TESTES DE AMOSTRAGEM: 1 - Q154524 ( FCC - 2011 - INFRAERO - Auditor / Auditoria / Amostragem Estatística; ) Em relação à utilização de amostragem na auditoria, é correto

afirmar:

a) A amostragem utilizada em auditoria é necessariamente probabilística, sob pena de ocorrerem riscos decorrentes da utilização do julgamento pessoal do auditor sobre os itens a serem selecionados. b) A estratificação é o processo de dividir uma população em subpopulações, cada qual contendo um grupo de unidades de amostragem com características heterogêneas. c) O tamanho da amostra a ser determinada pelo auditor deve considerar o risco de amostragem, bem como os erros toleráveis e os esperados. d) O erro tolerável é o erro mínimo na população que o auditor está disposto a aceitar e, ainda assim, concluir que o resultado da amostra atingiu o objetivo da auditoria. e) Quando o erro projetado for inferior ao erro tolerável, o auditor deve reconsiderar sua avaliação anterior do risco de amostragem e, se esse risco for inaceitável, considerar a possibilidade de ampliar o procedimento de auditoria ou executar procedimentos de auditoria alternativos.

2 - Q111232 ( FCC - 2011 - TRT - 23ª REGIÃO (MT) - Analista Judiciário - Contabilidade / Auditoria / Planejamento; ) Uma das variáveis básicas utilizadas em todas as fases do processo de planificação dos trabalhos de controle refere-se ao montante de recursos orçamentários ou financeiros alocados por uma gestão e que é objeto de exames de auditoria e fiscalização. Essa variável é denominada
    

a) economicidade. b) criticidade. c) materialidade. d) confiabilidade. e) tempestividade.

3 - Q89565 ( CESPE - 2011 - TRE-ES - Analista - Contabilidade - Específicos / Auditoria / Amostragem Estatística; )

TRE-BA . o auditor pode estipular intervalos uniformes entre os itens a serem selecionados como um método de seleção de amostras denominado      a) números aleatórios.2010 .Contabilidade / Auditoria / Procedimentos de Auditoria.Q67958 ( FCC .MS . é indicada para o exame de contas cujos valores individuais apresentam pequenas diferenças. 6 . julgue os itens a seguir. e) amostragem ao acaso.Analista em Planejamento. A amostragem estratificada.  ( ) Certo ( ) Errado .2010 .SEFAZ-SP . ) Acerca de objetivos. É recomendável o emprego da amostragem estatística quando os itens da população apresentarem características heterogêneas.Prova 2 / Auditoria / Amostragem Estatística.Com base nos conceitos e na legislação atinentes à auditoria. valores similares são distribuídos pelos diversos estratos. b) amostragem de atributos.Q65777 ( CESPE . ) Julgue os itens que se seguem. ) Para propiciar representatividade da população contábil aplicada nos testes de auditoria. procedimento adotado pela auditoria.  ( ) Certo ( ) Errado 5 .  ( ) Certo ( ) Errado 4 . d) amostragem por bloco. Uma das vantagens da amostragem aleatória simples é a sua aplicabilidade para variáveis que apresentam distribuição gaussiana.Analista Judiciário . Assim. para que cada grupo reflita as disparidades da população. c) amostragem sistêmica. relacionados com amostragem. técnicas e procedimentos de auditoria. Orçamento e Finanças Públicas . julgue os próximos itens.Q72815 ( CESPE .Contador / Auditoria / Amostragem Estatística.2010 .

