Aluno: Ozeas Pereira Martins. Ciências Econômicas . Economia MONETÁRIA.

Enumere as principais medidas de políticas monetárias proposta por Friedman para as economias nacionais do século XX. Pra 10 de outubro. Gentil Corazza: TQM = Teoria quantitativa da moeda, a conservação do valor da moeda ao longo do tempo, através da TQM, preços podem ser alterados por variáveis reais, progresso tecnológico, mudanças na produtividade, quebra da safra e impostos. A demando por moeda para Friedman é:Md/P=f(y,r) Md/P= demanda por saldos monetários reais Y= renda real r= taxa de juros Para Friedman a demanda real por moeda é igual a renda real, e no máximo ligado estritamente em relação a renda e a taxa de juros reais. Os juros são a interação entre poupança e investimento P=I, ou seja, a demanda de moeda é ligada estritamente a taxa de juros, além de ativos financeiros e físicos. Friedman desvincula a armadilha pela liquidez equilibrando os gastos e consumo através da função poupança= investimento ligando-o a taxa de juros, conectando o lado real com o lado financeiro da economia, o excesso de moeda pode ir tanto para o mercado financeiro quanto para bens e serviços =>MV/PT. Políticas monetárias podem regularizar a inflação e despesas, mas são ineficaz para garantir pleno emprego de longo prazo. A taxa de desemprego decorre de fatores naturais e tecnológicos, a taxa de juros é monetária e não naturais e política monetárias podem agir na neutralidade de longo prazo da moeda. Friedman acredita que a crise de 1930 foi por uma redução na oferta de moeda, dever-se-ia regula a moeda e não a taxa de juros. O monetarismo afirma a exogeidade da moeda, a neutralidade e a contolabilidade da moeda. O monetarismo nega a moeda, e exogeneidade da moeda o Banco Central que a impõe. A neutralidade da moeda => a moeda não afeta a economia no longo prazo.

Friedman torna a TQM em.Aod Jr 1ª contribuição: Friedmam em The Quantily Theory of Money a restatement (1956). Friedman demonstra a demanda por moeda através da formula M=f(P. Para ele a política monetária só tem valor para taxa de desemprego e juros em períodos limitados. Em The demand for Money: some the oretical and empical results (1959). int 1/p dP/dt 1/ie Friedman circula a questão dos Bancos e produção de dinheiro. diz que o controle monetário antes de ser uma função em relação quantidade de moeda e sobre tudo em relação a velocidade de circulação da velocidade renda. Para ele a moeda é um bem que rende ao possuidor a mesma utilidade. . Friedman tira grandes conclusões sobre a teoria da moeda e paa o ciclo dos negócios e para conduta de politaicas monetárias. A demanda por moeda depende: a)riqueza total => restrição orçamentária b)o preço e o retorno da demanda por moeda c)o gasto dos possuidores de riquezas. in-1/in din/dt. no seu arcabouço teórico vai incorporar para tentar entender a TDM a curva de Phillips numa analise de quantidade de ativos e moeda. Maior quantidade de moeda (M) não afeta a taxa de juros (i). já que isso representa na ODM. observando o movimento do estoque de moeda e renda nominal e os ciclos.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful