P. 1
GamesHistória e Huizinga

GamesHistória e Huizinga

|Views: 3,690|Likes:
Published by intinicolai

More info:

Published by: intinicolai on Apr 26, 2010
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

07/05/2013

pdf

text

original

A Ludologia é proposta por Frasca (1999) em seu artigo Ludology meets

Narratology, no qual defende o entendimento da estrutura de escolhas dentro do

roteiro de jogo como um sistema de Ludus, sendo assim uma referência clara as

idéias de Caillois numa primeira apreensão. O sistema de jogo é entendido como o

determinante principal de sua natureza, sendo desconsiderado neste caso a

narrativa que possa constituir o jogo.

126

A narrativa constitui para Ludologia uma forma de “vestido” do sistema de

jogo. É a forma de interpretação dos ludólogos, como Koster (2003) e Eskelinen

(2004). “I think we can safely say we can’t find narrative situation within games.”50

(ESKELINEN, 2004, p.37) Eskelinen também afirma que o jogo digital não possui

narrativa, porém, o autor apresenta como um exemplo de exceção, o jogo Myst.

Durante a leitura dos artigos que compõem as bases da Ludologia pode-se

perceber que ocorre o uso recorrente de alguns títulos de jogos digitais que estão

ligados ao sucesso momentâneo do jogo, de forma comercial ou midiática. Esta

análise questiona o entendimento da aplicação de uma teoria Ludológica sobre o

jogo digital, como questionar uma tipologia, ou uma categoria inteira sem o

conhecimento da variação de títulos narrativos ou não?

Eskelinen aponta alguns conceitos chaves para entender o estudo de jogos

digitais como as “Situações de Jogo” e o “Tempo”. A situação de jogo consiste nos

eventos que o jogador deve operar para progredir em seu objetivo. O jogo é

entendido então como uma ação de manipulação. O jogador deve configurar e

operar situações que vão fazê-lo avançar nesse sistema formado pela combinação

de fins, significados, regras e equipamentos. Apesar da complexidade do sistema

como em qualquer sistema de jogo, a interação é a principal característica

ressaltada. A interação é como uma interferência em um dos fatores que compõem

o sistema, Eskelinen ressalta que apesar da apreciação artística apresentar um

sistema de configuração e interpretação da mesma forma que o jogo, a falta de

uma ação de re-configuração aplicada, uma interação direta no objeto como nos

jogos digitais, é o que caracteriza a diferença para o jogo digital.

O tempo nos jogos digitais compõe-se de diversos fatores para Eskelinen,

como ordem, velocidade, repetição, duração, simultaneidade e tempo da ação. O

sistema de tempo para Ludologia é apenas um, o movimento do começo até o

vencer, para que haja a existência de tempo em um jogo é necessário eventos e

um jogador. São estes eventos que vão possuir as características temporais

50

Tradução do autor para o trecho: “Eu penso que nós podemos dizer seguramente que não encontramos

narrativas nos jogos”.

127

citadas, a ordem dos eventos, a velocidade com que eles vão acontecer, sua

freqüência ou repetição, quanto tempo eles vão durar, se algum evento vai

acontecer ao mesmo tempo que outro, e o tempo que o jogador terá para reagir ao

evento proposto.

A proposta de conceitos chaves de Eskelinen para entender o jogo digital

dentro da Ludologia é parecida com a de outros ludólogos. As diferenças ocorrem

nas terminologias e na forma de raciocínio, não por serem reais divergências, mas

pela história pregressa de cada pesquisador. Se a apropriação de outras teorias no

objeto videogame motivou a criação de um campo de estudos que pudesse de

forma proprietária dar conta deste conhecimento, foi essa motivação que

congregou pesquisadores das mais diversas áreas, psicologia, sociologia, letras,

comunicação, informática e outras. Essa verdadeira multi-disciplinariedade é que

proporciona a difusão de um sentido como Ludologia e permite que a partir de

conceitos chaves básicos sejam remontadas teorias para dar conta do jogo digital.

No cerne da Ludologia encontramos o estudo do jogo e o entendimento do jogo

digital como um sistema de regras.

E importante perceber que a Ludologia, apesar da oposição à Narratologia,

vem se transformando ao longo dos anos, a ponto de estarem sendo utilizados

lado a lado abaixo do campo maior de gamestudies.

You're Reading a Free Preview

Download
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->