The New Socialism: Global Collectivist Society Is Coming Online O Novo socialismo: Coletivismo Global da Sociedade está se realizando

on-line By Kevin Kelly - Link (Original em Inglês) Bill dizendo Gates que já ridicularizou um alardio os que

defensores dos Softwares de código livre, fazem qualquer capitalista irá colocar de lado. Esses caras, ele diz, "novos tipos de moderninhos comunistas", dotados de força maléfica que aposta em inibir o monopólio do sonho americano. Gates estava errado: Os pregadores do código livre estão mais para libertários do que para Comunas. Mesmo havendo alguma verdade em sua alegação. O Frenético sistema de conectar todos a todos, o tempo todo, por todo o mundo, está sorrateiramente levantando uma versão revisitada do Socialismo. Aspectos comuns da cultura digital rapidamente se aprofundam. Wikipédia é apenas um exemplo notável destes coletivos emergentes - Não só Wikipédia mais "Wiki" como um todo. Ward Cunningham, em 1994 inventou a primeira pagina colaborativa assinala aproximadamente 150 recursos Wiki, cada um potencializando sites específicos. Wetpaint lançado três ano atrás, hospeda mais de um milhão de esforços comuns. Espalhar a adoção de sistema de Atribuição Share-friendly Creative Commons como alternativa de licença de Copyright e o aumento de compartilhamento de arquivos são dois passos a frente nesta mudança. Colaboração contaminante em sites como Digg, StumbleUpon, the Hype Machine, e Twine, somam muito peso para essa convulsão social. Quase todo dia um novo Startup anuncia um novo modo de direcionar ações comunitárias. Esses desenvolvedores sugerem um movimento constante a um socialismo sintonizado em uma perspectiva Web. Não estamos falando do Vovô Socialismo. De fato, existe uma longa lista de movimentos antigos que esse novo socialismo não é. Não se trata de um conflito de classes. Não é anti-americano; de fato, socialismo digital pode ser a nova invenção americana. Enquanto o Socialismo old-school era uma armadura do estado, o

dividimos Aplicativos. Esse sistema de operação política falhou. começou a delimitar o que ponderamos como. Scripts e API's. Ao invés de produção nacional. nos reunimos em Mundos Coletivos. Ao invés de nos reunirmos nas Fazendas Coletivas. Ele defende como "uma força de trabalho composta apenas por . É a descentralização ao extremo. De modo geral. No entanto. Ao invés de invisíveis representantes (Plitiburo). sites e aplicativos web geram Ação Coletiva quando eles atrelam conteúdo à audiência global. melhor que na do governo . Concebida para existir de forma autônoma e distante do núcleo. provocador. John Barlow. podemos nos redimir a Socialismo.Comunismo (Ponto COM-UNISMO). . Esse novo modelo de socialismo opera na esfera da cultura e da economia. não é tão irracional chamar de socialismo. O Tipo de Comunismo que Gates esperava aflorescer dos criadores do linux. atribuiremos aos desconhecidos honra-ao-mérito. Ao invés de racionamentos e subsídios do governo. Nos fins dos anos Noventa. Claro que o não é correto atribuir pesados títulos a um conglomerado de organizações. Essas considerações levantaram um tipo de coletivo. picaretas e pás. Ela carrega muita bagagem cultural. Quando uma massa de pessoas que conhecem seus meios de produção trabalha direcionada a uma meta comum. Reconheço que a palavra Socialismo leva ao leitor ao estranhamento. assim como os termos relacionados à Comum. recompensamo-nos com o Bem comum.por hora. comunitário e coletivo. e hippie envelhecido. e pesados processos industriais. Ao invés de dividir inchadas. ativista. comunicação centralizada. Eu utilizo Socialismo por ser etnologicamente a melhor palavra para indicar um leque de tecnologias relacionadas ao poder de intenção social. e ainda contribuem com este trabalho sem salários e colhendo os frutos de suas ações.Socialismo Digital é um socialismo sem estado. Então por não existir nenhuma resolução ainda. temos Fábricas Locais conectadas com cooperadores virtuais. que reposicionou o caos do Livre Mercado visando o desenvolvimento em cinco anos. pelo simples fator de apresentar missões cumpridas. diferente das bandeiras vermelhas do socialismo. planejado por um Plitiburo. nasceu numa época de barreiras reforçadas. temos produção pontual. por uma ligeira economia global. Ao invés de Fábricas Estatais. o novo socialismo corre por uma internet sem barreiras. e tornouse mais simples.

ou economia de permutas onde não existe um único proprietário e onde arquiteturas tecnológicas definem o espaço político. o teórico Clay Shirky sugere uma nova hierarquia para a reorganização deste contexto social. é um espectro de atitudes. A cada passo. coordenação. É uma concepção limítrofe e um espaço adubado para inovação. Ainda há o Status Update (atualização de perfil). frações de . O Antigo Socialismo O Novo Socialismo Autoridade Centralizada nos Oficiais Políticos Poder distribuído por participantes Recursos limitados e disponibilizados peloIlimitado. o nível de complexidade aumenta. Here Comes Everybody (Ai vem Todos). Ele estava certo quanto à moeda virtual. Mas existe um recorte onde o termo socialismo não é adequado ao que estamos presenciando: Não se trata de uma ideologia. agrupamento. O numero de fotos particulares publicadas no Facebook ou Myspace é astronômico. e ferramentas que permitem a colaboração. Uma pesquisa em campo online revela uma ampla dimensão desse fenômeno. é seguro apostar que a maioria das fotos tiradas com câmeras digitais está online. localização em mapas. tecnologias. Rede de Nuvem Estado Trabalho forçado em Fábricas do Governo Trabalho voluntário em grupo na Wikipedia Propriedade do COMUM Compartilhamento e Creative Communs Informação controlada pelo Governo Informação em tempo Real via RSS e Twitter No livro lançado em 2008.agentes livres". colaborar e finalmente coletivismo. I – Dividindo / Compartilhando As massas online tem uma incrível vontade de compartilhar. Ela não demanda de uma fé rígida. Um descentralizado reconhecimento. Grupos de pessoas simplesmente começaram a compartilhar e progridem ao estado de cooperar. compartilhamento. De fato. adhocracy e hospedagem para outros novíssimos tipos de cooperação social.

A lista de organizações que permitem o compartilhamento é infinita: Yelp para recomendações. para Um de acordo com suas necessidades”. Não preciso mais tirar outra foto da torre Eiffel. Os contribuidores compromissados destes sites põem mais energia do que eles jamais poderão receber em troca. outros usuários utilizam do Tag ou bookmark alheio e assim por diante. que suas fotos são minhas fotos. LABELS (rótulos) e Keywords (Palavra-Chave). Adicione a isso 6 bilhões de vídeos disponíveis no Youtube a cada mês apenas nos EUA e milhões de histórias criadas por fãs depositadas nos sites de fanclube. Amadoramente. mas serve como fundamento para níveis mais autos de engajamento comum. Delicious para favoritos. (Divulgando. uma vez que é maior a sua quantidade de contribuição do que o que seu aproveitamento de conteúdo. se não diretamente.pensamentos publicados. produzem um resultado que emancipa o próprio grupo. os donos do Reddit são os mesmos da Wired. Rank e arquivar para uso próprio. usuários não só dividem 3 bilhões de Fotos no Flickr. Outros reposicionam suas fotos em SETS. Qualquer um pode usar uma foto. Conde Nast. em retorno.). II – Cooperação Quando pessoas trabalham juntas rumo a uma meta de larga escala. mas também TAGGED (etiquetaram) elas em categorias. Agregadores de conteúdo podem atingir poderes astronômicos. uma foto Tagged “etiquetada” de uma mesma cena por diferentes ângulos podem construir em um interessante resultado 3D deste local (Veja em Microsoft's Photosynth). deixando-os aplicar Taggs. Páginas como Digg e Reddit que permitem usuários votar em Weblinks e que sugerem as pautas e assuntos públicos assim como jornais ou televisão. Por exemplo. Dividir é um caminho ligeiro para o socialismo. Isso. Bookmark. assim como um comunista pode usar o carrinho de mão da comunidade. essa proporção exalta a promessa socialista: “partir de Um de acordo com suas habilidades. uma vez que a comunidade pode me fornecer uma melhor que do que a que eu posso fotografar. Primeiro a tecnologia subsidia os usuários diretamente. cria um valor adicional que só é possível observando o grupo como uma unidade. A popularidade da Licença Creative Commons significa simplesmente. e continuam contribuindo devido o poder cultural que esses . Loopt para localizações. Curiosamente. Muitos sites Agregadores utilizam do mesmo método de dinâmica social para triplicar seus benefícios.

garantindo os direitos e licenças destas gratuidades. Um entusiasta pode passar meses escrevendo um código para uma Sub-rotina. esses produtores ganham crédito. de alto valor de mercado. Basta observar os vários projetos de Open Source Softwares (Sistemas de código aberto / Livre) como o Apache Web Server. diversão. Não apenas o produto é gratuito. Agora. reputação. e a influência da comunidade como um coletivo vai muito alem da quantidade de contribuidores. estamos nos acostumando a utilizar os produtos gratuitos desses colaboradores. ferramentas utilizadas com sintonia fina geram produtos de alta-qualidade e contam com o trabalho de mil ou dez mil membros. No lugar do dinheiro. colaborando em escala. Coletivismo . incluindo Creative Commons (CC) e the GNU licenses. IV. Esse é o papel das instituições sociais – a soma alcança mais que as partes. A influência de um contribuidor expande-se alem do voto individual. Claro que não podemos chamar de socialismo a colaboração per se. mas as ferramentas para colaboração on-line sustentam um processo de produção que inibe investidores socialistas e mantém a propriedade nas mãos dos produtores e em alguns casos daqueles que a consomem. Neste cenário. quando o projeto final se fechará anos depois. status. sem serem pagos – e esses esforços não fazem nenhum sentido como vistos pelo capitalismo. Nestes empreendimentos. mas ele pode ser reproduzido e copiado como base para outros produtos. Acrescentando a dissonância econômica. III – Colaboração Colaboração organizada pode atingir resultados muito além de uma cooperação focada. alternativas são criadas para gerenciar propriedade intelectual. Em contraste com uma cooperação casual.instrumentos provocam. projetos complexos tem a tendência de trazer para os participantes benefícios indiretos. De fato. essa ardilosa força opera hoje em maior escala do que em qualquer época. desacoplado do governo e fincado na Global Matrix digital. uma vez que cada membro do grupo interage com apenas uma parte do produto final. a recompensa de trabalho está fora de escala mesmo pela perspectiva de um mercado livre – colaboradores fazem um imenso trabalho. O Socialismo tradicional focava essa dinâmica através do estado. satisfação e experiência.

Por outro lado. são responsáveis pela maioria da edição. definição de prioridades. ou OppenOffice percebe-se que esses esforços estão além do proposto para o Coletivo do que é visto de fora. e a falta de acertos não cria risco para a empresa como um todo. A história registra vários casos em pequena escala de Grupos “Coletivos” que tentaram esse sistema. o networking digital fornece a infra-estrutura necessária. Os resultados não são instigadores. O Centro para . Wikipédia.500. Wikipédia não é um exemplo de igualdade. não é literalmente não hierárquica. existe um broto em Rede organizada”. vamos dizer. são tomadas por todos os participantes. fundador do Mozilla Open Source Code Factory (Centro de desenvolvimento de Código Livre – Mozilla). Hoje. A organização por traz do MySQL. O Foco do Coletivismo. examinando o centro de governo de. observou. construir uma organização que adotava hierarquias e maximizava o coletivismo era quase impossível.Por cooperação pode-se escrever uma enciclopédia. Facebook ou Democracia – intencionadas em serem substrato para produção de bens e entrega de serviços – beneficiam-se por serem menos hierárquicos quanto possível. uma database de código aberto. o complexo inteiro sente. minimizando barreiras para entrada e distribuindo direitos e responsabilidades igualmente. mas ninguém será responsável caso não cheguem a um consenso comunitário. no entanto é projetar um sistema onde peers (Pontos / Acesso) assumem responsabilidade para processos. Um vasto grupo de colaboradores é organizado por um menor grupo de coordenadores. pondo de lado Jim Jones e a família Manson. foca-se nas necessidades instantâneas e outro em necessidades cinco anos à frente. porem é bem mais coletivista que a Enciclopédia Britânica. mas está a frente da Oracle. organizações construídas para criar produtos normalmente precisam de líderes e hierarquias organizadas em escalas de tempo: Em um nível. De fato. Plataformas como Internet. um pequeno grupo de editores. Enquanto milhões de escritores contribuem com a Wikipédia. Como Mitch Kapor. A NET permite empresas de produção-focada a funcionar coletivamente ainda mantendo a hierarquia reduzida. Alguns tipos de coletivos se beneficiam com um sistema hierárquico enquanto outros quebram por conta disso. “Dentro de cada Anarquia funcional. Do mesmo modo. Quando um importante papel é tomado. aproximadamente 1. No passado. e as difíceis decisões como. Isso não é necessariamente algo ruim. O mesmo para os coletivos que escrevem códigos operacionais. Linux.

o socialismo digital pode ser visto de um terceiro jeito que torna irrelevantes os antigos debates. ele pode ser viso como um sistema operacional cultural que eleva tanto o indivíduo quando o grupo como um todo. produção e liberdade”.a repercussão que encontramos no coração dos coletivos on-line é na verdade um sinal que Socialismo independente do estado pode ser funcional em larga escala. e socializado método de produção ao norte da Itália e sul da Espanha de cooperação industrial. ao menos. Sistemas híbridos que misturam mercado e não mercado. independentes do controle do estado. Muitas economias de mercado livre tem educação social. A maioria das pessoas no Oeste. no que diz respeito aos sistemas de propriedade”. selecionando os gerenciamentos e limitando a distribuição dos lucros. e vice versa. compreende intuitivamente o propósito da tecnologia comunitária como: maximizar o indivíduo como um autônomo e o poder de pessoas como grupo. ele diz que estes atrativos “podem melhorar a criatividade. foram enraizadas com a noção de que aumentar o poder de um indivíduo necessariamente diminui o poder do Estado. “Eu vejo uma emergência de produção social e produção “pontual” (Peer Production) como uma alternativa as práxis de Mercado Estatal e Mercado Fechado. instantâneo. Mesmo assim. Por décadas. na qual empregados são donos. Na prática. incluindo eu. e oblíquo sistema de contribuição que foi possível mudar o centro destas idéias em diversas novas Armaduras. A maioria mesmo não profundamente articulada. Melhor que ver o socialismo digital como parte de uma soma vazia da Troca entre mercado livre individual e da Autoridade centralizada. pesquisas estudaram o descentralizado. como a publicação de livros de referência e Softwares para empresas. . autor de The Wealth of Networks. Pelo contrário é um espaço de emancipação no qual público descentralizado pode resolver problemas e criar itens que nem o comunismo ou capitalismo ao extremo poderiam. Mas apenas com a chegada do baixo-custo. não se trata nem do básico comunismo de planejamento centralizado e nem do caos constante de um mercado livre. não são novidades. Essa outra noção é apresentada por Yochai Benkler. O novo sistema operacional. muitos políticos socializam alguns recursos e individualizam outros. e mesmo sociedades extremamente Socialistas permitem propriedade privada. que deve ter pensado mais que ninguém sobre políticas de rede.

utilizam.000 projetos. O número de pessoas que fazem as coisas gratuitamente. De fato. Frente a isto. YouTube tem aproximadamente 350 milhões de visitantes por mês. Nenhum partido político se organiza em salas de conferência – ao menos. Mas os Coders. as maiores conquistas são de Softwares de código aberto.O sonho é estender a escala deste terceiro modo de visão além de experimentos locais. Número próximo ao tamanho do time de trabalho da General Motors. Já registramos começos de revoluções com um número muito menor de participantes. Aproximadamente 10 milhões de usuários registrados contribuíram para a Wikipedia. Mais de 35 milhões de pessoas postaram e etiquetaram (Tagged) mas de 3 bilhões de fotos no Flickr.8 milhões de grupo focados nos mais diversos assuntos.000 ativos na atualização de conteúdo. no Google são mais 3. Até onde? Ohloh. Isso é um bando de gente trabalhando de graça. Esses números ainda passam longe da composição de uma Nação. Imagine se os funcionários da GM não mais recebessem para produzir carros! Por hora. O Yahoo hospeda 7. Hackers e programadores que estruturam essas ferramentas de compartilhamento não se veem como revolucionários. não nos EUA. the Pirate . foram empenhados no lançamento deste ano do Fedora Linux 9. e assim provam que determinação e a dinâmica de partilhar podem gerenciar um projeto na escala de um vilarejo descentralizado. uma companhia que observa a indústria do Open Source (Código Aberto). (Na Suécia. Eles talvez nem componham a somatória de um Mainstream (mas se youtube não é mainstream o que é?). Porem deixa claro que o numero da população nessas mídias digitais é significante. gerenciam alguns tantos contribuidores – aproximadamente um vilarejo. mesmo que não seja carga horária completa. se somadas todas as horas dedicadas individualmente. são 160. como o Apache. Um estudo estima que 60. ou passaram pela experiência dos benefícios do socialismo descentralizado já chegou a milhões e cresce. trabalham em projetos que precisam de decisão comum. poderia se esperar intensa postura política destas pessoas que estão construindo uma alternativa para o capitalismo e corporativismo.000 pessoas trabalhando em incríveis 275. o conglomerado total de participantes on-line em colaboração coletiva é amplamente maior. tem listas de no mínimo 250. e os maiores deles. participam de grupos coletivos. dividem-nas.9 milhões.000 anos de trabalho.

Mas a última eleição mostrou o poder de uma descentralizada ação em ambiente Web. esse mercado mais próximo a mercado livre. Quem acreditaria que pequenos fazendeiros poderiam garantir empréstimos de $100 provenientes de estranhos do outro lado do planeta – e depois poder quitá- . mais abertos ficamos para ver essas estruturas socialistas no governo. Claro. apenas um site de classificados.63% nas eleições de 2006. a resposta tem sido: Mais próximos do que pensamos. Uma pesquisa foi realizada com 2. a palavra “S” é utilizada como água pelos comentaristas de TV e em revistas nacionais como uma crescente na política dos EUA. O quanto mais nos benecifiamos destas colaborações. alcança bens sociais com uma eficiência que estrangula qualquer governo ou tradição corporativa. virou um tesouro nacional. Operando sem fundo estatal ou controles. cooperação. e desumanizador da Coréia do Norte acabou. conectando cidadãos à cidadãos. institucionalizar planos de saúde. Quão próximo ao não capitalismo. fotos e atualização on-line. colaboração e coletivismo. formado com uma plataforma de compartilhamento de arquivos.784 desenvolvedores de “código aberto” para compreender suas motivações. Certo? Mas o Site amplificou a plataforma de acesso da comunidade para alcançar audiência regional. é notório que política não é prático o suficiente. pode não ser politicamente imune ao aumento dessa onda de Compartilhamento. o futuro é algo hibrido que pega dicas da Wikipédia e do Socialismo Moderado da esquerda Suécia. mas ao mesmo tempo mostra que não existe disputa e que o modelo de compartilhamento pode ser uma alternativa viável tanto para Corporações em busca de Lucro quanto para instituições mantidas pelo arrecadamento de impostos. código aberto. Um Acadêmico escreveu deste modo (parafraseando): A maior razão para trabalhar com essas coisas grátis é melhorar o meu próprio Software. O Sistema coercivo. subestima o sistema operacional dos Jornais.Party. Pegando o site Craigslist como exemplo. Conseguiram a ínfima marca de 0. incrementando ainda. Basicamente. com base colaborativa em seu núcleo. os líderes deste novo socialismo são extremamente pragmáticos. produção por PEER esse movimento social pode nos levar? Sempre que perguntam. É claro que a tendência de nacionalizar indústrias. Pela primeira vez em anos. e incentivo a criação de empregos não está diretamente relacionado ao Socialismo Tecnológico.) O Fato é. O Restante dos usuários. A resposta mais comum é “para Aprender e Desenvolver novas ferramentas”. e de repente.

e transparência provaram ser mais práticos do que o Capitalismo acharia possível. Agora tentamos a mesma alternativa com tecnologia de cooperação social. arquivos de vídeos. Mas o portal. e provou-se que esta ação coletiva poderia acabar com o receio de outros médicos e pacientes a fazerem o mesmo. e todo o resto (VIA WEB). Nós subestimamos o poder de nossas ferramentas para mudar nossas cabeças. A Cada tentativa. com pessoas que não são conhecidos e classe social é irrelevante – Por lógica. aplicando o socialismo digital à uma crescente lista de desejos – e ocasionalmente a certos problemas que o Mercado Livre não é capaz de resolver – para ver se funcionará. A cada vez que tentamos. o poder do compartilhamento. os pacientes que colocam seus próprios históricos. Todos os planos de saúde declararam que não haveria problemas em compartilhar fotos. descobrimos que o poder do novo socialismo é maior que imaginávamos. Muito do que se cresceu nas últimas décadas foi gerado pelo desencadeamento de estratégias de Mercado focadas em problemas sociais. o dia inteiro. eleições. novas agências. acaba tornando uma Política Socialista o passo mais próximo.los? Este é o serviço que Kiva disponibiliza com empréstimos peer-to-peer. Senior maverick Kevin Kelly (kk@kk. visando melhorias em seus tratamentos. abertura. E sua dinâmica está se sobressaindo dos elétrons para talvez. todos os dias.org) wrote about correspondences between the Internet and the human brain in issue 16. e em contradição aplicamos lógicas de mercado. aos poucos se torna a base de nossa referência cultural.07. a solução de mercado funcionou significativamente melhor. PatientsLikeMe. O Crescente habito de compartilhar o que se está pensando (Twitter). . A Força do socialismo on-line está crescendo. É impossível imaginar que a construção e habitação de vários mundos. preços livres. Todos os dias. porem jamais compartilhar registros médicos. Realizar isso em paralelo com a criação de enciclopédias colaborativas. Na maioria dos casos. Até então os resultados começam a sobressair. colaboração. suas finanças (Wesabe). o que se está lendo (StumpleUpon). Algo similar aconteceu com o Mercado Livre no século passado. e Software em grupos que aproximam continentes. não iria afetar nossa perspectiva. alguém pergunta: Como o mercado pode reagir? Pegamos uma longa lista de problemas que pareciam precisar de um planejamento de racionamento ou subsídios do governo.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful