manifestação do fenótipo masculino. "Biologia das células". (G2) Qualquer alteração no DNA pode modificar o funcionamento de uma célula? Justifique. considere duas situações: a) um nucleotídeo é suprimido.III. Diedrin e Aldrin. Em relação ao cromossomo sexual X são conhecidos casos de recém-nascidos do sexo feminino com trissomia.d) ocorre devido a alterações na molécula de DNA. J. 69.A. (Ufrs 2001) Mulheres com Síndrome de Turner caracterizam-se por apresentar baixa estatura. M e Martho. geralmente.d) Euploidia. 78.c) origina apenas seres recessivos.

pelo menos. Verificou-se que certos fungos mutantes só conseguem sintetizar arginina quando a ornitina é acrescentada ao meio de cultura. em uma população. em quaisquer das trincas indicadas. (Uerj 97) Recentemente. EXCETOa) A introdução de uma adenina (A) entre as trincas indicadas por 2 e 3 pode alterar toda a transcrição a partir desse ponto.e) Oscilação gênica. somente. fumo. os cientistas afirmaram que a imunidade está relacionada a uma mutação genética. 87. Dentre eles. cientistas confirmaram suas suspeitas de que existem pessoas imunes à AIDS. mutação. 83.c) seleção natural. a) Faça uma breve descrição de como o nefasto hábito de fumar está associado ao desenvolvimento de câncer de pulmão.d) I e II apenas. (Unesp 92) Vários são os processos que atuam na evolução.d) substituição das três primeiras bases nitrogenadas por outras. a respeito das mutações.b) recombinação gênica.A característica da mutação. 84.b) A mutação da 3 • base na trinca indicada por 9 pode traduzir um aminoácido diferente.c) Seleção natural. Indique o RNA mensageiro codificado pela seqüência de DNA mutada. Entretanto. o ser vivo reage sofrendo uma mutação gênica. o qual é reconhecido pelo anti-códon GCU.d) X ou no gene Y.c) substituição da quarta base nitrogenada por outra.Está(ão) correta(s)a) I apenasb) II apenas. o único que fornece material genético novo a um determinado conjunto gênico preexistente é a:a) mutação gênica. Os cientistas consideraram esse percentual muito elevado.d) Recombinação gênica.II . genes reguladores da divisão celular. pode resultar na troca do aminoácido respectivo na proteína. de forma relacionada. 90.Sempre que o ambiente se torna desfavorável. Esses fungos devem ter sofrido mutação no genea) X. (Uerj 2000) Durante o processo evolutivo. ocorre a seqüência de reações a seguir esquematizada que leva à síntese do aminoácido arginina.c) aumenta o número de alelos disponíveis em um locus. que permite que ela ocorra em grande número de indivíduos.e) X ou no gene Z.e) reprodução sexuada. é:a) impedir a multiplicação de determinado vírus no interior das célulasb) evitar a ação de agentes externos sobre os genesc) representar uma vantagem para a sobrevivênciad) ocorrer em resposta à necessidade de adaptação 85. b) Descreva o caminho da fumaça de um cigarro desde o meio externo até as células do corpo de uma barata. que passou de citidina a guanina. 88. Por quê? 80.III . por ter sido transmitida de geração em geração. somente.d) sempre é dominante e prejudicial ao organismo. (Puc-rio 2002) "A capacidade de errar ligeiramente é a verdadeira maravilha do DNA. apresentada por 3% dos pacientes estudados.d) A trinca indicada por 5 pode transcrever um códon CGA. 91.e) inclusão de mais três bases nitrogenadas no final da molécula.As mutações transmitidas às gerações futuras são aquelas que ocorrem em células germinativas. (Fuvest 2002) O quadro a seguir destaca dois conceitos biológicos: câncer e sistema respiratório de insetos. respectivamente. 82.c) III apenas. a sobrevivência dos indivíduos de uma determinada espécie depende da estabilidade genética. 