You are on page 1of 8

UNIDADE 1

A gestão empresarial hoje e a liderança como
diferencial competitivo
Objetivo de aprendizagem
Ao final desta primeira unidade você terá subsídios para: „

conhecer conceitos sobre gestão profissional.

Seções de estudo
Seção 1 Quais são os princípios básicos de uma gestão adequada?
Seção 2 A Globalização e a necessidade da Organização Sistêmica
Seção 3 O que é liderança?
Não deixe de ler também e refletir ao final desta unidade, os dois artigos de
Stephen Kanitz, um famoso colunista de inúmeros periódicos, inclusive da
revista Veja, que nos coloca definitivamente no papel de verdadeiros
gestores em épocas de Globalização.

Para início de estudo
A administração é antes de tudo uma ciência. Porém, como todas as
ciências humanas e sociais, nem sempre tem respostas, resultados iguais.
Apesar da complexidade que a interação humana traz consigo, muitos
avanços foram feitos no sentido de compreender o porquê de algumas
empresas darem certo e outras não. Nesse sentido, existem avanços
científicos quanto ao que torna uma empresa sólida e competitiva.
Esta contextualização é fundamental para o melhor aproveitamento da
disciplina. Portanto, lhe ajudará a compreender o porquê dos líderes e das
equipes serem tão importantes (ferramentas estratégicas fundamentais)
para o sucesso da Gestão de qualquer organização.
Claro que, como pano de fundo, você conhecerá a dinâmica do mercado que
a globalização colocou nos negócios; dinâmica esta que acabou por
valorizar e enfocar cada vez mais a razão de existir de qualquer
organização: o cliente.
E, assim, você aprende também a conceituar e compreender no que se
constitui uma liderança dentro deste mercado em que vivemos.
Nesta unidade, você revisará alguns conceitos e posturas que uma
organização precisa apresentar para adquirir essa competitividade, que

nos mostram essa verdade a todo momento. McDonalds. para todos seus integrantes a missão. c) Valores: Toda empresa deve ter princípios e fazer com que seus funcionários os compreendam e os sigam.. que constituem a temática desta disciplina.. em especial as de varejo e serviços. com a grande oferta de serviços e produtos. A visão da nossa universidade: ser uma universidade de referência. entre tantos outros. enfim. Assim. SEÇÃO 1 . com certeza você já constatou que o diferencial competitivo das organizações.  ética. a recapitulação inicia por reforçar que toda empresa precisa ter claro. Reveja rapidamente o que significa cada denominação: a) Missão: Razão de Existir Exemplo da missão da nossa universidade: Educação inovadora com qualidade em suas funções e serviços de ensino. A verdade é que. . Profissionalizar tem a ver com usar todas as ferramentas científicas que a Administração nos apresenta e utilizar competentemente todos os recursos estratégicos a que se tenha acesso para alcançar os objetivos organizacionais.inclui a liderança e a preocupação em formar e desenvolver equipes. tornamo-nos cada vez mais exigentes. valores e o seu planejamento. pesquisa e extensão. o que pretende ser e obter em um determinado período de tempo. Os inúmeros ‘cases’ de sucessos organizacionais: Magazine Luiza.  inovação. visão. nós. para formar o cidadão e contribuir com o desenvolvimento regional sustentável. o consumidor. pois estas idéias vão nortear o comportamento de todos os seus profissionais. b) Visão: Para onde a empresa vai. o cliente. Nesta realidade extremamente competitiva que a globalização nos coloca. ƒ  pluralismo de idéias. Pão de Açúcar. reconhecida pela qualidade de suas ações e resultados.Quais são os princípios básicos de uma gestão adequada? Você já estudou o que é uma organização e o que a constitui. Exemplo dos valores também da nossa universidade: ƒ  satisfação do cliente interno e externo. A seção seguinte levará você a recapitular os princípios e conceitos básicos da gestão profissional. 3M. não é mesmo? Neste caminho de estudo e na própria prática profissional. a única saída é profissionalizar cada vez mais a gestão das empresas. está nas pessoas que constituem as organizações.

