P. 1
Como os bebês realmente aprendem a falar

Como os bebês realmente aprendem a falar

|Views: 10|Likes:
Published by Paulo Vinício

More info:

Published by: Paulo Vinício on Jun 14, 2011
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOC, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

10/25/2013

pdf

text

original

Aprender Brincando é Possível: As coisas mais simples e sutis do nosso dia-a-dia, tem uma eficiência muito grande

no desenvolvimento das crianças. Com interesse, vamos descobrir que o aprender infantil depende muito da vontade do adulto, e pode mesmo nem precisar de métodos complicados e caros para isto.

Como os Bebês Realmente Aprendem a Falar:
Você certamente já ouviu que, quando estão aprendendo, crianças são como esponjas; Eles absorvem tudo. Mais ainda, aprendem através da imitação! Não há como ser de outra forma; só podemos aprender imitando! Nas primeiras seis semanas de um bebê, ela começará a reconhecer quem é sua mãe; será estimulada pelos sons mais altos e audíveis, e escutará as vozes das pessoas mais próximas. Durante os três primeiros meses de uma criança, ela aprenderá a sorrir; mostrará interesse pelas coisas à sua volta, se divertirá observando o rosto das pessoas, e começará a acompanhar o movimento de coisas ou pessoas com seus olhos. Assim não é surpresa, que os bebês aprendam os fundamentos da linguagem durante seus primeiros nove meses; mesmo que eles não falem palavra alguma. A Atividade a seguir, é um bom exemplo de como você pode ajudar seu bebê a desenvolver as bases elementares da linguagem.

Esconde-esconde na Banheira
Como vamos precisar de um personagem fictício para descrever nossa atividade, Este será uma menina que vai se chamar Vitória. Vitória está em sua banheira batendo na água com as duas mãos. Sua Mãe ou Pai, está sentado ao lado da banheira, cuidando de sua segurança. "Vitória, Vitória," se diz enquanto se pega uma toalha de banho. "Você está pronta para nossa brincadeira especial?" Vitória olha para cima e vê o sorriso estampado no rosto do adulto ali presente. Ela sorri para ele e dá uma gargalhada. Ele diz: "Vamos brincar de Cadê-você," e coloca a toalha na frente do seu rosto, de modo a escondê-lo dela. Vitória estende a mão e toca no alto da cabeça dele. O adulto diz, "Cadê-você, Vitória, não consigo ver você." Ele baixa um pouco a toalha de modo que seus olhos fiquem à vista. Vitória dá um grito de alegria. Ele cobre seus olhos outra vez e diz, "Cadê-você, Vitória... ainda não consigo ver você." O Adulto pega a toalha e leva na direção dela dizendo, "Agora é sua vez Vitória." Ela pega a toalha e coloca-a na frente do seu próprio rosto, imitando-o. O adulto então dirá: "Onde está Vitória?"

de modo que ela se familiarize com o mesmo e aprenda a reconhecê-lo quando alguém o pronunciar. Dabababa. Vitória está aprendendo sobre linguagem. e então encorajando ela quando diz. Vamos brincar com seu Patinho e sua esponja?" Como muitos bebês. da seguinte forma: • • • Ela sabe que é divertido brincar com outra pessoa. Ela balbucia para o adulto: "Dadadada. Repetindo várias vezes a brincadeira. "Acho que você está dizendo que está cansada de brincar de Escondeesconde. Ela levanta os olhos quando o adulto diz o seu nome.Vitória derruba a toalha na banheira deixando-se ver." Ele diz. "agora é a sua vez de jogar!" Respondendo aos seus balbucios como se soubesse o que ela está dizendo. Eis como o responsável pela criança. Autor: Site de Dicas . Dizendo seu nome várias vezes.Que pode ser A hora do banho. ajuda no desenvolvimento de sua linguagem: • • • • Falando com ela durante uma atividade diária . Ela sorri quando o adulto sorri para ela. e bate com as mãos agitando a água.

You're Reading a Free Preview

Download
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->