81.e) A troca da primeira base. (Ufrn 99) Pode-se afirmar que a mutaçãoa) sempre ocorre para adaptar o indivíduo ao ambiente. 27 aminoácidos.As mutações ocorridas em células somáticas são de grande valor adaptativo para a perpetuação da espécie. . somente. (Ufpe 2002) Assinale a alternativa que indica o fator que conduz ao surgimento de variabilidade gênica nova. (Unirio 98) Uma bactéria sofre uma mutação pontual em uma região do seu DNA.Essa alteração na seqüência de DNA e a eliminação do indivíduo são fenômenos que podem ser explicados pela ocorrência. capaz de destruir um organismo. que era: TAC CTT ATA GATOcorreu uma mudança na terceira base. Todas as afirmativas são corretas quanto à seqüência.c) Z.b) supressão das três primeiras bases nitrogenadas. pode ocorrer uma alteração permanente numa seqüência de DNA.79. garantindo que em seu texto apareçam.I . A partir do estudo de um grupo de 1850 pessoas.c) A seqüência pertence a um DNA e pode codificar um polipeptídeo contendo. (Ufmg 94) Observe a seqüência de bases nitrogenadas.e) II e III apenas. (Cesgranrio 94) Considere um segmento de DNA com seqüência de bases indicadas a seguir:TTA TCG GGA CCG ATC ATC GTAA alteração mais drástica que esta molécula pode sofrer é a:a) supressão da segunda base nitrogenada. (Cesgranrio 97) Analise as afirmativas a seguir.a) Mutação. Sem esse atributo especial.b) Y. (Fuvest 91) Uma alteração no DNA pode modificar o funcionamento de uma célula.b) Fluxo gênico.d) reprodução assexuada.a) ATC GAA TAT CTAb) ATG GAA TAT CTAc) AUC UAU AAG GUAd) AUC GAA UAU CUAe) AUG G GAA UAU CUA 86. (Uel 99) Em certo fungo. de:a) especiação e ortogêneseb) mutação e seleção naturalc) oscilação genética e epigênesed) variação hereditária e isolamento ecológico 89. os seguintes conceitos: tumor. proliferação celular descontrolada.b) aumenta a freqüência de crossing-over.

treonina . As coisas são assim.Esse texto refere-se a uma característica dos seres vivos.). IV e V. É ela:a) seleção natural. II e III. Daniel C.seríamos ainda bactéria anaeróbia. independentemente do seu sistema reprodutivo.II.c) I.a) I. como representado na figura.). mas apenas causadas por fatores mutagênicos. (Org.Assinale a alternativa que contém todas as afirmações corretas.lisina . a única oportunidade para aprendermos algo relativamente novo.d) excreção. 2) mutação (modificação da seqüência de nucleotídeos de uma molécula de ADN).(Adaptado de DENNETT. e é mais difícil ainda aceitar o fato de que errar é também biológico" (Lewis Thomas. por não possuir sementes. uma adenina sofreu uma desaminação e transformou-se em hipoxantina (H). Considerando-se que.b) somente 2. de forma significativa. Somente as mutações ocorridas em células somáticas poderão produzir alterações transmitidas à sua descendência.alanina lisina . (Ufsm 2001) Em um determinado gene. Apenas as mutações que atingem as células germinativas da espécie humana podem ser transmitidas aos descendentes. CGG. Identifique qual(is) deste(s) fator(es) pode(m) contribuir para a variabilidade genética da laranja-da-baía.alanina .. (Ufrj 2003) A laranja-da-baía surgiu em 1810 e.e) mutação. a fita que será transcrita apresenta a seqüência de nucleotídeos TAA TGT CGA TTC e codifica. Atualmente. Há momentos em que é importante não cometer erro algum pergunte a qualquer cirurgião ou piloto de avião.b) I.b) isoleucina . e a música não existiria (. mas a idéia não nos agrada muito.alanina .Esses aminoácidos possuem mais de um códon de DNA.LISINA.isoleucina. 99.) os erros não são apenas oportunidades valiosas para aprendermos. Um alelo mutante determina casca de cor amarela. 