You are on page 1of 4

As comunidades peninsulares adaptaram-se s novas condies do

clima, fauna e flora e melhoraram a sua forma de vida.


Tornaram-se agricultores e pastores e tornaramse sedentrios (viviam sempre no mesmo local), a estes grupos humanos
chamamos: comunidades agro-pastoris.

Inventaram-se novos utenslios:

foice, enxada de pedra, arado de madeira, m manual, roda

Surgiram outras actividades: cestaria, olaria/cermica, tecelagem.

Surgiram monumentos dedicados ao culto dos mortos e ao culto da


fertilidade.

Anta ou Dlmen (culto dos mortos) = monumentos meglitos.

Anta ou Dlmen

Menires (culto da fertilidade, da terra, dos rebanhos e das


mulheres).
As comunidades agro-pastoris prestavam culto Deusame (Natureza).

Menir

Muito tempo depois, a vida dos povos primitivos da Pennsula foi-se


modificando devido influncia de povos de outras regies.
Surgem:

1 Os Iberos, vindos provavelmente do Norte de frica;


- usavam armas de bronze (liga de cobre e estanho).
2 Os Celtas, - vindos do Centro da Europa;
- introduziram a tcnica do ferro.
Assim, tanto os Iberos como os Celtas trouxeram novos hbitos e
conhecimentos, como a metalurgia e a ourivesaria.
Com o tempo Celtas e Iberos acabaram por se misturar e em certas
zonas da Pennsula surgem mesmo como um nico povo
Celtiberos
OS CELTIBEROS, viviam agrupados em tribos ( castros / citnias).
- procuravam as terras altas para a construrem as
suas casas.

Uma dessas tribos de Celtiberos era a dos Lusitanos que habitavam


a Lusitnia ( = regio entre o rio Douro e o rio Tejo).