e) a urgência na obtenção das informações necessárias aos controles for pequena.012 de 2005):      a) tamanho da população. c) o grau de dispersão dos eventos a serem controlados for muito elevado. erro tolerável e erro esperado (estatístico e não-estatístico). 8 .Auditor do Estado – Direito / Auditoria / Amostragem Estatística.Auditor / Auditoria / Auditor Interno. b) risco de amostragem.SECONT-ES . qual seja aquela que apresenta as mesmas características da população.2007 . é comum.Q61149 ( FCC . ) Nas atividades de auditoria governamental. c) tamanho da amostra. julgue os itens subsequentes. erro esperado e testes de observância. ao selecionar uma amostra. 9 . ) Acerca das etapas e características do trabalho de auditoria. uma das maiores preocupações do auditor reside na obtenção de uma amostra representativa.  ( ) Certo ( ) Errado . controle interno e estratificação. Assim. e) testes substantivos. NÃO se recomenda a utilização de amostragem quando      a) as características da população forem de fácil mensuração. na atividade de auditoria. deverá levar em consideração os seguintes itens (aspectos). estratificação e testes substantivos. b) a população for considerada muito grande.2008 . o uso de técnicas de amostragem estatística e não-estatística.Q47227 ( CESPE . O censo é o oposto da técnica de amostragem e deve ser utilizado sempre que houver necessidade de alta precisão dos dados.7 .2009 . Nesse diapasão.Contabilidade / Auditoria Governamental / Amostragem Estatística. d) há necessidade de baixa precisão nos dados a serem coletados.Analista Pericial . de acordo com o CFC (Resolução 1. erro tolerável e erro esperado. d) objetivos específicos da auditoria. ) Tendo em vista a exigüidade do tempo ou visando minimizar os custos.TCM-RJ .Q51699 ( FGV .MPU .

Fiscal da Receita Estadual . assinale a afirmativa incorreta. d) Pela amostragem não estatística. os itens da amostra são selecionados de modo que cada unidade de amostragem tenha uma probabilidade conhecida de ser selecionada. que pressupõem a disposição dos itens de uma população em subgrupos heterogêneos representativos da população global. b) O tamanho da amostra pode ser determinado mediante aplicação de fórmula com base em estatística ou por meio do exercício do julgamento profissional. aprovada pela Resolução CFC n. observando intervalo constante entre transações. ) Segundo a NBC TA 530 .10 . 820/97):      a) o auditor deve empregar métodos de amostragem estatística para seleção de itens por serem testados. b) a amostra de auditoria pode ser por seleção sistemática.Amostragem em Auditoria.  a) O nível de risco de amostragem que o auditor está disposto a aceitar não afeta o tamanho da amostra exigido.Prova 2 / Auditoria / Amostragem Estatística. b) amostragem sistemática.Q46638 ( FGV .º 1222/09. a critério do auditor.2010 . e) Quanto menor o risco que o auditor está disposto a aceitar. 12. baseado em sua experiência.SEAD-AP . d) a amostra de auditoria pode ser feita por seleção casual. . o julgamento é usado para selecionar os itens da amostra. c) a estratificação e o tamanho são alguns fatores que devem ser considerados para determinar a amostra. e) amostragem por julgamento. e) a amostra de auditoria selecionada deve ter uma relação direta com o volume de transações realizadas. d) amostragem aleatória. c) amostragem estratificada. maior deve ser o tamanho da amostra. c) Pela amostragem estatística. (AFTN/98) Os planos de amostragem probabilística. são do tipo:      a) amostragem por conglomerado.     11. (AFTN/98) Assinale a opção que não encontra amparo na NBC-T-11 – Normas de Auditoria Independente das Demonstrações Contábeis (Resolução CFC n.

estratificação.(AFCE/TCU/99) Entre os fatores a serem considerados pelo auditor na determinação da amostra. b) estratificação.13. o auditor pode empregar técnicas de amostragem.(AFRF/2000) A técnica de amostragem estatística em que se divide a população em subgrupos homogêneos. b) consistência. e) risco de amostragem. erro tolerável e estratificação da amostra. e) o mapeamento de processo. homogeneidade e estratificação da amostra. para fazer uma reengenharia nos procedimentos de controle interno de uma área. quando dirigido a cliente para trabalho especial. risco de amostragem e estratificação da amostra. . visando à preparação dos relatórios para auditoria.  c)amostragem estratificada. b) a técnica contábil.  d)amostragem por julgamento. tamanho. c) desvio padrão do universo das transações. NÃO se deve considerar seu ( sua ) :      a) tamanho. por exemplo. e) margem de erro. inconsistência e estratificação da amostra. b) variância do universo das transações. e) valor 15. visando. erro tolerável e erro esperado estão diretamente relacionados com:      a) um projeto de auditoria. (AUDITOR-PETROBRAS/2000) As considerações a respeito do conjunto de fatores: população-alvo. risco. c) população objeto. c) a determinação de uma amostra. d) regressão linear. além da população objeto da amostra. (CGM-RJ/99) O volume de testes a serem realizados com base no critério de SELEÇÃO DIRECIONADA pode basear-se em:      a) taxa de desvio padrão tolerável.  b)amostragem sistemática. 17.  e)amostragem não – probabilística. 16. erro esperado. 14.(AUDITOR– ECT/98) No método de seleção de itens a serem testados. c) risco de amostragem. diminuir o tamanho da amostra é denominada:  a)amostragem por conglomerado. risco de amostragem e tamanho da amostra. d) nível de risco de amostragem. Na determinação da amostra. d) risco de amostragem. estão:      a) erro eventual. d) os procedimentos de contabilização a serem observados.

