You are on page 1of 1

MENSAGEM INTERESSANTE NATAL

Quando eu penso na vida eu penso que viver é se relacionar. Se relacionar sempre e
a todo momento. Com pessoas, com coisas, com fatos, histórias, experiências,
lugares. Viver é se relacionar com o que está a nossa volta e o que está dentro de
nós.
Já diria o poeta William Blake, tudo o que vive não vive só nem para si mesmo. Tudo
o que vive não vive sozinho. Nós só vivemos, só temos e fazemos história com os
outros. É verdade que nem todas as relações são agradáveis, fáceis e boas. Mas são
elas que nos constroem. E é por isso que eu prezo as minhas relações de amor. As
relações que me fazem bem.
O resto é o resto.
O resto existe mas não importa. O que me importa, merece minha atenção, tempo
e carinho são as relações de amor. E é por isso que eu tento colocar amor em tudo
que eu faço, em tudo que eu falo e por todos os lugares onde eu vou. É bem
verdade que nem sempre consigo, mas eu tento. Renato Russo estava certo, do
meu ponto de vista quando disse que é preciso amar as pessoas como se não
houvesse amanhã, porque se você parar pra pensar, na verdade não há.
Pode parecer piegas, mas é verdade.
Eu realmente acredito que podemos todos viver em harmonia se preservarmos as relações
com amor. Acredito tanto nisso que tatuei isso no meu braço (quem não viu, tá
aqui http://esclerosemultiplaeeu.blogspot.com.br/2011/07/amor-infinito.html).
Foi o amor que me fez chegar até aqui e é ele que me toca pra frente. O amor pela vida,
pelas pessoas, pelo aprendizado diário.
E se os outros não acreditam no amor, ou acham que isso é discurso bobo de gente que não
entende o mundo, bom, danem-se! Eu acredito e sei que o amor me fortalece, me
impulsiona, me ajuda a seguir em frente sempre e a ver o lado bom das coisas e das pessoas.
Todo mundo tem potencial pra amar, as vezes o que falta é um pouco de jeito.
Amar é ter a certeza de que nunca se está sozinho. E isso também me conforta.
Mas, o lema tem que ser uma frase né, e não um monte de frases. E, mais uma vez, quem me
ajuda é a dona Cora Coralina: “nada do que vivemos tem sentido se não tocarmos o
coração das pessoas”. Esse é meu lema. Viver com amor, espalhar amor e receber
amor. Nem sempre isso é possível, mas a gente vai tentando. Por isso é um lema:
algo a ser lembrado, perseguido.
Essa frase, que postei no site do WorldMSday como lema está dentro de uma poesia que eu
gosto muito também, que diz assim:
“Não sei se a vida é curta ou longa para nós, mas sei que nada do que vivemos tem
sentido, se não tocarmos o coração das pessoas.
Muitas vezes basta ser: colo que acolhe, braço que envolve, palavra que conforta,
silencio que respeita, alegria que contagia, lágrima que corre, olhar que acaricia,
desejo que sacia, amor que promove. E isso não é coisa de outro mundo, é o que dá
sentido à vida. É o que faz com que ela não seja nem curta, nem longa demais, mas
que seja intensa, verdadeira, pura enquanto durar. Feliz aquele que transfere o que
sabe e aprende o que ensina.”

Related Interests