You are on page 1of 21

LINHA DO TEMPO DA

ADMINISTRAÇÃO
Frederick Wislow Taylor

“A eficiência
administrativa
aumenta com a
especialização
do trabalho”
Frederick Wislow Taylor (1856-1917)

 Foi o pai da gestão científica do trabalho e o


precursor do estudo do tempo e do movimento.
 A máxima de Taylor era de que só havia uma melhor
maneira de desempenhar uma tarefa, pelo que cabe
aos gestores fazerem a supervisão do trabalho,
recompensando ou punindo as pessoas de acordo
com o seu desempenho.

 Tarefa
Jules Henri Fayol

" Um líder que seja um


bom administrador,
mas tecnicamente
medíocre, é,
geralmente, muito
mais útil à empresa do
que se ele fosse um
técnico brilhante mas
um administrador
medíocre".
Jules Henri Fayol (1841-1925)
 Foi um dos primeiros a analisar a natureza da
atividade empresarial e a definir as principais
atividades do gestor: planejar; organizar;
comandar; coordenar; e controlar.
 Defendia que os mesmos princípios podiam ser
aplicados em empresas de dimensões
diferentes e de todo o tipo - industriais,
comerciais, governamentais, políticas ou
mesmo religiosas.
 Estrutura
Henry Ford

“Há dois tipo de


pessoas que não
interessam à
uma boa
Empresa:
As que não
fazem o que se
manda e as que
só fazem o que
se manda.”
Henry Ford (1863-1947)

 Foi o idealizador das modernas linhas de


montagem utilizadas na produção em massa e
se tornou uma das pessoas mais ricas de sua
época.
 Seu sistema de produção ficou conhecido como
"fordismo", isto é, a produção em massa de um
grande número de automóveis baratos utilizando
a linha de montagem, associada a elevados
salários de seus trabalhadores.
 Linha de Montagem
Max Weber

“O destino de nossos
tempos está
caracterizado pela
racionalização e
intelectualização e,
acima de tudo, pelo
desencantamento do
mundo.”
Max Weber (1864-1920)
 Falecido em 1920, este sociólogo alemão e
economista político começou a sua carreira
como advogado e tornou-se mais tarde
professor de Economia.
 Garantiu um lugar cativo na história da gestão
devido à sua teoria da burocracia, que assenta
nos princípios da hierarquia e da autoridade de
comando como a forma de organização
estrutural ideal para todas as empresas.
 Racionalização/Burocracia
George Elton Mayo
George Elton Mayo (1880-1949)

 É considerado o fundador do movimento das


relações humanas, que se opôs aos princípios
científicos do trabalho de Taylor. As suas
teorias foram baseadas nas experiências que
conduziu em Hawthorne entre 1927 e 1932
sobre os fatores que realmente motivam os
empregados.
 Relações Humanas
Douglas McGregor

A sua fama deve-


se em grande parte
a ter estabelecido
dois tipos de
relação entre os
gestores e os seus
trabalhadores.
Douglas McGregor
“A menos que o próprio emprego seja satisfatório,
a menos que sejam criadas oportunidades na
situação de trabalho, que permitam fazer dele
próprio uma diversão, jamais lograremos
conseguir que o pessoal dirija voluntariamente
seus esforços em prol dos objetivos
organizacionais. Na realidade, é o reverso que
acontece. O trabalho transforma-se numa
espécie de castigo ao qual os trabalhadores têm
que se submeter a fim de obter aquilo que
necessitam para a satisfação de suas
necessidades depois que deixam o serviço.”
Douglas McGregor (1906-1964)
 Partilhou as suas idéias sobre as necessidades do
indivíduo com Maslow .
 Tornou-se famoso pela sua teoria X (gestão
autoritária) - nega a existência de qualquer
potencial na força de trabalho e assume que as
pessoas são preguiçosas, imaturas e precisam ser
controladas
 e teoria Y (gestão participativa) - desafia as
empresas a inovar na gestão dos recursos
humanos e preconiza que as pessoas têm uma
necessidade psicológica de trabalhar.
Abraham Harold Maslow

“Podemos escolher
recuar em direção à
segurança ou
avançar em direção
ao crescimento. A
opção pelo
crescimento tem que
ser feita repetidas
vezes. E o medo tem
que ser superado a
cada momento.”
Abraham Harold Maslow (1908-1970)

 Destacado psicólogo e estudioso do


comportamento humano.
 Inventou o conceito de pirâmide das
necessidades, segundo o qual, uma vez
satisfeitas as necessidades fisiológicas básicas -
da alimentação ao desejo de um ambiente seguro
e estruturado -, as necessidades mais elevadas
de auto-estima e realização pessoal podem ser
preenchidas.
Peter Drucker

“O conhecimento
era um bem
privado,
associado ao
verbo SABER.
Agora, é um bem
público ligado ao
verbo FAZER.”
Peter Drucker (1909 – 2005)

 Está por trás das principais teorias de


gestão dos últimos 50 anos tais como:
 gestão por objetivos;
 privatização;
 cliente em primeiro lugar;
 papel do líder;
 descentralização;
 e era da informação.
Idalberto Chiavenato (1936)
"A Administração está em
todos os lugares e em todos
os cantos do planeta. Sem ela
as organizações em geral e as
empresas e empreendimentos
em particular não alcançariam
suficiente competitividade e
sustentabilidade no dinâmico,
competitivo e complexo mundo
dos negócios de hoje"
Idalberto Chiavenato
 Presidente do Instituto Chiavenato e
conselheiro do CRA/SP, Idalberto Chiavenato é
reconhecido e prestigiado pela excelência de
seus trabalhos em Administração e em
Recursos Humanos, não só pela sua produção
e contribuição literária, mas principalmente
pela influência na definição e aplicação de
modernos e inovadores conceitos
administrativos aplicados às organizações
bem-sucedidas.
Créditos
 http://www.chiavenato.com
 http://www.historiadaadministracao.com.br

Related Interests