You are on page 1of 3

INICIANTES WIRELESS

802.11b IEEE 802.11b é um padrão de rede sem fio criado pelo Institute of Electrical and Electronics (IEEE - Instituto de Engenheiros Elétricos e Eletrônicos). Modo Ad Hoc O modo Ad-Hoc permite que dispositivos sem fio comuniquem-se diretamente uns com os outros, eliminando a necessidade de um Ponto de acesso ou qualquer conexão a uma rede conectada. O Modo Ad Hoc também é chamado de modo ponto-a-ponto (peer-to-peer) ou IBSS (independent Basic Service Set). Consulte MODO DE INFRAESTRUTURA. SSID SSID significa Service Set Identifier – simplesmente, é o nome da rede conectada ao Ponto de acesso. BSS ou Estação-base Quando um Ponto de acesso é conectado a uma rede conectada e a um conjunto de dispositivos sem fio, isso é intitulado de Basic Service Set (BSS - Estação-base). Uma Extended Service Set (ESS) é um conjunto de duas ou mais BSS que formam uma única sub-rede. Consulte ID de ESS. ID de ESS O ID de ESS (ID de Extended Service Set) é uma identificação atribuída ao Ponto de acesso ao qual a placa CompactFlash Wi-FI se conecta. Dispositivos sem fio conectando-se a um Ponto de acesso precisam usar o mesmo ID de ESS. O ID de ESS é constituído de até 32 caracteres e faz distinção entre maiúsculas e minúsculas. Consulte ID de BSS. DHCP (Protocolo de Configuração Dinâmica por Host) Protocolo de configuração dinâmica por host (DHCP) é um procedimento seguido por computadores em uma rede para indentificarem uns aos outros e certificarem-se de que a informação é transferida corretamente. Modo Infra-estrutura No modo infra-estrutura, a rede sem fio consiste de pelo menos um ponto de acesso conectado à infra-estrutura da rede conectada e um conjunto de estações finais sem fio. Consulte Modo Ad-Hoc. Endereço IP Computadores e outros dispositivos de rede em uma rede recebem um número de identificação usando o Protocolo de Internet (Endereço IP)). Endereço MAC

Endereço MAC (Media Access Control) é um endereço físico de hardware que identifica um Ponto de acesso, a placa Wi-Fi, ou qualquer outro dispositivo na rede. Criptografia WEP WEP (Wired Equivalent Privacy) é um protocolo de segurança para redes locais sem fio (WLANs) definido no padrão 802.11b. WEP foi concebido para proporcionar o mesmo nível de segurança que um LAN conectado. Limite de RTS (Pedido de Transmissão) O limite de pedido de transmissão (Limite de RTS) é uma consulta para permitir a transmissão de dados a um Ponto de acesso. A habilitação desta opção evita que dados de dois dispositivos sem fio cheguem no Ponto de acesso ao mesmo tempo (colidindo). Caso duas transmissões sem fio colidam no ponto de acesso, os dados de ambas as transmissões serão perdidos. Colisão de transmissão geralmente ocorre quando dois dispositivos sem fio estão dentro do alcance do mesmo Ponto de acesso, mas não dentro do alcance um do outro. Na verdade, eles estao ocultos um do outro. Quando o Limite de RTS é habilitado, o dispositivo sem fio envia uma mensagem de Pedido de Transmissão ao Ponto de acesso antes de transmitir os dados. O Ponto de acesso responde com uma mensagem Pronto para Enviar (CTS - clear to send) para o dispositivo sem fio, confirmando o período de tempo reservado para a transmissão. Ao mesmo tempo, o Ponto de acesso notifica todos os outros dispositivos sem fio em alcance para deferir a tansmissão. A definição padrão para o Limite de RTS é Desabilitado. Habilitar o Limite de RTS sobrecarrega a rede e afetará negativamente seu desempenho. Limite Frag. Fragmentação é usada para melhorar a eficiência na transmissão de grandes arquivos (pacotes) por uma rede sem fio. Quando Limite Frag. estiver Habilitado, arquivos de grande porte serão divididos antes de serem transmitidos e serão reunidos no Ponto de acesso. O valor de fragmentação pode ser definido de 256 a 1500.

Olá pessoal. Apredendo a Usar Equipamento, Problema para conectar!
Eu comprei uma antena gradeada da marca aquário que já veio com um cabo de 10m com plugs pigtail. Também adquirí um roteador sem fio da marca D-link wbr 1310, com 4 portas ethernet. Recebo o sinal de internet de uma lan house que fica a 50 metros de minha residência, e utilizo uma antena setorial USB também da marca

Aguário para receber este sinal. Porém não quero me conectar à internet por meio de cabo USB devido eu ter que ficar apenas em um lugar da casa. A antena gradeada já está instalada do lado de fora de minha residência então tirei a antena que veio no roteador e coloquei a ponta do cabo que vem da antena externa no lugar da antena que vem do roteador. Quero saber como faço para que a minha antena receba o sinal de internet do fornecedor e envie para o roteador por meio do cabo? e assim eu possa acessar internet? Eu iria anexar um croqui de como fiz no físico, mas não sei como fazêlo. Aguardo resposta Boas amigo! ja la vai um mes, da sua pergunta, ja esta desenrascado?? Como nao sei , vou tentar ajudar na mesma... Segundo o que entendi, esta a tentar captar sinal de uma Ponto de Acesso de uma LAN HOUSE, certo?e depois ter internet para ligar a esse router d link. Para Começar falta te um equipamento, ou seja teras de ter antena exterior ( ja tens), pigtail ( tambem ja tens), e falta um Acess Point que tenha funçao de Client , ou seja para receber o sinal ( em vez de imitir como Acess Point normal), nao sei exatamente qual o modelo d-link que tenha essa funçao mas existem varios, depois de ter esse equipamento em modo Client , e so ligar por cabo ao seu router na porta WAN , e configurar o routemento ao seu gosto!! Simples, e pratico. Qualquer duvida avisa