2. e MATSON K. (Ufrj 2004) Após tratar culturas de bactérias com doses de um agente mutagênico capaz de induzir uma única mutação pontual (que afeta apenas um nucleotídeo por célula).ALANINA . base que normalmente emparelha-se com citosina (C). As mutações são fatores importantes na promoção da variabilidade genética e para a evolução das espécies. J. pode-se prever que a seqüência de aminoácidos da proteína seráa) isoleucina . apresentava casca com as duas cores. III e V. eles são.d) treonina . Um produtor de maçãs verificou que.IV. ou seja. ao invés de apresentar casca vermelha. Justifique sua resposta. (Puccamp 2002) O esquema a seguir mostra dois ciclos de replicação de moléculas de DNA. 3 e 4.isoleucina.e) II. Por ser uma variedade triplóide (3n) de laranja. 92. ed. tem sido propagada assexuadamente através de mudas e enxertia.d) II. "A medusa e a lesma". Explique como essa única mutação pontual pode fazer com que a síntese da proteína seja interrompida prematuramente. a mutação no par de bases indicado estará presente ema) somente 1.III.e) 1. III e IV. (Ufscar 2005) A coloração vermelha da casca da maçã é determinada geneticamente. TAG ou TATtreonina = TGA.e) lisina .. analisou-se a seqüência de aminoácidos de uma determinada proteína em diversos mutantes gerados.. das Letras. o que chamamos de fruto é um pseudofruto. foram apresentadas as cinco afirmações seguintes. TGG.d) somente 3 e 4. e 3) segregação independente (recombinação aleatória de cromossomos dos diferentes pares de homólogos). 1979). na maçã.isoleucina .Uma das conseqüências deste fenômeno está descrita na seguinte alternativa:a) limitação da diversidade biológicab) criação de novas variantes de seres vivosc) extinção de espécies nocivas ao ambiented) produção exclusiva de alterações benéficas 98. não produzindo gametas viáveis.)O processo que se relaciona com o conceito de evolução biológica apresentado pelo autor é:a) reparação das lesões gênicasb) indução de mutações programadasc) geração de organismos transgênicosd) alteração aleatória na estrutura do DNA 95. 94. RJ. espera-se que as árvores originadas das sementes dessa maçã produzam frutosa) todos de . TGC ou TGTalanina = CGA. In: BROCKMAN.c) somente 1 e 2. 1997. em uma determinada macieira. Sabe-se que a variabilidade genética de uma população depende dos seguintes fatores: 1) permutação cromossômica ou crossing-over (troca de fragmentos entre cromossomos de um mesmo par de homólogos).TREONINA .b) reprodução. No entanto (. CGC ou CGTlisina = TTT ou TTCSe ocorrer mutação e a nova seqüência de nucleotídeos for TAT TGT CGA TAA. sua meiose é anormal. 93. As mutações não podem ser espontâneas. Verificou-se que um desses mutantes produzia uma dada proteína que diferia da original pela ausência de 35 aminoácidos em uma das extremidades da cadeia peptídica. tais como agentes químicos e físicos. 97. Errar é humano. milhões de pés de laranja-da-baía estão espalhados em plantações no Brasil e nos Estados Unidos. 96. III e V. um dos frutos.V. no qual a parte comestível desenvolve-se a partir do receptáculo da flor. As mutações podem ocorrer tanto em células somáticas como em células germinativas.lisina.isoleucina = TAA. (. Nova Fronteira. Um par de bases nitrogenadas está identificado. (Uerj 2004) As mutações representam um importante mecanismo evolutivo para os organismos.) A evolução biológica se dá através de uma grande e inexorável seqüência de tentativas e erros ...treonina . (Uerj 2003) Cometer erros é a chave para o progresso.. São Paulo: Cia.I. Considerando as moléculas III.e sem os erros as tentativas não teriam levado a nada.c) lisina . dizemos.treonina alanina . Após a replicação da molécula I.treonina.c) excitabilidade.treonina. para a seqüência de aminoácidos. ISOLEUCINA . (Unesp 2003) A respeito das mutações gênicas.

d) IV e III. 103. envelhecimento precoce e câncer de pele.Após o experimento.b) produção de filhotes anormais. recentemente. visando diminuir os riscos dessa prática.é nunca esquecer o passado. Justifique a sua resposta. para o qual os abrigos antiincêndio foram inúteis". aponte dois motivos pelos quais essas populações humanas devem ser monitoradas ainda hoje. na hemoglobina.1 milhão de habitantes circulando em bem cuidadas ruas e avenidas. (Ufrj 2006) A anemia falciforme é uma doença que resulta da substituição de um aminoácido ácido glutâmico pela valina. Após sessenta anos da explosão da bomba atômica sobre as cidades de Hiroshima e Nagasaki. "Hiroshima.d) não é herdável. podemos esperar várias reações.e) III. Japão. uma vez que as radiações UV danificaram seu DNA. porque provoca alteração em células somáticas. Examinando a tabela do código genético a seguir. o indivíduo morre? Justifique sua resposta. Nesse tipo de mutação. Enviado especial Hiroshima. 100. Os principais agentes mutagênicos são as radiações ionizantes e os raios-ultravioleta. apenasc) 3.Está(ão) correta(s):a) 1.b) só herdará os tumores se tiver ocorrido dano em dois genes recessivos. fazendo com que o gene não funcione. de forma que o indivíduo passa a apresentar uma ou mais cópias do mesmo gene no mesmo cromossoma.b) todos de casca vermelha.c) I. as populações dessas cidades continuam a ser monitoradas. queimaduras. (Fgv 96) Atualmente são bem conhecidos os efeitos adversos à saúde humana. Japão "Shizuko Abe tinha 18 anos no dia 6 de agosto de 1945 e. Passear pelas ruas de Hiroshima hoje . ela havia abandonado os estudos para se dedicar ao esforço de guerra. como todos os jovens japoneses durante a Segunda Guerra Mundial. a utilização de câmaras de bronzeamento artificial. 105. 31 de julho de 2005 . Modificações hereditárias que ocorrem num locus específico são chamadas de mutações gênicas.c) só herdará os tumores se for do sexo masculino.b) II e III. (Ufpe 96) Analise as proposições:1. (Ufrs 2004) A ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) normalizou. além de replicar-se.Mutações gênicas podem ser causadas por poluentes ambientais o provocar alterações responsáveis pelo aparecimento de genótipos diferentes numa população. (Fuvest 97) Um surfista que se expunha muito ao sol sofreu danos em seu DNA em conseqüência de radiações UV. .c) morte em conseqüência da dose de radiação. a) Como a radiação está relacionada ao aumento na incidência de câncer? b) Como se explica que muitos dos efeitos da bomba atômica se manifestem nos descendentes dos sobreviventes? c) Por que algumas pessoas que foram viver nessas cidades tempos depois da explosão também foram afetadas? 107. 108. apenasd) 1.A alternativa que contém as afirmações corretas é:a) I e III. especialmente aqueles que possuem potencialidades mutagênicas ou carcinogênicas. que resulta sempre de segregação ou recombinação cromossômicas. podem causar mutações e doenças nas gerações futuras. porque a mutação resultante é recessiva. apenasb) 1 e 3. é possível identificar as alterações no RNA que formam o códon da valina na hemoglobina da anemia falciforme. As mutações do tipo substituição de base acarretam a alteração de vários aminoácidos nas proteínas.c) todos de casca bicolor.e) não herdará os tumores. porque provoca alteração do DNA. os monumentos às vítimas do terror atômico estão em todos os lugares".60 anos depois da tragédia que matou 140 mil pessoas e deixou cicatrizes eternas em outros 60 mil. apenas 102. elaa) só herdará os tumores se tiver ocorrido dano em um gene dominante. numa população de 400 mil . muito mais devastador e letal.IV . ninguém imaginava que Hiroshima seria o laboratório de outro tipo de bombardeio. (Cesgranrio 90) Uma experiência realizada com coelhos (linhagem pura selvagem) consistiu em submetê-los a uma descarga excessiva de raio-X. (Ufrj 96) Entre os diferentes tipos de processos que criam nova variabilidade genética. 2 e 3e) 2. indícios de câncer de pele.e) tornaram-se estéreis. Shizuko e seus colegas iniciavam a derrubada de parte das casas de madeira do centro de Hiroshima para tentar criar um cordão de isolamento antiincêndio no caso de um bombardeio incendiário aéreo. Dados mostram que a incidência do câncer nas duas cidades japonesas é muito alta.e) alguns de casca amarela. a) Qual a vantagem desse tipo de mutação no aparecimento de novas espécies? b) Se uma mutação gênica ocorre em um dos genes duplicados. (Unicamp 97) Os recentes testes nucleares e o cinqüentenários da explosão da bomba atômica em Hiroshima e Nagasaki em 1995 provocaram discussões sobre os efeitos da radiação no meio ambiente e nos seres humanos. Apesar de rica e moderna com seus 1. porque a mutação resultante é dominante. 106. Pode-se afirmar que esse tipo de câncera) é herdável. os quais.A mutação pode ser espontânea ou induzida por agentes físicos.d) tornaram-se albinos. (Ufrrj 2006) FIM DA 2• GUERRA MUNDIAL .casca amarela. 101. tem sua seqüência duplicada e acrescentada ao DNA. apresentou. pois houve dano no material genético. causados por diversos poluentes ambientais.III . Identifique as duas alterações nos códons do RNA que mais provavelmente explicariam a transformação de ácido glutâmico em valina."O GLOBO" Gilberto Scofield Jr. II e IV. Com base nos efeitos biológicos das radiações sobre os seres vivos. Uma mulher que se submeteu a dez sessões intercaladas de bronzeamento.e) é herdável.d) alguns de casca amarela e outros de casca vermelha. devido à sua interação com mecanismos genéticos.Mutações são modificações bruscas do material genético que podem ser transmitidas à prole (descendência ou células filhas).Mutação é toda alteração do material genético. o que resultou em pequenos tumores na pele. tais como lesões na retina. quatro meses depois. 104. Àquela altura. químicos ou biológicos com potencial mutagênico.BOMBA ATÔMICA SESSENTA ANOS DE TERROR NUCLEAR Destruídas por bombas.II .c) é herdável. Caso ele venha a ser pai de uma criança. Era um dia claro e quente de verão e às 8h. outros de casca vermelha e outros de casca bicolor. no Japão.Assinale as afirmações corretas:I .2. porque provoca alteração em células germinativas. Hiroshima e Nagasaki hoje lideram luta contra essas armas Domingo.3. EXCETO:a) produção de um filhote albino.d) herdará os tumores. um determinado gene.b) não é herdável. com duração de 15 a 30 minutos cada uma. a duplicação gênica é muito importante na criação de novidades evolutivas.

em seus cromossomos de número 21. os fragmentos são indicados por Kb (1Kb=1000 pares de bases nitrogenadas).400 Angstrons.600 Angstrons. 110. d) 2. Pelos resultados apresentados na figura pressupõe-se que a criança deve ser normal. Justifique sua resposta. amniocentese. pontos de quebra por enzimas especiais.500 Angstrons.109. c) 2. em que ocorreu o fenômeno de não separação ou não-disjunção dos cromossomos. Os resultados obtidos com o estudo dos marcadores para o cromossomo 21 do pai. o comprimento de onda em que será obtida maior taxa de mutação é a) 2. Entretanto. Com base nessa informação. Um casal apresenta. 1) Identifique o genitor que transmitiu dois cromossomos 21 à criança.700 Angstrons. (Ufmg 95) Considere estes dados como hipotéticos.V. I ou II.) por uma proteína e por um ácido nucléico. como descrito no texto. (Unifesp 2006) O gráfico mostra o espectro de absorção de raios ultravioleta (U. e) 2. constatou-se que a criança apresentava Síndrome de Down. onde cada traço indica a posição e o tamanho dos fragmentos num campo de eletroforese. No esquema a seguir. 3) Suponha que a mulher está novamente grávida e que o exame para marcadores do cromossomo 21. da mãe e da criança estão indicados na figura 2. Esse casal tem uma criança com Síndrome de Down devida à trissomia do cromossomo 21. determine: O genitor onde ocorreu a não-disjunção. Analise o resultado obtido na figura 3. Essas resultam em fragmentos de tamanhos diferentes que podem ser utilizados como marcadores genéticos. após o nascimento. Justifique sua resposta. 2) Determine o estágio da meiose.800 Angstrons. foi realizado para o feto através de punção do líquido amniótico. . indicados no esquema por setas. Com base nas informações apresentadas e em conhecimento sobre o assunto responda ao que se pede. Considerando a ação desses raios na célula. b) 2. A fase da meiose em que o fenômeno ocorreu.

