D E S I G N E U S A B I L I DA D E N A W E B

P RO F. H U G O C R I S TO, M S C .

U N I V E R S I DA D E F E D E R A L D O E S P Í R I TO S A N TO D E PA RTA M E N TO D E D E S E N H O I N D U S T R I A L @ H U G O C R I S TO · W W W. N I C V I X . C O M

ANATÔMICO

FÍSICA

MECÂNICO FISIOLÓGICO

HARDWARE

PENSAMENTO

ATIVIDADE HUMANA

COGNITIVA

LINGUAGEM APRENDIZAGEM

SOFTWARE

ESTRUTURAS

ORGANIZACIONAL

POLÍTICAS PROCESSOS

GROUPWARE

FÍSICA

ATIVIDADE HUMANA

COGNITIVA

PRODUTO

ORGANIZACIONAL

FÍSICA

ATIVIDADE HUMANA

COGNITIVA

COMPUTADOR

ORGANIZACIONAL

FÍSICA

ATIVIDADE HUMANA

COGNITIVA

SPIMEWARE

ORGANIZACIONAL

[ G R E E N F I E L D ] E V E RY WA R E

[ STERLING ] SPIME

[ M E I R A ] S P I M E WA R E

spimeware 1. está na rede; 2. é wireless; 3. é múltiplo [pode haver uma infinidade de cópias] mas 4. é identificável de forma única e 5. obedece ao princípio SFO [search, find, obtain] mas 6. é imperceptível [a “olho nu”] porque 7. está embarcado, embutido em coisas e, também por causa disso, 8. tem interface “invisível”. ainda mais, spimeware 9. carrega seu próprio plano de construção, uso e reciclagem e 10. guarda ou deposita na rede seu rastro histórico. [adam greenfield + bruce sterling + silvio meira]

O objeto é a interface Reencontro da metáfora da atividade com a própria atividade. IHC, ICC, ICH... Interações de todas as naturezas terão desdobramentos cognitivos. O design é do serviço Foco nas interações que emergem do sistema e não nos seus componentes.

Da UX para UXI Não bastará projetar a partir da experiência. Sistemas desenvolverão uma inteligência sobre a experiência do usuário para operar. Mudança de escala A dimensão do contexto orienta a escala do projeto: o quarto, a casa, a rua, a vizinhança, o bairro, a cidade... e todas as suas transições.

OBRIGADO!

U N I V E R S I DA D E F E D E R A L D O E S P Í R I TO S A N TO D E PA RTA M E N TO D E D E S E N H O I N D U S T R I A L @ H U G O C R I S TO · W W W. N I C V I X . C O M

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful