You are on page 1of 3
SEPS Quad 713/913, Bloco D— andar = DE Cep: 70590-135 Tet: (61) 2024-5500 5502 Fax: (61) 2024-5514 E-mail gabinete@iphan.gov.br Ministério da Cultura Instituto do Patriménio Hist6rico e Artistico Nacional Gabinete da Presidéncia Circular n°. 001/2013-PRESI/PHAN Brasilia, 22 de fevereiro de 2013. As Suas Senhorias os Senhores Pesquisadores Assunto: —_ Idoneidade técnico-cientifica prevista no art. 9° da Lei 3.924/61. Sr(a) Pesquisador(a), i; Centro Nacional de Arqueologia - CNA, sob a atual diregdo desde junho de 2012, almeja, como objetivo maior, o fortalecimento do campo da Arqueologia no Brasil. Nesse sentido, tem trabalhado visando o aperfeicoamento de sua atuagio, sempre pautada no cumprimento ¢ aprimoramento dos instrumentos legais existentes, no estabelecimento de regras que reforcem a padronizagéo da nossa atuaco e no aprofundamento da interlocugio entre 0 CNA e€ nossos parceiros — pesquisadores, instituicées de pesquisa, drgios licenciadores, empreendedores, consultorias, etc. Gls O presente oficio trata da exigéncia de idoneidade técnico-cientifica por parte de io para realizar estudos arqueolégicos determinada pela da quem pleiteie a autorizagdo/permis Lei 3.924/61. Tendo em vista que a profissdo de Arqueélogo ainda nao foi regulamentada e que nao cabe ao Iphan legislar sobre o tema, 0 CNA/Iphan solicitou posicionamento da Procuradoria Federal junto ao IPHAN, cujo teor apresentamos a seguir. Comunicamos que os critérios apresentados abaixo serio utilizados pelo CNA na anélise dos requerimentos de autorizagio/permissio recebidos a partir de 1° de marco de 2013, e serao reavaliados quando da regulamentagio da profiss BPS Ouadea 713913, Bloo D5 andar rasa DE-—Cop. 0360-135 Tel: (61) 2024-500 $502 a: (61) 2024-5514 E-mal gabincte@iptangv.br 3. Poderdo pleitear autorizagdo/permissio para realizar estudos arqueolégicos profissionais que tenham concluido curso ou programa de nivel superior cujo objeto seja o estudo da arqueologia, ou de areas de conhecimento préprias do trabalho do arquedlogo. 4. Noutros termos, no contexto atual, nfo s6 a conclusao de cursos de graduagio, mestrado ou doutorado em arqueologia qualificam, do ponto de vista da Lei 3.924/61, eventuais, interessados a atuarem como coordenadores de projetos de estudos arqueolégicos, mas também a conclusio de cursos sequenciais e de pés-graduagao, previstos no art. 44 da Lei de Diretrizes e Bases da Educacdo desde que tenham por objeto o estudo da arqueologia e estejam devidamente reconhecidos pelo érgio ou entidade encarregada de fiscalizé-los, no caso, 0 Ministério da Educagéo (MEC). 5. Para aferigo do requisito, 0 proponente deveré comprovar ser graduado em arqueologia, mesmo que por curso de curta duracao (sequencial) ou, ser graduado em qualquer outro curso superior, inclusive de curta duragio e detentor de curso de pés-graduagdo em arqueologia (ou area de concentracdo), em qualquer das modalidades referidas no art. 44, II da LDB. Cabe referir que curriculo académico ndo é requisito diverso de idoneidade técnico- cientifi , mas base para a aferigdo dessa idoneidade. 6. Todavia, faz-se necessario o estabelecimento de uma regra de transicao, em respeito ao principio da seguranca juridica (art. 5°, inciso XXXVI, da Constituicdo; apesar de nao se vislumbrar, no caso, dir ‘© adquirido), a0 principio da confianga legitima (respeito & expectativa legitima, por parte do administrado, de estabilizagio dos efeitos decorrentes da conduta administrativa) e ao principio da razoabilidade (art. 5°, inciso LIV, da Constituigéo). a Em atencao ao acima exposto, seré a dotada a seguinte regra de transigao: a) Aqueles que nao se enquadram nos requisitos indicados nos itens 3, 4 ¢ 5 acima © que receberam autorizacdo ou permissio do Iphan ha 05 (cinco) anos ou mais, contados da data de 1° de marco de 2013, poderdo receber nova autorizaco ou permissio, independente de adequacio ao novo entendimento; e ) Aqueles que nao se enquadram nos requisitos indicados nos itens 3, 4 € 5 acima € que receberam autorizagéo ou permissio do Iphan hé menos de 05 (cinco) anos, contados da SEPS Quadia 713913, Bloco D~ 5° andar Brasilia DE-— Cp: 70390-135 To: (61) 2024-SS00/ $802 Fax: (61) 2024-5514 E-mail gabinei@iphan.gov.br data de 1° de margo de 2013, terao 0 prazo de até 05 (cinco) anos para se adequarem a0 novo entendimento. 8. Contamos com a colaboragdo de V.Sa. no sentido de propiciar ampla divulgagao do presente documento. Atenciosamente, Jurema Machado Presidenta