P. 1
Atanásio - Antologia

Atanásio - Antologia

|Views: 105|Likes:
Published by Basiliade

More info:

Published by: Basiliade on Feb 21, 2010
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

06/17/2014

pdf

text

original

Esta é a característica que possui o livro dos Salmos, para
utilidade dos homens: uma parte dos salmos foram escritos
para a purificação dos movimentos da alma; outra parte, para
anunciarmos profeticamente a vinda na carne de nosso Senhor
Jesus Cristo, como acima dissemos.

Porém, de modo algum devemos passar por alto a razão pela
qual os salmos se modulam harmoniosamente e com canto.
Alguns simplórios entre nós, se bem crêem na inspiração divina
das palavras, sustentam que os salmos se cantam pelo
agradável dos sons e para o prazer do ouvido. Isto não é exato.
A Escritura para nada buscou o encanto ou a sedução, e sim a
utilidade da alma; esta forma foi eleita sobre tudo por duas
razoes:

Em primeiro lugar, convinha que a Escritura não louvasse a
Deus unicamente numa seqüência de palavras rápidas e
contínuas, mas sim também com voz lenta e pausada. Em
seqüência ininterrupta se lêem a Lei, os Profetas, os livros
históricos e o Novo Testamento; a voz pausada é empregada
para os Salmos, odes e cânticos. Assim se obtém que os homens
expressem seu amor a Deus com todas as suas forças e com
todas as suas possibilidades.

A segunda razão apóia em que, como uma boa flauta unifica e
harmoniza perfeitamente todos os sons, do mesmo modo
requer a razão que os diversos movimentos da alma, como
pensamento, desejo, cólera, sejam a origem das distintas
atividades do corpo, de modo que o trabalho do homem não
seja desarmônico, conflitando consigo mesmo, pensando muito
bem e trabalhando muito mal; por exemplo, Pilatos que disse:
"Nenhum delito encontro nele para condená-lo à morte" (Jo
18,38), porém trabalhou segundo o querer dos judeus... Ou,
que desejando trabalhar mal, estejam impossibilitados de

61

realizá-lo, como os anciãos com Susana... Ou que ainda
abstendo-se de adulterar, seja ladrão, ou, sem ser ladrão seja
homicida, ou, sem ser assassino seja blasfemador.

You're Reading a Free Preview

Download
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->