You are on page 1of 4

Farmacologia Aplicada I

Aula 1
Profa. Adriana de Oliveira Christoff
tutoriafarmaciahospitalar@grupouninter.com.br tutoriafarmacologia@grupouninter.com.br

Organização da Disciplina
Disciplina de Farmacologia Princípios de Farmacologia Farmacocinética Farmacodinâmica Módulo: 6 aulas

Farmácia Hospitalar/ Farmacologia e Interações Medicamentosas

Princípios de Farmacologia

Farmacologia
Conceitos Drogas Medicamentos Fármacos

Farmacodinâmica Farmacocinética

Absorção
Efeito Farmacológico Local de ação

Definição: passagem de uma droga a partir do seu local de administração para o sangue Barreira comum: membrana plasmática

1

Mecanismos de Transporte por meio da Membrana Plasmática Vias de Administração Via oral 2 .

Droga ligada Complexo reversível..) (.Via pulmonar Via sublingual Vias parenterais Via retal Aplicação em superfícies Parenterais: pele.. (. Fração de reserva. mucosas e olhos Farmacocinética Biodisponibilidade Bioequivalência Tempo de meia-vida Distribuição Ligação a proteínas plasmáticas Corrente sanguínea Droga livre Ação e efeito farmacológicos representam 1% do fármaco. Exemplo: fármacos altamente lipossolúveis por IV rápida como o anestésico tiopental 3 .. Grau de ligação proteica das drogas Afinidade entre droga e proteína plasmática Concentração sanguínea da droga Concentração das proteínas plasmáticas Exemplo de competição entre drogas Redistribuição É a passagem da droga do seu local de ação para outros locais ou tecidos O término do efeito do fármaco costuma ocorrer por metabolismo e excreção. Proteínas: albumina (ácidas). e α1 glicoproteína ácida..) mas também pode resultar da redistribuição do fármaco.

1493-1541) 4 .Farmacocinética “Todas as substâncias são venenos.” (Paracelsus – Philippus Aureolus Theophrastus Bombastus von Hohenheim. não há nenhuma que não seja veneno. A dose correta diferencia um veneno de um remédio.