risco de amostragem. a respeito de procedimentos de auditoria: Certo ou Errado ( ) ao determinar a extensão de um teste de auditoria ou método de seleção de itens a serem testados.(ESAF/FPS/2002) Na determinação da amostra. 19.(AFRF/2000) O termo estatístico que define o maior valor que um auditor poderia considerar irrelevante na auditoria de uma determinada rubrica contábil denomina-se:      a)Desvio – padrão. tamanho da amostra. e)Erro – padrão. b)Precisão.(ESAF/FPS/2002) Nas alternativas de escolha da amostra um dos tipos a ser considerado pelo auditor é a seleção:      a) direcionada e padronizada dos itens que compõem a amostra. para determinação da amostra a ser utilizada.18. e) dirigida em comum acordo entre a empresa auditada e o auditor. 21. o auditor pode empregar técnicas de amostragem. c) casual. a critério do auditor baseada em sua experiência profissional. o auditor deve levar em consideração os seguintes fatores: população objeto da amostra. d) casual. o auditor não deve levar em consideração o(a):  a) erro esperado  b) valor dos itens da amostra  c) tamanho da amostra  d) população objeto da amostra  e) estratificação da amostra 20. estratificação da amostra. c)Variância. . Na determinação da amostra. a critério da empresa auditada. erro tolerável e erro esperado. d)Intervalo de confiança.(UNB–ANALISTA–BACEN/2000) Julgue o item a seguir. b) dirigida e padronizada dos itens que comporão a base da amostra a ser utilizada.

.9J89.0289. 24897.  .

08.8 .89.094803.  574.7./08/.80:7   ..8/85.7.7/.E74 439.9303908..948 5.439.5708039./. ::0 489038.0/20394 .078480897.42-.:/947..:/.2 506:03.80348./4   " $!    %#  3.-/././0.8 /10703. .6:0.24897.7:547019./:.545:.:48 .4708 3/.4708 82.02 0897.:/947..4./. 5./4 50.8  882  .91.20 /0 ..8 .  F 3/.4  O  0794  77../49. 4 0.708 84 /897-:J/485048/.43.

.:/947.

7.2039403.8  O  0794  77.809074H30.07..702. !74.48 9F..9J89../4   "     $ $! 3. 545:.80574. ::04857O2489038  A 70.:/947.02 089.0/203948/0:/947.3/4 48 9038 /..3...8 !74.24897.4 .5708039.30. 6:.0 4 025704 /.907J89. .89.0/203948/0..20394  7.8 !-.3.4203/E..  .02!./04-09..

:/947..

320748..24897..4..02889H2./47./48 .8/03423.0289. .7705708039.424 :2 2F94/4 /0 8004/0. 4..7 3907.24897.02547-4.9.:/947 54/0 0895:./.24897.48 :3147208 03970 48 9038 .02..9J89.97-:948  .0.4.  / .24897.4  0 ./4 O O O O O .9O748  ./0/... 80702 800.:/947.545:.5.348908908/0.439E-..5745.7.84    " $!    $ 439.43.02/0./.24897.  !.24897.

:/947..

24897.5708039.3.:88.43./48.8 .0289.39./0 5.08 6:0 .5.-/.2/897-:4...42.038 /.24897.9O7..  ::04890386:08080:02 70..  O  0794  77.7E. /.9J89..0.02 . 82508 F .02  &2./4 . .7. .24897. 8:..

./0.!07.89. 439.  "    !& 3.-/.

2039.:/947..073.4.

.4 /0 .8./481472:9400.02 .8.0289.9.2:947.7./0/0-.3.8 .4147.03948./48. .48.8/.409.4397408147506:03.:/0/850784/480.570.3/0  .4  .24897..545:.2038:7.088/.831472.. 24897.073.    " '   % # :/947.43974.9J89.907J89..545:. 4.80702./4  / E30.   6:./48  0 ..:7H3./..  .438/07.088E7. .3/4 O O O O O  80 70.. :9.80702.2039. 47.0830.:/947.84348/./.4203/./08 /0 .4-9034/..414702/01E.

:/947..

 4-9034 /0 :2./4 7094.39.409089088:-89.480850.    " $!   $ % $ :/947/489.850..8 /0 .4 48 80:3908 9038 . 07749407E.24897.3/4232..00077408507.4034 089.  0880 /.9J89.7. 80.. .5..34/.4708 5704.42 4  #084:4 /0   O O O O O ../0/0 ../0/4902544:.2..8.02 0897..4 800.4/0....  4 :84 /0 9F..84  :2.:8948 F.89.7 02 .00077408507.9J89.4  / 4-09.08 /4 ./. 9.:/947.3.  6:.9. 0 34 089..8 2.39. .24897.48/.438/07. 705708039.J1.43974039073400897../40908908/04-807.48  .34/.48 077408507.545:.4  .2.:/947 708/0 3.42:2 3.0Q/.9J89.24897.3.02 089.948  /0 .24897.748.:/947.8 /.  /0.8 .:/947390734  %03/402.9.7 :2. .:5. 9.907J89./4  0 9089088:-89.47/4 .4 07749407E. 545:. ./4 089.91.9J89. 6:0 .8 2082..43. .91.4  882  . /.07E 0..5708039.78.6:0.24897.

:/947..

0 807 :9.../4 .:/947.3.  .0384 F 4 454894 /.80./.07 30.809.7....570.24897./4 802570 6:0 4:.088/./0/0.907J89.9J89.-.24897.84/48/. 9F.8/497.02 0 /0..5./48  O  0794  77.  ::04890388:-806:03908   . /0 .9.02 89.07.4/0.

..#0./.   " '    $ ! 8.. !74.89.09./:.

:/947..

0289.0202:/947.. ..574.50. 24897./.9J89.#084:43 .  $0:3/4.%  24897.

9J89.172.80 02089.43..09.7 2.34/.24897./.54/0807/090723.4/0.734..  O .47709.2./420/.390.34 /.4/4:.20394F:8.39420347478.43.:2.0234089.4/01O72:./0807800.9.24897.34/.4 9.  / !0.2..2039457418843.7489038/.  .  3J..5. 489038/.24897..080749..4:547204/4007.  0 ":././45..9J89./0..2..24897.0/4  .. !0.883. :3/.  O O O O    %.J../48/024/46:0. 9.. .   ..24897.-/.02089.7.24897.42-.574-.430./0/0.24897.47/0.:/947089E/854894.0/078. 4:.84800..24897./..:/947089E/854894.800.0..46:04.43.24897.09...02903.9J89.109.3.026:04.

 883.4546:03403.08439E-08 #084:43  .0.4397..743. 3/0503/0390/.8/0:/947.80243897.25. %  472.

2.:/947.0507H3./48 O .4049./4 028:. O 0 .3484./0..54/0807547800488902E9.947086:0/0.:/947.390 0397097./.72F94/48/0..8     %..5478004.38.43..24897.4:20/0 97.24897.438/07..5..7.8004/09038547 807029089..800.:381. ./485.02089..70..79F74/4.0897. /090723..80.8:. ../0.   O .4389././0.24897../0.7.002570.0870.0907:2.3/43907.08 O .24897.4.:/947/0.:/947. O / .424.:/947 -.91.38.4/709. 4-807.54/0807109. 4.24897...9J89.7.02807..

545:.545:. . 6:057088:502.  85.020897.0.24897./..20394   . O / .02547.24897.44-. . O 0 .434207.9O7./4 O .24897.02574-.4028:-7:54809074H3048705708039.-J89../85484/48 9038/0:2.0288902E9.48/.348/0. O .02547:.02...24897.24897.24897.9.  84/4954  O .91.

 &% # %.

24897.4/. 545:.79F./090723.   O .0.:/94754/0 02570..0897.3.8/0./48 4.2.4 O .7 O 0 2..44-094 O / 707088430.34 O .438/07..  80/0. 9. 42F94/4/08004/09038.91.807029089.7 80: 8:.24897.02 .702/00774      #.

0784/.0/078..4:20/0908908.0784/.24897.38.8070270.42-./0/08.  .897.08 O ./4:3.897..45./48.0 O . 9..47    &% # !%# #$.45. /08.08 O / 3J.80.02 O 0 ../74/4:3.73.79F74/0$@  # 54/0-.7 8002  O ./749407E..38.4/0.8034..

4/48 70.439740390734/0:2.94708 545:./090723.42  O .43:394/01.-.439E- O .34 78.03905.7..00077408507.. O / 48574.97./40894/709.0884 5..9F.40850.4 .07:2.9O7485.807024-807.7.7085094/4.348574.4/0:2. O .20390 70.4 9. 6:.7../48 ./48.:/947.4 0897.08.3..43.24897.4.. 8.20394/0574.-.439. O 0 42.    ...3/45705.0/203948/0 .7..8. .1..700303.4 07749407E.E70.:/947.3/4/7/4.438/07..2. :2574094/0.50.91.7.0/203948/0.

%&.

43889H3.02 07749407E.24897.24897./4 78.F2/. O 0 78.43889H3. .2.24897.000897.545:..24897. 077408507.4/0.0200897./090723. .4/.02 424030/..4/..4/0..4/.24897. 78.039:..0209.:/9473.24897.44-094/.4/0.24897.24897. 3970481..91..34/.02 3..4/./48504... O .00897.91.4/0.80702. 0894  O .24897.438/07..4/0.91. O .    #.91.24897.24897.24897. O / 78./000897.94708.4/. 07740.. 78..

./.026:080/.F/03423.020897.434207.24897. 9F.9J89.545:.   ./4 O ...34/. O .. O .02089.91./0.402 8:-7:548424H3048 . O / ./0.3.24897.24897..8.0234 574-..-J89.24897./. .24897..20394 O 0 .0288902E9.2.24897.02547..3/4 54700254 /23:749.24897.02547:.

 #.

46:0/013042.:/947.4 5.. 08.3903. O 0 774 5./.84 O .  90724089.7:-7.476:0:2.4/0..3. O / 3907.47../74 O .:/94754/07.... '.73.438/07./090723.9J89./0:2. 80  O ../74    $..7 7700.!70.431.439E-/03423.

!$.

4/. 077408507. O 0 0897./4 O .34/.702.91.24897. O .00.   $.24897. O / 545:.4 4 .24897.....47/489038/.:/94734/0.24897.4/.438/07..24897.... 9..  .  O ./090723.2.44-094/. 4.

!$.

.  O ./4890386:0./.:/9.807:9. /70.-...8004  O .24897./4 504.02.4/.0507H3././.80. 5.42:2.8/008.025708.:/947F. .8.7.9./.79F74/4.025708./.8:../090723.  O / .24897.../743.4.028:.../4890386:0.:/947-...42502. .  O 0 /7/.05.80/.47/403970..:/947    & $% ...9073././.807.807:9.  O ..24897.438/07./.05.:2/489548.  .425474.43.79F74/.24897.04./743.8:../7/./. .:/9.57418843.

.94708545:.000774 08507.44-094/.0207749407E.34/.02 .:/947/0..4/090723.80:7 . 4 .24897.0/203948/0 ..24897..:/947.79F. ::04902./4  ./4   .24897.3./090723.. 0897.8/0.4/.9.24897.07944:77.91.44880:39081.7085094/0574.80702 9089..4/..2.090384/0:290890/0.78.702./48 4.:/947.24897.00.7.4:2F94/4/08004/09038.:/94754/002570.24897.438/07.4/0.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful