You are on page 1of 1

Ns marcamos nossos calendrios com datas limites que estabelecem a concluso de

objetivos e projetos. Ignorar estes lembretes traz consequncias. Viver sem datas limites
viver meio ineficincia e desorganizao, sendo levado com a brisa que impulsiona a
onda inconstante do humor. Ns precisamos delas porque nos ajudam a executar as
coisas essenciais disciplinam nosso uso do tempo medem o comprimento do nosso
varal de demandas.
Deus, contudo, nos deu aniversriosno como datas limites, mas como um lembrete
de vida. Ele os constri em nossos calendrios uma vez a cada ano para nos lembrar de
fazer uma avaliao anual, no apenas da durao das nossas vidas, mas tambm da
profundidade.
No simplesmente para nos lembrar que estamos envelhecendo, mas tambm para
determinar se estamos ficando mais profundos. Estes lembretes de vida no so como
aquela aplice de seguro na qual investiu no ano passado. No tem promessa automtica
de renovao anual.
Obviamente se Deus lhe deu outro ano para viver para Ele, tem algumas coisas em
mente. Ele tem alguns planos muito especiais para completar atravs da sua vida. Claro
que isto inclui mais do que existir 1.440 minutos por dia.
O Salmista nos d a perfeita orao para fazermos cada vez que nosso lembrete de vida
chegar: Ensina-nos a contar os nossos dias para que o nosso corao alcance
1sabedoria. (Salmos 90:12)
Crescendo nas Estaes da Vida Charles Swindoll