1.

Lê o texto:
“Carregamentos de laranjas são atirados não se sabe para onde. As pessoas vêm de longe para as apanhar. Mas para quê? Para que comprariam as laranjas a 20 cêntimos se apenas lhes bastava ir de carro, e sem nada pagar, apanhar toda a fruta que desejassem? Homens armados de mangueiras regam de petróleo os amontoados de laranjas(...). Queima-se o café nas caldeiras (…). queima-se o milho para quecimento. As batatas são lançadas ao rio(...). Os porcos são mortos e enterrados.” John Steinbeck, As vinhas da Ira

1.1. A partir do texto, caracteriza as consequências económicas da superprodução agrícola e industrial. 2. Lê atentamente:
“O meu pai acabou de dizer-me: Jack, tenho uma má noticia para te dar. Sabes que houve a crosh da bolsa? Explicou-me depois, escondendo a cara entre as mãos, que o mercado de acções se tinha afundado (…). tinha-se comprado três mil dólares de acções que não vale agora absolutamente nada. E há outra coisa: eu próprio fui duramente atingido. Estava a expandir-me, tinha começado a construir uma grande oficina, mais de cem mil dólares...que pedi a um banco. Desde o crash que não param de perseguir-me com exigências.” James Cain, Double Indemnity

2.1. A partir do texto, avalia as consequências do crash da Bolsa de Valores. 3. Lê com atenção:
“O fascismo nega que a maioria só pelo facto de ser a maioria, possa dirigr sociedades humanas: nega que essa maioria possa governar graças a consultas eleitorais periódicas. Afirma que a desigualdade é para o Homem inapagável, fecunda e benzazeja (…). O fascismo recusa, na democracia, a absurda mentira da igualdade politica (…). para o fascista tudo está no Estado, nada do que á humano ou espiritual existe fora do estado(...).” Mussolini, A doutrina do fascismo

3.1. A prtir do texto, descreve a forma de organização do Estado implantada pelo fascismo. 3.2. Descreve a tomada de poder pelo Partido Nazi. 4. Lê e reflecte:
“A nossa concepção racista não acredita de forma nenhuma na igualdade. Pelo contrário, reconhece que há diversidade nas raças e que o seu valor é mais ou menos elevado. Sente assim, a obrigação de favorecer a vitória do melhor e do mais forte, de exigir a subordinação dos piores e dos mais fracos. Afirma, além disso, não só a diferença de valor das raças, mas também a diversidade de valor dos individuos (…).” Hitler, Mein kampf

4.1. A partir do texto, reconhece o carácter totalitário da ditadura hitleriana. 5. Lê com atenção:
“Afirmamo-nos por um lado anticomunistas e por outro antidemocratas e antiliberais, autoritários e intervencionistas (...)”. Discurso de 30 de Julho de 1930

5.1. A partir da análise do texto, refere as caracteristicas do regime salazarista.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful