P. 1
Grelha de Objectivos Individuais

Grelha de Objectivos Individuais

4.5

|Views: 71|Likes:
Published by Ricardo

More info:

Published by: Ricardo on Sep 25, 2008
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

04/09/2014

pdf

text

original

ANEXO XXXI GRELHA DE OBJECTIVOS INDIVIDUAIS DO PROFESSOR

PROFESSOR___________________________________________________________________________ DEPARTAMENTO CURRICULAR________________________PERÍODO DE AVALIAÇÃO_____________ AVALIADOR____________________________________________________________________________ 1. Resultados escolares dos alunos Alcançar uma percentagem de 90% na taxa de sucesso no 10º ano de escolaridade. Manter o nível de desempenho dos alunos de 10º ano nas competências de análise e tratamento de fontes, localização no espaço e comunicação. Melhorar o nível de desempenho dos alunos do 10º ano nas competências de localização temporal e contextualização. Manter a percentagem de 100% na conclusão pelos alunos de 12º ano dos módulos na disciplina. Melhorar o nível de desempenho dos alunos de 12º ano nas competências de análise e tratamento de fontes históricas e compreensão histórica. Reduzir um valor, na diferença obtida no ano anterior, entre a média das classificações internas (CIF) e a média das classificações de exame da disciplina. 2. Abandono escolar Envolver-me na análise das situações, na detecção das causas do fenómeno, na escolha das estratégias adequadas, na planificação e na realização das acções e na avaliação dos resultados tendo em vista, nas turmas que lecciono e em colaboração com a respectiva equipa de professores, atingir as metas definidas pela escola para o abandono escolar e/ou para a saída antecipada dos alunos. 3. Apoio à aprendizagem dos alunos Colaborar com o conselho de turma na definição e implementação de estratégias de adequação curricular para alunos com dificuldades de aprendizagem permanente. Prestar apoio educativo a alunos fora da sala de aula, utilizando em particular o tempo para actividades de apoio educativo da componente lectiva ou da componente não lectiva de trabalho de estabelecimento. Prestar apoio a alunos, individualmente ou em grupo, em sala de aula, tendo em atenção os princípios da pedagogia diferenciada. Realizar as actividades que colectivamente forem definidas no âmbito de planos de recuperação, de acompanhamento ou de desenvolvimento de alunos.

4. Participação nas estruturas de orientação educativa e nos órgãos de gestão Participar nas reuniões do conselho de turma, dando um contributo para a planificação, a execução, o acompanhamento e avaliação do projecto curricular de turma Coordenar as actividades do departamento curricular de modo a dinamizar a cooperação e a partilha de experiências entre os professores com vista a melhorar a articulação do currículo Pautar a intervenção no conselho pedagógico pelo apoio à respectiva coordenação, pela colaboração na apresentação de propostas ligadas ao desenvolvimento das competências deste órgão, pela regulação e acompanhamento da aplicação das decisões tomadas e pela avaliação dos resultados. Intervir na assembleia de escola tendo em vista a prossecução das competências deste órgão, mas enfatizando sempre a importância da colaboração e da comunicação institucional como estratégia fundamental para a melhoria da escola

5. Relação com a comunidade Não pretendo ser avaliado pelos pais e encarregados de educação. Realizar as actividades definidas, no âmbito das relações entre a escola e a comunidade educativa, pelo projecto educativo, pelo plano anual ou pelo(s) projecto(s) curricular(e)s de turma, que sejam da minha responsabilidade Envolver a comunidade educativa na auto-avaliação da escola, segundo modalidades a definir Manter com os pais e encarregados de educação uma relação pautada pela cordialidade e respeito, respondendo a questões sobre os alunos sempre que for solicitado. Aproveitar saberes e recursos do meio para enriquecer o processo de ensino e aprendizagem

6. Formação contínua Realizar uma acção de formação apresentada por instituição pública ou privada sobre o conteúdo “neoliberalismo e globalização”. Realizar formação no âmbito das potencialidades de exploração, na aula de História, do documento iconográfico. Realizar a formação proposta no plano de formação da escola nas áreas da “disciplina e indisciplina na sala de aula” ou na “gestão diferenciada do currículo na sala de aula”. Realizar, para o período em avaliação, e considerando os objectivos anteriores, um total de x créditos. 7. Participação e dinamização de projectos e actividades curriculares e extracurriculares do plano anual, dos projectos curriculares de turma Coordenar as actividades da equipa de auto-avaliação da escola, recolhendo, tratando e divulgando a informação em tempo oportuno pelos órgãos de administração e gestão e pela comunidade educativa Na sequência dos resultados da auto-avaliação, colaborar com os órgãos de administração e gestão e com a comunidade educativa na concepção, dinamização e avaliação de um plano de melhoria da escola Colaborar na concepção, realização e avaliação dos projectos curriculares das turmas que lecciono, desenvolvendo em particular as acções e iniciativas que forem da minha responsabilidade Realizar, de forma geral, as actividades que forem da minha responsabilidade, previstas pelo plano anual e pelo(s) projecto(s) curricular(es) de turma 8. Participação e dinamização de projectos de investigação, desenvolvimento e inovação educativa Coordenar as actividades da equipa de auto-avaliação da escola, recolhendo, tratando e divulgando a informação em tempo oportuno pelos órgãos de administração e gestão e pela comunidade educativa

9. Cumprimento do serviço lectivo e não lectivo Atingir um nível de 95% no cumprimento do serviço lectivo distribuído. Disponibilizar-me, sempre que solicitado, para a realização de permutas com outro professor da turma ou com professor de disciplina que esteja habilitado para leccionar, no âmbito do meu departamento curricular. Cumprir integralmente o tempo de estabelecimento previsto para a coordenação do departamento curricular. Cumprir integralmente o tempo de estabelecimento previsto para a dinamização do projecto de autoavaliação de escola. Cumprir integralmente o tempo previsto para actividades de apoio educativo aos alunos. Cumprir integralmente o serviço que me for distribuído no âmbito da ocupação plena do tempo escolar dos alunos.

Concordo. DATA______/______/______ O AVALIADO, DATA______/______/______ O AVALIADOR,

You're Reading a Free Preview

Download
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->