causam alterações. porém. b) Uma espécie reativa de oxigênio induziu uma mutação no gene de uma célula. sem alterar. o oxigênio tem forte tendência a receber um elétron de cada vez. como aceptor final de elétrons. conforme exemplificado pela reação abaixo. . Justifique por que não houve alteração da estrutura da proteína. Essas moléculas. pois participa do processo de extração de energia dos alimentos. denominadas espécies reativas de oxigênio. por serem muito reativas. fato que pode induzir mutações tanto em células somáticas quanto em células germinativas. acarretando a substituição de uma base guanina por uma adenina. C†H•‚O† + 6 O‚ ë 6 H‚O + 6 CO‚ Em virtude de sua configuração eletrônica. que são fortes agentes oxidantes. dando origem a moléculas intermediárias. a) Considerando o processo de oxidação completa da glicose pela célula eucariótica. indique a etapa responsável pela formação de espécies reativas de oxigênio e o local da célula onde essas reações ocorrem. (Uerj 2005) O oxigênio é um elemento imprescindível à manutenção da vida dos seres aeróbicos. inclusive no DNA. a estrutura primária da proteína codificada pelo gene.111.

XX + 21 ou 2A. O gato de José apresenta uma trissomia (XXY) dos cromossomos sexuais. portanto. Turner. a mutação provocará a produção de uma proteína menor.1). [E] 3. [A] 10. causar a morte. Quando a mutação for localizada: a) no sítio 1 A seqüência do DNA será modificada pelo benzo[a]pireno de ATG para ATT levando. 01 + 02 + 04 + 08 + 16 + 32 = 63 4. . a) Fig. a) Falsa. b) Corpúsculo de Barr ou cromatina sexual observada em células somáticas de mulheres. 12. a) Glóbulo branco (neutrófilo) envolvido na defesa orgânica. [D] 14. a) Evidências da evolução biológica: .Anáfase I de meiose onde se observa a disjunção dos cromossomos homólogos. Estatisticamente. Fig. b) Doenças hereditárias são causadas por alterações cromossômicas e (ou) gênicas transmissíveis. A . É realizado pelo estudo dos cromossomos de células presentes no lìquido amniótico. a) Esta mulher tem 3 cromossomos X. . b) O macho normal (XY) não pode apresentar as duas cores. c) Normal: Mulher 2A + XX Anormal: Homem 2A + XXY (Síndrome de Klinefelter) d) Síndrome de Turner (Mulher 2A + X0) 19. além de malformações congênitas como micro e macrocefalia e anencefalia. ou são pretos (XPY) ou amarelos (XAY). 01 + 02 + 08 + 32 = 43 7. à partir do 16Ž mês de gestação. etc. Klinefelter. . . Esse fato leva a formação de aneuploidias. na transcrição. b) no sítio 2 A seqüência do DNA de CCG será modificada para CCT levando na transcrição. situa-se em torno de 50%. Edwards. Patau. [A] 6. 21. b) O exame em questão pode diagnosticar com segurança várias anomalias tais como o as síndromes de Down. a formação de um RNAm com a seqüência GGA ao invés de GGC. B . Alterações no número cromossômico (trissomia do 21) causa a síndrome de Down. [E] 20. a modificação de GGC para GGA não provocará alteração na proteína. Nessa situação. [E] 22. 02 + 08 + 32 = 42 9. a) Aneuploidia é uma aberração cromossômica numérica em que o portador apresenta determinados cromossomos a mais ou a menos.Anáfase II com disjunção de cromátides. c) Síndrome de Down (2A. o que determina a variabilidade dentro dos grupos biológicos. Alteração no gene que codifica a molécula de hemoglobina pode causar a anemia falciforme. b) A mutação gênica é a fonte de novos genes. células haplóides com um cromossomo a mais (n + 1) e com um cromossomo a menos (n . X 0) 13. B não ocorreu a separação das cromátides-irmãs em um dos cromossomos indicados.GABARITO 1. 18. b) 1/4 ou 25%. XXX. a mortalidade nos casos não tratados. sobre a qual age a seleção natural. [A] 8. b) Na fig. ou não. a) Cariotipagem consiste na análise numérica e estrutural dos cromossomos. os dois códons na tradução produzem uma proteína com o aminoácido glicina. nesta posição. UAA é um códon de terminação. 2. com cariótipo 47. pois só possui um cromossomo sexual X. [B] 11. [D] 5. ou seja. [B] 16.existência de estruturas vestigiais.bioquímica comparada. a formação de um RNAm com a seqüência UAA ao invés de UAC. O cólera é uma infecção intestinal causada pelo vibrião ( 'Vibrio cholerae') que pode.fósseis.XY+21) e Síndrome de Turner (2A. [D] 17.homologias.embriologia comparada. Deste modo. . 15. O veterinário explicou que o gato de José é preto e amarelo por ser portador do genótipo XPXAY.

b) Sim. [C] 49. Os espermatozóides que possuem 22 AXX e 22 AO ao se unirem com óvulos normais 22 AX. F V V V F 41. b) Mutações são modificações na seqüência ou na composição das bases do DNA (gene) que podem causar a produção de uma proteína alterada. guanina. 26. [D] 38. [D] 32. c) A mutação que originou a espécie 2 foi uma SUBSTITUIÇÃO. [D] 47. a) Valina porque houve uma substituição (T x A) no codon do DNA correspondente a esse aminoácido. ou mesmo a não produção da proteína. [B] 29. 50. [E] 31. 54. Não pode produzir gametas normais por meiose. [C] 40. [A] . que possuirão as síndromes do triplo X (superfêmea) e a de Turner. respectivamente. b) Não. 27. c) A mula não possui pares de cromossomos homólogos pois é um híbrido interespecífico. 24. [D] 28. [C] 48. A seqüência de trincas determinará a seqüência dos aminoácidos de um polipeptídeo. [C] 53. Uma INVERSÃO produziu a alteração verificada na espécie 3 e uma DELEÇÃO acarretou o surgimento da espécie 4. 48 42. Cada trinca de bases é capaz de codificar um aminoácido de uma proteína. observaremos 31 cromossomos. ou seja. Possui um código químico representado por seqüências de bases nitrogenadas (adenina. a) Nas células sexuais normais da égua encontramos 32 cromossomos. um aminoácido pode ser codificado por mais do que uma trinca de nucleotídeos. [C] 33. a) São necessários pelo menos 84 nucleotídeos pois cada aminoácido de uma proteína é codificado por uma trinca de nucleotídeos. [B] 34. O zigoto formado não possui pares de cromossomos homólogos e não sofre meiose. Os novos indivíduos produzidos pela via assexuada serão clones produzidos por mitoses sucessivas do organismo parental. No burro. V F V V 51. [D] 25. b) As células somáticas da mula terão 63 cromossomos e se originaram por mitoses à partir do zigoto. [D] 30.23. b) Não porque após a replicação do DNA é semiconservativa. a) Não. Devido à degeneração do código genético. [A] 46. [A] 35. [E] 44. [B] 52. a) Gene é um segmento do DNA localizado nos cromossomos. formarão zigoto com as seguintes fórmulas genéticas 44 AXXX e 44 AXO. citosina e timina). [D] 39. 43. c) A substituição de uma base nitrogenada no DNA pode não causar nenhuma alteração na proteína produzida pela célula porque o código genético é degenerado. [A] 37. [B] 36. um mesmo aminoácido pode ser codificado por diferentes trincas de bases. [A] 45.

