P. 1
Tendências Pedagógicas

Tendências Pedagógicas

|Views: 0|Likes:
Published by Gabriele Greggersen

More info:

Published by: Gabriele Greggersen on Apr 25, 2014
Copyright:Traditional Copyright: All rights reserved

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOC, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

04/25/2014

pdf

text

original

TENDÊNCIAS PEDAGÓGICAS1[1

]
TRADICIONAL • Ensinar é transmitir conhecimentos. • Aprender é assimilar ou absorver conhecimentos. • A escola é preparadora, inicialização ao caminho cultural. • A educação é bancária, conteudista, estática e unilateral. • conteúdo é preparativo para a vida, pautado pelo enciclopedismo, intelectualismo e racionalismo. • método serve para despertar o interesse do aluno, uso de verbo, giz e ponto na lousa, exercícios de aplicação padronizados e de raciocínio no final da aula. • A relação professor-aluno é autoritária. • A filosofia parte dos pressupostos a da tábula rasa, do exercício, da abstração, da repetição mecânica e do elitismo democratizar o é baixar a !ualidade de ensino". • Enfatiza o espaço da sala#de#aula, onde os alunos recebem instruç$es, onde são ensinadas pelo professor. • %s conteúdos e informaç$es t&m !ue ser passados de forma eficiente, sendo reproduzidos e imitados como modelos. • bom professor é o !ue fala muito e bem, o conte'do verbalizado deve ser memorizado. • Preocupa-se com a sistematização dos conhecimentos apresentados de forma acabada. • Mentores( )erbart, *om&nio, etc. COMPORTAMENTALISTA OU BEHAVIORISTA • Ensinar consiste num arran+o e plane+amento de condiç$es externas !ue levam os estudantes a aprender. , de responsabilidade e compromisso do professor garantir o bom comportamento do aluno. • %s elementos mínimos a serem considerados no processo de ensino são( o aluno- ob+etivos de aprendizagem- o plane+amento estratégico, !ue garantirá o sucesso da aprendizagem e alcance dos ob+etivos. • Aprender é adotar o tipo de comportamento esperado dos alunos, !ue foram ad!uiridos e mantidos por estímulos condicionantes" e reforçados, respondendo positivamente a certos estímulos elogios, notas, graus, pontos positivos, pr&mios, reconhecimento dos colegas, vantagens, esperanças de ascensão social e sucesso profissional. • A escola serve para modelar o comportamento, organizar, ad!uirir habilidades, atitudes e informaç$es específicas. • A educação é a porta para o progresso, civilização e sucesso profissional. • conteúdo é regido pelas leis naturais, compet&ncia, precisão de informaç$es, efici&ncia e ob+etividade. conf. .A/011%, .arcos. Didática: a sala como centro. /ão 2aulo, 314, 5667 *ol. Aprender a ensinar.
1

Assim. na investigação. A relação professor-aluno é técnica e profissional focada na !ualidade do produto final. % ensino centra#se na pessoa do aluno. construa a sua pr. aberta e participativa. através de manuais. na pes!uisa. . . a primeira tarefa da educação consiste em desenvolver o raciocínio. 3ilosofia pressup e a organização. o educando !ue avaliará o sucesso ou fracasso da mesma. podemos citar A. o controle. não diretiva. • Aprender é interagir com os demais participantes de modo a provocar envolvimento pessoal e suscitar mudanças no comportamento e nas atitudes. o !ue implica orientá#la para sua pr.pria experi&ncia para !ue. • A relação professor-aluno é democrática. % ensino é baseado no ensaio e erro. A aprendizagem s. COGNITIVISTA • Ensinar é provocar o educando a sair de sua posição acomodada e desafiá#lo a atingir um novo patarmar no seu desenvolvimento cognitivo. despertar o interesse e a experi&ncia do aluno.• • • • %s métodos devem ser auto#instrutivos. consiste em um processo e não em produtos de aprendizagem. Ausubel 0. livros didáticos. :loom. Asso por!ue conhecer um ob+eto é agir sobre ele e transformá#lo. . • 0ntre os inspiradores dessa tend&ncia. 3erreiro. !ue passam a ser incluídas efetivamente na aprendizagem. dessa forma. má!uinas de ensinar.=eil. % ponto fundamentar do ensino. definiç$es. % mundo deve ser reinventado. auto#desenvolvimento e realização pessoal. % professor é o coordenador das atividades e o aluno. multimeios. >ogers. • %s conteúdos são vistos como meio para facilitar a aprendizagem e despertar o interesse e a experi&ncia do aluno. na solução de problemas por parte do aluno e não na aprendizagem de f. portanto. etc. Alguns e!poentes( /9inner. o executor. respeitadora. • %s métodos são válidos na medida em !ue servem para a conscientização do aluno e da pes!uisa e descoberta aut<noma. • Educar é considerar a pessoa em sua sensibilidade e sob o aspecto da realização pessoal e de potencialidades. confiante. nomenclaturas. • Aprender é ?aprender a aprender@ de forma significativa. a autonomia e a psicanálise. o respeito 8s leis naturais e a motivação. instrumentos de avaliação.rmulas. HUMANISTA OU NÃO-DIRETIVA • Ensinar é facilitar a aprendizagem através de um prática terap&utica.pria ação. se realiza realmente !uando o aluno elabora seu conhecimento. ensino programado e modular. • Pressupostos filos"ficos são a centralização no aluno. • A escola é vista como meio de formação de atitudes e valores humanos. valorizadora do eu.

