SEQUÊNCIA 3

FREI LUÍS DE SOUSA
ALMEIDA GARRETT
Teste os seus conhecimentos sobre a “Memória ao Conservatório Real”, de Almeida
Garrett.
Faça corresponder os segmentos da coluna A aos da coluna B, de forma a obter
afirmações verdadeiras.

A

B

1. A “Memória ao Conservatório Real”

a) leva o autor a sobrevalorizá-la às
histórias da antiguidade grega.
b) a esperança.

2. A violência não faz parte da obra
garrettiana Frei Luís de Sousa, mas sim
3. Para o autor, o drama
4. Segundo Garrett, para se poder apreciar
e gostar de uma obra,
5. Almeida Garrett recusa
6. O que suscitou o interesse de Garrett
em pesquisar sobre Frei Luís de Sousa foi
7. A catástrofe em Frei Luís de Sousa
8. Almeida Garrett não se preocupou com
9. Em Frei Luís de Sousa, não há unidade
de espaço, porque
10. O espírito cristão que envolve a obra

j) os “enfeites” da história feitos por
muitos outros autores.
k) drama pelo conteúdo e tragédia pela
forma em verso.
l) é preciso entendê-la.

11. O autor classifica a sua obra como
12. A obra “O Cativo de Fez” de Silva
Abranches
13. Para o autor de Frei Luís de Sousa,

1

2

3

4

5

6

c) os três atos correspondem a espaços
diferentes.
d) o visionamento de uma peça de teatro
na Póvoa do Varzim.
e) é preciso que ela esteja traduzida.
f) o escritor deve preocupar-se com a
democratização.
g) serve de introdução à obra Frei Luís de
Sousa e explicita a sua génese.
h) tragédia quanto ao conteúdo e drama
quanto à forma.
i) o rigor histórico, mas sim literário.

m) não apresenta a violência da tragédia
clássica.
n) é a expressão literária mais verdadeira
da sociedade.
o) é uma das fontes consultadas por
Garrett.
7

8

9

10

11

12

13