ASEMBIS: uma solução para a saúde da Costa Rica

Matheus R. F. da Silva Na década de 90, assim como era comum em uma série de países da América Latina, a população da Costa Rica apresentava sérias dificuldades quando necessitava de serviços médicos. A rede pública estava sempre lotada, o tempo de espera por uma consulta podia demorar mais que um ano, a rede privada apresentava preços exorbitantes mesmo para a classe média, não havia trabalho de prevenção e 75% dos serviços médicos estavam concentrados na capital. Essa situação não era diferente para os serviços oftalmológicos, soma-se a isso o preconceito da população de baixa renda ao tratamento de problemas visuais, os altos preços dos óculos em um mercado dominado por três empresas focadas no mercado de classe alta, a deficiência do sistema universal da saúde costarriquense e o desconhecimento da população sobre os benefícios dos tratamentos médicos. Foi neste ambiente que Rebeca Villalobos aos 19 anos inicia sua vida profissional. Começa sua atuação como secretária de uma ONG que realizava exames optométricos e distribuía gratuitamente óculos para a população carente e afastada da Capital San José. Era a chamada Caravanas de Buena Voluntad . Foi através deste trabalho que Rebeca tomou conhecimento maior sobre o impacto que do problema. Muitas crianças tinham seu desempenho escolar afetado e muitos adultos tinham problemas para executar atividades profissionais devido a problemas visuais, que em alguns casos eram de solução simples. Rebeca se desenvolve na organização e em pouco tempo está em uma posição de liderança e com grandes planos para o tratamento dos problemas oftalmológicos. Entretanto, esta organização tem seu foco direcionado para outras atividades, mas Rebeca não.Em 1991, ela com mais alguns membros de sua equipe, fundam a ASEMBIS (Asociación de Servicios Médicos para el Bien Social). Empresa que tem como missão oferecer serviços médicos de alta qualidade, com alta tecnologia, com equipe qualificada a preços justos para toda a população costarriquenha. Para constituir a empresa foi necessário o empréstimo de alguns equipamentos médicos e principalmente, da ajuda de uma organização alemã com a qual Rebeca já havia trabalhado. Esta organização foi responsável por ceder os recursos para que a Asembis se estabelecesse, forneceu os recursos financeiros por três anos até que a Asembis se tornar auto-suficiente financeiramente. Após isso a empresa se desenvolveu e além da primeira clínica em San José, atualmente conta com mais 7 clínicas espalhadas pela Costa Rica e uma unidade de produção de óculos. Atualmente, a Asembis oferece serviços médicos que vão do exame de vista e venda de óculos a cirurgias complexas, além de oferecer outras especialidades como exames laboratoriais, serviços odontológicos e muitos outros serviços. Mas o mais importante é a acessibilidades destes serviços. Os preços ofertados pela Asembis chegam a ser 60% mais baixos que os preços oferecidos por outras clínicas, utilizando tecnologia de ponta e sem a demora no atendimento do serviço público. A Asembis oferece também subsídios que podem chegar a

recebeu diversos prêmios internacionais. . A Asembis reúne diversas práticas que levam ao sucesso muitos negócios sociais. impacto social consistente e tangível para a população. documentados e auditados por um funcionário encarregado exclusivamente destas atividades. comprometimento com a qualidade do serviço e comprometimento coma geração de receita.100% para as pessoas que não podem pagar pelo tratamento. trabalham na prevenção de diversas doenças. capacidade de expandir. os médicos conseguem um rendimento maior e dividem parte das atividades com a equipe. ajuda financeira noinício. como o conhecimento profundo do problema e da população foco. inovação em processo e canais de distribuição. por conseguir margem suficiente em outros tratamentos. Os lugares mais afastados contam com clínicas móveis que além de realizar diagnósticos e tratamentos. Através de um processo aprimorado. Desta forma garante uma capilaridade e aumento da conscientização da população. Até este momento. Os processos são cuidadosamente estabelecidos. A Asembis criou o programa Ventanitas de Luz que através de uma parceria com o governo. Para conseguir manter este preço e a qualidade a Asembis inovou no processo. constante expansão de sua rede de clínicas e diversas parcerias com empresas e governo para melhorar o nível de saúde da população da Costa Rica. para serem atendidos por especialistas posteriormente. a Asembis já ofereceu tratamento para mais que 65% da população da Costa Rica. nomeia e treina crianças entre 9 e 11 anos em determinadas escolas para realizar exames de diagnósticos em seus colegas e familiares. Para aumentar o volume e atingir mais pessoas a Asembis inova nos canais de distribuição e divulgação. mantém auto-suficiência financeira.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful