Ilustre Visitante na EPAMIG SEDE!!!

COBRA-DE-DUAS-CABEÇAS Família: Amphisbaenidae Nome científico: Amphisbaenia alba

Características físicas: é um réptil escamado de corpo cilíndrico, robusto e uniforme, desprovido de patas e mãos. A cauda é forte e arredondada possuindo a mesma forma que a cabeça. O corpo é coberto de pequenas escamas com sulcos longitudinais e transversais; tem uma coloração que varia de branco e bege-escuro. Atinge 60 cm de comprimento e tem forte musculatura. Nomes populares: É conhecida popularmente como cobra-de-duas-cabeças, pois a calda arredondada é semelhante a cabeça e também como cobra-cega, devido a seus olhos bem pequenos ficarem cobertos por uma pele, pois é um animal fossorial, ou seja, que cava túneis em baixo da terra. Apesar de ser conhecida como cobra, a anfisbênia não é classificada nem como lagarto nem como serpente, ela é um réptil incluso em uma sub-ordem à parte, Amphisbaenia. Alimentação: pequenos invertebrados, incluindo artrópodes, larvas de cupins, lesmas e outros insetos. Comportamento social: Quando perturbada, adota postura defensiva, levantando do chão as extremidades de forma que a cauda e a cabeça se confundem. Apesar de ser agressiva e possuir uma forte mordida e dentes afiados, a anfisbena não é peçonhenta, ou seja, não possui veneno. Reprodução: ovípara. Em geral ocorre apenas uma postura por ano, com dois ou três ovos em média. Predadores: coral-verdadeira Habitat: cerrados e campos Morgana Flávia Rodrigues Rabelo – Bióloga/Bolsista FAPEMIG/EPAMIG

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful