You are on page 1of 1

REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA

SECRETARIA REGIONAL DE EDUCAÇÃO E CULTURA


ESCOLA BÁSICA E SECUNDÁRIA PROFESSOR DR. FRANCISCO DE FREITAS BRANCO, PORTO SANTO

GRUPO DE ARTES VISUAIS | 600

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO – 2010-2011 OFICINA DE ARTES – 12.º ANO


DOMÍNIOS REFERENCIAIS INSTRUMENTOS PONDERAÇÃO
- Poder de observação aliado à capacidade de
• Pesquisas e recolhas 20 %
interpretar e registar;
• Experimentações 30 %
- Desenvolvimento de competências de pesquisa,
• Projecto artístico 45 %
recolha e experimentação de materiais;
COGNITIVO /
- Capacidade de leitura e análise de imagens;
PSICOMOTOR • Registos de observação:
- Domínio dos meios de representação;
(SABERES / - Metodologia utilizada,
- Invenção criativa aplicada a trabalhos e projectos.
SABERES-FAZER) evolução do processo
- Interesse pelos fenómenos de índole artística;
95% criativo e resultados;
- Formulação de questões pertinentes;
- Intervenções orais
- Aquisição e compreensão de conhecimentos;
e/ou escritas;
- Capacidade de relacionar os conhecimentos
- Auto-avaliação.
adquiridos e de os utilizar em novas situações.

• Assiduidade 1%

• Pontualidade 1%
- Cumprimento do horário de entrada na sala de aula;
- Cumprimento de prazos.
ATITUDINAL • Registos de observação:
• Empenho 1,5 %
(SABERES-SER) - Valores e atitudes
- Empenho no trabalho realizado;
5% reveladas.
- Persistência na aprendizagem.

• Comportamento 1,5 %
- Envolvimento e capacidade de integração no
trabalho individualmente e em grupo;
- Atenção e concentração.