You are on page 1of 8

O silogismo

disjuntivo
Considerando o seguinte
silogismo:
Socrates ou esta vivo ou esta morto.

Socrates esta vivo.

Logo, socrates nao esta morto.



Observamos que o que acabamos de ler se trata de
um silogismo onde a premissa maior é uma
proposiçao disjuntiva.

E onde a disjunçao é indicada pela particula “ou” que
separa ambos os termos da alternativa, neste caso,
“estar vivo” e “estar morto”.

O silogismo disjuntivo explica-nos a importancia da
funçao que tem a premissa menor.

Que é afirmar um dos termos da premissa maior ( estar


vivo), por isso logicamente na conclusao ira negar o
outro termo da alternativa (estar morto).

Um silogismo disjuntivo, por norma, e aquele onde a
premissa maior establebe a alternativa por dois
termos, de modo a que a premissa menor afirme um
deles e a conclusao que nege o outro, ou vice-versa.

E ha duas formas fundamentais do dijuntivo:

modus ponendo-tollens (afirmando-
negando)

modus tollendo-ponens (negando-
afirmando)
O modus ponendo-
tollens
Se a premissa menor afirmar uma das alternativas a
conclusao vai negar a outra.

Exemplo:

* ou é rico ou é pobre.

*É rico.

* logo nao é pobre.


Modus tollendo-ponens

Neste caso se a premissa menor negar uma das
alternativas a conclusao ira afirmar a outra.

Exemplo:

* ou é rico ou pobre.

* Nao é pobre.

*logo é rico.