You are on page 1of 8

Da União Ibérica

Restauração
da
Independência

1 Rui Castro
A União Ibérica

D. Sebastião reinou entre 1557/78

Em 1578, D. Sebastião desaparece


na Batalha de Alcacér-Quibir.

Não deixou descendentes

Dá-se uma crise dinástica

2 Rui Castro
A União Ibérica

A coroa portuguesa foi entregue ao Cardeal D. Henrique (Tio-avô


de D. Sebastião), até 1580.

Três pretendentes ao trono

3 Rui Castro
A União Ibérica

Apoiantes de Filipe II
Nobreza – Pretendia obter novos cargos e privilégios
Burguesia - Pretendiam ter acesso facilitado ao comércio
espanhol
Apoiantes de D. António, o prior do Crato
Povo – Temia a perda da Independência nacional

D. Catarina de Bragança decide apoiar D. Filipe II,


em troca de alguns benefícios

Batalha de Alcântara – as tropas de Filipe II derrotam um pequeno


exército de D. António, o prior do Crato, que tinha sido aclamado rei
4 Rui Castro
A União Ibérica

Promessa de Filipe II nas Cortes de Tomar


 Todos os usos e costumes, privilégios e liberdades eram mantidos
O vice-rei, que governasse Portugal teria de ser português
 Todos os cargos administrativos seriam ocupados por portugueses
 Os lucros obtidos pelas colónias portuguesas seriam usados em
benefício de Portugal
As moedas portuguesas teriam o seu próprio cunho
Inexistência de alfândegas terrestres para os portugueses

Em 1581, D. Filipe é aclamado rei de


Portugal, com o título de D. Filipe I de
Portugal

5 Rui Castro
A restauração da independência

Descontentamento generalizado

 Espanha envolve-se em vários conflitos, tornando


os seus inimigos, nossos inimigos
 A Inglaterra ataca Ormuz ; A Holanda ataca o
nordeste brasileiro e Angola
 Noticias de que Espanha pretendia transformar
Portugal, em mais uma das suas províncias

Revoltas populares - Ex: Manuelinho, em Évora

6 Rui Castro
A restauração da independência

A Revolução do 1.º de Dezembro de 1640


 Um grupo de nobres tomou o poder em Lisboa e fez aclamar um novo rei

“ Liberdade! Liberdade! Viva el-rei D. João IV! O


duque de Bragança é o nossos legítimo rei”
 Obtivemos apoio dos inimigos de Espanha (França e
Inglaterra), em troca Bombaim e Tânger

Vamos reorganizar o exército e a defesa,


D. João IV o que permitiu vencer batalhas e manter
a independência
7 Rui Castro
A restauração da independência

Bandeira da
Monarquia

Principais batalhas,
revoltas e fortalezas da
Restauração

Cunho de D.João IV

8 Rui Castro