„ Pessoas. a sua missão. é a base. a etapa básica inicial de criação de qualquer empresa. Hoje. „ Processos. definir o que fazer e como fazer para alcançar suas metas. „ Estratégias e planos. a empresa precisa reunir todas as informações que tem no seu planejamento estratégico. não tiver formalizado claramente. Quais são os indicadores a serem avaliados? No que se refere aos programas de Qualidade Total (como o Programa 5S. visão e valores. „ Informação e conhecimento. por menor que seja. do gestor. a ação e a iniciativa de alguém: do líder. então. Outro princípio que é fundamental para gestão profissional são os indicadores de desempenho. para que uma empresa sobreviva. pois este é o início de qualquer articulação dos integrantes rumo ao mesmo objetivo. „ Sociedade.  compromisso com o desenvolvimento regional. „ Resultados. inicialmente. semanal ou mensalmente de acordo com a empresa). „ Clientes. Esta. é preciso passar pela formação de líderes e de equipes unidas e integradas. Observe como os conceitos de Liderança e Gerenciamento aparecem naturalmente na Introdução sobre Gestão. estes indicadores de desempenho precisam ser analisados para verificar-se se estão de acordo com as metas e objetivos do Planejamento. visão e valores não se pode afirmar que tem uma gestão profissional. é importante você saber que programas de Qualidade apresentam uma verificação inicial de 8 critérios básicos para um sistema de gestão profissional:         Liderança. sempre de acordo com sua missão. Então. você pode afirmar que líder é quem inicia este processo de acompanhamento e análise contínua dos indicadores (gerenciamento) da realidade organizacional. e quem constrói a realidade organizacional são os integrantes da equipe que . que é o que uma organização representa. ƒ respeito ao indivíduo e ao meio. ISO 9000). é preciso que se tomem ações corretivas. Constantemente (diária. Caso estes indicadores não estejam sinalizando o alcance das metas organizacionais. ou seja. Se uma organização. Começa aqui o papel. Depois de já ter formalizado isso.

e como a melhoria é buscada por todos.A globalização e a necessidade da organização sistêmica Em plena era da Globalização. o ciclo se torna vicioso. é preciso. se um país enfrenta dificuldades econômicas. “Vivemos em uma época de intensa competitividade”. Toda esta realidade da globalização resultou em aumento da qualidade e da produtividade nas organizações. deixará de comprar e consumir do outro país). Por isso. Esta realidade obriga as empresas a ofertarem. tanto nas indústrias como nas de prestação de serviços.. continuamente. com uma oferta quase infinita de produção e serviços. Nessa seção você revisou sobre os princípios e conceitos básicos da gestão profissional. Toda esta realidade da globalização resultou em aumento da qualidade e da produtividade nas organizações. E por falar em globalização. devido à enorme oferta de produtos e serviços. SEÇÃO 2 . tornou-se uma questão de sobrevivência para as organizações devido a esta intensa concorrência que o mercado apresenta. A maioria dos nascidos antes da década de 80 lembra quando só havia uma ou duas marcas de leite. margarina. com a necessidade da melhoria contínua.. mais do que nunca. Já a próxima convida você a refletir sobre o que constitui uma organização competitiva. carro ou refrigerante. tanto nas indústrias como nas de prestação de serviços. Globalização é a abertura de mercado (hoje a competição é internacional). Provavelmente. o auge das revoluções tecnológicas (principalmente a disseminação da Internet) que levam à enorme interdependência dos mercados (enquanto um país cresce. irá escutar ainda mais. Hoje esta realidade é completamente diferente. provavelmente. Mas eis que surge outro questionamento: Qual é o fator que nos leva a escolher um produto ou serviço diante de tantos similares? O que compõe diferencial competitivo? . inovações para se tornarem competitivas.constituem a empresa e que irão efetivamente colocá-la (ou não) no mercado competitivo. a mudança organizacional como uma constante. o outro perde mercado e. profissionalizar a Gestão. esta é uma frase que você já escutou muito e. vale também aqui recapitular este conceito. porque a competitividade consiste em ser melhor.

Esta oferta constante de “diferenciais competitivos” é a “melhoria contínua”. estão no Capital Intelectual das empresas. os grupos e as equipes estiverem abertos ao novo. à “aprendizagem contínua”. com esta última observação.O diferencial competitivo está efetivamente na forma como as pessoas estão dispostas. Isso é o que se chama de administração ou visão sistêmica. É ele quem inicia este processo de acompanhamento . O Capital Intelectual se reflete em termos de resultados organizacionais mas. atendimento. Nesta época de globalização em que vivemos. isto é. inseridas nas organizações. A forma de gerir e administrar uma empresa evoluiu de acordo com as necessidades do momento histórico que o mercado viveu. entre outras. veja que cabe a alguém cabe iniciar o processo de interação de todas as partes que compõem a organização. claro. troca e dinamismo. E esse alguém é o líder. conforme você pode observar na figura a seguir. precisamos de integração. A evolução só acontecerá se as pessoas que integram as organizações. segurança. qualidade. Bom. A forma como as pessoas estão dispostas e organizadas nas empresas precisa ser mais acessível (horizontalizada) do que hierárquica (verticalizada). a “mudança” tão necessária à sobrevivência das organizações. isso se refere a possuir vantagens como: custo.

gerente. Mas você pode agora se perguntar: Por que estes nomes são lembrados por tanto tempo? A resposta é simples. crises. SEÇÃO 3 . empresas. assim como. você pode questionar: por que o tema liderança tem sido alvo de discussão e pesquisa há tanto tempo? Na vida das pessoas e dos grupos nos quais estamos inseridos (famílias. encontrará alguns diretores e gerentes sem habilidade de liderança. Com a afirmação citada anteriormente. pessoas que exerceram grande influência na história da sociedade. na grande maioria das vezes. tenham a habilidade de liderança.. pois ela é uma habilidade e não uma função atribuída. Ainda. Gorbachov.. enfim. A liderança. o presidente Getúlio Vargas. os líderes servem como exemplo e como parâmetros de seus seguidores.e análise contínua dos indicadores (gerenciamento) da realidade organizacional. com opinião. e o líder atua exatamente neste sentido. Por isso que ninguém pode atribuir à outra pessoa a liderança. Líderes Provavelmente você tenha lembrado de nomes como: Jesus Cristo. necessidades de mudança que nos causam insegurança.O que é liderança? O início do estudo desta seção lhe propõe uma refl exão. as funções relacionadas ao poder. Ela tem a ver com inspiração. Obviamente. você pode encontrar líderes em todos os níveis e áreas da organização independente da função. E este é o tema da próxima seção. . Gandhi. dar a alguém um cargo de chefia não significa dar o cargo de líder. diretor.. Entretanto. seria ideal que um chefe. você pode concluir que. com fazer a história. nomes de líderes que marcaram a história da humanidade. Madre Tereza de Calcutá. infelizmente. por exemplo. Utilize o quadro para registrar suas anotações. Napoleão. Liderança tem a ver com força. John Keneddy.) existem dúvidas. surge em um contexto de dúvidas onde alguém aponta um caminho que as pessoas sintam que é o mais adequado e seguro. no sentido de . aqui no Brasil. Resgate em sua memória. posição e ação. enfi m.

(ibidem) „ “Líder é toda pessoa que graças a sua personalidade dirige um grupo de pessoas com a participação espontânea de seus membros”. 2002). p. (DRUCKER. servir de parâmetro. 2004. opinião ou movimento”. apontam-nos saídas inovadoras para a intensa competitividade de mercado. nobre como a de Gandhi ou equivocada como a de Hitler. „ “A liderança ocorre sempre que alguém procura influenciar o comportamento de um indivíduo ou de um grupo. Abílio Diniz e Luíza Trajano. A liderança é a principal responsável pelo futuro das empresas em função da enorme pressão que a concorrência. qualquer que seja a finalidade”. a liderança é apontada como uma força motriz essencial às organizações. (MAXIMIANO. 274). „ “Líder é uma pessoa que vai à frente para guiar ou mostrar o caminho. Enfim: “fazer acontecer”. p. às vezes. o que alguns teóricos traduzem como conceito de liderança: „       „ “Liderança é o uso da influência não coercitiva para dirigir as atividades dos membros de um grupo e levá-los à realização de seus próprios objetivos”. 1997). como se conceitua liderança? Acompanhe.auxiliar as pessoas a uma saída. sua moeda. p. ou precede ou dirige qualquer ação. (WEBSTERS) . (GOLEMAN. Note que ser líder é exatamente isto: influenciar. 2004. “O jogo está mudando muito rápido e o conhecimento das novas regras exige habilidades dos executivos e empresários”. e o poder. 5). trazida pela globalização. tem sido cada vez mais fundamental para o sucesso das empresas. mobilizar pessoas. 1986). 289). influenciar pessoas a pensar ou fazer algo. Na atualidade das empresas. líderes como Jack Welck. inflamam nossa paixão e inspiram o melhor dentro de nós”. O sucesso de uma organização pode ser atribuído ao ‘motor de liderança’ (TICHY. a presença dos líderes então. apresenta. enfrentamos um futuro incerto e instável mas não sem visão. Afinal. (BITTENCOURT. a seguir. o momento de mercado em que vivemos. de tal modo que é citada como principal alavanca para a vantagem competitiva. (HERSEY e BLANCHARD. A visão é a mercadoria dos líderes. “Líder é aquele que influencia para suas idéias e ações. 1998). o pensamento e as atitudes dos outros”. Segundo Warren Bennis. 2004. de ser um contínuo aprendiz. “Cada vez mais são valorizados aspectos como a flexibilidade e a capacidade de coordenar e atuar em equipe. „ “Os grandes líderes nos mobilizam. repleto de crises e mudanças. (LOBÃO. de ser visionário. Nesse sentido. E quando se fala no cenário atual das organizações. que pressupõe a liderança dinâmica em todos os níveis”.

fundador e co-presidente do conselho de administração da Natura É muito admirado. Para ele. pelo Pão de Açúcar. inclusive no trabalho. de manhã cedo. frases objetivas com diretrizes que ele quer que os funcionários assimilem. planejar os próximos dias e rezar um Pai-Nosso. temos descrição de alguns líderes oportunizando a você. Reúne. (DAVIS e NEWSTROM. „ “É o fator humano que ajuda um grupo identificar para onde ele está indo e assim motivar-se em direção aos objetivos. c) Jack Welch. quem chegava atrasado tinha o nome anotado na portaria. seu pessoal todas as segundas-feiras. falava que sua tarefa era escutar boas idéias e disseminá-las. Inclusive. a seguir. simplifique”. superintendente do Magazine Luíza Ela tem sido bem-sucedida usando métodos de motivação pouco ortodoxos. E no mundo dos esportistas? . No estacionamento da empresa. são uma das experiências mais enriquecedoras que temos”. nós acordamos cedo e damos duro para alcançá-lo” ou “corte. por exemplo. Para contribuir no seu aprendizado. como: “tem gente que sonha com o sucesso. as mais de 300. Procura cultivar isso na Natura. encontrará centenas de líderes fazendo história. a) Empresário Abílio Diniz. o nome do próprio Grove. concentre. um contato com a visão e a missão deles nas respectivas organizações. p. d) Luiz Seabra. não há vaga demarcada para ele. dono do grupo Pão de Açúcar Tem sua liderança calcada na comunicação direta. Costuma espalhar. ex-presidente executivo do Conselho de Administração da General Electric Enquanto estava à frente da GE. “os relacionamentos. Também não tem sala: trabalha em uma baia igual às dos outros funcionários. b) Andy Grove. Diz que. se observar em sua realidade. 1992. Você conheceu alguns conceitos e. para falar sobre negócios da semana anterior.000 mulheres que vendem os cosméticos da empresa. 150). e) Luiza Helena Trajano Inácio Rodrigues. o executivo mais celebrado do planeta. Nas Empresas. fundador da Intel Tem uma postura de se submeter às mesmas regras que impõe aos funcionários. Welch. A orquestra e todas as outras organizações requerem lideranças para desenvolver ao máximo seus preciosos ativos”. Durante muito tempo. especialmente pelas consultoras. a essência da liderança é a capacidade de liberar o poder cerebral de cada membro da equipe.