You are on page 1of 4

Olá pessoal! • Vamos aproveitar o tempo disponível e adiantar um assunto do 2º trimestre: o Iluminismo.

Leia com bastante atenção o resumo a seguir, assim como os exercícios. Para aprofundar, leia essa aula no seu livro e procure fazer o trabalho AVALIADO. • Grande abraço a todos e todas, bom estudo e até à volta!

Professora: Marcia Porto
O ILUMINISMO • Definição: movimento filosófico, intelectual e científico que contrariou as bases do Antigo Regime e representou a forma da burguesia interpretar o mundo. • Quando: século XVIII – Onde: França e Grã-Bretanha. • Características básicas: – Racionalismo e cientificismo; – Anti-absolutismo, anti-clericalismo e anti-mercantilismo; – Defesa das liberdades individuais e constitucionalidade. • Principais representantes: • John Locke (Inglaterra, 1632-1704): “Pai” do liberalismo político (precursor do Iluminismo). Direitos naturais e inalienáveis dos homens: vida, liberdade e propriedade. Os governos existem para preservar esses direitos. Defesa da Monarquia Parlamentar (Constitucional). O conhecimento vem da experiência. • Adam Smith (Escócia, 1723-1790):

1

– “Pai” do liberalismo econômico. – Não intervenção do Estado na economia. – Livre concorrência, lei da oferta e da procura, divisão do trabalho. – Riqueza = trabalho. • Barão de Montesquieu (França, 1689-1755): – Divisão de poderes: Executivo, Legislativo e Judiciário (inspiração em Locke) – Harmonia e autonomia entre os poderes. – Submissão de TODOS perante a lei. • Fisiocracia (França, século XVIII): – Versão francesa do liberalismo econômico. – Significado da palavra fisiocracia = “o poder vem da natureza”. – Riqueza = agricultura. – Teóricos destacados: QUESNAY, GOURNAY e MIRABEU – Lema: Laissez faire, laissez passer, le monde va de lui-même. (Deixai fazer, deixai passar, que o mundo anda por si mesmo). • Voltaire (França, 1694-1778): – Crítica ao clero, à intolerância e aos privilégios da nobreza. – Igualdade jurídica. – Liberdade de expressão. – Defesa da Monarquia ilustrada. • Jean-Jacques Rousseau (França, 1712-1778): – O mais importante e influente. – Soberania popular: poder = povo (democracia). – Teoria do bom selvagem. • Diderot e D’Alembert (França, século XVIII): – Enciclopedistas.

• Importância do movimento:
2

– Influenciou movimentos na Europa e fora dela que abalam o Antigo Regime nos séculos XVIII e XIX (Independência dos EUA e Revolução Francesa, por exemplo). – Base do pensamento contemporâneo em sociedades ocidentais (organização política, econômica e social).

D E S P O T I S M O E S C L A R E C I D O:
• Reis absolutistas que, influenciados pelas ideias iluministas, promovem reformas em seus países, porém, sem abdicar de seu imenso poder. Tentativa de evitar rebeliões internas. ESPANHA REI CARLOS III( ministro: Conde de aranha) Reduziu a tortura e a influência da Inquisição; expulsou os jesuítas. PORTUGAL REI JOSÉ I ( Marquês de Pombal) Combate a influência inglesa na economia de seu país, incrementa a produção industrial e combate a influência política da Igreja no seu país atacando e expulsando os jesuítas.

PRÚSSIA REI FREDERICO II
O “rei filósofo”, eliminou as torturas em seu país e criou o ensino obrigatório RÚSSIA RAINHA CATARINA II Criação do ensino leigo e de uma Universidade em Moscou

AUSTRIA REI JOSÉ II
Fim da servidão e liberdade de imprensa • Exercício 1: • Analise as afirmações abaixo sobre o Iluminismo e assinale a única alternativa incorreta. • a) Muitas das idéias propostas pelos filósofos iluministas são, hoje, elementos essenciais da identidade da sociedade ocidental. • b) O pensamento iluminista caracterizou-se pela ênfase conferida à razão, entendida como inerente à condição humana. • c) Diversos pensadores iluministas conferiram uma importância central à educação enquanto instrumento promotor da civilização. • d) A filosofia iluminista proclamou a liberdade como direito incontestável de todo ser humano. • e) O Iluminismo constituiu-se importante instrumento político das monarquias absolutas.

• Exercício 2:

3

• Responder à questão com base nas afirmativas sobre o Iluminismo, uma revolução intelectual que se efetivou na Europa, no século XVIII. • I. As idéias iluministas surgiram como resposta a problemas concretos enfrentados pela burguesia, como, por exemplo, a intervenção do Estado na economia, que impunha limites à expansão dos negócios empreendidos por essa camada social. • II. As bases do pensamento iluminista - o racionalismo, o liberalismo e o desenvolvimento do pensamento científico - foram estabelecidas a partir das idéias de pensadores do século XVII, como René Descartes, John Locke e Isaac Newton. • III. Os iluministas, em suas obras, criticavam os resquícios feudais, como a servidão, assim como o regime absolutista e o mercantilismo, que limitavam o direito à propriedade. • IV. A filosofia iluminista incentivava a influência da Igreja Católica sobre a sociedade, principalmente no âmbito da educação e da cultura, o que resultou no aumento do poder político da Igreja, pela emergência da teoria do direito divino. • Estão corretas apenas: • a) I e II. • b) I e IV. • c) III e IV. • d) I, II e III. • e) II, III e IV.

• Exercício 3:
• Igualdade social, liberdade de pensamento, ação e soberania popular são manifestações do Iluminismo, que basicamente se caracterizou como: • a) Um movimento de retorno aos valores místicos e transcendentes, anteriores ao Renascimento. • b) Uma substituição da religião, da tradição e da ordem absolutista, pelo pensamento racional em prol dos liberalismos político e econômico. • c) Uma utopia social fundada na ideologia cristã, base das correntes humanistas do Ocidente. • d) Uma reação contrária à sistematização do saber e à soberania popular. • e) Um movimento artístico com ênfase na expressão livre da vontade criadora dos artistas.

4