You are on page 1of 3
INEQUAÇÕES NO PLANO Retas na forma reduzida  y = ax + b Retas Verticais

INEQUAÇÕES NO PLANO

Retas na forma reduzida y = ax + b

Retas Verticais x = x o

Uma inequação na forma x x0 tem sua solução facilmente visualizada na reta real: basta destacar todos os pontos que estão à direita do ponto x x0 .

os pontos que estão à direita do ponto x  x 0 . Iremos estender esse

Iremos estender esse raciocínio visando a visualização da solução para a mesma inequação x x0 , agora no plano cartesiano. Se na reta real a relação x x0 representa um ponto, no plano cartesiano ela representa uma reta vertical, onde todos os pontos têm abscissa igual a x0 .

Dessa forma, a solução geométrica para a inequação x x0 é dada pelo conjunto de pontos do plano cujas abscissas são maiores do que x0 . Ou seja, todos os pontos situados à direita da reta vertical x x0 . O mesmo raciocínio pode ser aplicado para x x0 .

. O mesmo raciocínio pode ser aplicado para x  x 0 . Retas Horizontais 
. O mesmo raciocínio pode ser aplicado para x  x 0 . Retas Horizontais 

Retas Horizontais y = y o

As soluções de inequações na forma y y0 no plano são visualizados de modo análogo ao anterior, lembrando somente que y y0 é representada por uma reta horizontal, onde todos os pontos têm ordenada igual a y0 .

onde todos os pontos têm ordenada igual a y 0 . Mais uma vez, o raciocínio

Mais uma vez, o raciocínio anterior será utilizado. A relação y = ax + b representa no plano cartesiano uma reta de coeficiente angular a (crescente se a > 0 e decrescente se a < 0).

A solução geométrica para inequações na forma y ax b é dada pelo conjunto de pontos do plano cujas ordenadas são maiores do que ax b para uma mesma abscissa x. Ou seja, todos os pontos situados acima da reta y ax b , não dependendo se a reta é crescente ou decrescente. O mesmo raciocínio pode ser aplicado para y ax b .

raciocínio pode ser aplicado para y  ax  b . Circunferências  (x - a)²
raciocínio pode ser aplicado para y  ax  b . Circunferências  (x - a)²

Circunferências (x - a)² + (y - b)² = R²

2 representa no plano

uma o conjunto dos pontos que estão sobre circunferência de centro (a, b) e raio R. Essa relação pode ser obtida destacando um triângulo retângulo de catetos x - a e y - b e hipotenusa R.

A relação

x a

2

y b

2

R

Agora, considere um ponto P (x, y) externo à circunferência. Destacando um triângulo retângulo de

hipotenusa PC, tem-se que

. Logo, os pontos externos à

circunferência representam a solução para

2 . O mesmo raciocínio funciona

. Aqui,

PC R PC

2

R

2

x a

x a

2

y b

2

2

y b

PC

2

R

2

para pontos internos à circunferência, aí com PC R ,

representando a solução para

x a

2

y b

2

R

2

a solução para  x  a  2   y  b  2
a solução para  x  a  2   y  b  2

Prof. Marcelo Cóser Inequações no Plano

EXERCÍCIOS DE AULA 01) Calcule a área da região correspondente à solução   x

EXERCÍCIOS DE AULA

01) Calcule a área da região correspondente à solução

  x  2  do sistema .  y  4 x 
x
 2
do sistema
.

y
 4
x
   
2
2
x
2
y
   
4
4
y
4

Ou seja, procuramos os

pontos (x, y) que tenham abscissa entre -2 e 2 e ordenadas entre -4 e 4. Tais pontos formam um retângulo de base 4 e altura 8. Logo, de área

32.

um retângulo de base 4 e altura 8. Logo, de área 32. 02) Resolva graficamente o

02) Resolva graficamente o sistema

y

y

  x

x

1

.

Em primeiro lugar, pontilhamos os gráficos das retas y = x - 1 e y = -x, ignorando as desigualdades. Por fim, lembre que y < x - 1 equivale à região abaixo da reta, bem como y -x equivale à região acima da reta, incluindo a própria reta.

à região acima da reta, incluindo a própria reta. 03) Calcule a área da região correspondente

03) Calcule a área da região correspondente à solução

do sistema

y 2

y 4

x 0

y


x

.

Esboçando os gráficos e analisando as desigualdades, observa-se que a região resultante é um trapézio, que pode ser separado em um quadrado de área 4 e um triângulo de área 2. Logo, de área 6.

de área 4 e um triângulo de área 2. Logo, de área 6. 04) Calcule a

04) Calcule a área da região correspondente à solução

 

  x

2

4

do sistema

.

y 1

A primeira

inequação

corresponde

à

região

interna

a

uma

circunferência de raio 2

e

centro

(0,

0).

A

segunda,

à

todos

os

pontos

com

ordenada

maior ou igual a 1.

todos os pontos com ordenada maior ou igual a 1. A área em questão pode ser

A área em questão pode ser calculada subtraindo do setor circular correspondente um triângulo. Do triângulo retângulo abaixo, sabe-se que o ângulo destacado mede 60º. Logo, a área é dada por

A

 2 2 2  2  sen 120 4     3

2
2
2
2
sen
120
4
3
3
2
3
.
 2 2 2  2  sen 120 4     3 3

Prof. Marcelo Cóser Inequações no Plano

EXERCÍCIOS 01) Representar graficamente: a) c) x + y - 3 ≤ 0  x

EXERCÍCIOS

01) Representar graficamente:

a)

c)

x + y - 3 ≤ 0

x

x

 

y y

 

0 0

b)

d)

02) Representar graficamente:

a)

x² + y² - 6x 0

b)

08) (UFRGS) Assinale, entre os gráficos abaixo, o que pode representar o conjunto dos pontos P = (x; y) cujas coordenadas satisfazem as desigualdades

1 y  4x  x 2    1 0  0 .
1 y 
4x  x
2
  1 0 
0
.
x y
 
2 y
 x
0
y
0
x
 
y
2
0
x² x²
  y² y²
 
16 36

c)

y² y²

 

4x 4

0

03) (UFU-MG) Seja S a região limitada pelo quadrado abaixo. Determine o sistema de inequações que caracterizam a região.

o sistema de inequações que caracterizam a região. 04) Calcule a área da região dos pontos

04) Calcule a área da região dos pontos do plano cartesiano que satisfazem ao sistema ao lado.

x

y

y

y

0

2

4

x

05) (UFRN) Calcule a área da região S dos pontos

(x, y) do plano cartesiano tais que

1 1 x  y  2 e 2 .
1
1
x
y
2
e
2
.

Dica: Lembre que a

≤b⇔-b≤a≤b .

06) Calcular a área da região dos pontos (x, y) que satisfazem:

a)

y

x



y

x

16

b)

y

y

2

x

y

2

2

²

4

07) (UFRGS) Considere a região plana limitada pelos gráficos das inequações y ≤ -x - 1 e x² + y² ≤ 1, no sistema de coordenadas cartesianas. A área dessa região é:

a)

d)

4

2

1

1

2

b)

e)

4  

3

2

1

3

1

c)

2

1

09) (PUCRS) A área da região limitada pela curva de equação (x 1)² + (y 2)² = 4 com x ≥ 1 e y ≤ 2 é:

a)

4

b)

2

c)

d)

2

 

e)

4

GABARITO

 

01a

01a 01b

01b

01a 01b

01c

01c 01d

01d

01c 01d

02a

02a 02b

02b

02a 02b

02c

02c 03  y  y   x   x

03

y

y

x



x

y

y

 

x

2

x

2

             

04

6 05

1

06a

4

 

06b

 

2

07

 

A 08

A

09

C

   

Prof. Marcelo Cóser Inequações no Plano