A supressão de um nucleotídeo pode causar completa ou incompletamente a descodificação da seqüência de bases do DNA provocando alterações na proteína correspondente ao código alterado. 72. já que o código genético é degenerado. conseqüentemente. b) Observe os esquemas adiante: 57. [B] 89. provocam mutações nos genes reguladores que controlam as divisões celulares nas células pulmonares. [D] 86. 74. b) Natureza física: radiações nucleares. Este fato pode acarretar uma proliferação celular descontrolada originando tumores malignos. [A] 62. [D] 60. [A] 73. [A] 88. [C] 85. pode ocorrer a formação de um câncer.55. [C] 66. [C] 87. [B] 84. Não. b) A síndrome de Down geralmente é causada pela não disjunção cromossômica durante a gametogêsese paterna ou materna. ou seja. [B] 70. a) Substâncias químicas carcinogênicas. [B] 69. a) A não disjunção cromossômica pode ocorrer na primeira ou na segunda divisão da meiose. [B] 67. diferentes trincas podem especificar o mesmo aminoácido na síntese das proteínas celulares. O DNA comanda. Natureza biológica: vírus. [D] 75. 78. [B] 63. a) Trissomia do cromossomo 21. V F V V V 61. 77. [C] 56. Uma alteração no DNA pode provocar modificações nas enzimas e consequentemente nas reações químicas da célula. presentes na fumaça dos cigarros. [D] 65. decorrente de uma divisão mitótica anômala. o cariótipo anormal seria detectado em todas as células pesquisadas. estas alterações no DNA levam ao descontrole dos mecanismos de divisão celular e. A não-disjunção foi pós-zigótica. O código genético é degenerado. 80. [A] 76. [A] 81. [B] 64. Não necessariamente. 79. em uma proteína. Pode ocorrer também por meio da translocação dos cromossomos 14/21 ou 21/22. [E] 58. a) Agentes mutagênicos provocam mutações gênicas. [C] 59. na mesma ordem. [D] 68. através da síntese de enzimas. pois a substituição de bases nitrogenadas na cadeia do DNA poderá determinar os mesmos aminoácidos. 71. [A] 82. [C] 83. . Se a não-disjunção tivesse ocorrido antes da fecundação. todo o metabolismo celular. Uma substituição não necessariamente altera o fenótipo por causa da degeneração do código genético. c) O aumento da incidência da síndrome de Down é proporcional ao aumento da idade materna no momento da gestação.

diferentes tipos de câncer). a) Radiações nucleares podem danificar o material genético (DNA) causando diferentes anomalias celulares. a) Cadeia respiratória. Nestes animais não há transporte de gases pelo sangue. Porque há efeitos que podem surgir nas pessoas mesmo muito tempo após a exposição à radiação (por exemplo. 1) O Pai porque a criança possui apenas 1 cromossomo 21 materno. que interrompe a leitura do ARNm pelo ribossoma. denominadas espiráculos. 111. 3) A criança herdou um cromossomo 21 duplicado de sua mãe (segmento de DNA maior) e a não disjunção. [E] 105. [A] 94. Membrana interna da mitocôndria. As alterações são GAA ë GUA e GAG ë GUG. a) A duplicação gênica pode ocasionar o aparecimento de variações importantes na descendência. [D] 106. ocorreu na segunda divisão da meiose. 99. ar e água durante muito tempo pode afetar animais e vegetais expostos.b) A fumaça proveniente do meio penetra no animal pelas aberturas das traquéias. 104. porque essas mudanças ocorrem em conseqüência de uma única troca de bases. enquanto as outras dependem de mais substituições. [B] 93. b) não necessariamente pois o fato de um gene não funcionar não impede que sua duplicata o faça normalmente. 109. fenômeno que não ocorre na laranja-da-baía. o códon alterado pode pertencer ao mesmo aminoácido que teria sido inserido na cadeia polipeptídica antes da mutação. [E] 92. [A] 102. Mutação. [D] 108. 2) Divisão I porque a criança possui 2 cromossomos 21 distintos. [B] 96. E há mutações em células gaméticas que ao serem transmitidas aos descendentes destas pessoas podem gerar doenças ou mal-formações nestes. b) Alterações no DNA que ocorrem nas células germinativas dos testículos e dos ovários podem ser transmitidas às gerações subsequentes através da fecundação. seguem por suas ramificações e estão atinge as células do corpo. [C] 103. 107. [D] 95. b) Como o código genético é degenerado. . [C] 110. 97. c) A presença de radiação residual no solo. [B] 100. 90. nesse caso. dentre as quais o câncer. [A] 91. ou seja. porque a segregação independente e a permutação cromossômica são processos característicos da meiose normal. A mutação deve ter alterado um códon que codificava um aminoácido transformando-o em um códon de parada. existe mais de um códon para a maioria dos aminoácidos. 101. [B] 98.