entendida em seu sentido global. Cean 2iaget. visitas.etc. Buanto ao método. dialética da continuidade#ruptura. os alunos deverão assumir desde o início o papel de su+eitos criadores. pois.na proposição de perguntas ?clínicas@ de sondagem do raciocínio empregado pelo educando. . • A escola é vista domo meio de difusão de conte'dos vivos e concretos. o processamento das informaç$es e os comportamentos relativos 8 tomada de decis$es. !ue serem ao interesse comum e social. • A educação problematizadora busca o desenvolvimento da consci&ncia crítica e da liberdade como meios de superar as contradiç$es da educação tradicional. • A educação é um constante ato de desvelamento da realidade. explicitação de ob+etivos. debate e .• • • • • • • A escola serve para adaptar o indivíduo 8s exig&ncias de sua realidade. ela representa uma experi&ncia construtiva. deve procurar a superação da relação opressor#oprimido. através do !ual os homens vão percebendo criticamente como estão sendo no mundo.de democratização de conhecimentos e transformação hist. teatro. Antes são oferecidas 8s crianças situaç$es desafiadoras. • %s conteúdos servem para dar acesso ao patrim<nio cultural comum da humanidade. rumo ao exercício da cidadania. um esforço permanente. através de condiç$es como • solidarizar#se com o oprimido. 3roebel. responsabilidade do professor dar acesso a tais conte'dos pois o educando tem direito a iguais oportunidades de crescimento profissional e pessoal. pela proposição de problemas. dar acesso. oficinas. excurs$es. *omo retrato da vida. arte.descoberta e pes!uisaestudo do meio. etc. A #nfase. teste da solução. LIBERTÁRIA OU PROGRESSISTA • ensino é visto como dialeticamente ligado 8 aprendiza$em. tais como +ogos. mais importante na educação é a organização do conhecimento. etc. 0ntre os norteadores dessa tend&ncia podemos citar.ensaio e erro." SOCIOCULTURAL. tornando o educando um ?cidadão do mundo@. 2estallozzi. Anísio 1eixeira. o !ue implica assumir a sua situação• transformar radicalmente a situação ob+etiva geradora de opressão. está na capacidade do aluno de integrar informaç$es e processá#las. substituir o excesso de fatos e dados pelo ensino de relaç$es. os idealizadores da 0scola =ova . :aseia#se em experi&ncias. =ão existem currículos fixos. Dma situação de ensino#aprendizagem. CRÍTICA. etc. Prioriza-se atividades do su+eito. =este processo." e os 2ioneiros da 0scola =ova no :rasil 3ernando de Azevedo. leituras.rica das consci&ncias e das relaç$es de trabalho. • %s métodos mais comuns são os do ? diálogo desigual@ . considerando#o inserido numa situação social. conteúdo é visto como meio para evocar a experi&ncia do educando !ue será trabalhada em aula.ontessori. trabalho em grupo.

As aulas são organizadas em forma cíclica seguindo o es!uema ação#compreensão# ação#síntese. %s grandes inspiradores dessa vertente são. /aviani. %s pressupostos dessa tend&ncia resumem#se ao marxismo. %s homens se educam entre si mediatizados pelo mundoE 2aulo 3reire". Gramsci.a9aren9o. por!ue Eninguém educa ninguém. da estrutura cognitiva e do comprometimento com resultados. 2aulo 3reire. A relação entre educador e educando é cooperativa. a filosofia do intelectual orgânico socialmente enga+ado.• • • compreensão de temas ligados ao cotidiano social. ninguém se educa. 3reinet. . . /nFders. etc. a ética do esforço pr.prio. pois ambos são su+eitos de um processo pelo !ual crescem +untos.

You're Reading a Free Preview

Download
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->